Você está na página 1de 35

“Num campo de batalha

marcha em frente a tropa Kotekitai!


Incentivando os soldados cansados,
Avançando valentemente sobre os inimigos
Sem jamais recuar diante das balas adversárias
Continua tocando
Até morrer,
Desejando cumprir sua missão,
Mesmo que fique sozinha no final,
Jamais deixa de tocar.
Essa é a nossa missão!
Membros da Kotekitai!”

NOME: ________________________ Comunidade: _________


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 2

1) Carta de Boas Vindas 03

2) Poema "Anjos da Paz" 04

3) Poema "Jovens Artistas da Justiça" 05

4) Planos e Atividades da NEK 09

5) Histórico do Grupo 11

6) Discursos sobre a Kotekitai 13

7) Uniforme de Ensaio 21

8) Lista de Telefones 22

9) Teoria Musical 23

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 3

Querida companheira,

Estamos imensamente felizes pelo seu ingresso na Nova Era Kotekitai! Receba
os nossos mais calorosos abraços e seja muito, muito bem vinda!!!

Esta será uma nova etapa em nossas vidas, onde teremos a grandiosa
oportunidade de desbravar novos caminhos, novos horizontes, ampliar e
fortalecer nossos laços de amizade e aproximar, juntas, o nosso coração ao de
Ikeda Sensei.

Teremos a oportunidade de estudar sobre a música e aprender muito sobre o


profundo espírito de Mestre e discípulo até sentir e compreender o porque
Sensei nos denominou de "Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei".

Nesta nova etapa, certamente você estará enfrentando novos desafios, assim
lembre-se de sempre manter-se firme na prática da fé, ultrapassando cada um
como se fosse um trampolim para alcançar seu grande objetivo e, leve até o fim,
o seu desejo de fazer parte deste grupo de pífanos e tambores fundado pelo
Mestre!!!

Por favor, aproveite ao máximo este tempo em que estará no Grupo de


Aprimoramento (GA), estudando e aprimorando cada vez mais seus
conhecimentos! Utilize esta apostila que foi preparada com todo o carinho para
este propósito!!

Sempre conte conosco no que for preciso, seja para esclarecer alguma dúvida,
para conversar, desabafar, enfim, estaremos sempre juntas daqui para frente!

É com todo o carinho e dedicação que oferecemos o melhor para você, então,
agora "é com Você"!

Desejamos que você tenha um ótimo treinamento no Grupo de


Aprimoramento!!!

Carinhosamente,

Nova Era Kotekitai

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 4

Anjos da Paz
Poema de Daisaku Ikeda

Anjos da Paz, Nem baionetas, sequer armas de fogo,


Mensageiras da Cultura! Com um mero pífano e tambor,
Oh! Minhas companheiras Vocês tocam o ritmo básico
Do Grupo de Pífanos e Tambores, Deste universo místico.
Soprando suas ardentes aspirações. Eles sentirão a ressonância
Vocês são flores vicejando perenes No fundo de seus corações.
Nesta era turbulenta. E, o mundo também,
Descobrirá uma razão para a paz.
Encantadora beleza
Disposta em simetria, impetuosas , Uma agradável melodia, dó, ré, mi,
Na horizontal, vertical, Poética, pura, um "luar do castelo em ruínas"
Rodopiando ao comando de um bastão. E a sinfonia do êxtase.
Postura exuberante na mente e no corpo, Advento de um oásis musical
Gerando uma fluida dança celestial. Banhando o deserto do espírito.

Ah! Na era de confusão e inanidade, Longe, no céu, eleva-se no horizonte.


Um cálido ressoar envolve nobres vidas, Vocês vêem a imagem de um castelo
Na estrada da disciplina. Para a solidariedade do mundo.
Através do vento glacial Nunca na vida hei de esquecer
Ostentam resplandecente, a jovial sabedoria O reluzir das lágrimas nos olhos dos anjos.
E a exultante arte da música. Quero aplaudir o som de pérolas
resplandecentes
Filhas ignotas da família do homem, Perpassando as chamas da guerra,
Que derretendo gélida ideologia, Saltando sobre o estrondo da civilização,
Sobrepassam fronteiras entre nações. Proclamando a nova verdade à humanidade,
Vocês são diplomatas sem insígnias, Aqui e ali, ilumina-se a luz da vida.
São genuínos, verdadeiros Anjos da paz.
Luzes justapõem-se.
Desconhecedoras dos recursos da política Vocês serão o raio incandescente
E das estratégias diplomáticas Para, em todas as direções,
Que oscilam na dimensão da vida do povo, Amenizar a construção desta época,
Ampliando as linhas da amizade, Farta da obscuridade e da infâmia.
Propagam vocês a Filosofia da Paz, E, então, brevemente,
Silenciosamente, profundamente. Iluminar todos os dias futuros.

18 de Setembro de 1971

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 5

Dedico à amada Kotekitai


Anjos da Paz
Jovens Artistas da Justiça

Maravilhoso olhar!
É o que representa o brilho A rainha avança...
e a figura de um anjo! como se alegremente sonhasse,
rumo à essência da vitória.
Nobilíssima missão possui o anjo, Esquecendo-se de sofrimentos próprios,
amado e respeitado por todos. fazendo esvoaçar livremente
infinitas músicas celestiais,
O anjo, consciente dessa missão, enquanto dança na grande terra.
sobe aos céus e de lá desce
para incentivar inúmeras pessoas. Aí florescia uma rosa...
no outro canto, um lírio branco
Não há nada mais belo, mais puro, e ainda no outro, um gracioso lírio-do-vale...
mais forte e mais correto do que um anjo. Oh! Jovem anjo!
Você é mais delicadamente precioso
Todos abrem as portas do coração do que qualquer talento mundial.
ao ouvir dos anjos a linda melodia É heroína da humanidade,
de seus instrumentos musicais... como as brilhantes pedras preciosas.

Pessoas tristes, solitárias, sofredoras Muitas pessoas captam


e com o coração machucado, todas enfim, a sua eterna e forte emoção
terão suas buscas satisfeitas enquanto você projeta ao mundo,
e poderão sonhar com a esperança o maravilhoso sorriso da paz.
de um novo amanhã.
Para o sol que ascende queimando
Quando, na atmosfera cinzenta ou para a brilhante lua,
num encontro de olhares com um anjo, você...
ouvir a maravilhosa melodia rítmica às vezes forte,
ele abre suas asas douradas com naturalidade às vezes silenciosa,
e os nossos corações exultam, às vezes harmoniosa,
diante à suave e delicada alegria. às vezes como ondas furiosas
surge...
Oh! Anjo! tocando a melodia num ritmo vibrante,
Oh! Música! no solo do jardim da paz
Oh! Instrumento musical! onde incontáveis flores
exalam suavemente os seus perfumes.
Todos, saindo do rigoroso inverno
rumo à agradável primavera... Qualquer ser, por mais demoníaco que aparente,
É divina a figura que voa em direção ao ideal, absolutamente não é oponente
após banhar-se de forte fragrância jovial, para o sorriso de um meigo e jovem anjo
no pacífico jardim de tesouros, com a grandiosa sinfonia,
envolto em folhas novas e verdes. própria de sua sublime vida.

Vívido olhar! Qualquer ser demoníaco que queira


Que reflete a figura da amazona separar ou destruir sentimentos,
que monta um corcel branco qualquer ser de baixa classe,
para reger com sua batuta, ou ardilosos seres inferiores,
a grandiosa missão, esperança da nova era. serão todos ofuscados pelas chamas ardentes
dos puros corações,
A liderança dessa rainha conduz a todos, e silenciosamente desaparecerão, juntando-se aos que
cada vez mais para o futuro, já estão mergulhados na escuridão.
para o castelo de prata,
para o castelo de ouro! Com um sentimento real e apaixonado,
gostaria de marchar
neste saudoso e rico solo.
De palavras mentirosas ou
músicas presunçosas e comerciais,

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 6

já estou saturado!! Não há anjo que chora,


por mais severo que seja,
Por pessoas com ares de profissional o exercício do treinamento.
da "arte de fazer as pessoas tomarem
o amargo caldo do sofrimento", Tornar-se forte é ser feliz
não tenho a mínima simpatia porque assim você pode conhecer
e os heróis das músicas antigas a própria capacidade de conduzir
já não me fascinam mais. muitas pessoas à felicidade.

Gostaria que entoassem canções da nova era num jardim Esse forte espírito é o que possibilita oferecer os mais
de exuberante verde belos buquês de flores
onde reine infinita felicidade de novas expressões com para o maior número de pessoas.
o novo brilho do sol.
Até o sol esboça um sorriso
Gostaria que apresentassem músicas ao assistir o nosso concerto.
que incentivem apertos de mão A lua, com o maravilhoso olhar,
das pessoas quando prometem a paz, também assiste
num relacionamento mais humano e as constelações no seu silêncio,
com o degelo de seus corações. com seus suaves brilhos,
enviam as suas saudações.
Somos absolutamente contrários
às músicas com espírito autoritário, Nós executamos as melodias místicas
que parecem gozar do direito de mentir, envoltos na infinita música do universo.
usurpando direitos de muita gente.
Ao final, no palco,
Não necessitamos mais tomando um cálice de água da vida,
daquelas músicas ou canções maléficas mutuamente decidimos trocar
que não recebem citações gloriosas e informações de novas alegrias.
mais parecem um céu cinzento.
Sentindo os anúncios de um novo despertar,
Nós seguiremos todos juntos, fortes como um relâmpago ou
pela estrada da alegria eterna. como o estrondo de trovão,
Nossa música segue avante partimos para as apresentações.
ascendendo e fazendo pulsar corações.
Essa nossa apresentação é um direito nosso,
Ah! Novamente aquela rigorosa maestra... um direito ao treinamento e à felicidade.
Inicia-se a apresentação que
com a beleza da coreografia, Nós sabemos o quanto é superficial,
faz resplandecer corações a repugnante e fatigada juventude.
e faz desenvolver o ser humano.
Sabemos, por outro lado que,
A condutora de branco na feliz condição de um ser humano,
ofuscou os olhos, ofuscou os corações e possuirmos o privilégio de viver
todos iniciaram a cantar por essa música para treinamento,
altivamente e sem reservas: já é a arte de máximo sentimento.
A palavra do anjo,
A canção do anjo, Kossen-rufu é o caminho da marcha
A música do anjo. dos nossos jovens anjos.
É o caminho eterno da
Cada uma das pessoas receberam em suas cabeças, um paz, cultura e educação.
louro celestial
silenciosamente depositado. Jamais, ninguém conseguiu até hoje,
construir esse caminho...
Hiltey, um filósofo suíço disse: Agora, a grande estrada está
"A felicidade do curso da vida majestosamente concluída...
é conquistar todas as adversidades Nós, como pioneiros,
de forma brilhante e magnificente vamos, imponentes, seguir esse caminho!
e a capacidade individual
nasce do treinamento, 22 de julho de 1956 - fundação da Kotekitai...
ao vencer as próprias fraquezas". Desde então eu, também a minha esposa,
acompanhamos vocês, como

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 7

quem acompanha uma irmã ou uma filha. onde brilham preciosas e jovens vidas!

No ano de 2001 comemoraremos


o 45º aniversário de fundação... Aqui não existem revoltas,
Aquele momento do recital, não existem sentimentos deploráveis,
o momento da entrada, não existem ódios abomináveis
o momento da marcha, e nem existem pessoas que sofrem
o momento da performance... expelindo venenos.
É infinita a lembrança dos maravilhosos anjos.
"Bartoryhary", um poeta lírico da Índia declamou:
Jovens, manifestando inteligência superior, "Por mais humilhada que seja uma pessoa,
todas formadas e forjadas na Kotekitai e jamais poderá ser-lhe roubada,
detentoras de educação humana, a virtude da solidez e competência da ação".
em grande atuação interna e externamente
como líderes femininas de primeira qualidade, Elas, após suas formaturas,
é demais precioso e provoca quando forem pessoas da sociedade,
transbordante alegria. certamente serão louvadas como
modelos de personalidade e
Quando se ouve que é formada na Kotekitai, serão plenamente munidas de
A maioria expressa: "Ah! sim! De fato é!" nobres sentimentos,
Certamente as palavras são de louvor. esplêndida inteligência e disciplina.

Para a Kotekitai, Em especial isso poderá ser considerado como máxima


que escreveu tão grandiosa história, proeza musical dos céus
certo escritor dizia: e a real escola global de educação humana.
"Universidade dos Anjos da Felicidade".
E ainda, eu gostaria de louvar...
Numa sociedade de tão violenta realidade, As veteranas da Kotekitai que não apenas
as pessoas sempre sonharam criaram as porta-bandeira da paz na Kotekitai,
com o país das fadas. mas ensinaram a seguir resolutamente
Oh! Jovens anjos da construção! o correto caminho do ser humano,
Que marcham na comissão de frente seja na juventude como no curso da vida.
do trabalho de construção, do país das fadas. A elas, as palmas de minha máxima gratidão.

A pequenina vida que dança inocentemente é o tesouro, Os vinte e tantos mil membros da Kotekitai,
a esperança e as primeiras do mundo,
o sonho da humanidade em fusão com as incontáveis veteranas,
reinam neste mundo como
Quem é louvada o ponto mais alto da cultura popular.
com uma grandiosa salva de palmas
seja em qual palco for, A maravilhosa performance do ágil bastão,
é a Kotekitai, os anjos da paz. A dança das graciosas "pom-pom-tai",
A elegante orquestração das melodias,
Marcha avante, orgulhosa, O excitante rufar da percussão,
na multidão, de cabeça erguida. A esplendorosa evolução do corpo principal.
À sua frente não seria o país das fadas ?
O treinamento na Divisão do Futuro
O uniforme cheio de graça... forma para toda vida,
O resplandecer do sério olhar que a personalidade, felicidade e atributos
irradia um brilho ofuscante. valiosos como diamante para sobreviver. Milhares de
pessoas manifestam gratidão.
Nesse ambiente,
flutua suavemente o aroma Força! Kotekitai!
do alvorecer de uma vida que anuncia Força! Coral!
o alegre amanhã da soberania do povo. Força! Orquestra!

Ah! Jovens Anjos da Paz! Todos louvam e elogiam


Ah! Jovens Mensageiras da Felicidade! a maravilhosa harmonia e união
Ah! Coroa de tesouros, das estudantes primárias, ginasiais, colegiais,

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 8

universitárias e a Divisão das Moças. o panorama da terra suja de sangue.

Eu brado silenciosamente:
Nossa música não é absolutamente
uma performance sem objetividade!
Quem recebeu treinamento ainda pequena,
viverá forte e correta. O grandioso objetivo é a felicidade
Quem recebeu treinamento é feliz e vitoriosa. desejada do fundo do coração.
Esta é minha conclusão após tudo observar São músicas originárias de
por dezenas de anos. límpidos corações, de sorrisos e de alegria
que as pessoas do mundo
Às vezes me espanto ansiosamente esperam.
com a extensão da diferença
entre pessoas que receberam ou não Nós, com transbordante alegria,
treinamentos em sua juventude. ao vibrar incontáveis corações,
fazemos fluir nas veias dessas pessoas,
O treinamento resulta em vitórias e felicidade; o significado de uma vida.
a brincadeira em ócio e infelicidade.
Neste momento,
O idealizador da renascença americana, "Solow", disse: a marcha da Kotekitai mundial
"Nós, que precisávamos ser segue rumo ao século XXI,
crianças em crescimento, simétrica, corajosa e imponente
acabamos nos tornando como um grande rio.
adultos prematuros".
Ela é a esperança da humanidade!
Naquele dia, naquele momento, a humanidade!
quando a Kotekitai do mundo É a paz da humanidade
se apresentou em conjunto
é um fato inesquecível. Hoje e amanhã,
Todos fomos contemplados com sublime sentimento
com muita alegria e emoção. e suprema habilidade,
executa do seu repertório,
A Kotekitai dos EUA também atua as maiores obras mundiais.
em todas as atividades e na sociedade,
com suas apresentações e desfiles. Jovens Anjos da Paz!
Para sempre...
No Brasil, a Kotekitai tenham saúde!
transmite infinita emoção, sejam corajosas!
participando infalivelmente sejam felizes!
de importantes eventos. e sejam vitoriosas

Na França, em Hong Kong ...


A nossa Kotekitai já está presente Em 8 de Agosto de 2000
em 27 países e localidades Daisaku Ikeda

A performance daquelas jovens,


Como beleza, dançam nos céus (No Centro de Treinamento de Nagano, comemorando o
Como sorriso, ecoam no coração das pessoas 10º aniversário da conclusão do "Monumento da Fuji
Como flores em infinita quantidade, amenizam Kotekitai")

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 9

PLANOS DE ATIVIDADES PARA 2007


Nova Era Kotekitai de Brasília

LEMA ETERNO: "Ser alegre como o Sol e ter a serenidade do Luar"


ESPÍRITO DO GRUPO: "Uma por todas e todas por uma"
MISSÃO: Transmitir a paz e a esperança através da música
OBJETIVO DO GRUPO: Criação de autênticos valores humanos
DIRETRIZES ETERNAS:
1} Tornar uma Kotekitai que possa corresponder ao nosso
mestre.
2) Tornar uma Kotekitai que seja exemplo dentro da DFJ
3) Tornar uma Kotekitai que seja amada por todas as
divisões
4) Tornar uma Kotekitai que em qualquer lugar possa
representar dignamente a Kotekitai

OBJETIVOS INDIVIDUAIS:
1. Vencer na relação familiar e individual
2. Viver uma juventude saudável
3. Crescer no campo profissional e nos estudos
4. Aprimorar os conhecimentos musicais em conservatórios, universidades e com
profissionais de primeira linha
5. Como autêntico Anjo da Paz ser a primeira a colocar em prática as diretrizes
da DFJ/DE da BSGI

PLANO DE ATIVIDADES DA NEK DE BRASÍLIA

TEMA: Marcha na Nova Era Kotekitai rumo a sociedade

1. Apresentar no desfile de 07 de setembro diante da sociedade brasiliense.


2. Representar dignamente sensei diante da sociedade
3. Trazer sensei para o Brasil através da luta da Nova Era Kotekitai.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 10

Histórico do Grupo - NOVA ERA KOTEKITAI

Em 1956, transformado num país arrasado pela 2a Guerra Mundial, o Japão, tentava com
todas as suas forças levantar-se das cinzas e reerguer-se como uma nação. Nesta mesma época, a
Soka Gakkai também enfrentava vários problemas além de estar sofrendo por uma grande perda
- o falecimento do seu primeiro presidente Tsunessaburu Makiguti, que protegeu a Verdadeira
Filosofia de Nitiren Daishonin com a sua própria vida -.
Após 8 meses, Jossei Toda que fora preso juntamente com seu mestre é libertado,
tornando-se o segundo presidente da Soka Gakkai com uma grande missão de reerguer a
organização e levar o Budismo de Nitiren Daishonin para todo o Japão.
Foi nesta ocasião que uma jovem, chamada Mie Haga, confidenciou a um grande amigo o
desejo de fundar um grupo de tambores e flautas da Divisão Feminina de Jovens. Apesar de não
possuírem meios de concretizar seu sonho, devido à condição do país devastado pela guerra, ela e
suas companheiras oravam fervorosamente acalentando esse grande ideal.
Esse grande amigo nada mais era do que o jovem Daisaku Ikeda que, sem medir esforços,
vendeu a roupa do próprio corpo para realizar o desejo daquelas jovens, enviando-lhes uma grande
encomenda de instrumentos musicais. Assim, Ikeda Sensei fundou a Fuji Kotekitai em 22 de
Julho de 1956, com 33 membros, depositando total confiança à essas jovens na grandiosa
missão de promover a Paz Mundial através da música.
Na década de 60, uma das 33 membros que deram início à Fuji Kotekitai partiu de sua
terra natal para continuar no Brasil a sua grandiosa missão na marcha dos Anjos da Paz rumo ao
Kossen-Rufu.
O desejo de fundar um corpo de tambores e flautas mesmo em meio as dificuldades,
principalmente financeiras, era muito grande, mas superando todas as circunstâncias, a Kotekitai
do Brasil foi fundada em 18 de Agosto de 1963, com 7 membros.
Nos seu 10º aniversário, em 1973, a Kotekitai já contava com 135 membros e conseguiu
marcar o ano com muitas realizações. Em 11 de Março deste mesmo ano, recebe o nome de
“Vitória Régia Kotekitai”, nome de uma flor caracteristicamente brasileira, da região amazônica,
conhecida pelo tamanho excepcional de suas folhas bem como de suas belas flores. A palavra
vitória significa êxito, triunfo e Régia, palácio real.
Em comemoração aos 20 anos de fundação, a Kotekitai realizou vitoriosamente o seu 1º Festival
Cultural no Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo.
Em 1984, foi realizado o grandioso Festival Cultural e Esportivo no ginásio do Ibirapuera
onde a Kotekitai apresentou-se com muita alegria e emoção diante de seu mestre e fundador,
Daisaku Ikeda.
Nesta ocasião, Sensei dedicou carinhosamente, de próprio punho, o nome de “Nova Era
Kotekitai” levando o grupo a reafirmar seus objetivos e reconfirmar a sua nobre missão de Anjos
da Paz.
Em 1988, realiza-se o primeiro Festival do Brasil liderado pela Divisão dos Jovens e a
Kotekitai apresentou-se naquela ocasião diante do sr. Hiromassa Ikeda, filho primogênito do
Presidente Ikeda, com total sucesso. Nesta oportunidade, todos os participantes receberam o
nome de Grupo Esperança de Ikeda Sensei, além de duas mensagens em comemoração à este
grandioso festival.
No ano de 1993, Ikeda Sensei aterrisou novamente em terras brasileiras e, no mini
festival realizado no Centro Cultural Campestre, o Júnior-tai e o Pompom-tai representando
todos os membros da Kotekitai do Brasil comprovam através de cada nota e cada sorriso o

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 11

grandioso desenvolvimento da Nova Era Kotekitai através de uma apresentação repleta de


emoção, vitória e gratidão ao nosso querido Mestre.
Misticamente, neste mesmo significativo ano, realizamos efusivamente a Convenção
Comemorativa aos 30 anos de brilhantes realizações da Nova Era Kotekitai, no Centro Cultural
Campestre, e também um maravilhoso Festival Familiar contando com a participação de outras
localidades do Brasil como Rio de Janeiro e Salvador. Nesta ocasião, recebemos uma carinhosa
mensagem e diretriz de Ikeda Sensei que diz:
“Feliz é a pessoa que consegue descobrir alegria em tudo. Ela transmite refrescante
radiância e amplia o sorriso no rosto de todas as pessoas. Por isso, aquela que consegue
transformar tudo em alegria constitui em esperança das pessoas e é o autêntico ser humano
capaz de proporcionar coragem a todos. Espero que continuem sempre a tocar as músicas de
alegria, de esperança e de coragem para o bem de todas as pessoas."
Em 1995, a Kotekitai participou orgulhosamente na Convenção Comemorativa aos 35 anos
de fundação da BSGI e aos 60 anos de fundação da SGI, no Palácio de Convenções do Anhembi,
realizando uma magnífica apresentação aos convidados especiais que eram os nossos queridos
veteranos que construíram dignamente a história da BSGI.
Nos dias 6 e 7 de julho deste ano a Kotekitai marcou um inédito e significativo marco
visando o fortalecimento da prática da fé de cada uma e a esperança de chamar novamente o
mestre ao Brasil, realizando o I Curso de Aprimoramento Nacional para Kotekibutyos da BSGI.
Nesta ocasião reuniram-se Kotekibutyos e responsáveis de todo o Brasil que juntamente com a
Kotekibutyo da BSGI, srta. Meire Kitamura, firmaram suas decisões de proteger e desenvolver
cada vez mais a Kotekitai de Ikeda Sensei, criando verdadeiros valores humanos para o século
XXI e dando assim a partida para uma nova época na história da Kotekitai.
E nesta data tão emocionante, mesmo estando em Tóquio o nosso querido Presidente da
BSGI, Sr Eduardo Taguchi enviou uma carinhosa mensagem dizendo:
"Oro também, do fundo do meu coração para que cada uma de vocês comprovem a diretriz
de BSGI de contínuas vitórias, tanto nos estudos, no trabalho, na família e dentro da Kotekitai".
Em 1997, a Kotekitai participou das comemorações referentes aos 50 anos de conversão
de Ikeda Sensei de forma bastante alegre e significativa através de uma apresentação conjunta
com o Taiyo Ongakutai.
Também neste ano, em comemoração aos 90 anos da Imigração Japonesa no Brasil, a Nova
Era Kotekitai juntamente com o Taiyo Ongakutai, realizaram uma apresentação contagiante
marcando a presença da BSGI nas festividades da colônia japonesa e da sociedade londrinense,
demonstrando efetivamente a contribuição constante de sua atuação pela criação de valores
humanísticos não apenas no Paraná como em várias localidades do Brasil.
No ano de 1998, comemorou-se os 35 anos de fundação do nosso querido grupo,
juntamente com uma reunião comemorativa à fundação da Divisão Feminina de Jovens da BSGI
que foi realizada com total sucesso no Centro Cultural Campestre e contando com representantes
de todo o Brasil.
No significativo ano de 1999, foi realizada a maravilhosa Convenção Cultural dos Jovens
da BSGI - "A Convenção da Chuva" -, onde a Kotekitai pôde realizar uma grandiosa apresentação
juntamente com o Taiyo Ongakutai. Foi a primeira vez que realizamos uma apresentação com
representantes de todas as localidades de norte a sul do país, totalizando 800 componentes.
Ikeda Sensei, em sua mensagem disse:
"O fato de vocês estarem vivendo o drama deste século na incomparável e gloriosa terra
brasileira é maior e a máxima missão e boa sorte. Por isso, espero que ampliem cada vez mais o
ideal de paz, harmonia e esperança por todos os recantos do país para que o Brasil reine
majestosamente o mundo do novo século.
O nosso Brasil decidiu a vitória Soka no século XX.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 12

E digo mais: Que a vitória Soka no século XXI seja coroada a partir da atuação do nosso
Brasil."
Após essa maravilhosa atividade, onde herdamos o bastão espiritual do Kossen-Rufu, foi
realizada uma grande campanha na Divisão dos Jovens para que o maior número de jovens
pudessem pertencer a um grupo horizontal.
No ano de 2000, a Kotekitai comemorou seus 44 anos de fundação, ocasião em que
recebemos de nosso Mestre e fundador um novo lema visando o novo século:

"Verdadeiro caminho Soka!


Desfile da vitória
Entoemos a melodia da felicidade rumo ao novo século!!"

Também recebemos um significativo e profundo poema "Jovens Artistas da Justiça"


onde Sensei descreve todo o seu sentimento e expectativa nos milhares de Anjos da Paz do
mundo!
3 de Maio de 2001, nesta significativa data, a Nova Era Kotekitai fez a sua apresentação
de juramento no Memorial da América Latina juntamente com o Taiyo Ongakutai, executando
emocionadamente Yeager's Triumph a todos os presentes.
Em 2001, no alvorecer do século a Nova Era Kotekitai teve a oportunidade de realizar a
sua primeira apresentação no exterior: o Conjunto Musical juntamente com o The Sun Orquestra
puderam participar do Festival dos Jovens do Paraguai e realizar intercâmbio de vida a vida com
os companheiros daquele país. Neste mesmo ano, representantes da Kotekitai das quatro
coordenadorias foram ao país dos sonhos de Toda Sensei, o México, participar do Festival dos
Jovens do México juntamente com o Taityo Ongakutai, numa oportunidade de estreitar os laços
de amizade e reconfirmar nossa eterna decisão.
Em setembro deste mesmo ano, foi realizado com grande emoção e com forte espírito de decisão
a I Conferência dos Anjos da Paz da América Latina, contando com a participação das líderes das
localidades do Brasil e das companheiras do Paraguai, Argentina, Peru e México. Nesta
oportunidade firmamos o compromisso de unidas em um só sentimento cumprir a missão como
Anjos da Paz em nossas vidas e na sociedade, deixando nosso Mestre tranqüilo em relação à
Kotekitai da América do Sul.
No ano de 2002, a Nova Era Kotekitai, através da incansável busca em corresponder ao
espírito de mestre e discípulo, realizou diversas atividades em todo o país, com o objetivo de
preparar a Kotekitai de todas as localidades do Brasil a fim de treiná-las.
Hoje, através de suas diversas apresentações em comemoração ao aniversário de várias
cidades ou em homenagens que a sociedade brasileira, vem prestando aos nossos sucessivos
presidentes e à SGI, a Kotekitai vem atuando de forma significativa na construção de um país
próspero rumo ao Século da Paz e Humanismo.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 13

ORIENTAÇÕES DO MESTRE

Trecho do discurso do presidente Ikeda

A SGI é um mundo da bela amizade (BS 20/04/05)

Agradeço também aos “anjos da paz”, as integrantes da Banda de Pífanos e Tambores


(Kotekitai) da Divisão Feminina de Jovens! Quero incentivá-las com este poema:

À Kotekitai

Irradia seu diáfano

esplendor

Em um mundo tumultuado.

Basta mencionar a Kotekitai que todos já querem ouvi-las tocar. Suas integrantes
acumularam muito boa sorte pelo fato de terem dedicado sua juventude na difusão da
luz da paz em todas as direções.

Foi há 45 anos [em 1956] que surgiu a idéia de criar um grupo musical para jovens, numa
ocasião em que estávamos em nosso pequeno e modesto lar em Kobayashi-cho, no bairro
de Ota. Junto com várias representantes da Divisão Feminina de Jovens, eu e minha
esposa demos o primeiro passo para o que é hoje a Banda de Pífanos e Tambores.

Como o Bodhisattva Som Maravilhoso

Dizem que o Bodhisattva Som Maravilhoso, que aparece no Sutra de Lótus, movimenta-se
por todas as partes acompanhado de centenas de milhares de músicos celestiais que
interpretam melodias a cada instante.

No 24º capítulo do Sutra de Lótus, Bodhisattva Som Maravilhoso, consta: “As terras
pelas quais o Bodhisattva Som Maravilhoso passava estremeciam e se agitavam de seis
maneiras diferentes, e em todas elas choviam flores de lótus adornadas de sete jóias e,
sem que ninguém os tocasse, os instrumentos de centenas de milhares de músicos
celestiais ressoavam por si sós.”1

Nitiren Daishonin escreveu: “Pode-se conhecer a prosperidade de um país pelas melodias


tristes ou alegres que nele se escutam.”2 Em outras palavras, os “sons” — os sons da
época — permitem-nos predizer o futuro de um país e saber se ele está destinado ao
florescimento ou ao declínio. Quando falamos de “som”, estamos nos referindo à voz
humana e, por extensão, às artes, à cultura e, claro, à música.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 14

O Kossen-rufu é um grande movimento cultural que dá suprema importância à música e às


artes. O Ongakutai e a Kotekitai fundamentaram-se nesse princípio básico do budismo.

Quando pedi ao Sr. Toda que me desse permissão para fundar esses grupos, ele se
limitou a dizer: “Se você assumir a responsabilidade, Daisaku, então, vá em frente!”
Comprei uns poucos instrumentos de meu próprio bolso e os doei aos primeiros
integrantes, 16 do Ongakutai e 33 da Kotekitai. Atualmente, os dois grupos têm, no
Japão, cerca de vinte mil membros cada um. E, como todos sabem, muitas de suas
formações receberam primeiros prêmios em concursos nacionais de música.

A importância do treinamento na época da juventude

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 15

O treinamento para desenvolver nosso humanismo é muito importante. As pessoas que


nunca se submetem a uma prova mostram que são fracas quando chega um momento
crucial. Por mais que nos consideremos inteligentes, se formos fracos como seres
humanos não poderemos empreender uma liderança decisiva em prol do Kossen-rufu. Mas
as pessoas que tiveram um rigoroso treinamento na juventude, como os integrantes das
bandas masculina e feminina, são realmente fortes.

Se observarmos as atuais responsáveis pela Divisão Feminina, aquelas que fizeram parte
da Banda de Pífanos e Tambores estão realizando uma contribuição admirável.

Em seguida, o presidente Ikeda citou o nome de várias responsáveis de localidade da


Divisão Feminina que integraram a banda quando eram jovens.

A responsável da SGI da Micronésia, Noriko López, que está aqui conosco hoje, também
fez parte do grupo.

E na SGI do mundo todo, os membros que receberam treinamento na Kotekitai durante a


juventude também se desenvolveram de forma esplêndida e hoje participam ativamente
do nosso movimento em prol da paz. Desde a época da adolescência, elas trabalharam
muito e desafiaram a si próprias com uma nobre dedicação; empenharam-se com todo seu
ser para darem alento e esperança às pessoas. É por isso que hoje, como seres humanos,
sua vida resplandece com um brilho verdadeiro.

A Lei Mística é o princípio fundamental que abrange e movimenta o universo inteiro.


Como conseqüência, as ações que empreendemos em prol do Kossen-rufu nos trazem
imensos benefícios.

É digno de destaque o incansável esforço dos ex-membros das bandas juvenis. Quinze
deles chegaram a ser vice-presidentes da Soka Gakkai.

O presidente Ikeda apresentou então essas quinze pessoas.

Para dizer a verdade, todos os ex-integrantes das bandas de nossa Divisão dos Jovens e
outros membros que, durante a juventude, receberam treinamento no jardim do Kossen-
rufu, empenhando-se em tarefas anônimas e silenciosas, avançam admiravelmente. São
pessoas esplêndidas que triunfaram na vida.

Oração e união! Perseverança e enérgico esforço!

Shakespeare escreveu:

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 16

O homem que não vibra

ao som da música,

A quem os mais doces

sons não comovem,

É propenso a malefícios,

ardis e traições,

Os motivos de sua alma

são negros como a noite,

E seus afetos,

escuros como Érebo;

Que em alguém

assim ninguém confie...3

Essa é uma penetrante observação da natureza humana, formulada por um dos maiores
escritores do mundo.

“Velhos camaradas”

A seguir, a Orquestra de Sopro Glória Soka interpretou a marcha alemã “Velhos


Camaradas”, que fez vibrar o recinto com seus compassos rítmicos. A marcha “Velhos
Camaradas” foi composta por um jovem músico integrante de uma banda militar chamado
Carl Teike (1864–1922). Teike entrou para a banda aos 19 anos de idade. Desde os 14
anos, ele estudava percussão e trompa e, depois de ter entrado para a banda militar,
aprendeu a compor com o diretor da banda. O treinamento é essencial para o
desenvolvimento. Teike estava com pouco mais de 20 anos quando compôs essa marcha,
com toda sua paixão juvenil.

E por que ele lhe deu o título de “Velhos Camaradas”? Bom, se me permitirem, contarei
uma história que talvez muitos já conheçam.

Ao terminar de compor a marcha, Teike a apresentou ao novo diretor da banda, pois o

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 17

anterior, que havia sido seu mestre, havia acabado de sair do regimento. Teike a mostrou
com grande orgulho e convicção mas, em vez de receber elogios do novo diretor, ouviu
apenas críticas: segundo seu superior, seria melhor atirar a partitura ao fogo.
Infelizmente, esse incidente causou a renúncia de Teike, que abandonou a banda do
regimento.

O diretor negava-se a reconhecer o talento daquele jovem músico. Ele não se interessava
em forjar os jovens nem em nutrir seu potencial. Mas, na verdade, as pessoas que
possuem mais experiência devem ter o espírito de ensinar os mais jovens. O jovem Teike
havia demonstrado sua corajosa iniciativa ao compor aquela música. Seu superior
deveria, pelo menos, ter reconhecido esse esforço e responder-lhe com sinceridade,
como condiz com um homem de espírito magnânimo com seus sucessores.

Espero que nenhum de vocês se comporte dessa forma, e que tampouco os jovens se
deixem influenciar por esse tipo de predecessores mesquinhos ou egoístas.

As palavras são muito importantes. Os líderes, em especial, devem ser muito cuidadosos
na hora de falar, pois a comunicação verbal é decisiva, como consta no Gosho, “a voz
executa o trabalho do Buda”.4 As palavras manifestam nossa sabedoria, personalidade e
atitude perante a vida. Vocês são líderes capazes de elogiar aos que trabalham
arduamente pelo Kossen-rufu, seja qual for seu resultado? Ou são líderes insensíveis que
dizem “Isso é tudo o que você sabe fazer?”.

Por favor, lembrem-se de que a criação de valores humanos e o desenvolvimento da


organização dependem das palavras dos líderes. Se um líder se dirigir aos membros de
forma fria e insensível, é importante que vocês o alertem. E se vocês mesmos se derem
conta de que estão agindo assim, esforcem-se, por favor, para corrigir sua atitude
rapidamente.

Tenho amigos

Vamos então retornar para a história de nosso jovem Teike, que teve sua composição
rejeitada pelo diretor da banda. Quando seus companheiros ficaram sabendo que Teike
abandonaria o grupo, eles que passaram tanto os momentos difíceis como os felizes
juntos, decidiram organizar uma festa de despedida com o desejo de transmitir-lhe
ânimo, fazendo-o recordar de que eram seus amigos e companheiros. Assim, todos
tiraram o instrumento do estojo e interpretaram ali mesmo a nova marcha composta pelo
jovem. Foi uma estréia emocionante! Que espírito de belo companheirismo! A essência da
SGI é essa mesma afetuosa preocupação com nossos companheiros. Foi justamente por
cultivar essa tradição que nossa organização vem se desenvolvendo tanto.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 18

Teike deve ter ficado comovido com essa atitude. “Apesar de alguns não me
compreenderem, eu tenho amigos de verdade! Aonde quer que a vida me leve, terei
sempre meus velhos amigos que compreenderão meus sentimentos e minha forma de
pensar!” Profundamente emocionado, Teike decidiu que a marcha seria intitulada de
“Velhos Camaradas”.

Foi esse mesmo espírito que a orquestra deu a sua interpretação minutos atrás. Por isso,
uma vez mais, muito obrigado!
Trecho do discurso do Presidente Ikeda A força é vital para a felicidade e a
justiça
(BS 17/02/96)

No dia 15 de dezembro, o presidente Ikeda encontrou-se com o Dr. Jan Obergo, chefe
da Fundação Transnacional de Pesquisas para a Paz e o Futuro, e sua esposa, Christina
Spannar, na sede do Seikyo Shimbun.

Minhas sinceras congratulações a vocês, membros da kotekitai, as mais alegres e


inspiradoras mensageiras da paz do mundo! Sua reunião geral foi realmente vibrante. Ela
ressoou com um espírito de esperança e aspirações pelo século XXI. Por meio dessas
vívidas apresentações, pude realmente sentir o seu sincero desejo de proporcionar
alegria aos participantes. As apresentações mostram o treinamento que receberam, que
pode ser visto como uma parte importante de sua educação como seres humanos.
Ocorreu-me, entretanto, que alguns de seus pais podem estar se preocupando se vocês
negligenciaram os estudos, dessa forma, por favor, voltem aos seus livros amanhã!

Ontem, os estudantes da Universidade Soka realizaram um recital da Nona Sinfonia de


Beethoven aqui. Quando estava olhando a timbaleira num canto do palco, percebi que ela
tocaria sua parte com grande energia e vigor e, então, quando o seu momento chegasse,
pararia instantaneamente as reverberações com suas mãos. A timbaleira fez o mesmo na
apresentação de hoje. Da mesma forma, vocês não devem se permitir demorarem muito
nas glórias do festival de hoje. Ao contrário, devem cortar as reverberações
rapidamente, assim como fez a tocadora de tímpano, e retornar rapidamente aos outros
excitantes desafios que as aguardam.

Hoje, várias líderes pioneiras da Kotekitai, as quais auxiliaram a fazer dessa banda a
melhor do mundo, também estão presentes. Elas são Mie Niwa, Fumie Namura, Yoshiko
Noda, Yoshiko Hamada, Misako Tamekumi e Yoko Haguiwara, as seis primeiras chefes
nacionais dessa banda. Ofereço minha sincera estima e elogios aos seus esforços.

Também gostaria de agradecer a todos que viajaram longas distâncias para participarem
desta reunião geral.

Ao longo dos anos encontrei-me com muitos líderes mundiais, e cada qual deixou uma
profunda impressão em mim. Mas dois foram particularmente inesquecíveis: Chu Enlai

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 19

(1898–1976), o ex-premiê da República Popular da China, com quem encontrei-me vinte e


um anos atrás, em dezembro de 1974; e Rajiv Gandhi (1944–91), ex-primeiro-ministro da
Índia, com quem encontrei-me há dez anos, em novembro de 1985.

Rajiv Gandhi foi assassinado em maio de 1991. A memória de seu nobre rosto, que
evocava imagens de um emissário enviado pelos céus, ainda permanece vívida em minha
mente até hoje. O líder indiano gostava muito de fotografias. As fotos que tirou
constituem um verdadeiro diário fotográfico de sua vida. Estamos em processo de
seleção das fotos para uma exposição de sua obra a ser realizada no Museu de Arte Fuji
de Tóquio em 1996. Vários itens pessoais também estão programados para serem
expostos, incluindo sua câmera favorita.

Essa exposição está sendo realizada como resultado da confiança que a família de Rajiv
depositou em mim. Em todos os empreendimentos, estou firmemente comprometido a
construir profundos e duradouros laços de confiança e amizade com pessoas de todo o
mundo.

Tenho mantido contato com a esposa do falecido Sr. Gandhi, Sonia, e com sua filha,
Priyanka. Todas as vezes que me encontro com Priyanka, que se parece muito com seu
pai, fico surpreso com seu crescimento e desenvolvimento. Ela está seguindo os passos
de seu falecido pai e, junto com sua mãe, trabalhando pelo bem-estar da Índia e de seus
cidadãos, destemidas diante dos vários obstáculos e dificuldades. Acredito que ela será
um dos grandes líderes do próximo século — uma mulher inteligente de grande
personalidade e sabedoria e com uma sólida filosofia pessoal.

O grande avô de Priyanka, como vocês devem saber, foi Jawaharlal Nehru (1889–1964), o
primeiro primeiro-ministro da Índia independente. Sua avó foi Indira Gandhi (1917-84),
a terceira pessoa a ocupar o cargo de primeiro-ministro da Índia. Jawaharlal Nehru foi
aprisionado nove vezes durante os anos de luta pela independência da Índia, passando um
total de 3.262 dias — quase nove anos — na prisão.

As grandes pessoas invariavelmente encontram perseguições; ninguém que seja


realmente grandioso pode escapar delas.

“Minha filha, alegre-se nas dificuldades”

É bem conhecida a forma como Nehru instruiu sua jovem filha, Indira, sobre a história
mundial por meio das cartas que escrevia para ela na prisão. Que exemplo maravilhoso de
comunicação entre pai e filha! Em uma das cartas, Nehru escreveu-lhe sobre o dia de
Ano-Novo. Ele diz:

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 20

A vida seria triste e sem cor se não fosse pelos obstáculos que temos de superar e pelas
lutas que temos de conquistar.

E você, minha querida, no limiar da vida, não deve ter relações com o triste e o sombrio.
Você enfrentará a vida e tudo o que ela trouxer com um rosto alegre e sereno e
receberá essas dificuldades que aparecem em seu caminho pela satisfação de superá-
las.1

Como são verdadeiras essas palavras! As dificuldades constroem o caráter. Ninguém


pode tornar-se uma pessoa de caráter extraordinário conduzindo uma vida pacífica e
rotineira, evitando as lutas e os desafios. Esse tipo de vida conduz ao ócio e à
estagnação. A coragem e o otimismo expressos na carta que acabei de citar foram
transmitidos de Nehru à sua filha Indira, como um legado vivo, e de Indira para seu filho
Rajiv, e deste para sua filha Priyanka.

O mesmo é verdade com relação à SGI. O sublime espírito da Soka Gakkai foi
transmitido do primeiro presidente Tsunessaburo Makiguti para o segundo presidente
Jossei Toda, e deste para mim. E agora estou transmitindo esse mesmo espírito a todos
vocês. Esse é certamente o mais valioso legado espiritual em prol da paz, da cultura e da
propagação dos ideais do budismo de Nitiren Daishonin, e para o futuro da humanidade e
do mundo.

Os corruptos recusam-se a acreditar que existem boas pessoas

Priyanka, falando com franqueza e equilíbrio, disse que a paz e a amizade eram os
princípios de vida de seu pai. Mesmo assim ele sempre foi criticado e sua vida foi uma
longa cadeia de ataques e traições. Ela comentou como é inevitável que aqueles que
procuram o bem são sempre atacados e acrescentou que aqueles indivíduos que jamais
são criticados são talvez os mais suspeitos — porque a falta de críticas significa
geralmente que essas pessoas nada estão fazendo de construtivo. Em outras palavras,
aqueles que evitam críticas geralmente são pessoas covardes e irresponsáveis que não
empreendem ações e empenham-se somente para evitar dificuldades a todo custo.

Priyanka também diz que as pessoas corruptas recusam-se mesmo a considerar a


possibilidade que pessoas realmente boas existam. Essas pessoas, disse ela, não
conseguem acreditar que alguém realmente aja com honestidade e integridade. Sua
própria feiúra torna impossível para elas considerar as outras pessoas diferentemente
de suas próprias personalidades vis. Dessa forma, ser criticado por essas pessoas,
declarou Priyanka, é de fato uma honra.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 21

Essas são palavras sábias que penetram o próprio âmago da questão. São palavras de uma
pessoa de verdadeira personalidade, palavras que brilham de genuína sabedoria. Gostaria
que todas vocês soubessem que existem excelentes jovens líderes no mundo de hoje.

Disse a Priyanka que dedicar a própria vida a lutar corajosamente pelas pessoas, não
importa o que qualquer um diga, era o mais nobre caminho de vida para um ser humano. A
vida dessa pessoa move-se em ritmo com a mais profunda Lei do universo.

Uma vida devotada a perseguir a popularidade e a fama, pelo contrário, é sombria e


passageira como a luz de um vaga-lume.
A IMPORTÂNCIA DO UNIFORME DE ENSAIO

Eu encorajei Priyanka como


Porque é tão se fosse
importante a minha
o uso do uniformeprópria
de ensaio?filha dizendo: “Seja forte. A força
é a base tanto para a felicidade quanto para a justiça.
A Kotekitai, como um grupo de aprimoramento, Aqueles
sempre que caem
se esforçou numa
ao máximo crise,
para se
aproximar do coração do Mestre. Assim sendo, como kotekitains exemplares, devemos ter uma postura
independentemente da sua honestidade e boa natureza, não são confiáveis. Por mais duro
correta e digna quanto à maneira de encararmos cada ensaio, cada apresentação, cada aprimoramento.
que issoComo
seja, essas
grupo pessoas de representamos
de apresentação, fato não sãoIkeda diferentes
Sensei na daquelas
sociedade eque são corruptas
a maneira como nos e
degeneradas. Eis épor
disciplinamos que
o que vocênodeve
refletirá serde
resultado forte. Você jamais
uma apresentação, será vitoriosa a menos que
por exemplo.
O uso do uniforme é uma tradição que vem da Fuji Kotekitai e no Brasil, nossas veteranas
seja forte.”
também o adotaram, como uma forma de estar no mesmo espírito de nossas “irmãs-koteki”.
Porém, é importante frisar que não se trata de um padrão que deve ser adotado à risca.
Devemos ter o bom de adequarmos às condições do ambiente. Por exemplo, nas regiões onde o calor é
A filha de Rajiv Gandhi concordou e um belo sorriso iluminou sua inteligente face.
ter o bom senso de adequarmos às condições do ambiente. Por exemplo, nas regiões onde o calor é
intenso, pode-se liberar o uso de bermudas.
Gostaria de encerrar meudialogarmos
É importante discursocomhojecadaoferecendo
menina (quando essas
esta nãomesmas
vem com opalavras
uniforme dea ensaio)
vocês,
para saber de suas reais condições, pois sabemos que muitas não têm condições de adquiri-lo. Devemos
minhas incentivá-la
jovens sucessoras, a quem considero como as minhas próprias e queridas filhas.
carinhosamente afim de que ela entenda a real importância do uso adequado do uniforme.

Você vai assim: Não esqueça também:


Matéria
boné cabelo
Água
bem preso

instrumento
camiseta Partitura

Saco
Branco

calça de moletom
tênis

Grupo de Aprimoramento- 2007


- para se locomover com
- pra marchar - contra o forte sol
facilidade
- pra fazer ginástica ou - mais arejado
- evita de machucar-se
exercícios físicos - mais confortável
- evita constrangimentos
- maior flexibilidade - evita sujar outras roupas
- cabelo não atrapalha
“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 22

Porque é melhor:

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 23

Meu setor:

Nome Telefone

Taityo:

Fuku Taityo:

Fuku Taityo:

Secretária:

Responsável do GA:

Sedes Regionais / CCB


Endereços e telefones

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 24

1) Teoria Música

A origem da música é dividida em duas partes:


- na expressão de sentimentos através da voz humana, que é denominada música vocal;
- no acontecimento de emitir em conjunto duas ou mais vozes denomina-se música instrumental.

2) Elementos Fundamentais da Música

A música, arte do som, é formada de três elementos principais. São eles: o ritmo, a harmonia e a
melodia.

• Ritmo
Podemos afirmar que o ritmo é a base e o fundamento de toda expressão musical. É a maneira
como os sons e silêncios são organizados, produzindo a pulsação da música.
Sem ritmo não há música. Acredita-se que os movimentos rítmicos do corpo humano tenham
originado a música. O ritmo é de tal maneira mais importante, porque é o único elemento que pode
existir independente dos outros dois.

• Harmonia
A harmonia, segundo elemento mais importante, é a combinação de sons simultâneos sendo
responsável pelo desenvolvimento da arte musical. Foi da harmonia de vozes humanas que surgiu a
música instrumental.

• Melodia
Melodia é a combinação de sons sucessivos com alturas e valores diferentes, dando um certo
sentido lógico musical. Quando executada uma canção, é ela que se destaca, pois é a voz da
música.

3) Propriedades do Som

1. Altura - propriedade do som ser grave, médio ou agudo. Ao ouvirmos uma seqüência de sons,
temos a impressão de subida ou descida. Na realidade, o som não sobe nem desce, mas a
sensação auditiva é de altura. O tamanho, a espessura e comprimento do instrumento são
responsáveis pela altura do som.

2. Duração - é o tempo de prolongação do som; o tempo que o som se propaga no ar através das
ondas sonoras.

3. Intensidade - é a propriedade do som ser forte ou fraco, dependendo da força empregada na


sua repercussão.

4. Timbre - é a propriedade que nos permite distinguir a origem dos


sons, ainda que na mesma altura e com a mesma intensidade, porém
executados por vozes ou instrumentos diferentes.

4) Figuras musicais

Em música, os sons são representados por figuras chamadas notas. Cada figura representa
também uma determinada duração do som:

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 25


Semicolchei
Semibreve Mínima Semínima Colcheia Fusa Semifusa
a

As figuras podem ser compostas de três partes:

Haste Colchete

Cabeça

5) Pentagrama

Lugar onde as notas são escritas, composto por 5 linhas horizontais e 4 espaços que têm a mesma
distância.
A palavra pentagrama surgiu do grego penta = cinco; grama = linha.

Linhas Suplementares: Caso se queira subir ou descer além do limite do pentagrama, podemos
usar pequenas linhas e os espaços entre elas, colocadas acima ou abaixo do pentagrama, tomando-
se o cuidado para que fiquem paralelas e na mesma distância, não se recomendando usar mais que
cinco linhas.

As linhas suplementares superiores são contadas de baixo para cima e as inferiores de cima para
baixo.

Linhas Suplementares
Superiores

Linhas Suplementares
Inferiores

6) Clave

Sinal colocado no começo do pentagrama para


determinar o nome da nota e a sua altura na escala. Clave de sol Clave de fá

Exercício:

1. Desenhe as claves correspondentes:

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 26

7) Notação musical

Os sons musicais são representados por sete notas, repetidas em seqüência do grave para o
agudo e vice-versa e são: dó ré mi fá sol lá si dó.

a) Notas musicais: Cada nota ocupa um lugar dentro do pentagrama.

dó ré mi fá sol lá si dó

b) Oitava: Dá-se o nome de oitava ao conjunto de notas existentes entre uma nota qualquer e
sua primeira repetição no grave ou agudo.

8) Intensidade

Sinais de dinâmica:

Ao executarmos uma obra musical, seja instrumental ou vocal, temos a possibilidade de graduar o
volume em três níveis de intensidade: fraco, médio e forte. Isso é chamado de dinâmica e é ela
quem dá a música sua expressividade. Há variações de graduação de um instrumento para outro,
por exemplo: um forte emitido por um saxofone será naturalmente mais intenso que um forte
emitido por uma flauta.

Nas partituras musicais, a intensidade é expressa por palavras em italiano e abreviadas:

Pianíssimo: pp (muito leve)


Piano: p (leve)
Mezzo Forte: mf (meio forte)
Forte: f (forte)
Fortíssimo: ff (muito forte)

Termos:

I. Indicativos de aumento:
Aumentando: aum.
Crescendo: cresc.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 27

Rinforzando: rinf.
II. Indicativos de diminuição:
Decrescendo: decresc.
Diminuendo: dim.

Sinais:

I. Indicativo de aumento:

II. Indicativo de diminuição:

9) Duração

a) Figuras e pausas:

O som é representado graficamente por figuras de duração. As figuras positivas são aquelas que
indicam som e as negativas indicam silêncio (pausa). São elas:

Som

Semi-
semibreve mínima semínima colcheia fusa semifusa
colcheia

Pausa

b) Valores proporcionais:

As figuras não têm valor fixo e sim proporcional, sendo que cada uma vale sempre a metade da
sua anterior e o dobro da seguinte. Qualquer uma das figuras pode ser tomada como unidade de
tempo, ou seja, dá-se o valor de um tempo ou uma pulsação, deduzindo-se os valores das demais
sempre com a proporção da metade da anterior e o dobro da seguinte.

Nome Figura Pausa Nº correspondente

semibreve 1

Mínima 2

Semínima 4

Colcheia 8

Semicolcheia 16

Fusa 32

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 28

Semifusa 64

c) Árvore de Figuras:

Exercícios:

2. Desenhe a figura do nome correspondente:

a) Semibreve
b) Mínima
c) Semínima
d) Colcheia
e) Semicolcheia
f) Fusa

3. Desenhe as figuras e pausas:

colcheia mínima semínima semibreve fusa semicolcheia

semifusa semicolchei colcheia semibreve semínima mínima


a

colcheia fusa semicolcheia semifusa semibreve semínima

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 29

10) Pulso

É a regularidade de tempo, medida pelo tempo do relógio, sendo que cada pulsação é um tempo
que deve manter uma regularidade:

| | | | | | | | | | | | | | | | | | |

Obs.: a denominação de pulso, na música, deu-se ao fato de no pulso humano haver um “toque”
regular.

• Acento métrico: É a acentuação periódica e regular dos pulsos:

IIIIIIIIII - acentuações de 2 em 2 pulsos


IIIIIIIII - acentuações de 3 em 3 pulsos
IIIIIIIIIIII - acentuações de 4 em 4 pulsos

11) Andamento

É a velocidade das pulsações, podendo-se acelerar ou retardar o tempo entre um pulso e outro,
resultando em pulsações mais rápidas ou lentas:

I I I I I I I I I ⇒ pulsações mais lentas

I I I I I I I I I I I I I I ⇒ pulsações mais rápidas

• Metrônomo: aparelho que indica o andamento da música.

12) Ligadura e Ponto de Aumento

a) Ligadura: É uma linha curva que une duas ou mais notas que estejam na mesma altura,
somando suas durações. Também chamada de ligadura de valor. Apenas a primeira nota de
onde parte a ligadura é articulada, sendo as demais um prolongamento da primeira:

 

b) Ponto de Aumento: Podemos também prolongar a duração de um som colocando um ponto ao


lado direito da figura, aumentando seu valor em metade:

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 30

c) Ponto de Diminuição: podemos também diminuir a duração de um som colocando um ponto em


cima ou abaixo da figura, diminuindo seu valor pela metade

1. Reescreva o trecho dado, substituindo, onde for possível, a ligadura de valor pelo ponto de
aumento:

13) Compasso

É a maneira pela qual a música está dividida. Esta divisão pode ser em partes iguais ou variáveis.

a) Barra de Compasso ou Travessão: linha vertical que separa os compassos.

b) Barra dupla: usada para separar seções da música.

c) Barra dupla de final: tem o segundo traço mais grosso e indica o término da música.

As pulsações são partes do compasso. Assim, os compassos passam a ser denominados de acordo
com o número de tempos que possui: 2 tempos = binário, 3 tempos = ternário, 4 tempos =
quaternário.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 31

Cada compasso possui acentuações naturais, com tempos fortes e fracos, constituindo o acento
métrico. Isso nos permite reconhecer auditivamente o número de tempos do compasso. São eles:

Compasso binário: 1º tempo forte e 2º fraco


Compasso ternário: 1º tempo forte e 3º fraco
Compasso quaternário: 1º tempo forte, 3º tempo meio forte, 2º e 4º fracos.

14) Fórmula de Compasso

No pentagrama, logo após a clave encontramos dois números sobrepostos. Trata-se da fórmula de
compasso, a qual indica como o compasso será.
Fórmula de Compasso

O número superior indica, quantas pulsações deverá ter o compasso, se 2, 3 ou 4, ou seja, binário,
ternário ou quaternário.
O número inferior indica a figura escolhida para valer um pulso. Essa figuras também são
conhecidas por números, os quais nada tem a ver com os valores, sendo apenas referência.

1 2 4 8 16 32 64

Semibreve Mínima Semínima Colcheia Semicolcheia Fusa Semifusa

Exercícios:

4. Separe os compassos de acordo com a fórmula de compasso:

4
4

2
4

3
4

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 32

15) Altura

mais agudo

mais grave

a) Noções de altura: Tom e Semitom

De um som para outro, existe uma relação de altura, a qual chamamos de intervalo. Na música
ocidental, os intervalos são medidos em tom e a sua metade, que é o semitom.

b) Sinais de alteração: Acidentes

Podemos alterar uma nota, ascendentemente ou descendentemente, usando sinais de alteração


chamados acidentes. São eles:

Sustenido: # - Eleva a altura da nota de um semitom.


Bemol: b -Abaixa a altura da nota de um semitom.
Bequadro: - Anula qualquer dos quatro acidentes, fazendo a nota voltar à altura primitiva.
Visualizando um teclado:

16) Escala

É a seqüência de notas sucessivas, separadas por tons e/ou semitons. A palavra escala vem do
italiano escada. Em música, os degraus são chamados graus, sendo numerados sempre com
algarismos romanos.

Escala de Dó:

17) Sinais de Repetição

Para facilitar a escrita musical, utilizamos alguns sinais de repetição para compassos.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 33

a) Quando os compassos se repetem, abreviamos assim:

b) Se os compassos se repetem de dois em dois:

c) Quando a música se repete desde o início, coloca-se, no seu final, o sinal (ritornello)
(ritornello) ou a abreviatura D.C. (do italiano da capo = do início). Às vezes, ambos os sinais
aparecem ao mesmo tempo:

d) Se apenas um determinado trecho deve ser repetido, utilizam-se os sinais

e) Quando a repetição deve começar em outro ponto que não do início, coloca-se, nesse
determinado ponto, o sinal (S) ou (coda). Ao final da música, escreve-se dal segno ou a
abreviatura D.S. (do italiano, do sinal):

f) Quando a música se repete desde o início ou de um determinado ponto e esta repetição não é
integral, escreve-se Fine onde ela termina:

g) Havendo repetição de um determinado trecho, sendo que, na segunda vez deseja-se pular um
ou mais compassos, utilizam-se chaves que compreendem os compassos a serem pulados na
repetição. Denominamos de casa 1, casa 2, etc.

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 34

Grupo de Aprimoramento- 2007


“Filhas dentre as filhas de Ikeda Sensei” 35

Grupo de Aprimoramento- 2007

Interesses relacionados