Você está na página 1de 22

ESTAÇÃO METEOROLÓGICA CLASSICA

DA UNIVERSIDADE DE AVEIRO

Universidade Aveiro
Classificação das Estações Meteorológicas

c) Estação Sinóptica (em Terra e Mar)


d) Estação Climatológica
e) Estação de Meteorologia Aeronáutica
f) Estação de Meteorologia Agrícola
g) Estação Especial

Universidade Aveiro
Estação Sinóptica
A meteorologia sinóptica é o ramo da meteorologia que
se estuda o tempo real, com base em observações
marcadas em cartas geográficas.
A finalidade do estudo é o de prever futuras evoluções
do estado do tempo.
Existem estações sinópticas de superfície e de altitude.

Universidade Aveiro
Nas estações sinópticas terrestres, regista-se basicamente:
• Tempo presente e tempo passado
• Direcção e velocidade do vento
• Quantidade, tipo ou tipos e altura das bases das nuvens
• Visibilidade
• Temperatura do ar
• Humidade relativa do ar
• Pressão atmosférica
• Temperaturas extremas
• Quantidade de precipitação
• Estado do solo
• Direcção do movimento das nuvens
• Fenómenos especiais

Universidade Aveiro
Estação Meteorológica de Superfície
A localização deve permitir que os dados meteorológicos sejam
representativos da área em que se encontram instalados os
instrumentos de medida.
Deve estar afastada da influência de árvores e de edifícios.

O funcionamento da estação
(pelo menos 10 anos) deve
ser contínuo.
A estação meteorológica
clássica da Universidade de
Aveiro (número 102 da rede
nacional de estações), situada
no Campus Universitário,
entrou em funcionamento nos
finais de 1980).

Universidade Aveiro
Tipos fundamentais
de instrumentos meteorológicos

* instrumentos de leitura diversa (dados


meteorológicos no acto da observação – exº:
valor da temperatura do ar)
* instrumentos registadores (mantêm um registo
contínuo das medições – exº: barógrafo)

Universidade Aveiro
Abrigo meteorológico
Contém:
Termómetro de mínima
Termómetro de máxima
Termómetro seco
Termómetro molhado
Evaporímetro de Piche
Termohigrógrafo
Garrafa com água
destilada
Proveta (precipitação)
Caderneta, mapa, tabela,
fitas, lápis, borracha,
cronómetro, musselines

Universidade Aveiro
A – Termómetro seco (T1)

B – Termómetro molhado (T2)

Humidade Relativa do ar (%) em função da Temperatura do ar (ºC) e da Depressão da Temperatura do


Termómetro Molhado (ºC)
(T1-T2)
0.0 0.2 0.4 0.6 0.8 1.0 1.2 1.4 1.6 1.8 2.0 2.2 2.4 2.6 2.8 3.0 3.2 3.4 3.6 3.8 4.0 4.2 4.4 4.6 4.8 5.0
5 100 97 94 90 87 84 81 78 75 72 69 66 63 60 57 54 51 48 45 42 39 36 33 30 28 25
6 100 97 94 91 88 85 82 79 76 73 70 67 64 61 58 56 53 50 47 44 42 39 36 33 31 28
7 100 97 94 91 88 85 83 80 77 74 71 68 66 63 60 57 55 52 49 47 44 41 39 36 34 31
8 100 97 94 92 89 86 83 81 78 75 72 70 67 64 62 59 57 54 51 49 46 44 41 39 36 34
9 100 97 95 92 89 87 84 81 79 76 73 71 68 66 63 61 58 56 53 51 48 46 44 41 39 36
10 100 97 95 92 90 87 84 82 79 77 74 72 69 67 65 62 60 57 55 53 50 48 46 43 41 39

T1 11
12
100 97 95 92 90 87 85 83 80 78 75 73 71 68 66 64 61 59 57 54 52 50 48 45 43 41
100 98 95 93 90 88 86 83 81 79 76 74 72 69 67 65 63 60 58 56 54 52 50 47 45 43
13 100 98 95 93 91 88 86 84 81 79 77 75 73 70 68 66 64 62 60 58 55 53 51 49 47 45
14 100 98 95 93 91 89 86 84 82 80 78 76 73 71 69 67 65 63 61 59 57 55 53 51 49 47
15 100 98 96 93 91 89 87 85 83 81 78 76 74 72 70 68 66 64 62 60 58 56 54 53 51 49
16 100 98 96 94 91 89 87 85 83 81 79 77 75 73 71 69 67 65 63 62 60 58 56 54 52 50
17 100 98 96 94 92 90 88 86 84 82 80 78 76 74 72 70 68 66 65 63 61 59 57 55 54 52
18 100 98 96 94 92 90 88 86 84 82 80 78 77 75 73 71 69 67 66 64 62 60 58 57 55 53
19 100 98 96 94 92 90 88 86 85 83 81 79 77 75 74 72 70 68 67 65 63 61 60 58 56 55
20 100 98 96 94 92 91 89 87 85 83 81 80 78 76 74 73 71 69 67 66 64 62 61 59 57 56

Universidade Aveiro
A - Termómetro de temperatura
mínima, mais comum, é o
termómetro de álcool. No interior
do líquido existe um indicador de
vidro escuro, muito leve e em
forma de haltere que permite a
leitura da temperatura.
B - Termómetro de temperatura
máxima é um termómetro de
mercúrio em vidro, com um
estrangulamento no tubo abaixo da
graduação mínima.
Universidade Aveiro
Evaporímetro de Piche
É um tubo de vidro graduado, aberto numa
extremidade, e cheio com água destilada.
Na extremidade aberta encontra-se
colocado um disco poroso (papel de filtro).
A evaporação é medida pela descida de
nível da superfície livre de água contida no
interior do tubo.

Universidade Aveiro
Termohigrógrafo

Universidade Aveiro
Evaporímetro de Placa Porosa
Na extremidade aberta (em forma de funil) encontra-se
colocado um disco cerâmico poroso.
A evaporação é registada de forma contínua.

Universidade Aveiro
Tina evaporimétrica de Classe A

Universidade Aveiro
Udómetro

A água recolhida medida com uma proveta graduada


dá a indicação da quantidade de precipitação (mm)
Universidade Aveiro
Udógrafo
Fornece um registo
contínuo da precipitação

Universidade Aveiro
Visibilidade meteorológica
é a distância máxima a que
se pode ver e identificar
correctamente pelos seus
contornos, contra o céu no
horizonte, um objecto de
dimensões convenientes.
Universidade Aveiro
A nebulosidade estima a quantidade de nuvens no céu.
A unidade de quantidade das nuvens é o oitavo (oitavo
do céu). A cada código numérico da escala faz-se
corresponder a situação. Por exemplo, para um céu
completamente limpo (nenhuma nebulosidade) o código
numérico é zero. Na situação de céu completamente
coberto a escala indica o código 8.
Universidade Aveiro
Anemómetros de conchas
(de contador ou totalizadores)
Cata-vento
Universidade Aveiro
Heliógrafo
de
Campbell
Stokes

Determina a insolação. Os raios solares são


concentrados sobre uma tira de cartão (traço queimado).
São disponíveis cartões para verão (longos e curvos), para
inverno (curtos e curvos) e cartões equinociais (direitos).
Universidade Aveiro
A – de temperatura mínima na relva
B – no solo (5 cm abaixo da superfície)
C – no solo (10 cm abaixo da superfície)
Termómetros
D – no solo (20 cm abaixo da superfície)
E – no solo (50 cm abaixo da superfície)
F – no solo (100 cm abaixo da superfície)
Universidade Aveiro
Termómetro de temperatura
mínima na relva

Termómetro no solo (20 cm


abaixo da superfície)

Termómetro no solo (5 e 10 cm
abaixo da superfície)
Universidade Aveiro
Termómetro no solo (50
cm abaixo da superfície)

Termómetro no solo (100


cm abaixo da superfície)
Universidade Aveiro