Você está na página 1de 28

Mega Agrupamento da Península de Setúbal

Ficha de registo de avaliação

Nome do docente: _______________________________________________________________

NIF: ________________

Departamento: _____________________________

Grupo de recrutamento: _____________________

Período em observação: anos lectivos de 2007/2008 e 2008/2009

O Avaliador: ________________________
O Avaliado: _________________________

Data: ____/ _____ / ______

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 1


A Assiduidade e cumprimento do serviço distribuído
A.1 Serviço lectivo
Ano 1 (20__/20__) Ano 2 (20__/20__)
Serviço lectivo distribuído Serviço lectivo distribuído
Anos/Turmas/disciplinas: __________________________ Anos/Turmas/disciplinas: __________________________

Total de dias com componente lectiva (1+7)

Nº de faltas que penalizam (2 a 6 + 8 a 12)


_______________________________________________ _______________________________________________
Não equiparadas a prestação efectiva de serviço lectivo Não equiparadas a prestação efectiva de serviço lectivo
( penalizam) (penalizam)
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

Nº de faltas – Suspensão resultante do despacho

Nº de faltas – Suspensão resultante do despacho


Nº de faltas – Suspensão preventiva com pena
re pronúncia. Pena de inactividade/suspensão

re pronúncia. Pena de inactividade/suspensão

% Cumprimento
Nª de Faltas com perda de vencimento

Nª de Faltas com perda de vencimento


Nº de faltas – Situação de prisão
Nº Dias com componente lectiva
Nº de faltas – Suspensão preventiva com pena
Nº de faltas – Situação de prisão

Nº de faltas injustificadas

Nº de faltas injustificadas
efectiva
Nº Dias com componente lectiva

efectiva

Documento de recolha de evidências

P9
(mapa de faltas)

Cumprimento de 100% do serviço lectivo – Excelente


Cumprimento de 98 a 99,9% do serviço lectivo – Muito Bom
Classificação:_______ Cumprimento de 95 a 97,9% do serviço lectivo – Bom
Cumprimento de 90 a 94,9% do serviço lectivo – Regular
Cumprimento de menos de 90% do serviço lectivo – Insuficiente
•Α de acordo com o ponto 8 do artº 46 do ECD
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 2
A Assiduidade e cumprimento do serviço distribuído
A.2 Empenho para a realização da totalidade das aulas previstas
A.2.1 Compensações, permutas, preparação das substituições
Ano 1 (20__/20__)
1 2 3 4 5 6 7 8
Nº de aulas numeradas
Ano / turma Nº de aulas pre- Nº de aulas dadas Nº de aulas dadas Nº de aulas com Nº total de aulas Situações não im- % de cumprimento
vistas por permuta por compensação plano de aula numeradas putáveis ao do- Total (5+6) (razão entre 7 e 1)
cente
25 2 0 3 24 1 25 100
25 2 0 3 20 2 22 88

Média (ano 1) 94
Ano 1 (20__/20__)
9 10 11 12 13 14 15 16
Nº de aulas numeradas
Ano / turma Nº de aulas pre- Nº de aulas dadas Nº de aulas dadas Nº de aulas com Nº total de aulas Situações não im- % de cumprimento
vistas por permuta por compensação plano de aula numeradas putáveis ao do- Total (13+14) (razão entre 15 e 9)
cente

Média (ano 2)
Média dos cumprimentos (média de 8 e 16)
Documentos de recolha de evidências

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 3


Livro de ponto
Grelhas de registo
Outros
O docente cumpriu 100% das aulas previstas – Excelente
O docente cumpriu entre 95 a 99,9% das aulas previstas – Muito Bom
Classificação:_______ O docente cumpriu entre 90 a 94,9% das aulas previstas – Bom
O docente cumpriu entre 80 a 89,9% das aulas previstas – Regular
O docente cumpriu menos de 80% das aulas previstas - Insuficiente
A Assiduidade e cumprimento do serviço distribuído
A.3 Apoio às aprendizagens dos alunos. Grau de cumprimento do serviço e dos respectivos objectivos individuais
A.3.1 Apoio às aprendizagens dos alunos
A 3.1.1 a) Cumprimento do serviço de apoio
Ano 1 (20__/20__) Ano 2 (20__/20__)
Aulas de Apoio distribuídas (tempos semanais de 45 min) Aulas de Apoio distribuídas (tempos semanais de 45 min)
1 2 3 4 5 6 7 8

Total de aulas dadas + equiparadas a serviço lectivo (3+7)


PrevistasNº Aulas

(razão entre 3+7 e 1+5)% cumprimento


Nº Aulas dadas + equiparadas a dadas

Nº Aulas dadas + equiparadas a dadas

Total de aulas previstas (1+5)


