Introdução Temos uma diversidade de proteínas, ela é uma das substancias mais importantes que temos na nossa célula

. Ela é responsável por todas as reações que ocorre no corpo humano. Todas as nossas características estão presentes no cromossomo, eles são formados através da fita de DNA que é uma camada formada por dupla hélice. Em uma parte do DNA encontramos o gene, que é responsável pela informação genética, ele produz uma proteína e é ela que se denomina a característica de cada pessoa. O DNA (encontra-se no núcleo da célula) ele forma a fita através do processo de transcrição e então em formado o RNAm (tem a função de carregar a informação). Ele sai do núcleo através dos poros e vai para a carioteca, podendo ir para o citoplasma. As proteínas que vem através dos aminoácidos pela digestão dos alimentos, são encadeados nos ribossomos do RNAm, elas levadas para o RNAm através do RNAt. Toda proteína depende do DNA que tem a informação e do RNA que vai transcrever a informação nela presente.

Desenvolvimento As proteínas são macromoléculas constituído por aminoácidos formado por carbono, hidrogênio e oxigênio, alguns possuem enxofre na sua composição. A formação da proteína é feita de 20 aminoácidos, 12 sintetizados pelas células humanas e 8 são obtidos por alimentos ricos em proteínas. O numero de arranjo de aminoácidos na célula proteica é praticamente infinito.

por exemplo. alterações de pH e outros fatores. O sangue necessita das proteínas para os glóbulos vermelhos. hormonal. hormônios. colágenos e o pigmento que define a cor da nossa pele. a imunidade do nosso corpo também depende das proteínas que são necessárias para a formação de anticorpos e glóbulos brancos que combatem as doenças. elas são responsáveis pelo crescimento de unhas. insulina também são proteínas. ossos. a proteína torna-se inativa. Proteínas com uma única cadeia é chamada de polipeptídicos. é esse grupo que classifica cada grupo de proteínas. Metade do peso do nosso musculo esquelético é formado por proteínas. sangue. pele. podendo ser provocado por altas temperaturas. Se os carboidratos e gorduras não satisfazem as necessidades de energia do nosso corpo. nutritivo. Esse processo de alteração da forma da proteína é denominado desnaturação. as enzimas e hormônios. reparação de tecidos. pois se ela é alterada. músculos. . as que possuem apenas aminoácido são chamados de proteínas simples (homoproteínas) e as que contem outros elementos químicos são chamados de proteínas conjugadas (heteroproteínas). Pode causar alterações como por exemplo alterações das hemacias causando anemia falciforme. as com duas ou mais são chamadas de multisubunidades como por exemplo a molécula da hemoglobina humana. anticorpos. enzimática. O tamanho das moléculas de proteínas varia de acordo com seu tipo e função. órgãos internos. As proteínas são feitas da leitura do RNAm com a combinação dos nucleotídeos originam-se os aminoácidos. as proteínas podem ser quebradas e usadas como fonte de energia. glóbulos brancos e numerosos compostos do plasma.A forma das proteínas é um fator muito importante em sua atividade. Algumas proteínas também podem ser formados por diferentes tipos de aminoácidos. São usadas para tudo no nosso corpo. De uma maneira geral. proteínas que contem lipídios são chamados de lipoproteínas. A região da proteína onde esta esse elemento é chamado de grupo prostético. as proteínas desempenham nos seres vivos as seguintes funções: estrutural. coagulação sanguínea e transporte. As proteínas podem ser agrupadas em várias categorias de acordo com a sua função. proteínas que contem açúcares são chamados de glicoproteínas. cabelos. de defesa. por exemplo.

Essas grandes unidades de DNa em associação de proteínas podem ser coradas com corantes e visualizações ao microscópico óptico como cromossomos.Estrutura dos ácidos nucleicos O DNA e RNA tem grandes semelhanças químicas. O comprimento dos RNA celulares varia de menos de cem ate muitos milhares de nucleotídeos. As moléculas de DNA celulares podem ser tão longas quanto inúmeras centenas de milhões de nucleotídeos. ambos são polímeros (unidades químicas múltiplas) lineares compostas de monômeros (unidades químicas simples). é chamado nucleotídeos. Nas suas estruturas básicas. .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful