Você está na página 1de 8

1

Costuma sentir medo, terror, ou pânico diante de determinadas situações?

2

Tem pesadelos com certa regularidade?

3

Quando passa por situações que lhe causam pânico, suas mãos ficam suadas, sente dificuldade para respirar, tem taquicardia ou diarréia?(Alguns desses sintomas; não precisam ser todos.

4

Quando entra em pânico, sente como se fosse um ataque de nervos?

5

Tem medos específicos e concretamente identificáveis que quer superar?

6

Inibe-se com facilidade quando tem de falar diante de pessoas que não conhece?

7

Quando se vê diante de situações que atemorizam, fica nervoso ou prefere evitá-las?

8

É

tímido ou assustadiço?

9

Tem medo de perder o controle e descompor-se?

10

É

compulsivo ou tem impulsos de fazer coisas que

reconhece estarem erradas, porém tem dificuldade

para se controlar?

11

Tem medo de causar dano a si mesmo ou de agredir os outros?

12

Tem medo de enlouquecer ou se assustar às vezes pelo que pensa de si mesmo?

13

Tem medo à noite, com a luz apagada, sem saber de fato por quê?

14

Durante o dia, sente-se inquieto por algum medo para o qual não encontra explicação?

15

Acorda com a sensação de que algo ruim pode acontecer, ou tem a sensação de apreensão ou presságio?

16

Sente com frequência, sem nenhum motivo, um vago sentimento de temor, de aflição ou de perigo?

17

Quando alguém da sua família fica doente, ou demora para voltar para casa, você sempre pensa no pior?

18

Está tão ligado a seus entes queridos que sente o que se passa com eles como se acontecesse com você?

19

Teme que algo ruim possa acontecer aos que lhe são caros?

20

Preocupa-se quase excessivamente com a saúde e a segurança de amigos e pessoas da família?

21

Costuma, muitas vezes, desconfiar de sua capacidade de julgamento, valorizando demais a opinião alheia?

22

Em algum exame costuma ou costumava riscar o que escreveu porque lhe parecia mais correto o que escreveu a pessoa ao lado?

23

Depois de pedir e receber conselhos dos outros, sente- se confuso diante da decisão, modificando-a conforme a última recomendação?

24

Sente-se inseguro sobre seus pensamentos e revisa suas decisões de acordo com o ponto de vista alheio?

25

Costuma oscilar entre duas possibilidades, mas trata de encontrar a solução sozinho, sem que ninguém o influencie?

26

Desequilibra-se muito depressa? Seus estados de humor variam mais rapidamente do que o das outras pessoas; no mesmo instante em que está bem passa a ficar mal?

27

Sofre de indecisão, incerteza ou vacilação, e lhe é difícil escolher entre uma coisa e outra?

28

Reage rapidamente às provocações e em seguida perde o equilíbrio interior?

29

Sente desânimo e fica deprimido porque as coisas saíram diferentes do que esperava?

30

Em caso de estar deprimido, sabe a razão?

31

Quando executa alguma tarefa, fica muito sensível a pequenas demoras ou dificuldades que o levam a duvidar de si mesmo e, às vezes, a ficar deprimido?

32

É

muito duro para você começar outra vez quando se

vê diante de uma dificuldade?

33

Embora esteja trabalhando no que escolheu, sente que

o

serviço não o satisfaz?

34

Gostaria de descobrir um novo estilo de vida, de carreira ou mudar a anterior, porém acha difícil decidir sobre o que deveria estar fazendo?

35

Sente-se insatisfeito porque ainda não pôde encontrar um lugar na vida?

36

Tem tratado de procurar em diferentes campos da vida, mas nada parece satisfazê-lo?

37

Sente-se desanimado e já não espera uma mudança em sua situação?

38

Acha difícil dizer que não se deve perder a esperança?

39

Sente que é inútil buscar ajuda para seu problema?

40

Pensa que não é mais possível mudar as coisas para melhorar algumas circunstâncias ou situações da sua vida?

41

De manhã, na cama, acha que não poderá enfrentar o dia; porém, quando começa a agir, as coisas melhoram?

42

Quando acorda pela manhã, sente se cansado e é difícil para você levantar?

43

Está tão cansado pela manhã que sente que precisa de

 

forças para começar o dia; no entanto, aos domingos, por exemplo, se o convidam para alguma atividade que o interessa, levanta-se sem problemas?

44

Sempre sente que tudo é demais, mas logo depois consegue faze-lo da mesma forma?

45

O cotidiano não lhe interessa muito? Dá mais lugar à fantasia na sua vida?

46

Acontece-lhe estar com seus pensamentos em todos os lugares menos onde eles têm de estar?

47

Está distraído ou deixa de prestar atenção, sendo difícil concentrar-se?

48

Em algum momento de sua vida foi sonâmbulo de

noite

e, às vezes, também durante o dia?

49

Gosta de ficar pensando em tempos passados?

50

Muitas vezes se põe a pensar que bom seria poder fazer com que determinadas coisas do passado não tivessem acontecido?

