Você está na página 1de 7

Emendas Constitucionais

Emenda é o processo formal de mudanças das Constituições rígidas, por meio de atuação de certos órgãos, mediante determinadas formalidades, estabelecidas nas próprias Constituições para o exercício do poder reformador. Consiste na modificação de certos pontos, cuja estabilidade o legislador constituinte não considerou tão grande como outros mais valiosos. Esse processo é o único sistema de mudança formal da Constituição. As Emendas Constitucionais tem por objetivo permitir modificações a Constituição de um país, sem a necessidade de abolir toda a Carta Magna vigente e construir uma Constituição inteiramente nova. São apenas retificações. No mundo moderno, o mecanismo de emenda constitucional foi explicitamente criado pela Constituição da Pensilvânia de 1776, mas foi consagrada como uma inovação da Constituição dos Estados Unidos, aprovada em 17/09/1787, em vigor desde 21/06/1788, sendo posteriormente adaptada por muitos outros países. É relevante destacar que até então, os processos de mudança constitucional eram geralmente marcados por violência, e/ou grandes mudanças políticas, muitas vezes ocorrendo em meio a revoluções e guerras civis entre os que pretendiam mudar uma constituição e os que queriam mantêla. Assim, a primeira vantagem da Emenda Constitucional seria a de permitir mudanças institucionais dentro dos trâmites legais e mantendo a ordem legal. Outra vantagem é o fato já citado que a Emenda Constitucional pode mudar apenas um parágrafo, tópico ou tema da Constituição, sem a necessidade de se convocar uma nova Constituinte. A aprovação de uma emenda geralmente passa por exigências superiores às necessárias para a aprovação de uma Lei ordinária, com mecanismos que vão da ampla maioria (dois terços ou três quintos) na Câmara alta e na baixa, até a aprovação da mudança nos Estados, em alguns casos passa pela revisão do Judiciário (Suprema Corte ou Supremo Tribunal de Justiça), ou até por plebiscitos populares.

Lei Complementar

terá efeitos jurídicos de lei ordinária. Assim. No Brasil. Na verdade não há hierarquia entre lei ordinária e lei complementar. Disto decorre que: – Não existe entre lei complementar e lei ordinária (ou medida provisória) uma relação de hierarquia. sobre a hierarquia das leis). . Nem todas as leis complementares. – Dispositivos esparsos de uma lei complementar que não constituírem matéria constitucionalmente reservada à lei Complementar possuem natureza jurídica de Lei Ordinária. a lei ordinária que invadir matéria de lei complementar é inconstitucional e não ilegal. a lei que a Constituição Federal de 1988 determinou fosse criada para regulamentar determinada matéria denomina-se "complementar". mas o STJ acha que existe justamente por causa da diferença entre os quóruns. A lei ordinária exige apenas maioria simples de votos para ser aceita. podendo ser revogada por lei ordinária posterior. o que há são campos de atuação diversos. originário ou reformador. que de tal prescinde. para cuja disciplina seja desejável e recomendável a obtenção de um maior consenso entre os parlamentares. se versar sobre matéria não reservada constitucionalmente à lei complementar. – Lei votada com o procedimento de Lei Complementar e denominada como tal. em oposição à lei ordinária. o seu campo material é alcançado por exclusão.É uma lei que tem como propósito complementar. explicar. se a constituição não exige a elaboração de lei complementar então a lei competente para tratar daquela matéria é a lei ordinária. destinamse a complementar diretamente o texto constitucional. e exige quórum qualificado. A lei complementar diferencia-se da lei ordinária desde o quorum para sua formação. reserva à lei complementar matérias de especial importância ou matérias polêmicas. já a lei complementar exige maioria absoluta. já no que se refere a lei ordinária. pois seus campos de abrangência são diversos. adicionar algo à constituição. e tem seu âmbito material predeterminado pelo constituinte. Segundo jurisprudência STF não existe tal hierarquia. pois o constituinte. A lei complementar como o próprio nome diz tem o propósito de complementar. explicar ou adicionar algo à constituição. sendo a lei complementar hierarquicamente superior a lei ordinária (baseia-se na regra da pirâmide de Kelsen. como se pensa erroneamente. ainda assim.

não raramente. Leis Delegadas As leis delegadas são elaboradas pelo Presidente da República. Será flagrantemente inconstitucional um ato de delegação genérico.: expor sobre seqüestro de vedações que somente foram impostas à lei delegada direitos individuais). impreciso. Na forma leiga.Leis Ordinárias São as leis típicas. Essa coincidência não é absoluta. Porém não podecuidar de qualquer matéria. em tema de delegação legislativa. que solicitará a competente delegação ao Congresso Nacional. Essa delegação deverá ser limitada. No direito. . 68 da CF. normas singulares ("lei formal" ou "ato normativo de efeitos É o ato normativo primário. bem assim (ex. vago. sendo aprovado mediante a votação de maioria simples (50% + 1 dos presentes). dizemos que é ato normativo primário. por lei comum. especificando a resolução o conteúdo e os termos para o seu exercício. pois há aplicam somente à MP (ex. pois reside na mesma escala hierárquica que as outras leis comuns. que passe ao Presidente da República um verdadeiro “cheque em branco” em termos de competência legislativa. aprovadas pela maioria dos parlamentares da Câmara dos Deputados e do Senado Federal presentes durante a votação. em regra. A matéria vedada à medida provisória coincide com lei delegada.pois o processo legislativo de formação desta não se ajusta à disciplina ritual fixada pelo art. infra-constitucional. A resolução não pode ser validamente substituída. pela generalidade e abstração ("lei material"). a lei ordinária é um ato normativo primário e contém. estas contêm.: dispor sobre A delegação legislativa opera-se por meio de resolução do Congresso Nacional. a que é proibida à proibições que se bens). normas gerais e abstratas. normalmente. fazendo-se necessária a inclusão do adjetivo ordinária para diferenciá-la de lei complementar e de lei delegada. ou as mais comuns. denomina-se apenas lei. Embora as leis sejam definidas. Como tiram sua validade da Constituição.

ocorre o inverso: O Presidente da República. promulgue e publique a lei delegada. Quando acontece a delegação atípica.O processo de elaboração de lei delegada é desencadeado por meio da solicitação de autorização do Presidente da República ao Congresso Nacional para a edição de lei sobre determinada matéria. princípio da irrepetibilidade. em votação única. para que a promulgue e publique. o Congresso Nacional estabelece as regras e o Presidente da República as sanciona. No processo de elaboração das leis ordinárias. Efetivada a solicitação pelo Chefe do Executivo. que especificará o conteúdo e os termos para o exercício da delegação concedida. a lei delegada será encaminhada ao Presidente da República. sem participação ulterior do Legislativo. o Congresso Nacional a examinará e. por solicitação da maioria absoluta dos membros de uma das Casas do Congresso Nacional. que sobre ele deliberará. caso em que teremos a denominada delegação atípica. presumível nesse tipo de ato). Caso seja aprovado. vedada qualquer emenda. este será arquivado. A delegação típica (que é a regra. vedada qualquer emenda. o Presidente da Republica elaborará o projeto de lei delegada e o submeterá à apreciação do Congresso Nacional. Nesse caso. o Congresso Nacional concede os plenos poderes para que o Presidente da República elabore. mas não emendar. ocorre a inversão do processo legislativo de elaboração das leis. a resolução poderá determinar a apreciação do projeto pelo Congresso Nacional. elabora as regras (projeto de lei delegada) e as submete ao Congresso Nacional. ou seja. somente podendo serre apresentado. para apreciação em votação única. . na mesma sessão legislativa. o Congresso só poderá aprovar ou rejeitar. A delegação poderá ser típica e atípica. Pois o Presidente da República elaborará. Nesta hipótese de lei delegada. sendo aprovada. Se ocorrer rejeição integral do projeto de lei delegada. por delegação. terá a forma de resolução. promulgará publicará a lei delegada. Entretanto. Assim sendo.

Entre as funções do decreto legislativo. devendo submetê-las de imediato ao Congresso Nacional. a espécie cabível é a resolução. A MP consubstancia um ato normativo primário geral. destacam-se a aprovação definitiva dos tratados.Medidas Provisórias A vigente constituição aboliu a espécie normativa decreto-lei do processo legislativo. e ressalvado o campo específico da lei. 62 diz que em caso de relevância e urgência. com força de lei. editado pelo Presidente da República e situa-se ao lado da lei. 59 da Carta Política e disciplinada no art. Decretos Legislativos Os decretos legislativos são atos do Congresso Nacional para o tratamento de matérias de sua competência exclusiva. As Mps têm eficácia pelo prazo de 60 dias a partir de sua publicação. prorrogável uma única vez por igual período. e a regulação dos efeitos de MP não-convertida em lei pelo Congresso Nacional. substituindo-a pela medida provisória. acordos eatos internacionais celebrados pela República Federativa do Brasil. instituída no art. 49. se o prazo inicial não for suficiente para a conclusão do processo legislativo nas duas Casas do Congresso Nacional. O decreto legislativo não deve ser confundido administrativo que é de competência do Chefe do Executivo. O campo de atuação do decreto legislativo é o das matérias mencionadas no art. Os prazos não correm durante os períodos de recesso do Congresso Nacional que vai de 18/07 a 31/07. 51 e 52 da CF. com decreto . O art. A prorrogação dá-se de forma automática. pois tem a mesma hierarquia. 62 do mesmo texto constitucional. especialmente nos casos específicos nos art. sem precisar de ato do Chefe do Executivo. para as quais a CF dispensa a sanção presidencial. Fora esse artigo. o Presidente da República poderá adotar medidas provisórias.

Resoluções As resoluções são utilizadas pelas Casas do Congresso Nacional. em outros dispositivos constitucionais. a saber: a) a delegação legislativa para a edição de lei delegada será efetivada por meio de resolução do Congresso Nacional.respectivamente. são. não integra o processo legislativo.aquelas constantes dos arts. então os regimentos internos das Casas do Congresso Nacional estabeleceram o processo de formação esta espécie normativas. de hierarquia infra-legal. basicamente. c) a fixação das alíquotas do ICMS – imposto sobre circulação de mercadorias e serviços. Mesmo na hipótese de decreto autônomo. b) as alíquotas máximas do imposto da competência dos Estados e do DF. sobre transmissão causa mortis e doações. para o trato de matérias de sua competência exclusiva. que apontam as competências da Câmara e do Senado. aplicáveis às operações e prestações interestaduais e de exportação será por meio de resoluções do Senado. não integrante do processo legislativo. separadamente ou pelo Congresso Nacional para dispor sobre assuntos políticos e administrativos de sua competência. de iniciativa do . 51 e 52 da CF. As matérias constitucionais que recebem o tratamento por meio de resoluções. de competência do Chefe do Executivo para regulamentar a aplicação das leis. de hierarquia legal. que nãoestejam sujeitos à reserva de lei. O decreto do Executivo é ato administrativo secundário. de quaisquer bens ou direitos serão fixados por resoluções do Senado. integrante do processo legislativo.O decreto legislativo é espécie normativa primária. Como na CF não há regramento que versa sobre o processo de formação do decreto legislativo. privativa do Congresso Nacional. A CF requer a edição de resoluções também.

§2º. A promulgação da resolução será efetivada pelo Presidente da respectiva casa. d) é facultado ao Senado fixar as alíquotas mínimas e máximas do ICMS. 155. os decretos legislativos são atos privativos do Congresso Nacional. nas condições estabelecidas no art. matéria a matéria e quando é o caso de uma ou de outra. V. e) a suspensão de execução de lei declarada inconstitucional pelo STF é efetivada por meio de resoluções do Senado. A real distinção entre o emprego de resoluções ou decretos legislativos tem sido fixado pelos regimentos das Casas do Legislativo e do próprio Congresso Nacional que apontam. pelo Senado ou pelo Congresso. Vale lembrar que enquanto as resoluções podem ser expedidas pela Câmara dos Deputados. aprovada pela maioria absoluta de seus membros. .Presidente da República ou de um terço dos senadores.

-47./00./0 .-897././..6:0..4 /089./. 7084:4 4 .  20//.  88.8 $4./00.20390 8:-899:J/./48 5. 80 547 204 /0 7084:4 /4 4370884 .47.9.850.82.5./H3.5.49.9.4  4/7094 .-897...2.2.94/0/00.53./:.J.4/0010948A4. 803/4.79 /.08. 3472. 80.94 3472.1.2 8420390  ! 0  0547 84-70 806Q08974 /0 -038  -02 .43899:./09../4805:9./.708/.08.42:38 . #05-.8O7..80880./.43.1.4 2570.8 4:.. 4 80: 007.20390 50.9..84 6:05.425090390 /00.07E 807 29.42:2 548 4 574.47.80 1.   7084:4 34 54/0 807 ./.7.4 08.883:.49./420/.:84/4.6:072.8.9./.80.  424 97. 0  /8547 84-70 /709483/.8  0 /00.42502039./.4572E74 317.43899:.2/013/.E .43.:89.4390/4 0 48 907248 5.880.  88.9.7.4 .088E7.. :2 .43.  548 E 574-08 6:0 80 .8089J5.F:2.4:.807.4/0 2.403F7.. .7E .447/3E7.  02 902. /0 /00. #05-.2 25489.84:97.0307..574.9./074 .  0850.4 !708/0390 /.. 089..4 572E74  !47F2 34 54/0.3.0/./.8 2-47. .20390 3472.. 3.0.907.7.4 /0 1472.  0 /00.:2.43.4 /0. 6:0 F 574-/..06:0 02 -7.7. /00.43.8.9./8. .390.  .42509H3.70/00 /00./../480/4$03.439H2 34 7.  6:0 84.07E76:.2039..7.3480.503.8 504 !708/0390 /.9.-84:9.43. /03423. .4 4370884 .574.4  02 907248 /0 .047/3E7.4  $07E 1./.4 08.. 548708/03./40/07. .8 8 08 /00. 34 F .439F2 02 707./10703.0/.2 8:.943472.943472.808.42 .390.9.   2..7/06:.08 6:0 8420390 147.9.8 84 0../.4 . 43899:4  /0248 6:0 F .2082.03/4 8030.1472.8   /00.3/4 ..79:.882 .82508   /48570803908  .42:38  0800.8  3472. 574./0 /.4572E740.08 7/3E7.7.39020390 3.9F7.:/.570803908 /:7.0884 08.  547 0 .94 3472.4 02.9F7. .708 01472.07/.. 4507.504../..

54784.0/0 48 50348 54/0708 5.8340203/...4 44370884.  089..7.43.8 0 4 !708/0390 /.9...43.  547 /00.807E03.0 30880 954 /0 .74:7009. .8 08  4 574.4 /0 0..394 .402 .3/4 . . 3.9J5.4  0./.4/..0784  !708/0390 /./.4504010/40.84.8 707. 6:0 F ./.  5708:2J. #05-././../. #05-.2082.  5././4547204/./.47707 7004 3907.7  . /48202-748/0:2.574.79.49.0884 /0 0.9.0/00.4 3.7E4574094/00/00..76:.4  !48 4 !708/0390 /..2.43.7.5708039.:9.-470  5742::0 0 5:-6:0 . 882803/4 443708848O54/07E ..9.7084:454/07E/090723./4 .4770 4 3.570. .4 .  907E .7E 5:-.4/44370884.4 :90747 /4 08.9.7E 02 ..7E... 0..2.  4.   ./.8  4 4370884 ..0.84 4!708/0390/.#05:-./.574.43. 573.9J5.574. 5O9080 /0 0 /00. 0 /00.0884/00.0884 08.6:070203/.J54/./4  8420390 54/03/4 80770 .04 8:-20907E./4 3.94  4 4370884 .44370884 .. 6:084-7000/0-07..4 9J5.. 0. .-47./0.   /00... 5.-00..43.570.9.7./. #05-.-47.8088408.454/07E8079J5..6:070203/.-84:9.8 8. .  39709.#05-.  /00./..4/4!708/0390/./.4/0.  802 5.7E  5742:. 84.7..43.  0880.43.43. 089.0 .7 2.570.4390/40489072485.. 0.4/4574094504 4370884 .0/00.84 02 6:0 9070248 ../0  ":.7.8 574094 /0 0 /00./. 6:0 4 !708/0390 /. 707. 5.4 .0/..47.0/.8 707.  4.4!708/0390/.. 1472.8480. 6:0 .5.-47..0.4 /.0//..44370884 .23.9J5..-47.4/00/00.4. /4 574094 /0 0 /00.4390..-47./. 4:80. . 5742::0 0 5:-6:0  $0 4. /00.7E 4 . 0.. #05-..4/. #05-.  0890 807E ..4770 .8.43..1.43..4007.9./00..49. /03423.0 .574..3. 770509-/.  109. /0 7084:4  6:0 0850..J.7...7E 0  803/4 .23.F/0803.43.6:..-47.6:./.:947.  .88:-2090.43.0/4/0084-70/090723..9F7.4 /.8 08 47/3E7. /00..8/44370884.8.0784 /4 574.

574. #05-. .4 572E74 07.79 /4208249094..47702 /:7.8 .42 147.8/020/...53.7. 085F. 07.0390 .7/0..8O7.0 :2.43.94 3472.43. 504 57. :2 .9. 80 .84 /0 700..6:0.:9..8 ./4 /.43.390 48 507J4/48 /0 70./0.797 /0 8:.0 547 :...48 34 .4 8:-899:3/4 . /0./.  574774..4/E 80/01472. 5:-.43899:4 . .9.7 20//.03/4 8:-209H .4 3.34.  4 !708/0390 /. 3. 54/07E . 3899:J/. 34 147 8:1.4 . .   ! .!4J9.E.8 /:.. 2082.20//.0884 /4 4370884.34. 0 :7H3.94.43899:...  0/9.7094 0 /4 574. #05-.76:.8.   ..50. 507J4/4  80 4 57.0 3472.438:-89.79.4  8 57. 0 89:.8O7.8!74.3.8  .4 /0   /..43.4  574774E.-4: ./4 504 !708/0390 /.0//. 0  548 902 . /0 0  /0. 802570.:84 /4 574.4 3.43.... 5.79   / 6:0 02 .9.0884 08.  8 58 9H2 01.94/4010 /4 0.:942E9./49.0/8.8  .8 574.0390 5..8.9.8O7..79  /.44370884.8 /4 4370884.088408.3.

..

254 /0 . 02 0 5044370884./44.9.43.8.#05-.43..7094 08..48 8 /0.9..J1./4850.8 2.8 6:..4  /089.4 /4 /0...0F.0880..46:0F/0.4/.8. 0/07.70948 08.00-7.7084:4 0850.94839073.42509H3.7094 08./...48 84 .8 ...079/.574.9.085F.43.  /85038./4010/40.  5..9.4  .   /0.7./23897. 0 .79  47. 0..948 /4 4370884 .2 80 .   .7094 . /4 7.8  0 . 5.0 807 ./48 .4 /0139. 70:. 4 97.J1..42509H3.47/480.8 203.43.9.43.  3970 .4 F 4 /..7094808..../4897..:8.834.0 .9:.9..7094 08. .4 34 /0.20390348 .9F7..   0. .345708/03.-J.42 /0..4 /48 010948 /0 ! 34 .48348 .2540850. .7.8480850.79 0/.9F7.9.794 07088.9.8 1:308 /4 /0.20394 /0 2.:9.8 /0 8:.431:3//4 .9.

..9.86:07-0384:/70948 80741./47.390 /4 574.76:.:9.8/.4 80. 5O9080 /0 /0.4 F 085F.42509H3.4 /.7..9.3908/48./4 . .7. 6:0 . 089.8 .9.2039.9.5439.43.2-F2  02 4:9748 /85489.7094 08. .80807..48 .0 3472. 0/4 /0 0 /00.20394 547 204 /0 7084:08 84 -.7094 08.:8. 6:0340890.4389. 70:. 0.382884.0884 /0 1472.42509H3.5./. . /8547 84-70 .4 089.4 08.8 ./23897.48 .2 4 574..0884507.8 ./.8.8 2E2.8 ./4010/4 0..6:0.94 .07.:9.0 3472.4 807E 547 204 /0 7084:08 /4 $03.-00.203904:5044370884 .:93424 343907.42509H3.:3/E74  /0 07.0884 08.  3907.43899:.4  57.7.088408./00  8 2.2.8  #084:08 8 7084:08 84 :9.E.4574.8/08:.9.9F7.0-02 4 97. . 5. 5.J6:49. 1.4 /.94/02./.  34 E 707. /4 .078. /0.08057089.4  0394 48 70203948 3907348 /.8 /4 4370884 .20390 .390/4574.43. 572E7.4  424 3.9..4 /0.7094.43.43.80 /0 05479.7 .0884 /0 1472. 085F.. .:..8 /4 $  254894 84-70 .20394 6:0 . /4 4370884 .0.76:.8.9.4 5. 4 97.9.9.9.8/4 254894 /.J6:49.. 343907..9.  5.7....7.43./4 70850.8. 0.48 0 ./23897./4  /0 3.083907089.42509H3. /00.28:094870807.7... .42509H3.2. /48 89..7094 /4 0.8.  .  /0 07.5. 0/4 /0 7084:08 9..798 0/.8.-07 .:8.20390    706:07 ./.  805.48 /0 8:.8 /4 4370884 ..088408. 317..4 /4 /0..9.8.08 /06:..7.9.  .0/4$03.88:3948 54J9..4 F .43.8 6:0 70. 247980/4./:.   /0. 807E 0109./48 0/4  84-7097. 84-70 4 574.4 /0 207.8 .9F7.9.8 .8 08  0824 3../485477084:08/4$03...43899:.43.8 50. 547204/07084:4/4 4370884.

  .3/4 F 4 .9..43/08089../4 5048 70203948 /.7 6:0 036:.:9./.0 02-7.2.48/44370884.8 .2  2. 0 6:. .4:/0:29074/48803.394 ./4708 .7.8 /4 08.504$%F 0109.574.9.8 0 2E2. . 6:0 .9././080:8202-748 /  F 1.8 7084:08 54/02 807 050//.70948 08.8 /4 $ 3./.J6:49. 2.48 902 8/4 1..:4/00/0.43...547204/07084:08/4$03.94857.47./48  504 $03.-00.7 . 7084:4 807E 0109.43..4884. 4: /0 4:97./4 1.4 $03./8934039704025704/07084:084:/0.4 /.43. 504 !708/0390 /./4 ./4  70...5439.79  V ' 0 .9.8.3.8.50. 2.4 0 /4 57O574 4370884 .84 /0 :2.8.   5742:.43899:..9F7.9F7.8 .8 50...834.!708/0390/.7./.  './4 4: 504 4370884  48 /0.8 2J32. 70850..#05-.9..8:850384/000.7094808.-84:9./. /48 05:9.