Você está na página 1de 7

0-0) o ácido lático produzido por fermentação nas

células do tecido muscular do nosso corpo,


Biologia –2 cessada a atividade que determinou sua
acumulação, é transformado em ácido pirúvico e
degradado pelo processo de respiração.
1-1) as etapas iniciais das fermentações alcoólica,
1. O citoplasma de uma célula eucariótica contém acética e lática são distintas porque diferem
organelas que desempenham funções específicas no quanto à origem dos substratos: álcool, ácido
metabolismo celular. Com relação a algumas dessas acético e ácido lático, respectivamente.
estruturas, pode-se afirmar que: 2-2) na morte por asfixia, a produção de ATP é
0-0) os centríolos são estruturas citoplasmáticas que bloqueada, por interrupção do fluxo de elétrons
originam cílios e flagelos. Um centríolo é nas cadeias respiratórias nos tecidos, devido à
constituído por nove conjuntos de três falta do aceptor final de elétrons.
microtúbulos cada. 3-3) ocorre nas cadeias respiratórias um fluxo de
1-1) nas células dos procariontes, os ribossomos elétrons, em direção ao oxigênio, aceptor final.
normalmente estão livres no citoplasma, ou Estes elétrons perdem energia gradativamente.
associados às membranas do complexo de Golgi. 4-4) o ciclo de Krebs não funciona apenas para a
2-2) peroxissomos são bolsas membranosas que produção de energia. Parte das substâncias
contêm enzimas digestivas. Diferem dos usadas pelas células para produzir aminoácidos e
lisossomos basicamente quanto às enzimas que ácidos nucléicos, por exemplo, provêm deste ciclo.
possuem.
3-3) as mitocôndrias, cujo número varia dependendo Resposta: V F V V V
do tipo celular, segregam independentemente, Justificativa
segundo as leis mendelianas, garantindo uma 0-0) Verdadeiro. O ácido lático produzido por
exata distribuição de mitocôndrias entre as fermentação, nos tecidos musculares, como trata a
células-filhas. proposição, pode ser transformado em ácido
4-4) uma importante função do retículo endoplasmático pirúvico e degradado na respiração celular.
liso é a produção de lipídios como, por exemplo, 1-1) Falso. O álcool, o ácido acético e o ácido lático
lecitina, colesterol e o hormônio testosterona. são os produtos finais, respectivamente, nas
fermentações alcóolica, acética e lática. Logo, não
Resposta: V F V F V se pode falar que sirvam de substratos nas etapas
Justificativa iniciais.
0-0) Verdadeiro. Os centríolos são estruturas 2-2) Verdadeiro. Nas cadeias respiratórias os elétrons
citoplasmáticas relacionadas com a formação de perdem gradativamente energia e o oxigênio é
cílios e flagelos. Geralmente, há um par de fundamental no processo, visto que ele é o aceptor
centríolos nas células que possuem esta estrutura, final dos elétrons transportados pelos
com distribuição perpendicular um ao outro. Cada citocromos.Na falta de O2 (asfixia referida), as
centríolo é composto por 9 túbulos dispostos de cadeias respiratórias são interrompidas.
maneira a formar um cilindro.Cada túbulo é 3-3) Verdadeiro. Nas cadeias respiratórias, ocorre um
formado por 3 microtúbulos. fluxo de elétrons em direção ao aceptor final: o
1-1) Falso. Nas células procarióticas os ribossomos oxigênio.
estão livres no citoplasma e não aderidos 4-4) Verdadeiro. No metabolismo energético celular, à
(associados) a qualquer estrutura membranosa. medida que as substâncias do ciclo de Krebs vão
Não há complexo de Golgi como referido na se formando, parte delas pode ser “desviada”, indo
proposição. servir de matéria-prima para a síntese de
2-2) Verdadeiro. Peroxissomos são estruturas substâncias orgânicas (anabolismo).
vesiculares, semelhantes aos lisosssomos.
Diferem dos lisossomos, basicamente, por 3. Os organismos fotossintetizantes são capazes de
conterem peroxidases. produzir o próprio alimento do qual obtêm energia.
3-3) Falso. As mitocôndrias não segregam Com relação ao processo de fotossíntese, pode-se
independentemente segundo as leis mendelianas. afirmar que:
Quando uma célula vai se dividir, suas
mitocôndrias se separam em dois grupos, mais ou 0-0) a substância química fundamental no processo de
menos equivalentes. Ao final da divisão cada um fotossíntese é a clorofila, uma substância
desses grupos fica em uma célula-filha. inorgânica complexa que contém ferro em sua
4-4) Verdadeiro. No retículo endoplasmático liso que molécula.
ocorre a síntese de lipídios,dentre eles: lecitina, 1-1) a etapa fotoquímica da fotossíntese leva à
colesterol e o hormônio testosterona formação de 02, ATP, NADPH2, sendo os dois
últimos utilizados na etapa química do processo.
2-2) enquanto na fotofosforilação cíclica, na fase de
2. Um dos problemas fundamentais dos seres vivos é o claro, há formação de ATP; na fotofosforilação
da obtenção de energia para os processos acíclica, não há formação de ATP e, sim, consumo
metabólicos. Com relação aos processos de respiração do ATP produzido na fase cíclica.
e fermentação, pode-se afirmar que:
3-3) a via metabólica em que se forma a glicose é 1-1) Falso. As fanerógamas, ou espermatófitas, são
cíclica. Moléculas de CO2 participam de um plantas com sementes. O termo fanerógama (do
conjunto de reações em que também tomam parte grego phaneros, visível) refere-se ao fato dessas
açúcares de seis carbonos, sendo utilizadas 12 plantas apresentarem órgãos reprodutores
moléculas de CO2 e 6 de NADPH2 para cada evidentes, ao contrário do que ocorre nas
molécula de glicose produzida. criptógamas. Nas fanerógamas, os gametófitos
4-4) nas reações de escuro, que ocorrem no estroma desenvolvem-se no interior dos esporófitos, não se
do cloroplasto, o CO2 funciona como aceptor final formando indivíduos haplóides bem
dos hidrogênios da água, que serão cedidos pelo caracterizados.
NADPH2 proveniente da fase de claro. 2-2) Verdadeiro. Um cotilédone, folhas com nervuras
paralelas e flores trímeras, entre outras
características, podem ser utilizadas para
Resposta: F V F F V distinguir uma monocotiledônea de uma
Justificativa dicotiledônea.
0-0) Falso. A clorofila é uma substância orgânica 3-3) Verdadeiro. Os microsporófilos das gimnospermas
complexa e contém magnésio em sua estrutura e são correspondentes aos estames das
não ferro, como referido. angiospermas. Ambos estão relacionados com a
1-1) Verdadeiro. Na etapa fotoquímica da fotossíntese formação de estruturas reprodutivas, chamadas
formam-se: O2 (que é liberado para o meio), ATP e microsporângios, no interior dos quais formam-se
NADPH2 (que são utilizados na etapa química da os micrósporos.
fotossíntese). 4-4) Falso. Os frutos que se formam a partir do
2-2) Falso. Tanto na fotofosforilação cíclica quanto na desenvolvimento de outras partes da flor (e não do
fotofosforilação acíclica há produção de ATP. Todo ovário) são chamados de pseudofrutos e não
ATP produzido na fase de claro da fotossíntese frutos partenocárpicos, como referido.
será utilizado, posteriormente, na fase de escuro.
3-3) Falso. Na via metabólica em que se forma a
glicose, moléculas de CO2 participam de um
5. Com relação aos tecidos vegetais, pode-se afirmar
conjunto de reações em que também tomam parte que:
açúcares de 5 carbonos, genericamente 0-0) todos os tipos de células que compõem uma
chamados pentoses (e não açúcares de 6 planta têm origem a partir de tecidos
carbonos, como referido na proposição). Para meristemáticos. Esses últimos são formados por
cada molécula de glicose produzida, são utilizadas células que têm grande capacidade de realizar
seis (6) moléculas de CO2 e doze (12) de NADPH2. mitoses.
4-4) Verdadeiro. As reações da etapa química da 1-1) o felogênio produz o feloderme e súber. Esse
fotossíntese ocorrem no estroma do cloroplasto. O último é um tecido morto, no qual estão presentes
CO2 funciona como aceptor dos hidrogênios da estruturas respiratórias chamadas lenticelas.
água, cedidos pelo NADPH2 produzido na fase 2-2) as células do colênquima são mortas e alongadas
fotoquímica. e têm paredes muitos grossas, devido à
impregnação por lignina, localizada geralmente
nos cantos das paredes celulares.
4. Com relação a características botânicas em diferentes 3-3) o esclerênquima é formado por células vivas que
grupos vegetais, podemos afirmar que: compõem um tecido resistente, devido à
impregnação de celulose.
0-0) briófitas e pteridófitas apresentam alternância de 4-4) o xilema é constituído por elementos de vaso e
gerações em seus ciclos de vida, diferindo pelo traqueídes e o floema é constituído por vasos
fato de a fase dominante nas briófitas ser a crivados e células companheiras. Aos feixes
gametofítica e, nas pteridófitas, a esporofítica. lenhosos e liberianos estão associadas células de
1-1) plantas fanerógamas (ou criptógamas vasculares) sustentação e de parênquima.
não apresentam alternância de gerações no ciclo
de vida. Resposta: V V F F V
2-2) uma angiosperma monocotiledônea pode ser Justificativas
diferenciada de uma dicotiledônea, pelo fato de
0-0) Verdadeiro. Os tecidos meristemáticos são
apresentar um cotilédone, nervuras paralelas nas formados por células que têm grande capacidade
folhas e flores trímeras.
de realizar mitoses. Deles originam-se todos os
3-3) os estames das angiospermas são folhas demais tecidos vegetais.
especializadas, correspondentes aos
1-1) Verdadeiro. O felogênio ou câmbio suberógeno
microsporófilos das gimnospermas. é um meristema secundário que produz
4-4) Nas angiospermas, os frutos originam-se do
feloderme e súber. No súber estão presentes
desenvolvimento dos ovários. Porém, há frutos lenticelas (estruturas respiratórias).
que provêm do desenvolvimento de outras partes
2-2) Falso. As células do colênquima são vivas,
da flor (frutos partenocárpicos). alongadas e dotadas de paredes muito grossas e
rígidas, sendo esta rigidez devida a reforços de
Resposta: V F V V F celulose localizados nos cantos de suas paredes
Justificativa celulares.
0-0) Verdadeiro. Nas Briófitas, a fase dominante do 3-3) Falso. O esclerênquima é formado por células
ciclo de vida é o gametófito. Nas Pteridófitas, o mortas e alongadas. As paredes das células são
esporófito é a fase dominante. altamente impregnadas de lignina.
4-4) Verdadeiro. Elementos de vaso e traqueídes 1-1) apenas as aves apresentam papo, uma região
compõem o xilema. O floema é constituído pelos dilatada do tubo digestivo, dotada de grossa
tubos crivados e células companheiras. Os parede muscular e revestimento resistente,
elementos condutores de seiva geralmente especializada no amolecimento, moagem e
formam feixes, nos quais há também células de armazenamento do alimento ingerido.
sustentação e de parênquimas associadas. 2-2) bois e carneiros são exemplos de animais que
possuem o estômago dividido em quatro
6. Com relação às algas e liquens, analise as proposições compartimentos, sendo os dois primeiros
a seguir. considerados verdadeiras câmaras de cultivo de
microorganismos. Estes últimos representam fonte
0-0) Algas do fitoplâncton são as principais de aminoácidos e vitaminas para esses animais.
responsáveis pela presença de oxigênio na 3-3) no homem, as gorduras e os carboidratos
atmosfera de nosso planeta. presentes no quimo estimulam o intestino a liberar,
1-1) Com exceção das feofíceas, a reprodução no sangue, o hormônio enterogastrona. Este
sexuada está presente em todos os outros grupos hormônio diminui os movimentos peristálticos
de algas. estomacais.
2-2) As marés vermelhas estão relacionadas com a 4-4) a secretina é um hormônio produzido pelas células
intensa proliferação de um dinoflagelado (alga estomacais, que atua estimulando a secreção de
pirrófita), que produz uma substância de elevada HCl e aumentando os movimentos peristálticos do
toxicidade. estômago.