51

Há coisas que gostaria de ter feito mas nunca teve a oportunidade de fazer?

52

Vê-se como que preso entre viver no presente e lembrar do passado?

53

Você diria que a vida lhe ensinou que as pessoas devem ser conformar com o próprio destino?

54

Sente que participa pouco ou nada do que acontece e tem uma sensação de vazio interior?

55

Embora tudo esteja bem, sente-se sem entusiasmo, sem energia, indiferente, apático diante da vida?

56

Está resignado com sua atuação atual, fazendo pouco esforço para melhorar as coisas ou desfrutar delas?

57

Cansa-se mais facilmente do que as outras pessoas?

58

Está passando ou passou recentemente por uma doença ou situação pessoal que o deixou esgotado?

59

Seu cansaço o deixa sem energia para terminar seus afazeres ou desfrutar o dia?

60

Sente que lhe faltam força ou vitalidade para fazer o mínimo esforço?

61

Há acontecimentos desagradáveis que lhe voltam à mente sem parar?

62

Tem dificuldade para dormir por causa de pensamentos e preocupações que ficam dando voltas sem cessar em sua cabeça?

63

Os mesmos pensamentos e imagens o ficam perseguindo sempre e vocÊ não os pode deter?

64

Tem preocupações ou argumentos mentais que vão e voltam dentro de sua mente?

65

Você não sabe por que, no entanto, nos últimos tempos, determinadas coisas sempre costumam sair mal?

66

Custa-lhe aprender? Repete sempre os mesmos erros?

67

Devido à falta de observação, tem de voltar a fazer o que já fez?

68

Há algumas situação particular repetitiva em sua vida que gostaria de superar?

69

Está triste e deprimido aparentemente sem motivo, e essa sensação passa em algum momento tão depressa quanto surgiu?

70

Na sua família há ou houve varais pessoas que sofreram de depressão?

71

Sua depressão o envolve como uma nuvem negra impedindo-o de desfrutar da vida?

72

Está melancólico e isolado da vida e das sensações, sem vontade nem entusiasmo para fazer nada, mas não sabe por que está assim?

73

Evita sobrecarregar os outros com seus problemas e tenta agradar aos demais a fim de evitar brigas ou discussões?

74

Disfarça seu temores preocupações ou problemas tanto quanto possível com uma aparência de alegria e despreocupação?

75

Está angustiado e sente uma opressão no peito, um nó na garganta ou dor na boca do estômago?

76

Desperta à noite e como ou bebe alguma coisa? Acontece o mesmo durante o dia, quando tem problemas: toma álcool ou outra coisa que ajude a sentir-se melhor?

77

Sente que não pode deixar de fazer o que os outros esperam de você?

78

Sempre acaba fazendo o trabalho que os outros deixam de fazer?

79

Custa-lhe dizer não? Diria que se submete em seus relacionamentos?

80

É facilmente “usado” pelas pessoas pela disposição em ajudar os outros?

81

É muito sensível e se magoa com facilidade?

82

Atualmente está em alguma etapa de transição ou situação de mudança(evolutiva, afetiva, profissional, etc.?)

83

Gostaria de livrar-se de uma situação ou relacionamento, mas acha difícil cortar ou abandonar vínculos do passado?

84

Quando tenta ser fiel às suas idéias, acha difícil não se deixar influir pelos outros ou se sentir inseguro com o

que eles dizem?

que eles dizem?

que eles dizem?

85

Costuma ter ,de vez em quando, acessos de cólera e fica furioso?

86

Sente ciúme, ódio, raiva, inveja?

87

Desconfia dos motivos ou intenções dos outros?

88

É difícil para você sentir compaixão pelos outros?

89

Acha difícil participar das conversas dos outros, e por isso se retrai?

90

Procura manter distância entre os outros e você?

91

Prefere trabalhar só, protegendo-se assim da interferência alheia em suas coisas, ou evita interferir nos problemas das outras pessoas?

92

Procura se virar sozinho em vez de pedir ajuda?

93

Não consegue ficar muito tempo sentado numa poltrona por ser muito inquieto?

94

Prefere trabalhar sozinho porque acha que os outros são muito lentos e relação ao seu ritmo?

95

Reage com irritação e impaciência, adiantando-se diante de uma situação, e com a mesma rapidez seu aborrecimento também desaparece?

96

Faz as coisas com pressa, correndo de um lado para o outro ou de uma situação para outra bem depressa?

97

Muitas vezes tem o impulso interior de falar com todo o mundo sobre você mesmo?

98

Desagrada-lhe estar só e às vezes procura companhia, não importa de quem, para poder contar-lhe os seus problemas?

99

Sempre tem algo a dizer, não importa se entende ou não do assunto. Acha que o importante é participar?

100

Sente necessidade de conduzir a conversa para os seus assuntos ou problemas e custa-lhe terminá-la mesmo quando seus interlocutores lhe dizem que têm de ir embora?

101

Ás vezes se sente um fracasso quando se compara com os outros?

102

Como já sabe por antecipação que não vai poder fazê-las, há muitas coisas que nem tenta fazer?

103

Sente-se inferior, e que os outros são mais capazes e qualificados do que você?

104

Falta-lhe confiança em você mesmo?

105

Quando está doente, deprimido ou cansado, tem a sensação de ter de se desculpar com os que estão à sua volta?

106

É duro consigo mesmo quando se equivoca ou não

 

cumpre as metas que fixou, recriminando-se por isso?

107

Culpa-se pelos erros dos outros, sentindo que de alguma maneira era responsável por eles?

108

São poucas a s vezes que fica contente com seus sucessos, achando que podia ter feito melhor?

109

Acredita que está sobrecarregado de responsabilidade e que não sabe por onde começar?

110

Tende a trabalhar demais para não deixar ninguém “em má situação” ?

111

Em sua educação, a palavra “responsabilidade” tinha um lugar importante?

112

Está aborrecido com seu trabalho e, apesar de ser capaz, acha que assumiu mais obrigações do que as que pode cumprir?

113

Conhece a sensação interior de estar com as costas contra a parede pensando que não há nenhuma pessoa que possa ajuda-lo?

114

Sente que chegou ao limite do que pode suportar e que só lhe resta a destruição total?

115

Acredita que sua situação não têm saída e não sabe como continuar?

116

Costuma cair mais do que os outros e situações- limite, com grande sobrecarga e tormento mental?

117

Sonha ou recorda hoje situações traumáticas que ocorreram há muito tempo?

118

Teve alguma perda importante(de qualquer tipo) recentemente?

119

Sente que uma cirurgia ou um antigo acidente são responsáveis de alguma maneira pela sua situação atual?

120

Viveu situações traumáticas ou que o chocaram, ou situações que lhe causaram grande impacto e que até agora ainda não digeriu?

121

Sente que é injusto a vida tê-lo privado de tudo de que o privou?

122

Fica amargurado quando pensa que, apesar de tudo o que fez, seu esforço não foi gratificado, enquanto que outros que não mereciam tanto quanto você,tiveram melhor sorte?

123

Sente rancor ou ressentimentos aqueles que acha que o prejudicaram?

124

Acredita que o destino lhe confiou um fardo pesado?

125

Em sua família se considerou favas contadas a afirmação de que sempre é preciso terminar o que se começou, custe o que custar?

126

Tende a realizar seus projetos, não levando em conta as suas próprias necessidades ou o seu cansaço, bem como as necessidades dos que estão à sua volta?

127

Diz freqüentemente a si mesmo que não vale a pena afrouxar?

128

Trabalha com tanta intensidade que sempre que relaxa um pouco percebe que o pescoço e os ombros estão doendo por estar tensos?

129

Tem compulsão pro limpeza, ás vezes de forma exagerada? Seu ambiente tem de estar limpo e organizado?

130

Percebe que em situações importantes deixa-se irritar ou distrair por mesquinharias?

131

Preocupa-se com pequenos problemas físicos como espinhas, manchas, e não se importa tanto com coisas mais importantes?

132

Você é dos que usam spray para o mau hálito quando vai beijar alguém?

133

Faz com que todas as pessoas que ama notem tudo o que faz por elas?

134

Acredita que há muita gente que nada faz sem antes pensar no que pode conseguir em troca?

135

Fica tomando contas das pessoas que vivem com vocÊ e sabe o que é melhor para elas a ponto de às vezes querer controlar ou corrigir até os pequenos detalhes de suas vidas? Você diria que é um tanto manipulador?

136

Ofende-se e lhe dói o fato de não o compreenderem ou não corresponderem aos esforços que faz querendo o melhor para todos?

137

É muito sensível às injustiças, lutando pelos princípios em que acredita?

138

Tenta convencer os outros de que suas idéias são corretas, de que você é quem tem razão?

139

Seus amigos lhe dizem que, no seu entusiasmo por determinada idéia, reage com fanatismo?

140

Às vezes fica tenso por algumas coisas e custa a descontrair e a relaxar?

141

Quando trabalha com outras pessoas, sempre termina dirigindo a equipe?

142

Gosta de impor a sua opinião, provando que tem razão na maior parte das vezes?

143

Tem dificuldade para mandar ou para obedecer?

144

Algumas pessoas são tão presunçosas que gostariam de fazer exatamente o contrário do que pensam ou querem, independentemente do fato de terem razão ou não?

146

Vê facilmente os erros dos outros e , às vezes, gosta de aponta-los?

147

Acha difícil suportar a burrice das pessoas?

148

Às vezes se surpreende rangendo os dentes, com tensão no maxilar, ou quando acorda percebe que dormiu apertando ou rangendo os dentes?

149

As pessoas dizem que você é por demais crítico e que deveria ser mais tolerante?

150

Você é radical e exigente consigo mesmo e se priva de alguma coisa?

151

É estrito em seu apego a alguma religião, a uma disciplina social ou a uma determinada forma de vida?

152

Seus amigos lhe dizem que você tem princípios muito restritos ou você mesmo percebe isso?

153

Costuma sentir dor na coluna ou lombalgias?