M

a
n
u
a
l
d
o
C
a
n
d
i
d
a
t
o
PROCESSO SELETIVO
TÉCNICO IFPA 2011
PROCESSO SELETIVO
TÉCNICO IFPA 2011
Com
vistas a garantir o sucesso dos candidatos que
participarão do certam
e, recom
endam
os aos participantes a
leitura m
inuciosa deste Edital, para que sejam
observados os
prazos, obrigatoriedades e todos os detalhes que norteiam
a
realização do Processo Seletivo Técnico 2011.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
1
LĚŝƚĂů ŶǑ ϬϬϮͬϮϬϭϬ

AƉƌĞƐĞŶƚĂĕĆŽ


Caro Candidato,
Em uma sociedade na qual o conhecimento, ao longo dos anos, vem se
tornando o maior trunfo no currículo do trabalhador, a educação profissional se torna cada
dia mais importante para a inserção dos jovens no mercado de trabalho. Por meio do
Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Pará, a Rede Federal de Educação
Profissional e Tecnológica, oferece cursos técnicos em diversas áreas do conhecimento,
sempre elaborados em conjunto com especialistas dos setores que mais empregam. Essa
proximidade das principais vertentes produtivas é fundamental para formar profissionais de
alto nível, com espírito empreendedor, que sejam atuantes no meio social onde se
inserem, e qualificado para atender às demandas mais específicas de cada setor e da
sociedade como um todo. Com vistas a garantir o sucesso dos candidatos que participarão
do certame, recomendamos aos participantes a leitura minuciosa deste Edital, para que
sejam observados os prazos, obrigatoriedades e todos os detalhes que norteiam a
realização do Processo Seletivo Técnico 2011.
kĂŝŵƵŶĚŽ IŽĂƋƵŝŵ IĂĕĂŶŚĂ SĞƌƌĂ
ÞƌĞƐŝĚĞŶƚĞ ĚĂ CŽŵŝƐƐĆŽ ÞĞƌŵĂŶĞŶƚĞ ĚĞ
ÞƌŽĐĞƐƐŽƐ SĞůĞƚŝǀŽƐ ĚŽ llÞA ͬ CĂŵƉƵƐ 8ĞůĠŵ
ÞŽƌƚĂƌŝĂ ŶǑ ϮϭϴͬϮϬϭϬ ʹ CA8
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
2

