Você está na página 1de 9

As questões de 01 a 05 referem-se ao texto acima.

AS QUESTÕES DE 01 A 35 REFEREM-SE À
01 – O nariz, objeto de especulação do autor, é entendido
LÍNGUA PORTUGUESA
como
A ponta do nariz a) definitivamente um suporte para os óculos.
N a r i z , c o n s c i ê n c i a s e m r e m o r s o s , t u me b) meio para ruminar os pontos obscuros da filosofia.
valeste muito na vida... Já meditaste alguma vez c) um meio para se atingir o equilíbrio através da autocontemplação.
n o d e s t i n o d o n a r i z , a ma d o l e i t o r ? A e x p l i c a ç ã o d) um meio para a autocontemplação, que nos torna seres
do doutor Pangloss é que o nariz foi criado para alienados.
uso dos óculos, — e tal explicação confesso que 02 – A frase "... e o nariz, que a subordina ao indivíduo."
até certo ponto me pareceu definitiva; mas veio significa que
um dia, em que, estando a ruminar esse e outros
pontos obscuros da filosofia, atinei com a a) o indivíduo é dominado pela espécie, pela sociedade.
única, verdadeira e definitiva explicação. b) o indivíduo que olha para seu próprio nariz, ou seja, que
C o m e f e i t o , b a s t o u - me a t e n t a r n o c o s t u m e d o sabe refletir, atinge o equilíbrio.
faquir. Sabe o leitor que o faquir gasta longas c) a reflexão interfere na procriação.
horas a olhar para a ponta do nariz, com o fim d) o homem deve procriar, aumentando a espécie, para atin-
único de ver a luz celeste. Quando ele finca os gir o equilíbrio.
olhos na ponta do nariz, perde o sentido das
c o i s a s e x t e r n a s , e mb e l e z a - s e n o i n v i s í v e l , 03 – Ao citar o faquir, que passa longas horas olhando o pró-
a p r e e n d e o i mp a l p á v e l , d e s v i n c u l a - s e d a t e r r a , prio nariz, o autor
dissolve-se, eteriza-se. Essa sublimação do ser I- usou de ironia, ridicularizando uma atividade absurda,
p e l a p o n t a d o n a r i z é o f e n ô m e n o ma i s e x c e l s o exemplo de fanatismo religioso.
do espírito, e a faculdade de a obter não II- deu à expressão "olhar para a ponta do nariz" um sentido
pertence ao faquir somente: é universal. Cada conotativo e denotativo, ao mesmo tempo.
homem tem necessidade e poder de contemplar o III-coloca a atitude de olhar exclusivamente para os outros
seu próprio nariz, para o fim de ver a luz como o estopim para o extermínio da humanidade.
celeste, e tal contemplação, cujo efeito é a IV-enaltece-o, como um ser capaz de atingir um nível
subordinação do universo a um nariz somente, espiritual que poucos conseguem.
constitui o equilíbrio das sociedades. Se os
Podem-se considerar corretas todas as afirmações acima,
narizes se contemplassem exclusivamente uns
exceto uma:
aos outros, o gênero humano não chegaria a
durar dois séculos: extinguia-se com as a) I b) II c) III d) IV
p r i me i r a s t r i b o s .
O u ç o d a q u i u ma o b j e ç ã o d o l e i t o r : — C o mo 04 – O caso do chapeleiro, citado no quarto parágrafo, tem
pode ser assim, diz ele, se nunca jamais relação direta com o seguinte trecho:
n i n g u é m n ã o v i u e s t a r e m o s h o me n s a
c o n t e mp l a r o s e u p r ó p r i o n a r i z ? a) "Se os narizes se contemplassem exclusivamente uns aos
outros, o gênero humano não chegaria a durar dois sécu-
Leitor obtuso, isso prova que nunca entraste
no cérebro de um chapeleiro. Um chapeleiro los..."
passa por uma loja de chapéus; é a loja de um b) "— Como pode ser assim, diz ele, se nunca ninguém
jamais não viu estarem os homens a contemplar o próprio
rival, que a abriu há dois anos; tinha então duas
portas, hoje tem quatro, promete ter seis e oito. nariz?"
N a s v i d r a ç a s o s t e n t a m- s e o s c h a p é u s d o r i v a l , c) "... mas veio um dia, em que, estando a ruminar esse e
outros pontos obscuros da filosofia, atinei com a única,
pelas portas entram os fregueses do rival; o
c h a p e l e i r o c o mp a r a a q u e l a l o j a c o m a s u a , q u e é verdadeira e definitiva explicação."
mais antiga e tem só duas portas, e aquele d) "... é o fenômeno mais excelso do espírito, e a faculdade
chapéu com os seus, menos buscados, ainda que de a obter não pertence ao faquir..."
de igual preço. Mortifica-se naturalmente; mas 05 – Na frase "Procriação, equilíbrio",
vai andando, concentrado, com os olhos para
baixo ou para frente, a indagar as causas da a) o primeiro termo refere-se à humanidade; o segundo, ao amor.
prosperidade do outro e do seu próprio atraso, b) o segundo termo explica o primeiro.
quando ele chapeleiro é mu i t o melhor c) os dois termos referem-se ao amor.
chapeleiro do que o outro chapeleiro... Nesse d) primeiro termo refere-se ao amor; o segundo, ao nariz.
instante é que os olhos se fixam na ponta do
06 – Com relação aos tipos de textos, é incorreto afirmar:
nariz.
A conclusão, portanto, é que há duas forças a) No texto narrativo, as mudanças progressivas de estado
c a p i t a i s : o a m o r , q u e mu l t i p l i c a a e s p é c i e , e o vão ocorrendo através do tempo.
nariz, que a subordina ao indivíduo. Procriação, b) O texto dissertativo analisa e interpreta dados da realida-
equilíbrio. de por meio de conceitos abstratos.
Machado de Assis c) Na descrição, há sempre uma relação de anterioridade e
posterioridade com relação ao que está sendo descrito.
d) Na descrição predomina a caracterização de pessoas ou
coisas.
07 – Qual alternativa apresenta um trecho contrário à quali- 13 – Numere os textos obedecendo ao código abaixo:
dade de estilo concisão? I- Discurso direto II- Discurso indireto
a) Os alunos e as vendedoras estavam discutindo porque III-Discurso indireto livre
ambos não concordaram com suas propostas.
b) Todos disseram que ela estava enganada, que não poderia ( ) "Não se descobriu o erro, e Fabiano perdeu os estribos.
pensar daquele modo. Modo este que não agradou muito Passar a vida inteira assim no toco, entregando o que era
a todos ali presentes, que queriam convencer essa pobre dele de mão beijada! Estava direito aquilo? Trabalhar
moça que julgavam enganada, do contrário. como negro e nunca arranjar uma carta de alforria!..."
c) Júlia passou no vestibular por sorte. Ele é um veículo de ( ) "Ontem quando acordei não havia ninguém para que eu
avaliação importante para os estudantes. Os jovens de dissesse bom dia. Então, em meu pensamento, disse a
hoje são mais críticos. mim mesmo: Bom dia!"
d) Porventura estais grato pelo panegírico assaz jactancioso ( ) No discurso Clamor à Nação, o orador pediu a uma
que recebestes? Razão secreta que despertasse, pois a crise criara
discursos que se digladiavam pelos louros do acerto.
08 – Assinale a alternativa cuja sílaba tônica está de acordo ( ) "Os dois maridos concordaram depressa, propondo que
com a classificação. apostassem vinte moedas de ouro. Petrúquio respondeu
joviamente que apostaria essa importância..."
a) celtibero – paroxítona
b) estalido – proparoxítona e assinale a alternativa que contém a seqüência correta.
c) Gibraltar – proparoxítona a) III, I, II, II c) II, I, III, I
d) amálgama – oxítona b) III, II, I, I d) II, II, I, II
09 – Escreva D para denotação e C para conotação e assinale 14 – Assinale a alternativa em que o número entre parênteses
a alternativa que contém a seqüência correta. não indica a quantidade de encontros consonantais presentes
nos vocábulos das frases.
( ) "Como eu ainda gosto de música! A noite passada, em
casa do Aguiar, éramos algumas pessoas... Treze!" a) Estudar é penetrar numa esfera artística, limitada pela
( ) "O céu parece de algodão. O dia morre. Choveu tanto!" imaginação. (5)
( ) "Olhemos os olhos das crianças, que eles encerram mis- b) As poesias barrocas surgiram criticando a sociedade
térios, dentro de suas pupilas moram selvagens bons..." portuguesa. (3)
( ) "Como fiz para esconder-me na varanda, para não ser c) "Voava entanto a nau na azul corrente,
visto, não me lembro." Impelida de um zéfiro sereno." (5)
d) Sua primeira oportunidade será esta prova. (4)
a) D-C-C-D
b) D-D-C-C 15 – No texto
c) C-D-C-D
d) C-C-D–D "Vento que passas
Nos pinheirais
10 – Qual das definições abaixo corresponde à figura de Quantas desgraças
linguagem catacrese? lembram teus ais." (Fernando Pessoa)
a) Figura que consiste em usar uma determinada palavra, a palavra destacada é formada pelo processo de derivação
não no seu sentido denotativo, mas em lugar de uma outra
com a qual tenha uma certa relação de semelhança. a) regressiva. c) imprópria.
b) Etimologicamente, significa mudança de nome, na qual se b) parassintética. d) sufixal.
estabelecem relações variadas: causa/efeito, autor/obra...
16 – No período "Aquele filme foi o pior de todos que já vi",
c) É o emprego de uma palavra pela ausência de um termo
há, quanto ao adjetivo, grau
específico, de forma abusiva, conforme o seu significado
na língua grega. a) comparativo de superioridade.
d) Seu significado é "indicar ao redor", e seu uso consiste b) comparativo de inferioridade.
em usar toda uma expressão mais complexa para designar c) superlativo relativo de superioridade.
uma realidade. d) superlativo relativo de inferioridade.

11 – Assinale a alternativa cujas palavras não deverão receber 17 – A conjunção grifada no período "Todos ficaram
acento gráfico. apreensivos porque chegara a hora da verdade." classifica-
se como
a) lapis, canoa, abacaxi, jovens
b) ruim, olhos, aquele, traiu a) coordenativa adversativa.
c) saudade, onix, grau, agua b) subordinativa integrante.
d) voo, legua, assim, tenis c) Subordinativa causal.
d) subordinativa final.
12 – Assinale a alternativa que apresenta a correta grafia de
todos os vocábulos. 18 – No período "Eu sou aquele amante à moda antiga, do tipo
que ainda manda flores", o verbo destacado se classifica como
a) buchecha / mágua / botequim
b) umidecer / antevéspera / tábua a) regular.
c) irrequieto / privilégio / digladiar b) abundante.
d) entitular / desonrra / cutucar c) anômalo.
d) defectivo.
19 – Observe o texto. 26 – Assinale a alternativa que preenche as lacunas.
"A família e toda a cidade – o padre, o poeta, o representante "Ele ______ tranqüilo se esta apostila ______ todas as informações."
do prefeito, as beatas – se prepararam para receber sua filha
a) ficaria, contivesse c) ficava, conteria
mais ilustre: Tieta." b) ficaria, contesse d) ficará, conter
Analisando-o, morfologicamente, constata-se que nele se
encontram 27 – Assinale a alternativa que não contém locução verbal.
a) 5 substantivos femininos e 4 substantivos masculinos. a) Ninguém poderá sair antes do término da cerimônia.
b) 4 substantivos femininos e 3 substantivos masculinos. b) Ele estava ouvindo a notícia no rádio.
c) 2 verbos e 3 adjetivos. c) Chorando muito, ela chamava pela mãe.
d) 2 preposições e 3 conjunções. d) Eles estavam convocando os jogadores para a Copa.

20 – Identifique a voz verbal na frase "À tarde, os barcos 28 – As orações do período "Caso você encontre minha
carteira, avise-me" classificam-se, respectivamente, como
eram deixados na praia pelos pescadores."
a) principal e subordinada substantiva objetiva direta.
a) ativa c) passiva sintética
b) subordinada adverbial condicional e principal.
b) passiva analítica d) reflexiva
c) principal e subordinada adverbial concessiva.
21 – Assinale a alternativa que apresente uso facultativo de d) subordinada substantiva predicativa e principal.
vírgula.
29 – Quanto à concordância verbal, assinale a alternativa cor-
a) "Mas não é preciso ser surdo, nem misantropo, nem reta, segundo a norma culta.
gênio, para pensar assim."
a) Amanhã vão fazer dez anos que nos mudamos para cá.
b) "É verdade que os ricos inventaram o "sítio", pedacinho
b) A maioria dos torcedores pagou ingresso.
bem-educado da fazenda (...), aonde se vai de
c) Deve-se procurar novas soluções para esse problema.
automóvel..."
d) A natureza, através dos ventos e das chuvas, deram formas
c) "Lembro-me do pacto, da emoção com que, sob um
espetaculares aos blocos de arenitos.
documento solene e confuso, escrevi meu nome a sangue.
Sim, a sangue." 30 – Observe as orações seguintes:
d) "Olhei a máquina do homem como a um aliado, "aí está
uma coisa que reconhece o que valho", e saí para a rua..." I- Os atletas aspiram o sucesso e a saúde.
II- Meu jardineiro levanta-se cedo para aguar as plantas.
22 – Classifique, sintaticamente, o termo grifado no texto III-Preferiu morrer do que ser traidor.
"Ao encontrar o vendedor, a velha senhora, indignada, IV-O mundo está precisando de religião.
chamou-lhe ladrão". Quanto à regência verbal, estão incorretas as frases
a) predicativo do sujeito c) objeto indireto a) I e II. b) I e III. c) II e III. d) III e IV.
b) objeto direto d) predicativo do objeto
31 – Assinale a alternativa em que a ocorrência da crase está
23 – Destaque e classifique o predicado da frase: "Conside- incorreta.
ram Alcântara Machado o escritor dos ‘carcamanos’."
a) Ele se dirigiu à uma funcionária que acabara de chegar
a) Consideram o escritor dos "carcamanos" – verbal b) Cheguei àquela hora ao clube, e você já havia saído.
b) Consideram Alcântara Machado – verbal c) À luz de velas acesas, atrás de portas fechadas, a vida
c) Consideram o escritor dos "carcamanos" – verbo-nominal prepara surpresas.
d) Consideram Alcântara Machado o escritor dos "carcamanos." d) Sua idéia é análoga à do diretor de finanças, Paulo.
– verbo-nominal
32 – Assinale a alternativa que completa corretamente a frase
24 – Classifique, sintaticamente, o termo destacado nos versos abaixo.
abaixo.
Imbuído _____ preconceitos, com tendência ______
"E quando o morro escurece intolerância, era impermeável _____ qualquer influência.
eleva a Deus uma prece."
a) por – à – a c) com – para – à
a) sujeito simples b) de – à – a d) em – pela – ante
b) núcleo do predicado nominal
c) núcleo do objeto direto 33 – Observe:
d) complemento nominal
"Assim que chegou ______ casa, pediu ______ empregada
25 – I- Foram oferecidos prêmios aos vencedores. ______ camisa que era igual ______ do pai."
II- Os pais sempre cumprem suas promessas.
Qual alternativa que completa correta e respectivamente as
III-Tenho certeza de que entreguei o convite a todos.
lacunas do período acima?
Analisando-se, sintaticamente, as orações acima, o objeto
a) à – a – a – à c) a – à – a – à
indireto está presente em
b) a – a – a – a d) a – à – à – à
a) apenas I.
b) I e II. 34 – "Por que não te sentas? Eu vou descansar estes ossos."
c) I e III. No texto acima, há
d) II e III.
a) metonímia. c) eufemismo.
b) metáfora. d) perífrase.
35 – Observe os encontros vocálicos que aparecem no 44 – Uma P.G. de razão 3 tem cinco termos. Se o último
período "Naquele luxuoso saguão, o poeta recebeu o mereci-
do prêmio." termo é 9 3 , então o primeiro é
A seguir, assinale a alternativa correta quanto à sua classifi- 1.
a) 3. b) 5 3 . c) 3. d)
cação, respectivamente. 3
a) hiato – ditongo – hiato – ditongo – hiato 45 – Sejam dois cones, A e B, de volumes V e V’,
b) hiato – tritongo – hiato – ditongo – ditongo respectivamente. Se as razões entre os raios das bases e entre
c) tritongo – ditongo – ditongo – hiato – hiato 1
d) ditongo – tritongo – ditongo – hiato – ditongo as alturas de A e B são, respectivamente, 2 e , então
2
AS QUESTÕES DE 36 A 70 REFEREM-SE A podemos afirmar que
MATEMÁTICA a) V’ = V. c) V’ = 2V.
b) V = 2V’. d) V = 3V’.
36 – Um número racional maior que 0,4 e menor que 0,75 é
46 – Uma pessoa aplicou R$ 15.000,00 por 60 dias, a juros
1. 2. 1 . 6 . simples, e lucrou R$ 300,00. A taxa mensal dessa transação foi
a) b) c) d)
2 7 10 5 de
37 – A região assinalada no diagrama corresponde a a) 12%. b) 6%. c) 5%. d) 1%.
a) ( B ∪ C ) ∩ A.
47 – Se ABCD é um quadrado e BEC é um triângulo
b) (B ∩ C) ∪ A.
equilátero, então a medida do ângulo EÂB é
c) (A – B ) ∩ C.
d) C – (A ∩ B). a) 75°.
b) 60°.
38 – Efetuando-se a multiplicação 4
2 . 3 2 . 2 , obtém-se c) 30°.
d) 85°.
8
a) 24 2 . b) 2. c) 12
2. d) 212 2 .
48 – Num triângulo retângulo, as projeções ortogonais dos
39 – Para comprar x bombons, todos do mesmo preço, dei y catetos sobre a hipotenusa medem 6 cm e 24 cm. A área
reais e recebi de troco 17 reais. A expressão algébrica que desse triângulo mede, em cm2,
indica o preço de cada bombom é a) 180. c) 72.
y + 17 . y−x. b) 37 11 . d) 36 17 .
a) c)
x 17
x − 17 . y − 17 . 49 – Na figura, os ângulos assinalados são retos. Assim,
b) d) necessariamente, teremos
y x
x p .
40 – Seja o gráfico da função definida por y = 2x2 + 3x – 2. a) =
y m
O ponto do gráfico de menor ordenada tem coordenadas
x m . m
b) =
 3 25  .  3 25  . y p y
a)  − , −  c)  − , − 
 4 8   2 8  1 1 1 1.
. . .
c) + = + x p
 3   3  x y m p
b)  − , − 1 . d)  − , − 1 .
 4   2  d) x2 + y2 = p2 + m2.

41 – Para que a expressão 5 + 2p − 3 seja igual a 4, o 5


50 – Seja x um arco do 1.° quadrante. Se cossec x = ,
valor de p deve ser tal, que a soma dos valores absolutos de 2
seus algarismos seja então cos 2x é
a) 8. b) 7. c) 6. d) 9. 4 . 33 . 21 . 17 .
a) b) c) d)
25 25 25 25
42 – Em uma escola há 56 professores, entre homens e mulheres.
Se a metade do número de mulheres é igual ao triplo do de  2 3  18 
homens, então o número de mulheres supera o de homens em 51 – Seja B uma matriz. Se   . B =   , então o
 − 5 − 2  − 23 
a) 32. b) 36. c) 40. d) 44. elemento b21 da matriz B é
43 – Se x e y são números reais positivos e a) 1. b) 2. c) 3. d) 4.
log 3 log 4 x = log 4 log 3 y = 0 , então x e y
52 – Sendo, na análise combinatória, A (arranjos simples), P
a) são iguais. (permutações simples) e C ( combinações simples), o valor
b) são inversos. da expressão A 5, 2 + P3 − C5,3 é
c) são consecutivos.
d) diferem de 2 unidades. a) 56. b) 1. c) 6. d) 16.
53 – Num cone reto, o raio da base mede 3 cm. Para que os 63 – Seja dado o triângulo ABC em que AB = AC = 5 cm e
números que expressam as medidas do raio da base, da altura BC = 7 cm. Sobre o lado BC , tomemos um ponto D tal que
e do volume desse cone formem, nessa ordem, uma P.G., a BD = 3 cm e, a partir do ponto D, tracemos DE // AC e
altura, em cm, deve ser
DF // AB , que cruzam AB em E e AC em F. O perímetro do
π 3 .
quadrilátero AEDF, em cm, é
a) 3π 3 . b) π 3 . c) π. d)
3 a) 8. b) 10. c) 12. d) 14.

54 – Um prisma reto, cuja base é um triângulo equilátero de 64 – Numa pirâmide hexagonal regular, a aresta da base
lado k, tem volume igual ao de um cubo de aresta k. A altura mede 3 cm. Se a área lateral dessa pirâmide é 36 cm2, então o
do prisma é igual a volume da pirâmide, em cm3, é igual a

4k 3 . 3k 3 . 27 3 . 9 111 . 9 111 .
a) c) a) b) c) d) 9 2 .
3 4 2 4 2
b) k 3 . d) 4k 3 . 65 – Na figura, A e C são os centros de duas circunferências
tangentes, e ABCD é um quadrado de área igual a 50 cm2. A
55 – Uma circunferência passa pelos pontos A (3, 1) e M (4, 0) área da região sombreada é, em cm2,
e tem o seu centro sobre o eixo das ordenadas. Nessas
condições, o raio dessa circunferência é 25(π − 2) .
a)
2
a) 2 5 . b) 3 2 . c) 5. d) 6.
25(4 − π) .
b)
2
56 – A equação x 2 − 4 x + 5 = 0 , no campo complexo, tem
c) 25(4 − π) .
como conjunto verdade
d) 25(π − 2) .
a) {2 – i , 2 + i}. c) {1 – i, 1 + i}.
b) {2 – 2i, 2 + 2i}. d) {4 – i, 4 + i}.
66 – A equação da reta (r), que é perpendicular à reta
57 – Um dos zeros do polinômio P(x) = 3x3 – 2x2 – 5x é uma (s): 2x + 3y – 6 = 0 no ponto onde a reta (s) corta o
fração imprópria cujo módulo da diferença entre seus termos eixo das abscissas, é
é igual a a) 3x + 2y – 9 = 0.
a) 1. b) 2. c) 3. d) 4. b) 2x – 3y +6 = 0.
c) 2x + 3y – 6 = 0.
58 – Sobre uma circunferência, num mesmo sentido de percurso, d) 3x – 2y – 9 = 0.
∩ ∩ ∩
marcam-se os arcos MN = 80°, NP = 110° e PQ = 120°. O 67 – Na figura, tem-se um pentágono regular e um quadrado.
maior dos ângulos formados pelas diagonais do quadrilátero O valor de x + y é
MNPQ mede a) 126°.
a) 10°. b) 105°. c) 100°. d) 80°. b) 102°.
c) 117°.
59 – A medida, em m, do apótema do hexágono regular ins- d) 114°.
crito numa circunferência cujo raio mede 4 2 m é 68 – O preço de compra de um certo produto é x; se for
a) 4 3 . b) 2 2 . c) 4 6 . d) 2 6 . vendido por k, haverá, em relação a x, um prejuízo de 30%.
Então, se for vendido por 3k, haverá, em relação a x, um lucro
60 – O quinto termo de uma P.A. vale 23, e o décimo segundo de
termo é – 40. O primeiro termo negativo dessa P.A. é o a) 90%. b) 210%. c) 110%. d) 10%.
a) sétimo. c) nono. 69 – Os lados de um paralelogramo medem 4 cm e 1 cm, e
b) oitavo. d) décimo. um ângulo formado por eles é de 60°. A área desse
61 – Num triângulo retângulo, o menor cateto mede 1,5 cm, e paralelogramo, em cm2, é
a medida da projeção do maior cateto sobre a hipotenusa é 3 .
1,6 cm. O valor da secante do maior ângulo agudo desse a) 2. c)
triângulo é 2
1
4 5. 4 7 b) . d) 2 3 .
a) .
b) c) .
d) . 2
3 3 5 5
70 – Na figura, ED // BC , med ( BÂE ) = 80° e med ( AB̂C ) = 35°.
62 – Observando-se a figura e considerando-se que as medi-
das são dadas em cm, pode-se afirmar que a medida, em cm, Assim, a medida de AÊD é
do raio da circunferência de centro O é a) 100°.
a) 11. b) 110°.
b) 12. c) 115°.
c) 13. d) 120°.
d) 14.
AS QUESTÕES DE 71 A 100 REFEREM-SE A 78 – Uma variação de temperatura de 1000C eqüivale a uma
variação, em 0F, de
FÍSICA E QUÍMICA
a) 212. b) 180. c) 132. d) 80.
71 – O fato de a resultante das forças que atuam num corpo
rígido ser nula é condição 79 – Manômetros são aparelhos utilizados para medir o (a)
_________ dos fluidos.
a) necessária, porém não suficiente para o equilíbrio do corpo.
b) suficiente para o repouso do corpo. a) volume c) densidade
c) necessária e suficiente para o equilíbrio do corpo. b) pressão d) viscosidade
d) necessária para que o corpo não tenha rotação.
80 – A prensa hidráulica é uma aplicação do Princípio de
72 – Duas crianças querem puxar um carrinho através de
cordas, conforme mostra o desenho abaixo. Admitindo que a a) Pascal. c) Dalton.
r b) Sarrus. d) Arquimedes.
força F exercida pelas crianças seja mantida constante, em
módulo, a resultante dessas forças será maior quando 81 – Do 5o andar de um prédio em construção, a 20 m de
a) α for reduzido. altura em relação ao solo, um operário deixa cair,
b) α for aumentado. acidentalmente, um saco de 60 kg de cimento. Sabendo-se
que a aceleração da gravidade local vale 10 m/s2 e que todas
c) α for mantido constante.
as formas de atrito são desprezíveis, calcule a velocidade, em
d) houver redução de massa.
km/h, com que o saco de cimento atinge o solo.
73 – Durante 24 horas, um satélite artificial completa 12 a) 20 b) 36 c) 72 d) 400
voltas em torno da Terra. Qual é o período, em horas, de
rotação do satélite em torno da Terra? 82 – Durante a explosão atômica em Hiroshima e Nagasaki,
milhares de pessoas, a grandes distâncias, foram atingidas
a) 24 b) 12 c) 2 d) 1 por radiação eletromagnética. Isso pode ser considerado um
exemplo de movimento __________ .
74 – Um movimento é dito uniformemente variado quando o
módulo da a) térmico c) ondulatório
b) hidrostático d) magneto-estático
a) aceleração for constante e não nulo.
b) aceleração variar constantemente. 83 – Uma corda, com extremos fixos a 1,5 cm de distância, é
c) velocidade for constante. posta a vibrar com freqüência de 60 Hz. Formam-se ondas
d) aceleração for nulo. estacionárias com três ventres. Determine a velocidade de
propagação, em cm/s, das ondas na corda.
75 – Um avião de caça, em vôo, deixa cair uma bomba em
um local (hipotético) onde a resistência do ar pode ser a) 6 b) 60 c) 600 d) 6000
considerada desprezível. Para o piloto do avião, a queda da
84 – A produção do som em tubos deve-se a um fenômeno
bomba constitui um exemplo de movimento
de __________ de ondas.
a) circular variado. c) uniformemente variado.
a) reflexão c) retração
b) circular uniforme. d) uniformemente constante.
b) refração d) dispersão
76 – Uma mina terrestre, em repouso em relação a um
85 – Seja um líquido quente colocado numa garrafa térmica.
referencial inercial, foi acionada pela passagem de um carro.
O líquido "perde pouco" calor por _________, pois
Dentre as alternativas abaixo, assinale aquela que MELHOR
___________.
representa os vetores velocidade dos 3 fragmentos resultantes
da mina logo após a detonação. Suponha que os fragmentos a) condução – o vácuo entre as paredes e a tampa isolante
tenham a mesma massa e a mesma geometria e que se evitam a transmissão de calor
movimentam no mesmo plano. b) radiação – as paredes espelhadas não refletem as ondas
eletromagnéticas
a) c)
c) convecção – as paredes espelhadas não refletem as ondas
eletromagnéticas
d) radiação – o vácuo entre as paredes evita a transmissão de calor
b) d) 86 – O volume ocupado por um 1 kg de água a 100o C e à
pressão atmosférica constante varia de 1 litro na fase líquida
para 1700 litros na fase de vapor. A variação da energia
interna, em 103 joules, de 1 kg de vapor de água e 1 kg de
77 – O gráfico abaixo representa o movimento de um móvel
água no estado líquido no ponto normal de ebulição, vale
de 20 kg. Durante o trecho BC, observa-se que atua uma
aproximadamente
força resultante, cujo módulo, em N, vale:
a) 4. Dados: Pressão atmosférica: 10 5 pascal
b) 8. Calor latente de vaporização da água: 2260 . 10 3 joules/kg
c) 50. a) 1290.
d) 80. b) 2090.
c) 2504.
d) 5302.
87 – Considere uma partícula central fixa, de carga Q, e um 94 – Ao consultar um livro de Física, um aluno se deparou com o
ponto P, no interior do campo elétrico gerado por esta carga. valor – 9,8 x 10 – 6 como sendo a suscetibilidade magnética a 300 K
A distância entre P e Q é dada por do cobre. Essa informação deve ser considerada
Dado: V = potencial elétrico em P a) errada, pois a suscetibilidade magnética não pode ser negativa.
k = constante eletrostática b) errada, pois não foram apresentadas as unidades de susce-
tibilidade magnética.
kQ .
a) kQV . c) c) correta, pois a suscetibilidade magnética é uma grandeza
2
V adimensional e vetorial.
kV . kQ . d) correta, pois a suscetibilidade magnética, além de não
b) d) apresentar a unidade, por ser um número puro, pode
Q V
apresentar sinal negativo, por indicar a ação de oposição
88 – A corrente elétrica é uma grandeza do material ao campo magnético.
a) escalar. c) modular. 95 – Algumas experiências demonstram que as radiações
b) vetorial. d) dual (escalar / vetorial). eletromagnéticas são constituídas por partículas perfeita-
mente identificadas. Entretanto, também há fenômenos
89 – Percebemos a "cor" azul de um objeto que não é fonte luminosos que só se explicam adequadamente com a teoria
de luz porque ele __________ a luz azul. de que as radiações eletromagnéticas são ondas. Com relação
a) refrata c) reflete a esses diferentes fenômenos, a Física afirma que as
b) difrata d) absorve radiações eletromagnéticas
a) são um feixe de partículas cujo comportamento coletivo é
90 – A enorme faixa, que compreende as freqüências de radiação
ondulatório.
emitida, dentre elas a radiação luminosa (luz), constitui o (a)
b) são partículas denominadas fótons e as experiências que
a) espectro ótico. mostram seu caráter ondulatório são questionáveis.
b) espectro eletromagnético. c) são ondas, pois a maioria dos fenômenos são explicados
c) banda de valência do átomo. pela teoria ondulatória.
d) energia de ligação de van der Waals. d) possuem natureza indefinida, podendo ser entendida tanto
como onda quanto como partícula, já que pelo Princípio
91 – O gráfico que representa a relação entre as intensidades de Incerteza nada se pode afirmar.
da força elétrica F e do campo elétrico E produzidos por uma
carga central puntiforme Q e uma carga de prova q é 96 – A reação de neutralização que ocorre entre o ácido
a) c) sulfúrico (H2SO4) e a soda cáustica (NaOH), forma dois
F F
produtos, identificados pelos nomes:
a) sulfato de sódio e água.
E E b) sulfito de sódio e água.
c) sulfeto de sódio e água.
b) d) d) sulfato de sódio e hidrogênio.
F F
97 – Os elementos representados por 17A35 e 17B37 são deno-
minados:
E E
a) isóbaros
92 – Matematicamente, podemos escrever a Lei de Faraday da b) isótonos
∆Φ c) isótopos e têm propriedades físicas iguais e químicas diferentes
seguinte forma: Fem = – onde Fem é a força eletromotriz; d) isótopos e têm propriedades físicas diferentes e químicas iguais
∆t
∆Φ é a variação do fluxo magnético e ∆t é o intervalo de 98 – Considere os seguintes sistemas:
tempo em que a variação do fluxo magnético ocorre. I II III IV
Quanto ao sinal negativo da fórmula, podemos afirmar que é Água Álcool Gás Água
e comum oxigênio e
a) um erro de impressão desta prova. óleo de anidro (O2) Álcool
b) uma conseqüência da Lei de Ampère. cozinha (C2H6O) comum
c) uma conseqüência da lei de Biot-Savart.
d) uma conseqüência do Princípio de Conservação da Energia. Os sistemas I, II, III e IV são respectivamente:
a) solução, mistura heterogênea, substância composta e
93 – Quando se pretende determinar a intensidade do campo substância simples.
magnético no interior de um solenóide, o parâmetro densidade b) solução, mistura heterogênea, substância simples e subs-
linear de espiras é extremamente relevante. Assim, para um tância composta.
exemplo hipotético no qual um solenóide é colocado no vácuo c) substância composta, substância simples, mistura hetero-
e é percorrido por uma corrente de 10 A, apresentando um gênea e solução.
vetor indução magnética em seu interior com intensidade igual d) mistura heterogênea, substância composta, substância
a 4 π x 10 – 2 T, a densidade linear deve ser de simples e solução.
Dado: Permeabilidade magnética no vácuo igual a 4 π x 10 – 7 T m/A 99 – Dentre as moléculas abaixo, aquela que contém átomos
a) 10 3 m. b) 10 2 m – 1. c) 10 3 cm. d) 10 2 cm – 1 do elemento "A" em maior proporção é:
a) AO b) A2O c) A2O3 d) A2O5
100 – Num recipiente de 100 litros, foram colocados 170
gramas de amoníaco (NH3), a 27° C. Sabendo-se que
N=14 g/mol, H= 1 g/mol e que R= 0,082 atm.L/mol.K,
podemos afirmar que a pressão nesse recipiente é:
a) 2,46 atm. b) 24,6 atm. c) 1,23 atm. d) 12,3 atm.
RASCUNHO