Você está na página 1de 2

TRASGOS

Os trasgos revelam uma aparência humanóide,


caminham eretos, podem aprender algumas palavras
simples, mas são menos inteligentes do que o
unicórnio mais obtuso e não possuem poderes
mágicos propriamente ditos, exceto sua força
prodigiosa e sobrenatural.

O trasgo é uma criatura terrível que atinge mais de


três metros e meio de altura e pesa mais de uma
tonelada. Notável por sua força igualmente prodigiosa
e sua pouca inteligência, esse animal é muitas vezes
violento e imprevisível. O animal é originário da
Escandinávia, mas atualmente pode ser encontradas
na Grã-Bretanha, Irlanda e outras áreas do norte da
Europa.

Em geral, ela fala aos grunhidos que parecem


construir uma linguagem primitiva, embora haja
noticia de que alguns compreendam e até falem
algumas palavras humanas mais simples. Os mais
inteligentes da espécie têm sido treinados para
guardiões.

Existem três tipos de trasgos: das montanhas, das


florestas e dos rios. O montanhês é o maior e mais
feroz. É careca e tem a pele cinza-claro. O florestal
tem pele verde-clara e, alguns espécimes, uma
cabeleira rala, fina e verde ou castanha. O trasgo
fluvial tem pele roxa e é, com freqüência, encontrado
sob as pontes. Os trasgos comem carne crua e não
são exigentes quanto às suas presas, que podem ser
animais ou humanas.
A classificação deles, segundo o Ministério da Magia é:
XXXX – perigoso / exige conhecimento especializado /
bruxo perito pode enfrentar.