Você está na página 1de 10

IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

Palestra sobre Sonen


Orientações de Kyoshu-Sama

1 - Quem somos nós?

• Temos um corpo físico e dentro dele uma Partícula Divina


• Sobre a Partícula Divina
• Sobre o nosso corpo físico e espiritual

2 - De onde viemos?

3 - Para onde vamos?

4 - Qual é a finalidade da nossa existência?

5 - Quem é Meishu-Sama?

6 - Quem é o Supremo Deus?

7 - O que é o Sonnen?

7.1 - Quais são os objetivos da prática do Sonnen?

7.2 - Como devo praticar o verdadeiro Sonnen da Era do Dia?

1
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

1- Quem somos nós? (Palavras do Kyoshu-Sama):

Temos um corpo físico e dentro dele uma Partícula Divina

1)” Não podemos nos esquecer, em nenhum momento, que o nosso corpo nos foi
confiado por Deus e que, dentro dele, existe uma partícula Divina. Se não fosse por
isso, a Obra Divina de Construção do Paraíso Terrestre e da Salvação da Humanidade,
seria como a circunferência da palavra “SU”, mas sem o ponto no meio, ou seja, algo sem
espírito, sem alma”.

2)Vejamos então de que maneira Meishu-Sama compreendia e sentia que, dentro da sua
própria vida, existia a presença do Deus Supremo, Criador de todas as coisas e fonte da
Força Ilimitada. Ele escreveu os seguintes poemas:

• “Deus está vivo e nos outorgou a vida para sermos felizes”;


• “Saibam que não somos nós que colocamos vida na alma. Isso é feito
pelas Mãos de Deus”.
• “Deus é o doador da vida, não há como crescer voltando às costas para
ele”.

Sobre a Partícula Divina

1) “Entretanto, nós estamos aqui hoje por possuirmos uma partícula divina outorgada por
Deus Supremo. Devemos ter consciência de que ela é o próprio Deus Supremo e que,
através dela, nós recebemos a força da vida.
O simples fato de nós existirmos agora, neste exato momento, significa que Deus
também está vivo e está vertendo em nós, juntamente com Seu profundo e incalculável
amor, a essência da vida. Deus, que nos ama profundamente, com certeza não deixaria
de mostrar isso para nós. ...

2) “Então, vem a pergunta: Qual é a nossa essência? A resposta é o nosso “centro”, o


“personagem principal”, que Meishu-Sama define como a partícula divina que recebemos
de Deus Supremo, a consciência vinda da fonte da nossa natureza divina, a invisível
força da vida. Essa é a essência que cada um de nós ganhou de Deus, a nossa
verdadeira “terra natal”. Esse não é o mundo limitado que foi criado. É Paraíso, mundo
eterno e ilimitado, que tudo cria”.

Sobre o nosso corpo físico e espiritual

1) “Nós somos a união de um número infinito de antepassados. E o elo espiritual desse


incrível número de antepassados está ligado ao nosso espírito”. É assim como é explicado
na transmissão do código genético, não somos frutos de algumas poucas gerações. Na
2
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

verdade, somos a união de um incontável número de antepassados que começaram a


existir desde a criação do Céu e da Terra. Não podemos esquecer que a consciência
egoísta que eles – e todas as criaturas que passaram pelos vários processos de
evolução – criaram está ligada, no presente, à consciência egoísta de cada um de nós
por um elo espiritual que ultrapassa a barreira do tempo e do espaço.
Dentre esses antepassados, existem muitos que devem ter conseguido sentir alegria e
gratidão por terem tido contato com Deus Supremo. Entretanto, muitos não sentiram
essa alegria e partiram deste mundo sem terem alcançado a verdadeira tranqüilidade
de espírito. A consciência egoísta desses antepassados se sedimentou, como que em
camadas, e hoje se liga às nossas células e à nossa consciência egoísta, fazendo
com que se criem nuvens em nosso pensamento. Este fato, por sua vez, não permite
que o sentimento de gratidão e a verdadeira felicidade brotem em nossos corações.
Essa situação nos faz ver que a nossa vida atual é a extremidade final, em que somos
responsáveis por carregar, em nós mesmos, o egoísmo destes milhares de antepassados”.

1. De onde viemos? (Palavras do Kyoshu-Sama)

“Nós também somos existências projetadas do mundo divino, no qual nos foi
outorgada uma partícula divina antes de encarnarmos neste mundo. Também
recebemos o corpo que a contém e o nosso sentimento, na forma da nossa consciência
egoísta. Podemos dizer então, que temos, dentro de cada um de nós, todas as dimensões
existentes entre o mundo divino e o mundo material”.

2. Para onde vamos?

Estamos de volta para o Mundo Divino junto com os Antepassados e descendentes que é o
inicio da nossa existência, guiados por Meishu-Sama. Que se tornou uno com Deus,
através dele Deus revelou o seu objetivo. Por isso Meishu-Sama renasceu na mesma
encarnação como o Messias. Portanto, podemos concluir que cada um de nós está no
CAMINHO DE RETORNO PARA O ESPÍRITO DO SUPREMO DEUS, e esta é a
conscientização que hoje nos é solicitada.

(Palavras do Kyoshu-Sama)

1) “Entretanto, analisando pelo aspecto de podermos voltar ao seio de Deus, ao qual


estamos ligados através do elo espiritual, podemos dizer que cada um de nós está no
CAMINHO DE RETORNO, e essa é a conscientização que hoje nos é solicitada. É por isso
que devemos juntamente com os antepassados ligados a nós, e as milhares de pessoas
com quem Meishu-Sama permitiu que tenhamos afinidade, nos religar a Ele (Meishu-Sama)
e assumir a responsabilidade de retornar à verdadeira origem da vida, que é a terra natal de
nossa alma”.
“É neste o ponto que encontraremos o contínuo desenvolvimento rumo à formação
individual, ou seja, o aprimoramento para nos tornarmos seres perfeitos. É por isso que,
mesmo que o sentimento de gratidão e felicidade floresça em nosso coração, não podemos
3
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

esquecer o grande número de antepassados que estão ligados à nossa consciência


egoísta, e que viveram de forma triste, dominados pelas emoções. Devemos, portanto,
nunca esquecer que somos os intermediários para pedir à Meishu-Sama que eles sejam
recebidos, purificados e verdadeiramente salvos pela Luz de nosso Mestre.

2) “Muitas vezes olhamos para quem nos atormenta com desprezo, julgamos tanto o
próximo como a nós mesmos. Acredito (K.S.) que esse nosso pensamento e atitude
acabam influenciando tanto as coisas da natureza como o nosso físico e o nosso
emocional. Para que Meishu-Sama se manifeste, precisamos nos conscientizar de que
somos imperfeitos e aceitar que essas situações que nos incomodam foram criadas para
sermos purificados. E pedir que, juntamente com nossos antepassados e das pessoas com
quem estamos envolvidos, possamos ser purificadas e salvas por Meishu-Sama, para
assim retornarmos ao espírito do Deus Supremo.

3) “Por isso, precisamos cultivar duas coisas: o sentimento de gratidão em relação às


coisas com que temos afinidade, e o desejo de retornarmos “juntos” à origem da vida.
Assim, quando cada indivíduo conseguir alcançar a consciência de que é representante de
todas as coisas e de toda humanidade, e que tem relação inseparável com essas coisas,
ele estará apto a conseguir servir verdadeiramente como “Representante de Deus”.

3. Qual é a finalidade da nossa existência? (Palavras do Kyoshu-Sama)

1) “Deus Supremo nos enviou a esta Terra para formar cada um de nós, discípulos de
Meishu-Sama, como SEU REPRESENTANTE e, ao mesmo tempo, nos utilizar como ponto
de apoio para realizar a construção do Paraíso terrestre. Além disso, podemos dizer que
cada um de nós é também um REPRESENTANTE DOS ANTEPASSADOS, pois atuamos
como um GUIA que conduz todos eles à Meishu-Sama. Para muitos deles, nós
representamos a referência para que encontrem a “Corda da Salvação” tão esperada, que
os levará ao Paraíso.
Por isso devemos sempre observar, na posição desse nosso “segundo eu”, todos os
pensamentos e emoções que surgem no interior de nossos corações, mesmo aqueles que
não sejam tão agradáveis, mesmo aqueles que sejam difíceis de serem aceitos, sem
simplesmente querer eliminá-los. Além disso, não podemos “cortar relações” com aqueles
antepassados que se distanciaram da Luz, ou que não conseguem receber as maravilhosas
bênçãos da vida.
Temos a responsabilidade de informá-los de que precisam fazer uma reflexão, pois estão
sendo salvos e perdoados por Deus através de Meishu-Sama.”.

2) “Eu (K.S.) venho sentindo que cada um dos senhores é, verdadeiramente, uma
existência única. Certamente Deus, que é o Pai da vida, olha para cada um de nós e fala:
“Primeiro, eu preparei todos vocês no Mundo Divino. Depois escolhi cada um de
vocês por considerá-los necessários no Mundo Material. Quero que entendam isso”.
“E Eu possuo um grande amor para com todos os homens e seres vivos, e estou querendo
agraciar a todos. Por isso, quero que você entenda que vou utilizá-lo para difundir esse meu
sentimento a todos os seres vivos”.
4
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

Além disso: “O fato de vocês serem diferentes um dos outros é por que eu preciso de
cada um de vocês. Por isso eu os enviei ao Mundo Material. Se eu coloquei minha
partícula divina em cada um, e outorguei a todos a minha consciência e minha força
da vida, juntamente com o primeiro ar que inspiraram, é porque quero fazer de vocês
meus filhos”.

4. Quem é Meishu-Sama? (Palavras do Kyoshu-Sama)

1) “É com imenso e profundo respeito que louvamos o único e Supremo Deus, que
outorgou a Meishu-Sama seu próprio espírito e, através dele, nos revelou o seu
objetivo. Segundo este objetivo, possuindo a personalidade divina de Deus, Meishu-Sama
vem até hoje desenvolvendo vigorosamente, sem a mínima imprecisão, a Obra Divina da
Construção, transpondo as dimensões do presente, do passado e do futuro em um só corpo
com Deus”.

2) “E, além disso, em 1952, Meishu-Sama afirmou: “Como eu sempre digo, existe uma
bola de luz em meu ventre. Ela é a alma do Supremo Deus e todas as minhas ações
são comandadas por Ele. Ou seja, não existe diferença entre a atuação de Deus e o
homem, e este é o verdadeiro estado de união com Deus”. Ele também escreveu isso
no poema: “Sou homem, mas não sou homem, sou Deus, mas não sou Deus, quando
penso sobre mim mesmo”.

3) “É assim que Meishu-Sama tinha entendido claramente que Deus não era apenas uma
existência ideológica, mas que existia dentro de sua própria vida. Não seria exatamente por
isso que Ele captou o desejo de Deus Supremo de estender a mão da salvação para a
humanidade, que, pela própria ignorância, vem menosprezando a existência de Deus e, por
isso, vem se extinguindo”?

4) “O que eu sinto através da postura de nosso Mestre, dos seus textos, palavras, poemas
e caligrafias, enfim, todas as práticas dentro da Sua vida, é que Ele queria nos mostrar que
Deus Supremo está ciente de tudo, que sempre esteve vivo no passado, no presente e
continuará eternamente vivo no futuro. Não posso deixar de pensar que Meishu-Sama está
nos guiando para podermos entender isso e saborear a alegria de sermos instrumentos de
Deus Supremo”.

5) “Reconheço que Meishu-Sama tenha atingido o estado de poder renascer nesta vida
como o Messias, ou seja, como o verdadeiro filho que herdou a Obra do Deus Supremo.
Sinto que Meishu-Sama teve a indubitável percepção de que, de fato, Deus permanece
eternamente vivo. Eu também, em consonância com esse sentimento de Meishu-Sama, e
ultrapassando as barreiras físicas da vida e da morte, preciso me aprimorar para adquirir a
consciência da existência desta vida eterna. Creio que é para adquirir esta formação que
preciso passar pelos vários tipos de purificação e, ao mesmo tempo, preciso me purificar de
corpo e alma, através da prática do Johrei”.

5
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

6. Quem é o Supremo Deus? (Palavras do Kyoshu-Sama)


“O motivo que me leva a falar dessa maneira e que, até hoje, eu vinha apreendendo a
existência do que chamamos Deus apenas em palavras. Eu o compreendia como uma
existência que eu não podia ver nem ouvir. Para mim, Deus era uma existência vazia
em sem emoções. Apenas quando via a manifestação da força do Johrei ou quando
acontecia algo extraordinário, eu sentia que era a atuação de Deus. Sequer procurava
entender de que maneira eu estava aceitando o fato de Deus existir dentro de mim, ou
o que poderia fazer para ter contato com essa consciência de vida. Eu só conseguia
compreender a existência de Deus como um ser a quem devo pedir ajuda em
momentos de dificuldade, ou como um Deus que realiza coisas do meu agrado, ou
que atua conforme a minha vontade ou para me satisfazer.
Realmente não era o espírito precedendo a matéria, mas pelo contrário, a matéria
precedendo o espírito. Se eu não conseguir aceitar que Deus é o Pai que me deu a
coisa mais importante, que é a vida, será muito difícil me relacionar com ele.
Penso que preciso me libertar desse longo período de egoísmo, renovar meu
sentimento e admitir, de forma obediente, que Deus não é apenas como nós
determinamos em nosso pensamento. Devo me voltar para Deus aceitando que Ele
que está vivo dentro de mim, no ar que nós respiramos e dentro do pensamento que
preenche minha cabeça. Se não pensarmos desta maneira, com nós conseguiremos
saborear a verdadeira felicidade?”

7 - O que é o Sonnen?

Sonnen é o que você acredita. É o que você aceita. O homem depende do seu
Sonnen.
O Sonnen é o pensamento, o sentimento e a vontade da pessoa. É uma trilogia. É o
que movimenta a pessoa. Quando a pessoa acredita, aceita e pensa profundamente numa
verdade, essa verdade se materializa em sua vida. O Paraíso que é invisível começa a se
expandir dentro da própria pessoa.
O homem pode criar o inferno ou o Céu na sua vida de acordo com a sua maneira de
pensar. Tudo começa no pensamento da pessoa. Isso é que é livre arbítrio. Cada um
escolhe o caminho do Céu ou do inferno de acordo com sua maneira de pensar. Para
salvar uma pessoa precisamos trabalhar o seu Sonen, o que ela acredita e aceita e
tirá-la da ilusão. Tirar toda a mentira de dentro da pessoa. Limpar o seu coração.

7.1 Quais são os objetivos da prática do Sonnen?

1º - Os antepassados se manifestam através dos seus pensamentos e emoções. À medida


que os pensamentos e emoções dos antepassados vão sendo purificados, a alma vai se
expandindo e nós e antepassados passamos a saborear a verdadeira felicidade. É questão
de ordem e de tempo. Também é grande oportunidade de dedicarmos junto com os
Antepassados para que eles possam se elevar o mais rápido possível. Dedicar junto
com os antepassados na ministração do Johrei que é a vida da nossa igreja, na prática de
6
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

donativos, no servir, no encaminhamento, na limpeza das unidades religiosas, na


distribuição das vivências, agricultura natural e etc. Assim eles vão sendo purificados,
perdoados e salvos por Meishu-Sama.

2º - É o de manifestar o Paraíso o mundo Eterno e ilimitado, que se encontra dentro


de cada um de nós, para saborearmos a verdadeira felicidade. Fazer a alma se
expandir infinitamente. Os sentimentos puros, sinceros e naturais fazem a alma recebida do
Supremo Deus se manifestar. Devemos sempre confirmar se o sentimento que está se
manifestando dentro de nós representa o sentimento, o desejo e a vontade de Meishu-
Sama. Agindo assim, colocando Meishu-Sama na frente de tudo, nos tornamos um canal
vivo do Messias. Meishu-Sama passa a manifestar a Força Absoluta através de nós.

3º - É o de construirmos uma fé profunda no Supremo Deus através do Messias e


Salvador Meishu-Sama. Por isso que são importantes as experiências de fé. Temos que
relatar as experiências de fé. As pessoas que chegam pela 1ª vez, freqüentadores e
membros vão se identificando com as experiências de fé relatadas que são semelhantes
aos seus problemas e vão pouco a pouco construindo a sua fé, ganhando a convicção de
que quanto mais limpamos o nosso interior mais expandiremos o Paraíso e a felicidade
dentro de nós.

(Palavras do Kyoshu-Sama)

1) “O tempo que vivemos neste mundo é muito curto. Durante toda a nossa vida,
certamente acontecem coisas boas e ruins, e até coisas que parecem ser obra humana.
Tudo isso está dentro dos objetivos de Deus Supremo, e eu acredito que Meishu-Sama está
nos ensinando que estamos sendo utilizados por Ele. Da mesma maneira que, se um de
nossos antepassados não tivesse existido, não haveria como estarmos aqui hoje, acredito
que se uma parte do nosso passado não tivesse existido, não seríamos o que somos hoje.
Todo o meu passado está ligado ao “eu” do momento presente. Todo o futuro também se
encontra dentro de nós. E esse futuro pode estar próximo como pode estar distante, mas
quem tem esperanças ou está desejando alguma coisa é o nosso “eu” do presente. Por
isso, temos de cuidar muito do “sonnen” do “eu” do presente”.

2) “Meishu-Sama nos fala, em Seus Ensinamentos: “O nosso sonnen, que é invisível, pode
chegar não somente aos limites do mundo, como se expandir ilimitadamente em apenas um
piscar de olhos”“. Em um de Seus poemas, ele declara: “As forças invisíveis são
limitadas, mas as invisíveis são ilimitadas”.
O pensamento, por ser invisível, consegue ultrapassar as barreiras do tempo e do
espaço e, através do incalculável número de elos espirituais, alcança os seres
humanos, vivos, como também aos antepassados e todas as outras coisas. Essa
força, longe de ser fraca, é muito potente.
Transmitimos e recebemos constantemente isso a que chamamos pensamento, mas a alma
alojada dentro de cada um de está ligada a Deus Supremo, permitindo uma comunicação
contínua, que nos traz constantemente Luz através do elo espiritual. Se nos
conscientizarmos plenamente que Deus Supremo, possuidor de uma maravilhosa força e
7
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

inteligência, está vivo dentro do “eu” do presente, com toda a vivacidade por toda a
eternidade, seja qual for a situação que tivermos que enfrentar, nunca perderemos a noção
de estarmos sendo utilizados para deixar Meishu-Sama se fazer presente. Assim, com toda
a certeza estará se abrindo um brilhante futuro, repleto de esperanças”.

3) “Nós estamos aqui, neste mundo material, para sermos “Representantes de Deus” para
servir de instrumento e base de apoio a Obra. A propósito, onde será que fica esse
Paraíso? Como nós também viemos do Mundo Divino, que é eterno e ilimitado, o
Paraíso está presente dentro de cada um de nós. Mas ele é invisível, e aceitar o que é
invisível é muito difícil. Nós não conseguimos ver esse Paraíso invisível dentro de
nós, mas precisamos compreender e aceitar que ele realmente existe. Assim, a
necessidade de cada um, dentro de si, pensar repetidas vezes sobre isso, pois o
Sonen constante possui uma profunda relação com uma grande criatividade”.

7.2 Estou conseguindo construir diariamente o verdadeiro Sonnen da Era do Dia?


Como devo praticar?

1. Todo dia de manhã, ao levantar da cama pensar em 3 pontos:

1.2 - Eu tenho a partícula divina, sou representante de Deus neste mundo, e as outras
pessoas também.

1.2 – Sou a soma dos meus antepassados, portanto, também sou representante de
todos eles. Quero que eles se manifestem através dos meus pensamentos e
sentimentos, para que eu possa encaminhá-los a Meishu-Sama.

1.3 – “Junto” com eles, quero servir à Obra Divina como instrumento de Meishu-Sama.

2 – Todo dia à noite, antes de dormir, refletir sobre um determinado ponto:

2.1.- Quero agradecer a Deus e Meishu-Sama por ter servido hoje “junto” com meus
antepassados.

(Palavras do Kyoshu-Sama)

1) “A humanidade veio, até hoje, menosprezando a existência de Deus, guerreando


entre si e gerando confusão e caos. Eu sinto que o sentimento de desordem e
desarmonia destes milhares de antepassados é o mesmo sentimento que possuímos
hoje. E, como nos deixamos envolver por este sentimento, deixa também de adquirir a
verdadeira tranqüilidade e alegria eterna. Então, qual será o sentimento que nós
precisamos ter?

8
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

Eu acredito que, se nascerem sentimentos negativos como raiva e ódio, ou


intranqüilidade e indecisão dentro do nosso coração, não há necessidade alguma de
negarmos esses sentimentos ou tentarmos sufocá-los de alguma forma. Temos de fazer
como Meishu-Sama nos ensinou: criar um “segundo eu”, para observar os nossos
sentimentos como se fosse uma outra pessoa. Isso não é tarefa fácil para ninguém, pois
quando a pessoa se esforça excessivamente para refletir o ser prudente, acaba sempre
escondendo seus sentimentos nas profundezas do coração. E mais: apesar dos nossos
sentimentos e emoções ocorrerem dentro de nós, sempre achamos que eles são
gerados fora, ou seja, o motivo está em quem está ao lado, ou na situação à nossa volta
e, assim, não conseguimos enxergá-los como um problema que está dentro de nós
mesmos.
Um dos treinamentos básicos que devemos realizar, pelo menos uma vez ao dia, é
olhar para nós mesmos como nosso “segundo eu”, pois como somos a soma de
nossos antepassados, sentimos os vários tipos de Sonnen de cada um deles
como se fossem os nossos próprios. E isso torna possível que eles sejam
perdoados, purificados e salvos.”

2) “Para informar isso aos antepassados, precisamos falar voltados para nós
mesmos, pois, apesar deles terem perdido seu corpo carnal, estão presentes
dentro de nós, como consciência e Sonnen. Assim para “juntos” sermos
purificados, precisamos retornar ao trono do Deus Supremo, que é o pai de toda a
vida, nos centralizando em Meishu-Sama, ou seja, nos entregando de corpo e alma
a Ele.
Em relação a este “juntos”, não podemos nos esquecer que os nossos antepassados
estão ligados a todos os antepassados das pessoas que vivem na face da Terra, ou
seja, o indivíduo “EU” existe “junto” não só com nossos familiares, nossos amigos e
conhecidos, enfim, pessoas com quem possuímos afinidade: existe “junto”, também,
com todas as outras pessoas que vivem na face da Terra, e todos seus antepassados.”

3)“Para que possamos nos tornar alguém verdadeiramente qualificado como


“representante de Deus”, devemos nos libertar do conflito que existe dentro da nossa
natureza humana devido a sua dualidade, ou seja, a nossa tendência à alternância entre
os sentimentos antagônicos – o bem e o mal. É importante estarmos sempre atentos
com relação a isso, mas, mesmo que queiramos atingir a perfeição da nossa natureza
humana, neste mundo, isto é impossível. Mesmo procurando sempre ter bons
sentimentos como a fé, a sinceridade, a gratidão, o amor altruísta, sentimentos
antagônicos a estes estarão sempre nos perseguindo. Isso porque a autoconsciência e
a sua manifestação, que é a natureza humana, são produtos do mundo “criado” que é o
mundo material, local onde as forças do bem e do mal vivem em conflito, onde as coisas
são divididas e limitadas, e nada é eterno”.

4) “Para que possamos viver no Paraíso, onde é possível trilhar pelo caminho da vida
eterna, não há outra alternativa a não ser rogar ao Deus Supremo, que é a consciência
da origem de toda a vida, para que nos faça crescer, aceitando essa nossa natureza
humana, mesmo que isso seja um pedido muito egoísta a se fazer. Tomar essa firme
9
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275
IGREJA MESSIÂNICA MUNDIAL DO BRASIL

decisão é a fé que preciso ter. Se eu perder essa fé, para mim significa que nunca
conseguirei alcançar os resultados tão esperados como ser humano. Então, o que
precisamos fazer para que Deus aceite essa nossa natureza humana, que ainda não é
perfeita? É aí que reside o grande significado da existência de Meishu-Sama”.

10
Av.24 de Julho nº 1274 - Polana Cimento - Maputo
Moçambique
Telefone + 258-21-300-275

Interesses relacionados