Você está na página 1de 2

LAUDO TÉCNICO DE CALOR

I. OBJETIVO
Definir a existência ou não de condições de exposição ao agente físico: calor nas dependências da
-------------- localizada na área da ________________

II. CONCEITOS BÁSICOS

 Ciclo de Trabalho – Conjunto de atividades desenvolvidas pelo trabalhador em uma seqüência


definida e que se repete de forma contínua no decorrer da jornada de trabalho.
 Ponto de Trabalho – Todo e qualquer local onde o trabalhador permanece durante o
desenvolvimento de seu ciclo de trabalho.
 Situação Térmica – Cada parte do ciclo de trabalho, onde as condições ambientais são
mantidas constantes de forma que os parâmetros a serem medidos permaneçam inalterados.

III. FONTES TECNOLÓGICAS


As fontes tecnológicas utilizadas nesta perícia corresponderam a :
 Norma Regulamentadora NR-15, Anexo nº3
 Norma NHT - 01 C/E da Fundacentro

II. EQUIPE TÉCNICA


O profissional envolvido nesta prática pericial foi:
 __________________________ - Engº de Segurança do Trabalho – CREA

III. EQUIPAMENTOS DE AVALIAÇÃO


Os equipamentos de avaliação utilizados corresponderam a :
 Termômetro de Globo Digital, marca _______________ modelo ___________
 Anemômetro, marca ____________________________, modelo ____________
Todos os equipamentos em perfeitas condições eletromecânicas.

IV. PERÍODO DA REALIZAÇÃO DA PERÍCIA

A perícia foi desenvolvida no dia ____ de ____________________ de 200__.

V. TÉCNICA DE AVALIAÇÃO

 Foram realizadas medições pontuais, em pontos pré-definidos, a uma altura média do tórax do
trabalhador (em média 1,50 m).

VI. RESULTADOS DAS AVALIAÇÕES


Ponto Classificação Temperatura IBUTG Velocidade do
da Atividade Efetiva (ºC) (ºC) Ar (m/s)
Funilaria
Painel de Controle do Feeder da Linha
Clearing II Moderada
Usinagem (Centro da Ferramentaria)
Cabine de Solda
Eixo C10 (Posto de Trabalho ) Leve

IX. INTERPRETAÇÃO DOS RESULTADOS

⇒ Stress Calórico
Foi verificado que os trabalhos realizados nos pontos avaliados são do tipo contínuo. A NR-15,
Anexo nº 3, Quadro nº1, estabelece os seguintes limites de tolerância:

• Atividade Leve – Até 30 ºC


• Atividade Moderada – Até 26,7 ºC
De acordo com os resultados acima, pode-se verificar que para as atividades do tipo moderada,
todos os resultados ____________________o limite de tolerância estabelecido.

⇒ Temperatura Efetiva
Foram realizadas avaliações para fins de registro, uma vez que é estabelecido limite de tolerância
somente para os casos de locais de trabalho onde são executadas atividades que exijam solicitação
intelectual e atenção constantes, como: salas de controle, laboratórios, escritórios, salas de
desenvolvimento ou análise de projetos, de acordo com o determinado na NR-17 – Ergonomia,
sendo que a temperatura efetiva nestes casos deve estar entre 20 e 23 ºC.

⇒ Velocidade do Ar
Foram realizadas avaliações para fins de registro, uma vez que é estabelecido limite de tolerância
somente para os casos de locais de trabalho onde são executadas atividades que exijam solicitação
intelectual e atenção constantes, como: salas de controle, laboratórios, escritórios, salas de
desenvolvimento ou análise de projetos, de acordo com o determinado na NR-17 – Ergonomia,
sendo que a velocidade do ar nestes casos não pode ser superior a 0,75 m/s.

X. RECOMENDAÇÕES

Em virtude dos resultados obtidos, tem-se as seguintes recomendações:


 Adotar sistema de ventilação nos pontos avaliados, com a finalidade de amenizar o
desconforto térmico;
 Estabelecer pausa de 15 (quinze) minutos dentro do período de 01 (uma) hora de trabalho,
ou seja, 45 (quarenta e cinco) minutos de trabalho e 15 (quinze) de descanso, a fim de
atender às situações de trabalho em que são realizadas atividades do tipo moderada, uma vez
que o limite de tolerância passará a ser de 26,8 a 28,0 ºC.