Você está na página 1de 1

Contribuir para a manuteno da diversidade biolgica e dos recursos genticos no territrio nacional e nas guas jurisdicionais; Proteger as espcies

s ameaadas de extino no mbito regional e nacional; Contribuir para a preservao e a restaurao da diversidade de ecossistemas naturais; Promover o desenvolvimento sustentvel a partir dos recursos naturais; Promover a utilizao dos princpios e prticas de conservao da natureza no processo de desenvolvimento; Proteger paisagens naturais e pouco alteradas de notvel beleza cnica; Proteger as caractersticas de natureza geolgica, geomorfolgica, espeleolgica, paleontolgica e cultural; Proteger e recuperar recursos hdricos e edficos; Recuperar ou restaurar ecossistemas degradados; Proporcionar meios e incentivos para atividades de pesquisa cientfica, estudos e monitoramento ambiental; Valorizar econmica e socialmente a diversidade biolgica; Favorecer condies e promover a educao e interpretao ambiental, a recreao em contato com a natureza e o turismo ecolgico; Proteger os recursos naturais necessrios subsistncia de populaes tradicionais, respeitando e valorizando seu conhecimento e sua cultura e promovendo-as social e economicamente. Um dos principais objetivos da criao de reas naturais protegidas a preservao da biodiversidade, mas para isso essencial o comprometimento de seus gestores com esse princpio. Alm disso, necessrio intensificar as pesquisas direcionadas proteo e ao conhecimento da fauna dessas reas. Conduzida com dificuldade por poucos, a conservao poderia envolver muitos outros colaboradores, se todos conhecessem o que queremos preservar. A importncia de nossa biodiversidade pouco conhecida. Talvez por esse motivo se assista passivamente ameaa de extino de espcies da fauna silvestre decorrente da destruio de seus hbitats. A extino de uma espcie em uma regio altera as relaes entre as espcies sobreviventes, gerando desequilbrios ecolgicos que afetam a qualidade ambiental e muitas vezes tm conseqncias indesejveis tambm para as populaes humanas, dificultando ou inviabilizando, por exemplo, o controle de pragas ou reduzindo a produtividade agrcola. Uma das formas mais reconhecidas e utilizadas para garantir a proteo dessas espcies e de ecossistemas so as chamadas unidades de conservao parques nacionais, reservas biolgicas e extrativistas, entre outras. Trata-se de espaos territoriais com caractersticas naturais relevantes, legalmente institudos pelo poder pblico, com objetivo de conservar a biodiversidade e outros atributos naturais neles contidos, com o mnimo de impacto humano.

Você também pode gostar