(razão entre 8 e 6)% cumprimento
(razão entre 3 e 1)% cumprimento

previstasNº Aulas
Nº Aulas dadas

Nº Aulas dadas
previstasNº Aulas

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 4


Documentos de recolha de evidências

P9
(mapa de faltas)

Cumprimento de 100% do serviço – Excelente


Cumprimento de 98 a 99,9% do serviço – Muito Bom
Classificação:_______ Cumprimento de 95 a 97,9% do serviço – Bom
Cumprimento de 90 a 94,9% do serviço – Regular
Cumprimento de menos de 90% do serviço – Insuficiente

A Assiduidade e cumprimento do serviço distribuído


A.3 Apoio às aprendizagens dos alunos. Grau de cumprimento do serviço e dos respectivos objectivos individuais
A.3.1 Apoio às aprendizagens dos alunos
A 3.1.1 b) Cumprimento dos objectivos do apoio educativo

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 5


1
Nº de alunos que iniciaram o apoio com insucesso PrevistasNº Aulas
2

Nº de alunos que abandonaram as actividades de apoio com justificação

Actas
Relatórios de apoio

Ficha de autoavaliação
3

Nº de alunos que cumpriram as actividades de apoio (1−2)

Documentos de recolha de evidências


Ano 1 (20__/20__)
4

Nº de alunos que atingiram os objectivos propostos no apoio


5

(razão entre 4 e 3)% de sucesso


6

Nº de alunos que iniciaram o apoio com insucesso


7

Nº de alunos que abandonaram as actividades de apoio com justificação


8

(6−7)Nº de alunos que cumpriram as actividades de apoio


Ano 2 (20__/20__)
9

Nº de alunos que atingiram os objectivos propostos no apoio


10

(razão entre 9 e 8)% de sucesso

(3 + 8)Nº de alunos que cumpriram as actividades de apoio

(4 + 9)Nº total de alunos que atingiram os objectivos propostos no apoio

% de sucesso (média de 5 e 10)


Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 6
% de sucesso igual ou superior a 80% - Excelente
% de sucesso entre 60 a 79,9% - Muito Bom
Classificação:_______ % de sucesso entre 49 a 59,9% - Bom
% de sucesso entre 30 a 48,9% - Regular
% de sucesso inferior a 30% - Insuficiente

A Assiduidade e cumprimento do serviço distribuído


A.3 Apoio às aprendizagens dos alunos. Grau de cumprimento do serviço e dos respectivos objectivos individuais
A.3.1 Apoio às aprendizagens dos alunos
A 3.1.2 Empenhamento no apoio individual
Neste parâmetro avaliar-se-á o empenho, a qualidade do trabalho e a organização de materiais diferenciados a fornecer aos alunos para que estes possam:
• Ultrapassar dificuldades
• Consolidar conhecimentos e competências
• Desenvolver vocações e potencialidades

O plano de acção inclui … Apresenta …


Elabora plano de ac- Previsão de aulas
Ano lectivo Necessidades diag- Definição de estra- Materiais adequa- Relatórios periódi- Relatório final
ção? (S/N) para a concretiza-
nosticadas (S/N) tégias (S/N) dos (S/N) cos (S/N) (S/N)
ção do plano (S/N)
Ano 1 (20__/20__)

Ano 2 (20__/20__)
Documentos de recolha de evidências
Plano de acção que deve contemplar:
•Β Dificuldades diagnosticadas pelo professor da disciplina /
Conselho de Turma
•Χ Definição de estratégias diferenciadas atendendo às neces-
sidades dos alunos
•∆ Materiais adequados a cada uma das estratégias
Relatórios periódicos / final
Ficha de autoavaliação

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 7


O docente elabora um plano de acção que inclui todos os elementos acima referidos e elabora relatórios periódicos e final – Excelente
O docente elabora um plano de acção que inclui a identificação de necessidades, a definição de estratégias e a produção de materiais adequados e apresenta rela-
tório final – Muito Bom
Classificação:_______ O docente elabora um plano de acção que inclui a identificação de necessidades a definição de estratégias e apresenta relatório final – Bom
O docente elabora um plano de acção que não inclui mais do que um dos elementos acima referidos - Regular
O docente não elabora plano de acção nem relatórios periódicos ou final - Insuficiente

A Assiduidade e cumprimento do serviço distribuído


A.4 Assiduidade no serviço não lectivo

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 8


1
Nº de dias com componente não lectiva

2
Nº de faltas – Situação de prisão
Serviço não lectivo

P9
3
Nº de faltas – Suspensão preventiva com pena efectiva

(mapa de faltas)
Nº faltas – Suspensão resultante do despacho repronúncia. Pena
4

Documentos de recolha de evidências


de inactividade/suspensão
Ano 1 (20__/20__)

Nº de faltas com perda de vencimento


Nº total de tempos semanais (45 min): _________
Serviço distribuído: __________________________
_______________________________________________
6

Nº de faltas injustificadas
1

Nº de dias com componente não lectiva


2

Nº de faltas – Situação de prisão


Serviço não lectivo

Nº de faltas – Suspensão preventiva com pena efectiva

Nº faltas – Suspensão resultante do despacho repronúncia. Pena


4

de inactividade/suspensão
Ano 2 (20__/20__)

Nº de faltas com perda de vencimento


Nº total de tempos semanais (45 min): _________
Serviço distribuído: __________________________
_______________________________________________
6

Nº de faltas injustificadas

Nº total de horas de serviço não lectivo atribuído ao docente (1+6)

Nº de horas de serviço não lectivo cumpridas pelo docente + equiparadas (3+8)

% cumprimento
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 9
Cumprimento de 100% do serviço – Excelente
Cumprimento de 98 a 99,9% do serviço – Muito Bom
Classificação:_______ Cumprimento de 95 a 97,9% do serviço – Bom
Cumprimento de 90 a 94,9% do serviço – Regular
Cumprimento de menos de 90% do serviço – Insuficiente

B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.1. – Resultados escolares dos alunos
B.1.1. – Progresso dos resultados escolares dos alunos no ano/disciplina face ao ano lectivo anterior
Ano 1 (20__/20__) Sucesso Médias*
1 2 3 4 5 6 7 8
% % Cumprimento
Sucesso da Média da dis-
Meta do de- Sucesso Cumprimento Meta do depar- Média Cumprimento (ano 1)
Disciplina Ano/Turma disciplina no ciplina no ano
partamento atingido (razão entre 3 tamento atingida (razão entre 7 e
ano anterior anterior
e 2) 6)

9 10 11
Cumprimento médio Cumprimento médio

Ano 2 (20__/20__) Sucesso Médias*


12 13 14 15 16 17 18 19
% % Cumprimento
Sucesso da Média da dis-
Meta do de- Sucesso Cumprimento Meta do depar- Média Cumprimento (ano 2)
Disciplina Ano/Turma disciplina no ciplina no ano
partamento atingido (razão entre 14 tamento atingida (razão entre 18 e
ano anterior anterior
e 13) 17)

20 21 22
Cumprimento médio Cumprimento médio
Média dos cumprimentos (média de 11 e 22)
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 10
Documentos de recolha de evidências
Pautas
Projecto Educativo
Plano de acção do departamento
Progressão superior a 100% - Excelente (10)
Progressão de 80 a 100% - Muito Bom (8)
Classificação: ___________ Progressão de 65 a 79,9% - Bom (7)
Progressão 50 a 64,9% - Regular (6)
Progressão abaixo de 50% - Insuficiente (4)
* O cálculo das médias só se aplica a disciplinas com sucesso igual a 100% no ano anterior
B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.1. – Resultados escolares dos alunos
B.1.2. – Progresso dos resultados escolares dos alunos face à avaliação diagnóstico
Ano 1 (20__/20__) 1 2 3 4
Sucesso na avaliação diagnós- Sucesso atingido no final do Média da Progressão
Disciplina Ano/Turma Progressão (2 -1 )
tico (%) * ano lectivo (%) (%)

Ano 2 (20__/20__) 6 7 8 9
Sucesso na avaliação diagnós- Sucesso atingido no final do Média da Progressão
Disciplina Ano/Turma Progressão (2 -1 )
tico (%) * ano lectivo (%) (%)

Média das progressões (média de 4 e 9)


Documentos de recolha de evidências
Testes diagnóstico
Pautas
Outros
Progressão igual ou superior a 10% e o sucesso atingido em cada turma não é inferior ao sucesso da avaliação diagnóstica –Excelente
Progressão entre 7,0 e 9,9% e o sucesso atingido em cada turma não é inferior ao sucesso da avaliação diagnóstica - Muito Bom
Classificação:__________ Progressão 2,0%a 6,9% - Bom
Progressão 0,0 a 1,9% - Regular
Progressão inferior a 0 - Insuficiente
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 11
* A avaliação de diagnóstico pode ser substituída pela avaliação do 1º Período quando proposto pelo avaliado e obtiver a concordância do avaliador

B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.1. – Resultados escolares dos alunos
B.1.3. – Evolução dos resultados escolares dos alunos relativamente à evolução média
a) Evolução dos resultados dos alunos naquele ano/disciplina
Ano 1 (20__/20__) 1 2 3 4 5 6 7
Diferença entre a evolu-
Média da disci- Média da disci-
Média atingida Média atingida ção da média obtida pelo
Evolução do do- plina no conjunto plina no conjunto Evolução da es-
pelo docente no pelo docente no 3º docente e a evolução no
Disciplina Ano/Turma cente de todas as tur- de todas as tur- cola
1º Período Período conjunto de todas as tur-
(2 – 1) mas da escola no mas da escola no (5 – 4)
(%) (%) mas naquela disciplina
1º Período 3º Período (%)
(3 – 6)
Matemática 7ºA 40 45 5 45 55 10 -5
8ºB 80 90 10 70 75 5 5
8ºC 70 75 5 75 82 7 -2
9ºA 60 80 20 60 70 10 10
Diferença média em percentagem (8) 2
Ano 2 (20__/20__) 9 10 11 12 13 14 15
Diferença entre a evolu-
Média da disci- Média da disci-
Média atingida Média atingida ção da média obtida pelo
Evolução do do- plina no conjunto plina no conjunto Evolução da es-
pelo docente no pelo docente no 3º docente e a evolução no
Disciplina Ano/Turma cente de todas as tur- de todas as tur- cola
1º Período Período conjunto de todas as tur-
(10 – 9) mas da escola no mas da escola no (13 – 12)
(%) (%) mas naquela disciplina
1º Período (%) 3º Período(%)
(14 – 11)

Diferença média em percentagem (16)


Média das diferenças (média de 8 e 16)
Documentos de recolha de evidências

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 12


Pautas
Outros
Evolução média dos resultados escolares de todas as turmas do docente é superior à evolução média das turmas nesse(s) ano(s) de escolaridade - Excelente
Evolução média dos resultados escolares do conjunto das turmas do docente é superior à evolução média das turmas nesse(s) ano(s) de escolaridade – Muito
Classificação: Bom
________________________ Evolução média dos resultados escolares do conjunto das turmas do docente é igual à evolução média das turmas nesse(s) ano(s) de escolaridade – Bom
Evolução média dos resultados escolares do conjunto das turmas do docente apresenta um desvio entre -5 e 0% – Regular
Evolução média dos resultados escolares do conjunto das turmas do docente apresenta um desvio inferior a -5% – Insuficiente

B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.1. – Resultados escolares dos alunos
B.1.3. – Evolução dos resultados escolares dos alunos relativamente à evolução média
b) Evolução dos mesmos alunos no conjunto das outras disciplinas da turma
Ano 1 (20__/20__) 1 2 3 4 5
Evolução atingida pelo docen- Diferença entre a evolução
Evolução média no conjunto
te na turma e na sua disciplina Média do conjunto das outras Média do conjunto das atingida pelo docente e a evo-
das outras disciplinas da tur-
Disciplina Ano/Turma face ao 1º Período disciplinas da turma no 1º Pe- outras disciplinas da lução média no conjunto das
ma face aos resultados do 1º
(dados da coluna 3 da página ríodo turma no 3º Período outras disciplinas da turma (1
Período
Anterior) – 4)
5% 70% 80% 10% -5%
15 70 80 5 10%
8 70 80 10 -2%
Diferença média em percentagem (6)
Ano 2 (20__/20__) 7 8 9 10 11
Evolução atingida pelo docen- Diferença entre a evolução
Evolução média no conjunto
te na turma e na sua disciplina Média do conjunto das outras Média do conjunto das atingida pelo docente e a evo-
das outras disciplinas da tur-
Disciplina Ano/Turma face ao 1º Período disciplinas da turma no 1º Pe- outras disciplinas da lução média no conjunto das
ma face aos resultados do 1º
(dados da coluna 3 da página ríodo turma no 3º Período outras disciplinas da turma (1
Período
Anterior) – 4)

Diferença média em percentagem (12)


Média das diferenças em per-
centagem (média de 6 e 12)

Média de B.1.3 a) e B.1.3. b)

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 13


Documentos de recolha de evidências
Pautas, Outros
Evolução média dos resultados escolares dos alunos de todas as turmas do docente é superior à evolução média das outras disciplinas das respectivas turmas - Excelente
Evolução média dos resultados escolares dos alunos do conjunto das turmas do docente é superior a 2% em relação à evolução média das outras disciplinas das turmas –
Classificação: Muito Bom
_______________ Evolução média dos resultados escolares dos alunos do conjunto das turmas do docente apresenta um desvio entre -2% e 2%, desde que não haja evolução negativa em to-
das as turmas – Bom
Evolução média dos resultados escolares dos alunos do conjunto das turmas do docente apresenta um desvio entre -5% e -3% – Regular
Evolução média dos resultados escolares dos alunos do conjunto das turmas do docente apresenta um desvio superior a -5% – Insuficiente

B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.1. – Resultados escolares dos alunos
B.1.4. – Classificação nas provas de avaliação externa e respectiva diferença relativamente às classificações internas
3
Ano 1 (20__/20__) 1 2
Disciplina Ano/Turma Classificação interna Classificação externa Desvio (2 – 1)
14 12 -2

Desvio médio (4)


7
Ano 2 (20__/20__) 5 6
Disciplina Ano/Turma Classificação interna Classificação externa Desvio (7 – 6)

Desvio médio (8)

