Você está na página 1de 20

Biologia

Aula 1
A Célula Os Reinos

A célula foi identificada pela primeira vez em Os seres vivos são divididos em reinos de
1.667 por Robert Hooke, visualizada em um microscópio acordo com suas características:
primitivo, composto por duas lentes de aumento, • Monera: inclui todos os procariontes, são
associadas a um tubo. Com este microscópio, Hooke seres unicelulares. Ex. bactérias e ciano-
observou que a cortiça apresentava pequenas celas vazias bactérias (antigas algas azuis).
(formadas pela parede celular) e as chamou de células.
Ao contrário do que se pensou inicialmente, as • Protista: todos unicelulares (em discussão a
células não são pequenas celas vazias, são uma pequena inclusão neste reino de algas pluricelulares)
usina da qual depende todo o funcionamento do corpo de podendo ser heterótrofos (protozoários) ou
um ser vivo. Existindo inclusive seres compostos por autótrofos (algas fotossintetizantes).
apenas uma célula (unicelulares portanto, como é o caso • Fungi: Este reino engloba todos os fungos,
das bactérias e dos protozoários). que são seres eucariontes, unicelulares ou
Existem dois tipos principais de células: as pluricelulares, heterótrofos.
procarionte e as eucariontes. • Metaphita ou (Plantae): englobam os
As células procariontes são as células mais organismos pluricelulares e autótrofos.
primitivas. Não apresentam um núcleo definido, já que não
possuem a membrana carioteca envolvendo-o. O material • Metazoa ou (Animalia): são pertencentes a
genético fica espalhado pelo citoplasma, e possuem como este reino todos os animais eucariontes,
única organela citoplasmática os ribossomos (que são pluricelulares e heterótrofos.
responsáveis pela síntese de proteínas)
As células eucariontes são mais evoluídas Os vírus formam um grupo a parte, não classificados
presentes nos protozoários e seres pluricelulares. Tem o como seres vivos, pois apresentam características de
material genético separado do restante do citoplasma por transição entre um mineral e um ser vivo.
uma membrana nuclear (formando um núcleo), e outras
organelas celulares membranosas, como: Vírus
Reticulo endoplasmático liso: responsável pelo Os vírus são seres acelulares, parasitas
armazenamento de lipídeos (gorduras) no interior da intracelulares obrigatórios, (não possuem metabolismo
célula. próprio necessitando de outro organismo para sua
Reticulo endoplasmático rugoso: responsável reprodução) formados por apenas um tipo de acido
pela síntese de proteínas a serem excretadas pela célula. nucléico (DNA ou RNA) e uma cápsula protéica, e em
Complexo de Golgi: secreção e síntese de alguns casos por um envelope lipoprotéico. Possuem
substâncias. capacidade de reprodução e mutação. São visíveis somente
Mitocôndrias: Responsáveis pela respiração ao microscópio eletrônico.
celular (produção de energia para o funcionamento da
célula).
Cloroplastos: Organela presente em células
vegetais responsáveis pela fotossíntese (produção de
glicose através da energia da luz do sol).

Esquema de um vírus

Principais Viroses
Febre amarela: Transmitida pela picada do mosquito
Aedes aegipiti contaminado, afeta fígado, baço, rins,
medula óssea, e gânglios linfáticos. a profilaxia é dada
através da vacinação
Dengue: Transmitida pela picada do mosquito Aedes
aegipiti contaminado é caracterizada por fraqueza,
febre alta, dores musculares e nas articulações,
aversão a luz e manchas vermelhas pela pele, em sua
forma mais grave (dengue hemorrágica) ocorrem
sangramento da gengiva e hemorragias internas. A
principal forma de prevenção é o controle do Varíola: Doença erradicada através da vacinação.
mosquito. Caxumba: Contato com objetos contaminados e com
Gripe: Transmitida por gotículas de saliva saliva contaminada podem transmitir essa virose que
contaminadas, causa infecção das vias aéreas ataca principalmente glândulas salivares
superiores e pode ser prevenida através da vacinação. parótidas(abaixo da orelha) podendo também atingir
Herpes: transmitido pelo contado direto com a pessoa testículos e ovários.
com manifestação da doença, pode ser na forma Raiva: transmitida pela saliva de animais
labial, ou na forma genital (DST), em ambas as contaminados, ataca o sistema nervoso central
formas surgem pequenas ulcerações (feridas) na causando danos irreparáveis, sua profilaxia se da
região afetada que cicatrizam em poucos dia sem através de vacinação.
deixar sinais, o vírus fica em forma latente se Hepatite Infecciosa: A contaminação se da pela água
manifestando em períodos variáveis. A prevenção se ou objetos que entraram em contato com fezes de
da evitando o contato direto com pessoas com a indivíduo infectado, ataca o fígado, a profilaxia se da
manifestação do vírus pelo saneamento básico.
AIDS: (Síndrome da Imunodeficiência
Humana)DST(doença sexualmente transmissível) Reino Monera
pode ser transmitida também por transfusão de sangue
ou via congênita(de mãe para filho através do cordão O reino monera compreende as bactérias as
umbilical),caracteriza-se pela diminuição da cianobactérias (algas azuis ou cianofíceas), que são seres
imunidade do afetado facilitando a contaminação por procariontes. Esses organismos podem viver como células
doença oportunistas. A profilaxia se da pelo uso de isoladas, microscópicas, ou formar colônias visíveis a olho
preservativo nas relações sexuais, cuidados com nu,compostas por muitos indivíduos.
transfusão de sangue e no caso da transmissão Os integrantes deste grupo são todos procariontes
congênita um pré natal bem feito. (sem organelas membranosas, nem membrana nuclear), as
Sarampo: Transmitida por gotículas de saliva, bactérias tem varias funções na natureza :algumas
caracteriza-se por erupções cutâneas com espécies são decompositoras, outras são fotossintetizantes,
comprometimento das vias respiratórias superiores e ou seja participam como produtores nas cadeias
conjuntiva, prevenção através de vacina. alimentares, outras ainda vivem em associação com outros
Poliomielite: Forma de transmissão ainda não organismos trazendo benefícios a estes (como ocorre com
conhecida, ataca o sistema nervoso central e mucosa algumas bactérias que habitam no final de nosso intestino
digestiva , pode ser prevenida através de vacinação e produzem vitamina K. Algumas espécies de bactérias
(Sabin ou Salk). tem também importância industrial como é o caso dos
Rubéola: Transmitida por gotículas de saliva, lactobacilos, usados na fabricação de iogurtes e queijos, e
caracterizada por manchas vermelhas na pele, e o fermento biológico usado na fabricação de pães.
inchaço dos gânglios linfáticos prevenida pela No reino monera também se encontram
vacinação. numerosas bactérias patogênicas, dentre elas estão:

Principais Bacterioses

Doença Agente Via de transmissão Sintomas Profilaxia


Mycrobacterium Pela inalação de ar Atacam normalmente Vacina BCG
tuberculosis contaminado. os pulmões podendo
Tuberculose ou Bacilo de Koch se localizar em outros orgãos:
meninges,
ossos, nervos, etc.
Cólera Alimentos e água Diarréia e vômitos, Saneamento básico, lavar bem
Vibrião colérico contaminados desidratação rápida frutas e verduras, ferver ou clorar
a água a ser consumida.
Streptococus pneumoniae Pela inalação de ar Infecção dos pulmões Evitar contato com doentes.
Pneumonia ou Diplococus contaminado.
peneumoniae
Pela inalação de ar Infecção das vias Vacina tríplice
Coqueluche Hemophilus pertusis contaminado. respiratórias, (afeta
geralmente crianças)
Contaminaçào acidental Afeta o sistema Vacina tríplice
Cloristidium tetani de ferimentos profundos nervoso e pode levar
Tétano a morte
Meningite Pela inalação de ar Inflamação das Vacina, evitar locais sem
epidêmica Neisseria meningitidis contaminado. Meninges ventilação e abafados com muita
gente
DST Corrimento purulento Uso de preservativo
Gonorréia Neisseria gonorrhae localizado nos órgãos genitais
masculino e feminino
DST Doença sistêmica que começa Uso de preservativo
Sífilis Treponema pallidum por uma
ulceração indolor.
Quando não tratada a tempo
ataca o sistema nervoso
Gastroenteri- Salmonela sp. Ingestão de Alimentos e Vomito diarréia e Mediadas higiênicas e
te água contaminados mal-estar (conhecido saneamento básico
popularmente como infecção
alimentar)
Reino Protozoa

Neste reino estão inclusos os protozoários, seres unicelulares, eucariontes, heterótrofos de vida livre (em meio
aquático ou terrestre) associados como comensais (quando uma espécie se beneficia, usando os restos alimentares da outra),
mutualistas (esta associação é necessária à sobrevivência de ambas as espécies), ou parasitas.
A classificação dos protozoários se da de acordo com sua forma de locomoção eles podem pertencer aos filos:
Sarcodíneos: locomovem-se por pseudópodos, um exemplo é a ameba.
Flagelados: Locomovem-se por meio de flagelos como o Tripanossoma Cruzi e a Giardia.
Ciliados: Locomovem-se por meio de cílios como o Paramécium sp.
Esporozoários: não apresentam organela de locomoção, como o Plasmódium sp.
As algas unicelulares (como a Euglenophyta sp) também fazem parte do Reino protista, elas são encontradas no mar e
na água doce, são organismos autótrofos fotossintetizantes, sendo responsáveis por grande parte da produção de oxigênio da
Terra.