CALENDÁRIO PREVISTO
Ingresso no 1º Semestre/2011
IFPA Campus Belém
Ordem Atividade Período
1. Publicação do EDITAL 24 de novembro de 2010
2. Inicio da Inscrição 25 de novembro de 2010
3. Inicio de Inscrição para Isenção da Taxa 25 de novembro de 2010
4. Termino de Inscrição para Isenção da Taxa 30 de novembro de 2010
5. Publicação do Resultado da Isenção da Taxa 06 de dezembro de 2010
6. Termino da Inscrição 07 de janeiro de 2011
7. Prazo final para pagamento 07 de janeiro de 2011
8. Inicio da Confirmação de inscrição do candidato no site
http://www.ifpa.edu.br
24 de janeiro de 2011
9. Termino da Confirmação de inscrição do candidato no site
http://www.ifpa.edu.br
29 de janeiro de 2011
10. Aplicação da Prova 30 de janeiro de 2011
11. Publicação do Gabarito Preliminar 31 de janeiro de 2011
12. Inicio do Prazo para interposição de Recurso ao Gabarito
Preliminar
01 de fevereiro de 2011
13. Termino do Prazo para interposição de Recurso ao
Gabarito Preliminar
02 de fevereiro de 2011
14. Inicio do Julgamento do Recurso 03 de fevereiro de 2011
15. Termino do Julgamento do Recurso 04 de fevereiro de 2011
16. Divulgação do Resultado Final 14 de fevereiro de 2011
17. Orientação para matrícula dos aprovados 14 de fevereiro de 2011
18. Inicio de Matricula dos Alunos Aprovados 15 de fevereiro de 2011
19. Termino de Matricula dos Alunos Aprovados 18 de fevereiro de 2011
20. Inicio da 2ª Chamada (Repescagem) 23 de fevereiro de 2011
21. Termino da 2ª Chamada (Repescagem) 25 de fevereiro de 2011
22. Previsão para o Início das Aulas 28 de fevereiro de 2011
Sites disponíveis para informações: http://www.ifpa.edu.br e http://www.belem.ifpa.edu.br
Informações sobre processo Seletivo – Campus Belém: (91) 3201.1794
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
3
Edital Nº 002/2010-GAB
PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2011 NOS
CURSOS DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NIVEL MÉDIO DO IFPA/
CAMPUS BELÉM
A COMISSÃO DO PROCESSO SELETIVO DO INSTITUTO FEDERAL DO PARÁ –
CAMPUS BELÉM, no uso de suas atribuições legais, torna pública a realização de
processo seletivo para preenchimento de 810 (oitocentas e dez) vagas nos Cursos de
Educação Profissional Técnica de Nível Médio, ofertados na forma Integrada e
Subsequente, para ingresso no 1º semestre do ano de 2011.
1. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES
1.1 - O Processo Seletivo será regido por este Edital.
1.2 - Nenhum candidato poderá alegar desconhecimento das normas e condições
estabelecidas neste Edital para eximir-se de quaisquer responsabilidades inerentes a ele.
1.3 - A inscrição será realizada somente através do sítio www.ifpa.edu.br, onde também
estarão as informações necessárias para a inscrição.
1.4 - Fica sob a responsabilidade da Comissão, a realização deste Processo Seletivo, que
terá a incumbência de divulgar as datas, os locais de realização da prova, realizar as
inscrições, bem como as demais informações relacionadas ao Processo, além de
providenciar e coordenar todas as ações inerentes à sua realização.
2. DAS VAGAS E DOS CURSOS
2.1 - Serão ofertadas 810 (oitocentas e dez) vagas para a Educação Profissional Técnica
de Nível Médio, do IFPA-Campus Belém, sendo assim distribuídas: Oferta de 380
(trezentos e oitenta) vagas para o Ensino Integrado e 430 (quatrocentas e trinta)
vagas para o Ensino Subsequente.
2.2 - Os candidatos serão classificados, de acordo com o número de vagas ofertadas no
curso, pela classificação decrescente de pontos e pelos critérios estipulados neste Edital.
2.3 - Para cada Curso ofertado 50% das vagas serão destinadas aos candidatos que
venham a ser aprovados no Processo Seletivo e que comprovem ter cursado o Ensino
Fundamental e/ou Ensino Médio integralmente em escola pública do país, e, destas, 30%
(trinta por cento) serão destinadas a candidatos negros e índios.
2.3.1 - Na hipótese do cálculo relativo ao item 2.3 resultarem em percentuais que indiquem
números com casa decimais, proceder-se-á o arredondamento para a apuração de
números inteiros.
2.3.1.1 - Na hipótese de apuração de número fracionário com casa decimal inferior a 0,5
(cinco décimos), o número de vagas será arredondado para o número inteiro
imediatamente inferior.
2.3.1.2 - Na hipótese de apuração de números fracionários com casa decimal igual ou
superior a 0,5 (cinco décimos), o número de vagas será arredondado para o número inteiro
imediatamente superior.
2.3.2 - Na hipótese do não preenchimento das vagas referidas no item 2.3, as mesmas
serão disponibilizadas aos demais candidatos obedecendo rigorosamente à ordem de
classificação independentemente de terem cursado a Educação Básica (Ensino
Fundamental e/ou Ensino Médio) em escola pública ou privada.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
4
2.3.3 - O critério adotado para a identificação da cor ou raça dos candidatos será o de
autodeclaração, seguindo-se a classificação adotada pelo Instituto Brasileiro de Geografia
e Estatística – IBGE (branco, preto, pardo, amarelo, indígena).
2.3.4 - Para efetivação de matricula no IFPA/Campus Belém, o candidato aprovado no
Processo Seletivo de acordo com o item 2.3, terá que comprovar com o correspondente
histórico escolar que cursou toda Educação Básica (Ensino Fundamental e/ou Ensino
Médio), integralmente em escola pública do país.
2.4 - Os 50% (cinqüenta por cento) restante das vagas serão preenchidos pelos candidatos
classificados obedecendo rigorosamente à ordem de classificação independentemente de
terem cursado a Educação Básica (Ensino Fundamental e/ou Ensino Médio) em situações
diferentes daquelas estabelecidas no item 2.3.
2.5 - A duração prevista de cada Curso compreende o cumprimento total da carga horária
de acordo com o Projeto Pedagógico de cada curso.
2.6 - DOS CURSOS TÉCNICOS INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO: Exclusivamente para
Candidato (a) que já tenha concluído ou esteja concluindo em 2010 o Ensino Fundamental.
2.6.1 - Os Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio terão duração mínima de 3,5 (três
anos e meio) e máxima de 04 (quatro) anos;
2.6.2 - O estudante que desejar participar de processo seletivo seriado para ingresso em
cursos superiores só poderá iniciá-lo após conclusão da 2º Série do curso em que estiver
matriculado;
2.6.3 - Ao estudante de Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio, o IFPA não
expedirá certificação intermediária para efeito de matricula em curso superior. Somente
será expedido Diploma de Técnico de Nível Médio Integrado ao Ensino Médio quando da
conclusão de todos os componentes curriculares, inclusive a Prática Profissional curricular.
2.6.4 - Os cursos ofertados na forma de Ensino Integrado terão suas ofertas programadas
para o 1º Semestre de 2011, de acordo com o estabelecido no quadro abaixo,
relativamente aos: Códigos, Turnos, Número de Vagas e Eixo Tecnológico.
CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS AO ENSINO MÉDIO
Ingresso no 1º Semestre/2011
6ód.
|nscr.
6urso |ntegrado Turno Vagas E|xo Tecno|óg|co
01 Técr|co er ELETR0NlCA Tarde 30
02 Técr|co er ELETR0TECNlCA Var|a 30
03 Técr|co er 0ulVlCA Tarde 30
01 Técr|co er VECÁNlCA Tarde 30
Corlro|e e Processos
lrduslr|a|s
05 Técr|co er EvENT03 Var|a 35 losp|la||dade e Lazer
0ê Técr|co er lNF0RVATlCA Tarde 30
0Z Técr|co er TELEC0VuNlCA-Ç0E3 Var|a 30
lrlorraçao e Corur|caçao
08 Técr|co er A0RlVEN3uRA Tarde 35
09 Técr|co er E0lFlCAÇ0E3 Tarde 35
10 Técr|co er E3TRA0A3 Tarde 35
lrlraeslrulura
11 Técr|co er 0E3l0N 0E lNTERl0RE3 Tarde 30 Produçao Cu|lura| e 0es|çr
12 Técr|co er VlNERAÇA0 Var|a 30 Recursos Nalura|s
T0TAL 380
2.7 - DOS CURSOS TÉCNICOS SUBSEQUENTES: Exclusivamente para candidato (a)
que já tenha concluído ou estiver concluindo no ano de 2010 o Ensino Médio com
apresentação do respectivo documento comprobatório no ato da matrícula.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
5
2.7.1 - Os Cursos ofertados na forma de Ensino Subsequente terão suas ofertas
programadas para o 1º Semestre de 2011, de acordo com o estabelecido no quadro
abaixo, relativamente aos: Códigos, Turnos, Número de Vagas e Eixo Tecnológico.
CURSOS TÉCNICOS SUBSEQUENTES
Ingresso no 1º Semestre/2011
6ód.
|nscr.
6urso 8ubseqüente Turno Vagas E|xo Tecno|óg|co
13 Técr|co er 3ANEAVENT0 Var|a 30
11 Técr|co er 3ANEAVENT0 Tarde 30
Aro|erle, 3aude e 3eçurarça
15 Técr|co er VETALuR0lA Tarde 30
1ê Técr|co er 0ulVlCA No|le 35
Corlro|e e Processos
lrduslr|a|s
1Z Técr|co er EvENT03 Var|a 30
18 Técr|co er 0ulA 0E TuRl3V0 Var|a 30
19 Técr|co er 0E3l0N 0E lNTERl0RE3 Var|a 30
losp|la||dade e Lazer
20 Técr|co er TELEC0VuNlCA-Ç0E3 Tarde 30
21 Técr|co er NF0RVATlCA Tarde 25
lrlorraçao e Corur|caçao
22 Técr|co er A0RlVEN3uRA Tarde 35
23 Técr|co er 0E00E3lA E CART00RAFlA Tarde 35
21 Técr|co er E0lFlCAÇ0E3 No|le 30
25 Técr|co er E3TRA0A3 No|le 30
lrlraeslrulura
2ê Técr|co er A0ulCuLTuRA No|le 30 Recursos Nalura|s
T0TAL 430
3. DAS INSCRIÇÕES
3.1 - DO VALOR DA TAXA DE INSCRIÇÃO
3.1.1 - O valor da taxa de inscrição do Processo Seletivo para ingresso aos Cursos
Técnicos de Nível Médio na forma Integrada e Subseqüente para o 1º semestre /2011 será
de R$ 50,00 (cinquenta reais), obedecendo a instrução normativa nº 02 de 22/05/2009,
Art. 5º, § 2º, que versa sobre a obrigatoriedade do menor valor possível a ser cobrado na
Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança).
Atenção: Não haverá devolução dos valores referentes à despesa de Inscrição, exceto em
caso de anulação do Processo Seletivo.
3.2 - DO PERÍODO DAS INSCRIÇÕES
3.2.1 - As inscrições serão realizadas no período de 25 de Novembro de 2010, a partir
das 10h até às 20h do dia 07 de Janeiro de 2011 (horário local de Belém-Pará).
3.3. DO PROCEDIMENTO PARA INSCRIÇÃO
3.3.1 - O candidato deverá se inscrever exclusivamente via internet observando as
instruções disponíveis no sítio acessando o endereço eletrônico www.ifpa.edu.br
3.3.2 - O candidato deverá possuir RG e CPF próprio, que será utilizado como referência
para cadastro.
3.3.3 - Preencher integralmente no site o Cadastro de Dados Pessoais, caso não tenha
ainda seus dados cadastrados.
3.3.4 - Preencher integralmente no site a Inscrição de acordo com a opção do curso
desejado.
3.3.5 - Gerar e imprimir a Guia de Recolhimento da União – GRU.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
6
3.3.6 - Pagar até a data de vencimento expresso, preferencialmente em qualquer agencia
do Banco do Brasil S/A ou em qualquer correspondente bancário autorizado.
3.3.7 - O candidato devera acessar o site para verificar a confirmação de pagamento.
3.3.8 - O simples cadastramento não constitui garantia de inscrição, sendo necessária a
confirmação de pagamento pela instituição bancária correspondente ou a apresentação de
comprovação de pagamento pelo candidato.
3.3.9 - Cada candidato poderá optar apenas por um curso. Caso seja efetuado o
pagamento em mais de uma inscrição, será considerada apenas a inscrição referente
à última Guia de Recolhimento da União paga. Considerando para isso a data de
pagamento da Guia de Recolhimento e caso haja coincidência nas datas de pagamento
será considerado o número da ultima inscrição.
3.3.10 - A data limite para o pagamento da Guia de Recolhimento da União será o dia 07
de Janeiro de 2011.
3.3.11 - Serão de inteira responsabilidade do candidato as informações prestadas na
inscrição.
Observação: Não serão aceitas solicitações referentes à alteração de curso depois
de efetivada a inscrição.
3.3.12 - A comissão não se responsabilizará pela inscrição não efetivada via internet por
falhas de comunicação, congestionamento de linhas de comunicação ou outros fatores que
impossibilitem a transferência, a impressão do comprovante do cadastro de inscrição.
3.3.13 - A inscrição somente será confirmada após a comprovação do pagamento da Guia
de Recolhimento da União.
3.3.14 - A qualquer tempo, a inscrição, a prova e/ou a matrícula no IFPA/Campus Belém
poderão ser canceladas, se constatada qualquer falsidade nas declarações e/ou quaisquer
irregularidades na prova ou nos documentos apresentados pelo candidato.
4. DA ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO
4.1 - O IFPA/Campus Belém disponibilizará isenções de taxa de inscrição para candidatos
hipossuficientes e Pessoas com Necessidades Especiais. O numero máximo de isenções
concedidas será de 40% do total das vagas ofertadas no Processo Seletivo aos Cursos
Técnicos de Nível Médio para ingresso no 1º semestre/2011.
4.2 - O candidato interessado em solicitar isenção da Taxa de Inscrição deverá fazer a
solicitação junto a Comissão do Processo Seletivo no IFPA/Campus Belém, no endereço:
Av. Almirante Barroso 1155, mediante requerimento que deverá ser preenchido e
entregue no local de inscrição, no período de 25 a 30 de Novembro de 2010 de 08h30min
às 11h30min e das 14h às 17h30min.
4.3 - O candidato deverá apresentar no ato da solicitação de isenção, cópia dos seguintes
documentos:
a) Carteira de Identidade;
b) Comprovante de escolaridade de acordo com a exigência para ingresso no curso
ofertado (certificado ou histórico escolar);
c) Comprovante da fatura de energia elétrica domiciliar do mês anterior que não ultrapasse
o consumo mensal de 80 (oitenta) KW/H, o qual deverá ter o mesmo endereço do
candidato, conforme indicado na ficha de solicitação de inscrição ON LINE.
d) Comprovante de renda familiar do mês de Outubro/2010, do responsável e/ou das
pessoas que contribuem com as despesas da residência; contracheque, declaração de
empregador, carteira profissional, carnê de aposentadoria ou pensão, extrato de benefício
do INSS, pensão alimentícia ou declaração de que trabalha por conta própria contendo
renda mensal e/ou quinzenal.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
7
e) Ficha de inscrição no Processo Seletivo devidamente preenchida no site
www.ifpa.edu.br.
4.4 - Serão concedidas isenções do valor da taxa de inscrição aos candidatos que
declararem e comprovarem hipossuficiência (pessoa que se encontra impossibilitada de
arcar com custos da taxa de inscrição do determinado Processo Seletivo).
4.5 - Não serão aceitos pela comissão, documentos fora do prazo determinado neste
Edital.
4.6 - O Questionário Sócio-Econômico (em formulário próprio) estará disponível no sítio
http://www.ifpa.edu.br, devendo ser preenchido e entregue na Av. Almirante Barroso
1155, na Coordenação de Processos Seletivos, Bloco I no IFPA juntamente com os
documentos acima mencionados nos horários descritos no item 4.2 deste Edital.
4.7 - As isenções serão avaliadas pela situação sócio-econômica dos candidatos.
Observação: Só serão analisadas as solicitações que apresentarem todos os documentos
indicados nos itens acima citados. Os documentos não precisam ser autenticados, desde
que sejam apresentadas as originais.
5. DA ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO PARA PESSOAS COM NECESSIDADES
ESPECIAIS
5.1 - Somente será concedida isenção do valor da inscrição às pessoas com necessidades
especiais, enquadradas no art. 4º do Decreto Federal nº 3.298, de 20 de dezembro de
1999 e suas alterações, em observância à Lei 6.988, de 2 de julho de 2007.
5.2 - O Candidato deverá anexar cópia do laudo médico recente (seis meses) que
comprove sua necessidade especial junto à Comissão do Núcleo de Atendimento as
Pessoas com Necessidade Especiais – NAPNE – Bloco E, 1º Piso, durante o período de
solicitação da Isenção, conforme cronograma no edital.
5.3 - A solicitação de condições especiais será atendida obedecendo aos critérios e
conforme as necessidades do candidato.
6. DO RESULTADO DA ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO
6.1 - O Resultado da ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO será divulgado no dia 30 de
Novembro de 2010, nos Quadros de Aviso do IFPA/Campus Belém.
6.2 – O candidato contemplado com a Isenção da Taxa, deverá se inscrever no Processo
Seletivo Técnico de Nível Médio e fazer a opção do curso pretendido através do site
http://www.ifpa.edu.br
7. DA CONFIRMAÇAO DO PAGAMENTO
7.1 - O candidato que efetuar o pagamento da Guia de Recolhimento da União-GRU
conforme citada no item 3.3.3, terá a confirmação de pagamento disponibilizado no site
do IFPA.
7.2 - As eventuais dúvidas que poderão surgir quanto aos procedimentos de inscrição, o
candidato poderá entrar em contato através do telefone (0xx91) 3201 1794, nos horários
de 9h as 11h30 e das 14h as 17h (Coordenação do Processo Seletivo-Campus Belém).
8. RECEBIMENTOS DO CARTÃO DE INSCRIÇÃO
8.1 - O cartão de confirmação de inscrição do candidato será disponibilizado no site
http://www.ifpa.edu.br a partir do dia 24 de Janeiro de 2011.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
8
8.2 - Constarão no Cartão de Inscrição, os dados pessoais do candidato, seu curso de
opção, o dia, hora, local e sala de realização da prova.
8.3 - Se o candidato constatar incorreção em seu Cartão de Inscrição, causada por erro de
processamento ou qualquer outro motivo, deverá informar a Coordenação do Processo
Seletivo, no endereço do IFPA (Av. Almirante Barroso, Nº 1155, Bairro do Marco – Bloco I)
para imediata correção.
9. DAS PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS
9.1 - O candidato com deficiência física que necessitar de qualquer tipo de condição
especial para a realização das provas deverá solicitá-la, no ato, e somente no ato, da
inscrição, indicando-a claramente a opção no formulário on line apropriado. Após esse
período, a solicitação será indeferida.
9.2 - A solicitação de condições especiais será analisada por comissão especializada que
obedecerá aos critérios de viabilidade e de razoabilidade para atendimento.
9.3 - O candidato que necessitar de tempo adicional para a realização da prova deverá
requerê-lo, junto à comissão, com justificativa acompanhada de parecer emitido por
especialista da área de sua necessidade especial, obedecendo aos critérios, conforme art.
27 do Decreto nº. 3.298 de 20/12/1999.
9.4 - O candidato com necessidades especiais que não informar no formulário de inscrição
sua condição será considerado como pessoa sem necessidades especiais.
9.5 - O candidato portador de necessidades especiais participará do Processo Seletivo em
igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere ao conteúdo,
avaliação, data, horário e local de realização da prova.
10. DAS OUTRAS DISPOSIÇÕES
10.1 - O candidato que, por motivo de saúde, for hospitalizado, ficando impossibilitado de
comparecer ao local da prova, deverá requerer, por escrito, tal impedimento à Comissão do
Processo Seletivo Técnico, no prazo de até 48 (quarenta e oito) horas de antecedência e
apresentar os documentos abaixo:
a) Atestado do médico que esteja acompanhando o candidato, autorizando a sua
participação no Processo Seletivo e declarando sua impossibilidade de locomoção;
b) Autorizações do hospital para acesso dos fiscais no horário da realização da prova;
c) Cópia do documento de identidade (a mesma utilizada na inscrição);
d) Cópia do Cartão de Inscrição.
10.2 - A candidata que tiver necessidade de amamentar seu bebê durante a realização da
prova, além de solicitar atendimento especial, deverá levar um acompanhante, que ficará
em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança. A
candidata que não levar acompanhante não realizará as provas. Não haverá compensação
do tempo de prova da candidata em virtude do tempo gasto para amamentação.
11. DA PROVA
11.1 - A seleção para provimento das vagas ofertadas aos cursos de Educação
Profissional Técnica de Nível Médio, será realizada no dia 30 de janeiro de 2011
(domingo), e compreenderá de uma prova constituída de questões objetivas abrangendo
conteúdos relativos à Educação Básica de acordo com o quadro abaixo:
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
9
Prova Tipo
Área de
Conhecimento
Número de
Questões
Integrado ao
Ensino Médio
Subseqüente
Língua Portuguesa 10
Matemática 10
Física 05
Química 05
Biologia 05
História 05
OBJETIVA
Geografia 05
CONTEÚDO
RELATIVO AO
ENSINO
FUNDAMENTAL
CONTEÚDO
RELATIVO AO
ENSINO MÉDIO
11.2 - A prova terá duração de três horas (9h às 12h- horário local.)
12. DOS RECURSOS
12.1 - Caberá recurso contra as questões da provas objetivas no prazo de 48h (quarenta e
oito horas) contando da hora de divulgação do gabarito preliminar. O recurso deverá ser
apresentado em folhas separadas para cada questão recorrida, com indicação do número
da questão, da resposta marcada pelo candidato e da resposta divulgada pelo IFPA-
Campus Belém, com argumentação lógica e consistente, bem como a indicação clara da
bibliografia pesquisada pelo candidato referente a cada questão.
12.2 - O recurso será dirigido à Comissão do Processo Seletivo em primeira e única
instância, devendo o requerimento ser protocolado no Setor de Protocolo do IFPA-Campus
Belém, situado na Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco.
12.3 - Não serão aceitos recursos coletivos.
12.4 - Serão rejeitados, liminarmente, os recursos que não estiverem devidamente
fundamentados ou, ainda, aqueles que derem entrada fora dos prazos estipulados.
12.5 - Se houver alteração do Gabarito Oficial, por força de provimento de algum recurso, o
gabarito será alterado e os cartões serão processados de acordo com o novo gabarito.
12.6 - Os resultados dos recursos estarão à disposição dos candidatos na Coordenação do
Processo Seletivo – Bloco I, Campus Belém, para que tomem ciência a partir de 48 horas
após a interposição.
13. DOS ITENS INDISPENSÁVEIS PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA
13.1 - No dia da Prova, o candidato deverá se apresentar no local e horário constado no
Cartão de Inscrição munido de:
1. Carteira de Identidade ou documento equivalente expedido por órgão oficial.
2. Cartão de Inscrição.
3. Caneta esferográfica de tinta azul ou preta.
14. DA APRESENTAÇÃO DO CANDIDATO NO LOCAL DA REALIZAÇÃO DA PROVA
14.1 - O candidato deverá se apresentar 01(uma) hora antes do início da prova, na sua
sala de prova, ou seja; às 8h (horário local) munido de seu documento de identificação que
deverá ser apresentado aos fiscais de prova que estarão na porta de sua sala.
* Quando entrar nas dependências do local da realização da prova o candidato
deverá observar as informações que facilitarão a localização de sua sala.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
10
15. DO QUE NÃO SERÁ PERMITIDO AO CANDIDATO DURANTE A REALIZAÇÃO DA
PROVA
15.1 - O uso de régua ou máquina de calcular, aparelhos eletrônicos, tais como,
walkietalkie, telefone celular e outros que venham comprometer o processo.
15.2 - Entregar a prova antes de decorrida uma hora após seu início.
15.3 - Comunicar-se com outro candidato.
15.4 - Deixar a sala da prova sem entregar o Cartão Resposta e o Caderno de Questões.
15.5 - Não serão admitidos pedidos de revisão de prova.
16. DO MATERIAL QUE O CANDIDATO RECEBERÁ NO DIA DA PROVA
16.1 - O Caderno de Questões contendo 45 (quarenta e cinco) questões objetivas
16.2 - Um Cartão-Resposta, que imediatamente deverá ser verificado se consta o seu
nome, curso e o número de sua inscrição. Se não coincidir, o candidato deve devolvê-lo ao
fiscal, para a devida troca.
16.3 - No Cartão-Resposta não poderá haver emendas ou rasuras.
17. DA ELIMINAÇÃO DO CANDIDATO
17.1 - O candidato que não comparecer para realização da prova, será eliminado
automaticamente.
17.2 - A não apresentação do Cartão de Inscrição e da Carteira de Identidade ou
documento equivalente expedido por Órgão Oficial eliminará automaticamente o candidato.
17.3 - O candidato que desrespeitar as normas, os fiscais e outros prepostos designados
pela Comissão do Processo Seletivo, será automaticamente eliminado.
17.4 - O Candidato que tentar utilizar meios ilícitos e irregulares para inscrição, realização
da prova ou matrícula, ou no momento da realização da prova comunicar-se com outros
candidatos visando obtenção de vantagens será eliminado automaticamente.
17.5 - O Candidato que for apanhado em atitude suspeita seja ela de fraude ou outra, será
automaticamente eliminado do Exame, devendo sofrer as sanções propostas em lei.
17.6 - Comprovada a suspeita que pessoas estranhas, inscritas ou não no Processo
Seletivo, estejam prestando prova por outrem, deverão sofrer as sanções previstas em lei.
17.7 - Caso o infrator a que se refere o item anterior seja aluno do IFPA poderá ser
desligado automaticamente deste Estabelecimento de Ensino.
18. DO EMPATE ENTRE CANDIDATOS
18.1 - Havendo a necessidade de proceder ao desempate entre candidatos que tenham a
média de igual valor, será classificado o que tiver obtido maior nota na prova de
Português; permanecendo o empate, classificar-se-á o que tiver obtido maior nota em
Matemática; permanecendo o empate, será classificado o candidato com maior nota
obtida da somatória das outras disciplinas (Conhecimentos Gerais)
NOTA: Acontecendo o excepcional caso em que este critério não tenha conseguido
desempatar, será classificado o candidato que tenha maior idade.
19. DA CLASSIFICAÇÃO FINAL E DO RESULTADO OFICIAL
19.1 – Expirado o prazo de entrega e de análise dos recursos, será divulgado o
RESULTADO OFICIAL do Processo Seletivo.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
11
19.2 - A classificação do resultado deste Processo Seletivo será publicada afixada em
quadros de aviso do IFPA e divulgada na internet no endereço http://www.ifpa.edu.br a
partir do dia 14 de Fevereiro de 2011.
20. DO PERÍODO PARA OS CANDIDATOS APROVADOS COMPARECEREM AO IFPA
PARA EFETIVAÇÃO DA MATRÍCULA
20.1 - Após a divulgação do Resultado Final, os candidatos aprovados no Processo
Seletivo Técnico para ingresso no 1º Semestre de 2011 receberão orientações para
matrícula através do endereço eletrônico http://www.ifpa.edu.br ou na Secretaria
Acadêmica do IFPA – Campus Belém, no dia 14 de Fevereiro de 2011.
20.2 - Após receberem as orientações sobre a Matrícula, os candidatos aprovados deverão
comparecer ao IFPA no período de 15 a 18 de Fevereiro, na Secretaria Acadêmica do
Instituto, para a efetivação da Matrícula.
