Você está na página 1de 35

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia

SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação

Como utilizar o CMap?

ALCINO PASCOAL, FCT/UNL
Versão 2.0 (Julho de 2001)

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia
SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação

1. INTRODUÇÃO A aplicação Concept Map foi desenvolvida pelo IHMC – Institute for Human and Machine Cognition, o qual está integrado na UWF – University of West Florida. Esta aplicação utiliza tecnologias Java, permitindo assim a sua utilização em diversas plataformas (MS Windows, Macintosh OS, etc.).

2. INICIAR A UTILIZAÇÃO DO CMap Lançar a aplicação IHMC CMap Tools, através de um duplo “clique” no ícone da mesma.

É assim aberta uma janela, a qual permite aceder a servidores de mapas de conceitos e, mais concretamente, aos projectos armazenados nesses mesmos servidores.

© 2001, Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap?

Página 1 de 34

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia
SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação

NOTA: o termo “projecto” designa a colecção de mapas sobre um tópico ou domínio similar.

3. CONSTRUIR E EDITAR MAPAS DE CONCEITOS Ao construir um mapa há diversos passos que devem ser seguidos, de forma a assegurar que o resultado final seja guardado convenientemente. Assim, antes de se poder construir ou editar mapas de conceitos, é necessário criar um projecto que integre os mapas e demais recursos associados. O nome dado ao projecto deverá descrever, com fidelidade, o âmbito do conhecimento presente nos mapas associados a esse projecto. Posteriormente, poderão ser adicionados novos mapas a projectos já existentes. O projecto deverá estar no modo de edição (Edit Mode) de modo a possibilitar a modificação de qualquer dos seus componentes. Quando tal acontece, é mostrado um pequeno lápis junto ao ícone do directório do projecto, tal como se exemplifica na figura abaixo (directório Edit_Mode):

© 2001, Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap?

Página 2 de 34

Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 3 de 34 .UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação NOTA: o directório Browse_Mode está no modo de visualização (Browse) e. Neste exemplo foi escolhido o servidor com o nome Local. 3. depois.01. pela manipulação do popup menu (pequena seta à direita). é dado um nome que faça sentido (“Formaçao” no caso): Em Server Name é definida a localização desejada para o projecto. não apresenta o lápis. Por último clicar em OK. para que o utilizador possa modificar o conteúdo do projecto. © 2001. como tal. Criar um novo projecto Para criar um novo projecto acede-se ao menú File-New Project e. O sistema coloca automaticamente o novo projecto no modo de edição.

ao item New Map.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Voltando à janela inicial do CMap. pois é nele que está armazenado o projecto que temos em construção). a qual vai perimitir ao utilizador construir e editar mapas de conceitos. aceder ao menú File e.02. de forma a nele criar o novo mapa de conceitos. deve-se escolher o projecto-alvo. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 4 de 34 . incluindo o projecto “Formaçao” que entretanto foi adicionado: 3. mais concretamente. O sistema mostra de imediato os projectos existentes. De facto. Em seguida. Criar um novo mapa de conceitos Começar por seleccionar o projecto desejado (“Formaçao” no caso). sendo disponibilizada a janela do mapa de conceitos. dá-se um clique duplo no nome do servidor desejado (Local neste exemplo. © 2001.

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 3.03. O conceito fica com um rebordo destacado. por último. por exemplo) e. tal como se pode ver na figura: © 2001. Criar um conceito Fazer um duplo clique sobre o fundo da janela do mapa de conceitos. escrever o texto “conceito 02” e depois deseleccionar o mesmo. clicar uma vez sobre o fundo da janela. no local onde se pretende adicionar um novo conceito.04. de modo a deseleccionar o texto entretanto escrito. 3. Criar um segundo conceito algures no espaço disponível. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 5 de 34 . sendo ainda mostradas 2 setas no topo do conceito. com pontos de interrogação sobre fundo escuro. Digitar então o nome do conceito (“conceito 02”. Esta acção vai criar um conceito genérico. Criar uma ligação entre dois conceitos Seleccionar o “conceito 01” através de um único clique sobre o conceito.

clicar no fundo da janela. Digitar “depende” e.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Em seguida. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 6 de 34 . então. A aplicação irá desenhar uma linha entre o primeiro conceito e o cursor do rato. tal como a seguir se exemplifica: Deve-se depois clicar sobre “conceito 02”. dar apenas um clique!) e. clicar uma vez sobre as setas (não arrastar. movimentar o cursor em direcção ao “conceito 02”. A aplicação desenha uma linha entre os dois conceitos e cria também uma etiqueta para o nome da ligação. © 2001. por fim.

