Você está na página 1de 4

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO CENTRO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E APLICADAS DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS CONTABEIS E ATUARIAIS

Disciplina: Controladoria Aluno: Adeilson de Souza Vieira Turno: Tarde Sala: B8 TIPO DE ORGANIZAÇÃO
ORGANIZAÇÃO LINEAR A organização do tipo linear tem sua origem na organização dos antigos exércitos, o princípio da autoridade linear, princípio escalar que estabelece a hierarquia da autoridade.
O nome organização linear significa que existem linhas diretas e únicas de autoridade e responsabilidade entre superior e subordinados. É uma forma de organização típica de pequenas empresas ou de estágios iniciais das organizações. Características da Organização Linear  Autoridade linear ou única: é a autoridade única e absoluta do superior sobre seus subordinados, típica das organizações militares.  Linhas formais de comunicação: são feitas unicamente através das linhas existentes no organograma.  Centralização das decisões: existe uma autoridade máxima que centraliza todas as decisões e o controle da organização.  Apecto piramidal: à medida que se sobe na escala hierárquica, diminui o número de cargos ou órgãos. Vantagens  Estrutura simples e de fácil compreensão: o subordinado só se relaciona formalmente com seu supervisor.  Clara delimitação das responsabilidades: nenhum órgão ou cargo intervém em área alheia.  Facilidade de implantação: oferece facilidade em seu funcionamento, controle e na disciplina.  É bastante estável: permite o funcionamento da organização, graças à centralização do controle.  É o tipo de organização indicado para pequenas empresas. Desvantagens  Estabilidade e constância das relações formais: podem levar à rigidez e inflexibilidade, dificultando a inovação e adaptação da organização a novas situações. Não responde às mudanças rápidas.  Autoridade linear baseada no comando único e direto: pode tornar-se autocrática, dificultando a cooperação e a iniciativa das pessoas.  A organização linear exagera a função de chefia e de comando: pois pressupõe a existência de chefes capazes de faze tudo e saber tudo (monopólio das comunicações).

29/11/2011

1

os cargos superiores em controlar o funcionamento dor órgãos ou cargos inferiores. A organização funcional busca a maior rapidez possível nas comunicações. simultaneamente.  Tendências à concorrência entre os especialistas: perda da visão de conjunto da organização e a uma tendência de defender o seu ponto de vista em detrimento dos pontos de vista dos outros especialistas.  Permite a melhor supervisão técnica possível.  Separa funções de planejamento e de controle das funções de execução. pois cada órgão ou cargo reporta-se a “experts” em seu campo de especialização.  Descentralização das decisões: não é hierarquia. a animosidade. mais rápidas e menos sujeitas a distorções de transmissão. sentimentos de oposição e resistência à cooperação. ORGANIZAÇÃO FUNCIONAL A organização funcional é o tipo de estrutura organizacional que aplica o princípio funcional ou princípio da especialização das funções.  Subordinação Múltipla: nem sempre os órgãos sabem exatamente a quem recorrer para resolver determinados assuntos. mas a especialidade quem promove as decisões. distingue e especializa. Nenhum superior tem autoridade total sobre os subordinados. Características da Organização Funcional  Autoridade funcional ou dividida: é uma autoridade do conhecimento. buscando-se incrementar as vantagens desses dois 29/11/2011 2 .  Tendência à tensão e conflitos dentro da organização: a competição e a concorrência levam à tensões e conflitos entre os especialistas. As responsabilidades são delimitadas de acordo com as especializações. Vantagens  Proporciona o máximo de especialização nos diversos órgãos. por serem lineares. Cada subordinado reporta-se a muitos superiores. Permite a cada órgão ou cargo concentrar-se total e unicamente sobre seu trabalho e sua função. ORGANIZAÇÃO LINHA-STAFF O tipo de organização linha-staff é o resultado da combinação dos tipos de organização linear e funcional.  Provoca o congestionamento das linhas formais de comunicação.  As comunicações. pois acumula os chefes com todos os assuntos possíveis da organização. tornam-se demoradas. Desvantagens  Diluição e conseqüente perda de autoridade de comando: traz como conseqüência uma enorme dificuldade dos órgãos. Isso leva à perda de tempo e a confusões imprevisíveis.  Linhas diretas de comunicação: as comunicações são efetuadas diretamente. O princípio funcional separa.  Ênfase na especialização: baseia-se no primado da especialização de todos os órgãos ou cargos. A unidade de comando torna o chefe um generalista: impede a especialização. Daí.  Desenvolve comunicações diretas. sem intermediação. Caracteriza-se pela descentralização das decisões.

Cada órgão se reporta a um e apenas um órgão superior: típica da organização linear. A hierarquia (linha) assegura o comando e a disciplina. enquanto o homem de linha é um homem de prática. Os órgãos de staff proporcionam serviços especializados. o assessor não assume responsabilidade pelos resultados dos planos que apresenta. Na organização linha-staff coexistem órgãos de linha ( órgãos de execução) e de assessoria (órgãos de apoio e de consultoria) mantendo relações entre si.tipos de organização e reduzir as suas desvantagens. Vantagens  Assegura assessoria especializada e inovadora mantendo o princípio de autoridade única.  Hierarquia versus especialização.  Coexistência entre as linhas de comunicação com as linhas diretas de comunicação. são os chefes de linha que retêm a completa autoridade e responsabilidade pela execução dos planos.  Atividade conjunta e coordenada dos órgãos de linha e órgãos de staff. A organização linha-staff mantém o princípio da hierarquia (cadeia escalar). c/ predomínio da primeira. com predomínio da estrutura linear. cada órgão recebe também assessoria e serviços especializados de diversos órgãos de staff.  A assessoria representa custos elevados para a empresa.  Separação entre órgãos operacionais (executivos) e órgãos de apoio e suporte (assessores). Porém. Desvantagens  Existência de conflitos entre órgãos de linha e de staff caracterizam-se por:  O assessor de staff é um técnico com preparo profissional. fator importante em uma era de especialização e competição. Os órgãos de linha caracterizam-se pela autoridade linear e pelo princípio escalar. Os órgãos de linha responsabilizam-se pela execução das atividades básicas. Existem também linhas diretas de comunicação que ligam os órgãos e o staff e que representam a oferta de assessoria.  A autoridade e responsabilidade dos membros do staff são de natureza aconselhadora. Na organização linha-staff há características do tipo linear e do tipo funcional. No entanto. enquanto os órgãos de staff responsabilizam-se pela execução dos serviços especializados. Características  Fusão da estrutura linear com a estrutura funcional.  Dificuldades na obtenção e manutenção do equilíbrio entre linha e staff. 29/11/2011 3 . O homem de linha subiu na hierarquia. reunidas para proporcionarem um tipo de organizacional mais completo e complexo. É o tipo de organização mais utilizado.  Ao planejar e recomendar. enquanto a especialização (staff) fornece os serviços de consultoria e de assessoria. Na organização linha-staff existem linhas formais de comunicação entre superiores e subordinados e que representam a hierarquia.  O assessor tem melhor formação escolar. enquanto os órgãos de staff prestam assessoria e serviços especializados. A estrutura linhastaff tem a vantagem de oferecer uma área de assessoria e prestação de serviços.

é difícil de alcançar e manter. Em suma. uma situação de equilíbrio dinâmico e perfeita sincronização entre a linha e o staff. Isto pode provocar um enfraquecimento da linha ou a linha dividida de autoridade. Os especialistas de staff tendem a forçar suas sugestões e tentar impor suas idéias. de modo que ambos tenham um comportamento cooperativo e integrativo. 29/11/2011 4 .