Média dos desvios


(média de 4 e 8)
Documentos de recolha de evidências
Pautas

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 14


Classificação:____________ Desvio positivo – Excelente
Desvio: Ensino Básico entre -0,49 e 0; Ensino Secundário entre -1,99 e 0 - Muito Bom
Desvio: Ensino Básico entre -0,74 e -0,50; Ensino Secundário entre -2,99 e -2 – Bom
Desvio: Ensino Básico entre 0,99 e -0,75; Ensino Secundário entre -3,99 e -3 - Regular
Desvio: Ensino Básico <= -1; Ensino Secundário <= -4 - Insuficiente

B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.1. – Resultados escolares dos alunos
B.1.5.- Análise da ficha de auto-avaliação

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 15


O docente apresenta elementos que justificam de uma forma clara e precisa os resultados obtidos – Excelente
O docente apresenta elementos que justificam de uma forma clara os resultados obtidos - Muito Bom
Classificação:_______ O docente apresenta elementos que justificam os resultados obtidos – Bom
O docente apresenta elementos insuficientes para justificar os resultados obtidos – Regular
O docente não apresenta elementos que justifiquem os resultados obtidos – Insuficiente

B – Melhoria dos resultados escolares dos alunos e redução das taxas de abandono
B.2. – Redução do abandono escolar – contributo do docente para a redução do abandono escolar tendo em conta os elementos fornecidos pela ficha de auto-avali-
ação
B.2.1.- Empenho, participação e contributo para a definição e concretização de estratégias para a prevenção e redução do abandono escolar

Neste parâmetro, avaliar-se-á a atenção e a qualidade do trabalho do docente no sentido de prevenir e evitar situações de abandono escolar

Documentos de recolha de evidências

Actas
PCT´s
Relatórios
Outros

O docente apresentou e concretizou um plano conducente à reintegração do aluno dentro da escola ou noutra escola / instituição – Excelente
O docente colaborou na elaboração e concretização de um plano conducente à reintegração do aluno dentro da escola ou noutra escola / insti-
Classificacão: _________________ tuição - Muito Bom
O docente colaborou na concretização de um plano conducente à reintegração do aluno dentro da escola ou noutra escola / instituição – Bom
O docente apresentou/colaborou num plano que não se revelou adequado/exequível para reintegrar o aluno dentro da escola ou noutra escola
/ instituição – Regular
O docente não definiu qualquer plano que permitisse a reintegração do aluno dentro da escola ou noutra escola / instituição - Insuficiente

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 16


C – Participação na vida da escola
C.1 – Participação nos projectos e actividades previstas no Projecto Educativo, no Plano Anual de Actividades e nos Projectos Curriculares de Turma
C.1.1 – Avaliação do nível de participação e dinamização de projectos e do cumprimento dos objectivos individuais
C.1.1.1 – Empenhamento e qualidade da participação do docente
N.º de Intervenientes
Nível de Participação
(Alunos, Enc. Ed., AAE e
O docente apresen-
outros) O docente
O docente mo- tou produto final/re-
O docente O docente or- O docente O docente acom- avaliou o
Ano Projecto/ bilizou os seus sultados (seminários,
consebeu/pro ganizou o dinamizou panhou os seus A envolver Efectivamente projecto/ac-
lectivo actividade pares? brochuras,
pôs o projec- projecto/acti- o aluno, desenvol- (proposta do envolvidos tividade?
(S/N) panfletos…)
to/actividade? vidade? (S/N) projecto/ac- vendo tarefas es- docente) (S/N)
(S/N)
(S/N) tividade? pecíficas (guião,
(S/N) cartaz, debate…)

Documentos de recolha de evidências

- Dossier de planificação e desenvolvi-


mento do projecto

- Relatórios periódicos e final de avalia-


ção

- Ficha de auto-avaliação do docente

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 17


O docente concebeu/ propôs, organizou, dinamizou projectos ou actividades, mobilizando os seus pares, superando o número de intervenientes inicial-
mente propostos tendo dado um contributo excelente para a concretização do PEE – Excelente
O docente concebeu/propôs, organizou, dinamizou projectos ou actividades, mobilizando os seus pares, atingido o número de intervenientes inicial-
Classificação: ___________________ mente propostos tendo dado um contributo muito bom para a concretização do PEE– Muito Bom
O docente organizou/dinamizou e desenvolveu actividades previstas no PEE com todos os intervenientes propostos – Bom
O docente participou, estando presente em actividades – Regular
O docente não participou em qualquer tipo de projecto ou actividade – Insuficiente