3-3) Os liquens, que podem instalar-se em troncos de
árvores, rochas, muros e postes, são muito Resposta: V F V V F
sensíveis à poluição, e é por isso que o seu Justificativa
desaparecimento sugere agravamento da poluição 0-0) Verdadeiro. No intestino dos tubarões existe uma
ambiental. longa prega espiral (válvula espiral) responsável
4-4) Os liquens são associações entre algas pelo aumento da superfície de absorção dos
cianofíceas e fungos. Nessas associações se alimentos.
estabelece uma relação ecológica do tipo 1-1) Falso. O papo não é uma região específica do
inquilinismo. tubo digestivo de aves. Minhocas (anelídeos) e
insetos (artrópodos) também possuem papo.
Resposta: V F V V F Características assinaladas para o papo, como
Justificativa revestimento resistente e moagem de alimentos
0-0) Verdadeiro. Praticamente todo o gás oxigênio estão relacionadas e uma outra estrutura
atmosférico se forma na fotossíntese. As algas do digestiva, a moela.
fitoplâncton são responsáveis por, 2-2) Verdadeiro. Nos animais ruminantes, o estômago
aproximadamente, 90% da fotossíntese realizada apresenta quatro compartimentos. A celulose
em nosso planeta. Isto mostra a importância presente nas plantas ingeridas sofre digestão por
dessas algas com relação ao oxigênio ação de microorganismos presentes no rúmen e
atmosférico. no retículo (os dois primeiros compartimentos).
1-1) Falso. A reprodução sexuada está presente nas 3-3) Verdadeiro. As gorduras e carboidratos presentes
feofíceas (algas pardas ou marrons). no quimo estimulam células da parede duodenal
2-2) Verdadeiro. A intensa proliferação de do intestino a liberarem o hormônio enterogastrona
dinoflagelados (algas pirrófitas) dá origem a .Este hormônio atua na diminuição dos
extensas manchas avermelhadas na superfície movimentos peristálticos estomacais.
do mar. Esses dinoflagelados produzem uma 4-4) Falso. O hormônio secretina é produzido por
neurotoxina de elevada toxicidade. células da parede duodenal e, através da
3-3) Verdadeiro. Os líquens são bons indicadores circulação, atinge o pâncreas, estimulando-o a
naturais de poluição atmosférica. Absorvem com liberar uma solução rica em bicarbonato de sódio
facilidade vapor de água e íons em solução. São que age como neutralizador da acidez do quimo.
sensíveis a traços de poluentes no ar.
4-4) Falso. Os liquens são formados da associação 8. Os mecanismos de respiração são muito importantes
mutualística entre fungos e algas. Geralmente, para a absorção e eliminação de gases envolvidos no
nessas associações, os fungos são ascomicetos e metabolismo dos seres vivos. Com relação à
as algas, verdes unicelulares. Há também liquens respiração em diferentes animais, é correto afirmar
que resultam da associação entre fungos e que:
cianobactérias.
0-0) nos equinodermos, o gás oxigênio captado pelas
7. Para que haja a absorção de nutrientes pelo organismo brânquias difunde-se para o fluido celômico, de
é necessário que os alimentos sejam digeridos e onde se distribui para todo o corpo do animal.
metabolizados. Com relação a alguns aspectos do 1-1) as brânquias, em moluscos e peixes, são
sistema digestivo dos animais, pode-se afirmar que: formadas por finas projeções epiteliais altamente
vascularizadas. A água, ao passar pelos filamentos
0-0) no interior do intestino dos tubarões (peixes branquiais, troca gases com o sangue que circula
cartilaginosos) há uma longa prega espiral (ou pelos capilares.
válvula espiral), que contribui para o aumento da
superfície de absorção dos alimentos.
2-2) os pulmões das aves, diferentemente dos pulmões 0-0) Falso. Equinodermos e moluscos são animais
de mamíferos, não possuem alvéolos. Possuem amoniotélicos. O principal produto de excreção
finíssimos dutos, chamados parabronquíolos, onde desses animais é, pois, a amônia.
ocorrem as trocas gasosas. 1-1) Verdadeiro. As glândulas antenais, também
3-3) nas espécies aquáticas de répteis, como, por conhecidas por glândulas verdes, são os órgãos
exemplo, as tartarugas, a respiração é processada de excreção dos crustáceos. Os excretas são
através de brânquias semelhantes às encontradas eliminados através de um poro na base das
na maioria dos peixes ósseos. antenas.
4-4) o controle do ritmo respiratório, no homem, é 2-2) Falso. Os protonefrídeos são órgãos nefridiais
exercido pelo cerebelo e deve-se, principalmente, (estruturas existentes em diversos invertebrados),
à percepção da concentração de O2 no sangue. presentes nos platelmintos e não em insetos como
referido.
Resposta: V V V F F 3-3) Verdadeiro. Enquanto os lagartos e cobras são
Justificativa animais uricotélicos, as tartarugas são animais
0-0) Verdadeiro. As brânquias, nos equinodermos, têm ureotélicos.
estrutura muito simples .O oxigênio captado por 4-4) Verdadeiro. Os mamíferos, incluindo o homem,
essas brânquias difunde-se para todo o corpo do são animais ureotélicos.
animal.
1-1) Verdadeiro. As brânquias, tanto em moluscos 10. Em relação ao sistema nervoso, que apresenta
como em peixes, são constituídas por finas variações entre os diferentes grupos de animais, pode-
projeções epiteliais vascularizadas, onde ocorrem se afirmar que:
as trocas gasosas .Vale ressaltar que a
complexidade da estruturas dessas brânquias 0-0) os poríferos não possuem células nervosas e os
varia entre os diferentes grupos de animais. celenterados possuem sistema nervoso difuso.
2-2) Verdadeiro. Os pulmões das aves não apresentam 1-1) nos moluscos e artrópodos, o órgão centralizador
a estrutura complexa alveolar observada nos do sistema nervoso é um anel de células
pulmões de mamíferos. Há nos pulmões de aves nervosas, localizado ao redor da boca, de onde
finíssimos dutos chamados parabronquíolos, onde partem nervos radiais que se ramificam por todo o
ocorrem as trocas gasosos. Nas aves, os pulmões corpo.
ainda apresentam projeções: os sacos aéreos. 2-2) nos vertebrados, os órgãos de centralização
3-3) Falso. A respiração dos répteis é exclusivamente nervosa são o encéfalo e a medula espinhal.
pulmonar, mesmo nas espécies aquáticas, como 3-3) no homem, os nervos motores (aferentes)
no caso das tartarugas. conduzem impulsos dos órgãos dos sentidos para
4-4) Falso. O controle do ritmo respiratório não é o sistema nervoso central.
exercido pelo cerebelo nem devido 4-4) nas fibras nervosas mielinizadas, o impulso
“principalmente” à percepção da concentração de nervoso, ao invés de se propagar continuamente
O2 no sangue. Embora possa parecer um pela membrana do neurônio, “salta” diretamente
mecanismo de regulação prioritário, pois relaciona- de um nódulo de Ranvier para outro, o que
se ao O2, há um mecanismo muito mais sensível, aumenta a velocidade de propagação do impulso
que funciona com prioridade, por estímulo direto nervoso
ao centro respiratório, o bulbo. O fator estimulante
é a tensão de CO2 do sangue que circula pelo
bulbo.

9. Com relação a substâncias nitrogenadas excretadas e


a estruturas excretoras dos animais, pode-se afirmar
que: Resposta: V F V F V
0-0) equinodermos e moluscos excretam ácido úrico na
Justificativa
forma de uma pasta de cor esbranquiçada. 0-0) Verdadeiro. Os poríferos não apresentam sistema
1-1) a excreção nos crustáceos, animais amoniotélicos, nervoso. Existe nos celenterados uma rede de
está a cargo de um par de glândulas antenais que células nervosas espalhada por todo o corpo do
filtram a hemolinfa e dela removem as excreções, animal; daí o sistema nervoso dos cnidários ser
eliminando-as através de um poro na base das denominado difuso.
antenas. 1-1) Falso. Nos moluscos, o sistema nervoso é
2-2) os protonefrídeos são estruturas excretoras, composto por vários pares de gânglios, unidos
presentes nos insetos (animais ureotélicos), entre si através de cordões nervosos. Nos
ligadas a células especializadas, chamadas artrópodos o sistema nervoso é formado por um
solenócitos ou células-flama. gânglio cerebral ligado a uma cadeia nervosa
3-3) lagartos e cobras são répteis que excretam ácido central.
úrico (uricotélicos), enquanto as tartarugas 2-2) Verdadeiro. Nos vertebrados, o encéfalo e a
excretam, principalmente, uréia (ureotélicos). medula espinhal formam o sistema nervoso
4-4) nos mamíferos, incluindo o homem, o principal tipo central.
de excreta nitrogenada é a uréia. 3-3) Falso. Os nervos motores (ou eferentes), ao
contrário do que foi referido na proposição, contêm
fibras motoras que conduzem os impulsos do
Resposta: F V F V V sistema nervoso central até os órgãos efetuadores
Justificativa (músculos, glândulas).
4-4) Verdadeiro. A transmissão dos impulsos nervosos 0-0) plantas, como orquídeas, bromélias e
é mais rápida nas fibras nervosas mielinizadas samambaias, podem crescer harmonicamente
porque ocorrem aos “saltos”, de um nódulo de sobre outras plantas, sem prejudicá-las,
Ranvier para outro. constituindo exemplos de inquilinismo entre
espécies vegetais.
11. Com relação à poluição ambiental, analise as 1-1) diversas espécies de fungos presentes no solo
proposições abaixo. liberam substâncias antibióticas que atacam
bactérias e, dessa forma, evitam a competição de
0-0) Nas cidades modernas, há grande quantidade de alimentos com as mesmas: uma relação de
partículas em suspensão no ar, causando-lhe comensalismo.
poluição. Entre estas, estão partículas de sílica, 2-2) um exemplo de parasitismo obrigatório é o
produzidas por fábricas de cimento. observado entre alguns microorganismos e
1-1) Na formação das chuvas ácidas, que contêm ácido espécies de cupins de madeira, que habitam o
sulfúrico e ácido nítrico, participam o dióxido de tubo digestivo dos cupins.
enxofre (um gás venenoso) e o óxido de 3-3) a competição intra-específica constitui uma das
nitrogênio, ambos liberados em certas atividades principais formas limitadoras do tamanho das
industriais. populações.
2-2) A parte orgânica do lixo pode ser degradada em 4-4) a predação constitui um mecanismo regulador da
biodigestores e o gás natural metano, liberado na densidade populacional, tanto para as presas
biodigestão, pode ser reaproveitado como quanto para os predadores.
combustível.
3-3) As marés vermelhas, que determinam o
envenenamento e a morte de diversas formas de Resposta: V F F V V
vida e atingem regiões brasileiras, particularmente
Justificativa
a Amazônia, têm como causa a poluição dos rios,
0-0) Verdadeiro. Inquilismo é uma relação ecológica em
pela má utilização de mercúrio nos garimpos.
que o “inquilino” vive no hospedeiro sem
4-4) Inseticidas e outros poluentes podem ser
prejudicá-lo.Este é o caso das plantas epíftas
concentrados nos organismos, como acontece, por
referidas na proposição.
exemplo, com as ostras, que obtêm alimentos por
1-1) Falso. A proposição não trata de um caso de
filtração da água. O consumo dessas ostras pelos
comensalismo. Trata-se de amensalismo, também
animais ou pelo homem pode causar intoxicação e
chamada antibiose.
morte.
2-2) Falso. A relação entre os microorganismos que
vivem no tubo digestivo dos cupins e os cupins, é
de mutualismo e não parasitismo.
Resposta: V V V F V 3-3) Verdadeiro. Entre os indivíduos de uma mesma
Justificativa espécie, existe sempre alguma forma de
0-0) Verdadeiro. A atmosfera recebe, anualmente, competição, o que evita a exploração excessiva de
toneladas de gases tóxicos e de partículas que recursos do meio . Tal exploração poderia
ficam em suspensão. As fábricas de cimento são acarretar a destruição da população ou da
grandes responsáveis pela liberação de partículas comunidade em virtude da superpopulação.
de sílica, como referido. 4-4) Verdadeiro. A predação constitui um mecanismo
1-1) Verdadeiro. O dióxido de enxofre, juntamente com regulatório da densidade populacional. A estreita
o óxido de nitrogênio, liberados em atividades correlação observada entre as flutuações no
industriais, reagem com o vapor de água na tamanho das populações de predadores e presas
atmosfera e podem formar ácidos sulfúrico e é da maior importância para a sobrevivência de
nítrico cuja precipitação forma as chuvas ácidas. ambos.
2-2) Verdadeiro. Da biodigestão da parte orgânica do
lixo, forma-se o metano, também chamado gás 13. O desenvolvimento de técnicas moleculares tem
natural, que pode ser aproveitado como permitido ao homem obter bactérias produtoras de
combustível residencial ou industrial. hormônios e de proteínas de seu interesse. Também
3-3) Falso. As marés vermelhas são causadas pela tem permitido a produção de plantas e animais
grande proliferação de dinoflagelados (protistas transgênicos. Sobre esse tema, avalie as afirmações a
fotossintetizantes) e não pelo uso de mercúrio nos seguir.
garimpos.
4-4) Verdadeiro. Inseticidas extensivamente usados na 0-0) A Engenharia Genética tornou possível a
lavoura podem contaminar inclusive o homem, clonagem do gene humano responsável pela
quer absorvido pela pele quer pelos alimentos. produção do hormônio de crescimento,
Esses e outros poluentes podem contaminar as (somatotrofina), e a produção desse hormônio por
águas e os seres vivos que habitam os ambientes bactérias.
aquáticos, como referido. 1-1) É possível obter plantas completas a partir de uma
única célula e já são produzidas plantas nas quais
genes de resistência a herbicidas foram
incorporados.
12. No que diz respeito às relações ecológicas entre os
2-2) A biotecnologia tem oferecido alternativas ao uso
seres vivos, pode-se afirmar que:
de agrotóxicos, através da produção de
variedades de plantas cultivadas, resistentes a
pragas.
3-3) A tecnologia do DNA recombinante fornece
recursos para a transferência de genes de uma Resposta: F F V F V
espécie para outra, com produção de organismos Justificativa
chamados transgênicos. 0-0) Falso. Não se trata de segregação independente.
4-4) As principais ferramentas empregadas na Se os alelos dos dois locos referidos segregassem
tecnologia do DNA recombinante são as enzimas independentemente, do cruzamento de fêmeas
de restrição, consideradas verdadeiras “ tesouras F1duplo-heterozigóticas com machos duplo-
moleculares ”. recessivos, surgiriam 4 classes fenotípicas na F2,
numa proporção de 1:1:1:1.
Resposta: V V V V V 1-1) Falso. Nas fêmeas F1,os alelos referidos estão
Justificativa
 MP 
0-0) Verdadeiro. Já é possível induzir bactérias a
produzirem hormônios, a exemplo do hormônio de
arranjados em configuração CIS, a saber  
crescimento humano referido na proposição.  mp 
1-1) Verdadeiro. A partir de uma única célula vegetal é 2-2) Verdadeiro. A distância relativa entre os locos M e
possível obter uma planta completa. Já se P ( inferida pela freqüência de permutação entre
consegue produzir plantas nas quais se incorpora esses locos) é de 3 morganídeos.
gene que confere resistência a um determinado 3-3) Falso. A distância relativa entre os locos M e P não
herbicida. é de 1.5 morganídeos.
2-2) Verdadeiro. Variedades de plantas resistentes a 4-4) Verdadeiro. Os machos F1, duplo-recessivos,
uma determinada praga também já são formam apenas um tipo de gameta. Os fenótipos
produzidas. observados refletem os gametas produzidos pelas
3-3) Verdadeiro. A manipulação genética de vegetais fêmeas duplo-heterozigóticas.
conduziu à obtenção de plantas transgênicas,
muitas das quais já participam da dieta alimentar 15. Plasmídios são moléculas circulares de DNA, capazes
do homem. A produção de animais transgênicos de autoduplicação. Com relação aos plasmídios, pode-
abriu a perspectiva de correção de doenças se afirmar:
genéticas no homem. Há de se ressaltar, porém,
as preocupações com problemas éticos 0-0) plasmídios que conferem resistência a drogas são
envolvidos. chamados genericamente de plasmídios R. Eles
4-4) Verdadeiro. As enzimas de restrição têm a possuem genes que permitem sua passagem
propriedade de cortar o DNA em pontos apenas entre bactérias da mesma espécie.
específicos, sendo fundamentais na manipulação 1-1) plasmídios R podem ser transferidos de uma
do DNA. espécie de bactéria para outra, como, por
exemplo, da Escherichia coli para a bactéria
Shigella.
14. Em Drosophila, asa de tamanho normal é dominante 2-2) quando dois ou mais plasmídios R estão presentes
sobre asa em miniatura (m) e cor cinza do corpo é em uma única bactéria, os genes de um podem
dominante sobre cor preta (p). Fêmeas homozigóticas, passar para um outro.
para asas de tamanho normal e corpo cinza, foram 3-3) o fator de fertilidade (fator F), que confere à
cruzadas com machos de asas em miniatura (vestigial) bactéria “macho” a capacidade de transferir DNA
e corpo preto. As fêmeas F1 foram cruzadas com para a bactéria “fêmea”, é um tipo particular de
machos duplo-recessivos e obtiveram-se na F2 os plasmídio.
seguintes resultados: 4-4) a transferência de um plasmídio entre bactérias se
48,5% asa de tamanho normal/corpo cinza dá por transdução.
48,5% asa em miniatura/corpo preto
1,5% asa de tamanho normal/corpo preto Resposta: F V V V V
1,5% asa em miniatura/corpo cinza Justificativa
0-0) Falso. Os plasmídios portadores de genes que
conferem resistência a drogas (Plasmídios R)
Com base nesses dados, analise as afirmações abaixo. podem ser transferidos de uma espécie de
bactéria para outra espécie.
0-0) Trata-se de segregação independente, uma vez 1-1) Verdadeiro. Plasmídios R podem ser transferidos
que os fenótipos parentais, assim como os de uma espécie de bactéria para outra espécie de
recombinantes, obedecem a uma proporção de bactéria, como referido na proposição.
1:1. 2-2) Verdadeiro. Quando dois ou mais plasmídios R
1-1) Na fêmeas F1, duplo-heterozigóticas, os alelos estão presentes em uma bactéria, os genes de um
 Mp  podem passar para um outro. Este mecanismo
estão em configuração TRANS  . possibilita o surgimento de plasmídios R muito
 mP 
complexos, portadores de diversos genes para
2-2) A distância relativa entre os locos M e P é de 3
resistência a diferentes antibióticos.
morganídeos.
3-3) Verdadeiro. O fator F (fator de fertilidade) é um tipo
3-3) Trata-se de ligação gênica, em que a distância
particular de plasmídio.
genética entre os locos M e P é de 1,5
morganídeos.
4-4) A porcentagem de fenótipos observados na F2
reflete a porcentagem de gametas formados pelas
fêmeas F1.
4-4) Verdadeiro. A transferência de um plasmídio entre
bactérias pode ser dada por transdução. Vale
ressaltar que a transferência de um plasmídeo de
uma bactéria para outra pode ser dada também
por transformação e por conjugação.

16. Em relação aos vírus, pode-se afirmar que:


0-0) os vírus não possuem organização celular e, sim,
uma estrutura molecular formada unicamente por
DNA.
1-1) atualmente, são conhecidos vírus compostos por
RNA, por DNA ou por ambos os ácidos nucléicos,
fato que favorece uma maior virulência.
2-2) existem vírus denominados retrovírus, que
produzem, na célula hospedeira, moléculas de
DNA, a partir de RNA viral.
3-3) o vírus da febre amarela é conhecido como um
arbovírus, pois é transmitido diretamente ao
homem em ambientes silvestres.
4-4) alguns vírus, como os bacteriófagos, atacam as
células, injetando-lhes o seu material genético,
mecanismo que pode ser utilizado pelo homem na
produção de seres transgênicos.

Resposta: F F V F V
Justificativa
0-0) Falso. Os vírus podem ser formados por moléculas
de DNA ou por moléculas de RNA.
1-1) Falso. Os vírus são compostos por um ou por
outro tipo de ácido nucléico. Até o momento não
foi descrito nenhum vírus formado por ambos os
ácidos nucléicos. Como não foi descoberta esta
característica, não se pode afirmar sobre a sua
virulência.
2-2) Verdadeiro. A principal característica dos retrovírus
é a capacidade de produzir moléculas de DNA a
partir de RNA (por meio da transcriptase reversa)
3-3) Falso. Arbovírus é transmitido ao homem por
insetos silvestres e não de forma direta.
4-4) Verdadeiro. Na cauda do bacteriófago estão
presentes enzimas capazes de digerir e perfurar a
parede da célula bacteriana.O DNA do
bacteriófago é então injetado no citoplasma. O
conhecimento deste mecanismo foi importante
para o desenvolvimento de estudos de seres
transgênicos.