Principais doenças causadas por protozoários

Causador Doença Transmissão Órgão Afetado /sintomas


Trypanosoma Cruzi Coração e fígado causando cardio
Fezes do Barbeiro
Doença de Chagas megalia e hepatomegalia (aumento
(Triatoma sp)
desses órgãos)
Plasmodium sp. Glóbulos vermelhos do sangue,
Saliva do mosquito prego
Malaria/Maleita individuo afetado apresenta febres
(Anopheles sp)
intermitentes
Leishmania brasienssis Saliva do Mosquito-Palha Nariz, boca, faringe, e laringe, causa
Úlcera de Bauru
(Phlebotomus sp) ulcerações.
Entamoeba Histolitica Amebiase Contágio Direto Intestino, causa diarréia com muco e
(água/alimentos) sangue nas fezes
Giardia Lambia Contágio Direto
Giardíase Intestino delgado, causa diarréia
(água/ alimentos)

Exercícios 3a) A característica III pode referir-se a indivíduo


1- (CEFET-PR) Uma Eucélula difere, tanto do Reino Metafita com do Reino Metazoa.
fundamentalmente, de uma protocélula por: 4a) A característica IV exclui o Reino Metazoa,
a) Apresentar membrana plasmática. que possui apenas organismos heterótrofos.
b) Possuir carioteca envolvendo o material Podemos dizer que o aluno chegou a uma
genético. conclusão:
c) Possuir parede celular e ribossomos. a) Falsa, e uma das etapas de seu raciocínio
d) Não apresentar núcleo. estava errada.
e) Apresentar o material genético b) Certa, mas a 1a etapa de seu raciocínio estava
mergulhado diretamente no citoplasma. errada.
c) Certa, mas a 2a etapa de seu raciocínio estava
2- (Fuvest – SP) Em que grupo de organismos são errada.
encontradas células procariontes?
a) Moneras
d) Certa, mas a 3a e 4a etapas de seu raciocínio
b) Protistas estavam erradas.
c) Fungos e) Certa; não houve erros em seu raciocínio.
d) Metafitas
e) Metazoas 4- (CEFET-PR) São parasitas intracelulares
obrigatórios, incapazes de sintetizar qualquer
3- (UFMG) Um aluno recebeu a incumbência de substancia ou de se reproduzirem sozinhos:
classificar com monera, protista, metafita ou a) protozoários.
metazoário m ser vivo que apresenta as seguintes b) Bactérias.
características. c) Vírus.
I. é capaz de viver fora de outro d) Bactérias.
organismo vivo. e) Líquen.
II. Possui núcleo organizado. 5- (CEFET-PR) Protozoário flagelado patogênico
III. Possui tecidos diferenciados. transmissível por alguns insetos da ordem dos
IV. É autótrofo. hemípteros:
O aluno conclui tratar-se de uma metafita, após a) Trypanossoma cruzi.
seguir o seguinte raciocínio que dividimos em b) Giárdia lamblia
etapas: c) Paramecium caudatum
1a) A característica I não fornece qualquer d) Leishmania brasiliensis.
esclarecimento, pois indivíduos dos quatro reinos e) Plasmodium vivax.
citados a possuem. 6- (CEFET-PR) A vacina utilizada na prevenção da
2a) A característica II exclui os reinos Protista e tuberculose é a :
Monera, que possuem organismos sem núcleo. a) Sabin.
b) Tríplice.
c) BCG
d) Salk Pteridófitas: Organismos mais evoluídos que as briófitas,
7- (CEFET-PR) A gonorréia, a sífilis e a AIDS são apresentam raiz, caule e folhas, além de vasos condutores
doenças sexualmente transmissíveis, causadas de seiva, podem sobreviver em diversos ambientes (não
respectivamente: mais se restringindo a ambientes úmidos). Ex.:
a) Vírus, bactérias e vírus. samambaia, avenca e xaxim dentre outras.
b) Bactéria, vírus e bactéria. Gimnospermas: Apresentam raiz, caule, folhas, vasos
c) Bactéria, bactéria e vírus. condutores, além de apresentarem flores e semente, e não
d) Vírus, vírus, bactérias. apresentam frutos. Ex.: Araucaria Angustifolia (Pinheiro
do Paraná), pinheiros, pinus.
8- (CEFET-PR) Doença que pode ser transmitida Angiospermas: Apresentam as mesmas características das
por contato sexual, transfusão sangüínea ou gimnospermas, são como elas fanerógamas, mas ao
congênita, cujo agente patogênico atua nos contrario daquelas são as únicas plantas a apresentar
linfócitos é: frutos. São classificadas de acordo com o numero de
a) Caxumba. cotilédones (folhas modificadas com função de reserva
b) Gonorréia. energética)em:
c) AIDS.  Monocotiledôneas: apresenta um só cotilédone. Ex.:
d) Sífilis. grama, milho, arroz, cana-de-açucar.
9- (CEFET-PR) Considere as seguintes doenças:
I. Malária.
 Dicotiledôneas: Apresenta dois cotilédones. Ex.: soja,
limoeiro, macieira.
II. Esquistossomose.
III. Amarelão.
Os órgãos vegetais
IV. Doença de Chagas.
São doenças causadas por protozoários:
Raiz
b) I e IV.
Órgão geralmente subterrâneo e aclorofilado.
c) I e II.
Responsável pela fixação da planta, absorção de água e
d) I e III
sais minerais. Algumas raízes têm também função de
e) II e IV
reserva. A raiz é formada pelas seguintes partes:
10- Organela responsável pela respiração celular:
Coifa ou Caliptra: Tecido morto em forma de capuz
a) Complexo de Golgi.
situado na extremidade da raiz, com função de proteger a
b) Reticulo endoplasmático.
raiz do atrito.
c) Centríolo.
Zona lisa, ou de alongamento: Região de crescimento
d) Mitocôndrias.
longitudinal.
e) Nucléolo.
Zona pilífera: Região onde estão os pêlos absorventes,
unicelulares e muito numerosos, responsáveis pela
absorção de água e sais minerais (seiva bruta).
Aula 2 Zona de ramificações: Saem as ramificações que se
originam de tecidos internos.
Reino Fungi

Este reino é formado por organismos eucariontes


uni ou pluricelulares exclusivamente heterótrofos e
aclorofilados. Podem ser saprófitos (decompositores),
parasitas, ou realizar mutualismo. Sua estrutura é formada
por hifas, filamentos que em conjunto, constituem o
micélio. A grande importância dos fungos se da na sua
aplicação industrial (fermentação do álcool combustível,
vinho cerveja, e pão) e farmacêutica (vários antibióticos
são originários de fungos).

As raízes podem ser: axial ou pivotante típica de


Reino Plantae dicotiledôneas, possuem uma raiz principal com
ramificações. Fasciculada é típica de monocotiledôneas,
Reino formado por todos os organismos da base do caule partem inúmeras raízes finas. As raízes
fotossintetizantes pluricelulares, os principais grupos deste podem ser ainda tuberosas (possuem substâncias de
reino são: reserva), suporte ou escora (milho), estrangulante (cipó
Algas: Não apresentam tecidos e órgãos como raízes, mata pau), tabular (aspecto de tabua), grampiforme
caules, folhas, etc. Seu corpo é reduzido a um simples talo. (plantas trepadeiras) , cintura ou velame (orquídeas),
São encontradas em ambientes úmidos, na água do mar ou respiratória (plantas de mangue), sugadora (parasitas), e
doce. Estão presentes aqui as algas verdes, vermelhas e as aquática.
pardas. .
Briófitas: Apresentam rizóide, caulóide e filóide,
estruturas análogas à raiz, caule e folha. Estruturalmente Caule
mais simples. Como não apresentam vasos condutores seu
tamanho é limitado e precisam viver em locais úmidos. Órgão vegetativo que da sustentação a folhas,
São criptógamas, ou seja suas estruturas reprodutivas não flores e frutos, alem de ser responsável pela condução de
são visíveis. Exemplos: musgo, limo, hepática.
seiva. É dividido em Nó (de onde partem os galhos e Fruto
folhas), Entrenó (regiões entre os nós) e Gemas ou Brotos.
Os caules podem ser de diversos tipos: tronco É o ovário amadurecido, geralmente, após a
(Araucária), haste (feijão), estipe (palmeira), colmo fertilização da flor, é encontrado apenas nas angiospermas,
(bambu), sarmentoso (videira), estolho (morango), rizoma é responsável pela proteção da semente, armazenamento
(bananeira), tubérculo (batata), bulbo (cebola), caules de reservas e disseminação das espécies. É composto por
aquáticos (vitória régia), suculento (cactos), claudódio epicarpo, mesocarpo endocarpo (juntos pericarpo) e
(carqueja). semente.
Pseudofrutos – frutos nos quais a parte comestível não
corresponde ao ovário, podem ser: simples (maçã, caju,
pêra), múltiplos (abacaxi) compostos (morango).
(Esquema de um caule apresentando suas partes). Os frutos verdadeiros podem ser classificados em
Folha Secos e carnosos, os secos podem ser deiscentes (abrem-se
naturalmente para liberar a semente, feijão) e indeiscentes
Folha é o órgão especializado na fotossíntese, (não se abrem), os frutos carnosos podem ser baga (fruto
contendo clorofila, também é responsável pelas trocas com varias sementes, laranja) ou drupa (fruto com uma
gasosas da planta, além de realizar gutação e sudação. única semente, abacate)
Uma folha completa apresenta: bainha, pecíolo e limbo.
As folhas incompletas podem ser: invaginante Semente
(sem pecíolo), peciolada (sem bainha), séssil ( sem pecíolo Provem do óvulo fecundado e desenvolvido
e bainha). encontrado nas espermáfitas (gimnospermas e
angiospermas). É composta pelo tegumento (membrana
protetora que recobre a semente) e pela amêndoa, que
contém o embrião (radícula, caulículo, gêmula, e
cotilédone) e substancia de reserva (albúmen ou
endosperma).

Exercícios
folha completa
1- Caracteriza-se como raiz fasciculada:
a) Um eixo principal mais comprido e grosso
do qual saem pequenas ramificações.
b) A que é formada por vario eixos mais ou
menos iguais na espessura e no
folha invaginante de milho comprimento, não sendo possível
reconhecer o eixo principal.
c) A que nasce nos caules e nas folhas de
qualquer vegetal.
d) A que se adapta para garantir a aeração,
folha séssil de fumo suficiente, evitando assim o
apodrecimento.
Flor e) A raiz com acúmulo de substância de
Órgão responsável pela reprodução, presente reserva pela raiz principal.
apenas nas fanerógamas, é constituída por folhas
modificadas em elementos de proteção e de reprodução. 2- (UEL–PR) São exemplos de Raízes Comestíveis:
Uma flor completa é formada por: Pedúnculo (haste que a) Mandioca, batatinha e beterraba.
sustenta a flor), Receptáculo (extremidade do pedúnculo b) Batata-doce, batatinha e nabo.
onde se inserem as peças florais),Sépalas, Pétalas, Estames c) Cebola,batatinha e mandioca.
e Carpelos. d) Mandioca, nabo e beterraba.
e) Cebola, nabo, beterraba.

3- (UFSC) Assinale as proposições que apresentam


corretamente os tipos de raízes, suas características
e exemplos de vegetais que as possuem:
1) Raízes fasciculadas possuem um eixo central
mais desenvolvido e estão presentes nos vegetais
Agentes Polinizadores chamados dicotiledôneas, como o milho e a
grama.
Anemofilia: o vento atua como polinizador (araucária e 2) As raízes respiratórias, presentes nos mangues,
gramíneas). promovem uma maior absorção de oxigênios.
Entomofilia: insetos atuam como polinizadores. 04) Raízes tabulares aumentam a estabilidade de
Ornitofilia: aves como polinizadores. árvores b frondosas, como a
Hidrofilia: água como agente polinizador. figueira.
08) As raízes sugadoras dos vegetais parasitas, como O reino Animália é composto por uma grande
a cipó-chumbo, penetram nos caules de plantasa variedade de filos de organismos pluricelures e
aaaaaaa hospedeiras, sugando a seiva de que necessitam. heterótrofos que vivem nos mais diversos meios, e que
16) A raiz tuberosa, presente na cenoura e beterraba, possuem as mais diversas características.
aaa acumula substâncias nutritivas.
Filo Espongiário ou Poríferos
4- (CEFET–PR) Associe: Estes animais possuem inúmeros poros pelo
(A) Angiospermas. corpo, seu habitat é aquático podendo ser marinhos ou
(B) Briófita. dulcícolas. As esponjas podem viver isoladas ou em
(C) Gimnosperma. colônias, sempre fixos a um substrato quando adultos. Na
(P) Pteridófita. fase larval são móveis. Não apresentam nem órgãos nem
tecidos diferenciados. Todas as funções são realizadas por
( ) tem raiz, caule e folhas, não tem flor. células especializadas, a respiração se da por difusão, a
( ) são os mausgos. digestão é intracelular, possuem uma cavidade central
( ) apresentam flor, fruto e semente. chamada átrio, onde se situam as células flageladas, os
( ) um de seus representantes é a arvore símbolo do coanócitos (que são uma exclusividade deste filo)
Paraná. responsáveis pela circulação de água dentro dessa
a) B, A, G, P. cavidade. Reproduzem-se sexuadamente e assexuadamente
b) P, B, A, G. por brotamento e gemulação. Os representantes dessa
c) A, G, P, B. espécie são popularmente chamados de esponjas.
d) G, P, B, A.
e) P, B, G, A. Filo Cnidaria ou Celenterado
Seres aquáticos, principalmente marinhos, com
5- (CEFET–PR) Região da raiz responsável pela basicamente duas formas anatômicas: pólipo (fixo) e
absorção da seiva mineral ou bruta: medusa (livre). Possuem cavidade digestiva e sistema
a) Coifa ou captra. digestivo incompleto (apresenta apenas uma abertura, não
b) Região suberosa. apresentando ânus), a digestão é extra e intracelular,a a
c) Região pilosa, ou pelífera. respiração e a excreção se dão por difusão, possuem
d) Região lisa ou de crescimento. sistema nervoso difuso, apresentam em seus tentáculos
e) Estilete. células urticantes chamadas cnidoblastos. Exemplos:
águas-vivas, anêmonas, corais, caravelas.
6- Muitas pessoas colocam batata-inglesa para brotar
e dar e dar um novo pé de batata. Por que elas não Filo Platyhelmintes
fazem o mesmo com a batata- doce? Vermes (helmintos) pluricelulares com o corpo
achatado dorso-ventralmente, segmentados ou não.
Geralmente são hermafroditas, apresentam sistema
nervoso ganglionar, sistema muscular, (não possuem
esqueleto e nem sistema circulatório) . O sistema digestivo
7- (PUC-RS) As plantas que vivem em ambientes é incompleto com boca e sem ânus e ausente nas solitárias.
permanentemente alagados e de substratos não O alimento digerido é distribuído por difusão, para todas
muito firmes desenvolvem adaptações que lhes as células do corpo. A respiração é cutânea e a fecundação
permitem uma vida normal nesses lugares. É o que é interna. A exclusividade deste filo é a presença de célula
mostra a figura abaixo que mostra raízes: flama, em seu sistema excretor. São exemplos a planaria,
a tênia e o Schistosoma mansoni.

Teníase
Provocado pela Taenia soliun (porco) e Taenia saginata
(boi) a teníase é o parasitismo do verme adulto no intestino
do homem. Adquire-se a teníase pela ingestão de carne de
porco ou bovina com a larva cisticerco viva. Uma pessoa
a) estranguladoras b) Tabulares c) Sugadoras infectada pela tênia elimina ovos desse verme pelas fezes.
d) Respiratórias e) Escoras. Quando bovinos ou suínos ingerem esses ovos, a casca é
destruída no estômago do animal, liberando um embrião, o
8- A eliminação de água na forma líquida pelos hexacanto ou oncosfera, esse embrião cai na circulação
hidatódios das folhas é conhecida por: sangüínea do animal e aloja-se em qualquer músculo, onde
a) Fotossíntese. se transforma na larva cisticerco. Caso o homem ingira
b) Transpiração. carne contaminada com o cisticerco, essa larva, no
c) Excreção. intestino humano, transforma-se em verme adulto.
d) Sudação. Caso um homem ingira vos de Taenia soliun, será
hospedeiro intermediário. A larva do cisticerco pode
implantar-se em qualquer parte do corpo, se isso ocorrer na
região cerebral o homem adquire neurocisticercose.
Aula 3
Esquissostomose
Reino Animália
Causada pelo Schistossoma manssoni, esta descrita na ­ Poliquetos: com muitas cerdas, geralmente marinhos.
figura abaixo.
Nereis sp.
­ Oligoquetos: com poucas cerdas, habitualmente
terrestres. Lumbricus terrestris (minhoca).
­ Hirudíneos: sem cerdas(aquetos), aquáticos
(dulcícolas), todos parasitas hematófagos, portadores
de ventosas. Hirudo medicinalis (sanguessuga).

Filo Mollusca

Animais de corpo mole, podem ser aquáticos


(maioria) ou terrestres. O corpo apresenta simetria bilateral
e às vezes é protegido por uma concha calcária; são
constituídos de cabeça, pé e massa visceral. Na cabeça se
encontram os órgãos dos sentidos: olhos, tentáculos táteis
e receptores de gosto e olfato. A massa visceral é o
Ciclo de vida do Schistossoma manssoni conjunto de órgãos destinados à digestão, respiração,
circulação, excreção e reprodução.
Filo Nematoda O pé é especializado para a locomoção, fixação e
São os vermes pluricelulares de corpo cilíndrico, escavação. O corpo é envolvido por uma prega dorsal da
não segmentado e alongado. possuem habitat terrestre ou epiderme, o manto, que secreta a concha, a qual funciona
aquático, podendo ter vida livre ou como parasitas de como esqueleto. O sistema digestivo é completo. A
plantas e animais (inclusive do homem). Não possuem circulação é aberta. A respiração pode ser branquial,
sistema circulatório e nem respiratório. A reprodução é cutânea (lesmas) ou ‘pulmonar’ (caracóis). O sistema
sempre assexuada E possuem sexos geralmente nervoso é ganglionar.
separados, sendo o macho menor. Possuem sistema A reprodução é sexuada por fecundação externa
digestório completo, sistema excretor, sistema nervoso (pelecípodos) ou interna (cefalópodos e gastrópodos).
ganglionar, respiração por difusão. As principais classes são os gastrópodos (concha univalva)
pelecípodos (concha bivalva) e cefalópodos (desprovidos
Principais verminoses de conchas).

Filo Artropoda
São invertebrados providos de apêndices
articulados (arthron = articulação). É o filo mais numeroso
e polimorfo dentre todos. São animais de simetria bilateral,
corpos segmentados e revestidos por uma cutícula de
quitina que representa o seu exoesqueleto [essa estrutura
não é exclusiva de insetos, pois ocorre também em outros
artrópodes como crustáceos e aracnídeos, além de aparecer
em moluscos (ostras, caramujos) e celenterados (corais).
Ele confere proteção contra o ataque de predadores,
porém, limita o crescimento e, muitas vezes, a locomoção
do animal].
Algumas espécies realizam mudas periódicas do
tegumento (ecdises). Alguns crustáceos apresentam uma
carapaça calcária por fora do esqueleto quitinoso. O tubo
digestivo é completo e com glândulas anexas. A circulação
Filo Annelida (anelídeos) é aberta.
São seres aquáticos, terrestres ou ectoparasitas. A respiração é branquial nos de hábitat aquático e
Invertebrados vermiformes, têm o corpo segmentado traqueal ou filotraqueal nos de vida terrestre. O sistema
(repetição de partes iguais), com segmentação homônoma, nervoso é ganglionar, com uma dupla cadeia ventral de
cada anel ou metâmero externo corresponde a uma loja gânglios. O desenvolvimento geralmente ocorre por meio
distinta internamente, ainda que essas lojas se de metamorfose completa ou incompleta.
comuniquem e façam continuidade. Classes principais: aracnídeos, insetos, crustáceose
A respiração é cutânea nos terrestres, e branquial miriápodos (quilópodos e diplópodos).
nos aquáticos. A circulação é fechada e simples. A maioria
já possui apêndices locomotores (cerdas) que não são
articulados.
O sistema nervoso é ganglionar. O tubo digestivo
é completo. Habitualmente se reproduzem por processo
sexuado (as minhocas são hermafroditas de fecundação
cruzada), mas entre os poliquetos alguns fazem a
reprodução assexuada por fragmentação do corpo
Divide-se em três classes:
5. (PUC-RS) "Os vermes adultos vivem no sistema porta
intra-hepático. Dos seus ovos nascem miracídios com
o tegumento recoberto de cílios e que vão em busca de
caramujos do gênero Biomphalaria para continuarem
o ciclo. Dentro deste molusco, após uma série de
transformações, resultam cercárias de cauda bífida
que o abandonam e vai em busca de um novo
hospedeiro.
Essa descrição relaciona-se à parasitose denominada:
a) Necaturose.
b) Ascaridíase.
c) Teníase.
d) Esquistossomose.
e) Ancilostomiase.

6. (PUC-MG) Os platelmintos de vida livre pertencem à


classe:
Exercícios a) Trematoda.
b) Diplopoda.
c) Amphineura.
1. (U. Taubaté-SP) Invertebrados fixos, sem órgãos, com
d) Turbelaria.
digestão exclusivamente intracelular, com larva
e) Cestoidea.
ciliada livre e nadante. Trata-se de:
a) Protozoários.
7. (UFJF-MG) Em estudos sobre o ciclo vital de uma
b) Espongiários.
espécie de animal parasito foram obtidas as seguintes
c) Equinodermos.
informações:
d) Nematelmintos.
I - Os ovos da referida espécie são eliminados com as
e) Celenterados.
fezes de seu hospedeiro.
II - Esta espécie de parasito não tem hospedeiro
2. (UFSC) O aparelho digestivo dos celenterados é
intermediário.
essencialmente constituído de:
III - No meio externo, os ovos eclodem e liberam
a) Tubo ramificado com boca e ânus separados.
larvas que penetram ativamente pela pele do
b) Boca e cavidade digestiva gastrovascular
hospedeiro.
saculiforme
IV - Suas formas adultas vivem no intestino delgado
c) Tubo ramificado com boca e ânus acoplados
do hospedeiro.
d) Boca, faringe, esôfago, reto e ânus.
e) Boca, faringe, papo, intestino e ânus.
Tais dados indicam que a espécie de parasito estudada é:
3. (Vunesp-SP) Sobre os celenterados são feitas três
afirmativas. Observe-as: a) Taenia solium;
I. A maioria dos cnidários tem habitat aquático, b) Ascaris lumbricoides
sendo poucas as espécies de habitat terrestre, c) Trypanosoma cruzi.
as quais são representadas por pólipos. d) Fasciola hepatica.
II. Os cnidários são urticantes e, para isso, e) Ancylostoma duodenale
dispõem de baterias de células especializadas
chamadas coanócitos.
8. (CESGRANRIO-RJ) A elefantíase ou filariose é uma
III. Alguns cnidários se reproduzem por
parasitose comum na região amazônica. Sua profilaxia
alternância de gerações, quando então os
pode ser feita através do combate ao inseto vetor e do
pólipos dão medusas e as medusas dão
isolamento e tratamento das pessoas doentes. O agente
pólipos.
causador e o hospedeiro intermediário dessa
Assinale:
parasitose são, respectivamente:
a) Se apenas uma afirmativa estiver correta.
b) Se as afirmativas I e II estiverem corretas. a) Ascaris lumbricoides e um mosquito do gênero
c) Se as afirmativas l e III estiverem corretas. Culex.
d) Se as afirmativas II e III estiverem corretas. b) Wuchereria bancrofti e um mosquito do gênero
e) Se as três afirmativas estiverem corretas. Culex.
c) Wuchereria bancrofti e o caramujo.
4. (UFES) O homem adquire a Taenia solium quando: d) Schistosoma mansoni e a filária.
a) Bebe água contendo colibacilos. e) Ancylostoma duodenale e a filária.
b) Ingere peixe cru e contaminado com proglotes.
c) Come verduras e bebe água contaminada com
9. (Osec-SP) Nas minhocas, a fecundação e o
suas larvas.
desenvolvimento são:
d) Ingere carne de porco mal cozida e com cisticercos. a) Interna — direto.
e) Toma banho em rios contaminados com cercarias.
b) Externa — indireto.
c) Interna — indireto.
d) Externa — direto.
e) Interna — indireto com larva trocófora. hemoglobina em quase todas as espécies, o coração é
ventral. O tubo digestivo é completo e com glândulas
10. (Unisinos-RS) A área da Edafologia da UNISINOS anexas.Possuem cauda na fase embrionária, podendo
estuda a importância da minhoca na recuperação do permanecer no adulto.
solo. E uma alternativa de baixo custo e bastante Vertebrados ou Eucordados: Possuem notocorda na fase
eficiente para refertilização dos solos brasileiros, já embrionária, na fase adulta ela é substituída pela coluna
bastante pobres. vertebral (vértebras ósseas ou cartilaginosas) que serve de
Assinale a característica que pode ser atribuida às eixo de suporte do corpo. Possuem caixa craniana
minhocas (Anelídeos – Oligoquetas): envolvendo os órgãos do sistema nervoso central que é
a) marinhos, com projeções laterais denominadas bem desenvolvido.
parapódios. O subfilo está dividido em seis classes: Cyclostomata,
b) com ventosas na região anterior e posterior do Pisces, Amphibia, Reptilia, Aves e Mammalia.
corpo.
c) são de sexos separados. Peixes
d) respiração branquial. Seres exclusivamente aquáticos; com cinco fendas
e) respiração cutânea. branquiais persistentes, com paredes ramificadas
(brânquias); nadadeiras. Pecilotermos. Circulação fechada
11. (USU-RJ) Dentro do Filo Mollusca encontramos simples e coração com duas cavidades. Linha lateral que
diversos indivíduos, distribuídos em seis classes. percebe as vibrações e pressão da água. Excreção por rins.
Identifique nas alternativas abaixo quais os animais Reprodução sexuada, fecundação interna (ovíparos e
citados que possuem as seguintes características: vivíparos) ou externa (ovuliparos), larva chamada de
corpo com cabeça diferenciada; um ou dois pares de alevino.
tentáculos cefálicos; pé em forma de sola musculosa; • Os condrícties são cartilaginosos. Têm nadadeiras
geralmente com concha espiralada; encontrado em pares e ímpares; não possuem bexiga natatória; a boca
todos os habitats. é ventral e as fendas branquiais são descobertas.
a) polvo e lula Predominantemente vivíparos. Possuem cloaca e
b) mexilhão e ostra intestino com válvula espiral. São os tubarões e as
c) sernambi e sururu arraias.
d) nautílus e argonauta
e) lesma e caramujo • Os osteícties (maioria) são ósseos. Têm nadadeiras
pares e ímpares e escamas; possuem bexiga natatória;
12. (FCC-Londrina-PR) Qual dos seguintes animais está a boca é anterior e as fendas branquiais são protegidas
filogeneticamente mais relacionado à lula ? pelo opérculo. A bexiga natatória funciona como
a) Caramujo. pulmão em alguns casos (pirambóia).
b) Lombriga. Predominantemente ovíparos. São exemplos o cavalo-
c) Planária. marinho, o poraquê, a enguia, o bacalhau, a piranha, o
d) Minhoca. pirarucu, a piaba, o tilápia, etc.
e) Tatuzinho.
Anfíbios
13. (Unifor-CE) São artrópodes Nascem na água e tornam-se terrestres. Possuem
a) mosca, aranha, centopéia, sanguessuga. brânquias na fase larvar (girino) e pulmões na fase adulta.
b) lagosta, borboleta, escorpião, carrapato. Podem apresentar cauda e patas na fase adulta
c) carrapato, minhoca, pulga, piolho. (salamandras), só patas (sapo) ou só cauda (cobra-cega). O
d) camarão, pulga, gafanhoto, sanguessuga. esqueleto é ósseo. A pele é úmida, lisa, com glândulas
e) besouro, aranha, gongolô, solitária. mucosas e cromatóforos (células pigmentadas). O sistema
digestivo é completo, apresentando cloaca. Excreção por
14. (Fuvest-SP) Os artrópodes apresentam, entre outras meio de rins. Reprodução sexuada com fecundação
características, pernas articuladas. Entre eles, os que externa; são ovíparos e sofrem metamorfose. Possuem
têm o corpo dividido em cabeça, tórax e abdome, e respiração cutânea intensa para compensar a respiração
três pares de pernas são os: pulmonar precária. São pecilotermos. A circulação é
a) crustáceos. fechada, dupla e incompleta, o coração tem três cavidades.
b) miriápodes. O sistema nervoso apresenta encéfalo, medula e nervos
c) aracnídeos. cranianos.
d) insetos.
e) escorpiões Répteis
São terrestres ou aquáticos, mas só se reproduzem
na terra. Movimentam-se por rastejamento. A reprodução é
sexuada com fecundação interna (ovíparos), põem ovos
Aula 4 com casca calcária. O sistema digestivo é completo, com
cloaca. A pele é seca e impermeável (queratinosa),
Filo Cordata desprovida de glândulas; com escamas, carapaças ou
placas. Alguns realizam mudas periódicas do tegumento.
São os mais evoluídos. Apresentam um eixo de São pecilotérmos. A circulação é fechada dupla e
sustentação dorsal, a notocorda. O sistema respiratório é incompleta, o coração tem três cavidades (exceto nos
derivado da faringe (fenda branquiais). O tubo nervoso é crocodilianos). Os pulmões são bem eficientes. O sistema
único e dorsal. A circulação é fechada e o sangue possui nervoso se divide em encéfalo, medula e nervos cranianos.
A excreção é feita por meio de rins bem desenvolvidos. As c) bagre.
ordens mais comuns são: ofídios, lacertílios, quelônios e d) papagaio.
crocodilianos. e) sapo.
• Os ofídios abrangem as cobras e serpentes. Alguns
possuem dentes especiais que injetam um veneno 2- (ESAM-RN) Alevino é:
produzido pelas glândulas salivares. a) a forma larvária dos anfíbios.
b) um osso da cintura pélvica dos marsupiais.
• Os lacertílios ou sáurios são os lagartos. Não são c) a forma larvária dos peixes.
peçonhentos, com exceção do monstro de Gila, do
d) uma adaptação apresentada pelos organismos
golfo do México, e do dragão de Komodo, da
planctônicos.
Indonésia.
e) uma classe de moluscos.
• Os quelônios compreendem as tartarugas (marinhas),
cágados (dulcícolas) e jabutis (terrestres). 3- (FZL-SP) Assinale a alternativa que apresenta apenas
• Os crocodilianos são os mais desenvolvidos. peixes cartilaginosos.
Coração com 4 cavidades parcialmente separadas .
Compreendem os jacarés (Brasil) e crocodilos a) cavalo-marinho, sardinha, corvina.
(América do Norte, África e Ásia). b) cação, bagre, lambari.
c) lambari, cavalo-marinho, sardinha.
Aves d) tubarão, raia, dourado.
Seres adaptados ao vôo; com esqueleto ósseo e) cação, raia, tubarão.
leve e reforçado, ossos pneumáticos ligados aos sacos
aéreos dos pulmões. Pele seca (escamosa nos membros 4 - (UFRS) Os peixes possuem uma circulação simples e
posteriores) e coberta de penas. Na cauda possuem completa. Simples porque o sangue passa uma só vez no
glândulas uropigeanas que secretam gordura para coração; completa porque o sangue venoso não se mistura
lubrificar as penas. Olhos com membrana nictante. Quatro com o arterial. Esse tipo de circulação permite concluir que
membros (os anteriores em forma de asa); homotermos o coração dos peixes possui..
(temperatura constante). Circulação fechada, dupla e
completa (coração com quatro cavidades). O bico córneo é a) um átrio e dois ventrículos.
adaptado a vários tipos de alimentos. Sistema digestivo b) dois átrios e um ventrículo.
completo e terminado em cloaca. Excreção por rins. c) dois átrios e dois ventrículos.
Sistema nervoso com encéfalo, medula e nervos cranianos. d) uma única cavidade.
Sexos separados com acentuado dimorfismo sexual. e) um átrio e um ventrículo.
Reprodução sexuada com fecundação interna; todos
ovíparos; incubam os ovos e cuidam da prole.
5- (UFGO-GO). Um vertebrado que apresenta como
características:
Mamíferos
São os mais evoluídos; estão adaptados à vida aquática,
aérea, subterrânea e, principalmente, terrestre. A cobertura ­ reprodução por fecundação externa;
de pêlos, a gordura e o coração eficiente garantem a ­ embrião desenvolvido em ovo sem casca;
homotermia. O sistema nervoso é muito desenvolvido com ­ presença de coluna vertebral;
encéfalo, medula e nervos cranianos. Reprodução sexuada
­ temperatura variável com o ambiente;
com fecundação interna (vivíparos e com útero – exceto os
monotremados); placentários (exceto os monotremados e ­ coração com três câmaras.
marsupiais); e grande proteção à prole. Glândulas
mamárias, sebáceas, sudoríparas, etc. Endoesqueleto é classificado como:
ósseo. Sistema digestivo completo, com glândulas anexas, a) peixe b) mamífero c) anfíbio d) réptil e) ave
terminado em ânus (exceto nos monotremados). Pele
queratinizada coberta de pêlos. Excreção por rins. 6- (PUC-MG) São animais pulmonados, do tipo
Respiração pulmonar auxiliada pelo músculo diafragma. não-alveolar, porém com grande rede de canais para fácil
Circulação fechada, dupla e completa (coração com quatro arejamento interno, sendo que esses canais são ligados a
cavidades), hemácias anucleadas. Formam um grupo sacos aéreos que, por sua vez, terminam no interior de
muito heterogêneo quanto ao tamanho, forma do cavidades dos ossos longos. Tal afirmação se aplica a:
corpo e hábitat. O homem, o canguru, a baleia, o a) mamíferos. b) anfíbios. c) répteis. d) peixes. e) aves.
hipopótamo, o porco, o morcego, a preguiça, o rato, o
coelho, o gato, o leão e o macaco são exemplos de 7- (UFMG) Todas as afirmativas sobre os mamíferos
mamíferos. Os monotremados, ornitorrinco e éqüidna citados estão corretas, exceto:
põem ovos, embora amamentem os filhotes.
a) Os cangurus e gambás têm em comum o fato de
Exercicios seu desenvolvimento fetal terminar fora do útero,
no marsúpio.
1- (Fuvest-SP) Dos vertebrados abaixo, o único que tem b) Os mamíferos marinhos, como as baleias e
esqueleto cartilaginoso, sem tecido ósseo, é o: golfinhos, e os de água doce, como o boto, têm
respiração branquial.
a) tubarão. c) Os mamíferos monotremados se reproduzem
b) jacaré. através de ovos.
d) Os micos e outros macacos são exemplos de
primatas que ocorrem no Brasil. c) Ósseo
e) Os morcegos são, em sua maioria, insetívoros ou
frugívoros, sendo úteis na polinização de certas
plantas.
d) Sangüíneo
8- (UFRGS-RS). As duas afirmações abaixo referem-se à
relação entre as temperaturas do meio e do corpo de
animais. 3) Muscular
I - O aumento da temperatura do meio é usualmente a) Liso
acompanhado por aumento da temperatura do corpo do
animal.
II - O aumento da temperatura do meio não apresenta b) Esqueético
nenhum efeito apreciável na temperatura do corpo do
animal.
O morcego, o lagarto e a traíra relacionam-se, pela ordem, c) Cardiaco
com as afirmações:
4) Nervoso
a) I, lI, II b) lI, I, I c) I, II, I d) II, II, I e) I, I, II

9- (Unifor-CE) Os vertebrados, que apresentam


fecundação interna como regra, são os: Sistema Digestório

a) peixes, as aves e os mamíferos. O Sistema Digestório humano é composto por:


b) anfíbios, os peixes e os mamíferos. - Boca.
c) répteis, os anfíbios e os peixes. - Faringe.
d) répteis, as aves e os anfíbios. - Esôfago.
e) mamíferos, as aves e os répteis. - Estômago.
- Intestino Delgado.
10- (CEFET–PR) Associe a segunda coluna de acordo - Intestino Grosso.
com a primeira de maneira que haja correspondência e em - Ânus.
seguica assinale a seqüência correta:
(A) Anfíbios. Boca
(B) Mamíferos. A boca é a porta de entrada do sistema digestivo, nela
(P) Peixes. estão localizadas estruturas responsáveis por parte da
(R) Répteis. digestão:
(V) Aves ­ Dentes: incisivos, caninos, pré molares e molares,
responsáveis pela mastigação.
( ) Coração dividido em duas cavidades.
­ Língua: responsável pela gustação (devido a presença
( ) Apresentam glândulas uropigial
( ) Apresentam respiração branquial, pulmonar e cutânea de papilas gustativas) e pela deglutição.
( ) Possuem glândulas mamárias. ­ Glândulas Salivares: (parótidas, sublinguais e
( ) Apresentam pele revestida por escamas submandibulares) secretam saliva (água, sais e
enzimas) responsável pela umidificação do alimento,
a) P, V, M, R, A b) R, A, V, P, M c) V, P, M, R, A proteção contra bactérias e digestão parcial do amido.
d) M, A P V, R e) P, V, R, M, R
Laringe
Canal comum ao sistema respiratório e digestório.

Esôfago
Aula 5
O esôfago é o “canal” responsável pela ligação da faringe
ao estômago.
Tecido
É o conjunto de células semelhantes que desempenham Estômago
uma função. Ao se unirem, os tecidos formam órgãos. A Após a mastigação e a deglutição, o bolo alimentar passa,
união de vários órgãos denomina-se sistema. sucessivamente para a faringe e o esôfago, atingindo então
o estômago, órgão responsável por parte da digestão
Tipos de Tecidos: química , através do acido gástrico (HCl) e da enzima
1) Epitlial pepsina responsável pela digestão das proteínas.

Intestino Delgado
2) Conjuntivo Órgão tubular com aproximadamente 6m de
a) Adiposo comprimento e 4 cm de diâmetro dividido em:
- Duodeno: porção proximal onde são lançadas as
b) Cartilaginoso secreções do fígado e do pâncreas.
- Jejuno- Íleo: maior parte do intestino delgado. estão limitados inferiormente por um músculo
Apresenta inúmeras vilosidades e células com membranoso, chamado de diafragma..
microvilosidades que ajudam a aumentar a
superfície de absorção. Trocas gasosas
A digestão no Intestino Delgado ocorre graças à ação No sangue venoso, a concentração de gás
conjunta de 3 sucos digestivos. carbônico é maior do que do ar em contato com a
superfície pulmonar, ocorrendo o inverso com o
- Suco Biliar (bílis): Produzida pelo fígado. oxigênio,desse modo, há difusão de CO2 para o ar e
Armazenado na vesícula biliar onde é liberado entrada de O2 no sangue.
para o duodeno, tem a função de emulsificar as O sangue venoso passa, então, a sangue arterial e este
gorduras. processo denomina-se Hematose.
- Suco Pancreático: produzido pelo pâncreas,
órgão anexo ao duodeno,é um líquido incolor e Sistema Circulatório
rico em enzimas e bicabonato que neutraliza o Funções
quimo. - Transporte do oxigênio, dos órgãos respiratórios até os
tecidos do corpo, e condução do gás carbônico dos
- Suco Entérico (suco intestinal): produzido pela
tecidos até os órgãos respiratórios.
mucosa intestinal. - Distribuição dos nutrientes absorvidos pelas vias
digestivas para todas as células do corpo.
- Transporte dos produtos finais do metabolismo até os
Intestino Grosso órgãos especializados de excreção.
Continua-se com o intestino delgado dividi-se em três - Manutenção da temperatura corpórea dentro dos
segmentos: limites “ótimos” para ação de determinadas enzimas.
- Ceco: onde encontra-se o apêndice. - Distribuição de hormônios.
- Cólon: parte maior, onde realiza-se a absorção de - Imunização através de células sanguíneas
água e sais minerais não absorvidos pelo intestino
delgado. O sistema circulatório é formado por:
- Reto: tubo musculoso que elimina as fezes
através de uma abertura chamada ânus. - Sangue: Transporte e defesa.
- Linfa e vasos linfáticos:
Funções:
- Reabsorção de água; - Coração (Órgão responsável pelo “bombeamento” de
- Formação e acúmulo de fezes; sangue para o corpo).
- Fermentação e decomposição dos restos - Vasos Sangüíneos: Veias e Artérias, ( parede mais
alimentares (graças a ação de inúmeras bactérias espessa e elástica) ambos vasos de grande calibre e
que se abrigam nesse órgão). vênulas e arteríolas de pequeno calibre.

Sistema Respiratório:
Composto por: A circulação humana é:
- Narinas:
- Fechado: Sangue circula somente dentro dos vasos
sangüíneos. É rápido e de alta pressão.
- Fossas nasais:
- Completo: O sangue venoso não se mistura com o
arterial.
- Faringe: - Dupla: O sangue circula 2 vezes pelo coração antes
de ser levado ao corpo.
A
- Laringe:
A
Sistema Excretor
- Traquéia: Função
Eliminar as substâncias que estão em excesso,
para manter o equilíbrio, chamado de equilíbrio dinâmico,
- Brônquios: que é fundamental para o bom funcionamento da célula
com o meio.

- Bronquíolos: Principais Catabólitos:


- Amônia: Excretada por animais aquáticos, muito
solúvel em água e muito tóxica, por isso deve ser
- Alvéolos pulmonares. diluída em alto volume de água. Chamados de
amoniotélicos.
- Uréia: Excretada por animais terrestres não ovíparos
(anfíbios e mamíferos), menos tóxica que a amônia. O
Pulmões: Sacos infláveis, protegidos pelas pleuras (duas
que representa uma economia hídrica. Chamados de
membranas que apresentam entre elas, um líquido viscoso,
ureotélicos.
para dar segurança aos movimentos respiratórios). Eles
estão localizados dentro da caixa torácica (proteção) e
- Ácido Úrico: O menos tóxico dos três, e também o - Ossos: Formados por tecido ósseo, são responsáveis
menos solúvel em água. Excretado por insetos e por dar suporte aos músculos, além de dar proteção a
vertebrados ovíparos terrestres (maioria dos répteis e órgãos nobres. O conjunto de ossos forma o esqueleto.
aves). Chamados de uricotélicos. - Articulações: união entre os ossos.
- Músculos: principais responsáveis pelos movimentos,
Componentes do sistema urinário constituídos por músculos estriado esquelético.
- Rins:
Órgão dos sentidos
- Ureter:

- Bexiga: As terminações sensitivas do sistema nervoso


periférico são encontradas nos órgãos dos sentidos: pele,
- Uretra: ouvido, olhos, língua e fossas nasais. Esses órgãos tem a
capacidade de transformar os diversos estímulos do
ambiente em impulsos nervosos. Estes são transmitidos ao
Exercicios sistema nervoso central, de onde partem as "ordens" que
determinam as diferentes reações do nosso organismo.
1- (CEFET–PR) As cordas vocais estão localizados na
(o): Classificação dos Receptores Sensoriais
De acordo com a natureza do estímulo que são
a) Traquéia b) Faringe capazes de captar, os receptores sensoriais podem ser
c) Pulmão d) Laringe classificados em.

2- (CEFET–PR) O(s) vaso(s) que conduz(em) sangue - Quimiorreceptores: Detectam substâncias químicas.
venoso de todo o corpo para o coração é (são): Ex.: na língua e no nariz, responsáveis pelos sentidos
do paladar e olfato
a) Artéria aorta b) Artéria Pulmonar - Termorreceptores: Capta estímulos de natureza
c) Veias cavas d) Veias Pulmonares térmica, distribuídos por toda pele e mais concentrado
em regiões da face, pés e das mãos.
3- (CEFET–PR) Quando falamos em grande - Mecanorreceptores: Capta estímulos mecânicos. Nos
circulação entendemos que o sangue: ouvidos, por exemplo, capazes de captar ondas
a) Foi impulsionado com pequena força pelo coração. sonoras, e como órgãos de equilíbrio.
b) Percorre o caminho coração corpo coração - Fotorreceptores - Capta estímulos luminosos, como
c) Percorre o caminho coração pulmões coração nos olhos.
d) Circulou pelo corpo levando grande tor de gás
carbônico A Visão
- Os olhos são os órgãos receptores de luz nos animais
4- (CEFET–PR) Complete a frase com a expressão superiores, nos animais inferiores existem células
correspondente: fotorreceptoras, espalhadas pela superfície do corpo.
“Ao ingerir o pão no café da manhã, a desentegraação
parcial do amido ocorre , sob a ação do suco
- A visão na espécie humana é captada pelos glóbulos
oculares, e o estímulo nervoso levado ao cérebro pelos
digestivo: e o processo químico é conhecido por
nervos ópticos. Cada globo ocular é formado por:

esclerótica (branco do olho), coróide, retina (onde a
a) No duodeno, suco pancreático e quilificação.
imagem é formada pelos cones e bastonetes).
b) Na boca, saliva e insalivação.
c) No estômago, suco gástrico e quimificação
A Audição
d) No fígado, bile e peristalse.
O órgão receptor da audição é o ouvido, que se
compõe de: ouvido externo, ouvido médio e ouvido
5- (CEFET–PR) A digestão do Amido na boca e das
interno.
proteínas no estômago, acontece sob a ação,
respectivamente, das enzimas:
a) Ptialina e pepsina. - Ouvido Externo: Pavilhão auditivo e canal auditivo
b) Tripsina e amilase pancreática externo. Tem função de captar as ondas sonoras e
c) Bile e tripsina encaminha-las devidamente para o canal auditivo, que
d) Pepsina e bile possui glândulas secretoras de cerume, cera destinada
e) Amilase salivar e tripsina. a reter impurezas e corpos estranhos.
- Ouvido Médio: Caixa timpânica, com três ossinhos
em cadeia, o martelo a bigorna e o estribo, que
Aula 6 recebem as vibrações das ondas sonoras e as passam a
diante.
­ Ouvido Interno: Também chamado de
Sistema Locomotor labirinto.Dividido em vestíbulo e cóclea. O vestíbulo
O sistema locomotor é responsável pelos é preenchido por um líquido. Esta parte do ouvido é
movimentos do corpo, ele é constituído por ossos, responsável pela captação dos ruídos. Quando há
articulações e músculos esqueléticos. inflamação do ouvido interno (labirintite), os
estímulos não são percebidos, e a pessoa apresenta c) A fóvea (4) é o ponto totalmente insensível à luz
perda de noção de equilíbrio corpóreo. d) A pupila (em 7) funciona como um diafragma,
controlando a intensidade de luz
O Olfato
­ Captado pela mucosa olfativa, que forra as fossas 3) (CEFET–PR) Relacione as colunas e em seguida
nasais. Esta mucosa, é formada por células nervosas assinale a seqüência correta
em meio a células epiteliais, que tem seus dendritos Articulação Localização
funcionando como quimiorreceptores, que passam o (A) anfiartrose ( ) entre os ossos do crânio
estimulo ao cérebro através dos nervos olfativos. (B) diartrose ( ) joelho
(S) Sinartrose ( ) entre as vértebras
A Gustação ( ) ombros
Os quimiorreceptores neste caso, estão a) D, S, S, A b) A, D, A, D
localizados na língua, mais precisamente nas papilas c) A, S, S, A d) S, D, A, D
gustativas.
Podem ser: 4) Os órgãos localizados no ouvido interno responsáveis
pelo equilíbrio, são conhecidos por:
­ papilas tácteis, filiformes e só percebem a
consistência e temperatura dos alimentos. a) papilas caliciformes
­ papilas gustativas, caliciformes e fungiformes, que b) janela oval
são adaptadas para a percepção de 4 gostos c) cóclea
fundamentais: doce, amargo, salgado e azedo (ácido). d) canais semicirculares
É a interação entre estes 4 gostos básicos que resulta
em sabores diferentes que podemos sentir. 5) É o verdadeiro órgão da audição

O Tato a) canais semicirculares


Os órgãos do tato são inúmeros corpúsculos b) cóclea
sensitivos distribuídos pela pele e mucosas. Eles se c) tímpano
distinguem em : d) orelha

­ Corpúsculos de Meissner: receptores de contato. 6) São papilas táteis, localizadas na língua:


­ Corpúsculos de Pacini: estímulos de pressão.
a) caliciformes
­ Corpúsculos de Krause: estímulos de frio. b) filiformes
c) fungiformes
­ Corpúsculos de Ruffini: estímulos de calor.
d) caliciformes e fungiformes
Exercícios

1- (CEFET–PR) A anomalia da visão que se caracteriza Aula 7


pela formação da imagem atrás da retina:
a) astigmatismo Sistema Nervoso
b) miopia O sistema nervoso é responsável por fazer a integração
c) hipermetropia entre o meio e o indivíduo,dando respostas aos sinais
d) emetropia recebidos. O sistema nervoso é formado por células
especializadas chamadas neurônios, e pode ser dividido
2 - (CEFET–PR) No esquema a seguir, o olho humano está anatomicamente e fisiologicamente.
sendo representado e nele localizadas suas principais
estruturas que se encontram numeradas. Sobre este Divisões anatômicas do S.N.
desenho é correto afirmar: - Sistema Nervoso Central:

- Sistema Nervoso Periférico:

Divisões fisiológicas
- Sistema Nervoso Somático:

a) a esclerótica (em 1) origina a íris (em 6) na região - Sistema Nervoso Autônomo:


anterior • Simpático:
b) o cristalino (em 8) projeta a imagem menor e • Parasimpatico:
invertida na retina.
Sistema Endócrino

As glândulas endócrinas, juntamente com o


sistema nervoso, coordenam a atividade sincronizada entre
os vários sistemas do corpo humano (digestivo,
circulatório, respiratorio). O sistema endócrino nada mais
é do que um conjunto de órgãos e estruturas, capazes de
produzir hormônios.

Hormônios
Substancias químicas produzidas pelas glândulas
endócrinas, ou ate mesmo por células isoladas, que quando
lançadas no sangue, agirão a distancia, inibindo ou O sistema reprodutor masculino é formado por:
estimulando a função de certos órgãos-alvos. Estes - Testículos: órgão responsável pela produção de
hormônios atuam sobre estruturas especializadas e espermatozóides, além de produzir o hormônio
especificas na membrana, chamadas de receptores testosterona, responsável pelas características
químicos de membrana. masculinas.
As principais glândulas endócrinas ou mistas do corpo - Epidídimo: órgão tubuloenovelado responsável pelo
humano são: amadurecimento dos espermatozóides.
- Hipófise ou pituitária: - Ducto Deferente: órgão tubular responsável pelo
- Tireóide: transporte do sêmen até a vesícula seminal.
- Vesícula Seminal:
- Paratireóides.
- Próstata:
- Supra-renais ou adrenais:
- Glândulas Bulbouretrais:
- Pâncreas:
- Pênis: órgão masculino da cópula, formado por 3
- Ovários: corpos eréteis: 2 corpos cavernosos e 1 corpo
esponjoso.
- Testículos:
Exercícios

Sistema Reprodutor 1) (CEFET-PR) – Um skatista ou motociclista deve usar


capacete para proteger-se de choques mecânicos que
O sistema reprodutor é formado pelo conjunto de poderão lesar definitivamente seu (sua):
órgão responsáveis pela perpetuação da espécie, é formado a) sistema nervoso central
por órgãos produtores de gametas, hormônios, etc. b) sistema nervoso periférico
c) sistema nervoso autônomo
Sistema Reprodutor feminino d) medula espinhal

2) (CEFET-PR) – O pâncreas produz árias substâncias,


entre elas _________, que atua no controle de _________
no sangue.
a) adrenalina – anticorpos
b) insulina- açucar
c) tiroxina-cálcio
d) estrogênio- fósforo
3) Local onde os espermatozóides amadurecem até a sua
eliminação:
- Ovários: órgão responsável pela produção dos óvulos a) próstata
(gametas femininos) e hormônios reponsaveis pelo b) vesícula seminal
ciclo menstrual (preparação do corpo para uma c) epidídimo
possível gravidez). d) testículo
- Tubas uterinas (trompas de falópio): órgão
responsável pelo transporte do óvulo até o útero, a 4) Órgão do encéfalo responsável pelo tônus muscular e
fecundação do óvulo geralmente acontece neste órgão. equilíbrio do corpo:
- Útero: órgão musculoso responsável pela sustentação a) Cérebro
do embrião durante a gravidez, a descamação de sua b) Cerebelo
camada funcional é responsável pela menstruação.
c) Bulbo
- Vagina: órgão da cópula.
d) Ponte
Sistema Reprodutor Masculino
5) A fecundação ocorre: - Biosfera - é o conjunto de todos ecossistemas
a) na vagina existentes no mundo.
b) no útero
c) na tropa de Falópio O Ecossistema
Os ecossistemas são formados pela união de dois
d) no ovário fatores:
6) Que glândula secreta o hormônio que controla o açúcar
do sangue (insulina) - Fatores abióticos - o conjunto de todos os fatores
ambientais que atuam diretamente no mundo vivo. Os
a) pâncreas indivíduos euribiontes são capazes de tolerar amplos
b) tireóide limites de variações das condições do meio onde
c) supra- renal vivem. Já os estenobiontes, apresentam limites de
d) timo tolerância baixos. Alguns destes fatores são:
temperatura, luz e água.
7 ) Canal comum a exteriorização da urina e do sêmen: - Fatores bióticos - conjunto de todos seres vivos e que
a) ureter interagem uma certa região e que poderão ser
b) uretra chamados de biocenose, comunidade ou de biota.
c) canal deferente Exemplo: chamava-se de micro flora, flora autóctone
ou ainda fora normal todo o conjunto de bactérias e
d) próstata seres, os corpos que viviam no interior do corpo
humano ou sobre a pele. Hoje o termo melhor usado
em consonância com os termos ecológicos seria
8) Órgão onde ocorre o desenvolvimento do embrião:
microbiota normal.
a) ovário
b) ovidutos
c) próstata
Cadeias e teias alimentares
d) útero O componente biótico de um ecossistema
relaciona-se entre si e estipula níveis para essas relações.
9) Se ocorre a difusão da tireóide, o indivíduo poderá Podemos então classificar os seres vivos de acordo com as
desenvolver: funções específicas que esses desempenharão dentro de
a) bócio um ecossistema.
b) diabete
c) stress Organismos autótrofos
São assim chamados todos organismos que têm a
d) tetania paratireóide capacidade de transformar a matéria inorgânica em matéria
orgânica, normalmente, utilizando a luz solar e produzindo
o oxigênio. Têm essa capacidade todos fotossintetizantes e
Aula 8 quimiossintetizantes (que ao invés da luz solar, utilizam
substâncias químicas oxidadas).
Ecologia
Organismos heterótrofos
Conceitos importantes São assim considerados, todos os organismos que
- Espécie é um conjunto de indivíduos que possuem não são capazes de produzir o seu próprio alimento, tendo
semelhanças morfo-fisiológicas extrapolando-se estas assim, que utilizar a energia produzida pelos autótrofos ou
para o nível molecular e que podem gerar indivíduos mesmo por outros heterótrofos (dependendo de sua dieta).
férteis.
- População é um conjunto de indivíduos pertencentes Cadeia alimentar
a uma mesma espécie e que habitam uma mesma Uma cadeia alimentar define a seqüência de seres
localidade geográfica. vivos que se alimentam uns dos outros buscando a energia,
- Comunidade - refere-se ao conjunto de todas direcionando, assim, o fluxo de matéria e o próprio fluxo
populações que vivem em um mesmo ambiente ou da energia dentro do ecossistema. Uma cadeia alimentar
área a este ter um pode se dar o nome de biocenose. tem elementos básicos como:
Sobre uma comunidade haverá incidência dos
diversos fatores físicos e existentes naquela área. Produtores
São sempre autótrofos, produzem alimento que
será usado na cadeia, e por isso estão obrigatoriamente no
- Ecossistema – define-se como ecossistema a relação
início de qualquer cadeia alimentar. A energia
existente entre uma comunidade todos os fatores
transformada a partir da luz solar e do gás carbônico será
físicos que sobre ele incidirem. Existem vários
repassada a todos os outros componentes restantes da
ecossistemas no mundo. Pode-se considerar a palavra
cadeia ecológica. Os principais produtores conhecidos são
que ecossistema equivalente à palavra BIOMA.
as plantas e algas microscópicas (fitoplâncton).
Existem na natureza vários biomas, como, por
Consumidores
exemplo, as florestas tropicais, oceanos, mata
São os organismos que necessitam de se
atlântica, caatinga, cerrados, deserto e etc.
alimentar de outros organismos para obter a energia que
eles não podem produzir para si próprios. Vão se alimentar
dos autótrofos e de outros heterótrofos podendo ser
consumidores primários, consumidores secundários, Pirâmides Ecológicas
consumidores terciários e assim por diante. É bom lembrar As relações ecológicas entre seres vivos podem
que sempre que há a alimentação, nem toda a energia ser representadas graficamente através da construção uma
obtida será integralmente usada, isto é, parte dessa energia das chamadas pirâmides ecológicas. Essas pirâmides
não será absorvida e será eliminada com as fezes outra representam as variações de massa, número e energia
parte será perdida em forma de calor. Assim, grande parte dentro de um ecossistema.
da energia será perdida no decorrer de uma cadeia
alimentar diminuindo sempre a cada nível. Podemos então Pirâmide de energia.
dizer que o fluxo de energia num ecossistema é Expressa a quantidade de energia acumulada em
unidirecional começando e sempre com a luz solar cada nível da cadeia alimentar. Como a energia apresenta
incidindo sobre os produtores e diminuindo a cada nível um fluxo decrescente, quanto mais distante dos produtores,
alimentar dos consumidores. menor será a quantidade de energia útil recebida.

Decompositores Pirâmide de Biomassa


São organismos que atuam exatamente em papel Expressa a quantidade de biomassa, matéria viva
contrário ao dos produtores. Eles transformam matéria acumulada em cada nível trófico da cadeia alimentar. É
orgânica em matéria e inorgânica reduzindo compostos representada pelo peso seco consumido numa cadeia
complexos em moléculas simples, fazendo com que estes alimentar e expressa a quantidade de matéria orgânica por
compostos retornem ao solo para serem utilizados área. É de forma direta nos ecossistemas terrestres que tem
novamente por outro produtor, gerando uma nova cadeia produtores com biomassa muito maior que os
alimentar. Os decompositores mais importantes são consumidores. Porém, é invertida em ecossistemas
bactérias e fungos. Por se alimentarem de matéria em aquáticos onde os produtores são bem menores e
decomposição são considerados saprófitos. consumidos em grande quantidade por consumidores cada
O conjunto de uma série ecossistemas é chamado vez maiores. Este tipo de ecossistema só pode existir
de teia alimentar, neste caso várias teias se entrelaçam devido ao alto grau de reprodução que é feito pelos
fazendo com que as relações ecológicas sejam múltiplas e produtores representados ali geralmente pelo fitoplâncton.
o alimento disponível possa ser utilizado por vários
indivíduos e realmente compondo um ecossistema. Pirâmide de números
Demonstra o número de indivíduos que existe em
Habitat - denomina-se a habitat o "endereço cada nível trófico. Dependendo do tipo de ecossistema a
ecológico de um indivíduo", ou seja, o local onde esse pirâmide de números pode ser direta ou invertida.
indivíduo pode ser encontrado em um ecossistema. Podemos ter três tipos básicos de cadeias alimentares a de
Nicho ecológico – o nicho ecológico corresponde predadores que promoverá pirâmides diretas, a de parasitas
ao papel e o organismo desenvolve dentro de um e super parasitas que dará pirâmides invertidas e a de
ecossistema sendo comparado a um "emprego". detritívoros que dará pirâmides diretas.
Quando dizemos o jacaré é um animal do pantanal,
falamos do seu habitat, porém quando dizemos que um Populações
jacaré é um grande predador do pantanal, estamos nos Unidade biológica formada por um grupo de
referindo ao nicho ecológico. organismos da mesma espécie, que vivem em uma mesma
área, estabelecendo uma interdependência com as demais
Níveis Tróficos populações que ali vivem. São necessários alguns
- O conjunto de indivíduos que se nutre no mesmo patamar conceitos para se entender a população e seu
alimentar, ou seja, alimentam se basicamente dos mesmos desenvolvimento. São eles:
nutrientes estão colocados em um mesmo nível trófico. - Densidade: D = n. de indivíduos/Espaço ocupado
- Os produtores estão colocados no 1º nível trófico. - Taxas de natalidade e mortalidade - Indicam a
- Os consumidores primários, aqueles que se alimentam proporção de novos indivíduos na população através
dos produtores, são herbívoros e constituem o 2º nível de nascimento e a perda de indivíduos nesta
trófico. população por razão da morte, respectivamente.
- Os consumidores secundários compõem o 3º nível
trófico, sendo os carnívoros.
- Taxas de imigração e emigração – Quantidade de
- Após esses existe o 4º nível trófico e assim por diante. indivíduos que entram na população e que saem dela
- Os decompositores ocupam sempre o último nível da para outras áreas.
transferência de energia formando um grupo especial que
degrada tanto produtores quanto consumidores Temos então:
A população de um ecossistema pode crescer
A Biosfera E Suas Divisões infinitamente em teoria, mas existe uma curva real de
A biosfera compreende o conjunto dos ecossistemas crescimento de uma população que é determinada pelo
do planeta e pode ser dividida em biociclos: aumento dos indivíduos, modificada pela chamada
resistência do ambiente. Esta resistência é composta por
- Biociclo terrestre, epinociclo: Conjunto de todos os fatores abióticos que podem influenciar no
ecossistemas de terra firme. crescimento da população. O gráfico abaixo representa a
- Biociclo dulcícola, limnociclo: Ecossistemas de água curva normal de crescimento de uma população com a
doce. linha mais espessa representando o crescimento potencial e
- Biociclo marinho, talassociclo: Ecossistemas de água a linha sinuosa o equilíbrio atingido pela população que é
salgada chamado equilíbrio dinâmico. Este equilíbrio tem
flutuações. Este número de indivíduos relativamente
constante será o número de indivíduos máximo ou
capacidade limite deste ambiente em relação a essa provocam desequilíbrio ecológico) tem sido destruído,
população. prejudicando fauna, flora e a própria vida do homem na
Terra. Vamos discutir agora as principais causas deste
Relações Harmônicas desequilíbrio do meio ambiente.
- Monóxido de Carbono: Gás inodoro e incolor que é
Interespecificas o principal poluente da atmosfera. É produzido na
- Mutualismo (+/+): Associação necessária à queima de algum combustível que possui carbono. Ele
sobrevivência de duas espécies, em que ambas se impede através de sua ligação muito estável com a
beneficiam. Ex.: liquens (algas e fungos), bactérias e hemoglobina, o transporte de gás carbônico e
ruminantes. oxigênio, podendo provocar náuseas, diarréias, perda
- Protocooperação (+/+): Associação não-obrigatória de memória, pneumonia, etc.
à sobrevivência, porém em que as duas espécies se - Dióxido de Enxofre – um dos geradores da chamada
beneficiam. Ex.: anêmona e paguro-bernardo-eremita. chuva ácida, ao ser transformado em ácido nítrico,
- Comensalismo (+/0): Associação em que uma das que conferem à chuva um caráter ácido, podendo
espécies se beneficia, usando restos alimentares da causar danos materiais, envenenamento dos rios e
outra, que não é prejudicada.Ex.: tubarão-rêmora. danos às folhas dos vegetais. Derivado da combustão
- Inquilinismo (+/0): Associação em que uma das de carvão e petróleo, no homem ele provoca irritação
espécies se fixa ou se abriga em outra, porém sem nos olhos, na pele, garganta, bronquite e ate mesmo a
prejudicá-la. Ex.: bromélia-árvore. morte.
- Pesticidas – Produtos químicos usados no combate de
Intra-especificas pragas animais ou vegetais, que acabam prejudicando
- Colônias: Associação entre indivíduos da mesma o homem e suas plantações. O maior problema no uso
espécie, que se mantêm ligados entre si, formando de pesticidas, está na falta de informação dos
uma unidade estrutural.Ex.: colônias de esponjas e de fazendeiros, que quase sempre fazem uso excessivo
corais. destas substâncias, provocando o envenenamento dos
vegetais e conseqüentes problemas ao homem, que irá
- Sociedades: Associação entre indivíduos da mesma consumi-los. Alguns destes pesticidas, os inseticidas,
espécie, não ligados anatomicamente, que se agrupam não são seletivos, matando assim varias espécies de
para divisão de trabalho, organizados portanto de insetos, que estejam convivendo no ambiente
modo cooperativo.Ex.: formigas, cupins. pulverizado, provocando assim um grande
desequilíbrio ambiental.
Relações Desarmônicas - Radioatividade – Os elementos radioativos são muito
Interespecificas perigosos, por causarem danos a várias populações
vegetais e animais, e por seu efeito persistir por anos e
- Competição interespecífica: Relação entre anos, podendo ser passado de geração para geração,
indivíduos de espécies diferentes, que concorrem pela devido à meia vida destes elementos radioativos
mesma alimentação que existe em quantidade serem muito longas. Os principais acidentes
limitada. Ex.: corujas, cobras e gaviões que atacam radioativos do mundo foram a explosão do reator
pequenos roedores nuclear em Chernobyl, a explosão da bomba atômica
- Parasitismo: Associação em que uma das espécies, de Hiroshima e Nagasaki e também no Brasil, o
geralmente a menor, vive sobre ou dentro da outra, incidente do Césio 137 em 1987, que deixou e ainda
alimentando-se dela, porém geralmente sem matá-la. causa vários danos à saúde dos habitantes de Goiânia,
Ex. Necator americanus e outros vermes parasitas. no estado de Goiás. A radioatividade pode causar
- Predatismo: Relação em que uma das espécies, a várias doenças, como câncer e anormalidades
predadora, mata a outra para dela se alimentar. Ex.: fisiológicas nos fetos quando suas mães têm contato
carnívoros/herbívoros. com estes elementos durante a gestação.
- Amensalismo: Relação em que uma das espécies - Metais Pesados – Principalmente o mercúrio, usados
inibe o crescimento ou reprodução da outra.Ex.: na separação de ouro no garimpo, causam efeitos
fungos que liberam antibióticos no meio, inibindo o acumulativos na cadeia alimentar, ou seja, o mercúrio
crescimento de bactérias. jogado no rio, vai afetar de forma x as algas, os peixes
- Esclavagismo: Associação em que uma das espécies que se alimentam destas algas serão afetados 2x e o
se aproveita das atividades ou do trabalho da outra. homem que se alimenta destes peixes será afetado de
Ex.: Formigas e pulgões. 3x. Pode causar no homem cegueira, sistema nervoso
deteriorado e até alterações nos fetos quando ingerido
Intra-específicas pelas mulheres grávidas.
- Competição intra-específica: Relação entre - Detergentes – Aparecem nas águas através do uso
indivíduos da mesma espécie, que concorrem pelos doméstico ou industrial. Provocam a produção das
mesmos fatores do ambiente, existentes em espumas brancas, que diminuem a quantidade de
quantidade limitada. oxigênio na água, matando assim os organismos
aeróbios que ali habitam. Além disso, ao entrar em
contato com a pena de aves, impede a produção da
Desequilíbrios Ambientais secreção que impede que elas se molhem, causando
Atualmente, a principal preocupação dos assim a sua morte por afundamento. Até os
ecologistas, tem sido o meio ambiente, que com o passar detergentes biodegradáveis podem aumentar a
dos anos, e o advento da tecnologia (várias invenções que
população microbiana, reduzindo também as formas a) 1e5 2e8 3e4 6e7
aeróbias. b) 3e5 4e6 1e8 2e7
- Desmatamentos – Os desmatamentos por queimadas, c) 4e5 1e6 3e7 2e8
ou mesmo o corte ilegal de árvores, deixa o solo sem a d) 1e3 2e7 6e8 4e5
cobertura vegetal necessária para que aja uma e) 1e5 4e6 3e7 2e8
retenção adequada da água da chuva, fazendo com
que esta água escoe livremente pelo solo, provocando
as enxurradas, favorecendo a erosão do solo. Além 5) (PUC-SP) O tucunaré, peixe trazido da Amazônia para
disso, acontece também o assoreamento, o arraste e as lagoas de captação das usinas estabelecidas ou em
acumulo de sedimentos de areia, cascalho para os construção nos rios Paraná, Tietê e Grande, adaptou-se às
leitos dos rios, diminuindo a capacidade de condições locais e serviu como elemento de controle das
escoamento de água e provocando as inundações. As populações de piranhas que ameaçavam proliferar nos
queimadas prejudicam também a fertilidade do solo. reservatórios das usinas hidrelétricas de Minas Gerais e
São Paulo. O mesmo tucunaré terá sua criação
Exercícios incrementada na barragem de Itaipu, afastando o perigo do
1) (PUC-SP) O conjunto do ambiente físico e dos domínio das águas do Rio Paraná por cardumes de
organismos que nele vivem é conhecido como: piranhas. A relação tucunaré-piranha pode ser considerada
a) biótopo como um método de controle utilizado pelo homem para:
b) ecossistema
c) biomassa a) aumento de taxa de mortalidade
d) bioma b) competição intra-específica.
e) comunidade c) variação de nicho ecológico.
d) alteração cíclica da população.
e) controle biológico por predatismo.
2) (MOGI) Ao conjunto de indivíduos de diferentes
espécies habitando determinada área dá-se o nome de: 6) Podem organizar-se em sociedades:

a) ecossistema a) aranhas.
b) comunidade b) besouros.
c) população c) gafanhotos.
d) bioma d) traças.
e) biosfera e) vespas.

3) (UFRJ) As espécies de capim que crescem nos campos 7) (UFRGS-RS) Enquanto as onças devoram a sua presa,
da Austrália podem ser diferentes das que existem na os urubus esperam. Quais as relações ecológicas
América ou na África, mas todas têm a mesma função: são envolvidas nesta situação?
produtores dos ecossistemas de campo. Nos campos da
Austrália vivem cangurus, nos da África há zebras e na a) predador e parasita. d) predador e decompositor
América do Norte há bisões. Todos esses animais exercem b) comensal e parasita. e) predador e sapróvoro
em seus ecossistemas a função de: c) parasita e sapróvoro.

a) consumidores primários 8) (CESGRANRIO) Se duas espécies diferentes ocuparem


b) consumidores secundários num mesmo ecossistema o mesmo nicho ecológico, é
c) consumidores terciários provável que:
d) decompositores
e) parasitas a) se estabeleça entre elas uma relação harmônica.
b) se estabeleça uma competição interespecífica.
4)) (CESGRANRIO) No ecossistema a seguir c) se estabeleça uma competição intra-específica.
esquematizado, estão representados, de 1 a 8, os d) uma das espécies seja produtora e a outra,
componentes de uma comunidade biótica. Entre eles consumidora.
encontram-se: produtores, consumidores primários, e) uma das espécies ocupe um nível trófico elevado.
secundários e consumidores terciários.
9) (FUVEST) Um dos perigos da utilização de inseticidas
clorados é que eles são muito estáveis e permanecem
longo tempo nos ecossistemas. Em vista disso, dada a
cadeia alimentar
capim inseto pássaro cobra gavião
é de esperar que a maior concentração de DDT por quilo
de organismo seja encontrada em:

a) cobra
No quadro abaixo, assinale a opção que classifica b) gavião
corretamente os componentes do ecossistema: c) pássaro
d) inseto
Consumidores Consumidores Consumidores e) capim
Produtores primários secundários terciários
10) (CESGRANRIO) Qual das alternativas a seguir c) a cadeia alimentar do ecossistema perderia o elo
responde corretamente a seguinte questão: “Que resultaria principal, pois do fitoplâncton depende praticamente toda
se desaparecesse do mar o fitoplâncton ?” a matéria orgânica necessária aos demais componentes
bióticos.
a) o equilíbrio ecológico desse ecossistema não sofreria d) o ecossistema não seria afetado visto que o plâncton é
alteração, visto que o fitoplâncton é constituído por seres apenas um consumidor na cadeia alimentar.
apenas microscópios. e) o equilíbrio ecológico não seria alterado visto que nem
b) o zooplâncton ocuparia o seu lugar na cadeia alimentar, todos os organismos marinhos se alimentam do
mantendo assim o equilíbrio ecológico do ecossistema. fitoplâncton.

Gabarito
Aula 1
1-a 2-a 3-c 4-c 5-a 6-c 7-c 8-c 9-a 10-d
Aula 2
1-b 2-d 3-30 4-b 5-c 6-(por que a batata-inglesa é um caule tuberoso, e a batata doce é uma raiz) 7-e 8-d
Aula 3
1-e 2-b 3-d 4-d 5-d 6-d 7-e 8-b 9-a 10-e 11-d 12-e 13-b 14-d
Aula 4
1-a 2-c 3-e 4-e 5-c 6-e 7-b 8-c 9-e 10-a
aula 5
1-a 2-c 3-b 4-b 5-a
Aula 6
1-c 2-b 3-d 4-d 5-b 6-b
Aula 7
1-a 2-b 3-c 4-b 5-c 6-a 7-b 8-d 9- a
Aula 8
1-b 2-b 3-a 4-e 5-b 6-e 7-e 8-b 9-b 10-c