Você está na página 1de 14

ESCOLA BÁSICA INTEGRADA DE ANGRA DO HEROÍSMO

DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 1º período total de aulas: 37


UNIDADE DIDÁCTICA: APRESENTAÇÃO E INTEGRAÇÃO DOS ALUNOS

AVALIAÇÃO/
CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES RECURSOS
CONCEITOS INSTRUMENTOS
COMPETÊNCIAS/OBJECTIVOS PROGRAMÁTICOS DE APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS
Pretende-se que os alunos: 1.1 Apresentação - Regras Apresentação Ficha biográfica ƒ Participação e
Sejam integrados na turma dos alunos e da - História e Diálogo vertical e horizontal Manual, atitudes (grelha de
professora; Geografia (impressões sobre a escola, Caderno de actividades, observação)
Percebam a importância de haver normas e regras de Dossiêr
regras;
1.2 Regras da sala comportamento e de convívio...) Fichas de trabalho
Reconheçam as principais regras
da sala de aula; de aula; Apresentação (PowerPoint) sobre (avaliação diagnóstica)
Identifiquem o objecto de estudo a nova disciplina (em alternativa, ƒ Diagnóstica (ficha
da nova disciplina (História e 1.3 Importância da visionamento de transparências); de trabalho)
Geografia de Portugal); disciplina; Manuseamento do novo manual
Conheçam a estrutura do novo e caderno de actividades e
Manual e Caderno de Actividades; 1.4 Apresentação identificação da sua estrutura;
Organizem o caderno diário com do manual; Orientações sobre a organização
base nas indicações da professora; do caderno diário e sobre o
Registem o material necessário e 1.5 Organização da material necessário;
indispensável à disciplina;
disciplina e material Noção de registos e sumário;
Percebam os tipos de avaliação
existentes; necessário; Referência à avaliação na
Saibam de que forma vai ser feita a disciplina;
avaliação na disciplina; 1.6 Avaliação na Preenchimento das fichas
Registem as tarefas mensais e disciplina; biográficas;
formar grupos de trabalho; Resolução de fichas de trabalho.
Avaliem os conhecimentos que têm 1.7 Ponto da
relativamente à disciplina situação.
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 1º período total de aulas: 37

UNIDADE DIDÁCTICA: TEMA A: PENÍNSULA IBÉRICA: LUGAR DE PASSAGEM E FIXAÇÃO


SUBTEMA 1: AMBIENTE NATURAL E PRIMEIROS POVOS
CONTEÚDOS
COMPETÊNCIAS/OBJECTIVOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES DE RECURSOS AVALIAÇÃO/
PROGRAMÁTIC CONCEITOS
APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS INSTRUMENTOS
OS
Pretende-se que os alunos: 1.1 A Península - Observação e manuseamento de ƒ Manual, Participação e
Manifestem curiosidade pelo Tema Ibérica na Europa e Globo globo, mapas, planisfério; atitudes
Identifiquem as formas de representar a no Mundo Mapa - Observação dos elementos ƒ Caderno de (grelha de
Terra; Planisfério fundamentais de um mapa; actividades, observação)
Localizem a P. Ibérica no Mundo; 1.2 Características Atlas - Análise de gráficos com a dimensão
Reconheçam a importância da posição da naturais da Continente relativa dos continentes; ƒ Dossiê Exercícios (do
P. Ibérica; Península Ibérica Oceanos - Início do “atlas da aula”; manual ou outros)
Desenvolvam técnicas de elaboração de Equador - Início do “glossário”, com os conceitos ƒ Fichas de
mapas; 1.3 Recursos Rosa-dos- específicos deste conteúdo; trabalho Atlas (exercícios do
Identifiquem as principais formas de naturais e fixação ventos - Observação e exploração de mapas da caderno de
relevo, rios, clima da P. I. e de Portugal; humana Hemisfério Europa; ƒ Filmes de actividades e outros)
Identifiquem o modo de vida das - Comunidades Escala - Localização da P. Ibérica; registo dos vídeo
comunidades recolectoras; recolectoras Legenda limites da mesma; Formativa
Reconheçam que o modo de vida das - Comunidades Península - Análise de documentos, relativamente ƒ Mapas (exercícios do
comunidades recolectoras dependia dos agro-pastoris Planalto às características naturais da P. Ibérica; manual, caderno de
recursos naturais e da entreajuda no grupo; - Iberos e Celtas Planície - Observação de imagens com as ƒ Globo actividades e outros)
Localizem e identifiquem os principais - Contacto com Montanha principais formas de relevo;
povos agro-pastoris na Península Ibérica; povos do Nómada - Preenchimento de quadros ƒ Transparências Teste de avaliação
Distingam aspectos inovadores na vida Mediterrâneo Recolector comparativos sobre as características das e retroprojector
quotidiana destes povos; Sedentário três zonas da P. Ibérica e de Portugal;
Enumerem características de uma Agro-pastoris - Exploração das imagens do manual; ƒ Smartboard
povoação castreja; Pastorícia - Visionamento de filmes da série “Era
Identifiquem os povos do Mediterrâneo Itinerário uma vez o Homem”;
que contactaram com a P.I.; - Preenchimento de quadros
Identifiquem tipos de fontes históricas; comparativos;
doc. escritos / doc. não escritos; - Análise de documentos;
Sensibilização para os conceitos de - Exercícios de aplicação/consolidação.
mudança e de evolução;
Interpretem e seleccionem informação.
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 1º período total de aulas: 37

UNIDADE DIDÁCTICA: TEMA A: PENÍNSULA IBÉRICA: LUGAR DE PASSAGEM E FIXAÇÃO


SUBTEMA 1: AMBIENTE NATURAL E PRIMEIROS POVOS
COMPETÊNCIAS/OBJECTIVOS CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES DE RECURSOS AVALIAÇÃO/
CONCEITOS
PROGRAMÁTICOS APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS INSTRUMENTOS
Pretende-se que os alunos: 1.1 A Península -Observação e manuseamento de ƒ Manual, Participação e
Manifestem curiosidade pelo Tema; Ibérica na Europa e Globo globo, mapas, planisfério; atitudes
Identifiquem as formas de representar a no Mundo; Mapa -Observação dos elementos ƒ Caderno de (grelha de
Terra; Planisfério fundamentais de um mapa; actividades, observação)
Localizem a P- Ibérica no Mundo; 1.2 Características Atlas -Análise de gráficos com a dimensão
Reconheçam a importância da posição da naturais da Península Continente relativa dos continentes; ƒ Dossiê Exercícios (do
P. Ibérica; Ibérica; Oceanos -Início do “atlas da aula”; manual ou outros)
Desenvolvam técnicas de elaboração de Equador -Início do “glossário”, com os conceitos ƒ Fichas de
mapas; 1.3 Recursos naturais Rosa-dos- específicos deste conteúdo trabalho Atlas (exercícios do
Identifiquem as principais formas de e fixação humana ventos -Observação e exploração de mapas da caderno de
relevo, rios, clima da PI e de Portugal; - Comunidades Hemisfério Europa; ƒ Filmes de actividades e outros)
Identifiquem o modo de vida das recolectoras; Escala -Localização da PI; registo dos limites vídeo
comunidades recolectoras; - Comunidades Legenda da mesma; Formativa
Reconheçam que o modo de vida das agro-pastoris; Península -Análise de documentos, relativamente ƒ Mapas, (exercícios do
comunidades recolectoras dependia dos - Iberos e Celtas; Planalto às características naturais da PI; manual, caderno de
recursos naturais e da entreajuda no - Contacto com Planície -Observação de imagens com as ƒ Globo actividades e outros)
grupo; povos do Montanha principais formas de relevo;
Localizem e identifiquem os principais Mediterrâneo. Nómada -Preenchimento de quadros ƒ Transparências Teste de avaliação
povos agro-pastoris na Península Ibérica; Recolector comparativos sobre as características e retroprojector
Distingam aspectos inovadores na vida Sedentário das três zonas da PI e de Portugal;
quotidiana destes povos. Agro-pastoris -Exploração das imagens do manual ƒ Smartboard
Enumerem características de uma Pastorícia -Visionamento de filmes da série “Era
povoação castreja; Itinerário uma vez o Homem”
Identifiquem os povos do Mediterrâneo -Preenchimento de quadros -
que contactaram com a P. Ibérica; comparativos
Identifiquem tipos de fontes históricas; Análise de documentos
doc ecritos / doc. não escritos; -Exercícios de aplicação/consolidação
Sensibilização para os conceitos de
mudança e de evolução;
Interpretem e seleccionem informação;
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 1º período total de aulas: 37


UNIDADE DIDÁCTICA: TEMA A: PENÍNSULA IBÉRICA: LUGAR DE PASSAGEM E FIXAÇÃO
SUBTEMA 2: OS ROMANOS NA PENÍNSULA IBÉRICA
COMPETÊNCIAS /OBJECTIVOS CONTEÚDOS CONCEITOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES DE RECURSOS AVALIAÇÃO/
PROGRAMÁTICOS APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS INSTRUMENTOS
Pretende-se que os alunos. 2.1. Os Romanos e o Manual, Participação e
Identifiquem dos limites do Império seu Império Romanização atitudes
Observação e exploração de mapas, caderno de
Romano no século I a.C.; . império (grelha de
Aprendam a situar os acontecimentos no Império imagens e textos; actividades, dossiê observação)
Friso Cronológico 2.2. A resistência dos
Leitura e análise de documentos; Fichas de trabalho
Reconheçam os povos peninsulares que povos ibéricos Cristianismo Exercícios (do
ofereceram maior resistência aos . emboscada Mapas manual ou outros)
Utilização de unidades de referência
Romanos; Século
temporal, com ênfase para o milénio, Transparências e
Identifiquem os vestígios deixados pelos 2.3. A romanização Atlas (exercícios do
século, quarto de século e década, na
Romanos na língua, nas construções, na . romanização Bárbaros retroprojector caderno de
ordenação de situações históricas
religião... actividades e outros)
concretas.
Reconheçam mudanças operadas na P. 2.4. O Cristianismo. A
Ibérica com a romanização era cristã. Formativa
Reconheçam o nascimento de Cristo . cristianismo Leitura e/ou elaboração de pequenas (exercícios do
como o marco para a contagem do tempo, . século manual, caderno de
biografias (Viriato);
na era cristã; actividades e outros)
Façam a correspondência entre séculos e 2.5. O fim do império. Exercícios de aplicação;
anos; As invasões
Continuação do “atlas da aula”;
Localizalizem no tempo, o período de bárbaras.
permanência dos Romanos na Península . bárbaros Continuação do “glossário”, com os
Identifiquem os povos que venceram os
conceitos específicos deste conteúdo
Romanos e assimilaram parte da sua
cultura; Início do “Friso cronológico”;
Interpretem e seleccionem informação;
Interpretem, descrevam e completem
mapas;
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 1º período total de aulas: 37

UNIDADE DIDÁCTICA: TEMA A: PENÍNSULA IBÉRICA: LUGAR DE PASSAGEM E FIXAÇÃO


SUBTEMA 3: OS MUÇULMANOS NA PENÍNSULA IBÉRICA
CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES DE RECURSOS AVALIAÇÃO/
COMPETÊNCIAS /OBJECTIVOS CONCEITOS
PROGRAMÁTICOS APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS INSTRUMENTOS
3.1. A ocupação - Observação e exploração de mapas, - manual e caderno ƒ Participação e
Pretende-se que os alunos. muçulmana Árabe textos e imagens; de actividades; atitudes (grelha de
Localizem a Arábia. observação)
Conheçam algumas características da Islamismo - Leitura e análise de documentos; - mapas
religião islâmica. 3.2. A resistência e a Exercícios de
Reconheçam os Muçulmanos como reconquista cristã Alcorão - Exercícios de aplicação; - caderno diário aplicação (fichas de
crentes de uma nova religião; trabalho)
Identifiquem as razões para a expansão Mesquitas - Continuação do “atlas da aula”; - imagens e
árabe; 3.3. A herança documentos Atlas (fichas de
Identifiquem dos limites e da extensão do muçulmana Reconquista - Continuação do “glossário”, com os trabalho e exercícios
domínio muçulmano no século XVIII; conceitos específicos deste conteúdo; - fichas de trabalho do caderno de
Reconheçam a progressão da actividades)
reconquista cristã nos séculos XI a XIII, a - Continuação do “friso cronológico”
partir do Norte da Península Ibérica; Friso (fichas de
Compreendam a possibilidade de - Recolha de lendas, imagens e trabalho e exercícios
coexistência histórias sobre vestígios muçulmanos do caderno de
pacífica, no mesmo espaço, de povos com na região actividades)
costumes e religiões diferentes;
Localizem, no tempo, o período de Formativa (ficha se
permanência dos Muçulmanos na trabalho)
Península Ibérica;
Identifiquem os vestígios deixados pelos Ficha de avaliação
Muçulmanos na língua, nas construções,
na religião...
Interpretem e seleccionem informação;
Desenvolvam a capacidade de auto-
avaliação
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 2º período total de aulas: 29