20.3 - Documentação Necessária para Efetivação da Matrícula:
- Certidão de Nascimento (original e cópia);
- Carteira de Identidade (original e cópia);
- Ficha Cadastro preenchida (fornecida pela Secretaria Acadêmica do IFPA, solicitando
matrícula);
- C.P.F. (original e cópia);
- Certificado de Alistamento Militar e/ou Reservista e Título de Eleitor e comprovante de
votação da ultima eleição (obrigatório para maiores de 18 anos). (original e cópia)
- 01 (uma) Pasta com Elástico
20.3.1 – Documentos Específicos para os Aprovados nos Cursos de Ensino
Integrado: Além da documentação solicitada no Item 20.3, os candidatos deverão
apresentar Histórico Escolar ou Certificado de Conclusão do Ensino Fundamental (original
e cópia);
20.3.2 - Documentos Específicos para os Aprovados nos Cursos de Ensino
Subseqüente: Além da documentação solicitada no Item 20.3, os candidatos deverão
apresentar Histórico Escolar ou Certificado de Conclusão do Ensino Médio (original e
cópia);
21. DA NÃO EFETIVAÇÃO DA MATRICULA
21.1 - O candidato aprovado que não comparecer ao local de matrícula no IFPA – Campus
Belém, nos dias estipulados por este edital, não terá sua matrícula efetivada e perderá sua
vaga, caso não obedeça as exigências estabelecidas nas Disposições Gerais no Presente
Edital.
22. DA SEGUNDA CHAMADA (REPESCAGEM)
22.1 - Nos dias 23 a 25 de Fevereiro de 2011 será realizada a divulgação e a matrícula
dos candidatos chamados na repescagem para o 1º semestre, obedecendo rigorosamente
a quantidade de vagas não preenchidas por ordem de classificação para o preenchimento
das vagas dos candidatos que não efetivaram a matricula no período estabelecido pelo
IFPA – Campus Belém, obedecendo os critérios dispostos no item 2 deste edital.
23. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS
23.1 - A inscrição do candidato implicará a aceitação das normas para o Processo Seletivo
contidas neste Edital e demais comunicados a serem publicados. O candidato deverá
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
12
acompanhar observando rigorosamente as publicações referentes a este Processo
Seletivo Público na internet através do sítio do IFPA, no endereço eletrônico
http://www.ifpa.edu.br
23.2 - No ato da matrícula, o candidato deverá preencher o Questionário Estatístico Sócio-
econômico.
23.3 - O IFPA poderá modificar o presente Edital, visando ao melhor êxito do Processo. As
modificações, se necessárias, serão divulgadas e estarão de acordo com a legislação
vigente.
23.4 - Informações adicionais sobre a matrícula nos cursos bem como sobre o Processo
encontram-se no Manual do Candidato, que estará disponibilizado no endereço
http://www.ifpa.com.br
23.5 - Não serão aceitos documentos que apresentem emendas, rasuras ou outras
irregularidades.
23.6 - O candidato que deixar de atender a quaisquer dos prazos previstos neste Edital,
perderá automaticamente o direito à vaga.
23.7 - O candidato que não puder comparecer ao local especificado para matrícula, nas
datas definidas no presente edital, poderá nomear procurador para representá-lo, com
procuração especificamente para este fim, desde que o mesmo se apresente munido de
todos os documentos do candidato necessários para a efetivação de sua matrícula.
23.8 - A divulgação da pontuação dos não-classificados será fornecida aos interessados
pelo prazo de 30 (trinta) dias a contar da data de divulgação oficial dos aprovados e estará
disponível na Coordenação dos Processos Seletivos do IFPA – Campus Belém
23.9 - O IFPA só expedirá Diploma do Curso após a conclusão de todas as disciplinas e
respectivo cumprimento da Prática Profissional Curricular de acordo com estabelecido no
Plano Pedagógico do Curso.
24. DOS ANEXOS
Anexo I – Perfil dos Cursos
Anexo II – Conteúdo Programático para os cursos na modalidade Integrado
Anexo III – Conteúdo Programático para os cursos na modalidade Subseqüente
Anexo IV – Questionário Sócio Econômico
Belém, 24 de Novembro de 2010.
kĂŝŵƵŶĚŽ IŽĂƋƵŝŵ IĂĕĂŶŚĂ SĞƌƌĂ
ÞƌĞƐŝĚĞŶƚĞ ĚĂ CŽŵŝƐƐĆŽ ÞĞƌŵĂŶĞŶƚĞ ĚĞ
ÞƌŽĐĞƐƐŽƐ SĞůĞƚŝǀŽƐ ĚŽ llÞA ͬ CĂŵƉƵƐ 8ĞůĠŵ
ÞŽƌƚĂƌŝĂ ŶǑ ϮϭϴͬϮϬϭϬ ʹ CA8
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
13
ANEXO I
PERFIL DOS CURSOS
TÉCNICO EM QUÍMICA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Química é o profissional cidadão que possui uma sólida
formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes
à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo Nacional
dos Cursos Técnicos, a saber: “Atua no planejamento, coordenação, operação e controle dos processos
industriais e equipamentos nos processos produtivos. Planeja e coordena os processos laboratoriais.
Realiza amostragens, análises químicas, físico-químicas e microbiológicas. Realiza vendas e assistência
técnica na aplicação de equipamentos e produtos químicos. Participa no desenvolvimento de produtos e
validação de métodos. Atua com responsabilidade ambiental e em conformidade com as normas
técnicas, as normas de qualidade e de boas práticas de manufatura e de segurança.”. Poderá atuar em
“Indústrias. Empresas de comercialização e assistência técnica. Laboratórios de ensino, de calibração,
de análise e controle de qualidade e ambiental. Entidades de certificação de produtos. Tratamento de
águas e de efluentes.”, estando capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia,
criatividade, trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante
do sistema produtivo.
TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Eletrotécnica é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo o trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Instala, opera e mantém elementos de geração, transmissão e
distribuição de energia elétrica. Participa na elaboração e no desenvolvimento de projetos de instalações
elétricas e de infra-estrutura para sistemas de telecomunicações em edificações. Atua no planejamento e
execução da instalação e manutenção de equipamentos e instalações elétricas. Aplica medidas para o
uso eficiente da energia elétrica e de fontes energéticas alternativas. Participa no projeto e instala
sistemas de acionamentos elétricos. Executa a instalação e manutenção de iluminação e sinalização de
segurança.”. Poderá atuar em “Concessionárias de energia elétrica. Prestadoras de serviço. Indústrias
em geral, nas atividades de manutenção e automação. Indústrias de fabricação de máquinas,
componentes e equipamentos elétricos.”, estando capacitado a exercê-las com competência técnica,
com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo
predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM MECÂNICA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Mecânica é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Indústrias. Fábricas de máquinas, equipamentos e
componentes mecânicos. Laboratórios de controle de qualidade, de manutenção e pesquisa”, entre
outras, e em todos os seguimentos do setor metal mecânico. “Atua na elaboração de projetos de
produtos, ferramentas, máquinas e equipamentos mecânicos. Planeja, aplica e controla procedimentos
de instalação e de manutenção mecânica de máquinas e equipamentos conforme normas técnicas e
normas relacionadas a segurança. Controla processos de fabricação. Aplica técnicas de medição e
ensaios. Especifica materiais para construção mecânica”, estando capacitado a exercê-las com
competência técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se
em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM TELECOMUNICAÇÕES
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Telecomunicações é o profissional cidadão que possui
uma sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Empresas de telefonia fixa e móvel. Empresas de radiodifusão.
Indústrias de telecomunicações. Agências reguladoras e provedores de internet. Empresas de prestação
de serviços e assistência técnica. Participa da elaboração de projetos de telecomunicação. Atuam na
instalação, operação e manutenção de sistemas de telecomunicações e de telemática. Supervisiona os
procedimentos adotados nos serviços de comunicações atendendo a regulamentação específica”,
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
14
estando capacitado a exercêlas com competência técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em
equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM ESTRADAS
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Estradas é o profissional cidadão que possui uma sólida
formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes
à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo Nacional
dos Cursos Técnicos, a saber: “Atua no planejamento e execução da implantação de estradas
considerando normas técnicas e de segurança. Executa pontes, bueiros e viadutos. Realiza a
fiscalização e manutenção de vias terrestres. Utiliza equipamentos de engenharia. Realiza a
identificação de depósitos naturais de minério. Executa e analisa ensaios tecnológicos de materiais.”
Poderá atuar em “Instituições públicas e privadas. Empresas de construção e manutenção de vias
terrestres. Órgãos de fiscalização e manutenção de estradas. Laboratórios de controle tecnológico.”,
estando capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em
equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Edificações com o Ensino Médio é o profissional
cidadão que possui uma sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos
conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de
acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Desenvolve e executa projetos de
edificações conforme normas técnicas de segurança e de acordo com legislação específica. Planeja a
execução e elabora orçamento de obras. Presta assistência técnica no estudo e desenvolvimento de
projetos e pesquisas tecnológicas na área de edificações. Orienta e coordena a execução de serviços de
manutenção de equipamentos e de instalações em edificações. Orienta na assistência técnica para
compra, venda e utilização de produtos e equipamentos especializados. Poderá atuar em empresas
públicas e privadas de construção civil. Escritórios de projetos e de construção civil. Canteiros de obras,
estando capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em
equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM AGRIMENSURA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Agrimensura é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, e de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos: “Realiza levantamentos e implantações topográficas e geodésicas.
Executa, por meio de técnicas de mensuração e automatização, a coleta de dados para o
georreferenciamento de imóveis. Interpreta fotografias aéreas ou imagens de satélites. Elabora plantas,
cartas e mapas georreferenciados. Participa do planejamento de loteamentos, desmembramentos e
obras de engenharia e locação.” Poderá atuar em “Instituições públicas, privadas e do terceiro setor.
Empresas de mapeamento, cartografia, topografia e geodésia. Empresas de construção civil. Consultoria
ambiental.”, estando capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade,
trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema
produtivo.
TÉCNICO EM DESIGN DE INTERIORES
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Design de Interiores é o profissional cidadão que possui
uma sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Participar na elaboração e execução de projetos de interiores
de espaços residenciais, comerciais, vitrines e exposições. Desenvolver esboços, perspectivas e
desenhos de acordo com as normas técnicas. Planejar e organizar o espaço, identificando elementos
básicos para a concepção do projeto. Representar os elementos de projeto no espaço bidimensional e
tridimensional, aplicando os métodos de representação gráfica.” (idem, p.160), entre outras, e poderá
atuar em. “Escritórios de design. Empresas e escritórios de projetos de interiores. Lojas de móveis e
decoração. Shoppings e outros estabelecimentos comerciais. Construtoras e imobiliárias.” (idem,
ibidem), estando capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade,
trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema
produtivo.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
15
TÉCNICO EM MINERAÇÃO
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Mineração é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Opera equipamentos de extração mineral, sondagem,
perfuração, amostragem e transporte. Auxilia na caracterização de minérios sob os aspectos físico-
químico, mineralógico e granulométrico. Executa projetos de desmonte, transporte e carregamento de
minérios. Monitora a estabilidade de rochas em minas subterrânea e a céu aberto. Auxilia na elaboração
de mapeamento geológico e amostragem em superfície e subsolo. Opera equipamentos de
fragmentação, de separação mineral, separação sólido-líquido, hidrometalúrgicos e secagem.”. Poderá
atuar em “Empresas de mineração e de petróleo. Empresas de equipamentos de mineração e de
consultoria. Centros de pesquisa em mineração..”, estando capacitado a exercê-las com competência
técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação
ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM EVENTOS
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Eventos é o profissional cidadão que possui uma sólida
formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes
à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo Nacional
dos Cursos Técnicos, a saber: “Auxilia e atua na prospecção, no planejamento, na organização, na
coordenação e na execução dos serviços de apoio técnico e logístico de eventos e cerimoniais,
utilizando o protocolo e etiqueta formal. Realiza procedimentos administrativos e operacionais relativos a
eventos. Recepciona e promove serviços de eventos. Planeja e participa da confecção de ornamentos
decorativos. Coordena o armazenamento e manuseio de gêneros alimentícios servidos em eventos”.
Poderão atuar em Empresas de eventos, meios de hospedagem, instituições públicas e privadas.
“Cruzeiros marítimos, restaurantes e buffet”, estando capacitado a exercê-las com competência técnica,
com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo
predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM GUIA DE TURISMO
O egresso do Curso Técnico em Guia de Turismo é o profissional cidadão que possui uma sólida
formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes
à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo Nacional
dos Cursos Técnicos, a saber: realiza o acompanhamento, a orientação e a informação a pessoas e/ou
grupos em visitas e excursões; promove e orienta despachos e liberação de passageiros e respectivas
bagagens, em terminais de embarques e desembarques aéreos, marítimos, fluviais, rodoviários e
ferroviários; identifica e avalia os meios e recursos disponíveis nos núcleos receptores e emissores;
domina técnicas de manuseio de máquinas e equipamentos para o serviço de guiamento; identifica,
avalia e selecionar informações geográficas, históricas, artísticas, recreativas e de entretenimento,
atividades de laser e ventos, folclóricas, artesanais, de transporte, gastronômicas, de hospedagem no
contexto local e regional; identificar, avalia e seleciona, os locais, espaços e equipamentos para eventos,
recreação, animação, artes e cultura, a cada clientela; identifica e prevê serviços pessoais, turísticos e
de apoio; programa os produtos e serviços a serem oferecidos; interpreta contratos; supervisiona o
conjunto ou partes dos servidores de outros prestadores; coordena os recursos institucionais financeiros,
materiais, o suprimento, a cobrança, a segurança pessoal e dos turistas, e os serviços auxiliares e de
apoio para a viagem turística local e regional; identifica as necessidades e soluções adequadas ao
melhor atendimento do turista; desenvolve visão mercadológica prospectiva, que favoreça prontidão para
inovações e mudanças de objetivos e ofertas; dominar vocabulário instrumental em língua espanhola e
inglesa.
TÉCNICO EM METALURGIA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Metalurgia é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Participa no projeto, planejamento e supervisão dos processos
para obtenção, transformação, fundição e tratamento dos metais e suas ligas. Executa operações de
soldagem, serralheria, ferraria e reparos de estruturas metálicas. Aplica técnicas de medição, testes e
ensaios. Este curso assume linha de formação específica de acordo com o tipo de processo de
transformação de metais e suas ligas. Poderá atuar em Indústrias metal-mecânica, siderúrgica,
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
16
automobilística, naval, petrolífera, de extração e beneficiamento de minérios, de tratamento de
superfícies e de fundição. Empresas de construção mecânica e controle de qualidade”, estando
capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e
politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM GEODÉSIA E CARTOGRAFIA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Geodésia e Cartografia é o profissional cidadão que
possui uma sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos
científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o
Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Manipula mapas analógicos e digitais para obtenção
de informações espaciais. Utiliza dados coletados por sensores orbitais e aéreos para produção
cartográfica. Coleta dados através de satélites artificiais para posicionamento terrestre. Utiliza softwares
de geoprocessamento para processamento digital de imagens, sistemas de informação geográfica e
desenho assistido por computador”. Poderá atuar em “Instituições públicas e privadas. Empresas de
mapeamento e levantamento topográfico e geodésico. Entidades ambientais”, estando capacitado a
exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e
politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM SANEAMENTO
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Saneamento é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Atua na construção de estações de tratamento de águas e
esgotos. Atua em obras de captação, transporte e tratamento de águas. Realiza a manutenção de
equipamentos e redes. Executa e conduz a execução de aterros sanitários e obras para disposição e
reciclagem de resíduos e unidade de compostagem. Analisa o consumo de água. Implementa
estratégias de captação, tratamento e distribuição. Planeja a execução e elabora orçamento. Poderá
atuar em “Instituições públicas, privadas e do terceiro setor. Construtoras. “Escritórios de projetos e de
consultoria”, estando capacitado a exercê-las com competência técnica, com autonomia, criatividade,
trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema
produtivo.
TÉCNICO EM AQUICULTURA
O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Aqüicultura é o profissional cidadão que possui uma
sólida formação, abrangendo os domínios das técnicas, tecnologias e dos conhecimentos científicos
inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho, de acordo com o Catálogo
Nacional dos Cursos Técnicos, a saber: “Atua no cultivo de peixes, camarões, ostras, mexilhões, rãs e
algas. Colabora na execução e no manejo dos ambientes de cultivo, envolvendo aspectos relativos à
reprodução, larvicultura e engorda de espécies aquáticas. Prepara tanques e viveiros para o cultivo,
realizando o controle da qualidade de água e do solo. Realiza a preparação, oferta e ajuste da
alimentação das espécies cultivadas, acompanhando seu desenvolvimento e sanidade. Beneficia o
pescado, desenvolvendo produtos e subprodutos”. Poderá atuar em “Instituições públicas e privadas do
setor aqüícola. Empresas de produção e beneficiamento de pescado. Laboratórios de reprodução,
larvicultura e engorda ou de forma autônoma”, estando capacitado a exercê-las com competência
técnica, com autonomia, criatividade, trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação
ao modelo predominante do sistema produtivo.
TÉCNICO EM PESCA
O técnico formado na área de pesca está habilitado para atuar na iniciativa privada, iniciativa pública,
organizações do terceiro setor ou como empreendedor. Poderá prestar serviços de auxilio nas áreas de
engenharia de pesca, engenharia de produção, biologia, oceanografia, agronomia, veterinária, zootecnia
entre outros, atuando na pesquisa, produção, fiscalização, extensão, gestão e planejamento dos
segmentos da tecnologia do pescado e tecnologia pesqueira. Executam atividades relacionadas à pesca
extrativa, operações de embarque e desembarque. Auxilia na condução da embarcação à área de
pesca, utilizando procedimentos de armação. Constrói e mantém apetrechos de pesca (como redes de
pesca, iscas, armadilhas, anzóis). Realiza procedimentos de beneficiamento do pescado nas
embarcações. Opera equipamentos como radares, bússolas, GPS, barômetros e etc.
TECNICO EM ELETRÔNICA
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
17
O técnico em Eletrônica participa do desenvolvimento de projetos. Executa a instalação e a manutenção
de equipamentos e sistemas eletrônicos. Realiza medições e testes com equipamentos eletrônicos.
Executa procedimentos de controle de qualidade e gestão da produção de equipamentos eletrônicos. O
curso tem como objetivo: formar técnicos no ramo da Eletrônica com competências para atuarem na
implantação, manutenção e operação de instrumentos, equipamentos e sistemas que utilizam a
eletrônica no seu funcionamento.O Técnico em Eletrônica na área da indústria, é um profissional
habilitado para atuar na concepção de projetos, montagem e manutenção de sistemas, equipamentos e
instrumentos que utilizam microprocessadores e microcontroladores, em nível de software e hardware,
definindo técnicas e circuitos de interfaceamento e de aquisição de dados , atuando no planejamento,
análise e solução de problemas, visando à otimização e eficiência de sistemas de controle.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
18
ANEXO II
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
CURSOS NA MODALIDADE INTEGRADO
1. Matemática
Unidade I: Aritmética e Álgebra: Número e Numeração. Operações Fundamentais: adição,
multiplicação, divisão, potenciação, radiciação. Múltiplos e Divisores: Números primos,
divisibilidade, MDC e MMC Conjunto dos Números Racionais: Números fracionários, Fração
ordinária e decimal, Números decimais, Dízima periódica, Operações, Problemas de aplicação.
Grandezas Proporcionais: Razões e proporções, Divisão proporcional, Regra de três simples e
composta, Porcentagem, Juros simples. Cálculo Algébrico: Expressões algébricas, Valor numérico
de expressões algébricas, Operações algébricas, Produtos notáveis, Fatoração. Estudo dos
Radicais: Transformações e propriedades, Simplificação, Operações, Racionalização. Estudo da
equação do 1° Grau. Estudo da equação do 2° Grau. R esolução de equações: de 1° grau, de 2°
grau, Biquadradas, Irracionais. Resolução de sistemas de 1° e 2° graus. Problemas envolvendo
equações e sistemas de 1° e 2° graus. Inequações do 1° e 2° graus: Resolução. Sistema métrico
decimal: Unidade de medida (comprimento, área, capacidade, massa, volume): Operações e
aplicações. Unidade II: Geometria: Entes geométricos e proposições geométricas. Conjunto dos
pontos do plano: Posições relativas de retas no plano, Semi-reta e Segmento de reta, Medida de
um segmento de reta. Estudo sobre Ângulos: Definição e tipos; Bissetriz de um ângulo; Operações
com medida de ângulos; Ângulos complementares, suplementares, explementares e replementares.
Ângulos formados por duas retas paralelas cortadas por uma transversal. Feixe de paralelas:
Teorema de Tales - aplicações. Polígonos: Classificação, Cálculo do número de diagonais, Soma
de ângulos internos e externos. Triângulos: Elementos e classificação, Propriedades, Congruência e
Semelhança, Relações Métricas no Triângulo Retângulo, Razões Trigonométricas no Triângulo
Retângulo. Quadriláteros: Elementos e classificação, Propriedades. Circunferência: Comprimento
de circunferência, Comprimento de um arco de circunferência. Círculo: Elementos, Relações
métricas, Área (do círculo, do setor circular, da coroa circular). Polígonos regulares: Elementos de
um polígono regular, Medida do ângulo central, polígonos inscritos e circunscritos (Triângulo
equilátero, Quadrado e Hexágono: Elementos - Problemas). Área e Perímetro das Figuras Planas.
Volume do Paralelepípedo e Cubo.
2. Língua Portuguesa
Unidade I: Estudo do texto: compreensão e interpretação; idéias principais e idéias secundárias.
Unidade II: Vocabulário: significação das palavras e das expressões em contexto. Unidade III:
Universo semântico: sinonímia e antonímia. Unidade IV: Morfologia: flexão nominal; flexão verbal;
formas pronominais de tratamento; leitura e escrita de numerais. Unidade V: Sintaxe: termos da
oração; concordância nominal; concordância verbal; pontuação; emprego do sinal indicativo de
crase. Unidade VI: Morfossintaxe: classes de palavras e suas funções sintáticas. Unidade VII:
Estilística: denotação e conotação; figuras de linguagem; versificação (verso, estrofe, rima,
escansão).
3. Geografia
Unidade I: O Espaço Brasileiro - A formação e expansão do território brasileiro; Posição Geográfica;
Limites, pontos extremos; Fusos horários do Brasil; Hidrografia Brasileira; Ecossistemas brasileiros;
Unidade II: A População Brasileira – Os fluxos migratórios no Brasil; Crescimento e formação
étnica; A estrutura etária da população brasileira; População Rural e Urbana; Urbanização x
Metropolização; Urbanização e êxodo rural; Impactos ambientais urbanos; Unidade III: Estrutura
Econômica - Aspectos da Industrialização Brasileira; Industrialização e Urbanização; A distribuição
espacial da indústria brasileira; A produção agropecuária; Os sistemas de produção agrícola; A
produção de energia no Brasil; Os avanços das telecomunicações dos meios de transporte.
Unidade IV: Regionalização do Espaço Brasileiro - Regionalização de planejamento; As regiões
geoeconômicas; Os Domínios morfoclimáticos; O Brasil e a DIT (Divisão Internacional do Trabalho);
O Brasil e o MERCOSUL; A projeção do Brasil no panorama mundial.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
19
4. História
Unidade I: Cidadania e relações de trabalho no mundo greco-romano e feudal. Unidade II: A
Revolução Industrial e seus impactos no mundo do trabalho. Unidade III: O imperialismo europeu no
século XIX e a partilha do continente africano. Unidade IV: A escravidão negra no Brasil e os
quilombos como forma de resistência. Unidade V: Economia e trabalho na Amazônia colonial.
Unidade VI: As revoluções liberais do século XVIII e seus reflexos no processo de independência
política do Brasil. Unidade VII: Lutas políticas no Grão-Pará durante o século XIX: da adesão
paraense à independência brasileira à Cabanagem. Unidade VIII: A economia da borracha e suas
repercussões no espaço urbano de Belém. Unidade IX: O fim do tráfico negreiro e a abolição da
escravidão no Brasil. Unidade X: O movimento operário brasileiro durante a 1ª República. Unidade
XI: O Fascismo e a Segunda Guerra Mundial. Unidade XII: A Guerra Fria: capitalismo versus
socialismo na segunda metade do século XX. Unidade XIII: Os governos militares (1964-1985) e os
grandes projetos na Amazônia contemporânea. Unidade XIV: As políticas econômicas e sociais dos
governos Collor, FHC e Lula.
5. Ciências Químicas
Unidade I - A natureza e seus materiais: Matéria, material e substâncias. Propriedades da matéria.
Estados Físicos da matéria. Mudanças de estado físico. Unidade II - Organização Química da
matéria: Substâncias, moléculas e átomos. Substâncias simples e compostas. Misturas. Sistemas e
fases. Separação de Misturas. Alotropia. Transformações físicas e químicas. Unidade III – Natureza
atômica da matéria: Partículas atômicas elementares. Número atômico. Número de massa.
Fenômenos Atômicos. Distribuição eletrônica: níveis energéticos, camada de valência, cálculo do
número de elétrons de íons. Unidade IV - Estudo do elemento químico. Nome e símbolo.
Classificação. Aplicações. Classificação periódica dos elementos: lei periódica, períodos, grupos,
principais famílias. Unidade V - Ligações químicas: Iônica, cova lente e metálica. Unidade VI -
Sinopse das Funções Químicas: Ácidos, bases, sais e óxidos. Unidade VII – Reações Químicas:
Conceito e representação. Tipos de reações químicas. Unidade VIII: Problemas ambientais: chuva
ácida, camada ozônio, efeito estufa, inversão térmica, aquecimento global.
6. Ciências Físicas
Unidade I - Noções de Mecânica: Conceitos relativos ao Movimento; Velocidade e Aceleração;
Movimento Uniforme; Movimento Uniformemente Variado; Equações Horárias; A Força e suas
características; Sistemas de forças; Forças colineares de mesmo sentido e de sentidos contrários;
Forças concorrentes; Cálculo de resultante de forças; Força Peso; As três leis de Newton para o
movimento; A força de Atrito; A força centrípeta no movimento curvilíneo; O campo gravitacional; A
lei de Newton da Gravitação; Queda Livre dos corpos; Tipos de Equilíbrio; Trabalho Mecânico;
Potência; As máquinas simples; Energia Cinética; Energia Potencial e Energia Mecânica; Princípio
de Pascal; Teorema de Arquimedes; Flutuação dos corpos. Unidade II – Noções de Termologia:
Temperatura; Termômetros; As escalas Celsius e Fahrenheit; Dilatação térmica dos sólidos e dos
líquidos; O calor e sua medida; Calor específico; Calor latente; As formas de propagação do calor;
Garrafa térmica; Efeito estufa. Unidade III – Noções de Ondulatória e Acústica: Produção e
classificação das ondas; Elementos de uma onda; Tipos de ondas; Freqüência; Velocidade de uma
onda; Comprimento de onda; Ondas sonoras; A velocidade do som; Infra-som e ultra-som;
Qualidades fisiológicas do som; Reflexão do som e eco. Unidade IV – Noções de Óptica
Geométrica: Fontes de luz; Corpos luminosos e iluminados; A velocidade da luz; A propagação da
luz; A formação de eclipses; A reflexão da luz e suas leis; Os espelhos planos e esféricos; Imagem
virtual e imagem real; A refração da Luz; As lentes convergentes e divergentes; O olho humano; Os
defeitos da visão.
7. Ciências Biológicas
Unidade I: Seres Vivos: Classificação dos Seres Vivos. Estrutura Celular (Citologia). Evolução dos
Seres Vivos. Unidade II: Reino Vegetal: Funções Vitais das Plantas. Estudos de Briófitas,
pteridófitos, Gimnospermas e Angiospermas. Unidade III: Reino Animal: características Gerais,
Reprodução, Nutrição, Locomoção e Coordenação de Poríferos, Cnidários, Artrópodes, Moluscos,
Equinodermos, Nematelmintos, Platelmintos, Anelídeos e Cordados. Unidade IV: Ecologia: Cadeia
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
20
Alimentar, Teia Alimentar, Conceitos fundamentais, Problemas Ambientais. Unidade V: Sistemas
Humanos: Digestivo, Respiratório, Excretor, Circulatório, Endócrino e Nervoso.
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
21
ANEXO III
CONTEÚDO PROGRAMÁTICO
CURSOS NA MODALIDADE SUBSEQUENTE
1. Matemática
UNIDADE I: Aritmética: Operações com os Números Reais;. UNIDADE II: Álgebra: Equação dos 1°
e 2° Grau. Fatoração. Produtos Notáveis. UNIDADE II I: Geometria: Triângulos e Quadriláteros.
Semelhança e Congruência Dos Triângulos. Relações Métricas no Triângulo Retângulo. Razões
Trigonométricas. Áreas das Principais Figuras Planas. Razão. Proporção. Regra de Três Simples e
Composta. Porcentagem e Juros Simples. UNIDADE IV: Conjuntos: Representação, Igualdade,
Subconjuntos, Operações e Problemas. Conjuntos Numéricos, Intervalos e Operações. UNIDADE
V: Funções: Noção de Relação. Noção de Função. Domínio, Imagem e Gráfico de uma Função.
Análise de Gráficos. Função Composta. UNIDADE VI: Função do 1°Grau: Gráfico; Raiz; Estudo do
Sinal e Inequação do 1° Grau. UNIDADE VII: Função d o 2° Grau: Gráfico da Função. Vértice da
Parábola. Raízes ou Zeros. Estudo do Sinal. Inequações do 2° Grau. UNIDADE VIII: Função
Exponencial: Conceito. Gráfico. Equações e Inequações Exponenciais. UNIDADE IX: Logaritmos:
Definição. Propriedades dos Logaritmos. Mudança de Base. Função Logarítmica. Definição.
Gráfico. Equações e Inequações Logarítmicas. UNIDADE X: Trigonometria: Redução de Arcos do
1° Quadrante. Funções Trigonométricas (Domínio, Ima gem, Período). Identidades Trigonométricas.
Relação Fundamental. Adição e Subtração de Arcos. Arco Duplo e Arco Metade. UNIDADE XI:
Progressão Aritmética e Geométrica: Conceito, Classificação, Fórmula Do Termo Geral,
Representação Genérica, Soma Dos N Primeiros Termos da PA, Soma Dos Infinitos Termos de
uma PG. UNIDADE XII: Matrizes. Representação. Matrizes Especiais (Transposta, Simétrica, Anti-
Simétrica, Adjunta, Inversa). Igualdade e Operações Com Matrizes. UNIDADE XIII: Determinantes.
Conceito. Ordem. Propriedades. Regras para Cálculo do Determinante. UNIDADE XIV: Sistemas
Lineares. Equação Linear. Solução de um Sistema Linear (Regra de Cramer). Classificação de um
Sistema Linear. UNIDADE XV: Geometria Espacial. Prismas. Pirâmide. Cilindro. Cone. Esfera.
UNIDADE XVI: Geometria Analítica Estudo do Ponto. Estudo da Reta. Estudo da Circunferência.
UNIDADE XVII: Números Complexos. Representação. Operações na forma algébrica. UNIDADE
XVIII: Análise Combinatória. Fatorial. Permutação. Combinação. Arranjo. UNIDADE XIX: Binômio de
Newton. Número Binomial. Termo Geral do Binômio de Newton.
2. Língua Portuguesa
1. Estudo do texto: compreensão e interpretação; tema; idéias principais e idéias secundárias;
gêneros textuais e modos de organização textual (elementos estruturais da narração, descrição e
dissertação); paráfrases e inferências; 2. Variedades Lingüísticas: linguagem verbal x linguagem
não-verbal; uso formal e uso informal da Língua Portuguesa; norma culta; língua escrita e língua
falada; registro formal e registro informal; 3. Funções de linguagem; 4. Vocabulário: significado e
sentido das palavras e das expressões em contexto; 5. Universo semântico: homonímia, paronímia,
polissemia, sinonímia; antonímia; hiponímia e hiperonímia; 6. Aspectos de coerência e elementos
de coesão (valores semânticos); 7. Morfologia: flexão nominal; flexão verbal; formas pronominais de
tratamento; leitura e escrita de numerais; 8. Sintaxe: termos da oração, concordância; regência;
emprego do sinal indicativo de crase; pontuação; 9. Morfossintaxe: classes de palavras e suas
funções sintáticas; 10. Estilística: denotação e conotação; figuras de linguagem; versificação (verso,
estrofe, rima, escansão); 11. Literatura: texto literário x texto não-literário; gêneros literários;
periodização literária; Trovadorismo, Humanismo, Classicismo, Quinhentismo Brasileiro e Barroco,
Arcadismo, Romantismo, Realismo, Naturalismo, Parnasianismo, Simbolismo, Pré-Modernismo, A
Semana de Arte Moderna, Modernismo e Produções Contemporâneas Brasileira.
3. Geografia:
Unidade I: Relação Sociedade x Natureza - Do meio natural ao meio técnico-científico
informacional; Unidade II: A reordenação do espaço mundial - Modos de produção, suas
especificidades e repercussões na organização espacial; Unidade III: Espaço geográfico no mundo
globalizado - Implicações sócio-espaciais do processo de globalização. Unidade IV: O espaço
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
22
agrário – Dinâmica da produção, formas de apropriação, uso e suas repercussões ambientais;
Unidade V: O espaço urbano-industrial - Industrialização e urbanização do espaço mundial e suas
relações com a dinâmica populacional (crescimento, distribuição, mobilidade e desigualdades
sociais) e ambiental; Unidade VI: Relação campo-cidade - A importância dos processos produtivos,
de circulação e de consumo na produção do espaço geográfico das sociedades contemporâneas;
Unidade VII: A natureza no mundo contemporâneo - A apropriação da natureza pelas sociedades
contemporâneas e as implicações na produção do espaço geográfico; Unidade VIII: A
regionalização do espaço mundial - Da bipolarização à multipolarização; Unidade IX: Formação e
perspectivas dos blocos econômicos regionais - NAFTA, ALCA, União Européia, Bacia do Pacífico e
APEC; Unidade X: Espaço geográfico no mundo globalizado - A Globalização e suas
especificidades no atual período técnico-científico informacional; Unidade XI: Os conflitos
geopolíticos e étnicos - As (re)configuração territoriais do mundo contemporâneo; Unidade XII: O
espaço regional latino-americano – Identidades e questões socioeconômicas e culturais e as
tentativas de integração regional; Unidade XIII: A formação histórica do território brasileiro - O
processo diferenciado de organização espacial e o papel da industrialização na (re) estruturação do
território; Unidade XIV: O Brasil como potência regional na economia-mundo - A inserção na DIT e
sua organização espacial interna; Unidade XV: As diferentes formas de regionalização do espaço
brasileiro - Morfoclimática, político administrativo, para fins de planejamento e geoeconômicas;
Unidade XVI: O espaço paraense - A (re)configuração do espaço paraense face à reestruturação
recente da Amazônia; Unidade XVII: Populações tradicionais – Novos atores sociais e diferentes
territorialidade na reordenação dos espaços locais paraenses; Unidade XVIII: Espaço Urbano e
rural - A organização do espaço rural e urbano no Estado do Pará; Unidade XIX: Fragmentação do
espaço e reordenação territorial - Processo de formação de novas unidades político-administrativas
no Estado do Pará.
4. Historia
Tema I: O expansionismo marítimo e comercial europeu dos séculos XV e XVI e a constituição do
mercado mundial; Tema II: A Revolução Industrial: novas tecnologias, impactos sociais e a
resistência dos trabalhadores; Tema III: Escravidão indígena e escravidão negra no Brasil colonial;
Tema IV: Os quilombos como resistência negra à escravidão; Tema V: Formas de ocupação
econômica do Brasil colonial: o extrativismo na Amazônia, a produção açucareira no Nordeste e a
mineração no Sudeste; Tema VI: O Grão-Pará durante o governo do Marquês de Pombal (1750-
1777); Tema VII: O café e a borracha como fundamentos da economia brasileira no II Reinado e
primórdios da República; Tema VIII: O movimento operário brasileiro durante a 1ª República; Tema
IX: A questão sindical e a legislação trabalhista durante a Era Vargas; Tema X: O imperialismo
europeu do século XIX e a partilha da África; Tema XI: A crise do capitalismo e as duas grandes
guerras mundiais; Tema XII: O pós-Segunda Guerra Mundial e a descolonização do continente
africano; Tema XIII: A industrialização brasileira a partir dos anos 50 do século XX e o movimento
operário; Tema XIV: Os governos militares (1964-1985) e os grandes projetos na Amazônia; Tema
XV: As políticas econômicas e sociais dos governos Collor, FHC e Lula.
5. Biologia
Unidade I: Introdução à Biologia, Ramos da Biologia. Relações com as demais ciências; Citologia:
Conceito, Histórico. Células: Conceito, Forma e Tamanho, Organização Celular, Procariontes e
Eucariontes. Membrana Celular: Estrutura e Funções, Composição Química, Transportes através
da Membrana, Diferenciações da Membrana Plasmática, Reforço Externo; Citoplasma
Fundamental: Estrutura e Funções, Inclusões; Núcleo: Forma, Número, Tamanho, Componentes
Nucleares, Ácidos Nucléicos (DNA e RNA) e as suas Funções; Código Genético, Síntese de
Proteínas, Divisão Celular: Mitose, Meiose, Gametogênese. Unidade II: Genética: Conceitos
Fundamentais, 1a e 2a Lei de Mendel, problemas elementares, Sistema ABO, Sistema RH e
Sistema Mn, Problemas Elementares, Principais Síndromes Genéticas (Down, Turner e Klineffelter).
Unidade III: Evolução: Origem da Terra, Origem da Vida na Terra, Origens dos seres vivos, Teorias
Evolucionistas. Unidade IV: Ecologia: Conceitos Fundamentais, Relações; Harmônicas,
Desarmônicas, Cadeias Alimentares, Teias Alimentares, Meio Ambientes e seus Fatores, Ciclos
Biogeoquímicos. Unidade V: Saúde/Doenças: Conceito de Saúde, Características e Classificação:
Doenças Adquiridas, Congênitas, Hereditárias e de Casos Esporádicos; Epidemiologia: Epidemias,
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
23
Endemias e Pandemias; Doenças Sexualmente Transmissíveis; Doenças Causadas por Vírus, por
Bactérias, por Fungos e por Parasitas, principalmente Helmintos e Protozoários. Unidade VI: Seres
Vivos: Classificação e Características Gerais dos Grupos de Organismos: Monera, Protista, Fungí,
Metáfita, Animal (relacionando os filos) e Vírus; Unidade VII: Anatomia e Fisiologia Humana:
Anatomia e Fisiologia de todos os Sistemas de Organismos. Reprodução Humana (Anatomia e
Fisiologia do Aparelho Genital Feminino e Masculino, Menstruação, Gravidez e Métodos
Contraceptivo).
6. Física
Unidade I: Grandezas Físicas: Medidas das Grandezas Físicas. Notação Científica (Unidades e
Dimensões). Algarismos Significativos (Sistemas de Unidades). Unidade II: Cinemática: Movimento.
Ponto Material. Repouso, Movimento e Referencial. Movimento Uniforme. Movimento
Uniformemente Variado. Queda Livre dos Corpos. Unidade III: Dinâmica: Leis de Newton. Atrito.
Plano Inclinado. Trabalho, Potência e Rendimento. Energia Mecânica e sua Conservação. Unidade
IV: Gravitação Universal. Leis de Kepler. Lei da Gravitação Universal. Campo Gravitacional.
Unidade V: Termologia: Temperatura - Escalas Termométricas (Celsius, Fahrenheit e Kelvin).
Dilatação Térmica dos sólidos, líquidos e gases. Os Princípios da Calorimetria. Transmissão de
Calor. Unidade VI: Hidrostática. Leis de Conservação aplicadas a fluidos ideais. Pressão,
Densidade, Vazão, Conservação de Massa e suas implicações: Equação da Continuidade. Equação
de Bernouilli, Princípio de Pascal. Lei de Stevin. Lei de Empuxo. Unidade VII: Óptica Geométrica:
Reflexão da Luz - Espelhos Planos e Esféricos. Dioptro Plano e Lâmina de Faces Paralelas. Lentes
Esféricas Delgadas. Unidade VIII: Ondulatória: Movimento Harmônico Simples. Ondas Mecânicas.
Transporte de Energia e movimento através de ondas. Velocidade de Propagação. Comprimento de
onda. Freqüência. Amplitude e Polarização. Fenômenos Ondulatórios: Reflexão. Refração.
Interferência. Difração. Som: Natureza do Som. Qualidades Fisiológicas do Som. Nível de
Intensidade Sonora. Unidade IX: Eletricidade: Carga elétrica: quantização e lei da conservação. Lei
de Coulomb. Campo Elétrico. Potencial Elétrico. Lei de Gauss aplicado a campo elétrico. Corrente
Elétrica. Resistores. Resistência Elétrica. Lei de Ohm. Potência Elétrica. Efeito Joule. Circuitos
Elétricos Simples. Capacitores, Geradores e Receptores. Unidade X: Eletromagnetismo: Introdução
ao Magnetismo: Imãs naturais e artificiais. Força de Lorentz. Lei de Ampare. Lei de Faraday e
Indução Eletromagnética. Espectro Eletromagnético. Unidade XI: Física Moderna: Noções de
Relatividade Restrita. Quantização da Energia. Dualidade Onda-Partícula: Efeito Fotoelétrico e
Efeito Compton. Modelo Atômico de Bohr. Emissão e Absorção de radiação.
7. Química
UNIDADE L Estrutura da Matéria: átomos, moléculas e íons. UNIDADE II: Substâncias e Misturas.
UNIDADE III: Estrutura do Átomo: Partículas Atômicas Fundamentais. Fenômenos Atômicos.
Elemento Químico. Configuração Eletrônica. UNIDADE IV: Radioatividade: Isótopos. Natureza das
emissões radioativas. Leis da radioatividade. UNIDADE V: Classificação Periódica dos Elementos:
Tabela Periódica Atual e sua Estrutura. Lei de Moseley. Período, Grupo, Subgrupo e Famílias,
Elemento Representativo, de Transição e Gás Nobre. Propriedades periódicas. UNIDADE VI:
Ligações Químicas: Ligação iônica. Ligação Covalente. Ligação metálica. Ligações
intermoleculares. Polaridade das ligações e das moléculas. Propriedades físicas e químicas
decorrentes das ligações. Número de Oxidação. Oxidantes e redutores. UNIDADE VII: Funções
Inorgânicas: Dissociação iônica e ionização. Estudo das funções inorgânicas: ácidos, bases, sais,
óxidos e hidretos. UNIDADE VIII'. Reações Químicas: Tipos de reações químicas. Balanceamento
de reação química (tentativas e oxi-redução). Previsão de produtos de reação de simples troca e de
dupla troca. UNIDADE IX: Cálculos Químicos: Massas Atômicas e Moleculares. Constante de
Avogadro, quantidade de matéria, massa molar. Volume Molar. Cálculo Estequiométrico: Pureza,
Rendimento e reagente em excesso. UNIDADE X: Soluções: Conceito. Classificação. Tipos de
concentração. Diluição e mistura. UNIDADE XI: Termoquímica: Conceito. Classificação de calor e
reação química. Entalpia de formação e de combustão das substâncias. Lei de Hess. UNIDADE XII:
Cinética Química: Velocidade de reações: aspectos qualitativos e quantitativos. Fatores que
influenciam a velocidade de uma reação. Energia de ativação e os fatores que a influenciam. Ordem
e molecularidade de uma reação. UNIDADE XIII: Equilíbrio Químico: Condições de equilíbrio. Lei de
Ação das massas (Kc e Kp). Deslocamento do equilíbrio. Lei de Le Chatelier. Equilíbrio iônico da
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
24
água (pH e pOH). UNIDADE XIV: Eletroquímica: Oxidação e Redução. Potenciais de oxidação e
redução. Pilha. Eletrólise. UNIDADE XV: O Átomo de Carbono: Propriedades Fundamentais do
átomo de carbono. Ligação sigma e pi, estados de oxidação, hibridação, Classificação do carbono
na cadeia carbônica. UNIDADE XVI: Estrutura dos Compostos Orgânicos: Conceito das funções
orgânicas. Grupamento Funcional. Fórmula Geral e Estrutural. Notação e Nomenclatura IUPAC das
Funções Orgânicas: hidrocarbonetos, alcoóis, fenóis, aldeídos, cetonas, ácidos carboxílicos,
ésteres, éteres, aminas, amidas, haletos orgânicos; com até 10 átomos de carbono. Nomenclatura
usual de alguns compostos utilizados no dia-a-dia: acetileno, álcool etílico, acetona, formaldeído,
ácido acético, benzeno tolueno. Propriedades físicas dos compostos orgânicos. Isomeria espacial
(geométrica e óptica). UNIDADE XVII: Reações orgânicas (adição, substituição, eliminação e
oxidação).
kĂŝŵƵŶĚŽ IŽĂƋƵŝŵ IĂĕĂŶŚĂ SĞƌƌĂ
ÞƌĞƐŝĚĞŶƚĂ ĚĂ CŽŵŝƐƐĆŽ ÞĞƌŵĂŶĞŶƚĞ ĚĞ
ÞƌŽĐĞƐƐŽƐ SĞůĞƚŝǀŽƐ ĚŽ IIÞA ͬ CĂŵƉƵƐ 8ĞůĠŵ
ÞŽƌƚĂƌŝĂ ŶǑ ϮϭϴͬϮϬϭϬ ʹ GA8
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
25
ANEXO IV
QUESTIONÁRIO SÓCIO-ECONÔMICO E CULTURAL
Deverá ser preenchido e entregue somente pelos candidatos que pretendem solicitar isenção da
taxa de inscrição
Identificação:
Nome: ____________________________________________________________
Data de nascimento: ___/ ___/ ______ Idade: _____ anos
Sexo: ( )M ( ) F Estado Civil: ( ) Casado ( ) Solteiro ( )
Outros:_________________________
Endereço: _________________________________________________________
Bairro: _____________________ Cidade: __________________ Estado:_______
CEP: ______________Telefones para Contato: ___________________________
RG: ____________Órgão Expedidor_______ Data de Expedição:____/____/____
CPF:_________________________ Nº NIS:________________________
1-. Faixa Etária?
1-( ) 13 a 17 anos
2-( ) 18 a 21 anos
3-( ) 22 a 30 anos
4-( ) 31 a 40 anos
5-( ) 40 ou mais anos
2-. Em qual Unidade da Federação você nasceu?
1-( ) Norte (AC,AM,AP,PA,RO,RR,TO)
2-( ) Nordeste(AL,BA,CE,MA,PB,PE,PI,RN,SE)
3-( ) Sul (PR,RS,SC)
4-( ) Sudeste (ES,MG,RJ,SP)
5-( ) Centro Oeste (DF,GO,MT,MS)
3- Como você se declara quanto a Raça e Etnia?
1-( ) Branco
2-( ) Afrodescendente
3-( ) Pardo
4-( ) Amarelo
5-( ) Indígena
4- Com quem você mora atualmente?
1-( ) Com os pais e/ou outros parentes
2-( ) Com esposo(a) e/ou filho(s)
3-( ) Com amigos (compartilhando despesas ou de favor)
4-( ) Com colegas em alojamento universitário
5-( ) Sozinho(a)
5- Qual o grau de instrução que você se encontra atualmente?
1-( ) Concluiu O Ensino Fundamental
2-( ) Concluiu o Ensino Médio
3-( ) Concluiu em Supletivo
4-( ) Superior incompleto
5-( ) Superior concluído
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
26
6- Qual o sistema de ensino que estudou ou estuda?
1-( ) Municipal
2-( ) Estadual
3-( ) Federal
4-( ) Privado com bolsa parcial
5-( ) Privado com bolsa integral
7- Qual o principal motivo que o(a) levou a optar pelo curso Técnico no IFPA?:
1-( ) Ensino gratuito
2-( ) Imagem da Instituição perante a comunidade
3-( ) Influência de colegas que estudam ou estudaram nesta IFE
4-( ) Imposição familiar
5-( ) Preparação para o mercado de trabalho
8- Qual o tipo de leitura ou meio de comunicação que você mais utiliza para se manter
atualizado?
1-( ) Jornais
2-( ) Revistas
3-( ) Livros
4-( ) Televisão
5-( ) Internet
9- Você é portador de alguma necessidade especial?
( ) Sim. Especifique_________________________________________________
( ) Não.
10- Você já está matriculado em outro curso?
( ) Sim Qual?_____________________________________________________
( ) Não
11- Outra pessoa de sua família também está solicitando isenção este ano?
( ) Não
( ) Sim Quem?____________________________________________________
Situação Familiar
12- Nome do Pai: ___________________________________________________
( ) reside com a família
( ) separado
( ) falecido
( ) outra situação: Qual: ______________________________________________
13- Nome da Mãe: ___________________________________________________
( ) reside com a família
( ) separada
( ) falecida
( ) outra situação: Qual:_______________________________________________
14- Quantas pessoas moram em sua casa, contando com você? ______________
15- Qual é a renda total de sua família? R$ _______________________________
16- Qual é a sua participação na renda familiar?
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
27
( ) trabalha e é o principal responsável pela renda da família
( ) trabalha e contribui com a renda de sua família
( ) não contribui com a renda da família mas se mantém.
( ) não trabalha e seus gastos são pagos por outras pessoas
17- Qual o tipo de atividade que você exerce?
1-( ) Na área do comércio
2-( ) Na área da industria
3-( ) Serviços Públicos
4-( ) Autônomo
5-( ) Não trabalha atualmente
18- Situação de moradia:
( ) mora com a família
( ) mora sozinho(a)
( ) mora sozinho(a), pois a família mora em outra localidade
( ) mora com amigos ou parentes em ____________________________________
( ) Outra situação. Qual?______________________________________________
19- A casa em que sua família reside é:
( ) Emprestada ou cedida. Por quem? ___________________________________
( ) Alugada. Valor do aluguel R$________________________________________
( ) Própria em pagamento. Valor R$_____________________________________
( ) Própria já quitada.
20 - Qual o tipo de moradia?
( ) Madeira
( ) Alvenaria
( ) Outros _________________________________________________________
21- Nível de escolaridade de seu pai ou responsável:
( ) Nenhum ano de estudo
( ) Ensino Fundamental incompleto (menos que a 8º série)
( ) Ensino Fundamental completo (até a 8º série)
( ) Ensino Médio Completo
( ) Ensino Médio incompleto
( ) Superior completo
( ) Superior incompleto
22- Nível de escolaridade de sua mãe ou responsável:
( ) Nenhum ano de estudo
( ) Ensino Fundamental incompleto (menos que a 8º série)
( ) Ensino Fundamental completo (até a 8º série)
( ) Ensino Médio completo
( ) Ensino Médio incompleto
( ) Superior completo
( ) Superior incompleto
23- Utilize o espaço abaixo para informar se há algum agravante que interfira na situação
sócio-econômica familiar (doenças graves, dependência química, pai/mãe falecido(s),
desemprego recente, etc).
Serviço Público Federal
Ministério da Educação
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará
Campus Belém
Comissão Permanente de Processo Seletivo
Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794
CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br
28
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
24- Use este espaço para alguma observação que julgue necessária:
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
__________________________________________________________________
25-O preenchimento do questionário sócio-econômico bem como a documentação
anexada é de minha inteira responsabilidade. Declaro serem verdadeiras as informações
aqui prestadas.
_____/_____/_____ ________________________________
Data Assinatura do Requerente

Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 

Caro Candidato, Em uma sociedade na qual o conhecimento, ao longo dos anos, vem se tornando o maior trunfo no currículo do trabalhador, a educação profissional se torna cada dia mais importante para a inserção dos jovens no mercado de trabalho. Por meio do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia do Pará, a Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, oferece cursos técnicos em diversas áreas do conhecimento, sempre elaborados em conjunto com especialistas dos setores que mais empregam. Essa proximidade das principais vertentes produtivas é fundamental para formar profissionais de alto nível, com espírito empreendedor, que sejam atuantes no meio social onde se inserem, e qualificado para atender às demandas mais específicas de cada setor e da sociedade como um todo. Com vistas a garantir o sucesso dos candidatos que participarão do certame, recomendamos aos participantes a leitura minuciosa deste Edital, para que sejam observados os prazos, obrigatoriedades e todos os detalhes que norteiam a realização do Processo Seletivo Técnico 2011.

Z W W W ^

: 

& W /&W 

^  ' 

Av. Almirante Barroso, 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.093 –020 Fone (91) 3211.1794 CNPJ 05.200.142/0001-16 – internet: www.ifpa.edu.br

1

edu. 4. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.br Aplicação da Prova 30 de janeiro de 2011 Publicação do Gabarito Preliminar 31 de janeiro de 2011 Inicio do Prazo para interposição de Recurso ao Gabarito 01 de fevereiro de 2011 Preliminar Termino do Prazo para interposição de Recurso ao 02 de fevereiro de 2011 Gabarito Preliminar Inicio do Julgamento do Recurso 03 de fevereiro de 2011 Termino do Julgamento do Recurso 04 de fevereiro de 2011 Divulgação do Resultado Final 14 de fevereiro de 2011 Orientação para matrícula dos aprovados 14 de fevereiro de 2011 Inicio de Matricula dos Alunos Aprovados 15 de fevereiro de 2011 Termino de Matricula dos Alunos Aprovados 18 de fevereiro de 2011 Inicio da 2ª Chamada (Repescagem) 23 de fevereiro de 2011 Termino da 2ª Chamada (Repescagem) 25 de fevereiro de 2011 Previsão para o Início das Aulas 28 de fevereiro de 2011 Atividade Sites disponíveis para informações: http://www. 15. 10. 9.ifpa.br Informações sobre processo Seletivo – Campus Belém: (91) 3201. 11.edu.br Termino da Confirmação de inscrição do candidato no site 29 de janeiro de 2011 http://www.edu. 6.1794 Av.br e http://www. 22. 7. 12. 2.200.edu. Período Publicação do EDITAL 24 de novembro de 2010 Inicio da Inscrição 25 de novembro de 2010 Inicio de Inscrição para Isenção da Taxa 25 de novembro de 2010 Termino de Inscrição para Isenção da Taxa 30 de novembro de 2010 Publicação do Resultado da Isenção da Taxa 06 de dezembro de 2010 Termino da Inscrição 07 de janeiro de 2011 Prazo final para pagamento 07 de janeiro de 2011 Inicio da Confirmação de inscrição do candidato no site 24 de janeiro de 2011 http://www.ifpa.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. 17.ifpa.br 2 . 16.belem.edu. 5. 20. 8.093 –020 Fone (91) 3211. 3. 13. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo CALENDÁRIO PREVISTO Ingresso no 1º Semestre/2011 IFPA Campus Belém Ordem 1. Almirante Barroso. 18.ifpa.ifpa. 14. 19.1794 CNPJ 05.142/0001-16 – internet: www. 21.

1 .Na hipótese do cálculo relativo ao item 2.edu.5 (cinco décimos). e. onde também estarão as informações necessárias para a inscrição. 2. Av. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo Edital Nº 002/2010-GAB PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO PRIMEIRO SEMESTRE DE 2011 NOS CURSOS DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL TÉCNICA DE NIVEL MÉDIO DO IFPA/ CAMPUS BELÉM A COMISSÃO DO PROCESSO SELETIVO DO INSTITUTO FEDERAL DO PARÁ – CAMPUS BELÉM. 1. proceder-se-á o arredondamento para a apuração de números inteiros.Na hipótese do não preenchimento das vagas referidas no item 2. bem como as demais informações relacionadas ao Processo. ofertados na forma Integrada e Subsequente. o número de vagas será arredondado para o número inteiro imediatamente inferior.br. torna pública a realização de processo seletivo para preenchimento de 810 (oitocentas e dez) vagas nos Cursos de Educação Profissional Técnica de Nível Médio.3 resultarem em percentuais que indiquem números com casa decimais. 2. do IFPA-Campus Belém.O Processo Seletivo será regido por este Edital.br 3 . o número de vagas será arredondado para o número inteiro imediatamente superior.093 –020 Fone (91) 3211.ifpa.A inscrição será realizada somente através do sítio www.3 .1 .3.Fica sob a responsabilidade da Comissão.edu. a realização deste Processo Seletivo. realizar as inscrições.3.5 (cinco décimos).3.1 . 2. 2.3.Na hipótese de apuração de número fracionário com casa decimal inferior a 0.1794 CNPJ 05. sendo assim distribuídas: Oferta de 380 (trezentos e oitenta) vagas para o Ensino Integrado e 430 (quatrocentas e trinta) vagas para o Ensino Subsequente. 1. de acordo com o número de vagas ofertadas no curso.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. 2.142/0001-16 – internet: www.Para cada Curso ofertado 50% das vagas serão destinadas aos candidatos que venham a ser aprovados no Processo Seletivo e que comprovem ter cursado o Ensino Fundamental e/ou Ensino Médio integralmente em escola pública do país. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1. além de providenciar e coordenar todas as ações inerentes à sua realização. para ingresso no 1º semestre do ano de 2011.Serão ofertadas 810 (oitocentas e dez) vagas para a Educação Profissional Técnica de Nível Médio. 1.3. os locais de realização da prova.1.3 . as mesmas serão disponibilizadas aos demais candidatos obedecendo rigorosamente à ordem de classificação independentemente de terem cursado a Educação Básica (Ensino Fundamental e/ou Ensino Médio) em escola pública ou privada.Os candidatos serão classificados. 1. Almirante Barroso.Na hipótese de apuração de números fracionários com casa decimal igual ou superior a 0. 30% (trinta por cento) serão destinadas a candidatos negros e índios.200.1 .1. 2.2 .2 .2 .4 . no uso de suas atribuições legais.Nenhum candidato poderá alegar desconhecimento das normas e condições estabelecidas neste Edital para eximir-se de quaisquer responsabilidades inerentes a ele.2 . DAS VAGAS E DOS CURSOS 2.ifpa. que terá a incumbência de divulgar as datas. 2. destas. pela classificação decrescente de pontos e pelos critérios estipulados neste Edital. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.

4 .O estudante que desejar participar de processo seletivo seriado para ingresso em cursos superiores só poderá iniciá-lo após conclusão da 2º Série do curso em que estiver matriculado. Turnos.br 4 .&$d®(6 7pFQLFR HP $*5. 2.Para efetivação de matricula no IFPA/Campus Belém. 2.&$ 7pFQLFR HP 0(&Æ1.5 .3.Os Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio terão duração mínima de 3.6.*1 '( . pardo. o candidato aprovado no Processo Seletivo de acordo com o item 2. o IFPA não expedirá certificação intermediária para efeito de matricula em curso superior.).142/0001-16 – internet: www.200. 2. Número de Vagas e Eixo Tecnológico.6.edu.5 (três anos e meio) e máxima de 04 (quatro) anos. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.DOS CURSOS TÉCNICOS INTEGRADO AO ENSINO MÉDIO: Exclusivamente para Candidato (a) que já tenha concluído ou esteja concluindo em 2010 o Ensino Fundamental.17(5.QWHJUDGR 7pFQLFR HP (/(75Ð1.3. seguindo-se a classificação adotada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE (branco.7 . relativamente aos: Códigos.Os cursos ofertados na forma de Ensino Integrado terão suas ofertas programadas para o 1º Semestre de 2011. integralmente em escola pública do país. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 2.4 .3 .A duração prevista de cada Curso compreende o cumprimento total da carga horária de acordo com o Projeto Pedagógico de cada curso.093 –020 Fone (91) 3211.2 .3. Av. inclusive a Prática Profissional curricular. terá que comprovar com o correspondente histórico escolar que cursou toda Educação Básica (Ensino Fundamental e/ou Ensino Médio).Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.1)250È7.1(5$d­2 727$/ 7XUQR 7DUGH 0DQKm 7DUGH 7DUGH 0DQKm 7DUGH 0DQKm 7DUGH 7DUGH 7DUGH 7DUGH 0DQKm 9DJDV              (L[R 7HFQROyJLFR &RQWUROH H 3URFHVVRV . 2.25(6 7pFQLFR HP 0.&$ 7pFQLFR HP 7(/(&2081.ifpa. 2.QIUDHVWUXWXUD 3URGXomR &XOWXUDO H 'HVLJQ 5HFXUVRV 1DWXUDLV 2.&$ 7pFQLFR HP 48Ë0.4 .&$ 7pFQLFR HP (/(7527e&1. Somente será expedido Diploma de Técnico de Nível Médio Integrado ao Ensino Médio quando da conclusão de todos os componentes curriculares. amarelo.6 .O critério adotado para a identificação da cor ou raça dos candidatos será o de autodeclaração.QGXVWULDLV +RVSLWDOLGDGH H /D]HU . 2.6.&$d®(6 7pFQLFR HP (675$'$6 7pFQLFR HP '(6. preto. CURSOS TÉCNICOS INTEGRADOS AO ENSINO MÉDIO Ingresso no 1º Semestre/2011 &yG .QIRUPDomR H &RPXQLFDomR .3 .1 .1794 CNPJ 05. de acordo com o estabelecido no quadro abaixo. indígena).3.Ao estudante de Cursos Técnicos Integrados ao Ensino Médio.DOS CURSOS TÉCNICOS SUBSEQUENTES: Exclusivamente para candidato (a) que já tenha concluído ou estiver concluindo no ano de 2010 o Ensino Médio com apresentação do respectivo documento comprobatório no ato da matrícula.&$ 7pFQLFR HP (9(1726 7pFQLFR HP .QVFU             &XUVR .Os 50% (cinqüenta por cento) restante das vagas serão preenchidos pelos candidatos classificados obedecendo rigorosamente à ordem de classificação independentemente de terem cursado a Educação Básica (Ensino Fundamental e/ou Ensino Médio) em situações diferentes daquelas estabelecidas no item 2. 2. Almirante Barroso.6. 2.0(1685$ 7pFQLFR HP ('.

Art.$ 7pFQLFR HP ('.Os Cursos ofertados na forma de Ensino Subsequente terão suas ofertas programadas para o 1º Semestre de 2011.2 .3.0(1685$ 7pFQLFR HP *(2'e6.DO PERÍODO DAS INSCRIÇÕES 3.Preencher integralmente no site a Inscrição de acordo com a opção do curso desejado.br 5 .7. DAS INSCRIÇÕES 3. 3. que será utilizado como referência para cadastro.1794 CNPJ 05.1 . de acordo com o estabelecido no quadro abaixo.&$d®(6 7pFQLFR HP 1)250È7.O candidato deverá se inscrever exclusivamente via internet observando as instruções disponíveis no sítio acessando o endereço eletrônico www.O valor da taxa de inscrição do Processo Seletivo para ingresso aos Cursos Técnicos de Nível Médio na forma Integrada e Subseqüente para o 1º semestre /2011 será de R$ 50.).QIRUPDomR H &RPXQLFDomR .602 7pFQLFR HP '(6. caso não tenha ainda seus dados cadastrados.As inscrições serão realizadas no período de 25 de Novembro de 2010. 3. 3.5 . a partir das 10h até às 20h do dia 07 de Janeiro de 2011 (horário local de Belém-Pará).1.1 .1 .1 . relativamente aos: Códigos. 5º.&$d®(6 7pFQLFR HP (675$'$6 7pFQLFR HP $48.O candidato deverá possuir RG e CPF próprio.1 .3.ifpa.DO VALOR DA TAXA DE INSCRIÇÃO 3.edu. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 2.&$ 7pFQLFR HP (9(1726 7pFQLFR HP *8.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.$ ( &$572*5$).4 .&$ 7pFQLFR HP $*5.QGXVWULDLV +RVSLWDOLGDGH H /D]HU .br 3.17(5. DO PROCEDIMENTO PARA INSCRIÇÃO 3. exceto em caso de anulação do Processo Seletivo.3.$ 7pFQLFR HP 48Ë0.2.QIUDHVWUXWXUD 5HFXUVRV 1DWXUDLV 3.*1 '( . 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.QVFU               &XUVR 6XEVHTHQWH 7pFQLFR HP 6$1($0(172 7pFQLFR HP 6$1($0(172 7pFQLFR HP 0(7$/85*. Número de Vagas e Eixo Tecnológico.2 .00 (cinquenta reais). 3.3 . Almirante Barroso. 3.3. obedecendo a instrução normativa nº 02 de 22/05/2009.200. § 2º.$ '( 785.3.093 –020 Fone (91) 3211. Turnos.Gerar e imprimir a Guia de Recolhimento da União – GRU.25(6 7pFQLFR HP 7(/(&2081. CURSOS TÉCNICOS SUBSEQUENTES Ingresso no 1º Semestre/2011 &yG .142/0001-16 – internet: www. Av.Preencher integralmente no site o Cadastro de Dados Pessoais.edu.3.ifpa. Atenção: Não haverá devolução dos valores referentes à despesa de Inscrição. que versa sobre a obrigatoriedade do menor valor possível a ser cobrado na Guia de Recolhimento da União (GRU Cobrança).&8/785$ 727$/ 7XUQR 0DQKm 7DUGH 7DUGH 1RLWH 0DQKm 0DQKm 0DQKm 7DUGH 7DUGH 7DUGH 7DUGH 1RLWH 1RLWH 1RLWH 9DJDV                (L[R 7HFQROyJLFR $PELHQWH 6D~GH H 6HJXUDQoD &RQWUROH H 3URFHVVRV .

declaração de empregador.edu.2 . 4.3.8 . d) Comprovante de renda familiar do mês de Outubro/2010. será considerada apenas a inscrição referente à última Guia de Recolhimento da União paga.6 .3. 3.3.Cada candidato poderá optar apenas por um curso. o qual deverá ter o mesmo endereço do candidato. extrato de benefício do INSS. 4. carnê de aposentadoria ou pensão. preferencialmente em qualquer agencia do Banco do Brasil S/A ou em qualquer correspondente bancário autorizado.O candidato devera acessar o site para verificar a confirmação de pagamento. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 3. no endereço: Av. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. a impressão do comprovante do cadastro de inscrição.9 . Av. Observação: Não serão aceitas solicitações referentes à alteração de curso depois de efetivada a inscrição. cópia dos seguintes documentos: a) Carteira de Identidade. 3. a inscrição.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. pensão alimentícia ou declaração de que trabalha por conta própria contendo renda mensal e/ou quinzenal.O IFPA/Campus Belém disponibilizará isenções de taxa de inscrição para candidatos hipossuficientes e Pessoas com Necessidades Especiais. b) Comprovante de escolaridade de acordo com a exigência para ingresso no curso ofertado (certificado ou histórico escolar).Serão de inteira responsabilidade do candidato as informações prestadas na inscrição.11 . 3. c) Comprovante da fatura de energia elétrica domiciliar do mês anterior que não ultrapasse o consumo mensal de 80 (oitenta) KW/H. 3.14 .A data limite para o pagamento da Guia de Recolhimento da União será o dia 07 de Janeiro de 2011. no período de 25 a 30 de Novembro de 2010 de 08h30min às 11h30min e das 14h às 17h30min.O candidato interessado em solicitar isenção da Taxa de Inscrição deverá fazer a solicitação junto a Comissão do Processo Seletivo no IFPA/Campus Belém.O candidato deverá apresentar no ato da solicitação de isenção.3. conforme indicado na ficha de solicitação de inscrição ON LINE.Pagar até a data de vencimento expresso.A comissão não se responsabilizará pela inscrição não efetivada via internet por falhas de comunicação.200.093 –020 Fone (91) 3211. Considerando para isso a data de pagamento da Guia de Recolhimento e caso haja coincidência nas datas de pagamento será considerado o número da ultima inscrição. DA ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO 4. 3.3. mediante requerimento que deverá ser preenchido e entregue no local de inscrição.3.7 .142/0001-16 – internet: www.3.A qualquer tempo. 3. carteira profissional.1794 CNPJ 05.3 .12 . congestionamento de linhas de comunicação ou outros fatores que impossibilitem a transferência.3.13 .10 . 3.O simples cadastramento não constitui garantia de inscrição. Almirante Barroso. Caso seja efetuado o pagamento em mais de uma inscrição. a prova e/ou a matrícula no IFPA/Campus Belém poderão ser canceladas.ifpa. O numero máximo de isenções concedidas será de 40% do total das vagas ofertadas no Processo Seletivo aos Cursos Técnicos de Nível Médio para ingresso no 1º semestre/2011. 4.br 6 .A inscrição somente será confirmada após a comprovação do pagamento da Guia de Recolhimento da União.3. se constatada qualquer falsidade nas declarações e/ou quaisquer irregularidades na prova ou nos documentos apresentados pelo candidato. do responsável e/ou das pessoas que contribuem com as despesas da residência. 3.1 . Almirante Barroso 1155. sendo necessária a confirmação de pagamento pela instituição bancária correspondente ou a apresentação de comprovação de pagamento pelo candidato. contracheque.

durante o período de solicitação da Isenção.br. de 20 de dezembro de 1999 e suas alterações. o candidato poderá entrar em contato através do telefone (0xx91) 3201 1794.7 .2 deste Edital. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo e) Ficha de inscrição no Processo Seletivo devidamente preenchida no site www. em observância à Lei 6.ifpa. 5. documentos fora do prazo determinado neste Edital. terá a confirmação de pagamento disponibilizado no site do IFPA. 4.200.edu.1 . enquadradas no art. Observação: Só serão analisadas as solicitações que apresentarem todos os documentos indicados nos itens acima citados.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. 4. Os documentos não precisam ser autenticados. na Coordenação de Processos Seletivos.2 . devendo ser preenchido e entregue na Av.2 – O candidato contemplado com a Isenção da Taxa. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.3. DA CONFIRMAÇAO DO PAGAMENTO 7. Av.1794 CNPJ 05.1 .edu.1 . 4.ifpa. 7.As eventuais dúvidas que poderão surgir quanto aos procedimentos de inscrição.O Questionário Sócio-Econômico (em formulário próprio) estará disponível no sítio http://www. Bloco I no IFPA juntamente com os documentos acima mencionados nos horários descritos no item 4.O Candidato deverá anexar cópia do laudo médico recente (seis meses) que comprove sua necessidade especial junto à Comissão do Núcleo de Atendimento as Pessoas com Necessidade Especiais – NAPNE – Bloco E.ifpa.3 . 8. 6. Almirante Barroso 1155. 5.O candidato que efetuar o pagamento da Guia de Recolhimento da União-GRU conforme citada no item 3.093 –020 Fone (91) 3211. DO RESULTADO DA ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO 6. 6. nos Quadros de Aviso do IFPA/Campus Belém. RECEBIMENTOS DO CARTÃO DE INSCRIÇÃO 8.3. 5.ifpa.1 .ifpa.4 .br 7 .O cartão de confirmação de inscrição do candidato será disponibilizado no site http://www. DA ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO PARA PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS 5.br.5 .edu.Somente será concedida isenção do valor da inscrição às pessoas com necessidades especiais.br 7. desde que sejam apresentadas as originais. 1º Piso.As isenções serão avaliadas pela situação sócio-econômica dos candidatos.edu.Não serão aceitos pela comissão. 4º do Decreto Federal nº 3. deverá se inscrever no Processo Seletivo Técnico de Nível Médio e fazer a opção do curso pretendido através do site http://www.edu. nos horários de 9h as 11h30 e das 14h as 17h (Coordenação do Processo Seletivo-Campus Belém). de 2 de julho de 2007.br a partir do dia 24 de Janeiro de 2011.2 .A solicitação de condições especiais será atendida obedecendo aos critérios e conforme as necessidades do candidato.O Resultado da ISENÇÃO DA TAXA DE INSCRIÇÃO será divulgado no dia 30 de Novembro de 2010.6 . Almirante Barroso. 4. conforme cronograma no edital.298.988.142/0001-16 – internet: www.Serão concedidas isenções do valor da taxa de inscrição aos candidatos que declararem e comprovarem hipossuficiência (pessoa que se encontra impossibilitada de arcar com custos da taxa de inscrição do determinado Processo Seletivo).

9. data. deverá informar a Coordenação do Processo Seletivo.O candidato que necessitar de tempo adicional para a realização da prova deverá requerê-lo. conforme art. causada por erro de processamento ou qualquer outro motivo. Bairro do Marco – Bloco I) para imediata correção. que ficará em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança.2 . 10. Almirante Barroso. 9. 9. por escrito.3 . da inscrição. autorizando a sua participação no Processo Seletivo e declarando sua impossibilidade de locomoção.200.edu. d) Cópia do Cartão de Inscrição.ifpa. DAS PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS 9.O candidato com necessidades especiais que não informar no formulário de inscrição sua condição será considerado como pessoa sem necessidades especiais. no que se refere ao conteúdo.4 . 3.A candidata que tiver necessidade de amamentar seu bebê durante a realização da prova. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 8.Se o candidato constatar incorreção em seu Cartão de Inscrição. for hospitalizado.A seleção para provimento das vagas ofertadas aos cursos de Educação Profissional Técnica de Nível Médio.1 . Não haverá compensação do tempo de prova da candidata em virtude do tempo gasto para amamentação.1 . 11.142/0001-16 – internet: www. no ato. deverá requerer. os dados pessoais do candidato.O candidato portador de necessidades especiais participará do Processo Seletivo em igualdade de condições com os demais candidatos. avaliação. ficando impossibilitado de comparecer ao local da prova.3 . 8.O candidato com deficiência física que necessitar de qualquer tipo de condição especial para a realização das provas deverá solicitá-la. obedecendo aos critérios. 27 do Decreto nº. e compreenderá de uma prova constituída de questões objetivas abrangendo conteúdos relativos à Educação Básica de acordo com o quadro abaixo: Av. local e sala de realização da prova.A solicitação de condições especiais será analisada por comissão especializada que obedecerá aos critérios de viabilidade e de razoabilidade para atendimento. c) Cópia do documento de identidade (a mesma utilizada na inscrição). a solicitação será indeferida.2 .Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. hora. além de solicitar atendimento especial. A candidata que não levar acompanhante não realizará as provas.298 de 20/12/1999. Nº 1155.1 . o dia. deverá levar um acompanhante. Após esse período.br 8 . horário e local de realização da prova. 10. indicando-a claramente a opção no formulário on line apropriado.5 . 9. b) Autorizações do hospital para acesso dos fiscais no horário da realização da prova.093 –020 Fone (91) 3211.O candidato que. Almirante Barroso. e somente no ato. no prazo de até 48 (quarenta e oito) horas de antecedência e apresentar os documentos abaixo: a) Atestado do médico que esteja acompanhando o candidato.2 . 9. DA PROVA 11. no endereço do IFPA (Av. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. por motivo de saúde.Constarão no Cartão de Inscrição. será realizada no dia 30 de janeiro de 2011 (domingo). seu curso de opção.1794 CNPJ 05. DAS OUTRAS DISPOSIÇÕES 10. junto à comissão. tal impedimento à Comissão do Processo Seletivo Técnico. com justificativa acompanhada de parecer emitido por especialista da área de sua necessidade especial.

Av.2 . Campus Belém. 12.O candidato deverá se apresentar 01(uma) hora antes do início da prova. bem como a indicação clara da bibliografia pesquisada pelo candidato referente a cada questão.6 . 12. 3. o gabarito será alterado e os cartões serão processados de acordo com o novo gabarito.Não serão aceitos recursos coletivos. Caneta esferográfica de tinta azul ou preta. 12.200.093 –020 Fone (91) 3211. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo Prova Tipo OBJETIVA Área de Conhecimento Língua Portuguesa Matemática Física Química Biologia História Geografia Número de Questões 10 10 05 05 05 05 05 Integrado ao Ensino Médio CONTEÚDO RELATIVO AO ENSINO FUNDAMENTAL Subseqüente CONTEÚDO RELATIVO AO ENSINO MÉDIO 11.1 . ainda.2 . liminarmente.1 . com argumentação lógica e consistente. situado na Av. ou seja. Almirante Barroso.horário local.1 . da resposta marcada pelo candidato e da resposta divulgada pelo IFPACampus Belém. Almirante Barroso.1794 CNPJ 05. 2. aqueles que derem entrada fora dos prazos estipulados.Os resultados dos recursos estarão à disposição dos candidatos na Coordenação do Processo Seletivo – Bloco I.Caberá recurso contra as questões da provas objetivas no prazo de 48h (quarenta e oito horas) contando da hora de divulgação do gabarito preliminar. DOS RECURSOS 12. o candidato deverá se apresentar no local e horário constado no Cartão de Inscrição munido de: 1. * Quando entrar nas dependências do local da realização da prova o candidato deverá observar as informações que facilitarão a localização de sua sala.O recurso será dirigido à Comissão do Processo Seletivo em primeira e única instância. os recursos que não estiverem devidamente fundamentados ou. 12.Se houver alteração do Gabarito Oficial.No dia da Prova.5 . Carteira de Identidade ou documento equivalente expedido por órgão oficial.Serão rejeitados. para que tomem ciência a partir de 48 horas após a interposição. na sua sala de prova. DA APRESENTAÇÃO DO CANDIDATO NO LOCAL DA REALIZAÇÃO DA PROVA 14.edu.) 12.br 9 . com indicação do número da questão.4 .142/0001-16 – internet: www. 14.A prova terá duração de três horas (9h às 12h. às 8h (horário local) munido de seu documento de identificação que deverá ser apresentado aos fiscais de prova que estarão na porta de sua sala. DOS ITENS INDISPENSÁVEIS PARA A REALIZAÇÃO DA PROVA 13. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. 13. 1155 – Marco. 12. Cartão de Inscrição.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. devendo o requerimento ser protocolado no Setor de Protocolo do IFPA-Campus Belém. O recurso deverá ser apresentado em folhas separadas para cada questão recorrida.3 . por força de provimento de algum recurso.ifpa.

será automaticamente eliminado do Exame.1 . 16.ifpa.Um Cartão-Resposta. permanecendo o empate. 17. 15.1794 CNPJ 05. estejam prestando prova por outrem. 19. será classificado o candidato com maior nota obtida da somatória das outras disciplinas (Conhecimentos Gerais) NOTA: Acontecendo o excepcional caso em que este critério não tenha conseguido desempatar.4 . 17. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. permanecendo o empate.No Cartão-Resposta não poderá haver emendas ou rasuras.1 – Expirado o prazo de entrega e de análise dos recursos. inscritas ou não no Processo Seletivo.Havendo a necessidade de proceder ao desempate entre candidatos que tenham a média de igual valor. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 15. 17.5 .3 . DO EMPATE ENTRE CANDIDATOS 18.O candidato que não comparecer para realização da prova. curso e o número de sua inscrição.2 . o candidato deve devolvê-lo ao fiscal.O candidato que desrespeitar as normas. 16.A não apresentação do Cartão de Inscrição e da Carteira de Identidade ou documento equivalente expedido por Órgão Oficial eliminará automaticamente o candidato. será classificado o candidato que tenha maior idade. Av.Entregar a prova antes de decorrida uma hora após seu início.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.O Candidato que for apanhado em atitude suspeita seja ela de fraude ou outra.6 .1 .3 . será eliminado automaticamente.093 –020 Fone (91) 3211. para a devida troca. os fiscais e outros prepostos designados pela Comissão do Processo Seletivo.Deixar a sala da prova sem entregar o Cartão Resposta e o Caderno de Questões. 18.4 .5 . aparelhos eletrônicos. telefone celular e outros que venham comprometer o processo. Se não coincidir.br 10 . realização da prova ou matrícula.3 . DA CLASSIFICAÇÃO FINAL E DO RESULTADO OFICIAL 19. será classificado o que tiver obtido maior nota na prova de Português.142/0001-16 – internet: www. deverão sofrer as sanções previstas em lei. 15.O Caderno de Questões contendo 45 (quarenta e cinco) questões objetivas 16. DA ELIMINAÇÃO DO CANDIDATO 17.Não serão admitidos pedidos de revisão de prova. tais como.O uso de régua ou máquina de calcular.2 .1 . DO MATERIAL QUE O CANDIDATO RECEBERÁ NO DIA DA PROVA 16. 15.200. walkietalkie. ou no momento da realização da prova comunicar-se com outros candidatos visando obtenção de vantagens será eliminado automaticamente.Caso o infrator a que se refere o item anterior seja aluno do IFPA poderá ser desligado automaticamente deste Estabelecimento de Ensino. será automaticamente eliminado.1 . Almirante Barroso. 17.7 . 17. será divulgado o RESULTADO OFICIAL do Processo Seletivo.2 . DO QUE NÃO SERÁ PERMITIDO AO CANDIDATO DURANTE A REALIZAÇÃO DA PROVA 15.O Candidato que tentar utilizar meios ilícitos e irregulares para inscrição.edu. 15.Comprovada a suspeita que pessoas estranhas. 17.Comunicar-se com outro candidato. devendo sofrer as sanções propostas em lei. classificar-se-á o que tiver obtido maior nota em Matemática. que imediatamente deverá ser verificado se consta o seu nome. 17.

3. . no dia 14 de Fevereiro de 2011.edu. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 19.3 . Almirante Barroso. solicitando matrícula).1 .Documentação Necessária para Efetivação da Matrícula: .br 11 .edu. não terá sua matrícula efetivada e perderá sua vaga.1794 CNPJ 05.A classificação do resultado deste Processo Seletivo será publicada afixada em quadros de aviso do IFPA e divulgada na internet no endereço http://www. .200. (original e cópia) . 22.P.ifpa.1 – Documentos Específicos para os Aprovados nos Cursos de Ensino Integrado: Além da documentação solicitada no Item 20. 20. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS 23. obedecendo os critérios dispostos no item 2 deste edital. 20. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.A inscrição do candidato implicará a aceitação das normas para o Processo Seletivo contidas neste Edital e demais comunicados a serem publicados.F. DA NÃO EFETIVAÇÃO DA MATRICULA 21. . 21. os candidatos aprovados no Processo Seletivo Técnico para ingresso no 1º Semestre de 2011 receberão orientações para matrícula através do endereço eletrônico http://www.C. para a efetivação da Matrícula.Nos dias 23 a 25 de Fevereiro de 2011 será realizada a divulgação e a matrícula dos candidatos chamados na repescagem para o 1º semestre.Após receberem as orientações sobre a Matrícula.1 .2 .ifpa.Após a divulgação do Resultado Final.Ficha Cadastro preenchida (fornecida pela Secretaria Acadêmica do IFPA.1 . DO PERÍODO PARA OS CANDIDATOS APROVADOS COMPARECEREM AO IFPA PARA EFETIVAÇÃO DA MATRÍCULA 20.edu.O candidato aprovado que não comparecer ao local de matrícula no IFPA – Campus Belém. (original e cópia). . 23.142/0001-16 – internet: www.2 .3. DA SEGUNDA CHAMADA (REPESCAGEM) 22. os candidatos deverão apresentar Histórico Escolar ou Certificado de Conclusão do Ensino Fundamental (original e cópia). obedecendo rigorosamente a quantidade de vagas não preenchidas por ordem de classificação para o preenchimento das vagas dos candidatos que não efetivaram a matricula no período estabelecido pelo IFPA – Campus Belém.01 (uma) Pasta com Elástico 20. caso não obedeça as exigências estabelecidas nas Disposições Gerais no Presente Edital.br a partir do dia 14 de Fevereiro de 2011.Documentos Específicos para os Aprovados nos Cursos de Ensino Subseqüente: Além da documentação solicitada no Item 20.Certificado de Alistamento Militar e/ou Reservista e Título de Eleitor e comprovante de votação da ultima eleição (obrigatório para maiores de 18 anos). na Secretaria Acadêmica do Instituto. O candidato deverá Av.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.1 . nos dias estipulados por este edital. os candidatos aprovados deverão comparecer ao IFPA no período de 15 a 18 de Fevereiro.Certidão de Nascimento (original e cópia).br ou na Secretaria Acadêmica do IFPA – Campus Belém.3. 20.2 . os candidatos deverão apresentar Histórico Escolar ou Certificado de Conclusão do Ensino Médio (original e cópia).093 –020 Fone (91) 3211.Carteira de Identidade (original e cópia). 20.ifpa.3.

Não serão aceitos documentos que apresentem emendas.7 .edu.Informações adicionais sobre a matrícula nos cursos bem como sobre o Processo encontram-se no Manual do Candidato.3 . 23. perderá automaticamente o direito à vaga. poderá nomear procurador para representá-lo.A divulgação da pontuação dos não-classificados será fornecida aos interessados pelo prazo de 30 (trinta) dias a contar da data de divulgação oficial dos aprovados e estará disponível na Coordenação dos Processos Seletivos do IFPA – Campus Belém 23.4 . nas datas definidas no presente edital. Z W W W ^ :  & W /&W  ^  '  Av.9 .O IFPA poderá modificar o presente Edital.br 23.5 .br 23. se necessárias.ifpa. 23.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. no endereço eletrônico http://www. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.ifpa. 24. serão divulgadas e estarão de acordo com a legislação vigente.142/0001-16 – internet: www.edu.200. desde que o mesmo se apresente munido de todos os documentos do candidato necessários para a efetivação de sua matrícula. 23.No ato da matrícula. que estará disponibilizado no endereço http://www. visando ao melhor êxito do Processo.com. As modificações.8 .093 –020 Fone (91) 3211. rasuras ou outras irregularidades. com procuração especificamente para este fim. o candidato deverá preencher o Questionário Estatístico Sócioeconômico.br 12 .1794 CNPJ 05. 23. DOS ANEXOS Anexo I – Perfil dos Cursos Anexo II – Conteúdo Programático para os cursos na modalidade Integrado Anexo III – Conteúdo Programático para os cursos na modalidade Subseqüente Anexo IV – Questionário Sócio Econômico Belém.O candidato que deixar de atender a quaisquer dos prazos previstos neste Edital.ifpa.6 . 23.O candidato que não puder comparecer ao local especificado para matrícula. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo acompanhar observando rigorosamente as publicações referentes a este Processo Seletivo Público na internet através do sítio do IFPA.O IFPA só expedirá Diploma do Curso após a conclusão de todas as disciplinas e respectivo cumprimento da Prática Profissional Curricular de acordo com estabelecido no Plano Pedagógico do Curso.2 . Almirante Barroso. 24 de Novembro de 2010.

com autonomia. Participa no desenvolvimento de produtos e validação de métodos. Av. Aplica técnicas de medição e ensaios. Almirante Barroso. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.1794 CNPJ 05. equipamentos e componentes mecânicos. Indústrias em geral. componentes e equipamentos elétricos. Prestadoras de serviço. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. Empresas de radiodifusão. Empresas de prestação de serviços e assistência técnica. com autonomia. Planeja e coordena os processos laboratoriais. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Atua no planejamento e execução da instalação e manutenção de equipamentos e instalações elétricas.br 13 . opera e mantém elementos de geração. a saber: “Empresas de telefonia fixa e móvel. Poderá atuar em “Indústrias. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. TÉCNICO EM MECÂNICA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Mecânica é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Aplica medidas para o uso eficiente da energia elétrica e de fontes energéticas alternativas. Executa a instalação e manutenção de iluminação e sinalização de segurança. de análise e controle de qualidade e ambiental.”. Indústrias de telecomunicações. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. criatividade.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Laboratórios de ensino. Atuam na instalação. a saber: “Atua no planejamento.edu. entre outras. abrangendo os domínios das técnicas. Laboratórios de controle de qualidade.200.”. Poderá atuar em “Concessionárias de energia elétrica. abrangendo os domínios das técnicas. as normas de qualidade e de boas práticas de manufatura e de segurança.”. e em todos os seguimentos do setor metal mecânico.093 –020 Fone (91) 3211. abrangendo os domínios das técnicas. máquinas e equipamentos mecânicos. análises químicas.”. Especifica materiais para construção mecânica”. nas atividades de manutenção e automação. aplica e controla procedimentos de instalação e de manutenção mecânica de máquinas e equipamentos conforme normas técnicas e normas relacionadas a segurança. Agências reguladoras e provedores de internet. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. Tratamento de águas e de efluentes. abrangendo os domínios das técnicas. TÉCNICO EM TELECOMUNICAÇÕES O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Telecomunicações é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. de calibração. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. Entidades de certificação de produtos. Realiza amostragens. Controla processos de fabricação. Realiza vendas e assistência técnica na aplicação de equipamentos e produtos químicos. coordenação. transmissão e distribuição de energia elétrica. Empresas de comercialização e assistência técnica. operação e manutenção de sistemas de telecomunicações e de telemática. Participa na elaboração e no desenvolvimento de projetos de instalações elétricas e de infra-estrutura para sistemas de telecomunicações em edificações. a saber: “Indústrias. Planeja. Supervisiona os procedimentos adotados nos serviços de comunicações atendendo a regulamentação específica”. ferramentas. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo o trabalho. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo ANEXO I PERFIL DOS CURSOS TÉCNICO EM QUÍMICA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Química é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. Participa no projeto e instala sistemas de acionamentos elétricos. Atua com responsabilidade ambiental e em conformidade com as normas técnicas. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. Fábricas de máquinas. a saber: “Instala. Participa da elaboração de projetos de telecomunicação. “Atua na elaboração de projetos de produtos. físico-químicas e microbiológicas. com autonomia. criatividade.142/0001-16 – internet: www. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. Indústrias de fabricação de máquinas. criatividade. de manutenção e pesquisa”. operação e controle dos processos industriais e equipamentos nos processos produtivos.ifpa. TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Eletrotécnica é o profissional cidadão que possui uma sólida formação.

Empresas de construção civil. privadas e do terceiro setor. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. comerciais. Executa. Planejar e organizar o espaço. perspectivas e desenhos de acordo com as normas técnicas. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Desenvolver esboços. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo estando capacitado a exercêlas com competência técnica. criatividade. Participa do planejamento de loteamentos. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. abrangendo os domínios das técnicas. “Escritórios de design.edu. Elabora plantas. Orienta na assistência técnica para compra. Interpreta fotografias aéreas ou imagens de satélites. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos.1794 CNPJ 05. aplicando os métodos de representação gráfica.093 –020 Fone (91) 3211. com autonomia. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho.” Poderá atuar em “Instituições públicas e privadas. por meio de técnicas de mensuração e automatização. Shoppings e outros estabelecimentos comerciais. entre outras. Realiza a fiscalização e manutenção de vias terrestres. Realiza a identificação de depósitos naturais de minério. criatividade. Órgãos de fiscalização e manutenção de estradas. TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Edificações com o Ensino Médio é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. topografia e geodésia. estando capacitado a exercê-las com competência técnica.ifpa. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Av. com autonomia.” (idem. cartas e mapas georreferenciados. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. Empresas de construção e manutenção de vias terrestres. Orienta e coordena a execução de serviços de manutenção de equipamentos e de instalações em edificações. Construtoras e imobiliárias. bueiros e viadutos. Representar os elementos de projeto no espaço bidimensional e tridimensional. Utiliza equipamentos de engenharia.”. com autonomia. Canteiros de obras.”. abrangendo os domínios das técnicas. Escritórios de projetos e de construção civil. e poderá atuar em. Poderá atuar em empresas públicas e privadas de construção civil. Empresas de mapeamento. a coleta de dados para o georreferenciamento de imóveis. Executa pontes. identificando elementos básicos para a concepção do projeto. TÉCNICO EM DESIGN DE INTERIORES O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Design de Interiores é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. Planeja a execução e elabora orçamento de obras. TÉCNICO EM ESTRADAS O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Estradas é o profissional cidadão que possui uma sólida formação.160). estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Laboratórios de controle tecnológico. com autonomia. abrangendo os domínios das técnicas. e de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos: “Realiza levantamentos e implantações topográficas e geodésicas. TÉCNICO EM AGRIMENSURA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Agrimensura é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. criatividade. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.” (idem. cartografia. a saber: “Participar na elaboração e execução de projetos de interiores de espaços residenciais.142/0001-16 – internet: www. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. venda e utilização de produtos e equipamentos especializados. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. Empresas e escritórios de projetos de interiores. ibidem). a saber: “Atua no planejamento e execução da implantação de estradas considerando normas técnicas e de segurança. criatividade.200. Presta assistência técnica no estudo e desenvolvimento de projetos e pesquisas tecnológicas na área de edificações. p. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. a saber: “Desenvolve e executa projetos de edificações conforme normas técnicas de segurança e de acordo com legislação específica. Almirante Barroso. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. com autonomia. Executa e analisa ensaios tecnológicos de materiais. Consultoria ambiental.br 14 . Lojas de móveis e decoração. vitrines e exposições. abrangendo os domínios das técnicas. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos.” Poderá atuar em “Instituições públicas. desmembramentos e obras de engenharia e locação. criatividade. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo.

a saber: “Auxilia e atua na prospecção. Aplica técnicas de medição. Auxilia na caracterização de minérios sob os aspectos físicoquímico.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. rodoviários e ferroviários. abrangendo os domínios das técnicas. a segurança pessoal e dos turistas.. separação sólido-líquido. fundição e tratamento dos metais e suas ligas. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. a orientação e a informação a pessoas e/ou grupos em visitas e excursões. “Cruzeiros marítimos.200. recreação. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. materiais. transformação. Poderá atuar em Indústrias metal-mecânica. com autonomia. testes e ensaios. turísticos e de apoio.093 –020 Fone (91) 3211. coordena os recursos institucionais financeiros. avalia e selecionar informações geográficas. no planejamento. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. artes e cultura. de transporte. abrangendo os domínios das técnicas. Monitora a estabilidade de rochas em minas subterrânea e a céu aberto. a saber: “Opera equipamentos de extração mineral. identifica. ferraria e reparos de estruturas metálicas. restaurantes e buffet”.edu. identifica e prevê serviços pessoais. Executa projetos de desmonte. e os serviços auxiliares e de apoio para a viagem turística local e regional. identifica e avalia os meios e recursos disponíveis nos núcleos receptores e emissores. siderúrgica. a saber: realiza o acompanhamento. artesanais. abrangendo os domínios das técnicas. Poderá atuar em “Empresas de mineração e de petróleo. dominar vocabulário instrumental em língua espanhola e inglesa. com autonomia. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. criatividade. Recepciona e promove serviços de eventos. supervisiona o conjunto ou partes dos servidores de outros prestadores. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. na coordenação e na execução dos serviços de apoio técnico e logístico de eventos e cerimoniais. Poderão atuar em Empresas de eventos. folclóricas. Este curso assume linha de formação específica de acordo com o tipo de processo de transformação de metais e suas ligas. avalia e seleciona. Centros de pesquisa em mineração. Planeja e participa da confecção de ornamentos decorativos. de separação mineral. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. perfuração. utilizando o protocolo e etiqueta formal. o suprimento. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. Opera equipamentos de fragmentação.br 15 . domina técnicas de manuseio de máquinas e equipamentos para o serviço de guiamento. promove e orienta despachos e liberação de passageiros e respectivas bagagens. hidrometalúrgicos e secagem. a saber: “Participa no projeto. transporte e carregamento de minérios. Executa operações de soldagem. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. amostragem e transporte. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. criatividade. instituições públicas e privadas. de hospedagem no contexto local e regional.142/0001-16 – internet: www. sondagem. Av.ifpa. artísticas. Realiza procedimentos administrativos e operacionais relativos a eventos. recreativas e de entretenimento. a cobrança. fluviais. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo TÉCNICO EM MINERAÇÃO O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Mineração é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. os locais. Coordena o armazenamento e manuseio de gêneros alimentícios servidos em eventos”. TÉCNICO EM METALURGIA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Metalurgia é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. meios de hospedagem. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. marítimos. TÉCNICO EM EVENTOS O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Eventos é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. Almirante Barroso. identificar. atividades de laser e ventos. abrangendo os domínios das técnicas. interpreta contratos. gastronômicas. em terminais de embarques e desembarques aéreos. Empresas de equipamentos de mineração e de consultoria. históricas. na organização.1794 CNPJ 05. Auxilia na elaboração de mapeamento geológico e amostragem em superfície e subsolo. identifica as necessidades e soluções adequadas ao melhor atendimento do turista. a cada clientela. espaços e equipamentos para eventos. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. mineralógico e granulométrico. que favoreça prontidão para inovações e mudanças de objetivos e ofertas. animação.”.”. desenvolve visão mercadológica prospectiva. serralheria. planejamento e supervisão dos processos para obtenção. programa os produtos e serviços a serem oferecidos. TÉCNICO EM GUIA DE TURISMO O egresso do Curso Técnico em Guia de Turismo é o profissional cidadão que possui uma sólida formação.

privadas e do terceiro setor. a saber: “Manipula mapas analógicos e digitais para obtenção de informações espaciais. criatividade. barômetros e etc.142/0001-16 – internet: www. produção. Realiza a manutenção de equipamentos e redes. larvicultura e engorda de espécies aquáticas. bússolas. Executam atividades relacionadas à pesca extrativa. operações de embarque e desembarque.200. Empresas de construção mecânica e controle de qualidade”. Almirante Barroso. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Poderá prestar serviços de auxilio nas áreas de engenharia de pesca. tratamento e distribuição. abrangendo os domínios das técnicas.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Constrói e mantém apetrechos de pesca (como redes de pesca. com autonomia.edu. Atua em obras de captação. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. gestão e planejamento dos segmentos da tecnologia do pescado e tecnologia pesqueira. veterinária. envolvendo aspectos relativos à reprodução. com autonomia. naval. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. TÉCNICO EM PESCA O técnico formado na área de pesca está habilitado para atuar na iniciativa privada. transporte e tratamento de águas. realizando o controle da qualidade de água e do solo. Poderá atuar em “Instituições públicas e privadas do setor aqüícola. Executa e conduz a execução de aterros sanitários e obras para disposição e reciclagem de resíduos e unidade de compostagem. oferta e ajuste da alimentação das espécies cultivadas. iscas. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. biologia. acompanhando seu desenvolvimento e sanidade. criatividade. Planeja a execução e elabora orçamento. fiscalização. “Escritórios de projetos e de consultoria”. Empresas de mapeamento e levantamento topográfico e geodésico. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo automobilística. anzóis).1794 CNPJ 05. Prepara tanques e viveiros para o cultivo. de tratamento de superfícies e de fundição. TÉCNICO EM AQUICULTURA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Aqüicultura é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. Beneficia o pescado. Laboratórios de reprodução. Utiliza softwares de geoprocessamento para processamento digital de imagens. desenvolvendo produtos e subprodutos”. a saber: “Atua na construção de estações de tratamento de águas e esgotos. criatividade. Colabora na execução e no manejo dos ambientes de cultivo. extensão. Auxilia na condução da embarcação à área de pesca. oceanografia. Opera equipamentos como radares. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Empresas de produção e beneficiamento de pescado. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. Utiliza dados coletados por sensores orbitais e aéreos para produção cartográfica. camarões. zootecnia entre outros. Coleta dados através de satélites artificiais para posicionamento terrestre. engenharia de produção. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho.ifpa. sistemas de informação geográfica e desenho assistido por computador”. com autonomia. armadilhas. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. utilizando procedimentos de armação. mexilhões.br 16 . iniciativa pública. rãs e algas. GPS. a saber: “Atua no cultivo de peixes. criatividade. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. agronomia. Entidades ambientais”. estando capacitado a exercê-las com competência técnica. Poderá atuar em “Instituições públicas. TÉCNICO EM SANEAMENTO O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Saneamento é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. Analisa o consumo de água. de acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Técnicos. Construtoras. petrolífera. Realiza a preparação. organizações do terceiro setor ou como empreendedor. com autonomia. de extração e beneficiamento de minérios. atuando na pesquisa. ostras. TÉCNICO EM GEODÉSIA E CARTOGRAFIA O egresso do Curso Técnico de Nível Médio em Geodésia e Cartografia é o profissional cidadão que possui uma sólida formação. larvicultura e engorda ou de forma autônoma”. Poderá atuar em “Instituições públicas e privadas. Realiza procedimentos de beneficiamento do pescado nas embarcações. trabalhando em equipe e politicamente posicionar-se em relação ao modelo predominante do sistema produtivo. TECNICO EM ELETRÔNICA Av. tecnologias e dos conhecimentos científicos inerentes à mesma de modo a permitir sua inserção no mundo do trabalho. Implementa estratégias de captação. abrangendo os domínios das técnicas. abrangendo os domínios das técnicas.093 –020 Fone (91) 3211.

Executa a instalação e a manutenção de equipamentos e sistemas eletrônicos. visando à otimização e eficiência de sistemas de controle.O Técnico em Eletrônica na área da indústria. montagem e manutenção de sistemas. é um profissional habilitado para atuar na concepção de projetos. Av. Almirante Barroso. análise e solução de problemas. manutenção e operação de instrumentos. equipamentos e instrumentos que utilizam microprocessadores e microcontroladores. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.br 17 . definindo técnicas e circuitos de interfaceamento e de aquisição de dados .200. equipamentos e sistemas que utilizam a eletrônica no seu funcionamento.1794 CNPJ 05.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.edu.142/0001-16 – internet: www.093 –020 Fone (91) 3211. Realiza medições e testes com equipamentos eletrônicos. O curso tem como objetivo: formar técnicos no ramo da Eletrônica com competências para atuarem na implantação.ifpa. atuando no planejamento. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo O técnico em Eletrônica participa do desenvolvimento de projetos. em nível de software e hardware. Executa procedimentos de controle de qualidade e gestão da produção de equipamentos eletrônicos.

Múltiplos e Divisores: Números primos. Produtos notáveis. volume): Operações e aplicações. flexão verbal. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo ANEXO II CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CURSOS NA MODALIDADE INTEGRADO 1.Aspectos da Industrialização Brasileira. Unidade II: Geometria: Entes geométricos e proposições geométricas. Posição Geográfica.200. Unidade IV: Regionalização do Espaço Brasileiro . Língua Portuguesa Unidade I: Estudo do texto: compreensão e interpretação. Resolução de sistemas de 1° e 2° graus. formas pronominais de tratamento. Unidade V: Sintaxe: termos da oração. Unidade IV: Morfologia: flexão nominal. 3. As regiões geoeconômicas. Razões Trigonométricas no Triângulo Retângulo. Geografia Unidade I: O Espaço Brasileiro . Comprimento de um arco de circunferência.aplicações. Circunferência: Comprimento de circunferência. Limites. potenciação. Ângulos complementares. Operações algébricas. Unidade VII: Estilística: denotação e conotação.edu. Propriedades.Problemas). Unidade III: Universo semântico: sinonímia e antonímia. Cálculo Algébrico: Expressões algébricas. Medida de um segmento de reta. Relações métricas. suplementares. Os avanços das telecomunicações dos meios de transporte. Unidade II: Vocabulário: significação das palavras e das expressões em contexto. Estudo da equação do 1° Grau. A produção agropecuária. explementares e replementares. do setor circular. Crescimento e formação étnica. Ângulos formados por duas retas paralelas cortadas por uma transversal.A formação e expansão do território brasileiro. concordância verbal. Ecossistemas brasileiros. Fração ordinária e decimal. Semi-reta e Segmento de reta. concordância nominal. MDC e MMC Conjunto dos Números Racionais: Números fracionários. Medida do ângulo central. idéias principais e idéias secundárias. de 2° grau. Impactos ambientais urbanos. multiplicação. Área (do círculo. Porcentagem. Polígonos: Classificação. Unidade VI: Morfossintaxe: classes de palavras e suas funções sintáticas.br 18 . População Rural e Urbana. pontuação. Operações com medida de ângulos. Simplificação.Regionalização de planejamento. Operações Fundamentais: adição.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Biquadradas.142/0001-16 – internet: www. 2. Bissetriz de um ângulo. Grandezas Proporcionais: Razões e proporções. Fatoração.ifpa. Problemas de aplicação. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. Sistema métrico decimal: Unidade de medida (comprimento. Unidade III: Estrutura Econômica . Quadriláteros: Elementos e classificação. O Brasil e a DIT (Divisão Internacional do Trabalho). massa. Feixe de paralelas: Teorema de Tales . radiciação. A estrutura etária da população brasileira. Estudo dos Radicais: Transformações e propriedades. A projeção do Brasil no panorama mundial. Círculo: Elementos. A distribuição espacial da indústria brasileira.093 –020 Fone (91) 3211. R esolução de equações: de 1° grau. Almirante Barroso. Urbanização e êxodo rural. Juros simples. O Brasil e o MERCOSUL. Hidrografia Brasileira. da coroa circular). Av. Conjunto dos pontos do plano: Posições relativas de retas no plano. Os Domínios morfoclimáticos. Problemas envolvendo equações e sistemas de 1° e 2° graus. figuras de linguagem. versificação (verso. escansão). polígonos inscritos e circunscritos (Triângulo equilátero. Polígonos regulares: Elementos de um polígono regular. capacidade. Relações Métricas no Triângulo Retângulo. Estudo sobre Ângulos: Definição e tipos. Matemática Unidade I: Aritmética e Álgebra: Número e Numeração. Congruência e Semelhança. Regra de três simples e composta. Fusos horários do Brasil. Inequações do 1° e 2° graus: Resolução. Operações. Operações. leitura e escrita de numerais. Industrialização e Urbanização. estrofe. Propriedades. divisão.1794 CNPJ 05. emprego do sinal indicativo de crase. rima. Números decimais. Cálculo do número de diagonais. Quadrado e Hexágono: Elementos . Divisão proporcional. Unidade II: A População Brasileira – Os fluxos migratórios no Brasil. Soma de ângulos internos e externos. Estudo da equação do 2° Grau. Os sistemas de produção agrícola. pontos extremos. Racionalização. Triângulos: Elementos e classificação. Valor numérico de expressões algébricas. área. Volume do Paralelepípedo e Cubo. Área e Perímetro das Figuras Planas. Dízima periódica. divisibilidade. A produção de energia no Brasil. Urbanização x Metropolização. Irracionais.

Energia Cinética. Propriedades da matéria. Flutuação dos corpos. Unidade X: O movimento operário brasileiro durante a 1ª República. Equações Horárias. Unidade VI: As revoluções liberais do século XVIII e seus reflexos no processo de independência política do Brasil. 5. As três leis de Newton para o movimento. Qualidades fisiológicas do som. Forças colineares de mesmo sentido e de sentidos contrários.Organização Química da matéria: Substâncias. sais e óxidos. bases. Efeito estufa. Sistemas e fases. efeito estufa. Unidade VI Sinopse das Funções Químicas: Ácidos. O calor e sua medida. Ciências Químicas Unidade I . Movimento Uniformemente Variado. Ondas sonoras. Nematelmintos. Unidade V . Nome e símbolo. Queda Livre dos corpos.A natureza e seus materiais: Matéria. grupos. Evolução dos Seres Vivos. Número atômico. Forças concorrentes. A formação de eclipses. Unidade III: O imperialismo europeu no século XIX e a partilha do continente africano.200. cova lente e metálica. camada ozônio. Reprodução. Tipos de Equilíbrio. aquecimento global. Substâncias simples e compostas.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Unidade II . Garrafa térmica. Termômetros. Fenômenos Atômicos. A lei de Newton da Gravitação. Unidade VII – Reações Químicas: Conceito e representação. Unidade IV . Força Peso. Classificação periódica dos elementos: lei periódica. A força centrípeta no movimento curvilíneo.Estudo do elemento químico. A propagação da luz. As lentes convergentes e divergentes. As formas de propagação do calor. Comprimento de onda. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. Unidade VII: Lutas políticas no Grão-Pará durante o século XIX: da adesão paraense à independência brasileira à Cabanagem. Unidade III: Reino Animal: características Gerais. Unidade XII: A Guerra Fria: capitalismo versus socialismo na segunda metade do século XX. camada de valência. Velocidade de uma onda. Teorema de Arquimedes. Velocidade e Aceleração. Classificação. Infra-som e ultra-som. Unidade XI: O Fascismo e a Segunda Guerra Mundial. Artrópodes. O olho humano. Separação de Misturas. Tipos de reações químicas. Princípio de Pascal. Unidade IV – Noções de Óptica Geométrica: Fontes de luz. Unidade IV: Ecologia: Cadeia Av. A velocidade da luz. Elementos de uma onda. Unidade III – Natureza atômica da matéria: Partículas atômicas elementares. Unidade XIII: Os governos militares (1964-1985) e os grandes projetos na Amazônia contemporânea.Ligações químicas: Iônica. Os defeitos da visão. Almirante Barroso. Freqüência. Ciências Biológicas Unidade I: Seres Vivos: Classificação dos Seres Vivos. Tipos de ondas. Unidade XIV: As políticas econômicas e sociais dos governos Collor. Aplicações. Mudanças de estado físico. Unidade IX: O fim do tráfico negreiro e a abolição da escravidão no Brasil. Potência. Misturas. Unidade IV: A escravidão negra no Brasil e os quilombos como forma de resistência. Cálculo de resultante de forças.edu. Gimnospermas e Angiospermas. As escalas Celsius e Fahrenheit. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 4. Unidade V: Economia e trabalho na Amazônia colonial. A velocidade do som. Unidade II – Noções de Termologia: Temperatura.142/0001-16 – internet: www. FHC e Lula. Nutrição. Platelmintos. Energia Potencial e Energia Mecânica. Estudos de Briófitas. Cnidários. Corpos luminosos e iluminados. Calor latente. A Força e suas características. A refração da Luz. Reflexão do som e eco. Distribuição eletrônica: níveis energéticos. Unidade VIII: A economia da borracha e suas repercussões no espaço urbano de Belém. Estrutura Celular (Citologia). pteridófitos. Transformações físicas e químicas. Ciências Físicas Unidade I . Unidade VIII: Problemas ambientais: chuva ácida. períodos. Imagem virtual e imagem real. Unidade III – Noções de Ondulatória e Acústica: Produção e classificação das ondas.1794 CNPJ 05. Movimento Uniforme. Anelídeos e Cordados. Sistemas de forças. A reflexão da luz e suas leis. Número de massa. Equinodermos. Trabalho Mecânico. 6. História Unidade I: Cidadania e relações de trabalho no mundo greco-romano e feudal. Unidade II: Reino Vegetal: Funções Vitais das Plantas.093 –020 Fone (91) 3211. Locomoção e Coordenação de Poríferos. material e substâncias. Calor específico. O campo gravitacional.Noções de Mecânica: Conceitos relativos ao Movimento. Moluscos. moléculas e átomos.br 19 .ifpa. Os espelhos planos e esféricos. As máquinas simples. inversão térmica. principais famílias. A força de Atrito. Dilatação térmica dos sólidos e dos líquidos. Alotropia. Unidade II: A Revolução Industrial e seus impactos no mundo do trabalho. cálculo do número de elétrons de íons. Estados Físicos da matéria. 7.

Unidade V: Sistemas Humanos: Digestivo. Conceitos fundamentais. Excretor.br 20 . 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. Almirante Barroso.093 –020 Fone (91) 3211.200. Problemas Ambientais. Endócrino e Nervoso. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo Alimentar. Respiratório. Circulatório.edu. Av.142/0001-16 – internet: www. Teia Alimentar.1794 CNPJ 05.ifpa.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.

UNIDADE IV: Conjuntos: Representação. Identidades Trigonométricas. AntiSimétrica. Termo Geral do Binômio de Newton. A Semana de Arte Moderna. paronímia. Adjunta. Permutação. Esfera. Humanismo. UNIDADE V: Funções: Noção de Relação. Gráfico. Adição e Subtração de Arcos. Raiz. gêneros literários. Gráfico. UNIDADE II: Álgebra: Equação dos 1° e 2° Grau. 6. Equações e Inequações Exponenciais. Número Binomial. Cilindro.ifpa. norma culta. UNIDADE XI: Progressão Aritmética e Geométrica: Conceito. Conjuntos Numéricos. Funções de linguagem. Raízes ou Zeros. Vértice da Parábola. Realismo. Literatura: texto literário x texto não-literário. Inversa). Semelhança e Congruência Dos Triângulos. Pirâmide. Equações e Inequações Logarítmicas. Relação Fundamental. Operações e Problemas. 10. Fatorial. 11.1794 CNPJ 05. registro formal e registro informal. polissemia. Trovadorismo. UNIDADE XV: Geometria Espacial. Pré-Modernismo. rima. Classicismo. UNIDADE XVII: Números Complexos. Áreas das Principais Figuras Planas.Implicações sócio-espaciais do processo de globalização. UNIDADE VIII: Função Exponencial: Conceito.edu. Período). escansão). paráfrases e inferências. Aspectos de coerência e elementos de coesão (valores semânticos). tema. UNIDADE VII: Função d o 2° Grau: Gráfico da Função. Estudo da Circunferência. Ima gem.Modos de produção. Representação. Quinhentismo Brasileiro e Barroco. Produtos Notáveis. Combinação. Propriedades dos Logaritmos. Morfologia: flexão nominal. flexão verbal. Naturalismo. Simétrica.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Parnasianismo. Classificação. Inequações do 2° Grau.093 –020 Fone (91) 3211. Representação. UNIDADE X: Trigonometria: Redução de Arcos do 1° Quadrante. Universo semântico: homonímia. Arco Duplo e Arco Metade. emprego do sinal indicativo de crase. Geografia: Unidade I: Relação Sociedade x Natureza . Soma Dos Infinitos Termos de uma PG. Modernismo e Produções Contemporâneas Brasileira. UNIDADE VI: Função do 1° Grau: Gráfico. leitura e escrita de numerais. Sintaxe: termos da oração. Simbolismo. formas pronominais de tratamento.200. periodização literária. Língua Portuguesa 1. sinonímia. língua escrita e língua falada. Domínio. Estilística: denotação e conotação. Estudo do texto: compreensão e interpretação. Operações na forma algébrica. gêneros textuais e modos de organização textual (elementos estruturais da narração. Unidade II: A reordenação do espaço mundial . Subconjuntos. Vocabulário: significado e sentido das palavras e das expressões em contexto. concordância. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo ANEXO III CONTEÚDO PROGRAMÁTICO CURSOS NA MODALIDADE SUBSEQUENTE 1. 3. UNIDADE XIII: Determinantes. Equação Linear. Noção de Função. Proporção. UNIDADE XIX: Binômio de Newton. Prismas. Estudo da Reta. Regras para Cálculo do Determinante. Romantismo. Variedades Lingüísticas: linguagem verbal x linguagem não-verbal. Igualdade e Operações Com Matrizes. Intervalos e Operações. 4. Almirante Barroso. Imagem e Gráfico de uma Função. 3.br 21 . 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. pontuação. hiponímia e hiperonímia. 5. Fatoração. Estudo do Sinal. Igualdade. UNIDADE II I: Geometria: Triângulos e Quadriláteros. Porcentagem e Juros Simples. Estudo do Sinal e Inequação do 1° Grau. 2. UNIDADE XVI: Geometria Analítica Estudo do Ponto. Função Logarítmica.Do meio natural ao meio técnico-científico informacional. Soma Dos N Primeiros Termos da PA.. 7. Arranjo. Classificação de um Sistema Linear. figuras de linguagem. idéias principais e idéias secundárias. antonímia. Matemática UNIDADE I: Aritmética: Operações com os Números Reais. UNIDADE IX: Logaritmos: Definição. Solução de um Sistema Linear (Regra de Cramer). Matrizes Especiais (Transposta. Razões Trigonométricas. 8. estrofe. Função Composta. uso formal e uso informal da Língua Portuguesa. descrição e dissertação). Representação Genérica. versificação (verso. suas especificidades e repercussões na organização espacial. UNIDADE XVIII: Análise Combinatória. Morfossintaxe: classes de palavras e suas funções sintáticas. regência.142/0001-16 – internet: www. Arcadismo. Unidade III: Espaço geográfico no mundo globalizado . Razão. Cone. Definição. UNIDADE XIV: Sistemas Lineares. Regra de Três Simples e Composta. Unidade IV: O espaço Av. UNIDADE XII: Matrizes. Conceito. Funções Trigonométricas (Domínio. 9. 2. Mudança de Base. Relações Métricas no Triângulo Retângulo. Análise de Gráficos. Fórmula Do Termo Geral. Propriedades. Ordem.

A importância dos processos produtivos. Unidade VI: Relação campo-cidade . Relações. Gametogênese. Número.A apropriação da natureza pelas sociedades contemporâneas e as implicações na produção do espaço geográfico.ifpa.200. Unidade II: Genética: Conceitos Fundamentais. Transportes através da Membrana. Origem da Vida na Terra. Biologia Unidade I: Introdução à Biologia. Divisão Celular: Mitose. Características e Classificação: Doenças Adquiridas. a produção açucareira no Nordeste e a mineração no Sudeste. para fins de planejamento e geoeconômicas. Unidade XIII: A formação histórica do território brasileiro .NAFTA. Ramos da Biologia.Industrialização e urbanização do espaço mundial e suas relações com a dinâmica populacional (crescimento. Procariontes e Eucariontes.As (re)configuração territoriais do mundo contemporâneo. 4. Turner e Klineffelter). Meiose. Teorias Evolucionistas. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. Núcleo: Forma. Tamanho. Tema V: Formas de ocupação econômica do Brasil colonial: o extrativismo na Amazônia. Bacia do Pacífico e APEC. Membrana Celular: Estrutura e Funções.Processo de formação de novas unidades político-administrativas no Estado do Pará. Unidade VIII: A regionalização do espaço mundial . Tema IV: Os quilombos como resistência negra à escravidão. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo agrário – Dinâmica da produção.093 –020 Fone (91) 3211. Tema X: O imperialismo europeu do século XIX e a partilha da África. Componentes Nucleares. Forma e Tamanho. impactos sociais e a resistência dos trabalhadores. União Européia. Unidade XVII: Populações tradicionais – Novos atores sociais e diferentes territorialidade na reordenação dos espaços locais paraenses. Unidade X: Espaço geográfico no mundo globalizado . ALCA. Tema II: A Revolução Industrial: novas tecnologias. Tema IX: A questão sindical e a legislação trabalhista durante a Era Vargas. Principais Síndromes Genéticas (Down. Unidade V: Saúde/Doenças: Conceito de Saúde.br 22 . Inclusões. Historia Tema I: O expansionismo marítimo e comercial europeu dos séculos XV e XVI e a constituição do mercado mundial. Síntese de Proteínas.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Unidade XVIII: Espaço Urbano e rural . Origens dos seres vivos. Tema XII: O pós-Segunda Guerra Mundial e a descolonização do continente africano. Células: Conceito. 1a e 2a Lei de Mendel. Av. problemas elementares. Meio Ambientes e seus Fatores. de circulação e de consumo na produção do espaço geográfico das sociedades contemporâneas. Citologia: Conceito. Ácidos Nucléicos (DNA e RNA) e as suas Funções. Unidade XI: Os conflitos geopolíticos e étnicos . Unidade XV: As diferentes formas de regionalização do espaço brasileiro . Tema XIV: Os governos militares (1964-1985) e os grandes projetos na Amazônia. Unidade IX: Formação e perspectivas dos blocos econômicos regionais . Tema VIII: O movimento operário brasileiro durante a 1ª República.A (re)configuração do espaço paraense face à reestruturação recente da Amazônia.142/0001-16 – internet: www. 5. Diferenciações da Membrana Plasmática. Unidade VII: A natureza no mundo contemporâneo . Tema III: Escravidão indígena e escravidão negra no Brasil colonial. distribuição.Morfoclimática. Teias Alimentares. uso e suas repercussões ambientais. Unidade III: Evolução: Origem da Terra.edu. Unidade XIX: Fragmentação do espaço e reordenação territorial . Hereditárias e de Casos Esporádicos. Desarmônicas. Reforço Externo. Unidade XVI: O espaço paraense . Histórico.A Globalização e suas especificidades no atual período técnico-científico informacional. Tema XV: As políticas econômicas e sociais dos governos Collor. Composição Química. Cadeias Alimentares. Unidade XIV: O Brasil como potência regional na economia-mundo .O processo diferenciado de organização espacial e o papel da industrialização na (re) estruturação do território. Tema VI: O Grão-Pará durante o governo do Marquês de Pombal (17501777). Tema XIII: A industrialização brasileira a partir dos anos 50 do século XX e o movimento operário. Relações com as demais ciências. Unidade IV: Ecologia: Conceitos Fundamentais. Problemas Elementares. Harmônicas.A organização do espaço rural e urbano no Estado do Pará. Epidemiologia: Epidemias. Congênitas. Tema XI: A crise do capitalismo e as duas grandes guerras mundiais. Código Genético. Almirante Barroso. FHC e Lula. Sistema RH e Sistema Mn. formas de apropriação. Unidade V: O espaço urbano-industrial .1794 CNPJ 05. Tema VII: O café e a borracha como fundamentos da economia brasileira no II Reinado e primórdios da República. Citoplasma Fundamental: Estrutura e Funções. Organização Celular. mobilidade e desigualdades sociais) e ambiental.A inserção na DIT e sua organização espacial interna. político administrativo. Ciclos Biogeoquímicos. Unidade XII: O espaço regional latino-americano – Identidades e questões socioeconômicas e culturais e as tentativas de integração regional. Sistema ABO.Da bipolarização à multipolarização.

ifpa. quantidade de matéria. Força de Lorentz. Lei de Le Chatelier. UNIDADE X: Soluções: Conceito. Menstruação. UNIDADE XI: Termoquímica: Conceito. Propriedades periódicas. Classificação. Estudo das funções inorgânicas: ácidos. Repouso.093 –020 Fone (91) 3211. líquidos e gases. Leis de Conservação aplicadas a fluidos ideais. Reações Químicas: Tipos de reações químicas. UNIDADE IX: Cálculos Químicos: Massas Atômicas e Moleculares. Lei de Gauss aplicado a campo elétrico. UNIDADE XII: Cinética Química: Velocidade de reações: aspectos qualitativos e quantitativos. Unidade II: Cinemática: Movimento. Unidade VI: Seres Vivos: Classificação e Características Gerais dos Grupos de Organismos: Monera. Movimento e Referencial. Energia Mecânica e sua Conservação. Leis da radioatividade. Unidade IX: Eletricidade: Carga elétrica: quantização e lei da conservação. Trabalho. Configuração Eletrônica. Grupo. Lentes Esféricas Delgadas. Classificação de calor e reação química. Resistores. Ordem e molecularidade de uma reação. Transporte de Energia e movimento através de ondas. Lei de Empuxo. Lei da Gravitação Universal. Freqüência. Nível de Intensidade Sonora. Fahrenheit e Kelvin). Corrente Elétrica. Unidade V: Termologia: Temperatura . Polaridade das ligações e das moléculas. Conservação de Massa e suas implicações: Equação da Continuidade. Comprimento de onda. UNIDADE VII: Funções Inorgânicas: Dissociação iônica e ionização. sais. Fungí. Unidade VII: Anatomia e Fisiologia Humana: Anatomia e Fisiologia de todos os Sistemas de Organismos. Movimento Uniformemente Variado.142/0001-16 – internet: www. Período. Densidade. 7. Constante de Avogadro.br 23 . Protista. Almirante Barroso. Física Unidade I: Grandezas Físicas: Medidas das Grandezas Físicas. Campo Elétrico. Lei de Stevin. Rendimento e reagente em excesso. Geradores e Receptores. Unidade X: Eletromagnetismo: Introdução ao Magnetismo: Imãs naturais e artificiais. Fenômenos Ondulatórios: Reflexão. UNIDADE II: Substâncias e Misturas. Unidade VIII: Ondulatória: Movimento Harmônico Simples. Deslocamento do equilíbrio. Potência Elétrica. Atrito. Potencial Elétrico. Vazão. principalmente Helmintos e Protozoários. Lei de Faraday e Indução Eletromagnética. UNIDADE IV: Radioatividade: Isótopos. Dilatação Térmica dos sólidos. Queda Livre dos Corpos. Balanceamento de reação química (tentativas e oxi-redução). UNIDADE XIII: Equilíbrio Químico: Condições de equilíbrio. Previsão de produtos de reação de simples troca e de dupla troca. Número de Oxidação. Espectro Eletromagnético. Efeito Joule. Lei de Moseley.Espelhos Planos e Esféricos. Lei de Ohm. Plano Inclinado. Doenças Causadas por Vírus. Volume Molar. Qualidades Fisiológicas do Som. Lei de Coulomb. Os Princípios da Calorimetria. Princípio de Pascal. por Bactérias. UNIDADE V: Classificação Periódica dos Elementos: Tabela Periódica Atual e sua Estrutura. por Fungos e por Parasitas. de Transição e Gás Nobre. Cálculo Estequiométrico: Pureza. UNIDADE III: Estrutura do Átomo: Partículas Atômicas Fundamentais. Circuitos Elétricos Simples.edu. óxidos e hidretos. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. Tipos de concentração. Ligação Covalente. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo Endemias e Pandemias. Propriedades físicas e químicas decorrentes das ligações. Equação de Bernouilli. Lei de Hess. Animal (relacionando os filos) e Vírus. Gravidez e Métodos Contraceptivo). Subgrupo e Famílias. Velocidade de Propagação. Elemento Representativo. Notação Científica (Unidades e Dimensões). Unidade III: Dinâmica: Leis de Newton. Refração. Interferência.200.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação. Movimento Uniforme. UNIDADE VIII'. Algarismos Significativos (Sistemas de Unidades).1794 CNPJ 05.Escalas Termométricas (Celsius. Campo Gravitacional. Energia de ativação e os fatores que a influenciam. moléculas e íons. Dualidade Onda-Partícula: Efeito Fotoelétrico e Efeito Compton. massa molar. Amplitude e Polarização. Unidade IV: Gravitação Universal. Emissão e Absorção de radiação. Fatores que influenciam a velocidade de uma reação. Modelo Atômico de Bohr. 6. Potência e Rendimento. Dioptro Plano e Lâmina de Faces Paralelas. Ligações intermoleculares. Pressão. Elemento Químico. Transmissão de Calor. Lei de Ação das massas (Kc e Kp). UNIDADE VI: Ligações Químicas: Ligação iônica. Reprodução Humana (Anatomia e Fisiologia do Aparelho Genital Feminino e Masculino. Oxidantes e redutores. Ponto Material. Unidade XI: Física Moderna: Noções de Relatividade Restrita. Ligação metálica. Unidade VI: Hidrostática. Equilíbrio iônico da Av. Natureza das emissões radioativas. Resistência Elétrica. Ondas Mecânicas. Unidade VII: Óptica Geométrica: Reflexão da Luz . Capacitores. Lei de Ampare. Química UNIDADE L Estrutura da Matéria: átomos. Leis de Kepler. Diluição e mistura. Quantização da Energia. Difração. Entalpia de formação e de combustão das substâncias. Fenômenos Atômicos. Metáfita. Doenças Sexualmente Transmissíveis. Som: Natureza do Som. bases.

UNIDADE XVI: Estrutura dos Compostos Orgânicos: Conceito das funções orgânicas. Notação e Nomenclatura IUPAC das Funções Orgânicas: hidrocarbonetos.edu. cetonas. estados de oxidação. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo água (pH e pOH). Ligação sigma e pi. Propriedades físicas dos compostos orgânicos. álcool etílico. haletos orgânicos. com até 10 átomos de carbono. UNIDADE XVII: Reações orgânicas (adição. éteres.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.ifpa. formaldeído. acetona.093 –020 Fone (91) 3211. Isomeria espacial (geométrica e óptica). amidas. aminas.200. Pilha. UNIDADE XV: O Átomo de Carbono: Propriedades Fundamentais do átomo de carbono. alcoóis. aldeídos. UNIDADE XIV: Eletroquímica: Oxidação e Redução. Z W W W ^ :  & W /&W  ^  '  Av. Nomenclatura usual de alguns compostos utilizados no dia-a-dia: acetileno. eliminação e oxidação). hibridação. ácido acético. Eletrólise.142/0001-16 – internet: www. Potenciais de oxidação e redução. ésteres. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.br 24 . Fórmula Geral e Estrutural.1794 CNPJ 05. substituição. ácidos carboxílicos. Classificação do carbono na cadeia carbônica. fenóis. Grupamento Funcional. Almirante Barroso. benzeno tolueno.

MT.SP) 5-( ) Centro Oeste (DF.RO. Em qual Unidade da Federação você nasceu? 1-( ) Norte (AC.PI.SC) 4-( ) Sudeste (ES.093 –020 Fone (91) 3211.BA.200.MG.RS.RN.PB.PE. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.142/0001-16 – internet: www.RJ.Qual o grau de instrução que você se encontra atualmente? 1-( ) Concluiu O Ensino Fundamental 2-( ) Concluiu o Ensino Médio 3-( ) Concluiu em Supletivo 4-( ) Superior incompleto 5-( ) Superior concluído Av.AM.1794 CNPJ 05.SE) 3-( ) Sul (PR.MA.br 25 .MS) 3.Com quem você mora atualmente? 1-( ) Com os pais e/ou outros parentes 2-( ) Com esposo(a) e/ou filho(s) 3-( ) Com amigos (compartilhando despesas ou de favor) 4-( ) Com colegas em alojamento universitário 5-( ) Sozinho(a) 5.PA. Almirante Barroso. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo ANEXO IV QUESTIONÁRIO SÓCIO-ECONÔMICO E CULTURAL Deverá ser preenchido e entregue somente pelos candidatos que pretendem solicitar isenção da taxa de inscrição Identificação: Nome: ____________________________________________________________ Data de nascimento: ___/ ___/ ______ Idade: _____ anos Sexo: ( )M ( ) F Estado Civil: ( ) Casado ( ) Solteiro ( ) Outros:_________________________ Endereço: _________________________________________________________ Bairro: _____________________ Cidade: __________________ Estado:_______ CEP: ______________Telefones para Contato: ___________________________ RG: ____________Órgão Expedidor_______ Data de Expedição:____/____/____ CPF:_________________________ Nº NIS:________________________ 1-.ifpa.Como você se declara quanto a Raça e Etnia? 1-( ) Branco 2-( ) Afrodescendente 3-( ) Pardo 4-( ) Amarelo 5-( ) Indígena 4.CE.RR. Faixa Etária? 1-( ) 13 a 17 anos 2-( ) 18 a 21 anos 3-( ) 22 a 30 anos 4-( ) 31 a 40 anos 5-( ) 40 ou mais anos 2-.AP.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.TO) 2-( ) Nordeste(AL.edu.GO.

1794 CNPJ 05.Qual o sistema de ensino que estudou ou estuda? 1-( ) Municipal 2-( ) Estadual 3-( ) Federal 4-( ) Privado com bolsa parcial 5-( ) Privado com bolsa integral 7.edu.Qual é a renda total de sua família? R$ _______________________________ 16. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66.ifpa.Nome da Mãe: ___________________________________________________ ( ) reside com a família ( ) separada ( ) falecida ( ) outra situação: Qual:_______________________________________________ 14. contando com você? ______________ 15.Você é portador de alguma necessidade especial? ( ) Sim.Quantas pessoas moram em sua casa.br 26 . Especifique_________________________________________________ ( ) Não.093 –020 Fone (91) 3211.Qual é a sua participação na renda familiar? Av.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.142/0001-16 – internet: www. Almirante Barroso.Qual o tipo de leitura ou meio de comunicação que você mais utiliza para se manter atualizado? 1-( ) Jornais 2-( ) Revistas 3-( ) Livros 4-( ) Televisão 5-( ) Internet 9.Você já está matriculado em outro curso? ( ) Sim Qual?_____________________________________________________ ( ) Não 11. 10.Qual o principal motivo que o(a) levou a optar pelo curso Técnico no IFPA?: 1-( ) Ensino gratuito 2-( ) Imagem da Instituição perante a comunidade 3-( ) Influência de colegas que estudam ou estudaram nesta IFE 4-( ) Imposição familiar 5-( ) Preparação para o mercado de trabalho 8.Outra pessoa de sua família também está solicitando isenção este ano? ( ) Não ( ) Sim Quem?____________________________________________________ Situação Familiar 12. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo 6.200.Nome do Pai: ___________________________________________________ ( ) reside com a família ( ) separado ( ) falecido ( ) outra situação: Qual: ______________________________________________ 13.

edu.Qual o tipo de atividade que você exerce? 1-( ) Na área do comércio 2-( ) Na área da industria 3-( ) Serviços Públicos 4-( ) Autônomo 5-( ) Não trabalha atualmente 18. Valor R$_____________________________________ ( ) Própria já quitada. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo ( ( ( ( ) trabalha e é o principal responsável pela renda da família ) trabalha e contribui com a renda de sua família ) não contribui com a renda da família mas se mantém. etc). Por quem? ___________________________________ ( ) Alugada. 20 . Qual?______________________________________________ 19. dependência química.Utilize o espaço abaixo para informar se há algum agravante que interfira na situação sócio-econômica familiar (doenças graves.Nível de escolaridade de seu pai ou responsável: ( ) Nenhum ano de estudo ( ) Ensino Fundamental incompleto (menos que a 8º série) ( ) Ensino Fundamental completo (até a 8º série) ( ) Ensino Médio Completo ( ) Ensino Médio incompleto ( ) Superior completo ( ) Superior incompleto 22. pois a família mora em outra localidade ( ) mora com amigos ou parentes em ____________________________________ ( ) Outra situação.Situação de moradia: ( ) mora com a família ( ) mora sozinho(a) ( ) mora sozinho(a). Valor do aluguel R$________________________________________ ( ) Própria em pagamento. Av. desemprego recente.142/0001-16 – internet: www.br 27 .1794 CNPJ 05.ifpa.Qual o tipo de moradia? ( ) Madeira ( ) Alvenaria ( ) Outros _________________________________________________________ 21. pai/mãe falecido(s).200.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.A casa em que sua família reside é: ( ) Emprestada ou cedida.Nível de escolaridade de sua mãe ou responsável: ( ) Nenhum ano de estudo ( ) Ensino Fundamental incompleto (menos que a 8º série) ( ) Ensino Fundamental completo (até a 8º série) ( ) Ensino Médio completo ( ) Ensino Médio incompleto ( ) Superior completo ( ) Superior incompleto 23. Almirante Barroso. 1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. ) não trabalha e seus gastos são pagos por outras pessoas 17.093 –020 Fone (91) 3211.

1155 – Marco – Belém/PA – CEP 66. Almirante Barroso. Declaro serem verdadeiras as informações aqui prestadas.200.ifpa. _____/_____/_____ Data ________________________________ Assinatura do Requerente Av.edu. Ciência e Tecnologia do Pará Campus Belém Comissão Permanente de Processo Seletivo __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ 24.093 –020 Fone (91) 3211.br 28 .142/0001-16 – internet: www.Serviço Público Federal Ministério da Educação Instituto Federal de Educação.1794 CNPJ 05.Use este espaço para alguma observação que julgue necessária: __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ __________________________________________________________________ 25-O preenchimento do questionário sócio-econômico bem como a documentação anexada é de minha inteira responsabilidade.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful