Você está na página 1de 19

Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Como fazer uma leitura astrológica do I Ching, tradicional oráculo


chinês? Raul V. Martinez dá a resposta associando cada trigramas a
um planeta clássico, de forma que cada um dos 64 hexagrama
corresponde a uma combinação planetária única.

O I Ching, um dos livros mais antigos, é formado por


64 figuras, cada uma composta por seis linhas, inteiras
ou partidas. Acompanham essas figuras, chamadas de
hexagramas, as interpretações atribuídas ao Rei chinês
Wên (1150 a.C.) e a seu filho Duque Chou, mais
acréscimos posteriores, feitos por Confúcio e seus
discípulos.

Cada hexagrama é formado por dois trigramas, e cada


trigrama, por sua vez, por três linhas. As linhas
inteiras, consideradas yang, correspondem a qualidades
e a elementos ativos, masculinos, e as linhas quebradas, yin, a qualidades e
elementos passivos, femininos. [clique no clip para ver um quadro completo

Os hexagramas podem ser gerados por diferentes processos, sempre linha por
linha, a partir da base para a parte superior. Um desses processos consiste em
jogar três moedas iguais, estabelecendo previamente que uma de suas faces tem
valor 2 e a outra valor 3. Dessa forma, a cada lançamento das moedas se obtém
6, 7, 8 ou 9, como resultado da soma dos valores das faces. Os números ímpares
geram linhas inteiras e os pares geram linhas partidas. Dessa forma, após seis
lançamentos das moedas, surge o hexagrama correlacionado com pergunta
presente na mente da pessoa que está consultando o oráculo. Quanto à pergunta,
que pode ser de qualquer natureza, para receber resposta correta do I Ching,
deve igualmente ser correta e envolver questão que mereça ser respondida.

As linhas geradas pelas somas 6 e 9 são consideradas móveis - devendo ser


assinaladas. Quando há linhas móveis surge outro hexagrama, complementar,
formado de forma idêntica ao primeiro, mas com as linhas móveis alteradas para
suas opostas. Ou seja, se a linha móvel é inteira na primeira figura passa a ser
partida na segunda. Se é partida, passa a ser inteira...

Comparando os atributos yang e yin dos trigramas com qualidades


atribuídas ao planeta Terra e aos "sete planetas da astrologia antiga".

Planeta Terra - associado ao trigrama formado por três linhas partidas,


femininas. Isso concorda com a condição de ser a Terra (Mãe) o local de geração,
de germinação e de procriação das diferentes formas de vida.

Sol - centro do sistema, provedor (Pai) de luz e calor, em quantidades


adequadas, indispensáveis para o desenvolvimento e a manutenção da vida na
Terra. É associado ao trigrama formado por três linhas inteiras, masculinas.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching1.htm (1 of 3)7/12/2004 19:17:58


Constelar

- Esses trigramas, associados à Terra e ao Sol, formam o primeiro par de


trigramas complementares. São os únicos trigramas formados por linhas iguais.
Os outros seis trigramas são compostos, cada um deles, por duas linhas iguais e
uma diferente.

Lua - satélite da Terra e astro mais


próximo da Terra. Associada ao ciclo
menstrual da mulher. Suas fases, com
a luminosidade crescendo e
diminuindo, lembram o ventre
materno, aumentando durante a
gestação para depois voltar ao estado Os quatro primeiros trigramas, sempre formados
anterior após o nascimento do filho. O com linhas inteiras (masculinas) e partidas
trigrama associado à Lua tem as (femininas).
linhas da base e do topo femininas e a linha do meio masculina. Na base e na
cabeça é um trigrama feminino.

Saturno - planeta mais afastado da Terra, na astrologia antiga. Rege Capricórnio,


signo oposto a Câncer, que é regido pela Lua. Saturno e a Lua formam o segundo
par - associado à forma do que está sendo gerado. O trigrama correspondente a
Saturno tem em sua base e em seu topo linhas masculinas. Entre essas linhas
está a linha feminina.

Mercúrio - planeta mais próximo do


Sol, o mensageiro dos deuses, ligado ao
comércio, às comunicações e às
criações mentais. Regente de Gêmeos
(signo dos elementos iguais) é
associado ao trigrama que tem na base
e no centro linhas femininas. No topo Os trigramas de Mercúrio, Júpiter, Marte e
(na aparência) está uma linha Vênus.
masculina. Mercúrio é o menor planeta
da astrologia antiga.

Júpiter - o maior planeta, forma com Mercúrio outro par de elementos


complementares. Mercúrio e Júpiter também regem signos opostos. O trigrama de
Júpiter tem duas linhas masculinas, na base e no centro. No topo está a linha
feminina - concordando com a exaltação astrológica de Júpiter em Câncer, signo
da Lua.

Vênus - A Lua é associada à mulher como mãe, enquanto Vênus é associado à


beleza, à mulher jovem. O trigrama de Vênus tem as duas linhas superiores
femininas, ficando na parte inferior a linha masculina.

Marte - O Sol é um dos significadores masculinos, mas é Marte o significador


masculino do ser humano por excelência. À ele é associado o trigrama que tem as
duas linhas masculinas na parte superior, ficando na parte inferior a linha
feminina. Vênus e Marte também regem signos opostos na astrologia.

Os quadros acima resumem as associações dos trigramas com o planeta Terra e


com "os sete planetas da astrologia antiga".

- Nesse quadro os trigramas são apresentados aos pares. Em cada par os


trigramas possuem linhas correspondentes complementares e associações
astrológicas com astros que também possuem qualidades opostas ou
complementares.

Em português, uma das melhores traduções do I Ching foi publicada pela Record,
com o título I Ching, o livro das transmutações, de John Blofeld. Os significados

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching1.htm (2 of 3)7/12/2004 19:17:58


Constelar

dos nomes dos hexagramas, conforme são apresentados nesse livro, são os
utilizados neste estudo - que procura estabelecer princípios de uma leitura
astrológica dos hexagramas, a partir de associações com os trigramas que os
compõem.

Texto com Registro de Direitos Autorais na


Biblioteca Nacional, no. 270.829, Livro 486, Folha 489

Os hexagramas

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching1.htm (3 of 3)7/12/2004 19:17:58


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 2

Os hexagramas

No I Ching, os nomes dos hexagramas estão


correlacionados com seus significados básicos.

A seguir são apresentados:


- a figura do hexagrama, composto por dois trigramas,
um sobre o outro;
- o nome em chinês do hexagrama e seu significado - conforme consta no livro de
Clique para ver um quadro completo de
Blofeld;
formação dos hexagramas
- os correspondentes astrológicos dos trigramas que compõem o hexagrama;
- finalmente, as correlações existentes entre os correspondentes astrológicos dos
trigramas e os significados dados por Blofeld para os hexagramas. Muitas dessas
correlações são facilmente observadas, outras nem tanto.

A leitura e a interpretação, com cunho astrológico, dos hexagramas do I Ching


partem dessas correlações que envolvem os trigramas que compõem os
hexagramas.

Os cinco primeiros hexagramas: Sol sobre Sol, Terra sobre Terra,


Lua sobre Vênus, Mercúrio sobre Lua e Lua sobre Sol.

1.- CH'IEN - O Princípio Ativo, Criador.

Sol sobre Sol - Princípio masculino, ativo, positivo; luz, brilho, calor, espírito.

2.- K'UM - O Princípio Passivo, Procriador.

Terra sobre Terra - Princípio feminino, receptivo, magnético, passivo, frio,


negativo, germinativo, o solo a ser trabalhado, a matéria.

3.- CHUN - Dificuldade.

Lua sobre Vênus - Instabilidade afetiva. O emocional dominando as relações.

4.- MÊNG - Imaturidade, plantas selvagens.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching2.htm (1 of 3)7/12/2004 19:20:30


Constelar

Mercúrio sobre Lua - A parte intelectiva sobre base instável, emocional, ou


conforme as circunstâncias, o intelecto dominando o emocional.

5.- HSÚ - Inação calculada.

Lua sobre Sol - O emocional sobre base espiritual. Contemplação, êxtase.

Mais hexagramas: Sol sobre Lua, Terra sobre Lua, Lua sobre
Terra, Marte sobre Sol e Sol sobre Júpiter.

6.- SUNG - Conflito.

Sol sobre Lua - Os conflitos gerados pelo espiritual sobre base emocional ou o
espírito dominando as emoções.

7.- SHIH - O exército

Terra sobre Lua - O emocional, o povo, como base de interesses materiais.


Predomínio da matéria sobre emoções.

8.- PI - Unidade, coordenação.

Lua sobre Terra - Elementos palpáveis servindo de base a emoções ou predomínio


de emoções, do povo, sobre interesses materiais.

9.- HISIAO CH'U - O provedor menor.

Marte sobre Sol - A força tendo por base o homem, o espírito.

10.- LU - Acompanhamento, conduta.

Sol sobre Júpiter - Ética, justiça, religiosidade.

Os hexagramas de 11 a 20

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching2.htm (2 of 3)7/12/2004 19:20:30


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 3

Os hexagramas de 11 a a 20

11.- T'AI - Paz.

Terra sobre Sol - O masculino


servindo de base ao feminino. A
mulher apoiada no homem.
Interesses materiais inspirados em
princípios espirituais.
Clique para ver um quadro completo de
formação dos hexagramas
12.- P'I - Estagnação obstrução.

Sol sobre Terra - O feminino


servindo de base para o masculino.
O homem apoiado na mulher.
Princípios espirituais inspirados em
interesses materiais.

13.- T'UNG JÊN - Namorados, amantes, amigos, congraçamento universal.

Sol sobre Saturno - O espírito, o homem, apoiado no estruturado, no


parcimonioso. Elementos opostos ou complementares, unindo o centro ao
extremo.

14.- TA YU - Grandes Posses.

Saturno sobre Sol - A estrutura, a organização, a economia, apoiada em


princípios espirituais. Elementos opostos ou complementares, unindo a
extremidade ao centro.

15.- CH'IEN - Modéstia.

Terra sobre Mercúrio - Interesses materiais apoiados em detalhes, ou em


pequenos deslocamentos, ou comércio, ou ainda em escritos.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching3.htm (1 of 2)7/12/2004 19:21:18


Constelar

11 - Terra sobre Sol; 12 - Sol sobre Terra; 13 - Sol sobre Saturno;


14 - Saturno sobre Sol; 15 - Terra sobre Mercúrio.

16.- YU - Repouso.

Vênus sobre Terra - O amor, a beleza, com base na sensibilidade feminina.


Formas artísticas, esculturais.

17.- SUI - Seguindo, concordando com.

Júpiter sobre Vênus - Sucesso sublime. Expansão tendo por base o amor. [veja
nota]

18.- KU - Decadência.

Mercúrio sobre Marte - O intelecto apoiado na força, na violência.

16 - Vênus sobre Terra; 17 - Júpiter sobre Vênus; 18 - Mercúrio


sobre Marte; 19 - Terra sobre Júpiter; 20 - Marte sobre Terra.

19.- LIN - Aproximação.

Terra sobre Júpiter - A expansão jupiteriana fundamentando realizações materiais.

20.- KUAN - Olhando para baixo. Nota - A imagem e a descrição do


hexagrama 17 apresentavam erro quando
Marte sobre Terra - A força, o trabalho
esta matéria estreou no site, em
sobre a terra. Produção de bens
materiais. agosto/2003. Foi a astróloga Júnia
Caetano, sempre atenta, quem alertou o
Os hexagramas de 21 a 30 autor para a necessidade de correção - já
efetuada.
O I Ching e os planetas clássicos
Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching3.htm (2 of 2)7/12/2004 19:21:18


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 4

Os hexagramas de 21 a 30

21 - Saturno sobre Vênus; 22 - Mercúrio sobre Saturno; 23 -


Clique para ver um quadro completo de Mercúrio sobre Terra; 24 - Terra sobre Vênus; 25 - Sol sobre
Vênus.
formação dos hexagramas

21.- SHIH HÔ - Abocanhando.

Saturno sobre Vênus - Vênus, como regente de Touro, é associado à garganta.


Saturno, por sua vez, é associado aos dentes. No conjunto, permitem associação
com o nome desse hexagrama.

22.- P'I - Elegância.

Mercúrio sobre Saturno - A comunicação fundamentada em elementos


estruturados.

23.- PO - Descascar.

Mercúrio sobre Terra - O movimento, o revolver a terra. O que antecede a


produção.

24.- FU - Retorno.

Terra sobre Vênus - O retorno do que é produzido com amor.

25.- WU WANG - Integridade, o inesperado.

Sol sobre Vênus - Práticas espirituais fundamentadas na harmonia, no amor,


gerando situações inesperadas.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching4.htm (1 of 2)7/12/2004 19:21:32


Constelar

26 - Mercúrio sobre Sol; 27 - Mercúrio sobre Vênus; 28 - Júpiter


sobre Marte; 29 - Lua sobre Lua; 30 - Saturno sobre Saturno.

26.- TA CH'U - O grande provedor.

Mercúrio sobre Sol - O intelecto apoiado no espírito.

27.- I (pronuncia-se II) - Nutrição, mandíbulas (literalmente).

Mercúrio sobre Vênus - A forma geométrica e a simetria do hexagrama lembram


mandíbulas. Mercúrio, movimento, como regente de Virgem associado ao
intestino delgado; Vênus, como regente de Touro, ligado à garganta - partes do
tubo digestivo.

28.- TA KUO - Excesso.

Júpiter sobre Marte - Expansão tendo por base a força.

29.- K'AN - O abismo.

Lua sobre Lua - Instabilidade tendo por base mais


instabilidade. Falta de apoio, abismo.

30.- LI - Beleza radiante.

Saturno sobre Saturno - Estabilidade sobre


estabilidade; estrutura sobre estrutura; limites sobre limites. A beleza radiante
pode ser um elemento implícito.

Os hexagramas de 31 a 40

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching4.htm (2 of 2)7/12/2004 19:21:32


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 5

Os hexagramas de 31 a 40

31 - Júpiter sobre Mercúrio; 32 - Vênus sobre Marte; 33 - Sol


Clique para ver um quadro completo de sobre Mercúrio; 34 - Vênus sobre Sol; 35 - Saturno sobre Terra.
formação dos hexagramas
31.- HSIEN - Atração, sensação.

Júpiter sobre Mercúrio - A expansão com base em elementos racionais. A


comunicação apoiando o crescimento - a propaganda correta.

32.- HÊNG - A longa espera.

Vênus sobre Marte - Vênus, como regente de Libra, é associado à avaliação e a


certa indecisão. Marte é associado à iniciativa e a certa precipitação. Para Marte,
a base da figura, as ponderações de Vênus são sempre demoradas.

33.- TUN - Ceder, afastar-se.

Sol sobre Mercúrio - O espírito tendo por base o intelecto gera situação inversa à
correta, levando a distanciamentos de princípios religiosos.

34.- TA CHUANG - O poder dos grandes.

Vênus sobre Sol - Afetos e amor com base espiritual.

35.- CHIN - Progresso.

Saturno sobre Terra - Estruturas com bases sólidas, na


terra.

36.- MING I (pronuncia-se MING II) - Luz


escondida, ferimentos.

Terra sobre Saturno - Estruturas subterrâneas,


escondidas.

37.- CHIA JÊN - A família.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching5.htm (1 of 2)7/12/2004 19:21:40


Constelar

Marte sobre Saturno - A energia com base em elementos estruturados,


organizados no transcorrer do tempo.

36 - Terra sobre Saturno; 37 - Marte sobre Saturno; 38 - Saturno


sobre Júpiter; 39 - Lua sobre Mercúrio; 40 - Vênus sobre Lua.

38.- K'UEI - Os separados, opostos.

Saturno sobre Júpiter - Qualidades saturninas, restritivas, apoiadas em princípios


jupterianos, expansivos. São elementos naturalmente opostos e separados.

39.- CHIEN - Problemas.

Lua sobre Mercúrio - O emocional tendo por base o intelectual.

40.- HSIEH - Libertação.

Vênus sobre Lua - Emoções fundamentando amor e afetos; liberando sentimentos.

Os hexagramas de 41 a 50

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching5.htm (2 of 2)7/12/2004 19:21:40


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 6

Os hexagramas de 41 a 50

41.- SUN - Perda, redução.

Mercúrio sobre Júpiter - Qualidades intelectivas


apoiadas em princípios religiosos.

42.- I - Ganho.

Marte sobre Vênus - O uso da energia com base em


Clique para ver um quadro completo de princípios previamente bem avaliados.
formação dos hexagramas
43.- KUAI - Resolução.

Júpiter sobre Sol - Princípios éticos, morais, religiosos, fundamentados em


qualidades espirituais.

41 - Mercúrio sobre Júpiter; 42 - Marte sobre Vênus; 43 - Júpiter


sobre Sol; 44 - Sol sobre Marte; 45 - Júpiter sobre Terra.

44.- KOU - Contato (relações sexuais, encontros etc.).

Sol sobre Marte - O espírito apoiado em princípios energéticos, instintivos - por


ser Marte o regente de Áries.

45.- TS'UI - Reunião.

Júpiter sobre Terra - União de qualidades expansivas com qualidades básicas de


procriar.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching6.htm (1 of 2)7/12/2004 19:21:48


Constelar

46 - Terra sobre Marte; 47 - Júpiter sobre Lua; 48 - Lua sobre


Marte; 49 - Júpiter sobre Saturno; 50 - Saturno sobre Marte.

46.- SHÊNG - Ascensão, promoção.

Terra sobre Marte - A energia sob a terra. Germinação, ascensão.

47.- K'UN - Adversidade, cansaço.

Júpiter sobre Lua - Princípios éticos, morais, religiosos, apoiados em base


instável, geram situações adversas, estressantes.

48.- CHING - Um poço.

Lua sobre Marte - A Lua e Marte possuem naturezas diferentes. Existe um fosso
entre elas. A instabilidade lunar não se coaduna com a precipitação e energia
marciana.

49.- KÔ - Revolução, couro, pele.

Júpiter sobre Saturno - Os limites, inclusive o couro e a pele são associados a


Saturno. Saturno está na base do hexagrama. Sobre ele está o expansivo Júpiter.
São planetas com qualidades antagônicas, conflitantes.

50.- TING - Um vaso de sacrifício.

Saturno sobre Marte - Saturno pode ser associado ao vaso que limita seu
conteúdo. Esse vaso se apóia em Marte (morte), a violência, o sacrifício.

Os hexagramas de 51 a 64

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching6.htm (2 of 2)7/12/2004 19:21:48


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 7

Os hexagramas de 51 a 64

51 - Vênus sobre Vênus; 52 - Mercúrio sobre Mercúrio; 53 - Marte


Clique para ver um quadro completo de sobre Mercúrio; 54 - Vênus sobre Júpiter; 55 - Vênus sobre
Saturno.
formação dos hexagramas

51.- CHÊN - Trovão.

Vênus sobre Vênus - No zodíaco natural, Libra, signo regido por Vênus, é
associado à polaridade oposta ao Ascendente. Essas polaridades opostas (em
dose dupla; duas vezes Vênus) se atraem, como as cargas elétricas que geram o
trovão.

52.- KÊN - Desistência, imobilidade.

Mercúrio sobre Mercúrio - Raciocínio sobre raciocínio, em ciclo vicioso, gerando


imobilidade e desistência de propósitos.

53.- CHIEN - Progresso gradual.

Marte sobre Mercúrio - Força, energia, fundamentada no raciocínio, na


comunicação, no comércio.

54.- KUEI MEI - A donzela casadoura.

Vênus sobre Júpiter - Afeto, amor, apoiado em propósito de expansão, inclusive


familiar.

55.- FÊNG - Abundância.

Vênus sobre Saturno - Vênus, regente de Touro (ganhos), sobre base sólida e
estruturada.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching7.htm (1 of 3)7/12/2004 19:21:55


Constelar

56 - Saturno sobre Mercúrio; 57 - Marte sobre Marte; 58 - Júpiter


sobre Júpiter; 59 - Marte sobre Lua; 60 - Lua sobre Júpiter.

56.- LÜ - O viajante.

Saturno sobre Mercúrio - Estrutura apoiada em movimento.

57.- SUN - Submissão, suavidade, penetração.

Marte sobre Marte - Força sobre força pode ser associado a penetração. Uma
força apoiando a outra, subordinada a ela, o processo se desenvolve com maior
controle e suavidade.

58.- TUI - Alegria.

Júpiter sobre Júpiter - Expansão sobre expansão.

59.- HUAN - Espalhamento, desintegração, dispersão.

Marte sobre Lua - A força sobre base móvel, instável.

60.- CHIEH - Contenção.

Lua sobre Júpiter - A mobilidade sendo contida pela expansão da base ou por
princípios éticos, religiosos.

61 - Marte sobre Júpiter; 62 - Vênus sobre Mercúrio;


63 - Lua sobre Saturno; 64 - Saturno sobre Lua.

61.- CHUNG FU - Confiança e sinceridade.

Marte sobre Júpiter - A força apoiada por princípios éticos.

62.- HISIAO KUO - O pequeno sucesso.

Vênus sobre Mercúrio - Vênus, a pequena fortuna, regente de Touro, associado a


ganhos, apoiada por processo intelectivo.

63.- CHI CHI - Depois do fim.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching7.htm (2 of 3)7/12/2004 19:21:55


Constelar

Lua sobre Saturno - A instabilidade sobre base estruturada.

64.- WEI CHI - Antes do fim.

Saturno sobre Lua - Algo estruturado sobre base instável.

Exemplos de aplicação prática

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching7.htm (3 of 3)7/12/2004 19:21:55


Constelar

NOVAS APLICAÇÕES DA ASTROLOGIA


Princípios de Leitura Astrológica do I Ching

Raul V. Martinez

Início do artigo | Parte 8

Exemplos de Consulta ao I Ching

No início dos anos 70 do século que passou, após ter projetado e construído uma
residência, um tio do dono da nova casa achou que seria conveniente para ele se
viesse a morar junto do sobrinho, pois isso o deixaria mais tranqüilo durante suas
ausências anuais do país. Tratava-se de um senhor idoso, que possuía uma quinta
em Portugal, onde lá passava os períodos de verão. Procurando concretizar essa
intenção, esse senhor adquiriu casa antiga, que existia ao lado de onde passaria a
morar o sobrinho. Nessa altura fui encarregado do projeto e da construção de
nova residência.

Clique para ver um quadro completo de Após aprovar o anteprojeto da obra e ordenar a
formação dos hexagramas demolição da casa velha, o novo proprietário pediu
que fosse alterada a posição de um dos cômodos
do pavimento superior - queria que o "quarto de
leitura" passasse para outro lado, onde o sol batia
mais pela manhã. Tentei argumentar que essa
alteração faria com que deixassem de existir
coincidências de paredes nos pavimentos; que
vigas de sustentação, para não ficarem expostas, levariam a outros elementos
estruturais, com custos bem mais elevados. Mas, mesmo assim, ele determinou
que essas alterações fossem feitas. Providenciadas as alterações no projeto,
passei a ter uma sensação de que havia algo errado na construção que se
iniciava. Recalculei as fundações e a estrutura, sem encontrar falhas nos cálculos.
Passei a atribuir essa sensação estranha ao fato de ter feito aquelas alterações a
contragosto.

Pouco tempo antes de iniciar essa obra, havia adquirido o livro I Ching, de Mírko
Lauer, publicado pela Barral Editores, de Barcelona, em 1971. Já havia obtido
respostas surpreendentes ao consultar esse livro. Foi então que resolvi consultá-
lo, perguntando se estava tudo certo com essa construção que estava iniciando.

Pensando na questão, as moedas lançadas geraram os números: 8, 7, 7, 6, 7 e 8.


Esses números, por sua vez geram as linhas (de baixo para cima) do hexagrama:

48.- CHING - Um poço.


Lua sobre Marte - A Lua e Marte possuem naturezas
diferentes. Existe um fosso entre elas. A instabilidade
lunar não se coaduna com a precipitação e energia
marciana.

Essa figura foi gerada com uma linha móvel (linha correspondente ao número 6).
Ou seja também deve ser considerada a figura que tem a quarta linha (de baixo
para cima), com a polaridade oposta, o hexagrama 28.- TA KUO - Excesso.

Júpiter sobre Marte - Expansão tendo por base a força.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching8.htm (1 of 3)7/12/2004 19:22:04


Constelar

No livro de Mírko Lauer consta que "Tâ Kwo nos sugere


uma viga débil (graficamente mais evidente se a figura
for apresentada com maior dimensão horizontal, como
está nesse livro). Será conveniente deslocar-se em
qualquer direção. Haverá êxito." No livro do John Blofeld,
a primeira linha do texto é ainda mais sugestiva:
"Excesso! A viga está cedendo."

A resposta do I Ching estava correlacionada com poço (talvez não detectado no


terreno), com elemento estrutural insuficiente; com deslocamento e com
possibilidade de êxito...

Se na época tivesse sido feita a leitura astrológica, o segundo hexagrama poderia


ser facilmente correlacionado com a imposição da mudança do projeto, ou quem
sabe, até com a conveniência de se "expandir a base", ou seja, de reforçar os
alicerces...

Mas vamos voltar à construção. Quando foi feita a demolição da casa antiga,
tubulações de esgoto, há muito tempo não utilizadas, levaram a uma fossa oculta,
profunda, mas longe da área da nova construção. Fossa que foi aterrada com
parte do entulho resultante da demolição. Não havia sinais aparentes de outro
poço, nem se sabia se havia ou não água encanada na rua quando da construção
da casa que foi demolida.

Considerando a natureza do terreno, situado em local alto, com lençol freático


bastante profundo, mais o tipo da construção - as fundações seriam diretas, em
sapatas corridas. As valas para essas fundações já estavam abertas nessa época
da consulta ao I Ching.

Após a resposta do livro, que falava em poço (algo do terreno) e elemento


estrutural débil, resolvi reforçar as fundações da casa, aumentando em 20cm a
largura das sapatas. Isso levou à descoberta do outro poço, bastante profundo,
parcialmente desmoronado, de onde em tempos passados retiravam água para a
casa. Se esse poço não tivesse sido descoberto e aterrado, e a nova casa
construída, com três pavimentos nessa parte, possivelmente surgiriam sérios
problemas no transcorrer da obra. Completando o quadro, tecnicamente havia
também a necessidade de se executar uma viga de concreto armado sobre o local
do poço, para melhor distribuir os esforços a serem transferidos ao terreno nesse
local.

Outro exemplo

- O I Ching permite esse tipo de leitura astrológica de seus hexagramas?

Pensando na pergunta foram lançadas, por seis


vezes, três moedas iguais que geraram os
números 7, 8, 7, 7, 7 e 7 - correspondentes às
linhas (da base para o topo) do hexagrama
número 13.

13.- T'UNG JÊN - Namorados,


amantes, amigos, congraçamento universal.
Sol sobre Saturno - O espírito, o homem, apoiado no estruturado, no
parcimonioso. Elementos opostos ou complementares, unindo o centro
ao extremo.

Entre os significados do hexagrama e as correlações astrológicas dos trigramas


que o compõem estão "amigos, congraçamento e apoio em algo estruturado e

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching8.htm (2 of 3)7/12/2004 19:22:04


Constelar

parcimonioso, como é a astrologia". Esses elementos harmônicos indicam que o I


Ching permite esse tipo de leitura de seus hexagramas.

Mais ainda. O Sol sobre Saturno admite também a seguinte interpretação: algo
obscuro (Saturno), a pergunta séria, sendo iluminada (Sol), esclarecida,
respondida, com auxílio desse método astrológico de leitura do I Ching.

Leia outros textos de Raul V. Martinez.

O I Ching e os planetas clássicos


Os hexagramas de 1 a 10
Os hexagramas de 11 a 20
Os hexagramas de 21 a 30
Os hexagramas de 31 a 40
Os hexagramas de 41 a 50
Os hexagramas de 51 a 64
Exemplos de aplicação

Anterior | Próxima | Sumário desta edição | Índices

© 1998-2003 Terra do Juremá Comunicação Ltda.

http://www.constelar.com.br/revista/edicao62/iching8.htm (3 of 3)7/12/2004 19:22:04