3. Criar uma ligação e um conceito Começar por seleccionar o “conceito01” com um único clique. No exemplo acima a relação seria interpretada como “conceito 01 depende conceito 02”. definindo assim a direcção da relação.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação NOTA: Presume-se que as linhas de ligação se dirigem de um conceito para a etiqueta e desta para o outro conceito. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 7 de 34 . Clicar sobre as setas e mover o cursor do rato até uma área na qual se pretende que seja criado um novo conceito e clicar no fundo da janela.05. O conceito surge de novo destacado e aparecem as setas no topo. Esta acção é explicitada pela figura que se segue: © 2001.

Dar-lhe o nome “letras”. desta feita junto ao conceito “numeros”. Fica assim definida uma ligação entre “tem” e “letras”. Clicar neste conceito. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 8 de 34 . O resultado final é o seguinte: 3. Seleccionar a ligação “tem” com um único clique.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação A aplicação vai criar um novo conceito com uma etiqueta por preencher e. Associar uma ligação a um conceito já existente Criar um novo conceito.06. tal como se exemplifica de seguida: © 2001. A ligação surge destacada (tal como antes se verificara) e aparecem as duas setas no topo. um campo para a ligação entre o “conceito 01” e o novo conceito. Repetindo as acções anteriormente enunciadas escrever “tem” na etiqueta da ligação e “numeros” na etiqueta do último conceito criado. também. Clicar nas setas e mover o cursor do rato sobre o conceito “letras”.

indicando que as propriedades da linha podem ser modificadas. © 2001.07. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 9 de 34 . A cor da linha muda de preto para vermelho. Linhas curvas Fazer um duplo clique sobre uma linha (apontar o cursor do rato para uma linha de ligação). 3. O utilizador pode então alterar os atributos da linha seleccionada (cor e tipo de linha).UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Confirmar a ligação “tem” dando um clique sobre o fundo da janela. fora da zona do nó.

para confirmar a operação realizada: © 2001. distinta da do primeiro ponto. As extremidades de cada uma destas linhas são os pontos de controlo. No final deve-se clicar no fundo da janela.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Clicar no interior da caixa Line Type que tem as palavras straight line e seleccionar 4 Pt. tal como a seguir se mostra: De notar que para chegar ao estádio acima. A aplicação adiciona linhas de controlo (azuis) que confluem num mesmo ponto. Ao se modificar a localização dos pontos de controlo pode-se distorcer as linhas e assim gerar curvas ou mesmo curvas em formato de S. Bezier curve. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 10 de 34 . o primeiro ponto de controlo foi arrastado para uma nova localização e o segundo ponto de controlo para uma localização também nova. Clicar em OK.

depois. Guardar um mapa de conceitos Escolher o item Save do menú File. • Description: digitar “tudo o que me ocorreu agora”.08. É disponibilizada a janela Save Map. • Creator: digitar o nome do utilizador. tal como havia sido definido. na qual é pedida determinada informação. • Server: escolher o servidor Local. sendo este o nome do mapa acabado de criar. designadamente: • Map Name: digitar “mapa01”. • Project: escolher o projecto “Formaçao”. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 11 de 34 . a qual será a descrição deste mapa de conceitos. © 2001. pois tem sido este no qual se vem trabalhando desde o início.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Para desfazer as alterações introduzidas (reverter da linha curva para uma linha recta) deve-se fazer um duplo clique sobre a linha de ligação entretanto modificada e. 3. • Pressionar o botão Save. De notar que este nome deve ser único no que respeita ao conjunto de mapas do projecto no qual o novo mapa vai ser guardado. na caixa de diálogo disponbilizada modificar o tipo de linha para Straight line.

as linhas de ligação entre o conceito e as ligações “depende” e “tem” movimentam-se também. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 12 de 34 . Mover conceitos e ligações Seleccionar o “conceito01” com um único clique. arraste o conceito para uma nova localização na janela do CMap. designadamente: • Pressionar a tecla CTRL e pressionar o botão do rato sobre os conceitos “conceito 01” e “conceito 02” e a ligação “depende”. Mover conceitos múltiplos e ligações Existem diversas maneiras de seleccionar nós múltiplos. Não esquecer de libertar o rato logo que o conceito esteja na posição desejada.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 3. exceptuando as setas do topo. Enquanto pressiona o botão esquerdo do rato.09. © 2001. Estas operações podem ser repetidas indefinidamente. Clicar em qualquer ponto interior do conceito. com o intuito de melhorar a distribuição espacial dos vários elementos do mapa de conceitos que está a ser criado.10. de modo a ajustar ao movimento efectuado. De notar que. 3. ao arrastar o conceito.

11. editar e apagar esses mesmo elementos em simultâneo. De notar que a selecção múltipla de elementos permite mover. • No menú Edit escolher o item Select Links com um único clique. por último clicar no fundo da janela do CMap. • No menú Edit escolher o item Select Concepts com um único clique.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação • Pressionar a tecla CTRL e pressionar o botão do rato enquanto arrasta o rato sobre os conceitos “conceito 01” e “conceito 02” e a ligação “depende”. 3. Os vários conceitos são seleccionados. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 13 de 34 . • No menú Edit escolher o item Select All com um único clique. Este texto pode ter origem diversa como seja: outros conceitos ou ligações e mesmo outras aplicações. Esta operação vai permitir seleccionar o texto. Editar as etiquetas de conceitos e ligações Para mudar o nome de um conceito e de uma ligação basta clicar duas vezes sobre o conceito ou a ligação em causa. como se se tratasse de um único elemento. É também possível colar texto com o auxílio do menú Edit. © 2001. As várias ligações são seleccionadas. Os vários elementos (conceitos e ligações) são seleccionados. O utilizador deve então digitar o novo nome para o elemento seleccionado e.

o fundo e a cercadura dos elementos considerados. Seleccionar então o conceito “numeros” e cortá-lo para o clipboard pelo clique no menú Edt e a escolha do item Cut. pelo clique no menú Edit e no item Paste. Em seguida seleccionar o conceito “?????” e colar o conteúdo do clipboard. Clicar no menú Edit e seleccionar o item Style: © 2001. pressionar o botão Delete do teclado. A – Modificar o tipo de letra Seleccionar o “conceito 01” com um único clique. A etiqueta do fundo vai mostrar “????”.12. a partir do clipboard. Cortar e colar conceitos e ligações Criar um novo conceito junto ao conceito “numeros”.14. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 14 de 34 .UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 3. 3. Apagar conceitos e ligações Seleccionar o conceito “letras” e escolher o item Delete do menú Edit ou. 3.13. A aplicação substitui o conceito “????” pelo conceito “numeros”. Modificar o estilo do mapa de conceitos Nesta secção o utilizador vai ser informado sobre o modo como pode modificar os estilos dos conceitos e ligações. Confirmar o conceito através de um clique único sobre o fundo. As mudanças passíveis de serem efectuadas envolvem atributos vários como sejam o tipo de letra das etiquetas. em alternativa. Esta operação vai remover o conceito “letras” e a linha de ligação entre este elemento e a ligação “tem” do mapa de conceitos em construção.

ou seja: © 2001.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação A caixa de diálogo entretanto apresentada permite alterar diversos atributos do conceito. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 15 de 34 .

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Tal como indica a figura abaixo. • cor da letra – Font Color. • estilo da letra – Fonr Style. podem ser modificados diversos atributos ao nível dos conceitos. • cor da cercadura – Border Color. • tamanho da letra – Font Size. • sombra – Has a Shadow. • tipo dos cantos da cercadura – Border Types. designadamente: • tipo de letra – Font name. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 16 de 34 . © 2001.

NOTA: o editor do CMap modifica apenas a cor do fundo dos conceitos. desta feita. A etiqueta No Change na janela Editing Selected Node Attributes confirma quais os atributos que se mantêm neste contexto. Deve-se então clicar na caixa Back Color e escolher a cor desejada para o fundo dos conceitos. Para deseleccionar os conceitos é favor clicar no fundo da janela do CMap. A mudança tem efeito depois de clicar em OK. escolhendo o item Select Concepts do menú Edit.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação O resultado final obtido é o seguinte: B – Modificar a cor do fundo de todos os conceitos Começar por seleccionar todos os conceitos. A aplicação disponibiliza de novo a caixa de diálogo que permite editar os atributos dos estilos. Aceder de novo ao menú Edit e. enquanto que as restantes definições permanecem inalteráveis. escolher o item Style. tal como se exemplifica de seguida: © 2001. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 17 de 34 .

© 2001. Deve-se então clicar na caixa Border Types e. escolhendo o item Select Concepts do menú Edit.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação C – Modificar o tipo de cercadura dos conceitos Começar por seleccionar todos os conceitos. Para deseleccionar os conceitos é favor clicar no fundo da janela do CMap. escolher o tipo de cercadura para os conceitos. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 18 de 34 . A aplicação disponibiliza de novo a caixa de diálogo que permite editar os atributos dos estilos. depois. A mudança tem efeito depois de clicar em OK. Aceder de novo ao menú Edit e escolher o item Style.

4. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 19 de 34 . Para tal. é necessário certificar-se de que está no modo de edição.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 4. Estes ficheiros deverão ser copiados para o servidor sobre o qual se está a trabalhar. ADICIONAR IMAGENS. Estes “recursos” podem ser de diversos tipos. Deve-se encontrar em seguida o recurso que se pretende adicionar ao projecto (menú File. Nesse caso o projecto e o(s) mapa(s) de conceitos associado(s) está/estão no modo de edição.01. deve ser escolhido o item Switch Project to Edit Mode do menú Edit. confirmar se o directório do projecto de trabalho tem um lápis. FILMES E RECURSOS DE TEXTO Os conceitos presentes num dado mapa podem ser enriquecidos com diversos ficheiros presentes no computador local e não apenas outros mapas de conceitos. item Import Resource). Caso contrário. Tendo sido encontrado o ficheiro pretendido. Importar recursos para o projecto Primeiro que tudo. clica-se sobre o nome do mesmo e é de imediato mostrada a antevisão desse recurso: © 2001. de forma a que todos os utilizadores lhes possam aceder enquanto visualizam o mapa de conceitos.

tal como a seguir se exemplifica: © 2001. O ficheiro é então gravado no servidor Local.jpg) e GIF Image (.htm e . no projecto “Formaçao”. • Imagem: JPEG Image (. • Filme: AVI Movie (.avi). apresentando na caixa de diálogo a informação Unknown Type. De facto.gif).txt).wav).pdf). Caso se procure importar um ficheiro cujo formato não está contemplado na lista acima. num directório Images automaticamente criado pela aplicação. O CMap apresenta algumas limitações no que respeita ao tipo de ficheiros que poderão ser importados. o CMap alerta o utilizador dessa ocorrência.mov).mpg) e QuickTime Movie (. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 20 de 34 . • Som: WAV Sound (. HTML Document (.html) e PDF Document (. MPEG Movie (. quando se recorre à funcionalidade Import Resources deve-se ter em atenção que os formatos suportados são sómente os que se seguem: • Texto: Text Document (.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Clicar em seguida no botão Add e depois em OK.

tal como a seguir se demonstra: © 2001. no contexto do projecto de trabalho. Para tal.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Sempre que um dado recurso passa a ser redundante. segue-se a importação de recursos. depois. o mesmo pode ser eliminado. caso o mapa esteja no modo de edição. Aceder depois ao menú Edit e ao item Resources. Começar por seleccionar o elemento pretendido (seja no caso o “conceito 01”). ligações). É disponibilizada uma caixa de diálogo que permite localizar o recurso pretendido. Surgem de imediato duas setas no topo do conceito. dando um único clique sobre o mesmo. Importar recursos para o mapa de conceitos Chegados a este ponto. basta que na caixa de diálogo do item Import Resources seja seleccionado (com um simples clique) o ficheiro desnecessário e. se clique no botão Remove: 4. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 21 de 34 . afectando-os a um ou mais elementos do mapa (conceitos.02.

sendo definida uma ligação de um recurso a um determinado conceito.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Clicar depois em Add e. A estrutura do mapa de conceitos é ligeiramente modificada. no botão OK. por último. num mapa de conceitos. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 22 de 34 . é feita de modo semelhante ao enunciado na secção anterior para o projecto. © 2001. tal como a seguir se mostra: NOTA: a eliminação de recursos redundantes.

ou seja: © 2001. A melhor estratégia passa por identificar primeiro o URL no browser (Internet Explorer ou Netscape Navigator. copiandoo de seguida do menú Edit. É de imediato disponibilizada uma caixa de diálogo. Começar por aceder ao menú File. Adicionar um URL ao projecto Os URLs constituem uma boa alternativa para adiconar conteúdos multimédia a um mapa de conceitos. não do mapa de conceitos).UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 4. por exemplo).03. na qual é solicitada informação concreta sobre este recurso em particular. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 23 de 34 . item Import Internet Resource (está-se ao nível do projecto.

a janela de projecto passa a incluir novos elementos. Server e Project têm os significados habituais e. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 24 de 34 . clica-se no botão OK. por último. Os campos URL.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação No campo Description introduz-se uma breve descrição do recurso da INTERNET. Concluída a importação. designadamente o directório URLs e o recurso homepage da FCTUNL: © 2001.

caso o mapa esteja no modo de edição.04. dando um único clique sobre o mesmo. afectando-os a um ou mais elementos do mapa (conceitos. Aceder depois ao menú Edit e ao item Resources. É disponibilizada uma caixa de diálogo que permite localizar o recurso pretendido. Surgem de imediato duas setas no topo do conceito. Adicionar um URL ao mapa de conceitos Segue-se a importação de recursos. tal como a seguir se demonstra: © 2001.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 4. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 25 de 34 . Começar por seleccionar o elemento pretendido (seja no caso o conceito “numeros”). ligações).

no botão OK. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 26 de 34 . A estrutura do mapa de conceitos é mais uma vez modificada. reportando-se à homepage da FCTUNL).UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Clicar depois em Add e. tal como a seguir se mostra: NOTA: ao clicar sobre o globo é exibida pela aplicação a descrição do recurso em causa (URL neste exemplo. por último. surgindo uma nova ligação entre um recurso e um dado conceito. © 2001.

Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 27 de 34 . tal como a seguir se mostra: 4. basta um duplo clique sobre o nome do recursos na janela do projecto para que o mesmo seja visualizado no écrãn do computador. deve-se aceder ao menú Edit. o URL em causa não deverá ter sido correctamente definido. © 2001.05. Sempre que exista um recurso que interessa explorar mais em detalhe. Ensaiar depois as diversas relações entre os diversos elementos e recursos de suporte.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Para visualizar o mapa de conceitos entretanto gerado. Modificar as propriedades de um dado URL Se ao testar o link para um dado URL (o computador deverá ter a ligação à INTERNET activa nesse momento) é devolvida uma mensagem de erro pelo browser. e ao item Switch to Browse Mode.

aceder ao menú File e. mais concretamente. depois. o utilizador deverá aceder à janela do projecto. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 28 de 34 .UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Nessa eventualidade. para então aceder às propriedades do recurso: © 2001. ao item Get Info. seleccionar o recurso (URL no caso) que apresenta problemas e. tal como se mostra de seguida: Na caixa de diálogo entretanto disponibilizada clicar no botão Edit.

) e. Assim sendo. nos parágrafos que se seguem são brevemente enunciadas as principais funcionalidades associadas a cada um dos itens presentes neste menú: • Item AutoLayout: permite modificar determinadas propriedades do mapa de conceitos (hierarquia. 5. • Item Stretch: permite aproximar ou afastar entre si os nós que venham a ser seleccionados. tipo de linhas. espaçamento. que entretanto não foram exploradas nas secções anteriores do presente documento. O menú Tools O menú Tools (ao nível do mapa de conceitos.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Procede-se por fim às alterações requeridas. ligações e linhas no écrãn). proceder a um arranjo automático do mapa de conceitos (rearranjo dos conceitos. © 2001. etc. O recurso em causa foi assim devidamente alterado! 5. também. também elas úteis. confirmando a correcção efectuada com um clique no botão Save das duas caixas de diálogo que se seguem. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 29 de 34 . não do projecto) apresenta diversos itens cuja utilização embora menos frequente não deixa de ser relevante.01. CONSIDERAÇÕES FINAIS Nesta secção serão ainda apresentadas algumas funcionalidades do CMap.

de acordo com os requisitos e/ou gosto próprios. Começar por identificar o conceito a partir do qual se deverá aceder a um segundo mapa. Este item possibilita ao utilizador a personalização da palette de cores a utilizar na elaboração dos mapas de conceitos. Para tal. Delete Color: apagar cor. As opções presentes incluem as seguintes funcionalidades: ! ! ! ! ! Add Color: adicionar cor. o CMap utiliza uma palette de cores não muito variada. surgindo então o conjunto de duas setas no topo do conceito. ligação. Save Palette: guardar palette. • Itens Spelling e Spelling Options: possibilita a correcção ortográfica dos elementos que integram os mapas de conceitos (disponível apenas na versão inglesa). constituindo assim um conjunto através do qual se pode navegar livremente. • Item Color Window: por definição. etc. este item ajuda à visualização do mapa de conceitos que está activo. conforme o desejado.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação • Item Search: permite efectuar a pesquisa de um qualquer elemento (conceito. de acordo com as opções que venham a ser definidas.) no projecto activo ou mesmo em todos os projectos arquivados no servidor que está activo no momento (Local no caso presente).02. © 2001. Load Palette: carregar palette. movimentando-o segundo as direcções vertical e/ou horizontal. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 30 de 34 . 5. Estabelecer ligações entre mapas de conceitos Os mapas de conceitos podem ser ligados entre si. dar um clique único sobre o mesmo. Default Palette: activação da palette original (pré-definição). • Item Show Navigation Tool: em alternativa à utilização dos elevadores vertical e horizontal.

O resultado final desta operação é o que a seguir se apresenta: © 2001.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Aceder ao menú Edit e. por último. o qual poderá estar guardado no mesmo projecto (é o caso) em um outro projecto. o botão OK. Pressionar o botão Add e. depois. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 31 de 34 . tal como foi antes enunciado. ao item Resources. Na caixa de diálogo entretanto disponibilizada procurar localizar o novo recurso.

tal como se pode comprovar: © 2001. Escolher a opção Always Use a qual é disponibilizada no menú Arrow Heads:.03. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 32 de 34 . Inserir setas nas linhas de ligação Esta opção poderá ser útil para ajudar à compreensão das relações estabelecidas entre conceitos. tal como se exemplifica nas duas figuras que se seguem: O resultado final é um mapa de conceitos no qual as várias linhas de ligação apresentam setas na extremidade terminal. aceder ao menú File e ao item Map Properties.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação O resultado desta operação é que o novo mapa de conceitos (sob o nome “teste”) passa a estar ligado ao “conceito 02”. Tomando como ponto de partida o mapa “teste”. 5.

por exemplo. ainda que a imagem possa ter interesse para enriquecer um dado documento MS Word. tal como se exemplifica de seguida: © 2001. ao item Export to GIF…. Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 33 de 34 . Para gerar um ficheiro CompuServe GIF acede-se ao menú File e. Esta opção inviabiliza a maior parte das funcionalidades associadas ao CMap. Exportar o mapa como um ficheiro de imagem Se o utilizador desejar ter um ficheiro de imagem com o mapa de conceitos pode obtê-lo facilmente.UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação 5.04. depois.

por exemplo).UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA Faculdade de Ciências e Tecnologia SACSA – Ciências e Tecnologia da Educação e da Formação Na caixa de diálogo que é apresentada de seguida. também. © 2001.gif e. a sua localização. para que de futuro possa recorrer a esse recurso (associando-o a um conceito de um mapa ou inserindo-o numa aplicação do MS Office. o utilizador deve definir o nome do ficheiro . Alcino Pascoal – Como Utilizar o CMap? Página 34 de 34 .