C – Participação na vida da escola


C.2 – Participação nos projectos e actividades não previstas no Projecto Educativo, no Plano Anual de Actividades e nos Projectos Curriculares de Turma
C.2.1 – Avaliação do nível de participação e dinamização de projectos e do cumprimento dos objectivos individuais
C.2.1.1 – Empenhamento e qualidade da participação do docente
Nível de Participação N.º de Intervenientes
O docente apresen-
(Alunos, E.E., AAE e outros)
O docente avali- tou produto
O docente con- O docente or- O docente di- O docente acom- O docente
ou o final/resultados
Ano Projecto/ cebeu/propôs o ganizou o namizou o panhou os seus A envolver Efectivamente mobilizou os
projecto/activi- (seminários, bro-
lectivo actividade projecto/activi- projecto/acti- projecto/acti- alunos, desenvol- (proposta envolvidos seus pares?
dade? churas,
dade? (S/N) vidade? (S/N) vidade? (S/N) vendo tarefas es- do docente) (S/N)
(S/N) panfletos…)
pecíficas (guião, (S/N)
cartaz, debate…)

Documentos de recolha de evidências

- Dossier de planificação e desenvolvi-


mento do projecto

- Relatórios periódicos e final de avalia-


ção

- Ficha de autoavaliação do docente

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 18


Ao longo do período de avaliação, o docente concebeu/ propôs, organizou, dinamizou projectos ou actividades, mobilizando os seus pares, superando
o número de intervenientes inicialmente propostos tendo dado um contributo excelente para a concretização do PEE – Excelente
Ao longo do período de avaliação, o docente concebeu/propôs, organizou, dinamizou projectos ou actividades, mobilizando os seus pares, atingido o
número de intervenientes inicialmente propostos tendo dado um contributo muito bom para a concretização do PEE – Muito Bom
Classificação: _______________ Ao longo do período de avaliação, o docente organizou/dinamizou e desenvolveu projectos ou actividades com todos os intervenientes propostos –
Bom
Ao longo do período de avaliação, o docente participou, estando presente em actividades – Regular
Ao longo do período de avaliação, o docente não participou em qualquer tipo de projecto ou actividade – Insuficiente

C – Participação na vida da escola


C.3 – Participação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão
C.3.1 – Avaliação da participação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão e do cumprimento dos objectivos individuais
C.3.1.1 – Empenhamento e qualidade da participação do docente nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão
Ano
Estrutura / órgão de gestão O docente contribuiu activamente para a consecução do plano de acção / actividades da estrutura em que se insere
lectivo
Apresentou pro- Partilhou saberes e re-
Organizou actividades Envolveu-se na realiza- Envolveu os seus pares
postas/sugestões cursos didácticos
(S/N) ção de actividades (S/N) (S/N)
(S/N) (S/N)

Documentos de recolha de evidências

- Actas e outros registos relevantes

- Relatórios periódicos

- Ficha de autoavaliação do docente

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 19


O docente envolveu-se e envolveu os seus pares na consecução do plano de acção/actividades, não só apresentando e dinamizando propos-
tas exequíveis como também fomentando a partilha de saberes e de recursos didácticos - Excelente
O docente envolveu-se na consecução do plano de acção/actividades, não só apresentando e dinamizando propostas exequíveis como tam-
Classificação: ___________________ bém fomentando a partilha de saberes e de recursos didácticos – Muito Bom
O docente envolveu-se na consecução do plano de acção/actividades apresentando e dinamizando propostas exequíveis - Bom
O docente participou na consecução do plano de acção/actividades - Regular
O docente não contribuiu para a consecução do plano de acção/actividades - Insuficiente

C – Participação na vida da escola


C.3 – Participação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão
C.3.1 – Avaliação da participação nas estruturas de orientação educativa e nos órgãos de gestão e do cumprimento dos objectivos individuais
C.3.1.2 – Empenhamento e qualidade da participação do docente em outros cargos ou funções de natureza pedagógica
1 2 3 4
O docente cumpriu O docente revela organi-
O docente revelou O docente revelou autonomia na
Ano o conteúdo funcional zação no desempenho da O docente mostrou dis-
Cargo exercido iniciativa resolução de problemas e/ou ges-
lectivo inerente ao cargo sua função (S/N) ponibilidade (S/N)
(S/N) tão de conflitos (S/N)
(S/N)

Documentos de recolha de evidências

- Relatórios de actividade

- Actas e outros registos relevantes

- Ficha de autoavaliação

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 20


O docente cumpriu o conteúdo funcional inerente ao cargo revelando organização, iniciativa e autonomia na resolução de problemas e/ou na
gestão de conflitos, mostrando total disponibilidade no exercício do cargo pelo que supera os objectivos individuais – Excelente
O docente cumpriu o conteúdo funcional inerente ao cargo revelando três das quatro evidências (1 a 4) mencionadas acima e atingindo os objec-
Classificação: __________________ tivos individuais – Muito Bom
O docente cumpriu o conteúdo funcional inerente ao cargo revelando 2 das 4 evidências, atingindo os objectivos individuais – Bom
O docente cumpriu o conteúdo funcional inerente ao cargo não atingindo os objectivos individuais – Regular
O docente não cumpriu o conteúdo funcional inerente ao cargo - Insuficiente

C – Participação na vida da escola


C.4 – Participação e dinamização de projectos de investigação, desenvolvimento e inovação educativa
C.4.1 – Avaliação da participação e dinamização de projectos de investigação, desenvolvimento e inovação educativa e do cumprimento dos objectivos individuais
C.4.1.1 – Empenhamento e qualidade da participação do docente em projectos de investigação, desenvolvimento e inovação educativa
Nível de participação
Projecto Grau de consecução dos
Ano O projecto é inovador? O docente concebeu / O docente desen-
O docente colaborou no pro- objectivos
lectivo (S/N) apresentou um projec- volveu um pro-
jecto? (1 a 5)
to? jecto?
(S/N)
(S/N) (S/N)

Documentos de recolha de evidências

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 21


- Dossier de planificação e desenvolvimen-
to do projecto

- Relatórios periódicos e final de avaliação

- Ficha de autoavaliação

O docente concebeu/apresentou e desenvolveu projectos de investigação de excepcional relevância para a comunidade escolar validados
por entidades de reconhecido mérito – Excelente
O docente desenvolveu (dinamizou) projectos de investigação de grande relevância para a comunidade escolar validados por entidades de
reconhecido mérito – Muito Bom
Classificacão: ______________________ O docente colaborou em projectos de investigação relevantes para a comunidade escolar atingindo os objectivos a que se propôs – Bom
O docente colaborou pontualmente em projectos de investigação relevantes para a comunidade escolar cumprindo os objectivos a que se
propôs – Regular
O docente colaborou num projecto de investigação não cumprindo os objectivos a que se propôs – Insuficiente

D – Participação do docente em acções de formação contínua


D.1 – Número de créditos de formação contínua no âmbito das áreas prioritárias definidas pelo Agrupamento/Escola não agrupada ou nas disciplinas que o docen-
te lecciona

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 22


Ano lec- Nº de cré- Classifica- Nº de créditos × Acções definidas no plano de formação da Acções não definidas no plano de forma-
Acção
tivo ditos ção Classificação escola? ção da escola? *
Transversais Específicas Transversais Específicas

Total

* Acções validadas pelo director desde que entenda serem relevantes para o desenvolvimento profissional do docente

Documentos de recolha de evidências

- Certificados (arquivados no Processo Individual)

Total superior a 20 – Excelente


Total entre 18 a 20 – Muito Bom
Total entre 16 a 17,9 – Bom
Classificação: ____________________________
Total entre 12 e 15,9 – Regular
Total inferior a 12 – Insuficiente

E – Relação com a comunidade


E.1.1 – Avaliação da relação com a comunidade e do cumprimento dos objectivos individuais
E.1.1.1 – Empenhamento e qualidade da participação do docente no desenvolvimento das relações entre a escola e a comunidade
Ano O docente promove a participa- O docente coopera com as famílias/insti- O docente integra aspectos da cultura O docente valoriza a escola dinamizando
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 23
ção dos pais nas actividades da actividades em parceria com outras insti-
lectivo tuições da comunidade (S/N) local no PCT (S/N)
comunidade educativa (S/N) tuições da comunidade (S/N)

Documentos de registo de evidências

- Relatórios e outros documentos relevantes

- Ficha de autoavaliação

O docente promoveu, cooperou, organizou e dinamizou projectos destinados ao desenvolvimento das relações entre a escola e a comuni-
dade valorizando-a e atingindo os objectivos individuais – Excelente
O docente cooperou, organizou e dinamizou projectos destinados ao desenvolvimento das relações entre a escola e a comunidade valori-
zando-a e atingindo os objectivos individuais – Muito Bom
O docente cooperou em projectos destinados ao desenvolvimento das relações entre a escola e a comunidade valorizando a escola e atin-
Classificação: ______________________ gindo os objectivos individuais – Bom
O docente cooperou em projectos destinados ao desenvolvimento das relações entre a escola e a comunidade valorizando a escola mas
não atingindo todos os objectivos individuais – Regular
O docente não cooperou em projectos destinados ao desenvolvimento das relações entre a escola e a comunidade, não tendo atingido os
objectivos individuais – Insuficiente

F – Avaliação dos outros docentes


F.1 – Função de avaliador dos outros docentes
F.1.1– Planeamento e organização do trabalho de avaliação dos docentes
Ano Apresentou uma planificação Organizou o trabalho de avali- Executou o trabalho de avalia- Revelou autonomia em todas Apresentou propostas de altera-
Lectivo do seu trabalho de avaliação ação de acordo com as orienta- ção de acordo com a planifica- as etapas do processo de avali- ção ao processo de avaliação

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 24


que conduziram a uma melho-
(S/N) ções em vigor (S/N) ção (S/N) ação (S/N) ria no processo de avaliação
(S/N)

Data Registo de entrega de relatórios e outros documentos relevantes

O docente planeou, organizou e executou o trabalho de avaliação com autonomia e correcção, apresentando propostas de melhoria do processo (excelente)
O docente planeou, organizou e executou o trabalho de avaliação com autonomia e correcção. (muito bom)
Classificação:_______ O docente planeou, organizou e executou o trabalho de avaliação com correcção. (bom)
O docente planeou, organizou e executou o trabalho de avaliação tendo-se registado incorrecções e/ou situações anómalas. (regular)
O docente não planificou, não organizou, nem executou o trabalho de avaliação colocando-o em risco. (insuficiente)

F – Avaliação dos outros docentes


F.1 – Função de avaliador dos outros docentes
F.1.2– Rigor e equidade no processo de avaliação dos docentes
A avaliação deste item baseia-se na análise de um inquérito aos professores avaliados
Ano Os resultados do inquérito re-
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 25
Lectivo velam que o avaliador revelou
O avaliador manteve os avalia-
O avaliador aplicou os instru- O avaliador foi rigoroso em O avaliador mostrou equidade
dos informados do seu proces-
mentos de registo? todo o processo de avaliação? em todo o processo? Total
so de avaliação?
(1 – 5) (1 – 5) (1 – 5)
(1 – 5)
Resultado
do inqué-
rito
(média
das res-
postas)

Data Registo de entrega de relatórios e outros documentos relevantes

Resultado do inquérito entre 18 a 20 – Excelente


Resultado do inquérito entre 16 a 17,9 – Muito Bom
Resultado do inquérito entre 12 e 15,9 – Bom
Resultado do inquérito entre 8 e 11,9 – Regular
Resultado do inquérito abaixo de 7,9 - Insuficiente

O docente aplicou os instrumentos de registo e desenvolveu o processo de avaliação com elevado rigor, transparência e equidade, sendo a sua competência re-
conhecida pela comunidade escolar. - Excelente
O docente aplicou os instrumentos de registo e desenvolveu o processo de avaliação com elevado rigor, transparência e equidade. – Muito Bom
Classificacão:_______ O docente aplicou com rigor os instrumentos de registo e as evidências revelam equidade no processo de avaliação. – Bom
O docente aplicou com incorrecções os instrumentos de registo e revelou falta de equidade no processo de avaliação – Regular
O docente não aplicou os instrumentos de registo e revelou falta de equidade no processo de avaliação. - Insuficiente

F – Avaliação dos outros docentes


F.1 – Função de avaliador dos outros docentes
F.1.3– Apreciação da efectiva apreciação do desempenho dos docentes
A avaliação deste item baseia-se no relatório do docente avaliador

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 26


Data Registo de entrega de relatórios e outros documentos relevantes

O avaliador diferencia o desempenho dos docentes apresentando fundamentação inequívoca no que respeita à diferenciação do desempenho e que constitui um
paradigma de boas práticas. - Excelente
O avaliador diferencia o desempenho dos docentes apresentando uma boa fundamentação. – Muito Bom
Classificacão:_______ O avaliador diferencia o desempenho dos docentes apresentando fundamentação suficiente. – Bom
O avaliador atribuiu aos avaliados igual classificação em todos ou quase todos os itens e parâmetros apresentando fundamentação insuficiente. - Regular
O avaliador atribuiu aos avaliados igual classificação em todos ou quase todos os itens e parâmetros não apresentando fundamentação. - insuficiente

F.1.1 – Planeamento e organiza-


Ano F.1.2 – Rigor e equida-
ção do trabalho de avaliação dos
Lectivo de
docentes
Propôs a calendarização da ob- Esclareceu os avaliados O docente aferiu crité- O docente interagiu O docente é rigoroso
servação de aulas dentro do prazo sobre os prazos e proce- rios de avaliação com com outros avaliadores não suscitando recla-
Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 27
os outros avaliadores
fora do seu departa-
dimentos do processo do seu departamento mações na avaliação
estabelecido no RI (S/N) mento reunindo regu-
de avaliação (S/N) reunindo regularmente dos docentes
larmente com eles (S/N)
com eles (S/N)

F.1.4 – Organização de dis-


F.1.3 – Apreciação da efectiva di- positivos de
Ano
ferenciação do desempenho dos supervisão/acompanhamento
Lectivo
docentes das actividades lectivas dos
docentes avaliados
Supervisionou os avaliados Realizou a análise docu-
O docente diferencia o desempe- fornecendo-lhes informações mental dos seus avalia-
nho dos docentes relativas ao processo de ava- dos dentro dos prazos
liação em curso estabelecidos

Ficha de registo de avaliação – Conselho Executivo – página 28