UNIDADE DIDÁCTICA: TEMA B: PORTUGAL NO PASSADO


SUBTEMA 1: UM NOVO REINO CHAMADO PORTUGAL
CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES DE RECURSOS AVALIAÇÃO/
COMPETÊNCIAS / OBJECTIVOS CONCEITOS
PROGRAMÁTICOS APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS INSTRUMENTOS
Pretende-se que os alunos: 1.1. O Condado Observação e manuseamento de globo, Manual, Participação e
Portucalense Condado mapas, planisfério; atitudes
Reconheçam a diferença entre condado e caderno de (grelha de
reino; 1.2. O Reino de Fronteira Observação dos elementos actividades, observação)
Identifiquem a dupla acção de D. Afonso Portugal fundamentais de um mapa;
Henriques na luta pela independência e Independência dossiê Exercícios (do
no alargamento do território; 1.3. O reino de Observação e exploração de manual ou outros)
Reconheçam a relação entre o Tratado Portugal e dos Reino mapas, textos e imagens; Fichas de trabalho
de Zamora e a obtenção da Algarves Atlas (exercícios do
independência de Portugal; Monarquia Leitura e análise de documentos; Mapas caderno de
Reconheçam a importância da actividades e outros)
Igreja/Papa nesta época Bula Exercícios de aplicação; Transparências e
Interiorizem o conceito de monarquia retroprojector Formativa
hereditária Tratado Continuação do “atlas da aula”; (exercícios do
Sensibilizem-se para o valor simbólico da smartboard manual, caderno de
1ª bandeira portuguesa Cruzado Continuação do “glossário”, com os actividades e outros)
Identifiquem as dificuldades no conceitos específicos deste conteúdo
alargamento do território para sul e,
particularmente, na conquista de Continuação do “friso cronológico” Ficha de avaliação
Lisboa;
Reconheçam a importância de acções Elaboração de pequenas biografias;
individuais e colectivas que possibilitaram
a independência de Portugal e o Leitura de lendas;
alargamento do território
Localizem no tempo os acontecimentos
relativos ao reinado de D. Afonso
Henriques;
Consolidem conhecimentos adquiridos
Desenvolvam o gosto pela investigação
Utilizem correctamente o vocabulário
específico
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 2º período total de aulas: 29

SUBTEMA 2: PORTUGAL NO SÉCULO XIII


CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ SITUAÇÕES DE RECURSOS AVALIAÇÃO/
COMPETÊNCIAS / OBJECTIVOS CONCEITOS
PROGRAMÁTICOS APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS INSTRUMENTOS
1.1 A acção dos - Observação e análise de imagens; Manual,
Pretende-se que os alunos: primeiros reis Território
- Leitura e análise de documentos; Participação e
Identifiquem as dimensão e fronteiras de Baldio atitudes
Portugal no século XIII; - Observação, análise e preenchimento caderno de (grelha de
das principais preocupações dos - defesa e Povoamento de quadros; actividades, observação)
primeiros reis portugueses; povoamento do
Compreendam os motivos que levavam o território Senhorios -Exercícios de consolidação;
rei a conceder terras e poderes à nobreza
e às ordens religiosas militares; Coutos - Continuação do “atlas da aula”;
Identifiquem as actividades que se - fixação das dossiê Exercícios (do
desenvolveram no século XIII, fronteiras. Honras - Continuação do “glossário”, com os manual ou outros)
relacionando-as com os recursos naturais conceitos específicos deste conteúdo
e com as profissões existentes; Reguengos
Reconheçam e caracterizem os grupos - Exercícios de aplicação;
sociais existentes na sociedade - actividades Mansos
portuguesa; económicas - Observação e análise de documentos
Interpretem e seleccionem informação; Reservas escritos e iconográficos, relacionados Atlas (exercícios do
Mobilizem saberes; com as características dos senhorios, Fichas de trabalho caderno de
Identifiquem os aspectos da vida Clero mosteiros e concelhos; actividades e outros)
quotidiana da Corte, no século XIII
Reconheçam a importância das 2.2. A organização Nobreza
principais medidas tomadas por D. Dinis; social
Identifiquem aspectos da vida quotidiana Burguesia - Preenchimento de quadros
da nobreza comparativos sobre os aspectos mais Mapas
Distingam das partes constituintes de um Povo característicos de cada grupo social;
senhorio;
Identifiquem aspectos da vida quotidiana Monarquia - Trabalho de pesquisa, em grupo, com
do povo. hereditária posterior apresentação à turma, sobre a
Reconheçam contrastes existentes entre vida quotidiana de cada grupo social; Formativa
a vida quotidiana da nobreza e do povo. 2.3 A vida quotidiana Saraus Transparências (exercícios do
Consolidem conhecimentos adquiridos. na corte - Elaboração de pequenas biografias (D. manual, caderno de
Exprimam ideias e conclusões simples. Saltibancos Dinis, por exemplo); actividades e outros)
Demonstrem hábitos de trabalho.
Descrevam o modo de organização Actividades Trabalho de grupo
espacial de um mosteiro. económicas (elaboração e
Identifiquem as diferentes tarefas Guiões para o apresentação)
executadas pelos monges; Afolhamento trabalho de grupo
Reconheçam a importância da actividade 2.4. A vida nas terras
religiosa e cultural do clero. senhoriais Feira
Desenvolvam técnicas de recolha de Computador,
informação. Almocreve Internet, CD-Rom
didácticos
Verifiquem a partir da leitura de um Comércio
documento, a relativa autonomia dos 2.5. A vida nos interno /
habitantes de um concelho. mosteiros externo
Identifiquem as regalias dos moradores
dos concelhos relativamente ao Importações /
restante povo; exportações
Distingam concelhos rurais e urbanos e 2.6. A vida nos
caracterização de ambos; concelhos Iluminuras Ficha de avaliação

Identifiquem as principais actividades Monges


dos moradores dos concelhos. copistas
Reconheçam que as feiras e mercados
animavam a vida dos concelhos. Mosteiros
Compreendam a importância do
comércio externo no desenvolvimento das Carta de foral
cidades do litoral.
Concelhos

Homens-bons
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 2º período total de aulas: 29

SUBTEMA 3: 1383/85: UM TEMPO DE REVOLUÇÃO


CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ AVALIAÇÃO/
RECURSOS
COMPETÊNCIAS / OBJECTIVOS PROGRAMÁTICO CONCEITOS SITUAÇÕES DE INSTRUMENTO
DIDÁCTICOS
S APRENDIZAGEM S
Pretende-se que os alunos: 3.1. A crise de Revolução Exploração de documentos - manual e caderno ƒ Participação e
Compreendam as implicações do acordo de paz com 1383/85 escritos e iconográficos; de actividades; atitudes (grelha
Castela e da sua relação com a crise de sucessão ao Grupos sociais de observação)
trono; 3.2. O problema da Observação e preenchimento - mapas
Localizem no tempo os acontecimentos deste período. sucessão Sucessão de mapas; Exercícios de
Enumerem as razões dos tempos difíceis vividos neste aplicação (fichas
tempo. 3.3. Os grupos em Crónicas Continuação do “glossário”, - caderno diário de trabalho)
Compreendam o problema da sucessão ao trono. confronto do “Atlas da aula” e do “Friso
Refiram à importância das crónicas de Fernão Lopes Cortes Cronológico”; - imagens e Atlas (fichas de
para o conhecimento dos acontecimentos da época; 3.4. A resistência à documentos trabalho e
Conheçam a posição tomada pelos diferentes grupos invasão castelhana Elaboração de pequenas exercícios do
sociais perante o problema da sucessão de D. . biografias; - fichas de trabalho caderno de
Fernando. actividades)
Valorizem o papel do povo na defesa da independência 3.5. A consolidação - transparências e
de Portugal. da independência retroprojector Friso (fichas de
Compreendam a razão do Mestre de Avis ter sido Exercícios de aplicação trabalho e
escolhido pelos burgueses e pelo povo para governar o exercícios do
país; caderno de
Identifiquem aas medidas tomadas pelo Mestre de Avis actividades)
para defesa do Reino
Reconheçam a importância das Cortes de Coimbra e Formativa (ficha
ao papel desempenhado pelo Doutor João das Regras de trabalho)
para a legitimação de um novo rei.
Reconheçam o carácter decisivo da batalha de Fcha de
Aljubarrota na resolução do conflito. avaliação
Compreendam a importância dos tratados na
resolução de conflitos.
Saibam ordenar cronologicamente os acontecimentos.
Interiorizem o conceito de revolução;
Interpretem e seleccionem de informação;
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 3º período total de aulas: 38

Subtema 4: Portugal nos séculos XV e XVI


CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ AVALIAÇÃO/
RECURSOS
COMPETÊNCIAS / OBJECTIVOS PROGRAMÁTICO CONCEITOS SITUAÇÕES DE INSTRUMENTO
S APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS
S
Pretende-se que os alunos: Observação e análise de
Constatem a visão incorrecta do Mundo no início do 4.1. De Portugal Expansão mapas; Manual, Participação e
século XV. às Ilhas atitudes
Reconheçam os principais motivos que levaram à Atlânticas e ao Bolinar Observação e análise de caderno de (grelha de
Expansão; imagens;
Cabo da Boa actividades, observação)
Identifiquem a conquista de Ceuta como início da
expansão Esperança Navegação
Leitura e análise de
Reconheçam a acção impulsionadora do Infante D. Astronómica dossiê Exercícios (do
documentos;
Henrique na organização das primeiras viagens de 4.2. A chegada à manual ou
descoberta; Índia e ao Brasil Navegação de Observação, análise e Fichas de outros)
Situem no tempo e no espaço as principais descobertas Cabotagem preenchimento de quadros; trabalho
durante a vida do infante D. Henrique Atlas (exercícios
Reconheçam a importância dos aperfeiçoamentos Arquipélago Exercícios de consolidação; Mapas do caderno de
técnicos e da ciência náutica no progresso da expansão actividades e
marítima. Rota Continuação do “atlas da Transparências outros)
Compreendam a importância da passagem do Cabo da aula”;
Boa Esperança. Vento
Compreendam o grande contributo das viagens Continuação do “glossário”, Smartboard Formativa
portuguesas para o conhecimento do Mundo. Corrente com os conceitos (exercícios do
Apliquem correctamente vocabulário específico. marítima específicos deste conteúdo; Filmes sobre o manual,
Manifestem curiosidade espírito crítico. tema caderno de
Emitam opiniões fundamentadas Meridiano Continuação do “friso actividades e
Compreendam a importância do Tratado de cronológico”; outros)
Tordesilhas Caravela
Reconheçam a importância das viagens de Vasco da Elaboração de pequenas Teste de
Gama e de Pedro Álvares Cabral. Nau biografias; avaliação
Situem no tempo e no espaço as descobertas da Índia
e do Brasil. Carta Náutica Exercícios de aplicação;
Utilizem correctamente o friso cronológico. Participação e
Desenvolvam técnicas de investigação. Astrolábio atitudes
Desenvolvam o gosto pela leitura.
Desenvolvam o espírito de cooperação.
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 3º período total de aulas: 38

Subtema 4: Portugal nos séculos XV e XVI


CONTEÚDOS METODOLOGIAS/ AVALIAÇÃO/
RECURSOS
COMPETÊNCIAS / OBJECTIVOS PROGRAMÁTICO CONCEITOS SITUAÇÕES DE INSTRUMENTO
S APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS
S
Pretende-se que os alunos: Colonização Observação e legendagem Manual, caderno Participação e
4.3. O Império de imagens; de actividades, atitudes
Reconheçam a extensão do Império Português Português no Capitães- Análise de mapas; dossiê (grelha de
em finais do século XVI. século XVI; donatários Leitura e análise de Fichas de observação)
Verifiquem a localização dos Arquipélagos da 4.4. A vida documentos; trabalho
Madeira e dos Açores, em relação à Europa, África urbana no Capitanias Elaboração do friso Mapas Exercícios (do
e América. século XVI – cronológico e do Atlas; Transparências e manual ou
Caracterizem as ilhas quanto ao relevo / clima; Lisboa Feitorias Elaboração de quadros- retroprojector outros)
Identifiquem o povoamento e aproveitamento Quinhentista. síntese;
económico dos arquipélagos. Monopólio Trabalho de pesquisa, Atlas (exercícios
Desenvolvam a capacidade de representação através de fichas de apoio; do caderno de
espacial. Vice-rei Trabalho de grupo. actividades e
Apliquem conhecimentos abordados. outros)
Registem as rotas em mapas e explicação das
mesmas; Formativa
Compreendam da importância dos produtos (exercícios do
trazidos de outras terras; manual,
Identifiquem e localizem os locais de comércio na caderno de
África e na Índia; actividades e
Compreendam a importância dos Vice-reis na outros)
índia e respectivas políticas para controlo do Participação e
comércio; atitudes
Refiram à importância comercial do porto de
Lisboa; Ficha de
Comparem Lisboa antes e depois da empresa avaliação
dos Descobrimentos;
Relacionem as principais criações culturais e
artísticas do séc. XVI em Portugal com a
Expansão.
DISCIPLINA: História e Geografia de Portugal ANO: 5º ANO LECTIVO 2007/08

PLANIFICAÇÃO A MÉDIO PRAZO – 3º período total de aulas: 38

UNIDADE DIDÁCTICA: TEMA B: PORTUGAL NO PASSADO SUBTEMA 5: DA UNIÃO IBÉRICA À RESTAURAÇÃO


METODOLOGIAS/ AVALIAÇÃO/
CONTEÚDOS RECURSOS
COMPETÊNCIAS / OBJECTIVOS PROGRAMÁTICOS
CONCEITOS SITUAÇÕES DE INSTRUMEN
APRENDIZAGEM DIDÁCTICOS
TOS
5.1. A morte de D. Motim Observação e legendagem Manual, Participação e
Pretende-se que os alunos: Sebastião e a de imagens; caderno de atitudes
Relacionem a morte de D. Sebastião com a crise sucessão ao trono; Restauração actividades, (grelha de
de sucessão ao trono em 1580. Análise de transparências; dossiê observação)
Reconheçam a acção de indivíduos ou de grupos 5.2. O domínio Cortes Fichas de
na resistência ao domínio espanhol. filipino e os Elaboração de biografias e trabalho Exercícios (do
Constatem algumas desvantagens para Portugal levantamentos de quadros-síntese; Mapas manual ou
durante o domínio filipino. populares; Transparência outros)
Relacionem os acontecimentos do reino com os Elaboração do friso s e
que foram vividos na ilha Terceira durante este História Local: cronológico; retroprojector Atlas
período. (exercícios do
Reconheçam as personagens que mais se A batalha da Salga Observação e utilização de caderno de
destacaram neste período mapas; actividades e
Compreendam as razões que levaram o povo a D. Ciprião de outros)
apoiar D. António Prior de Crato no grupo central e Figueiredo.
ocidental. Formativa
Identifiquem os motins populares, surgidos por - D. Violante do (exercícios do
todo o país, manifestações do descontentamento Canto manual,
face ao domínio filipino. caderno de
Relacionem os acontecimentos do 1º de - Brianda Pereira actividades e
Dezembro de 1640 com o fim da União Ibérica. outros)
Relacionem o período da Restauração, com a - A construção do
consolidação da independência. forte de S. João Teste de
Desenvolvam a capacidade de síntese. Baptista avaliação
Mobilizem conhecimentos adquiridos Participação e
5.3. A revolta do 1º
de Dezembro e a atitudes
guerra da Ficha
Restauração avaliação
GESTÃO CURRICULAR (2007 – 2008) História Geografia de Portugal (5º Ano: 5º ANO
ano) Turma: _________

CONTEÚDOS Ano Lectivo: 104 Aulas Previstas (45m.) COMPETÊNCIAS DE PROGRESSÃO NA DISCIPLINA DE
HISTÓRIA GEOGRAFIA DE PORTUGAL (5º ANO)
A. A PENÍNSULA IBÉRICA: DOS 1º PERÍODO: 37 Aulas Previstas 1. Selecciona informação pertinente sobre os temas em estudo.
PRIMEIROS POVOS À FORMAÇÃO
A1 15 2. Utiliza satisfatoriamente as fontes de informação disponíveis (textos, imagens,
DE PORTUGAL (SÉCULO XII)
A1. Ambiente natural e primeiros povos Avaliação 2 gráficos, mapas, cronologias e diagramas).
A2. Os Romanos na Península Ibérica A2 10
3. Elabora representações gráficas do tempo histórico, onde regista aspectos históricos
A3. Os Muçulmanos na PI: convivência e A3 8
confronto Avaliação 2 distintos e ritmos de mudança de duração diversa.
4. Localiza correctamente no tempo factos históricos.
2º PERÍODO: 29 Aulas Previstas
5. Elabora e interpreta mapas.de diferente natureza.
A4. Formação do Reino de Portugal A4 5
6. Localiza correctamente no espaço os factos históricos.
B. DO SÉCULO XIII À UNIÃO IBÉRICA B1.1 13
E RESTAURAÇÃO (SÉCULO XVII) 7. Compreende e ordena logicamente os temas em estudo.
B1.1. Portugal no século XIII Avaliação 2
8. Interpreta diferentes tipos de dados históricos registados em fontes variadas.
B1.2. A Revolução de 1383-85 B1.2 7
9. Pesquisa e realiza pequenos trabalhos, sobre os temas em estudo.
Avaliação 2
10.Utiliza satisfatoriamente a Língua Materna, na comunicação oral e escrita, aplicando
3º PERÍODO: 38 Aulas Previstas
B2. Portugal nos séculos XV e XVI vocabulário específico da História e Geografia.
B3. Da União à Restauração
11.. É responsável e empenhado.
B2 25 12. Coopera e participa de forma positiva.
13. Respeita as regras de sociabilidade.

Avaliação 2 Instrumentos / Processos de Avaliação:


- Testes de Avaliação Sumativa;
B3 9
- Testes de Avaliação Formativa (procedimentos de auto e heterocorrecção);
- Trabalhos individuais
- Trabalhos de grupo
Avaliação 2 - Observação da participação individual na discussão relativa aos temas em estudo;

- Trabalhos de casa
PROJECTOS DE ARTICULAÇÃO CURRICULAR HISTÓRIA E GEOGRAFIA DE PORTUGAL (2º CICLO) 5º ANO (2007 – 2008)
Articulação por Competências / Situações de Aprendizagem Áreas Curriculares
- Língua Portuguesa
1. Domínio da Língua Portuguesa, nas suas vertentes oral e escrita: leitura, compreensão do texto informativo, explicitação das ideias - Formação Cívica
contidas nos textos; - Matemática (tabelas /
2. Tratamento, organização e utilização da informação estudada: construção de resumos, esquemas, textos narrativos (imaginação gráficos / percentagens?)
histórica). - Tic
3. Capacidade de apresentação das ideias, de forma estruturada, argumentando de forma consequente na defesa de uma opinião.
4. Capacidade de organização de projectos: pesquisa e apresentação dos trabalhos
5. Utilização das TIC na organização e apresentação da informação estudada, ou pesquisada em projectos.
6. Utilização e interpretação de gráficos e de vários tipos de representações espaciais (mapas…).

Estudo para Articulação Curricular por Unidades de Conteúdo com Outras Áreas Curriculares
Período Temas / Unidades de Conteúdo Áreas Articulação?
Curriculares?
C. A PENÍNSULA IBÉRICA: DOS PRIMEIROS POVOS À FORMAÇÃO DE Recolha de lendas mouras (Português)

PORTUGAL (SÉCULO XII) Funcionamento do sistema solar (C.N)
(12/Setembro
A1. Ambiente natural e primeiros povos + ( História local: áreas protegidas)
a
A2. Os Romanos na Península Ibérica
14/Dezembro)
A3. Os Muçulmanos na PI: convivência e confronto
A4. Formação do Reino de Portugal
IIº
D. DO SÉCULO XIII À UNIÃO IBÉRICA E RESTAURAÇÃO (SÉCULO XVII)
(03/Janeiro a
B1. Portugal no século XIII
14/Março)
A Revolução de 1383-85
B2. Portugal nos séculos XV e XVI EVT- Banda Desenhada sobre a batalha da Salga
História local: Descoberta dos Açores- fauna/ flora CN- Recollha sobre as plantas endémicas da ilha
IIIº -importância geoestratégica da Terceira Terceira
( 25 /Março -colonização/organização política/económica e
a 26/Junho) social
B3. Da União à Restauração
História local - resistência dos terceirenses ao domínio Filipino