Você está na página 1de 2

NORMAS PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHOS CIENTÍFICOS

atualização 2008

São muitas as normas da área de documentação aprovadas pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas.
Apresentamos aqui apenas informações básicas que consideramos adequadas para a apresentação de um bom trabalho
científico, lembrando que fizemos algumas adaptações para atender as necessidades da elaboração da FEINTER.

Estrutura
 Capa
 Nome de todos os componentes da série.
 Dedicatória (opcional)
 Agradecimentos (opcional)
 Epígrafe (opcional)
 Sumário

Estrutura
 Projeto Série com o gesto concreto (elaborado com a participação da turma e do professor conselheiro)

 Separador
 Marco Teórico = Pesquisa
 Anexos (fotos, figuras, entrevistas, depoimentos...)
 Conclusão
 Referências bibliográficas

Capa – Elemento obrigatório


 Proteção externa do trabalho devendo conter dados essenciais: Nome da Instituição de Ensino, Logo da FEINTER, Nome
do Projeto/2008, Nome dos Professores-Orientadores, Série, Local e Ano. (Obs.: A Coordenação fornece a capa e as
informações acima)

Dedicatória – opcional
 Oferecimento do trabalho a determinada pessoa ou pessoas.

Agradecimentos opcional
Agradecimentos para as pessoas que contribuíram para o desenvolvimento do trabalho.

Epígrafe – opcional
Pensamentos retirados de um livro, uma música, um poema, seguida de indicação de autoria.

Sumário – obrigatório
 Indicar o nome dos Projetos, seguido de sua localização dentro do texto (número da página). Devem ser empregados
algarismos arábicos e os títulos devem ser destacados, usando-se os recursos de negrito, com letras maiúsculas.

Projeto Série
 Esse Projeto é elaborado pelo professor, que tem como público-alvo os alunos da série.

SEPARADOR
 O Separador é uma montagem de figuras onde o grupo deverá representar o tema do projeto.
 Deverá constar: a montagem de figuras, o nome da entidade e o nome do projeto do grupo.
Projeto/grupos
É o trabalho que foi elaborado em grupo: Nome do Projeto, Tema, Série, Justificativa, Objetivos e Procedimentos.

Marco Teórico/Pesquisa
O marco teórico é a pesquisa
Deverá seguir uma apresentação gráfica

Anexos
 Textos ou documentos que servem de comprovação de sua argumentação.
 Nos anexos poderão constar: fotos, figuras, entrevistas, depoimentos...
 Cada grupo poderá inserir no máximo 06 fotos.

Referências Bibliográficas Elemento Obrigatório


 As referências devem ser ordenadas em uma única ordem alfabética, em espaço simples, e espaço duplo entre elas.
 Importante: Trabalhos que não possuem referências bibliográficas não são considerados de cunho científico.

Conclusão
 A conclusão será elaborada pelo grupo.
 É preciso registrar quais foram os resultados obtidos e as experiências adquiridas durante a realização do projeto.
APRESENTAÇÃO GRÁFICA
Fonte e configuração da página
 A fonte a utilizar é a Times New Roman, estilo normal, tamanho 12, espaçamento entre caracteres normal, espaçamento
entre linhas 1,5.
 Para títulos, fonte tamanho 14 e subtítulos, 13.

MARGEM
Devem ser utilizados os seguintes valores de margens, em centímetros:
 Superior: 3.0
 Inferior: 2,0
 Esquerda: 3,0
 Direita: 2.0

Papel
 Deve ser utilizado papel tamanho A4, branco, especial para impressoras, de um lado apenas (anverso).
Parágrafo
 O parágrafo deverá ser recuado, a 1,25 cm da margem esquerda. (Uma vez a tecla TAB).

Paginação
 A numeração das páginas deve aparecer a partir da página que apresenta a introdução do grupo, lembrando que as
páginas anteriores deverão ser contadas.
 A numeração deve ser feita em algarismos arábicos (1, 2, 3....), dentro da margem direita inferior.
 Todo trabalho deverá ser numerado, incluindo os anexos.

REGRAS GERAIS DE REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS


Livro
 LARAIA, Roque de Barros. Cultura: um conceito antropológico. 13. ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2000. 116p. (Coleção
antropologia social)

Artigos de Periódico (revistas, jornais...)


 Elementos essenciais
 Autor, título, subtítulo do artigo, título do periódico, local de publicação, volume, número, paginas do artigo, mês e data de
publicação.

 MARQUES, Benjamim Campolina. Legislação e movimentos pendulares ambientais. Revista Mineira de Engenharia, Belo
Horizonte, v.3, n.6, p.8-11, out. 1989.

Artigo de Jornal
 Elementos essenciais
 Autor, título, subtítulo do artigo, título do jornal, local de publicação, data de publicação, caderno e páginas.

 Artigo de Jornal
 WERNECK, Humberto. Dona Chiquita: as primeiras estórias de Guimarães Rosa. Minas Gerais, Belo Horizonte, 23 nov.
1968. Suplemento Literário, p.3.

Constituição
BRASIL. Constituição (1988) Constituição da República Federativa do Brasil. Brasília: Senado, 1988.

Decreto
BRASIL. Decreto n.56.725, de 16 ago. 1965. Regulamenta a Lei n.4.084, de 30 de junho de 1962, que dispõe sobre o exercício
da profissão de Bibliotecário. Diário Oficial, Brasília, 19 ago. 1965. p.7.

Código
BRASIL. Código civil. Organização dos textos, notas remissivas e índices por Juarez de Oliveira. 46.ed. São Paulo: Saraiva,
1995.

Documentos eletrônicos
Elementos essenciais
 Devem-se mencionar os dados das obras, sejam estes artigos de periódicos ou jornal, livros, documentos jurídicos e textos
diversos.

 Artigo de periódico eletrônico


 WINDOWS 98: o melhor caminho para atualização. PC World, São Paulo, n.75, set. 1998. Disponível em:
<http://www.idg.com.br/abre.htm> Acesso em: 10 set. 1998.

Artigo de jornal eletrônico


Monografia em meio eletrônico
 SÃO PAULO. Secretaria do Meio Ambiente. Entendendo o meio ambiente. São Paulo, 1999. Disponível em:
<http://www.dbd.org.br/sma/ entendendo/atual.htm> Acesso em: 8 mar. 1999.