Estágio Supervisionado Plano de ensino / Seqüenciador de aulas

ESCOLA: ESCOLA MUNICIPAL MARECHAL CASTELO BRANCO CICLO: I TURMA: A1 PERÍODO: VESPERTINO CONTEÚDO/TEMA: A INFLUÊNCIA DA CULTURA EUROPÉIA EM DANÇAS BRASILEIRAS ESTAGIÁRIAS: OBJETIVO GERAL A partir da abordagem da dança e dos respectivos conteúdos: dança Açoriana (pau-defita) e Fandango (chote) os alunos deverão deverão: assimilar, compreender o desenvolvimento destas danças nas dimensões (política, social, econômica, histórica) relacionando com o desenvolvimento da sociedade; identificar as contradições; perceber a necessidade de transformação da TOTAL DE AULAS PLANO DE ENSINO PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS - O tempo pedagógico disponível para cada aula é de uma hora. Trabalharemos com materiais audiovisuais, e materiais produzidos pelos próprios alunos, além de vivências durante as aulas. - Serão trabalhadas a origem e influência de duas manifestações de dança que influenciam a região Sul do país: o Fandango e as Danças Açorianas, das quais serão escolhidos uma dança específica de cada manifestação. Pretendemos proporcionar às crianças, o desenvolvimento e o entendimento dos seguintes aspectos: diversidade, cooperação, autonomia e emancipação. AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES

22

- A avaliação será contínua e processual com base nos objetivos. Os critérios a serem observados serão: compreensão e apropriação dos conteúdos; aprendizado dos ritmos e movimentos; associação do aprendizado da dança com a vida. Obs: ao final de cada aula vamos propor que os alunos façam uma sínteses da aula.

realidade; apropriar-se dos ritmos, bem como das movimentações;

OBJETIVOS ESPECÍFICOS - Criar uma relação amigável e de respeito com os estagiários. Identificar a compreensão da Educação Física, levando em consideração as vivências anteriores e as impressões das crianças acerca da mesma. - Problematização dos aspectos elencados pelos alunos.

AULAS / DIA

SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS 01-Roda de conversa em Respeito, sala de aula. diversidade, Apresentação dos consciência crítica. estagiários e breve apresentação dos alunos. - Elaboração do contrato pedagógico (de convivência) 02-Dinâmica em quadra: colocaremos alguns materiais que são relacionados à Educação Física e pediremos para que os alunos peguem aquele que ele mais relaciona à disciplina. A partir disso, problematizaremos acerca da concepção de Educação Física dos alunos. - Apresentação do tema que será trabalhado durante a regência. - Ao final da aula, pediremos para que os

AVALIAÇÃO

OBSERVAÇÕES

01

observar a participação e envolvimento dos alunos; - com objetivo de verificar os objetivos da aula, ao final faremos uma discussão para observar se compreenderam que a educação física não se resume ao que eles conhecem.

AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 02 . OBJETIVOS ESPECÍFICOS Identificar as concepções de Dança presente no discurso e na prática dos alunos. deixaremos os alunos expressarem suas experiências e concepções acerca da dança. respeito à diversidade. Compreender a AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS Num primeiro momento. .Problematizar a partir Cooperação. consciência crítica.verificar se os alunos associam a dança enquanto conteúdo da educação física a partir do diálogo e questionamentos. .alunos tragam para o próximo encontro CD’s com as músicas que eles mais gostam de dançar.

diversidade. isto é.Por que surgiu a dança? Quando surgiu a dança? Momento dos alunos exporem suas impressões. . como surgiram.verificar através de perguntas se os alunos apropriamse dos elementos . . da realidade apresentada pelos alunos. respeito.Avaliaremos o envolvimento dos alunos com a aula.Introdução do conteúdo geral da Dança. suas finalidades. .Síntese da aula elaborada pelos alunos.Dança enquanto conteúdo da Educação Física. AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES . Autonomia.Instigar a partir da vivência da aula anterior os aspectos que diferenciam e assemelham em cada dança (ritmo.Dança é Educação Física? . 03 . seus componentes e sua modificação com o passar do tempo. consciência crítica. OBJETIVOS ESPECÍFICOS AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .

AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .Exposição de filmes curtos que mostram algumas manifestações de dança popular.observar se os alunos identificam as diferenças e . .) que assemelham e diferenciam as danças. OBJETIVOS ESPECÍFICOS . . além de filmes de dança de um modo geral. região) .Introdução do conteúdo de Dança Popular.Ritmos específicos presentes nas danças que trabalharemos na regência. . bem como as contradições presentes. elucidar as contradições presentes nas diferentes manifestações. Diversidade. figurino.Introdução aos ritmos de modo geral. movimentos.Instigar os alunos às possibilidades de ritmos.será avaliada a participação dos alunos nas atividades. Autonomia. . Respeito. AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 04 . movimentos etc. .figurino. Neste momento faremos a identificação com os alunos das particularidades de cada dança (ritmo.Nesta aula serão desenvolvidas atividades e brincadeiras que incorporem os ritmos e movimentos. Cooperação.Introdução às Danças Populares.

que incorporem os ritmos Cooperação.aperfeiçoamento do trabalho de ritmo. e movimentos no tempo Respeito. OBJETIVOS ESPECÍFICOS Continuação da aula anterior.Identificar possibilidades limitações.introdução dos ritmos gaúchos. as e contradições nos diferentes ritmos. verificar o que os alunos conhecem desta AVALIAÇÃO observar o envolvimento dos alunos na aula. Diversidade. verificar se conseguem associar os movimentos aos ritmos musicais. AULAS / DIA 05 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . .desenvolvimento de atividades e brincadeiras Autonomia. .A partir dos ritmos da região sul. . introduzindo música. da música. OBSERVAÇÕES .

trajes etc. . emancipação. (danças. assim como. arquitetura. para que os alunos identifiquem elementos AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES observar o envolvimento dos alunos na aula.Compreender a história da região sul. AULAS / DIA 06 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . observar se .breve apresentação da história da região sul. Autonomia. à região. sociais. culinária. verificar se identificam os ritmos trabalhados nas aulas anteriores.problematizar conhecimentos esses OBJETIVOS ESPECÍFICOS . bem como a influência européia na cultura brasileira nas suas dimensões políticas.Mostrar vídeos de danças típicas da região sul. influências européias diversidade.introdução cultura gaúcha.) . as Cooperação. econômicas e religiosas.

integração. identificar na dança traços que caracterizam as relações sociais no AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . OBJETIVOS ESPECÍFICOS -Vivenciar a dança do Chote. emancipação.Em seguida.identificar nas danças os elementos culturais e históricos. .No início faremos um breve histórico do chote e suas manifestações no Brasil. identificam os elementos da história e da cultura nos vídeos apresentados.. autonomia. vamos iniciar os movimentos da dança do chote. executar os movimentos básicos do chote carreirinho. da história e cultura da região impressa na dança. AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 07 Observar envolvimento alunos na aula. diversidade. Nesta aula os alunos realizarão os movimentos Cooperação. .Observar apreenderam ritmos conseguem introduzi-los dança o dos se os e na .

dança e o significado da diversidade. . textos) Na seqüência formaremos pares para vivenciar os movimentos da dança iniciados AVALIAÇÃO Observar envolvimento alunos na aula. Perceber as contradições individualmente (saltitos.Observar o dos se os e na se OBSERVAÇÕES . .desenvolvimento histórico. apresentaremos a integração. buscando relacionar com a história identificando as relações sociais.Vivenciar a dança do Chote.Observar apreenderam ritmos conseguem introduzi-los dança . instigando os alunos à percepção das contradições. .No final faremos uma roda para discutir os movimentos realizados.Problematizar alguns elementos? Quem tem acesso à dança? Por quê? Para que serve a dança? . indumentária utilizada na autonomia. fotos. identificar na dança traços que caracterizam as relações sociais no desenvolvimento AULAS / DIA 08 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . “corridinha”.No início da aula Cooperação. OBJETIVOS ESPECÍFICOS . mesma. executar os movimentos básicos do chote carreirinho.Observar se identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões). (utilizaremos emancipação. giros) retomando elementos da aula de ritmo (contagens e tempos).

formados na aula Cooperação. . retomando elementos da aula de ritmo (contagens e tempos).histórico.Observar o dos se os se na se OBSERVAÇÕES .ao final realizaremos uma roda para discutir o que apreendemos até o momento. executar os movimentos básicos do chote carreirinho.Vivenciar a dança do Chote. OBJETIVOS ESPECÍFICOS . retomando elementos da aula de ritmo (contagens e tempos). .No início da aula organizaremos os Autonomia. dança: giro e bailado. vivenciar movimentos da Emancipação.compreender a postura na dança do chote e de modo geral nas danças gaúchas (fandango). Conhecer a indumentária utilizada na dança e seus significados. deixar os alunos falar.Os movimentos que serão vivenciados são: “corridinhas” e saltitos.Observar apreenderam ritmos e conseguem introduzi-los dança . . . Perceber as contradições. Respeito.Problematizar o formato da dança: Por que é de casal? Qual a relação entre menino e menina? (relacionar com a história). anterior. identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões). AULAS / DIA 09 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . AVALIAÇÃO Observar envolvimento alunos na aula.Em seguida vamos Diversidade. . verificar se percebem a relação do significado da indumentária com os elementos históricos. . individualmente na aula anterior.

(o que representam os movimentos?) .Utilizaremos fotografias e vídeos se possível para identificar posturas.bem como as relações sociais implícitas na dança. identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões). . .Durante as vivências discutir sobre a relação dos movimentos com a história.

Vivenciar a dança do Chote. AULAS / DIA 10 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .vivenciar a dança completa do chote com a música. anteriormente Cooperação.A partir da organização dos pares formandos Autonomia. Emancipação. .Ao final da aula faremos uma roda e junto com os alunos retomaremos a AVALIAÇÃO Observar o envolvimento dos alunos na aula.Proporemos a troca dos pares algumas vezes. Observar se apreenderam os ritmos e se conseguem introduzi-los na dança Observar se identificam os elementos da história na dança e as OBSERVAÇÕES . música. . completa do chote com a Diversidade. . vivenciaremos a dança Respeito.OBJETIVOS ESPECÍFICOS .

Em seguida vivenciar as Diversidade. do formato e da dança de modo geral).história do chote (significados da indumentária. chote de outras regiões. contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões). . OBJETIVOS ESPECÍFICOS Vivenciar e relacionar o Chote do Rio Grande do Sul com as demais manifestações do chote de outras regiões do país. Identificar os elementos que assemelham e AULAS / DIA 11 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . música. outras manifestações do Emancipação. . .Observar se os alunos identificam as características do chote gaúcho e se conseguem diferenciá-lo das demais OBSERVAÇÕES .Durante a vivência questionar os alunos e instigá-los a identificar os AVALIAÇÃO Observar o envolvimento dos alunos na aula. Respeito.Inicialmente em pares vivenciar a dança do Autonomia. chote completa com a Cooperação.

quem dança por que dança etc. - manifestações chote. - elementos semelhantes e diferentes. Emancipação. de um painel que sintetize a Cooperação.Atividade avaliativa: vamos propor a construção Autonomia. .Os alunos deverão apresentar os conhecimentos adquiridos sobre o conteúdo.diferenciam-nos. história. formação (significados). . AULAS / DIA 12 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .Propor junto com os AVALIAÇÃO Envolvimento dos alunos na aula. OBSERVAÇÕES . dança do chote contendo: Respeito. características específicas e comuns. do OBJETIVOS ESPECÍFICOS .Participação na construção do painel. indumentária e Diversidade.

Apresentar o conteúdo das Danças Açorianas. . Para isso precisamos de materiais.alunos a modificação de elementos que foram identificados e problematizados nas aulas. socialização. para em seguida vivenciálos OBJETIVOS ESPECÍFICOS . com o foco na Dança do Pau-de-fita. consciência crítica AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 13 .Apropriar-se do segundo conteúdo proposto na apresentação do primeiro dia de aula: as Danças Açorianas. que serão solicitados ou Cooperação.Introduzir o histórico da cultura açoriana. emancipação. AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . autonomia.

. manifestações no Brasil.Observar apreenderam ritmos conseguem introduzi-los o dos se os e na . OBJETIVOS ESPECÍFICOS .para os alunos. .Relacionar esta dança com a Quadrilha. .Contextualizar a colonização européia e os reflexos dela na atualidade. do pau de fitas e suas autonomia. emancipação.Sempre buscar fazer o socialização. .Apresentação de vídeos relacionados à esta dança.Vivenciar a Dança do Pau-de-fita. tão presentes na cultura goiana. pegando possíveis pontos em comum. link com a cultura consciência crítica goiana. AULAS / DIA 14 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . ou para a própria escola.No início faremos um breve histórico da dança Cooperação. dança típica das festas juninas. AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES Observar envolvimento alunos na aula. .

executar os movimentos básicos da dança juntamente com os movimentos básico do AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS No início da aula apresentaremos a indumentária utilizada na dança e o significado da mesma. serão feitas discussões. da Dança do Pau-de-fita.Passar vídeos que mostrem danças da cultura goiana e danças açorianas.Vivenciar a Dança do Pau-de-fita. emancipação. textos) Na seqüência Cooperação.Observar apreenderam ritmos conseguem introduzi-los o dos se os e na . socialização.. consciência crítica AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 15 Observar envolvimento alunos na aula. -Vivências em um local adequado na escola. . OBJETIVOS ESPECÍFICOS . autonomia.Sempre ao final das aulas. . pedindo para as crianças fazerem anotações que serão utilizadas no decorrer da regência.Observar se identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões). bem como das fitas(utilizaremos fotos.. dança . de passos básicos.

deixar os alunos falarem. pegando possíveis pontos em comum.Observar se apreenderam os ritmos e . consciência crítica AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 16 Observar o envolvimento dos alunos na aula.ao final realizaremos uma roda para discutir o que apreendemos até o momento. OBJETIVOS ESPECÍFICOS .Problematizar o formato da dança: Por que é de casal? Qual a relação entre menino e menina? (relacionar com a história).Vivenciar a Dança do Pau-de-fita. autonomia.Observar se identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões).Passar vídeos que mostrem danças da Cooperação. . emancipação. executar os movimentos básicos do entrelaçamento das fitas e a posição AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .Buscar fazer o link com a cultura goiana.entrelaçado das fitas formaremos pares para vivenciar os movimentos da dança iniciados individualmente na aula anterior. . . socialização. dança . .

Observar se identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões).compreender postura na dança. OBJETIVOS ESPECÍFICOS . socialização. consciência crítica AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 17 Observar o envolvimento dos alunos na aula.Vivenciar a dança completa. pedindo para as crianças fazerem anotações que serão utilizadas no decorrer da regência.Observar se apreenderam os ritmos e conseguem . autonomia. conseguem introduzi-los na dança . . . emancipação.básica da roda.Proporemos a troca dos Cooperação. . a cultura goiana e danças açorianas.A partir da organização dos pares formandos anteriormente vivenciaremos a dança completa do pau de fitas com a música. AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .Vivenciar a Dança do Pau-de-fita. .

consciência crítica AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 18 Observar o envolvimento dos alunos na aula. emancipação. . autonomia.Vivenciar a dança do pau de fitas com outra variação de posição na roda. introduzi-los na dança .Observar se identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões).Ao final da aula faremos uma roda e junto com os alunos retomaremos a história da dança do pau de fitas (significados da indumentária e das cores das fitas.Relacionar a dança do pau de fitas com AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .pares algumas vezes. pegando possíveis pontos em comum. do formato e da dança de modo geral). . .Buscar fazer o link com a cultura goiana.Inicialmente em pares vivenciar a dança do Cooperação. . socialização.Observar se apreenderam os ritmos e . OBJETIVOS ESPECÍFICOS .

. conseguem introduzi-los na dança . pau de fitas contendo: socialização. indumentária e consciência crítica formação (significados).Atividade avaliativa: vamos propor a Cooperação. construção de um painel autonomia.Participação na construção do painel. características específicas e comuns.Observar se identificam os elementos da história na dança e as contradições e se relacionam com as aulas anteriores (participação nas discussões). .as manifestações de dança de Goiás chote completa com a música. AULAS / DIA 19 SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS .Os alunos deverão apresentar os conhecimentos adquiridos sobre o conteúdo. OBJETIVOS ESPECÍFICOS . que sintetize a dança do emancipação. história. quem dança AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES Envolvimento dos alunos na aula.

por que dança etc. enfatizando os aspectos econômicos. materiais etc. . .Capacidade de sistematização do conteúdo trabalhado. a partir dos dados coletados no AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS Organização em dois grandes grupos – um de Danças Açorianas e outro de Danças de Fandango – para a elaboração de um trabalho que será apresentado no Festival de Cultura Popular.Os grupos produzirão artesanatos. históricos e sociais da região Sul. AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 20 . .Sistematizar o conteúdo aplicado em um trabalho de grupo. para em seguida vivenciá-los OBJETIVOS ESPECÍFICOS .Propor junto com os alunos a modificação de elementos que foram identificados e problematizados nas aulas.

emancipação.Participação no festival. faremos um ensaio geral para a apresentação das danças. ou seja.. usarão a imaginação para produzir seus materiais. socialização. autonomia. OBJETIVOS ESPECÍFICOS . Popular. para exposição no Festival. consciência crítica AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 21 . . AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . .Na aula propriamente dita.decorrer da regência.Organização das vivências em aula e envolvimento no Festival. a partir da sua realidade.Festival de Cultura Cooperação.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS . AULAS / DIA SEQUENCIADOR DE AULAS PROCEDIMENTOS PRINCÍPIOS METODOLÓGICOS PEDAGÓGICOS . AVALIAÇÃO OBSERVAÇÕES 22 Participação debate. Captar a desconstrução de alguns conceitos anteriormente presentes nas crianças e a construção de novos.Debate acerca das impressões dos alunos no decorrer das aulas. Debater com as crianças o que mais chamou a atenção no Festival. no .Roda de conversa: .Compreender e debater acerca do conteúdo trabalhado. .Emancipação.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful