Você está na página 1de 87

A Maldição de Canaã

Eustace Mullins

Sobre o Autor

Em quarenta anos de pesquisas de investigação dedicada, Eustace Mullins foi criticado com retorno considerável. Ele foi mantido sob vigilância diária por agentes do FBI por 32 anos, sem acusações nunca foram colocados contra ele. Ele é a única pessoa demitido da equipe da Biblioteca do Congresso, por razões políticas. Ele é o único escritor que teve um livro queimado na Europa desde 1945. Depois de cumprir 38 meses no Exército Força Aérea dos EUA durante a Segunda Guerra Mundial, Eustace Mullins foi educado na Universidade de Washington e Lee, da Ohio State University, University of North Dakota, e New York University. Mais tarde, estudou arte na des Escuela de Bellas Artes, San Miguel de Allende, México e no Institute of Contemporary Arts, em Washington, DC Enquanto estudava, em Washington, ele foi convidado para ir ao Hospital Santa Isabel para falar à nação mais famoso preso político, Ezra Pound. A figura proeminente da literatura do século XX, Pound viu três de seus alunos, recebeu o Prêmio Nobel, que não foi negado a ele por causa de suas declarações como um patriota americano nativo. Não só Eustace

Mullins tornou seu protegido mais ativo, ele é a única pessoa que mantém nome de Ezra Pound, hoje vivo, através da obra de Ezra Pound o Instituto da Civilização, que foi fundada logo após a morte do poeta, em Veneza. Com o presente trabalho, Eustace Mullins espera fechar um apagão de três mil anos atrás de que os inimigos da humanidade tem operado com a impunidade na realização de seu programa satânico. É muito tarde na história da nossa civilização. Este livro foi escrito exclusivamente com o objetivo de renovar a nossa cultura antiga, e de trazê-lo a novas alturas.

2

Prefácio

Após quarenta anos de trabalho paciente da crise que enfrenta a humanidade, cheguei a uma conclusão muito simples, todas as conspirações são satânicos! Em retrospectiva, essa conclusão não deve surpreender ninguém. Eu admito que ele veio como uma surpresa para mim. Eu nunca tinha antecipado que o meu décadas de trabalho levaria a uma solução tão abrangente e incontestável. Esta resposta me havia escapado ao longo dos anos, não porque eu estava no caminho errado, mas porque eu ainda não tinha consultado a última fonte de conhecimento da Bíblia. Para traçar as maquinações da conspiração materialista, que eu tinha deliberadamente limitei-me a material materialista fontes de referência sobre o sector bancário, política, economia, e as biografias das pessoas que estavam mais profundamente envolvidos nestes assuntos. Quando finalmente eu decidir procurar algumas referências na Bíblia, uma tarefa que foi bastante simplificada por uma série de Concordâncias excelente, Nelson tal e e Strong, fui dominado por seu imediatismo, pela sua franqueza e pela aplicabilidade da suas palavras a acontecimentos atuais. Como os meses foram passando e eu continuei esta pesquisa, eu não estava subjugado por uma sensação de déjà vu, mas por uma convicção forte que muito pouco mudou nos últimos três mil anos. Minha primeira revelação foi que "Deus não tem segredos do homem." É Satanás, que deve limitar seu trabalho a conspirações furtiva ao engano, e às promessas que nunca serão cumpridas. "E o grande dragão foi precipitado, a antiga serpente, que se chama Diabo e Satanás, o sedutor do mundo inteiro" (Ap 12:9). É por esta razão que os políticos, da necessidade, deve tornar-se seguidores de Satanás na rebelião contra Deus. Os políticos devem enganar as pessoas para ganhar poder sobre eles, assim como Satanás deve enganar o mundo inteiro se ele continuar a sua rebelião contra Deus. Satanás leva você para o topo da montanha e oferece-lhe todos os reinos da terra (Martin Luther King proclamou: "Eu fui ao topo da montanha", mas nunca revelou o que havia acontecido lá), o político oferece que comida de graça, hospedagem gratuita, assistência médica gratuita - tudo se tornará "finalmente livre!" O político se oferece para defendê-lo contra os seus inimigos, para que ele possa entregar-lhe o derradeiro inimigo -

Satanás. Deus não faz ofertas para você em competição com Satanás e seus políticos. O que Deus poderia oferecer-lhe quando ele já lhe deu todo o mundo? Que mais podia fazer do que enviar Seu Filho begotton Somente para preservar este mundo para você, quando foi ameaçado por Satanás? E por que Deus deseja véu Seu amor por você atrás mistérios arcanos, conspirações ocultas e práticas obscenas? Depois do meu regresso a Bíblia tinha me dado as respostas para o que eu vinha procurando há tantos anos, eu percebi que tinha chegado ao ponto culminante do trabalho desta vida. Eu tinha procurado avidamente os factos sobre cada uma das muitas conspirações, e agora eu era capaz de definir o seu bloqueio ao mundo uma "conspiração das conspirações". Eu havia traçado os nomes e as actividades dos actores principais no drama satânica que este mundo se tornou, um mundo que eu descrevi em 1968, em "A Minha Vida em Cristo", como "Império de Satanás." Essa foi uma simplificação excessiva, embora eu não estava ciente de que naquela época. Eu escrevi esse livro sob grande stress, o meu pai tinha morrido como resultado de assédio por parte de agentes federais. Seu objetivo era forçar-me a desistir desta obra.

3

Outros membros da minha família continuou a sofrer o assédio diário por causa da campanha do governo

federal contra mim. Eu não tinha sido superado pelo desespero, mas me parece, nesse período da minha vida, que Satanás tinha de fato alcançado uma vitória temporal sobre este mundo não-vitória

permanente, mas um ganho que ele poderia defender e que ele poderia consolidar nos próximos anos. Os próximos anos quarenta me trouxe muitas revelações surpreendentes das forças por trás das cenas que tinha planejado e cometido os assassinatos em massa da humanidade. Eu tinha, finalmente, como um escritor colocá-lo ", revelou as forças da guerra." Eu também era capaz de encontrar as origens da ideologia satânica que tem sido constantemente empregado para enganar a humanidade, e para enganá- los a se tornarem instrumentos inconscientes dos programas de satânico, uma ideologia que nos deparamos hoje em várias formas, tais como o comunismo, socialismo fabiano, humanismo secular, e outros disfarces.

22 de fevereiro de 1987

4

Conteúdo

 

1.

A Guerra Contra Shem

0,1

2.

A Transgressão de Caim

35

3.

Humanismo Secular

65

4.

Inglaterra

77

5.

A Revolução Francesa

107

6.

A Revolução Americana

129

7.

A Guerra Civil

143

8.

O Estado da Virgínia

0,173

9.

As Guerras Mundiais

195

10.

A ameaça do comunismo

211

11.

A promessa

227

5

Capítulo 1 - A Guerra Contra Shem

 

Sacrifícios ofereceram aos demônios, que não eram deuses. Deut. 32:17

Nas igrejas da América, os cristãos adoram um Deus quase paternal, o patriarca barbudo que Michelangelo retratado no teto da Capela Sistina, uma figura autoritária que também é o Pai de nosso Mestre, e nosso Salvador, Jesus Cristo. Deus é reverenciado como o criador original do universo, e como o melhor guia moral. Neste cenário, a humanidade é um grupo um tanto inócuo, colocado em um ambiente pastoral, em geral, obediente às leis de Deus, e passível de punição, quando ocorre a desobediência. A observância religiosa com base neste conceito é adequado até essa cena Arcadian é perturbado pelas desventuras ou calamidades. Ele também levanta a questão do mal inato ou inevitável. Satã, o anjo caído, e se rebelam contra Deus (Satanás, uma palavra hebraica que significa "adversário") aparece na Bíblia. Há referências frequentes à advertência de Deus e, muitas vezes, castigo, de malfeitores, tanto individualmente como em grupos grandes. Aqui, novamente, a aparência do mal persistente ao longo da história da humanidade é tratado como ele ocorre, mas é difícil de corrigir, quer as suas fontes ou suas causas. Portanto, a humanidade tem existido em uma desvantagem considerável, incapaz de reconhecer ou compreender o mal antes de ser ferido por ela. Na verdade, o grande movimento da história moderna tem sido a de disfarçar a presença do mal na terra, para torná-lo leve, para convencer a humanidade que o mal é para ser "tolerado", "tratadas com maior compreensão", ou negociados, mas sob nenhuma circunstância deveria sempre ser forçosamente oposição. Este é o ponto principal do que veio a ser conhecido como o liberalismo de hoje, mais popularmente conhecido como o humanismo secular. O popular e, aparentemente sensata recorrido, do humanismo é que a humanidade deve sempre colocar os interesses humanos em primeiro lugar. O problema é que esse humanismo muito pode ser traçada uma linha ininterrupta de todo o caminho de volta para o Bíblica "A Maldição de Canaã." O humanismo é o resultado lógico da demonologia da história. eventos de hoje em dia só pode ser compreendida se pudermos traçar suas implicações em uma linha direta, desde os primeiros registros da antiguidade. Esses registros referem homem pré-adâmico, uma criatura híbrida, cujas origens são descritos em livros antigos. O Livro de Enoque (que em si é parte de um livro anterior de Noé, escrito cerca de 161 aC), diz que Samjaza (Satanás), o líder de uma banda de duzentos anjos, desceu do Monte. Carmelo. Eles tinham cobiçou as filhas dos homens de longe, e agora eles levaram para as esposas. Esses anjos caídos, conhecida como a Ordem dos Vigilantes, ensinou a magia de suas esposas. O problema destes sindicatos era uma raça de gigantes, conhecidos como nefilins. A Bíblia não menciona o Nephilim especificamente pelo nome, e Concordância de Strong não enumerá-los. No entanto, a concordância Nelson tem várias listas com Nephilim. Os versículos da Bíblia a que se refere são Gênesis 6:4,

6

"Havia gigantes na terra naqueles dias." A versão revisada padrão dá o nome do Nephilim, a leitura do

mesmo verso, "The Nephilim estavam na terra naqueles dias". Estes gigantes mais tarde ficou conhecido como "os filhos de Anaque." Em Números 13:33, lemos: "Também vimos ali gigantes, filhos de Enac, que vêm dos gigantes." Estes gigantes poderosos constituíam uma ameaça a outros povos. Em Deuteronômio

09:02 é a denúncia, "Quem poderá resistir aos filhos de Anaque?" No entanto, eles finalmente foram mortos ou expulsos. "Não havia nenhum dos anaquins sobreviveu na terra dos filhos de Israel." (Josué 11:22) Estes gigantes precoce seria considerada como mutações pelos cientistas modernos. Por causa de sua filiação peculiar, tinham hábitos e desejos que horrorizou seus vizinhos. O líder deles, Satanás (o adversário de Deus), também conhecido como Satona, foi a serpente que entrou em seduzir Eva, produzindo o primeiro assassino, Caim *. Não foram só os Nephilim uma ameaça para os outros, a sua incontrolável ódio e violência, por vezes, os levou a atacar e matar uns aos outros. Eles então comiam suas vítimas, a introdução de canibalismo para o mundo. Segundo alguns relatos, Deus os mataram, enquanto o arcanjo Miguel presos os anjos caídos, a Ordem dos Vigilantes, em abismos profundos na terra. Infelizmente para a humanidade, isso foi muito no final da matéria. Satanás, através de seus filhos, os Nephilim, e também através de Caim, já tinha estabelecido uma presença demoníaca na Terra. Sua rebelião contra Deus resultado mundo em sofrimento contínuo e trabalho na terra para os séculos vindouros. A história da humanidade desde a sua revolta é a história da luta entre o povo de Deus e do culto de Satanás. Com esse entendimento, agora é possível rastrear os eventos históricos que revelam os arquivos reais dos dois adversários. O Livro do Zohar enfatiza a lenda taImudic que os demônios se originou no congresso sexual entre seres humanos e os poderes demoníacos. Isto oferece uma explicação razoável sobre por que todas as cerimônias ocultistas destacar três coisas: drogas, encantamentos (que expressam ódio de Deus), e práticas sexuais bizarras. O estudo da demonologia da história divulga respostas aos aspectos de outra forma inexplicável do homem, a história. A tortura eo assassinato de crianças, ritos obscenos e assassinatos em massa de inocentes em guerras em todo o mundo, bem como outras catástrofes, são fenômenos que carregam pouca ou nenhuma relação-a-dia da humanidade pela rotina do dia de cultivo do solo, aumentando as famílias, e manter os padrões da civilização. Pelo contrário, estes tipos de calamidades são ataques diretos sobre a existência normal da humanidade. Além disso, são expressões da rebelião contra Deus, como ataques sobre o seu povo.

Nota de rodapé: * Segundo a mitologia

Por causa de seus poderes extraordinários, os demônios têm atraído sempre um certo número de seguidores na Terra. "Secret" organizações que insistem em esconder os seus ritos e seus programas de todos os "forasteiros" devem fazê-lo, a fim de evitar a exposição eo castigo inevitável. Enquanto eles estavam vagando no deserto, as tribos judaicas adorado demônios e monstros. Reverenciavam seus monstros míticos, Leviatã, Behemoth, ajuda Raheb, que bem pode ter sido sobreviventes da tribo de gigantes, os Nephilim. Eles também fizeram sacrifícios aos demônios do deserto, Azazel.

7

Sua mitologia desenvolvida uma certa hierarquia dos demônios. A Demonarch, que presumivelmente era Satanás, governou sobre todos os demônios na terra. Ele também era conhecido como o Príncipe do Mal, Belial (o Be'aliah hebraico, significa Javé é Baal). Avançar na hierarquia dos demônios foi Asmodeus, o Rei dos Demônios, e sua mulher, Lilith, demônio chefe dos judeus. Lilith é conhecida hoje como a padroeira das lésbicas. O nome dela sobrevive em muitas organizações atuais, como as Filhas de Lilith. Esta escolha de uma padroeira sugere que pode haver sempre) tem sido uma certa quantidade de impulsos demoníacos em práticas homossexuais. Essa motivação se encaixaria com os rituais básicos do ocultismo, como o desafio de Deus, eo desenvolvimento de "estilos de vida incomum." O castigo inevitável para estas práticas já apareceu entre nós na forma da praga generalizada de AIDS. Lilith é típico dos demônios que foram criados através de relações sexuais entre as filhas do homem e os Vigilantes. Eles apareceram pela primeira vez durante os seis dias da criação como espíritos desencarnados e, posteriormente, assumiram a forma física. O Livro do Zohar diz: "Toda a poluição do sêmen dá à luz aos demônios." A Encyclopaedia Judaica se refere a "impureza da serpente que tiveram relações sexuais com Eva". A Cabala afirma que Lilith teve relações sexuais com Adão e demônios produzido como parte do projeto cósmica, na qual a direita ea esquerda são as correntes opostas de poder puro e impuro, enchendo o mundo, e dividindo-o entre o Santo ea serpente Samael. (Zohar 73 Bereshit., 53 e segs.) Dicionário Webster's de Lilith diz: "Hb significado da noite um folclore judaico, um vampiro demônio feminino 2 folclore judaico, a primeira "

esposa de Adão antes da criação de Eva

Muitas lendas identificar Lilith como a primeira mulher de

...... Adão. Esses mitos afirmam que Deus formou Lilith de lama e sujeira. Ela logo brigou com Adão. Por causa de seu orgulho arrogante, ela se recusou a deixá-lo deitar em cima dela. É por esta razão que ela foi adotada como a padroeira das lésbicas. Ela deixou Adão e fugiu para as margens do Mar Vermelho, onde ela estava, disse para entrar em suas fantasias sexuais com demônios, vivendo entre as feras selvagens e hienas. Sua presença deu origem a muitas lendas aterrorizantes, ela tornou-se o chefe de demonesses judaica e dizia-se presa em crianças recém-nascidas, sugando a vida fora delas. Ela também era conhecido por sugar o sangue dos homens que estavam dormindo sozinha e é referida como "a bruxa da noite" (Isaías 34:14 - E os animais selvagens devem se reunir com hienas, eo sátiro clamará ao seu companheiro, sim, haverá a bruxa da noite acesa, e encontrar para si um lugar de descanso.) Exceto por esse versículo, seu nome foi retirado de todas as Escrituras por causa de sua péssima reputação. Outras lendas alegou que Lilith e seu acompanhante demonesses governou durante as quatro estações, como Lilith-Naameh, Mentral, Agrath e Nahaloth. Diziam que se reúnem em uma montanha perto das montanhas da escuridão, e não comemorar o sábado das bruxas, quando teria relações sexuais com Samael, o príncipe dos demônios. Foi porque Deus teve um resultado tão infeliz com Lilith, depois de criar o seu fora de lama e sujeira, que ele decidiu ir para a costela de Adão para a sua

próxima criação, Eva. Ela foi posteriormente conhecido como "haw wah", "Mãe de toda a vida", e também

como "a Mãe da Serpente" por causa de sua associação posterior com Satanás. O Príncipe das Trevas teve uma série de disfarces, mas quando ele encarnou o desejo sexual, como fez com Eva, ele sempre apareceu como uma serpente.

8

Porque o mal já estava estabelecido na terra, através da presença dos demônios e seus seguidores, era necessário que Deus para castigar os homens. Em infligir o castigo, ele resolveu ser justo. Para isso, era necessário que ele selecione aqueles que estavam sem mancha, e que seria permitida para sobreviver à punição. Seu método de seleção foi simples. Ele escolheu aqueles que não tinham sido contaminados. Sua escolha foi Noé e sua família. Noé é descrito em Gênesis 6:9, "Noé foi perfeito em suas gerações." As gerações palavra aqui é uma tradução imperfeita da palavra hebraica "para-IED-aw", que significa ancestralidade. Uma tradução mais cedo e mais apropriado é "Noé era um homem justo e perfeito, sem mácula em suas gerações." Ele foi o escolhido de Deus, porque ele e sua família foram os últimos adamitas puro sangue no mundo. (A Versão Revisada Padrão tem um erro ainda maior na sua formulação, "Noé era íntegro em suas gerações", já que não indica que ele teria sido culpado por). O site do Dilúvio, que era o castigo prescrito de Deus para a humanidade, não estava na área do Oriente Próximo, como é comumente suposto. Arqueólogos foram confundidos por muitos anos que eles podiam encontrar nenhuma evidência de tal inundação nesta área. De fato, como Caim havia sido banido "a leste do Éden", Noé e sua família viviam na bacia de Tarim, localizada na província de Xinjiang Superior. Esta bacia foi alimentado pelo rio Tarim, e aqui o Dilúvio ocorreu. Tendo sido avisado por Deus da catástrofe iminente, Noé conseguiu construir a Arca, um dos maiores talentos de engenharia de todos os tempos. Pesando 36.750 toneladas, foi construído inteiramente de madeira. Ele era de 450 pés de comprimento, 75 pés de largura e 45 metros de profundidade. Nesta arca, Deus ordenou a Noé que "tomar de todo ser vivente de toda carne." Devido ao espaço limitado na Arca, não poderia haver possibilidade de posterior reprodução dessas espécies durante o seu tempo a bordo, e Deus ordenou que nenhuma relação sexual deveria ocorrer. Este mandamento foi violado por um habitante da Arca, Cam, o segundo filho de Noah. Ham teve relações sexuais com uma mulher preAdamite na Arca, uma pessoa de pele escura. Sua prole era um filho negro chamado Cush, que se tornou o símbolo da Etiópia. Noah ficou consternado quando soube que seu filho havia violado o mandamento de Deus, porque ele sabia que a retribuição viria. Após o dilúvio havia terminado, e da vida sobre a terra voltou a sua rotina habitual, Noah continuou a ser assombrado por seus medos. As ocorrências posteriores, desde então, teve conseqüências desastrosas para toda a humanidade. Na Bíblia, ele aparece como uma espécie de enigma, uma vez que os personagens são identificados e errou nos versos seqüencial. Nem a seqüência exata dos eventos, a sua explicação, ou a identificação dos principais podem ser seguidos como aparece em Gênesis, possivelmente devido a erros de tradução ou edição ao longo dos séculos. Embora a vida na Terra tinha retomado sua felicidade pré-dilúvio, Noé continuou a ser afligido pela transgressão de Cam. Então ele estava irritado que

ele bebia muito vinho, e ele ficou exposto em sua embriaguez. Como é relatado em Gênesis 9:24-27, filho de Ham Canaã viu seu avô expostas, embora em um ponto ele é referido como "filho mais novo de Noé", em vez da designação correta como seu neto. outros filhos de Noé, Sem e Jafé, vendo seu pai expostos, apressou-se a cobri-lo com um manto. No entanto, quando ele acordou, Noé foi muito furioso com o que havia acontecido, e pronunciou uma maldição sobre Canaã, "Maldito seja Canaã; um escravo dos escravos, ele deve ser o de seus irmãos (Sem e Jafé)." Aqui, novamente é algo de um enigma, como Sem e Jafé não foram os tios de Canaã, seus irmãos.

9

O "enigma" é provavelmente um intencional, pois destina-se a evocar um estudo especial sobre estes versículos para chegar a um entendimento dessas mensagens muito importantes, os avisos a todas as gerações futuras. Várias explicações têm sido oferecidas para a raiva tremenda de Noé em Canaã, e sua maldição de Canaã. Um, que tem agora sido largamente descontado, é que Ham pode ter dormido com a mulher de Noé, ou que ele tinha feito uma tentativa de fazê-lo. Nenhuma base para essa conjectura já foi estabelecida. Outra explicação é que Noé amaldiçoou Canaã, porque ele ainda estava incomodada com violação Ham do mandamento de Deus para os habitantes da Arca, que devem se abster de relações sexuais a bordo. Porque Ham tinha dormido com a mulher pré-adamitas na arca, Noé finalmente a sua ira exalada na maldição de Canaã. Isso também não soa verdadeiro, os homens do Antigo Testamento foram muito direto em suas relações, se Noé ficou irritado com presunto, ele teria amaldiçoado Ham, e não Canaã. Nenhuma dessas explicações oferece uma razão válida para a veemência da maldição de Noé, uma maldição que tem arruinado a humanidade por três mil anos. A única explicação racional para a maldição é a raiva de Noé. Canaã que tinham feito algo completamente indignada seu avô. Olhando para ele, enquanto ele foi exposto dificilmente teria causado tal reação. Os estudiosos concluíram que, finalmente, Canaã tinha feito algo tão degradante que Noé teve que pronunciar uma maldição sobre ele. O que isso tem sido? A Bíblia como actualmente traduzido realmente não nos dar uma pista. Esses estudiosos decidiu que Canaã, sendo de raça mista e, portanto, não está vinculado pelo código de rígida moral dos adamitas, provavelmente havia cometido um ato homossexual com o seu avô. Ser puro de ações, Noé teria sido extremamente indignado com tal ato, e teria reagido como ele fez. A Maldição de Canaã foi prorrogado para a terra que foi nomeado após ele, a Terra de Canaã. Os cananeus se, o povo desta terra, se tornou a maior maldição sobre a humanidade, e assim eles permanecem até hoje. Não só eles se originam as práticas de culto ao demônio, rituais de ocultismo, o sacrifício de crianças, eo canibalismo, mas como eles foram para o exterior, eles trouxeram essas práticas obscenas em todas as terras que eles entraram. Não só eles trazem seu culto demoníaco para o Egito, mas, mais conhecido pelo seu nome mais tarde, os

fenícios, como eram chamados depois de 1200 aC, eles se tornaram os demonizers da civilização através

de sucessivas épocas, sendo conhecida na história medieval como os venezianos, que destruiu a civilização bizantina grande cristão, e mais tarde como "a nobreza negra", que infiltrou as nações da Europa e gradualmente assumiu o poder através de trapaças, revolução, e malabarismos financeiros. A reputação de Canaã é encontrada em muitos registros antigos, embora a sua história suja foi cuidadosamente expurgada ainda mais dos arquivos históricos e bibliotecas. Em 1225 aC, o faraó Merneptah, que, por causa de suas vitórias na região de Canaã, era conhecido como "pasta de Gezer," criar uma estela para comemorar seus sucessos. Entre as inscrições colocado nela era esta: "Saqueada é a Canaã, com todo o mal; Todos os terrenos estão unidos e pacificados." Esta inscrição não significa que Merneptah tinha usado todo o mal para saquear a Canaã, isso significava que ele tinha em sua estada lá encontrou todos os males praticados por essa tribo notório. Ham teve quatro filhos: Cuxe, que fundou a terra da Etiópia, Mizraim, que fundou o Egito, Put, que fundou a Líbia e Canaã, que fundou a terra dos

cananeus, a área agora na disputa que o Estado de Israel. No Aggidah. Cush é dito ser de pele negra como castigo por Cam ter tido relações sexuais na Arca

10

"Três II copulado com a Arca, e todos foram punidos, o cão, o corvo, e presunto. O cão estava condenado

a ser amarrados, o corvo esperar que as taxas de sua semente na boca de seu companheiro, e Ham foi ferido em sua pele . Nota 9, San. 108b. ou seja, dele desceu Cush, o negro, que é de pele negra. " Na literatura talmúdica, Cusi sempre significa que uma pessoa negra ou a raça negra. Etíope é sinônimo de preto. (Yar 16b Katan Mo'ed). A Bíblia como actualmente traduzida não faz nenhuma referência a "ush de cor. Referência a seus descendentes, os etíopes, aparece apenas em números e em Samuel Livro Dois. Números 00:01 revela que" Miriam e Arão falaram contra Moisés por causa da mulher etíope que ele tinha se casado, pois ele havia se casado com uma mulher etíope. "Aqui, novamente, nenhuma explicação é dada sobre o porquê Miriam e Aarão voltaram-se contra Moisés, mas a questão é, obviamente, de alguma importância, porque o mesmo versículo enfatizado pela repetição de que ele tinha casado com uma mulher etíope. encontramos a explicação girando com o Talmude, que nos diz que "etíope" sempre significa preto. O versículo em Números deve ler, e inicialmente pode ter lido, "Miriam e Arão falaram contra Moisés, por causa do preto ou etíope mulher que ele tinha casado. "Segundo Samuel contém sete referências a etíopes, mas novamente não descrições são dadas. Prof Sayee, o estudioso egípcio, e autoridade sobre o antigo do Próximo e Médio Oriente, explica que Canaã significa "baixo", e Elam significa "alto". Os cananeus eram os que habitavam os lugares baixos, os elamitas ocuparam o terreno elevado. Coronel Garnier, na sua grande obra, "O Culto dos Mortos", cita a observação de Estrabão de que "os etíopes habitam as regiões costeiras de toda a Ásia e África." Eles nunca foram agressivos o suficiente para lutar ou permanecer em terreno mais alto, e foram obrigados a permanecer nas áreas baixas e alagadas, expostos aos elementos, áreas que outros povos não contestá-los para. Garnier continua, p. 78

de "O Culto dos Mortos":

"Nós também vimos que Osíris era preto, ou da raça etíope, e esta foi uma

.. característica dos egípcios Heródoto fala dos egípcios geralmente em preto e cabelos de lã Havia duas corridas no Egito, o Mizraimites, que primeiro colonizaram o país, e os egípcios preto, este último

recebendo o seu nome de Egito, o filho de Belus, ou seja, Cush. Pode haver pouca dúvida, portanto, que Aegyptus, o pai dos egípcios preto , e filho de Belus, é o mesmo que Osíris negro ". Na p. 92 Garnier nos informa: "A imigração ariana e Bramanismo foram subseqüente ao de uma raça etíope mais ou menos hostil a eles e sua religião Encontramos tradições ariana fala de si como o branco eo Dasyns como negros, "

ou seja, etíope

Garnier cita uma descrição dos etíopes como segue: ". Chamam-lhes os demônios e

.. adoradores do diabo, e miseráveis lasciva que fazem um deus do Sisna, o Lingam, eo falo" Garnier

continua (p. 131) ao observar que "Buda deve ser identificada com os deuses, cuja origem humana era etíope, da Etiópia, o grande profeta e professor do paganismo antigo, o pai da raça preta ou etíope. Buddha, embora o deus principal da raça amarela, é constantemente representado, como preto com cabelo lanoso e as características do negro, o nariz achatado e lábios grossos de muitas das estátuas antigas que ocorrem em Hindustan, pois estes são claramente as características bem conhecidas do genuíno negro Africano; a origem humana do Buda foi Cush ".

11

os actos subsequentes Ham não fez nada para limpar sua reputação. Ele roubou as roupas que Deus fez

para Adão e Eva antes que Ele os expulsou do Jardim do Éden. Cush herdou estas peças de vestuário de Presunto e passou-as para seu filho, Ninrode. Devido a estas peças de vestuário, Nimrod ficou conhecido como o "poderoso caçador". Ele era considerado invencível, enquanto ele usava estas peças de vestuário, que são registradas em Gênesis 3:21. Animais e homens acuados diante da investida de Ninrode por causa dessas peças, o que confere grande poder sobre ele (Enciclopédia Judaica). Nimrod, que nasceu em

25

de dezembro, o sábado

alto

da Babilônia,

foi

o

fundador

da

Babilônia e

da cidade

de Nínive.

Na história da humanidade, Nimrod está inigualável para o seu simbolismo do mal e práticas satânicas. Ele é creditado por ter fundado a Maçonaria e para a construção da lendária Torre de Babel, ao arrepio da vontade de Deus. Na literatura talmúdica, ele é conhecido como "aquele que fez todas as pessoas I'ubel contra Deus". Pes. 94b. A lenda do Midrash relata que quando Nimrod foi informado de nascimento de Abraão, ele ordenou que todos os meninos mortos, para ter certeza de eliminá-lo. Abraão estava escondido em uma caverna, mas na vida último, ele foi descoberto por Nimrod, que então ordenou-lhe que cultuam o fogo. Abraão recusou e foi lançada ao fogo. O símbolo é lendário por Nimrod "X" A utilização deste símbolo denota sempre bruxaria. Quando "X" é utilizado como uma forma abreviada significado do Natal, na verdade significa "para celebrar a festa de Nimrod." Um X dupla, o que sempre significou para trair traição ou, no seu sentido fundamental indica uma de traição nas mãos de Satanás.

Quando as empresas americanas usam o "X" em seu logotipo, como "Exxon", a empresa de Rockefeller histórico da Standard Oil of New Jersey, não pode haver dúvida de seu significado oculto. A importância de Ninrode em qualquer estudo do oculto não pode ser subestimada. Por causa do poder

dado a ele por a roupa de Adão e Eva, Ninrode se tornou o primeiro homem a governar o mundo inteiro. Ele entregou o poder através do lançamento de excessos e horrores que nunca foi igualado. Desde a época de Ninrode, a Babilônia foi o símbolo da depravação e luxúria. Nimrod também introduziu a prática de genocídio para o mundo. Seu avô, Ham, tendo consorciado com outras raças, e trouxe as crianças de raça mista para o mundo, foi convencido por sua consorte, a Naamah mal, para a prática de homicídio e canibalismo ritual. Ela informou que Ham por matar e comer pessoas de pele clara, seus descendentes poderiam recuperar as suas qualidades superiores. Ao longo dos séculos seguintes, os descendentes de pele clara de Sem, filho mais velho de Noé, tem sido ritualmente abatidos pelos descendentes de Cam e escura Nimrod, na campanha mais persistentes do mundo de perseguição racial e religiosa. Não só Nimrod matar e comer os descendentes de pele clara dos Sem, em sua fúria e ódio que muitas vezes os queimaram vivos. O tipo de sacrifício humano que envolve o consumo de vítimas abatidas humana deriva do nome dos nomes combinados de seu tio, Canaã, eo demônio deus Baal, os dois nomes que estão sendo combinadas para formar a palavra "canibal". Nimrod também era conhecido na história antiga pelo nome de Marduk, Bel, e Merodaque. Devido a sua importância em sua história, a Babilônia era conhecida como a terra de Ninrode. Nimrod também é citado nas Constituições mais antigas maçônico como o fundador da Maçonaria.

12

queda de Ninrode supostamente surgiu quando ele começou a construir a Torre de Babel, um zigurate, ou torre do templo, que estava prevista para subir aos céus. Devido a esta ofensa contra Deus, Shem, o filho mais velho de Noé, sentença proferida contra a Nimrod, e executou-o. Josefo diz que "o neto negro Ham, Nimrod, foi decapitado por Shem". Outras contas a acrescentar que Shem então cortar o corpo em pedaços de Ninrode e enviou as peças para os templos pagãos da Babilônia, como uma advertência para os sacerdotes que orgias de sexo e sacrifícios de crianças teria como resultado uma sentença similar da execução. Ao invés de abandonar suas cerimônias horríveis por causa deste aviso, os sacerdotes, literalmente, passou à clandestinidade. Não mais "os seus altares fumaça com o sangue humano", como Kitto, a grande autoridade palestina, descreveu. Os sacerdotes levaram as peças de Ninrode como relíquias para seus lugares de reunião secreta, que estavam escondidos em "bosques" e "santuários". Esta foi a origem dos cultos secretos Mistério, cujas orgias não poderia mais ser realizadas nos templos público. Por causa do poder de Shem, os sacerdotes da época em suas orgias realizadas proibido fora da luz do dia, em seus esconderijos secretos. Suas reuniões foram delimitadas com ritos secretos, que ninguém fora da sua ordem foi permitido conhecer, sob pena de morte. Esta foi a origem dos gnósticos, os conhecedores, que conhecia os segredos. Pode ser por esta razão que Ninrode ficou conhecido como o

fundador da Maçonaria, porque seus ritos fundamentais foram estabelecidas e invocado depois que ele foi morto, a fim de exercer a sua obra do mal. A história da humanidade nos últimos três mil anos tem sido a história da luta entre os descendentes de pele clara de Shem e os descendentes de pele mais escura do seu irmão, Ham, mas você não vai encontrar essa luta definido em qualquer trabalho histórico. Os registros do genocídio contra o povo do Shem são visíveis em todo os arquivos da história, mas não há uma escola ou universidade, cuja faculdade vai informar seus alunos desse fato simples. Isso por si só explica muito do que é descartado como sendo "além da explicação." A razão para este desenvolvimento é estranho que os descendentes de Cam tradicionalmente têm usurpado o educationalprocess, através da sua usurpação antes do sacerdócio de dar continuidade à sua obra satânica. Eles controlavam o sistema educacional, desde então, convertê-lo para seus próprios propósitos malignos. É de interesse ainda maior, que não uma única escola de teologia em qualquer parte do mundo toma conhecimento desse fato central da história, um fio vermelho que corre continuamente através do registro dos eventos. Na língua grega, aparece como Sem Universidade; na mitologia egípcia, é Shu, o filho de Ra, o deus do sol. Foi através da descendência de Sem alegou que Luís, Rei de França, se chama o "Rei Sol". No entanto, um ponto muito mais importante, e que voltou a ser disfarçadas ou escondidas pelos sacerdotes, que controlavam o sistema educacional ao longo dos últimos três mil anos, é o fato de que era Shem, que fundou e construiu a grande civilização do Egito. Os governantes do Egito eram chamados de faraós, a partir da pira palavra hebraica que significa "cabelo comprido". Os egípcios eram de pêlo curto. Não só era Shem de cabelos compridos, ele também era loura. Em seus registros, os sacerdotes Shem chamada "Shufu", ou "Khufu", que significa cabelo comprido. Ser um grande guerreiro, Shem facilmente conduziu seu povo na conquista dos egípcios nativos. Ele imediatamente começou a comemorar o seu reinado com a construção da Grande Pirâmide de Gizeh. Babilônia foi então superado pelo filho de Sem, Elão, um descendente depois, Ciro da Pérsia, um elamita, completou a conquista final da Babilônia e construiu o grande império persa. Era para significar o seu grande sucesso militar que Shem adotou como seu símbolo o leão, que é ainda o símbolo de hoje governantes. A Grande Pirâmide foi chamado mais tarde Khiut, o Horizonte, em que Khufu havia sido engolido, como o horizonte ocidental engoliu o sol a cada noite.

13

Após extensas investigações arqueológicas, o Astrônomo Real da Escócia, concluiu que as provas eram irrefutáveis de que a Grande Pirâmide de Gizeh foram construídas por Shem. Ele encontrou o nome Shufu interior da pirâmide, pintado em vermelho, o que significa cabelos louros Shem. Também no interior da pirâmide, há uma inscrição colocada lá depois da morte de seu descendente, Amenófis IV, "Ele parou a práticas bárbaras dos sacerdotes que tinham sido introduzidas por Naamah e seus seguidores da

Babilônia, inclusive Nimrod". Os sacerdotes assassinados Amenófis IV, de modo que, eles pudessem

retomar suas orgias de luxúria e sacrifícios de crianças. Eles admitiram a Heródoto que a Grande Pirâmide tinha sido construída por "um pastor errante", uma observação ímpar, como pastores não costumam criar tais monumentos grandiosos para si. No entanto, este foi um dos termos de menosprezo pelos quais

sempre se referia a Shem após sua morte. Outras inscrições pelos padres ao longo de séculos de história egípcia insultam Shem como "porco", "anão" e outros termos significa seu ódio por ele, possivelmente porque ele matou seu mentor, Nimrod. Nas mesmas áreas, outras inscrições exaltar a degenerar Ham, que havia sido corrompido por sua consorte, a Naamah mal, e introduziram as práticas de sacrifícios humanos e canibalismo. A civilização egípcia atingiu seu auge durante o reinado de Shem. A Esfinge é agora reconhecido como um retrato dele. Após sua morte, os sacerdotes não só retomou suas práticas mal, mas embarcou em uma campanha bem sucedida para o preto o nome dele da história, uma campanha que foi amplamente conseguido, durante o que se seguiu três mil anos. Eles também lançaram terríveis ações punitivas contra os descendentes de cabelos louros Shem, muitas vezes matando-os ou queimando-os vivos. Não só os sacerdotes falsificar os registros de Shem, mas eles também conseguiram eliminar a maior parte da história subseqüente de seus descendentes de pele clara, os semitas, ou, como são chamados às vezes, os semitas. O árabe erudito Murtadi observou que Num e Khufu (Shufu), os construtores das pirâmides, morava com Noah. (Catálogo Museu Britânico, 1909). Shem foi também referida pelo nome de Menés, do Meni hebraico, ou homem, que aparece no Livro Egípcio dos Mortos, referindo-se a Urano e seus três filhos, uma referência óbvia ao Noah. Ham mais tarde ficou conhecido como o deus egípcio Amon.

14

Heródoto escreve que o primeiro rei do Egito, que reinou até 2320 aC Eusebious diz que trezentas soberanos sucessivos descendem dele, os reis Thinite, que tinha conseguido os semideuses. O historiador Murtado referido Shem como Menes. Como o filho mais capazes de Noé, Shem, exemplifica as qualidades em que todas as civilizações que se seguiram foram construídas; coragem, o desejo de construir, ea disposição para subjugar aqueles que adotaram uma forma inferior de vida. Ele é o Adamite que criou civilizações como a conhecemos. Por outro lado, os descendentes de Cam, os cananeus, exemplificam o desejo satânico para destruir a civilização ea rebelião contra Deus. J. Hewlitt aponta que Adamite significava um "pensador" e mena ou homem produziu Menes, o homem que pensa. Este sobrevive até hoje na sociedade intelectual, Mensa. A distinção foi feita para distinguir a linhagem de Adão a partir do pré-adamitas, ou homens não-pensamento. (Corridas Acórdão do homem pré-histórico, v. 2, p. 364). A Encyclopaedia Judaica diz que Shem tornou-se rei de Jerusalém como representante de YHWH, para que ele pudesse carryon a batalha contra o povo escravo, os cananeus.

retomar suas orgias de luxúria e sacrifícios de crianças. Eles admitiram a Heródoto que a Grande

15

Em Gênesis, encontramos este verso: "Bendita seja o Senhor, o Deus de Sem" Gênesis 9:26. Sem tinha cinco filhos: Elam, de quem veio o Império Persa, Assíria, de quem veio do Império Assírio, Arfaxade,

Lude e Arã. Tão grande era a reverência para com o nome de Sem, no mundo antigo que o seu nome nos registros de muitos se tornaram synonyous com YHWH. Javé, ou, em uma versão posterior, o Senhor, deriva diretamente do verbo hebraico Hava (h), que significa "eu sou". Historicamente, este foi lido como Khufu mais velhos, ou HWFW, em vez de YHWH e, portanto, refere-se a Kufu, ou Shem, o construtor da Grande Pirâmide. Foi devido a perseguições ou dos povos fairskinned pelos sacerdotes que Khufu, que foneticamente é quase idêntico ao Hava hebraico (h), tornou-se YHWH, o Deus do Êxodo do Egito. A Encyclopaedia Britannica notas de "Jeová", "A pronúncia" 1 "é um erro resultante entre cristãos combinando os consoantes YHWH com as vogais de 'Senhor adhonay» (Adonis), que foi substituída pelos judeus para o nome sagrado YHWH, vulgarmente chamado de tetragrama, ou quatro consoantes. O nome 'Jeová' aparece pela primeira vez no manuscrito de Pogio Martin no século XIV. " Assim, o nome do Senhor, que é comumente usado em nossas igrejas, é apenas 500 anos de idade! Para entender por que o nome de Sem foi sistematicamente insultado e escondido entre os registros da história, temos de voltar para o registro de sua completamente degenerado e mal sobrinho, Canaã. Canaã era tão mau que sua última vontade e testamento para seus filhos foi uma fórmula para o vice. Ele dizia:

"Amai-vos (isto é, desta tribo só), roubo de amor, luxúria amor, ódio seus mestres, e não falam a verdade." Este documento notável, a vontade de Canaã, encontra-se em apenas um lugar em toda a literatura do mundo teológico, o Talmud babilônico, onde é apresentado desta forma, "Cinco coisas que Canaã cobrar seus filhos: amar uns aos outros, roubo o amor, lascívia amor, ódio seus mestres, e não falam a verdade. " Pes. 113b. A Vontade de Canaã foi a prescrição para todos os cananeus de suas operações durante os três mil anos seguintes. Enquanto isso, o povo de Shem, não sabendo nada do presente documento, em vão, tentou se "converter" os cananeus, e transformá-los de seus maus caminhos. Se os descendentes de Sem haviam sido avisados dos preceitos transmitidos por este documento, a história dos últimos três mil anos poderia ter sido muito diferente. Hoje, a vontade de Canaã continua a ser o manual de instruções dos herdeiros cananeus, que atualmente controlam a Ordem Mundial. Ao mesmo tempo, permanece desconhecido para os povos que os cananeus continuam a roubar, escravizar e massacre. A Vontade de Canaã contém as instruções necessárias para resistir os resultados da Maldição de Canaã, que os condenam a escravidão. As instruções para "odiar seus mestres", isto é, Sem e Jafé e seus descendentes, é um comando de cometer genocídio contra o povo de Shem. Por esta razão, todos os ritos subseqüentes cananeus são baseadas nessas exortações à luta e cometer atos de violência contra o povo de Shem. Não é só base para todas as revoluções e "movimentos de libertação", uma vez que o tempo, também é um incentivo fundamental para cometer genocídio e de dar continuidade à guerra racial. Por causa do apagão de três mil anos de história, o povo de Sem nunca ter entendido sua conta e risco, e eles têm sido frequentemente objecto de massacre porque sua bondade essencial tornou impossível para eles acreditam que a vileza dos cananeus. A Vontade de Canaã foi sempre escondido deles, porque é o programa básico de formação de quadrilha e ritos secretos que permitem que os cananeus para desafogar seu ódio sobre os descendentes de Shem. Grande parte da hostilidade contínua entre essas duas forças é mencionada na Bíblia, mas nunca na forma de base que já foi dito aqui pela primeira vez. Em seu livro, "O Mistério dos Séculos", comenta Herbert Armstrong, "cananeus, que eram racialmente escuro, povoaram a terra;

16

Deus ordena que os israelitas para expulsá-los "(p. 172). Armstrong cita Números 33 como base para sua referência. Durante os séculos de opressão e assassinato em massa, Deus não ficou de lado de Seu povo.

Pelo contrário, ele tem freqüentemente exortava-os de atacar e de se livrar do perigo dos cananeus. Nos primeiros anos dessa luta, ainda era possível para os seus filhos para ouvir e obedecer. A visão de Obadias é contada em Obadias 20: "E o capacidade deste host dos filhos de Israel, possuirão os cananeus, mesmo até Sarepta;. e esta capacidade de Israel, que está em Sefarad, possuirão as cidades do sul "Significativamente, a Revised Standard Version omite a menção dos cananeus inteiramente. A batalha continuou ao longo de séculos. Em Josué 17:13, lemos: "Ora, aconteceu que, quando os filhos de Israel estavam cera forte, que eles colocaram os cananeus a homenagem, mas não totalmente expulsá-los." Deus expressa sua vontade, em termos mais fortes com seus filhos em número 33:52-56:

"Vocês devem expulsar todos os habitantes da terra [Canaã] antes de você habitantes da terra e nela habitarão : para eu lhe dei a terra para possuí-la

...

E vós desapossar os

... Mas se vocês não querem

expulsar os habitantes da terra diante de ti, então ele deve vir a passar, que aqueles que vos deixardes ficar, elas devem ser picadas em seu olhos, e espinhos nas vossas ilhargas, e vos afligiram a vós na terra

em que habitais

Deve vir a passar, que eu farei a vós como pensei fazer-lhes. "

.... Os filhos de Israel, isto é, os descendentes de Sem, obedeceram a Deus, e fez guerra contra os cananeus,

mas nas gerações seguintes, eles perderam assinar este objectivo, permitindo aos cananeus viver com eles. Durante este período da história, houve grandes vitórias contra os seus inimigos históricos, como narra em Juízes 1:17: "E foi Judá com Simeão, seu irmão, e feriram aos cananeus que habitavam em Zefate, ea destruíram totalmente." Esta vitória aconteceu porque os filhos de Israel estavam perturbados, e buscou a orientação do Senhor. Juízes 1:1-5: "Agora, depois da morte de Josué sucedeu que os filhos de Israel perguntaram ao Senhor, dizendo: 'Quem subirá por nós contra os cananeus primeiro a pelejar

contra eles?' E o Senhor disse: "Judá subirá; eis que entreguei a terra em suas mãos." Então disse Judá a

Simeão, seu irmão: Vem comigo à minha herança, para que possamos lutar contra os cananeus '

....

E

subiu Judá, eo Senhor entregou os cananeus e os perizeus na sua mão

....

e feriram aos cananeus e aos

ferezeus. " Mais tarde, os vencedores mais uma vez caiu nas más práticas daqueles que eles haviam conquistado, e

novamente eles foram punidos pelo Senhor. Juizes 4, 1-2: ". Os filhos de Israel habitaram no meio dos cananeus, os filhos de Israel tornaram a fazer o mal aos olhos do Senhor, eo Senhor os vendeu na mão de Jabim, rei dos cananeus." Um verso depois de Juízes observa que os filhos de Israel prevalecia contra Jabim e destruí-lo e os cananeus. Êxodo 15:15 diz: "Então os príncipes de Edom se pasmaram; os filhos poderosos de Moabe,

17

tremor apoderou deles:. todos os habitantes de Canaã derreter "Concordância Nelson lista mais de oitenta e cinco versos bíblicos referindo-se aos cananeus A maioria das referências são desfavoráveis e,

invariavelmente, eles revelam a determinação de Deus para punir seu povo por. seus malefícios Ezequiel 16: 1-3.: "Mais uma vez as palavras do Senhor veio a mim:" Filho do homem, dar a conhecer a Jerusalém

seus atos abomináveis

Sua origem e seu nascimento são da terra de Canaã. "Considerando a

os povos que há sobre a face da terra" (Êxodo 3:16). Deus caracteriza os cananeus assim: [. Referindo-se à diáspora-Ed] "E eu vou fazer-lhes um terror e um mal para todos os reinos da terra, como um opróbrio e um provérbio, um escárnio e uma maldição em todos os lugares onde Vou dispersá-los "(Jeremias 24:9). Assim, vemos os cananeus, recém-nomeado os fenícios, dispersando ao longo de todas as rotas de comércio e avenidas de comércio em toda a terra. Como Deus profetizou, eles espalham a corrupção, o terror ea destruição onde quer que Ele os dispersou. Mais tarde conhecida como os venezianos, eles dominaram as avenidas de comércio, quando se estabeleceram no interior, eles se especializaram como comerciantes e, posteriormente, como banqueiros, enfim, incluindo um grupo agora vagamente conhecida como "a nobreza negra", que detém o poder aparentemente irresistível hoje . Deus também advertiu a

Seu povo contra os dispersos Caanites. Deuteronômio 7:2-5: tu "

...

feri-los, melodia totalmente as

destruirás; não farás aliança com hum eu [como a Liga das Nações ou das Nações Unidas-Ed.] Nem terás piedade delas! . Nem farás lIH1rriage com eles. tu a tua filha não darás seu filho, nem a sua filha, tu deverás ter a teu filho: Para hey j vai desviar teus filhos de mim, para que eles possam servir a outros deuses, assim o a ira do Senhor se acenderia contra vós, e depressa vos Mas assim fareis lidar com eles;. haveis de destruir os seus altares, quebrareis as suas estátuas, e cortou os seus bosques, e queimar magos sua escultura com fogo ".

18

Esta foi uma ordem direta para destruir os bosques e santuários dos cultos de adoração do mistério

demônio, agora conhecida como a Maçonaria. A proibição de "imagens esculpidas" tem sido mal interpretado por muitos cristãos bem-intencionados. Deus não proíbe imagens de escultura - Ele proibiu

as imagens obscenas dos cultos de Baal e Astarote, que foram feitas para criar excitação sexual, como parte de seus ritos obscenos. A batalha contra a obscenidade continua hoje, embora muitas vezes parece

que os cristãos americanos estão perdendo.

Ao fazer essas exigências (que não foram pedidos), Deus não

estava oferecendo um programa para um piquenique da escola; Ele estava deitado fora o único programa que permita o seu povo para sobreviver nesta terra. Caso contrário, ele avisou: "E uma raça mestiça habitará em Asdode" (Zacarias 9:6). Se o Seu povo não cumprirem as suas instruções, Deus

especificamente descreveu o que iria acontecer, e assim fazendo, Ele descreveu exatamente o mundo de hoje. "Mas ela deve vir a passar, se não ouvires a voz do Senhor teu Deus, tendo cuidado de guardar todos os seus mandamentos e seus estatutos, que eu hoje te ordeno, que todas estas maldições virão

sobre ti e ultrapassar ti

O estrangeiro que está dentro das tuas portas [os cananeus e os seus

.... descendentes-Ed.] deve levantar-se muito sobre ti, e tu mais baixo descerás Ele te emprestará a ti, e tu não devem emprestar. para ele, ele será a cabeça e tu serás a cauda "(Deuteronômio 28: 15, 43-44). Certamente esta é a situação que existe hoje nos Estados Unidos. Os venezianos controle do Federal Reserve System, que emprestam a nós, mas não se prestam a eles, pois eles são a cabeça, e nós somos a cauda. Tendo-se tornado maldição de Satanás sobre a humanidade, os cananeus já se espalha a terra como um mal da peste. Gênesis 10:18: "As famílias dos cananeus se espalharam." Essa diáspora trouxe problemas para toda a nação em que este povo desembarcado. Ezequiel 16:03, 45 e 46 listas das tribos racial dos cananeus, denunciando-os individualmente, "teu pai amorreu, sua mãe uma hitita, a sua irmã

mais velha, Samaria, sua irmã mais nova Sodoma". Jesus, o ministro da compaixão, quando ele foi

convidado para curar uma cananéia, denunciou-os como cães. Mateus 15:22: "E eis que uma mulher cananéia daquela região saiu e gritou:". Tende piedade de mim, Senhor, Filho de Davi, minha filha está gravemente possuído por um demônio ' Mas Ele não lhe respondeu palavra. " Finalmente, ele lhe

respondeu, versículo 26: "E Ele respondeu: 'Não é justo tirar o pão dos filhos e lançá-lo aos cachorrinhos." Pelas crianças, Ele quis dizer aos filhos de Israel, e que os cananeus eram cães. Ela insistiu e ele finalmente fez curar sua filha. Os partidos políticos cananeus eram os fariseus, saduceus, os zelotas, Essains, Assissins, herodianos, e os escribas. Um grupo mais tarde, os edomitas, descendentes de Esaú e depois com os turcos, produzindo uma mistura de Turco-edomita, que mais tarde ficou conhecido como o Chazares, os atuais ocupantes de Israel, de acordo com o grande estudioso judeu, Arthur Koestler.

19

Os cananeus foram divididos em amorreus, hititas, moabitas, midianitas, filisteus, amonitas, edomitas, sidônias Sepharvaims, os ferezeus, e tribos filiados, que são rotineiramente denunciados na Bíblia. Gênesis 3:17: "O perizeus são os inimigos de Deus; dos amonitas adorado Moloch chemos e foram possuídos pelo demônio". O Ashodites adoraram o peixe e deus, Dagom, eles eram ladrões e odiava a Deus (como registrado no Museu Britânico - ed.). Os egípcios ficaram conhecidos como adoradores de

magia negra, que resultou na rejeição de Deus a Hagar. Os amorreus eram amaldiçoados por Deus (Esdras 9:1). Hitita foi definido no sentido de destruir ou para aterrorizar; perizeus vieram a pé para a contenda e desordem, o Sefarvaim (mais tarde sefarditas) foram revolucionários; stands jebuseus para pisoteando. Em sua obra monumental, "A História dos Judeus", escreve José Kastein, p. 19, "As seitas cananéia estavam intimamente ligadas com o solo e expressiva das forças da natureza, especialmente a

força da fertilização

Essa força ou divindade, foi chamado de Baal

Sempre que qualquer questão

quem 'você está fazendo esporte Contra quem fazei uma ampla boca, e tirar fora a língua? Não sois vós filhos da transgressão, estirpe da falsidade? Incendiando-se com os ídolos debaixo de toda árvore verde, e sacrificais os filhos nos vales, debaixo da fenda das rochas? "

20

Assim, Isaías inveighed não só contra as expressões obscenas dos orgiasts sangue enlouquecido, seus trejeitos picantes, mas também a sua encomenda já bem estabelecido de praticar seus ritos horríveis "bosques" e "santuários", onde as crianças podiam matar sem ser visto e punidos pelos descendentes de Shem. O rei Salomão ficou sob a influência da criança os assassinos, e ele reconstruiu o altar para Milcom (Moloque, a partir do Melekh hebraico, significando rei). I Reis 11:5-8. Moloque, ou Moloch, foi homenageado por seus adoradores pela construção de um grande incêndio em seu altar. Os pais foram então forçados pelos sacerdotes para lançar seus filhos no fogo. Em escavações em Gezer (o faraó Merneptah tinha chamado a si mesmo o fichário de Gezer, depois que colocar a. parar com os ritos obscenos dos cananeus, em Gezer) Macalister, sob os auspícios do Fundo de Exploração da Palestina, de 1904 a 1909, encontrados no cananeus estrato de cerca de 1500 aC, as ruínas de um "Lugar Alto", um templo para Astarote, contendo dez pilares de pedra bruta, 5-11 metros de altura, perante o qual eram oferecidos sacrifícios humanos. Sob os escombros neste "Lugar Alto", Macalister encontrado um grande número de frascos contendo os restos mortais de crianças que haviam sido sacrificadas a Baal. "Outra prática horrível era o que eles chamaram de" sacrifício à fundação ". Quando a casa estava a ser construída, uma criança seria sacrificado e seu corpo embutido na parede, para trazer boa sorte para o resto da família. Muitos destes foram encontrados em Gezer. Eles têm sido encontrados também em Megido, Jericó, e outros lugares. " (Bíblia de Halley Manual) Halley observa também que, neste "High Place", Macalister encontradas grandes pilhas de imagens e placas Astarote com órgãos sexuais

grosseiramente exagerados, destinado a estimular atos sexuais. imagens de Astarote, encontradas em

muitas áreas da influência cananéia enfatizar os seios de tamanho grande, sensual sorrisos, olhos de sotaque carregado, e nudez. A natureza deste culto demoníaco sexo é ligada diretamente ao ato de Cam com a bruxa Naamah na Col. Arca Garnier, em seu "culto dos mortos", escreve, "Naamah era famosa por sua beleza, talento, energia, lascívia, e crueldade, e ela estava de Nephilim (anjo caído) a paternidade. " A Encyclopaedia Judaica descreve a demonologia como cananéia com Lilith, o vampiro; Rezefe, o deus da

peste; Dever, deus da pestilência, e para o deus do submundo, Mot, de Mavet, a palavra hebraica para a morte. Apesar da sua proeminência como influências destrutivas do mundo antigo, os cananeus e os seus demônio-deus Baal raramente aparecem nas obras oficial sobre o antigo Oriente Próximo. Gaston Maspero grande história do Egipto, "A Aurora da Civilização", publicado em 1894, e reeditado em 1968, não menciona nem Baal ou Canaã. "História Antiga do Oriente Próximo" HR Hall não menciona Shem Canaã ou no índice. Baal tem uma única menção. Quanto disto é devido à falsificação deliberada e destruição dos registros históricos do sacerdócio egípcio não pode ser determinado, mas os resultados são óbvios. Outro fator que contribui é o desaparecimento súbito de "nomes" Canaã "e" cananeus "de todos os registros históricos após 1200 aC Como isso aconteceu? Foi muito simples. Eles simplesmente mudaram seu nome. Chambers Encyclopedia afirma que "Depois de 1200 aC, o nome de cananeus desapareceram da história. Eles mudaram seu nome para fenícia". Assim, o povo mais notórios e mais odiado do mundo recebeu um novo sopro de vida. Os cananeus bárbaros tinham desaparecido.

21

Quanto mais civilizada fenícios, povo comerciante aparentemente inofensivo, tomou seu lugar. Tendo obtido o monopólio da tintura roxa, que foi altamente valorizada em todo o mundo antigo, os cananeus anunciado o seu controlo sobre esse produto, ligando-se fenícios, a partir phoenicia (phoenikiea), a palavra grega para violeta. Desde o início de sua história, os cananeus, fenícios sempre conseguiu obter um monopólio sobre algum produto essencial. Mais tarde, eles tinham um monopólio sobre a lata durante alguns séculos, até que os gregos descobriram estanho na Cornualha, em 233 aC José de Arimatéia, tio de Jesus, foi dito ter possuído grandes minas de estanho da Cornualha. A mudança de nome não significa que os cananeus tinham abandonado seus cultos de Baal e Astarote. Tornaram-se mais prudente em seu culto a Baal, e nas colônias que se estabeleceram ao longo do comprimento do Mediterrâneo, que construíram seus templos para a fêmea da espécie, Astarote. Na cidade egípcia de Mênfis, o templo fenício de Ashotoreth foi o maior edifício religioso. Ela era conhecida lá como a esposa do deus supremo, El, e seus orixás setenta. Em seus rituais, Astarote, às vezes era adorado como o demônio do sexo masculino, Astaroth, que sobreviveu em ritos Europeia Astara ou Ostara. Nesta forma, ele se tornou o deus patrono do movimento nazista na Alemanha. A região mais ocidental dos fenícios era de Cádiz, uma colônia fenícia que seu nome deriva do Gadir semita, ou fortaleza. Sua colônia mais importante, que logo se tornou um rival à própria Roma, foi Cartago, que se estabeleceu cerca de 900 aC O nome deriva do hebraico, hadshat Kart, ou nova cidade. Os fenícios, muitas vezes chamado de suas cidades com o prefixo "novo". Durante o século V, os cartagineses haviam lutado gregos e sobreviveu, mas em 264 aC Roma atacou com força total. Uma série de guerras se

seguiram, o chamado Guerras Púnicas, pois os cartagineses se chamou Punics. Santo Agostinho observou que o Punics entre si que se refere o seu povo como "Chanani", ou cananeus, mas esse nome era como um código secreto, que nunca o usou em lidar com outras pessoas. Seja por razões puramente comerciais, ou porque temiam uma potência militar montado em suas avenidas de comércio do Mediterrâneo, os romanos determinado a destruir completamente Cartago. Eles conseguiram resolver este tão absolutamente que os arqueólogos de hoje não tem certeza exatamente onde Cartago foi localizado. De 264-201 aC, Roma travou três guerras púnicas contra Cartago, culminando com a derrota de seu líder, Aníbal, pelos exércitos romanos sob o comando de Cipião Africano. Os romanos mataram ou levaram à escravidão todos os cartagineses e arrasou a cidade. Eles concluíram a tarefa por meio do plantio a terra com sal, de modo que nada poderia prosperar lá novamente. Nada jamais o fez. Esta derrota, apesar de um grande revés, não destruir as operações do mundo dos cananeus, mas ele fez incutir neles um ódio feroz de todas as coisas romanas, que desde então tem sido caracterizada pela escola cananeu da propaganda como "fascismo", de as hastes romano, ou fasces, que foram realizadas pelo magistrado para simbolizar a sua determinação de manter a ordem j 0. O assalto maçônica mais tarde sobre a Igreja Católica, largamente ditada pelo facto de ter sido sede na cidade de seu inimigo mais antiga, em Roma, e, portanto, o papado tornou-se aos fenícios a encarnação moderna da força que tinha destruído a sua sede mais importante . Poucos americanos sabem que, quando o Nova Escola de Investigação em Nova York, denuncia o "fascismo", juntaram-se os colunistas do New York Times eo New York Post, eles são apenas ecoando a sua raiva antiga sobre a destruição de Cartago.

22

Aqui, novamente, nossos historiadores têm apenas um objetivo, para ocultar o passado e nos impedem de perceber a natureza das forças no trabalho. Não era apenas os cananeus que se espalharam pelo mundo. Os descendentes de Shem também se multiplicaram e viajou para encontrar mais oportunidades para as suas famílias. Eles se mudaram de país para país, fundando grandes reinos e dinastias, que sobreviveram até os dias atuais. Há muitas pessoas que podem concordar que os reis e os líderes das nações ocidentais são descendentes da tribo de Judá, mas eles não conseguem reconhecer um fato importante, que é completamente omitido na versão King James da Bíblia, que havia três ramos da tribo de Judá. Aqueles que fixa todos os descendentes da tribo de Judá não se dão conta de que havia um galho contaminado. Não foram as famílias de Perez e Zerá, pura Judá filhos criados fora do Tamar, e havia um terceiro ramo, descendentes de Judá, de uma mãe cananéia, Suá, que já eram conhecidos depois como "o maldito

selanitas". Tamar era filha de Arão, o filho caçula de Shem. Suá chamada Tamar bastardos filhos porque

eles nasceram fora do casamento, enquanto os gêmeos alegou ser os legítimos herdeiros de Judá, porque eram do estoque de puro-sangue, a tensão adamitas. De selanitas desceu trinta e um amaldiçoado tribos de cananeus da Judéia e Samaria, incluindo o Sepharvaims, um nome que os cananeus tinham adoptado para efeitos enganosos. No nascimento de Perez e Zerá, a parteira, vendo que havia gêmeos no ventre, percebi que seria necessário para marcar o primogênito, que teria primogenitura. Ela rapidamente envolveu uma linha vermelha em torno do pulso de Zarah, mas era Perez que saiu primeiro da "violação". O Messias era descendente de Farés, e ele disse ter sido enviado por Deus para curar "o incumprimento", que existia desde o nascimento de Perez e Zerá. Tamar, mãe de Farés e Zarah, teve um descendente chamado Tephi Tamar, conhecido na lenda irlandesa como "a filha de Faraó". Ela casou-se Eochaidh, rei da Irlanda, que era conhecido como o Príncipe dos Escarlate. Assim, as duas linhas de Perez e Zerá foram novamente reunidos. O Escarlate posteriormente tornou-se parte integrante da história britânica. A linha vermelha é simbolicamente tecido em cada corda que é usado pela Marinha Real, e cada monarca britânica que lhe foram entregues documentos oficiais que são envolvidos por um cordão vermelho. O termo também sobrevive na "burocracia", ou seja, a medula vermelha oficial que deve ser desfeita antes de qualquer negócio do estado é transaccionado. Há também o tapete vermelho que a tradição devem ser desenrolado diante da realeza anda dentro Antes que ele daria Tamar em casamento, Heremon, o pai de Tamar, exigiram que o culto da serpente e os ritos de Bel, que foram praticados em Portugal, ser renunciado. As serpentes, em seguida, desapareceu da Irlanda, e não existem serpentes venenosas lá hoje. A lenda é que depois de São Patrício expulsou as serpentes da Irlanda. Ambas as lendas chamar a atenção para as práticas demoníacas dos cananeus, bem como a sua descendência da serpente, o seu banimento da Irlanda estabeleceu como uma terra da verdadeira religião de YHWH, ou os descendentes de Shem. O desaparecimento das serpentes também significava que os poderes malignos dos cananeus tinham desaparecido da Irlanda. Tanto a Espanha ea Irlanda mostram sua conexão direta com os descendentes de Shem em seus nomes. Espanha ocupa a

Península Ibérica, a partir Iber, ou hebraico, a Irlanda é conhecida 18 Hibernia, a terra dos hebreus, como são as Ilhas Hébridas. Na sua História de Portugal, Roger Chauvire diz que a Irlanda é a última parte remanescente da Atlântida que ainda está acima da superfície do mar.

23

Na sua História da Irlanda, AM Sullivan escreve sobre a origem lendária da presente raça irlandesa. "A colônia de Mileto chegou a Irlanda a partir de Espanha, mas eles não eram espanhóis. Eles eram um povo oriental que tinham permanecido no país no seu caminho para o oeste, buscando, eles ajudam, uma ilha prometida à descendência de Gadelius seu ancestral. Gadelius foi o filho de Niul, que era o filho mais novo do rei da Cítia. Como uma criança, Gadelius tinha sido mordido por uma serpente venenosa. Ele estava perto da morte quando seu pai o convenceu Moisés a usar a sua vara para curá-lo. partir daquele dia, o Milesians levada para oeste a sua bandeira, que foi decorado com uma cobra morta ea vara de Moisés, até que encontraram uma ilha que não tinha serpentes venenosas. " Os filhos de Milesius, descendentes Gadelius ", que partiu da Espanha para a Irlanda foram Heber da Feira, Amergin, Colpa, Heber, o Brown, do IR e Heremon. Os seus descendentes governaram a Irlanda por mil anos, a dinastia que é estabelecido por Niall (Niul), que governou em Tara 310-405. Ele é descrito por Sullivan como "um herói esplêndida do sangue gaélico, alto, loiro e de olhos azuis, um grande guerreiro e nobre de espírito", tipo na sala e feroz em batalha; dele descendem os reis da Irlanda , o Neills ". Esses conquistadores da Irlanda, o Milesians, seu nome deriva de Milesius, o soldado (milha a partir da América, da qual obtemos a milícia palavra). Gadelius, o fundador da linha, seu nome deriva do hebraico "gadil", que significa tornar-se grande, ou no plural os exaltados, a fortuna de asilo, ou os afortunados. Devido ao seu grande orgulho e suas habilidades naturais, os irlandeses foram posteriormente referido como sendo da "Terra de Reis". De quase qualquer irlandês, que poderia ser orgulhosamente disse, "Claro, e ele é descendente de reis." Desde os primeiros registros, os irlandeses e os bretões são mostrados como inimigos históricos. Apuleio escreveu em 296 dC do "duas corridas, os britânicos e Ibernia". Eumenius sempre escreveu de Hibernia como o inimigo do britânico. Notas de César sobre as Guerras da Gália, 58-50 aC, escreveu sobre "Hibernia, a oeste da Grã-Bretanha." O mundo agora era varrida por duas marés diametralmente opostos da história. Por um lado eram os descendentes altamente criativo e produtivo de Shem, que desde então se tornaram conhecidos como semitas, e do lado oposto eram os "malditos cananeus", que historicamente foram os anti-semitas, os inimigos do alto, justa- cabelos e olhos azuis descendentes de Shem. Porque os semitas foram sempre conhecidos como grandes guerreiros, eles derrotaram os cananeus, em cada encontro militar, e em muitos casos obedeceu a ordem de Deus para expulsá-los e destruí-los totalmente. Mas os anti-semitas, pareciam ter grande poder de permanência, quando expulsos de um país, que apareceu em um outro para continuar o seu mesmo tipo de corrupção e traição. Enquanto os semitas estavam ocupados estabelecendo um grande império após a outra, Assíria está construindo o império assírio, Ciro, o grande edifício do Império Persa, e Shem-se criar a grande civilização egípcia, os anti-semitas estavam desenvolvendo seus próprios talentos. Estes incluíram um talento para o comércio, para o curso, para fazer-se em casa em qualquer país, e entre toda a raça das pessoas. Geralmente eles estabeleceram suas colônias comerciais ao longo da costa marítima, para que eles não tiveram a coragem de se aventurar nas grandes regiões selvagens da Europa, onde os semitas sempre se deram em casa. Os cananeus permaneceu sempre fiel aos preceitos da Vontade de Canaã, que elas eram verdadeiras uns aos outros, independentemente das circunstâncias;

24

foram constantes em seu amor de roubo, o seu amor de lascívia, o seu ódio dos senhores, isto é, qualquer um que tentasse interferir com a sua maneira de vida corrupta. E eles sempre se recusou a dizer a verdade. Ao permanecer fiel a estes preceitos inalterado, os anti-semitas tinham à sua disposição armas vitais para a sua guerra contra o povo de Shem. Os semitas, por outro lado, sendo ferozmente individualistas, nunca hesitou em colocar as suas impérios uns contra os outros, ou até mesmo familiar contra a família, o seu orgulho arrogante sempre tendo precedência sobre qualquer imperativo racial ou histórica. Durante a Idade Média, o povo de Shem encontrou seu melhor expressa as características típicas de organizações tais como os Cavaleiros Teutônicos, um grupo de guerreiros que era invencível por centenas de anos. Ao mesmo tempo, os anti-semitas foram ocupados expansão das rotas de comércio e acumular seus lucros do comércio (hoje em dia, a aristocracia britânica professa desdém para qualquer um Quem sullies suas mãos com o comércio, um antigo preconceito contra os cananeus), com essas lucros, eles eventualmente se tornaram banqueiros para o mundo. Na prossecução deste objectivo, eles encontraram uma grande oportunidade durante as Cruzadas. Não só as Cruzadas abrir rotas de comércio em todo o mundo conhecido, mas também abriu novas vias de suborno e corrupção, o que permitiu os cananeus a acumular lucros ainda maiores. Quando os cavaleiros cristãos partiram para as Cruzadas, dedicando-se ao serviço de Cristo, os cananeus, que prudentemente permaneceu em casa, agora aperfeiçoada vários esquemas para roubar os cavaleiros de seu dinheiro e bens, enquanto eles estavam fora. Em "Ancient Cavalaria e as Cruzadas", descobrimos que alguns dos cruzados ", encontrou refúgio e proteção às mãos dos Cavaleiros Teutônicos, que foram empenhados em pesquisar as fraudes perpetradas pelos monges rapaces e clero, que havia forjado títulos e as hipotecas sobre terras e propriedades dos

cruzados ausentes ou que já haviam caído em defesa da cruz na Terra Santa

tempo para reflexão e

.... estudo das causas das Cruzadas em casa e no exterior, quando, além da escória da Europa, assente em

cima de sua escória, as melhores pessoas tinham sido quase totalmente apagados da face do continente. A voracidade dos papas e sacerdotes para o mais baixo monges foi terrível para aqueles selfsacrificing, guerreiros robustos da Cruz, que havia retornado e encontrou estranhos absoluta, nos locais e casas de seus parentes, pouco após uma investigação foi descoberto que as fraudes, falsificações de escrituras, e confiscos sob pretextos de heresia tinha despojado seus parentes, e os poucos que tinham sobrevivido escassos eram mendigos em cima da rodovia e pistas, perecer como vagabundos pelo caminho. "

Os cavaleiros da Ordem Teutônica construiu a cidade de Riga, na Letónia em 1201, eles conquistaram a Estónia em 1220, eles conquistaram a Prússia em 1293, estabelecendo uma tradição militar, há que terminou somente após a Segunda Guerra Mundial. Apesar de terem sido dissolvida em 1809, os Cavaleiros Teutônicos manteve a inspiração do estabelecimento militar alemã, que a Alemanha guiado através de duas Guerras Mundiais. Foi o próprio Hitler, que escreveu "finis" orgulho de suas tradições, quando concluiu o Pacto Molotov-Ribbentrop em 1939. Não só esse pacto ceder as nações da Estónia, Letónia e Lituânia, os antigos redutos da Ordem Teutônica, para os comunistas ou cananeus, mas, posteriormente, todas as grandes propriedades dos últimos herdeiros da tradição prussiana, os últimos sobreviventes da Ordem Teutônica, caiu nas mãos das hordas onrushing Soviética.

Por esta altura, o leitor deve estar completamente confusa.

O "semitas" são realmente os "anti-semitas"

ou cananeus, os herdeiros da maldição de Canaã, cujos atos corruptos são ditadas pela vontade de Canaã, os semitas são os verdadeiros guerreiros de cabelos louros, que construiu uma grande civilização após a

outra

-então, como nós reconhecemos essas diversas forças no mundo de hoje? "Por suas ações sabereis-

los." 25 Aqueles que estão envolvidos em conspirações assassinas, aqueles cuja única lealdade é para com organizações secretas internacionais, aqueles que promovem o uso de drogas, práticas sexuais bizarras, e as empresas criminosas, em suma, aqueles que continuam a rebelião contra Deus, estes são os cananeus, os anti-semitas. Aqueles que permanecerem fiéis a Cristo são os semitas. Apesar das grandes calamidades e varredura de poderosas forças históricas, as piscinas genética do povo original de Shem, bem como aqueles dos cananeus, continuam a ser bastante consistente. Como reconhecer o grupo um do outro? Você deve ter nenhum problema em olhar sobre você e decidir quem são os verdadeiros descendentes de Sem, muitas vezes, louro, de pele clara, com predominância de olhos azuis, saudável, criativo, produtivo, orgulhoso, desprezando a participação em qualquer atividade desonesta, e sempre ferozmente individualista, estas são as pessoas que permanecem fiéis à tradição do povo de Shem. Os cananeus, por outro lado, são geralmente mais curtos, mais escuros, mais furtiva e quase sempre envolvidos em algum tipo de atividade criminosa, geralmente com a aprovação do governo ou de licença especial. Roget equipara licença com a "anarquia, interregno, a regra da máfia, máfia lei, lei do linchamento, o niilismo, o reino de violência", em outras palavras, os atos dos cananeus, ainda hoje nos Estados Unidos, que impuseram sobre os requisitos para os cidadãos licença para fazer uma das coisas que os homens livres que não seria autorizado a fazer, para dirigir ou possuir um carro, para exercer uma profissão, e muitas outras intrusões na individualidade do povo de Shem. "Licença", que não aparece na Constituição escrita por e para o povo de Shem, implica o estabelecimento de exigências que só podem atender os cananeus, ou de licença que só os clubes secretos dos cananeus concederão aos seus próprios, sem necessidade de outros aplicável. Esta é a coesão necessária pela vontade de Canaã, em tudo o que fazem, socialistas e comunistas, o indivíduo submergido na massa, e comprometidos com a conspiração práticas sociais e empresariais. Eles também estão freqüentemente envolvidos em algum tipo de atividade sexual extra que pode ser traçada diretamente para as orgias de Baal, o sacrifício humano, e obscenos ritos sexuais. Ao mesmo tempo, estes "anti-semitas" vai para grandes comprimentos para esconder sua

verdadeira identidade e suas lealdades real. Em suas comunidades, eles são freqüentemente encontrados

para serem líderes nas atividades anunciadas como "compaixão" e "cuidado", eles são muitas vezes encontrados em repartições públicas, na mídia e nas instituições educacionais. Nessas áreas, eles impiedosamente promover os interesses de sua própria espécie, ao apresentar uma falange sólido de oposição a qualquer um dos descendentes de Sem individualista que ingressaram nessas profissões. O grande trunfo dos cananeus é que o povo de Shem não têm idéia do que está acontecendo, eles raramente encontrar o sucesso em uma profissão apesar de seu grande talento natural e apetite para o trabalho duro. Ao longo de suas carreiras, eles são oprimidos pela percepção de que "sorte" nunca parece

favorecê-los, enquanto outros acham promoção quase automática, se forem membros de seus adversários, os cananeus. Agora o tempo é curto. A história não vai permitir que o povo de séculos Shem adicionais, ou mesmo décadas, para vir a seus sentidos e perceber o que está acontecendo. Assim como eles têm sido vítimas de massacre e genocídio durante séculos, o povo de Shem enfrentam agora a determinação dos cananeus, para exterminá-los totalmente e, por fim, um objetivo que esperamos alcançar até o final deste milênio.

26

Capítulo 2 - A transgressão de Caim

"Não como Caim, que era do maligno, e matou seu irmão. E por que ele matou? Porque as suas obras eram más, e seu irmão, justas" (I João 3:12). A transgressão de Caim, o primeiro assassino, tem um significado marcante em traçar o desenvolvimento de organizações ocultas na história. A palavra hebraica

para Caim é Kajin, de Koon, a cantar, e do qual derivam os termos de gíria para pessoas de raça mista, Kajuns e guaxinins. De Caim descenderam Tubal Caim, cujo nome é usado como a senha secreta da maçonaria. Tubal Caim era filho de Lameque, e irmão de Noé, mas ele nasceu de um casamento bígamo. Tubalcaim se tornou um ferreiro, e mais tarde ele se tornou famoso como o pai da bruxaria e feitiçaria. Seu pai, Lameque, era filho de Matusalém, da linhagem de Caim. Poderíamos supor que os dois filhos de Adão, Caim e Abel, depois de ter o mundo inteiro, antes deles, teria poucos motivos para a discórdia, mas Caim, sendo do Maligno, procurou uma briga com seu irmão. A Bíblia conta que eles faziam oferendas a Deus, e que Deus aceitou a oferta de Abel, mas rejeitou a oferta de Caim porque ele era indigno, isto é, ele foi da serpente. Caim, vencido pela ira e inveja, em seguida, matou Abel. O Midrash dá uma versão um pouco mais alargado, que Caim Abel persuadido que eles deveriam dividir o mundo entre eles. Caim iria ficar toda a terra, e Abel teria todos os bens móveis nele. Cain então informado Abel que ele estava em sua terra, e que ele deveria se retirar. Abel respondeu que Caim usava roupas de peles de animais, que pertencia a Abel. Eles lutaram, e Caim matou Abel. Deus, então banido Caim "para o leste do Éden", na "terra de Nod". Ele casou uma mulher de material pré- adamitas e, portanto, composta por culpa dele. Gênesis 4:17 diz: "Caim sabia [ou seja, teve relações com] a sua esposa." esposa que Caim era de proibido ou outra carne é confirmada mais tarde, em Judas 11, referindo-se aos homens de Sodoma e Gomorra, "Ai deles! porque entraram pelo caminho de Caim", isto é, procurando após outra carne . O pré-adamitas eram referidos pela palavra hebraica Nachash, a chiar, como um negro-serpente significado. A palavra árabe Chanas vem da palavra hebraica, bem como Khanoos, ou Macaco, ea palavra Árabe para o diabo, Khanas. Assim, a mistura das raças eo aparecimento do diabo na história são unidos em os crimes de Caim. Caim é também a fama de ter comemorado a primeira Missa Negra, ou satânica missa, na terra. O nome de Caim sobrevive até hoje na Maçonaria em duas formas, que são parte integrante das doutrinas mais importantes desta associação.

27

Primeiro de tudo, o assassinato, a ameaça de assassinato, ea constante encenação de assassinato são fundamentais para os rituais mais importantes maçônica, como Stephen King apontou em seu livro, "The Brotherhood", pouco antes de sua prematura morte. Assim, se uma ligação directa para o primeiro assassino, Caim, é estabelecida por esses rituais. A importância da lenda de Caim, a Maçonaria também é revelado pelo fato de que Caim matou seu irmão. Na Maçonaria, se você está convidado a agir contra seu próprio irmão, em nome de um colega, Mason, você deve fazê-lo, sob pena de morte. Tem havido muitos casos em que um homem que estava perseguindo um processo contra um pedreiro foi surpreendido ao ter seu próprio irmão, que seria um pedreiro, entram em quadra e cometer perjúrio contra ele para ajudar seu irmão Mason. Este costume ainda sobrevive em outras organizações (que podem estar relacionados com a Maçonaria). Em La Cosa Nostra, líderes pedem frequentemente um membro para o assassinato de um parente próximo a quem a sentença de morte foi aprovada, como o teste final de sua lealdade. O nome de Caim também sobrevive em um segundo elemento importante da Maçonaria. A senha secreta da maçonaria é "Tubal Cain" (Heckethorn, "Sociedades Secretas", p. 26). Tubalcaim, descendente de Caim, era filho de Lameque, o pai de Noé, que tinha duas esposas, Ada e Zilá. "Zilá furo Tubal Caim, ele foi o falsificador de todos os instrumentos de bronze e ferro. A irmã de Tubalcaim foi Noema "(Gênesis 4:22) Naamah do folguedo com o seu parente de sangue, eu, lam, resultaram na maldição de Canaã;. Ela também é registrada como a pessoa que trouxe sacrifícios humanos e canibalismo no mundo. Tubal Caim, neto de Matusalém por Lamech, era da linhagem de Caim, daí o seu nome. Ele é conhecido como o pai de feitiçaria e bruxaria, daí a importância dele para a Maçonaria ea sua utilização de seu nome como sua senha. descendente de Cam, filho de Cuche Negro, Nimrod, da Etiópia, tornou-se regente do mundo o mais demoníaco, e o primeiro governante do mundo. Ele usou seu poder para entrar em orgias sexuais e sacrifícios de crianças, até Shem decapitado por seus crimes contra Deus. Sem cortar seu corpo em pedaços e enviou estas relíquias sangrentas para os sacerdotes como um aviso para cessar e desistir de

suas práticas vis de adoração demoníaca. Em vez disso, os sacerdotes esconderam as peças, reverenciando-los como objetos de culto, escondê-los em sua "bosques" e "santuários" como os primeiros "Mistérios". O segredo das relíquias, ou mistério, tornou-se conhecido pelos iniciados somente após um

longo período de doutrinação, quando se podia confiar para não trair os adoradores de Baal. Esta foi a verdadeira origem dos "Mistérios", de que, como observa Albert Pike em Morals and Dogma ", todos os ritos maçônicos são originários. práticas satânicas em todo o mundo pode ser rastreada em uma linha ininterrupta diretamente de volta ao Gnosticismo, a partir de gnose, ou conhecimento. Gnosis refere-se a conhecer os segredos dos Mistérios, ou seja, o lugar onde as relíquias são escondidos, os pedaços do

corpo de Ninrode.

O

"G",

que

é

destaque

em símbolos maçônicos indica não só

as suas

origens no

gnosticismo, mas também a "Geração", isto é, os ritos de fertilidade do culto sexual de Baal e Astarote.

Esse "G" também é destaque no logotipo da cadeia Gannett, um grupo que está rapidamente engolindo

jornais e emissoras de televisão em toda a América, bem como publicar o jornal "EUA Hoje", que perde mais de US $ 100 milhões por ano. Este é considerado um preço pequeno a pagar para controlar as

mentes

do

povo

americano.

O destino de Ninrode também sobrevive no mito de Osíris e Ísis sua irmã. Osíris, um outro nome para o

deus cananeu Baal e sua consorte Astarote ou Isis, cujos ritos cananeus trouxe para o Egito, eram adorados como deuses da fertilidade. A lenda egípcia é que o irmão de Osíris Set (ou Shem) dissecou-o em quatorze pedaços.

28

Isis recolheu as peças, mas a parte mais importante, o falo, estava faltando, a lenda diz que um caranguejo tinha comido. Isis fez um substituto do falo de madeira e, assim, restaurado seu irmão. Devido a sua origem nos templos de Baal, que foram dedicadas à prostituição tanto masculina e feminina, a Maçonaria tem sido a força invisível por trás da movimentação para fazer os Estados Unidos em uma nação bissexual. Seu diretor filosófico, Albert Pike, torna isto claro em seu livro oficial, "Morals and Dogma", p. 849: "inversão de letras do nome inefável, e dividindo-o, torna-se bissexual" Isso é puro

cabalismo, e isso nos remete diretamente ao culto de Baal e Astarote. Pike é o ponto mais claro na página 741, "a Maçonaria é uma pesquisa após Light Essa busca nos leva diretamente para trás, como você vê, a

Cabala Todas as religiões verdadeiramente dogmáticas surgiram da Cabala e retornam a ela;

..

Tudo

grande no sonhos religiosos dos Iluministas, Jacob Boehm, Swedenborg, Saint-Martin, e outros, é emprestado da Cabala, todas as associações maçônicas devem a ela seus segredos e símbolos ". Esta é a revelação mais definitivo da verdadeira origem e os propósitos da Maçonaria. Originária da Cabala, ela realiza os seus fins tortuosos, através da organização mais secreta dos Illuminati, o círculo interno que controla os seis milhões de maçons do mundo. Desde a sua criação, o "Mistérios" sempre foram bissexuais, mas sim, eles tentaram entrar de qualquer paixão em sua dedicação ao prazer, o que significava constantemente à procura de novas sensações e depois talvez mais emocionante. Nossos psicólogos modernos explicar esses desvios como o "estilo de vida alternativo". O símbolo dos ritos obscenos é o Delta, ou no triângulo (a coleção de pornografia grande na Biblioteca do Congresso é chamado a coleção Delta, cada cartão no catálogo do anúncio que eu livro nesta coleção foi o triângulo simbólico no canto esquerdo superior). A Delta representa os círculos trino da eternidade, o Yod hebraico. O Delta do casal, ou seis símbolo do judaísmo apontou, representa o triângulo mail supremo sobre o triângulo feminino abaixo, e penetrá-la. O balançar de T invertido no rito de Kadosch Maçonaria representa Lúcifer como o grande patriarca e Grand Emperor. Este triângulo é composto por Trindade indivisível a que o Kadosch leva o seu juramento de obediência cega. A Delta é também o símbolo do Capítulo do Real ArchMasonry. Este triângulo representa a Maçonaria indivisível. A Delta, ou Tríade, agora é apresentado como o novo símbolo de centenas de organizações de negócios norte-americano, talvez como um aviso para os eleitos que este negócio é agora parte do império maçônico. O presente escritor tem muitas páginas que os pesquisadores estão reunidos mostrando a predominância deste símbolo nos

negócios americanos. As Tríades são também o nome do antigo gangues do submundo chinês, para quem o assassinato é um método habitual de fazer negócios. Em todo o mundo, a Tríade se tornou o símbolo de conspirações de negócios internacionais. Quando Kashoggi, o negociante de armas munições, cujo relacionamento resultou em 1980, escândalos Irã, formou uma filial americana da sua actividade, ele chamou Tríade América. Além disso, simbolicamente, já lá vão à falência, depois de engabelar muitos norte-americanos em vários milhões de negócios de dólar em muitas áreas. Capitão William Morgan, que foi assassinado por ter escrito dos rituais maçônicos, e assim deu origem ao Partido Anti-maçônica na América durante o século XIX, observou em seu livro histórico, "A Maçonaria Exposed", que, quando um Companheiro Maçom foi feita no interrogatório

29

(Interrogativa desde então se tornou uma técnica privilegiada de advogados em sua manipulação de uma lei de processo attainder nos conhecer "Discovery") que era seu trabalho, ele respondeu que ele trabalhava na construção do Templo do Rei Salomão. "O que Lodge de mestrado representam? Sanctum sanctorum, ou santo dos santos, o Templo do Rei Salomão". Albert Mackey's "Enciclopédia da Maçonaria" listas em Oriente, "O lugar onde uma loja está situada às vezes é chamado seu 'Oriente', mas mais propriamente, o seu" Oriente ". A sede da Grande Loja também tem sido por vezes chamada de "Grande Oriente ', mas aqui' Grande Oriente" seria, talvez, ser melhor. O termo "Grande Oriente" tem sido usado para designar alguns dos Órgãos Supremo no continente Europa, e também na América do Sul, como o Grande Oriente de França, o Grande Oriente do Brasil, o Grande Oriente de Portugal, eo Grande Oriente de Nova Granada, etc O título sempre se refere ao Oriente como o lugar de honra na Maçonaria. "

A reverência para o Oriente em todo o Grande Oriente Maçom é revelado por suas atividades na

civilização ocidental. Eles têm trabalhado de forma consistente para impor despotismo oriental sobre os cidadãos de repúblicas ocidentais através de aparelhos de governo totalitário. despotismo oriental tornou- se particularmente predominante em todos os nossos processos judiciais, o "tribunal" onde as regras

déspota, o arco simbólico, ou de pé, quando o déspota entra na sala, e à recusa do déspota para tolerar qualquer questionamento de sua decisão por um cidadão, que pode aproximar o juiz somente através de um sacerdócio ungido, a profissão de advogado. Alguns americanos otimista decidir a entrar em quadra representam a si próprios, que o povo de Shem previsto especificamente na sua Constituição dos Estados Unidos, mas os juízes normalmente dão como "advogados pro se" pouca atenção. Em estados como Virginia, onde as regras de potência maçônica os tribunais, os juízes têm sido conhecida a vangloriar-se de que nenhum advogado pro si nunca vai conseguir uma decisão favorável no tribunal. A não-maçom que entra em um tribunal norte-americano hoje está se colocando à mercê de um déspota oriental, portanto, as ações tirânicas dos juízes em sentenciar à pena de prisão indeterminada qualquer um que acontece lhes desagradam, ou cuja propriedade é cobiçado por um maçom. Este tipo de despotismo oriental pode ser rastreada até Zoroastro na Pérsia, a Ishtar e Tamuz, na Babilônia, aos Mistérios greco-trácio em Elêusis, os Mistérios de Deméter, Perséfone, e Dionísio, a Cibele e Altis na Frígia, a Afrodite e Adonis, na

Síria,

para

Ísis

e

Osíris

no

Egito,

e

Mitra,

na

Pérsia.

Esses cultos de mistérios foram formalmente combinados em grande parte do texto do Talmud babilônico, um livro de preceitos religiosos que havia sido formulado depois da queda de Jerusalém em 586 aC Nabucodonosor levou este povo para a Babilônia como prisioneiros 586-537 aC, depois que Ciro da Pérsia, capturou a Babilônia e autorizou o retorno a Jerusalém. Durante o cativeiro da Babilônia, havia uma mistura livre das diversas tribos cananéias, os edomitas casaram-se com o ramo cananeu da judaítas e Chers. Edom significa vermelho, desde o cativeiro, vermelho significou a revolução e ao massacre dos inocentes cananeus. Os Rothschilds, quando apoiou a formação dos Illuminati, mudou seu nome de Bauer para Roth criança (vermelho) (blindagem). Esta mistura de várias cepas u causado muita confusão entre os descendentes, como o que aduaneira herdeiro deveria ser. Para resolver esta dificuldade, os

prisioneiros começaram a compilar um grande livro de ensinamentos religiosos. Talmud significa "ensino" em hebraico. Até o século II dC, o Talmude foi concluído oral como lei, o Mishnah, ou parte mais antiga, e da Gemara, ou comentários sobre a lei. Ele apareceu pela primeira vez na imprensa em 1520, quando

Daniel

30

Bomberg

publicou

em

Veneza.

Devido às suas origens na capital demônio de adoração do mundo, a Babilônia, a demonologia desempenha um papel importante em todo o texto do Talmud. Refere-se ao Demiurgo, ou demônio chefe, como o Criador do Universo, e difama a várias aparições de demônios, (1) mazzikim (2); Shedim (3); ruhot (Avot. 5-6). Asmodeus é listado como o Rei dos Demônios (Pes. 1l0a-1l2b). A Mishná ensinou no século II aC duas coisas que nunca devem ser revelados ao público, ou os não iniciados: (1) a obra da criação, e (2) o trabalho do carro (ou seja, operações esotérica, o "Divino Trono"). Esses preceitos mais tarde se tornou ainda mais formalizada nos ritos secretos da Maçonaria. Em 1280 dC, um novo desenvolvimento do pensamento do Talmude, o Zohar, ou Livro do Esplendor, apareceu. Isso ficou conhecido como a Cabala, ou tradição. Foi baseado em duas coisas: (1) geração, ou os ritos de

fertilidade, como a palavra mais sagrada de novas instruções (que, naturalmente, também se tornou o "G" em destaque símbolos maçônicos) e (2) o preceito que Israel é o único a possuir o mundo futuro (Vayschleh folio 177B). O Zohar derivado do Yetsirah Sefer, ou Livro da Criação, que tinha aparecido na Babilônia do século III, os dez Sephiroth ou números, baseado na crença de que o universo deriva dez números e duas letras do alfabeto hebraico; isso mais tarde foi desenvolvido para o 22 trunfos do Tarot,

ou

os

22

caminhos

que

conduzem

a

Sephotorth.

* Na Cabala, o mal assume uma misteriosa existência própria, que seus preceitos rastrear a aparência física da vida na Terra, ou seja, Adão. reivindicações cabala que Adão joga todo o fluxo da vida fora de equilíbrio, e que a Igreja, ou o cristianismo, formalizando a existência física dos povos adamitas na terra, tornaram-se um problema que deve ser resolvido. Esta é a essência do princípio da anti-vida básica subjacente a todas as cabala e seu herdeiro, a Maçonaria. Esses preceitos declarar que o satanismo vai atingir o seu triunfo final sobre a Igreja eo cristianismo, terminando assim o "dualismo" do mundo, a luta

entre o bem eo mal. Em suma, o problema do bem e do mal será encerrado quando triunfa o bem eo mal é eliminado da terra. Este programa pode parecer um pouco simplista, mas é a premissa básica da cabala e maçonaria. Nota de rodapé: * Cabala aparece em várias grafias através da história, principalmente a "cabala". Também Cabala, Cabala, etc Esses preceitos anti-vida estão agora a ser encontradas e tratadas, em muitos dos desenvolvimentos da nossa civilização. Os descendentes dos cananeus, instintivamente odeiam e se opõem ativamente ao progresso, tais como tecnologia, vida urbana, a industrialização e as

realizações culturais da humanidade.

Seu objetivo básico é o de devolver a terra para o primitivismo de

seu estado pré-adâmica, quando um tipo de Neanderthal humanos vagavam à vontade sobre uma terra

que não tinha "civilizado" aspectos para lembrá-lo de seu primitivismo.

A finalidade é "restaurar" o

homem pré-adâmico, para que o homem adamitas, como uma criação de Deus, já não representa um obstáculo para a Satanás e seu domínio sobre este mundo. Assim, a Maçonaria visa cabalísticos para o extermínio da vida como a conhecemos, culminando com o triunfo final da Maldição cananeus na terra. Em retrospectiva, essa observação impressionante oferece uma razão irrefutável para os massacres de outra forma inexplicável, guerras e devastação humana que tenham sido regularmente visitado em cima de uma humanidade sofrida pelos conspiradores cananéia.

A Encyclopaedia Judaica tem uma entrada de cerca de sessenta e uma páginas sobre a Cabala só, de longe, a maior entrada única nesta enciclopédia. Esta entrada observa que "a Cabala cristã", isto é, o desenvolvimento central do humanismo secular, apareceu pela primeira vez nos sistemas teosófica dos Maçons, na segunda metade do século XVIII, ou seja, durante o período do "Iluminismo". Foi esse elemento predominante no humanismo secular que levou às revoluções dos séculos XVIII e XIX, e que já tinha levado para a Reforma. Estes resultados políticos eram o resultado lógico dos ensinamentos do Zohar, que declara que En Soph (a Divindade Ultimate) trouxe ao mundo a ser de forma indireta, a fim de evitar ser contaminado pela vida ser físico, ou, o que expressa o novo sentido anti-vida básico deste sistema filosófico. Esta divindade única manifestação sobre a terra é através da Dez Sephiroth, ou Emanações Divinas. Os ensinamentos do Zohar negar qualquer presença na terra de Deus e de Seu Filho Jesus Cristo, ele coloca toda a sua ênfase no "não-Deus ou doutrinas humanistas. Judeus ortodoxos base de suas práticas religiosas inteiramente na Cabala. Eles celebram o seu triunfo próximo, a Festa dos Tabernáculos, que é definido no Zohar como o período em que o triunfo sobre todos os povos do mundo. "Por isso, durante esta festa que curtimos o loulab e carregá-lo como um troféu para mostrar que temos conquistado todas as outras pessoas (a população)" (Toldoth Noé 63b). Em sua obra definitiva, "O Mágico Mason," W. Wynn Westcott, fundador da Ordem Hermética da Golden Dawn, na Inglaterra, traça as origens da Maçonaria de volta para os essênios em Jerusalém; farisaica judeus, os praticantes das mais judaísmo estrito; antigos Mistérios do Egito e da Grécia, o Vehm-Gerichte de Vestefália, na Alemanha, o comércio guildas da Idade Média, os Colégios romanos, o Compagnons francês, e os Rosacruzes. Westcott aponta que a pedra angular do Capitólio de Roma tem a marca da distorção de "Olheiros", um grupo sagrado. O Arco Real tem um altar de pedra branca na forma de um

cubo duplo, que é gravada com o "Nome Sagrado". Ele diz que os Mistérios, a partir da qual todo o ritual maçônico é derivada, foram destinados a acabar com o medo da morte no início, ao reencenar a descida ao Hades, e, assim, encontrar a grande causa primeira de todas as coisas reveladas ao iniciado. Westcott afirma que a famosa Pedra Preta na Mesquita Sagrada de Meca, também faz parte deste ritual. Há também a Pedra Sagrada colocada sob o trono da Inglaterra, que se diz ter sido a pedra de Jacó, nos tempos bíblicos. A partir de tais símbolos antigos de poder veio o lema maçônico, "Per me reges reinante", "por mim reinam os reis". Pelos reis de controle, os maçons exerceram o seu poder nos bastidores. Se os reis foram derrubados por revoluções (que era muitas vezes organizadas pelos próprios maçons), os reis podem ser decapitado, mas os mandantes por trás do trono seria avisado e escapar ileso. Eles, então, continuar a reinar com o próximo líder escolhido, normalmente designados por seus conselhos internos. Embora seja dedicado à usurpação e manutenção do poder absoluto através de um despotismo oriental, a Maçonaria tem alcançado muita da sua influência em todo o mundo através da sua ênfase e patrocínio do poder de revoluções contra a ordem estabelecida.

32

Seu slogan se tornou o lema da Revolução Francesa ", fraternie Liberté, Egalité,". Liberdade, igualdade, isto é, a igualdade entre os maçons, apenas com a escravidão como o destino de todos, e fraternidade, que é a fraternidade da Ordem Maçônica dos cananeus. Este slogan aparece nos documentos da Maçonaria, que também se anuncia como "A Nova Era" do movimento. Muitas de suas publicações, como a revista dos Maçons de Washington na capital de nossa nação, característica do nome, a Nova Era, eo triângulo simbólico na capa de sua revista, o triângulo a ser estampada em suas fronteiras com o lema "Liberdade , Igualdade, Fraternidade e ". A Nova Era ou Nova Ordem, refere-se à época que será inaugurada após o Armagedon final, quando os cananeus exterminar os últimos sobreviventes do povo de Shem. No mundo maçônico, Jerusalém sempre foi tido como o berço da Maçonaria. Outra tradição diz que as primeiras lojas maçônicas construiu o Templo de Salomão. O rei Salomão terminou o Templo em 1005 aC Salomão morreu com a idade de sessenta anos, após um reinado de cerca de quarenta anos, e foi sucedido por seu filho Roboão. Mackey's "Enciclopédia da Maçonaria", diz com a entrada, "Presidente Oriental de Salomão", "A sede do Mestre em uma Loja Simbólica, e assim chamado porque o Mestre é suposto simbolicamente para preencher o lugar durante o ofício, uma vez ocupada por King Salomon . Pela mesma razão, a sede do Grão-Mestre da Grande Loja doente recebe a denominação mesmo. Na Inglaterra é chamado do Trono ". No simbolismo maçônico, o arco-íris aparece como a representação sagrada de Lúcifer, o Portador da Luz, e indica o seu brilho. Em diplomas maçônicos está inscrito o verso:

"E disse Deus: Haja luz e houve luz". Na verdade, o uso do nome de Deus aqui é um subterfúgio típico cujo verdadeiro significado conhecido apenas aos graus mais elevados da maçonaria, os graus de ocultismo, e é um exemplo da decepção internos pelos quais os graus de ocultismo governar o artesanato do companheiro. Lúcifer, no verdadeiro nome do ser a quem eles adoram como um deus, \ s de seu mentor, Albert Pike, deixou claro em suas comunicações a Mazzini e outros líderes maçônicos. Os símbolos da Maçonaria, aos unware de seu significado cabalístico, pode parecer inofensivo o suficiente, principalmente para a grande maioria dos maçons, os membros dos três graus das Lojas Azuis. Eles nunca são informados de que o "Olho Que Tudo Vê" de seu simbolismo se refere não à luz, mas para os órgãos genitais, o Olho de Hoor, que é o ânus, e que significa o compromisso homossexuais ou bissexuais de nossa classe dominante em apreço, a Ordem Mundial dos cananeus. "G" significa tanto para geração, ou o

ato do coito, e para o gnosticismo. Ele também exalta o Grande Deus Baal, e ele t faltando parte de sua anatomia, o falo, que segundo (t) a lenda do jogo e Nimrod, havia sido removido. O culto do falo aparece nas cerimônias maçônicas nos graus de Mestre Ma-ha ossos, significando o filho hermafrodita de Loth.

Loja do Mestre representa o Útero, a Câmara Médio.

A acácia significa que

todas

as

t

ele Mistérios

originado na Índia, ou melhor, que sua inspiração inicial veio dessa área.

No rito de Acácia, o artesanato

companheiros estão vestidos de branco, a partir do grego, significando inocência, embora também

significa a corrupção da inocência, em muitos ritos religiosos. A Acacia Mutual Life Insurance Company sede ocupa um lugar de destaque em Washington perto os

corredores do Congresso.

Durante sua vida, J. Edgar Hoover, antigo chefe do Federal Bureau of

Investigation, aceitou apenas uma associação de negócios. Ele foi nomeado diretor de Acacia Mútua, que

era quase do outro lado da rua do seu quartel-general do FBI. 33 Por causa desta
era
quase
do
outro
lado
da
rua
do
seu
quartel-general
do
FBI.
33
Por
causa
desta
associação,
revelou-se
impossível
removê-lo
do
FBI
durante
sua
vida.
Os maçons também pontos derivados dos antigos Mistérios; os graus triplo do sistema correspondem aos
mistérios de Serápis, Ísis e Osíris.
34

O aprendiz inscrito se refere às três luzes, Osíris no Oriente, no Ocidente, Isis e Hórus, que era mestre, ou senhor de vida no lugar de Osíris, no sul do país. O Hexapla, ou Selo de Salomão, é uma estrela de seis pontas. Na cabala, seis é estimado como um número masculino, que foi atribuído pelos cabalistas para Microprospus, o Vau do alfabeto hebraico, e os seis sinais do meio. A cabala em si é a base da Teosofia, na Enciclopédia Judaica, na rubrica "Teosofia", ele simplesmente diz, consulte Cabala. A Cabala tomou forma como um sistema definido, uma Sophia secreto ou corpo de conhecimentos, após a queda de Jerusalém. Ele se baseou fortemente em numerologia e encantamentos. A gematria hebreu é um código que é baseado em numerologia. explicações Devious e profecias são trabalhados por laboriosamente rastreamento vários valores numerológicos. Por exemplo, através da gematria mostra-se que Moisés escreveu a Canção da Despedida, as seis primeiras letras dos primeiros seis frases são as mesmas que Moisés nome em hebraico-345. A Cabala afirma que o número sagrado oferece a perspectiva do conhecimento. Esse número, 142.857, é dividida a partir do Número Eterno, um ou um milhão, ou Deus, mais seis símbolos do infinito; dividido por 7, ele sempre sai 142857. Os números primários, de 1 a 9, compõem o triângulo do ternário, a imagem completa dos três mundos. 9 também é o número de Marte, o nome secreto de Deus é a número 9, eo período de gestação é de nove meses, toda esta informação pode ser encontrada na Cabala. Os cantos e encantamentos da cabala incluem esoterismo como a Chave de Salomão, o que dá a fórmula para somar Lúcifer: "Então sairão Enter ou vou torturá-lo eternamente pela força dos nomes poderosos da

chave:! Alglon , tetragrama, Vaycheons, Stimulametion, Ezphraes, Petregrammaton, Olzaran, Irion, Erython, Existron, Erzona, Onera, Orosyn, mozan, Messias, Soter Emanu, Saboot. " Um símbolo que pode ser encontrada em cada loja maçônica é a representação de uma estrela fulgurante. Maçons, aparentemente sem saber sua verdadeira origem, afirmam que é o símbolo da prudência. Na verdade, ele representa a Estrela do Cão, Sirius. A inundação do Nilo ocorreu no Egito, quando o sol estava sob as estrelas do leão. Para os egípcios, era conhecido como o deus Anúbis, que conhecemos pelo nome do, hebraico Sior, que em grego se tornou Serios, e em latim, Sirius. Sua aparência era o sinal para os antigos egípcios para aposentar-se para terras mais altas, antes do nascer do Nilo, uma tradição de prudência desconhecido para os maçons de hoje, que, no entanto, atribuir-lhe a interpretação correta da prudência. O personagem estampada no avental maçônico é o Tau triplo, um composto de três T's, ou, em grego, Tau. Ela representa o antigo Egito Nilômetro, que foi usada para determinar a altura da inundação do Nilo, em que a vida dos habitantes dependiam. Assim, se tornou o símbolo de saúde e prosperidade, tendo o poder como um amuleto para evitar o mal. A cerimónia maçónica fundamental é baseado na tradição de que os três grandes segredos da escola de mistérios de Moisés eram conhecidos por nenhum homem, os três segredos, também chamado de "as três palavras," eram conhecidos por Rei

Salomão, o rei Hiram de Tiro, e Hiram Abiff de Tiro, que é chamado de "filho da viúva" de maçons. Tiro, é claro, foi uma das principais cidades de Canaã. Três maçons de grau inferior procurou forçar Hiram Abiff para dizer-lhes a palavra que estava em sua guarda, ele foi assassinado por eles, porque ele se recusou. O ritual do assassinato de Hiram Abiff é uma das principais cerimônias maçônicas, e é destinada a impressionar-lhes a importância de se submeterem ao assassinato, em vez de dar qualquer segredo dos maçons. Também, como Stephen King aponta, enfatiza a importância do elemento de homicídio em toda a Maçonaria, talvez o fator mais constante único que liga todas as suas cerimônias.

35

O assassinato de Hiram Abiff é solenemente encenados na recepção de um Mestre Maçom. A câmara é coberto de preto, com cabeça de morte pintados nas paredes. Um corpo é exibido em um caixão, e toda a história é re-promulgada, culminando com o assassinato de Hiram Abiff por dois aprendizes. Isso impressiona a todos os membros do ofício do companheiro que os juramentos de gelar o sangue, que são obrigadas a tomar não são cerimônias ociosas e que deve ser fiel ao rito maçom cananeus, ou suas vidas serão perdidas. Nas cerimônias maçônicas, um novo nome para Deus (a quem sempre odiou) foi cunhada pelo ritualistas, porque não se atreveu a usar o nome de seu verdadeiro Deus, Lúcifer. Eles agora chamado na mística Jah-Bul-On, um nome que lhes deram origem, combinando as várias divindades dos cananeus adoradores do diabo: Jah, a partir do Jahweh original; Bul, o nome hebraico para o deus cananeu Baal, e On, representando o deus egípcio, Osíris. Por causa de suas origens cabalístico, o número

13

é de grande importância nos ritos maçônicos. O Conselho dos Cinco, que é composto pelos chefes de

família dos Rothschilds e seus colaboradores mais próximos, governa a Ordem Mundial de Canaanitic Maçonaria. Abaixo está o Conselho, de 13, que também tem grande autoridade, depois deles vem o Conselho de 500. O município de 500 é composto pelos dirigentes políticos e empresariais do mundo, se inclui também os homens mais proeminentes da educação e da religião. Os membros deste Conselho são frequentemente presentes nas reuniões políticas da Organização Bilderberger, com o qual corresponde basicamente. Os elementos-chave do programa mundial da Maçonaria são frequentemente adoptadas em sua data especial, o décimo terceiro. Assim, o Federal Reserve Act, um ponto chave no controle dos sistemas econômicos do mundo pelos cananeus, foi promulgada em lei sobre o 23 de dezembro de 1913. A 16 ª Emenda à Constituição dos Estados Unidos, o lux renda: alteração, que foi também um elemento fundamental no programa, foi adoptada em 31 de maio, 1913. Esta alteração deu o controle cananeus sobre todos os aspectos econômicos da população de cativeiro dos Estados Unidos. Daquele dia em diante, eles tinham que relatar cada centavo da renda e bens, como havia sido previsto por Lênin em seu programa, "Catástrofe A Ameaça", que ele tinha publicado em 1917. Este programa chamado para o confisco de bens como punição por "ocultação de renda", que foi aprovado pela Secretaria da Receita Federal. O programa de Lenin é agora a doutrina oficial de funcionamento do IRS. A emenda 17 à Constituição do povo de Shem, a emenda alterando os requisitos para a eleição de senadores para o Congresso, foi aprovada em 21 de maio de 1913. Estas três alterações efetivamente sabotou a Constituição, retirando as proteções histórica do povo contra um governo tirânico. Como a renda é realmente propriedade, a emenda 16 despojado cidadãos dos Estados Unidos de todos os direitos de propriedade, assim como as disposições mais tarde para o confisco de todo o dinheiro e bens. A alteração da eleição do Senado tirou as legislaturas estaduais do seu direito histórico ao eleger senadores, que tinham sido obrigados a manter o equilíbrio entre os menos populosos e os estados mais populosos, que agora custa dez milhões de dólares para eleger um senador. Esta alteração deixou os moradores de

diversos estados nua para as intrigas mais cruel dos cananeus bárbaro e adoradores do Diabo. Com efeito, o povo de Shem perdeu uma guerra racial e religiosa, devido a estes três atos de 1913. A ênfase sobre o número 13 também reafirma a vontade dos Maçons para destruir seu inimigo histórico, Cristo e seus doze discípulos.

36

Quando os Rockefellers configurar seu controle penal dos legislativos estaduais, o Conselho de Governos Estaduais, que simbolicamente instalado em um prédio numerados 1313. Em 1813, o duque de Sussex, o segundo filho do rei George III, tornou-se o Grão-Mestre da Maçonaria Inglês. Treze estrelas pequenas, os Selos de Salomão, foram colocadas em moeda dos Estados Unidos, para formar um Sixpoint Mogen David (Escudo de David). Os diferentes graus do ritual maçônico é de grande significado oculto. Os três primeiros graus, conhecida como a Loja Azul, são (1) entrou aprendiz; artesanato (2) do companheiro, (3)

Mestre Maçom. Os Iniciados da Loja Azul são propositadamente enganado durante toda a sua adesão como a verdadeiros propósitos da Maçonaria. Qualquer maçom de alto grau que os informa do programa oculto por trás dos bastidores da Ordem está sujeito a pena de morte. Consequentemente, as Lojas Azuis, na maioria das vilas e cidades americanas, parecem pouco diferente das organizações de outras ordens fraternais, como o Ruritans e os leões. Aparentemente, os três grupos parecem ser tiradas da mesma camada de sério, a sociedade, homens de família, muitas vezes, os freqüentadores da igreja, que representam as qualidades essenciais da vida da cidade pequena, mas a semelhança é apenas superficial. A Ordem Maçônica normalmente atrai seus membros das principais comerciantes e, a partir das profissões, banqueiros, médicos e advogados. Eles vêm para suas reuniões, eles se envolver em algum trabalho de caridade e, em geral, marcam o tempo até o dia em que eles são chamados a realizar alguma tarefa incomum para um companheiro maçom, ou para a ordem nacional ou mundial. Naquele tempo, eles finalmente percebem que o juramento de sangue não tem significado, mas por essa altura já é demasiado tarde. Elas podem ser feitas para apoiar um candidato a um cargo político maçônico, para balançar um negócio a um companheiro maçom, ou até mesmo para cometer perjúrio ou qualquer outro acto ilegal para um irmão Mason. Mesmo assim, eles nunca são oferecidas as confidências, pois eles são apenas disse que eles devem fazer, e eles devem obedecer. O Lions ea Ruritans, por outro lado, não têm tais exigências aos seus membros.

Mestre Maçom. Os Iniciados da Loja Azul são propositadamente enganado durante toda a sua adesão como

37

Os sete primeiros graus da Maçonaria são o artesanato novato mesmo que o primeiro, sete graus dos Grandes Mistérios de Osíris. Eles também são os mesmos sete graus, como os requisitos para o avanço na Ordem dos Jesuítas. Heckethorn "Sociedades Secretas", observa que as cerimônias aprendiz são provavelmente de origem jesuítica; Weishaupt tinham uma cadeira jesuítas na Universidade de Ingolstadt, quando organizou os Illuminati. Heckethorn diz: "Ele [o aprendiz] é, então, privados de todo o metal que ele tem sobre ele, seu joelho direito, e às vezes o seu lado esquerdo, são descobertos, eo salto de seu sapato esquerdo é pisada Essas cerimônias são supostamente por alguns. escritores como sendo de origem jesuítica. A privação dos metais é a tipificação do voto de pobreza, o desnudar da mama e do

joelho é destinado a evitar a admissão de mulheres, e os atropelamento do calcanhar do sapato para lembrar que o candidato Inácio de Loyola, que tinha um pé ruim, assim começou a sua peregrinação. " O rito escocês tem 29 graus mais elevados, tais como o grau 16, o Príncipe de Jerusalém; Grande Pontífice, o grau 20, Cavaleiro, grau 26, um rito que exige adoração luciferiana, exigindo, no sagrado nome de expulsar " obscurantismo ", um termo de código maçônico para os ensinamentos de Cristo, o grau 30, Kadosch, um termo iídiche que significa" nobre ", cujo rito de iniciação contém a frase significativa:" Eu, só eu, toda minha, toda para mim, por qualquer e todos os meios ". O importante grau 32, Sublime

Príncipe do Real Segredo, significa que agora ele tem uma informação suficientemente avançado para ser dado de um elevado grau, isto é, a Gnose, a "conhecer" o segredo, que remonta ao desmembramento do Nimrod, quando a seita passou à clandestinidade. O rito do grau 32 ritualmente denuncia propriedade, direito e religião como "assassinos do Grão-Mestre de Molay. Depois religião é morta, Direito de Propriedade e cairá para a nossa misericórdia, e seremos capazes de regenerar a sociedade, co-fundador da cadáveres dos Assassinos do homem, religião maçônica, a Lei Maçônica e Propriedade maçônico. " Este Rito revela o propósito básico da Maçonaria, para derrubar as instituições estabelecidas da sociedade e substituí-los por instituições maçônicas da sociedade controlada pelos cananeus. O Rito Escocês tem também o rito de Herodes, o Rito Francês, o Grande Oriente Rito, Mizraim Rito, que é um ritual do Antigo Egipto com o nome do filho do presunto. Destes graus, o Rito de Herodes, o rei memorializes mais brutais da história. Muitos judeus denunciaram Herodes, por causa da sua sede de sangue. Ele ordenou que todos os recém-nascidos fossem mortos, de modo a garantir matar o Cristo recém-nascido. É o grau 33, que é da maior importância na aprendizagem sobre os verdadeiros objetivos da Maçonaria. Conhecido como "o grau revolucionário", que confere o título de Sumo Pontífice da Maçonaria Universal. Somente quem atingir o grau 33 estão autorizados a exercer potência mundial, daí o título "Universal".

Consequentemente, a maioria dos chefes de governo, ou pessoas de importância similar, são maçons grau 33. É claro que eles não podem ser leal a qualquer nação que a cabeça, porque a sua lealdade já foram prometidos, sob pena de morte, a Maçonaria Universal. Um típico 33 graus Mason foi o último Presidente dos Estados Unidos, Harry S. Truman. Sem qualquer talento conhecido, ele teve uma carreira desastrosa como estilista, ele era então considerado como desempregado para qualquer profissão conhecida. Seu problema foi resolvido quando ele se tornou o principal organizador de Lojas Maçônicas em todo o Estado do Missouri. Esta criatura infeliz mais tarde permitiu a fazenda de sua mãe para ser vendido para pagar suas dívidas, enquanto ele continuou no curso nonpaying. Depois que ele serviu a Ordem Maçônica bem para um número de anos, a Ordem, em seguida, nomeou-o para um cargo de juiz, como muitas vezes é feito pela Ordem em manter o seu controlo de ferro sobre os tribunais dos Estados Unidos. Sua carreira política posterior foi, então, assegurada.

38

Para desviar a atenção do patrocínio Maçônico de sua carreira, um ótimo negócio foi feito de uma associação passando com o chefe do submundo de Kansas City, Boss Pendergast, como o homem por trás de sua ascensão meteórica. Na verdade, Pendergast era maçom. Após atingir o grau 33, Truman secretamente mudou seu nome, adicionando o S. inicial, que era de Salomão. Freqüentemente, ele disse aos jornalistas que "o S não está para nada." Como presidente, ele foi sempre fiel à tradição revolucionária do grau 33. Saudando o ditador Bloodsoaked, Joseph Stalin como "Good Old Joe", ele deu início ao Plano Marshall para continuar o carregamento secreto de suprimentos para a União Soviética. Em público, ele classificou o Alger casos de traição Hiss "do Red Herring", e ele autorizou Jorge, o Departamento de Estado, Kennan para elaborar a "política de contenção", que garantiu que a Rússia continuam a ocupar as nações da Europa Central, sem qualquer interferência, depois de terem conquistados por agressão armada. Em toda a sua obra revolucionária, foi habilmente ajudado pela sua confidente mais próximo de pessoal, David Niles, ou Neyhus, um homossexual comunista que tinha uma irmã que detenham uma posição importante no governo de Israel, e uma outra irmã que tinha uma posição de políticas em Moscou . Para protegê-lo enquanto ele estava em sua noite embriagada séries de cruzeiro nos becos de Washington, tinha Niles J. Edgar Hoover atribuir dois agentes do FBI para segui-lo. Eles tinham de se agachar atrás de latas de lixo, enquanto ele se dedicou a suas atividades habituais, e em seguida fez com que ele retornou com segurança à Casa Branca. Esta tradição foi mantida por FBI Walter Jenkins, durante a ocupação de Lyndon Johnson na Casa Branca. Uma das personalidades mais revoltante na história dos Estados Unidos foi o principal organizador da Maçonaria, Albert Pike. Nascido em Boston, ele foi para a Universidade de Harvard e se mudou para Arkansas. Ele serviu como um general no exército confederado durante a Guerra Civil, depois que ele dedicou o resto de sua vida à promoção da Maçonaria. Ele é creditado por ter trazido o Rito Escocês em destaque nos Estados Unidos. Significativamente, o Rito Escocês datas de todas as suas comunicações oficiais com o ano do calendário hebraico. Pike manteve laços com o mundo inteiro como observou revolucionários maçónicos como Garibaldi e Mazzini. Eles colaboraram na criação de quatro diretórios Grand Central para a Maçonaria, a filial norte-americana tinha sede em Washington, DC, a filial americana do Sul foi sede em Montevidéu, o ramo europeu, em Nápoles, e do ramo da Ásia e Oceania em Calcutá. Ele e Mazzini foram sucedidos como chefes da maçonaria mundial, Adriano Lemmi. Pike e Lemmi tinha um desentendimento estendido em cima do nome do Deus dos maçons que estavam a usar em seus ritos; Pike foi determinada a chamá-lo de Lúcifer, enquanto Lemmi estendeu para Satanás, eles finalmente liquidada em Lúcifer. Pike posteriormente usou o termo, Sublime Pontífice de Lúcifer, para descrever a si mesmo. Embora tivesse vindo de origens modestas, Pike, durante seus anos no Arkansas, parecia possuir recursos ilimitados, para o qual nenhuma fonte nunca foi estabelecida. Uma criatura bruta obesos os gostos mais pervertidas, ele freqüentemente organizadas expedições de até três vagões de amigos e prostitutas. Eles passaram para o campo, carregado de pipas de aguardente, todas as iguarias disponíveis, e outras bebidas. Eles então teriam se empanturram por dias a fio, entregando-se a orgias selvagens, e cego para o mundo. Após ter subido para o controle da maçonaria americana, Pike proibia a menção do nome de Jesus Cristo em uma oração em uma Loja Maçônica. Ele organizou a missa Adonaicide para os altos funcionários da t »e Nova Palladian Rito. Foi com base no rito de iniciação do grau 25, em que a serpente é retratado como o verdadeiro amigo do homem, e Cristo, ou Adonais como o

verdadeiro inimigo da humanidade. Na verdade, foi um pouco convencionais Missa Negra, a que acrescentou Pike alguns toques originais de sua autoria;

39

o destaque do início de uma prostituta nua, chamado Eve, nos ritos da relação sexual. Uma ave ou animal foi, então, imolado em sacrifício sangrento de Lúcifer, para comemorar a vitória da Sinagoga de Satanás em relação a Cristo, seguido pelo ritual de profanação do Host. O sangue foi passada ao redor para os celebrantes para ser bebido, depois que a carne era consumida ritualmente. Todos os presentes, em seguida, abandonou-se a uma orgia de bêbados. Apesar de sua freqüente dissipações, Pike foi um organizador incansável. Ele conseguiu produzir o livro em massa, "Morals and Dogma", que é a Bíblia da

maçonaria americana para este dia. Publicado pela primeira vez em Charleston (Loja-Mãe), em 1871, o livro indica a partir de sua primeira página a intenção tirânico da Maçonaria. "A força cega do povo é a

força que deve ser economizado, e também conseguiu - Deve ser regulamentado pelo intelecto

A Força

do Povo

" Esta é a vontade careca que a Maçonaria não pode tolerar a existência de um governo livre. Portanto, a República Americana ea Constituição dos Estados Unidos, escrito por e para o povo de Shem, devem ser eliminadas. livro de Pike, em geral, é simplesmente uma formulação do programa, que os cananeus já vem buscando há três mil anos. Deu um conjunto preciso de instruções por que o povo norte-americano poderia ser trazido sob controle e inclinou-se para os fins da Maçonaria. Pike identifica positivamente as origens demoníacos da Maçonaria, na página 22: "A Maçonaria, sucessor dos mistérios, ainda segue a

antiga maneira de ensinar a Maçonaria é idêntica aos Antigos Mistérios

"

Isso também explica a estreita

inteiro é apenas uma república, em que cada nação é uma família e cada indivíduo uma criança." Isso explica o paternalismo socialista do actual governo americano, que procura uma Fabian, do berço ao túmulo de controle sobre a vida quotidiana de cada cidadão. A máquina bem oleada do movimento maçônico nacional é capaz de implementar um programa tão humanista, que é desprovido de inspiração religiosa ou de valores. "As crianças" não podem ser confiáveis para lidar com seu próprio dinheiro, só um governo sábio central em Washington pode decidir enviar nossos ganhos em outras nações, que merecem a nossa ajuda, mas como indivíduos, não pode ser generoso o suficiente para roubar os nossos filhos para a causa dos tiranos em outras terras. Consequentemente, os agentes do IRS levar nossos lucros de nós, eo governo federal em Washington, em seguida, coloca-a "melhor" uso.

40

Pike, o árbitro final de todos os da maçonaria americana, define a origem oculta da Maçonaria, bem como a sua determinação de estabelecer uma tirania mundial único. Essa doutrina anti-cristã só poderia vir de altares de Baal, tabagismo e os seus discípulos demônio adorando. Para ressaltar a importância de seu dogma, Pike escreve que ("Toda loja maçônica é um templo de religião, e seus professores são instrutores da religião." Por causa de suas declarações anteriores, ele está realmente dizendo que todo professor maçônico é um instrutor na . Kabbalah Isso se reflete no juramento de Mestre Maçom: "Vou reconhecer e cumpra todas as sinalizações devidas citações e intimações enviadas para mim de um mestre pedreiro de

alojamento ou que me foi dada por um irmão daquele grau

Eu vou voar para seu alívio

"Se não o

.... fizer", isso significava "nenhuma pena menor do que ter o meu corpo partido em dois pedaços, minhas entranhas tomadas daqui \ I1d reduzida a cinzas." Este juramento, para um maior impacto, é tomada enquanto estava ajoelhado de olhos vendados. Esta é a verdadeira revelação de uma "fraterna loja", que é supostamente dedicada a obras de caridade e bom. Alguém já foi convidada para fazer trabalhos beneficentes com a advertência de que se eles se recusarem, serão cortados em dois e suas entranhas retiradas e queimadas? Albert Pike, que nasceu em 1809, morreu em 1891 em Washington, DC Seu funeral foi realizado no Templo Maçônico à meia-noite, com o rito do funeral Kadosch. O quarto estava coberto inteiramente de preto, iluminado apenas por algumas velas queimando misteriosamente, um verdadeiro bruxas Cerimónia de um homem que dedicou sua vida à causa de Lúcifer. De 1859 a 1871, Pike tinha trabalhado no seu plano diretor para a Ordem Mundial da Maçonaria. Ele formulou o programa que incluiu três guerras mundiais, o primeiro a derrubar o Czar e estabelecer um estado comunista, a segunda guerra mundial que

. ...

seria construir o império comunista, e a terceira guerra mundial, que iria destruir a civilização cristã por todo o tempo em todo o mundo. Em 15 de agosto de 1871, ele escreveu uma carta a Mazzini, que agora está em exibição no Museu Britânico, de seu programa para a conquista do mundo luciferiano, prevista

para libertar "os niilistas e os ateus

em qualquer lugar o cidadão irá receber o uma luz pura através da

que seguirá a destruição do cristianismo e do

... manifestação universal da pura doutrina de Lúcifer

... ateísmo, ambos conquistados e exterminados ao mesmo tempo. " Pike foi quem formulou a técnica secreta em que inicia da Loja Azul só iria passar "as portas para fora de sua filosofia", os iniciados devem ser enganado por falsas interpretações; verdadeiras interpretações estavam reservados para aqueles de

alto grau, os Príncipes da Maçonaria , que foram proibidos de revelar as verdadeiras interpretações para

os iniciados inferiores. Devido a muitos Bulls papal que tinha sido emitida contra a Maçonaria, Pike e Nemmi resolvido que o papado devem ser destruídos. O Boletim do Grande Oriente de França, 18 de setembro de 1885, apelou para a destruição da Igreja Católica. Monsenhor Dillon foi talvez a primeira

pessoa a perceber que o verdadeiro poder por trás do movimento comunista, que foi a Maçonaria. Ele escreveu em 1884 que a Nova Era, na verdade é construído sobre o desejo para a vinda de um novo messias, um falso, que o Templo de Salomão foi destruído em cumprimento da profecia de Cristo, o Grande Oriente eo Rito Escocês Lodges foram a fonte da atividade revolucionária moderna. Papa Leão XIII denuncia a Maçonaria como naturalismo: "O objectivo último da Maçonaria é erradicar completamente todo o fim político e religioso do mundo, que foi trazido à existência pelo Cristianismo, e substituí-lo com outro em harmonia com sua maneira de pensar.

41

Isto significa que a fundação e as leis da nova estrutura serão extraídos do puro naturalismo. "Abbe Lerudan havia escrito em 1747 em Amsterdã:" O verdadeiro segredo da Maçonaria é a descrença na divindade de Cristo e substituído com o Naturalismo ou a doutrina da . racionalismo que foi pregado por Socinus na Polónia "Oliver Cromwell, o regicídio de Inglaterra, era um Socinian pela crença, o tornou possível para a Maçonaria para organizar formalmente na Inglaterra, Napoleão, cujo irmão, José Bonaparte foi Grão-Mestre, foi acreditado pelo. Maçons ser muito poderosa; Bernudotte, um maçom, convenceu-o a lançar sua campanha desastrosa contra a Rússia, que levou à destruição de seu exército. Na Itália, Lord Sackville da Inglaterra tinha fundado o Grande Oriente de Itália, que foi dirigido pelos carbonários altamente secreto através da Alta Vendita, seu braço operacional. As instruções para os membros contidos esta admoestação: "Que cada ato de sua vida tendem a descobrir a Pedra Filosofal. Os

alquimistas da Idade Média, perdeu o seu tempo eo Id de seus crédulos na busca deste sonho. Aquele das sociedades secretas será realizado para a mais simples das razões, porque se baseia sobre as paixões do homem. Não vamos desanimar, em seguida, através de um cheque, uma reserva. ou uma derrota.

Preparemo-nos nossos braços, no silêncio das lojas, vestido nossas baterias

planas todas as paixões a

Outra instrução da Alta Vendita ler-se:. "Nós não deixa de recomendar a você, para as pessoas da filial de cada classe e cada forma de associação, não importa o tipo, apenas na condição de mistério e segredo é a característica dominante sob o pretexto . mais fúteis, mas nunca político ou religioso, criado por si mesmos, ou melhor ainda, fazer com que sejam criados por outros, as associações de ter na música comum, as artes plásticas para o objeto então se infiltrar no veneno para essas artes escolhido; infiltrar-la em pequenas doses . Um príncipe que não tem um reino que esperar, é uma sorte para nós. Existem muitas delas em que situação. Estes príncipes pobres vão servir os nossos fins, enquanto o pensamento para o trabalho apenas para os seus próprios. Eles formam uma placa magnífico, e há sempre os tolos o suficiente para ser encontrado, que está pronto para comprometer-se a serviço de uma conspiração, de que algum príncipe ou outro parece ser o líder. Não há moralidade pouco, mesmo entre os mais moral do mundo, e se vai rápida no caminho de que o progresso. Um ódio boa, completamente frio, bem calculado, é de mais valor do que todos esses fogos artificiais e todas estas declarações sobre a plataforma. Atualmente, teremos a impressão de um estabelecimento em Malta, colocado à nossa disposição. Vamos, então, ser capaz de agir com impunidade, com um golpe certo e sob a bandeira britânica, a dispersão de uma ponta da Itália para o outro, livros, panfletos, etc, que a Alta Vendita julgar adequado para pôr em circulação. " Nesta Webster, em "World Revolution", página 14, revela novas ameaças "para os traidores em potencial: "Se você é apenas um traidor e perjuro, aprendemos que todos os nossos irmãos são chamados a se armar contra você. Não esperança de escapar ou de encontrar um lugar seguro. Onde você estiver, remorso, vergonha e da raiva dos seus irmãos vai te perseguir e atormentar-lhe os recessos mais íntimos de suas entranhas ". Esta não era uma ameaça ociosos; os maçons eram conhecidos por veneno cujo quem suspeita de ter traído, para que eles morreram de forma lenta e agonizante, com "dores terríveis" no mais profundo de suas entranhas ".

42

O modo de execução é muitas vezes simbólicos, destinada a transmitir uma advertência para outros maçons ou de fora que possa saber mais do que é bom para eles. Essa foi a execução de Robert Calvi, um principal no escândalo do Banco Ambrosiano. Calvi foi encontrado enforcado na Ponte Blackfriars, em Londres, o lugar ter sido escolhido para significar que ele tinha caído da graça. O mandado foi emitido recentemente por um juiz de Milão para outra entidade, neste caso, o arcebispo Paul Marcinkus C., um nativo de Chicago, que tinha sido responsável pelas finanças do Vaticano. A falência do banco de custo de US $ 250 milhões do Vaticano, embora a sua responsabilidade em um tempo foi estimado em cerca de US $ 3 bilhões. O arcebispo Marcinkus foi responsável pelo Instituto por Ie Opere di Religione, Instituto do Vaticano para Obras Religiosas, que controlava suas finanças. O escândalo não era realmente sobre o sistema bancário, mas sobre a Maçonaria. Lord Sackville tinha estabelecido a primeira Loja Maçônica na Itália em 1733, em 1861, a Itália estava começando a se organizar como uma potência mundial. Havia então três grupos maçônico na Itália, em Turim, Nápoles e Palermo. Garibaldi conseguiu uni-los em 1864 e assim se tornou o líder político mais poderoso da Itália, tão grande era seu prestígio que o presidente Lincoln convidou para ser comandante-em-Chefe do Exército dos Estados Unidos durante a Guerra Civil. Quando Mussolini chegou ao poder após a Primeira Guerra Mundial, ele declarou Maçonaria "um perigo para a paz ea quietude do Estado." As lojas foram proscritas pela Lei Anti-maçônico de 1925, que desencadeou uma campanha de propaganda furioso mundial contra Mussolini como um "ditador". Após a

Segunda Guerra Mundial, cerca de quinhentos Lodges prontamente reapareceu na Itália. As lojas foram

generosamente financiados com recursos do burro pensativo fornecidas pelos contribuintes dos Estados

Unidos. O dinheiro estava chegando em quantidade tal que um grupo de super-secreta foi obrigado a lidar com isso. Uma Lido Gelli tinha juntado t ele Grande Oriente d'Italia em 1963, ele já organizou uma nova loja, que ele chamou de Propaganda Due, ou P-2. Foi nomeado Lodge título de Mazzini, Propaganda Uno, que tinha fundado para liderar a Revolução de 1848. Gelli assumiu o título de maçom "Universo regulatore Supremo dell", Rugulator Supremo do Universo. Dentro de pouco tempo, quase todos os oficiais de destaque, o banqueiro, e editor da Itália foi um membro ou um! P-2. P-2 tornou-se profundamente envolvido em muitas operações bancárias clandestinas, incluindo o controlo do Banco Ambrosiano. Outro banco foi criado, o Banco Privata, que parecia ser um veículo para os fundos que haviam sido escondidos desde a Segunda Guerra Mundial, milhões de OSS que tinha sido guardado em esconderijos secretos. Os diretores do Banco Privata que indicam isso, eles incluíram John "McCaffery, o representante italiano da Hambros Bank (Charles Hambro foi chefe da SOE, Inteligência Britânico, em Londres), ele adquiriu 24,5070 do Banco Privata para Hambros; Michael Sindona comprou 51% . Sindona mais tarde vendida para o Banco Privata LOR, através do arcebispo Marcinkus, o controle foi transferido para uma empresa de Sindona no Lichtenstein, FASCO AG outra companhia, La Centrale Finanzaria, foi criada por Sindona, que

teve Robert Calvi, Evelyn de Rothschild, e

Jocelyn Hambro no seu conselho de Sindona foi logo se

... deslocam 49 mil milhões eurodólares através de empresas deste e de outros bens do banco que geria Ele

arrecadou cerca de US $ 10 milhões em lucros do Banco Ambrosiano foi na voragem de toda esta actividade;. ele faliu Gelli retirou $ 50 milhões e fugiu para a Suíça, onde foi preso. Calvi foi encontrado enforcado na Ponte Blackfriars, em Londres. Sindona, que também esteve envolvido no colapso do Franklin National Bank, em Nova York, foi preso e condenado à prisão. Ele morreu em uma prisão americana. Antes de sua morte, explicou ele a um entrevistador as complexidades da vigarice grão grande, quando a União Soviética compraram o trigo dos Estados Unidos em julho de 1972. A União Soviética foi autorizada a pagar as suas compras nos seguintes forma: o banco central da Hungria, actuando para a União Soviética, fez um pedido para vender o dólar curta por US $ 20 bilhões; Secretário do John Tesouro Connally seguida desvalorizou o dólar em 10%, a União Soviética fez US $ 4 bilhões em suas vendas a descoberto operação e pago pelo grão, que tinham $ 2

43

bilhões de lucro da operação de venda a descoberto e US $ 2 bilhões com a desvalorização de 10% do

dólar. Sindona observou: "Na sua ingenuidade insondável, os Estados Unidos desde os soviéticos, com US $ 4 bilhões, dinheiro que, desde então, sem dúvida, foi investido na destruição de seus benfeitores,

comecei a ver então que a América era o consorte de sua própria ruína eu. dizer, em toda a história, não tem poder tão cegamente armados e socorreram seus inimigos quanto ela. " Na verdade, "América" não é abrangente a sua própria destruição, que está sendo destruída pelos cananeus maçônico que se infiltraram seus mais altos cargos, e que hoje emprega seus poderes para destruir o povo de Shem e da República que eles estabeleceram. O assassinato de Calvi trouxe alguns nomes interessantes para a superfície, incluindo um Francesco Pazienza, uma figura de Washington, que estava perto de ex-secretário de Estado, general Haig, Flavio Carboni, um consultor para o Banco Ambrosiano, que também era próximo de Armando Corona, presidente da Grande Oriente da Itália, Ernesto Diotallevi e Danil Abbrudati, os chefes do submundo romano. Abbrudati foi morto por guarda-costas de Roberto Rosone, vice-presidente do Banco Ambrosiano, quando ele tentou assassinar Rosone. Carboni esteve em Londres com Calvi Calvi quando foi eliminado. Carboni foi registrada no Hotel Sheraton em Londres, enquanto Calvi estava por perto no Chelsea. Sindona disse mais tarde que os maçons da América do Sul havia realizado o assassinato de Calvi. Carboni já tinha recebido de Calvi 100.000 dólares que foram pagos à conta bancária na Suíça de sua amante, Laura Concas, Calvi também tinha pago 530.000 dólares a Ernesto Diotallevi. Um juiz de Londres reverteu a decisão de que Calvi havia se suicidado e declarou que a morte nas mãos de pessoas desconhecidas. A investigação foi interrompida. A Ordem Maçônica dos cananeus opera nos Estados Unidos, em aberto desafio dos estatutos penais contra o sindicalismo. 46 CJS 1 afirma: "O sindicalismo é a doutrina que defende a abolição do actual sistema político e social por meio de uma greve geral, a

manifestação pacífica, ou a violência revolucionária

é da competência do legislador para punir a defesa

da propaganda que tem por finalidade a destruição do governo, ou os direitos de propriedade, que esse governo foi fundado para preservar, o iene antes que haja um perigo actual e iminente para o sucesso do plano defendido. inicial e todas as outras deixar conscientemente cometidas por a realização deste objectivo poderá ser proibida e declarou ser um crime. Eles podem também proibir e sancionar a associação ou filiação em organizações que defendem tais doutrinas ou convidando outras pessoas para

participar dessas organizações de defesa

dentro de um estado, ou a defesa do atos de violência contra

publicação, como livros, revistas ou jornais, operando uma estação de rádio e televisão, fretamento de um banco, e muitas outras vias de comércio. Os pais sempre querem o melhor futuro possível para os seus filhos, fazendo grandes sacrifícios para colocá-los na escola e enviá-los para a faculdade.

44

Eles nunca percebem que sem o "Abre-te Sésamo" da Ordem Maçônica, seus filhos estão condenados a

ser rachadores de lenha e tiradores de água, que nunca pode ter esperança de ganhar algum grandes somas ou para fazer avanços em seu campo. Tudo já está pré-empted pelos cananeus de sua própria espécie. Somente os filhos da elite conspirativa serão admitidos para as melhores escolas, sejam oferecidos os melhores empregos, e viver uma vida boa. Para o resto da América, a festa acabou.

45

Capítulo 3 - Humanismo Secular

A Ordem Maçônica dos cananeus tem florescido porque t escolheu seus veículos de propaganda com grande cuidado. Talvez ele j mais eficiente desses, um que se converteu um grande segmento e vocal da igreja cristã para os seus trabalhos, é o humanismo secular. A premissa básica do humanismo secular é que os interesses humanos deve ter precedência sobre todas as coisas. Por causa de sua insistência em que "os interesses do governo" são o principal instrumento para a execução do bem de interesses humanos, o humanismo secular se tornou o principal defensor o estatismo ou grande do governo, o que significa, é claro, o governo totalitário. Esta implementação por burocratas do governo sempre coloca o "interesse humano" contra "interesses espirituais." Os interesses espirituais são logo postas de lado. O humanismo secular, mais propriamente, é o humanismo das coisas temporais, as coisas deste mundo. Para aqueles que acreditam que não há vida após a morte, é de suma importância para manter o controle total em toda essa vida, acreditando que não há outro. Aqueles que acreditam em vida após a morte, por outro lado, são tentados a ser muito tolerantes com ultrajes sobre a terra, supondo que as coisas serão melhores no próximo mundo. Muitas pessoas confundem em suas próprias mentes o "humanitarismo", termo com que de humanismo. Humanismo nunca é humanitária, o seu exemplo mais amplamente percebido no século XX é a campos de morte da União Soviética, onde cerca de sessenta e seis milhões almas pereceram. resultados Humanitarianism da compaixão - eo desejo de aliviar o sofrimento de alguém. Humanismo, por outro lado, decorrentes faz directamente a partir do culto ao demônio e os assassinatos de crianças da antiga Babilônia, tem como objetivo final a infligir sofrimento em seus inimigos, ou qualquer pessoa que percebe como um inimigo. Humanística agências sociais nos Estados Unidos continuamente degradam e humilham as pessoas que afirmam ser "ajudar". O Internal Revenue Service é a agência pendentes humanista nos Estados Unidos, seu objetivo é redistribuir a riqueza dos cidadãos a "mais digna" destinatários; muitas vezes, esses beneficiários são residentes em terras estrangeiras, e que gostariam nada melhor do que a ver os Estados Unidos destruíram. O humanismo sempre tem um sentido político específico. Seu objetivo

é usurpar e substituir as instituições políticas do homem, e de criar em seu lugar um tipo de permanente do socialismo, em que "o bem da humanidade", será administrado pela burocracia de um Estado totalitário. O "welfare state", que foi estabelecida em muitos países ocidentais é um passo gigantesco no caminho que leva a esse objetivo. Apesar das muitas referências ao humanismo secular por ambos os seus defensores e seus opositores, raramente ouve qualquer discussão concreta sobre o que é o humanismo secular, ou sobre suas fontes. Isto é particularmente surpreendente, porque tanto as suas origens e sua história estão facilmente disponíveis a partir de fontes de referência padrão. Além disso, os defensores mais vocal do humanismo secular são freqüentemente encontrados na academia, onde a bolsa é uma forma de vida, e onde este assunto oferece muitas possibilidades tentadoras de pesquisa.

46

No presente trabalho, este escritor não esperava levar o tema do humanismo. De fato, quando o início da pesquisa demonologia da história, parecia improvável que o humanismo iria aparecer em qualquer papel. Como a maioria dos outros estudiosos, o presente escritor não tinha a considerar um aspecto essencial do humanismo. Para a revelação deste aspecto particular, estamos em dívida com um imigrante russo, Vladimir Voinovich. Ele cita A. Surkov, um alto-falante no Primeiro Congresso dos Escritores Soviéticos, "Poetas forma ou de outra têm vista para um quarto aspecto do humanismo, um expresso no conceito grave e bonita de ódio". Na verdade, a maioria dos escritores que não conseguem perceber que o ódio é um aspecto vital do humanismo. Talvez seja mais óbvio na Rússia soviética que em outros países. Voinovich passa a caracterizar o ódio como talvez o componente mais importante do humanismo. Mas como isso é possível? Como poderia o humanismo, a colocação dos interesses da humanidade acima dos da preocupação espiritual, a melhoria da humanidade por negar qualquer papel no desenvolvimento espiritual do homem, e concentrando-se estritamente na "sua" interesses humanistas, contém o ingrediente fundamental de ódio? Só alguém com experiência no horrores do moderno Estado Soviético poderia ser qualificado para identificar o ódio como o ingrediente principal do humanismo. O governo soviético, administrador do estado mais humanista do mundo, foi assassinado cerca de sessenta e seis milhões de seus cidadãos desde a Revolução Bolchevique, segundo seu principal escritor, Aleksander Solzhenitsyn. Tudo isso tem sido feito em nome do "realismo socialista", ou humanismo. O ingrediente essencial do humanismo, do ódio, pode ser atribuída diretamente de volta à sua fonte, os adoradores de Baal demônio da história antiga, os cananeus, que entregou o seu apetite para o sacrifício humano em nome da "religião", o canibalismo no rito de honrar seus deuses, e assassinato de crianças em nome de Moloque. Estes são os cananeus mesmo que operam as grandes nações do mundo de hoje, e que aguardo ansiosamente a mais dos massacres que perpetraram no século XX, e que fez nosso tempo a cena dos assassinatos em massa maior da história da humanidade. As fontes demoníacas do humanismo se refletem não apenas na sua negação de Deus ea afirmação cabalística de que Deus não tomou parte na criação do mundo real, mas também em sua inspiração filosófica, que depende exclusivamente de Satanás e suas atividades mal. No 1. M. Haldeman escreve:

"Todo o mundo espiritual é movido com a sabedoria do anjo caído. Os espíritos da zona escura estão

surgindo em um período espíritas

Espiritismo é, mas a agência nas mãos do grande queda anjo que

.... ainda conserva o título de príncipe e deus deste mundo e de longa data está determinada a cumprir ea

função dela. " Assim, vemos que muitas pessoas, espíritas, espiritualistas, e seu gosto, acredito que Satanás está no controle deste mundo. A partir de suas ações, os humanistas também parecem acreditar nisso. Certamente eles não teriam tido o ódio da vida como um ingrediente principal de sua filosofia, se não tivessem adotado a prática do satanismo. Ao examinarmos a longa história de humanismo, e rastrear as manifestações do mundo antigo até o presente momento, encontramos coeficientes singular que aparecem em todos os seus diversos períodos

históricos. A primeira, claro, era o mundo cananeu de Baal e Astarote, com seu foco sobre os métodos de adoração demoníaca. Em suas manifestações posteriores, provavelmente devido ao aumento da resistência do público, ele assumiu uma coloração protetora do traje "intelectual". Baal tornou-se o Dr. Fausto. Os altares de fumar dos cananeus foram obscurecidos por uma ênfase crescente no discurso filosófico. A primeira dessas "escolas de humanismo" era o de Pitágoras (582-507 aC).

47

A escola de Pitágoras, que foi criada em Crotona, funcionou como uma "escola de mistério", isto é, uma escola na qual o "mistério" aspectos da filosofia foram destacados para um grupo limitado de cuidadosamente escolhidos "iniciados". A equação de Pitágoras foi baseada no dualismo de primeiros princípios, o limitado, ou fonte de definitividade, e ilimitada, ou fonte de discórdia. Com efeito, esta foi a

primeira escola da dialética, uma forma de ensino que era atingir o seu apogeu no século XIX, a obra de Hegel, e seu discípulo mais famoso, Karl Marx. A Escola Pitagórica também contou com muitos preceitos que, séculos mais tarde viria a figurar no Livro do Zohar, a Cabala. Um destes preceitos foi numerologia, uma tentativa de concentrar-se sobre o universo como uma equação matemática, e assim trabalhar para fora, ou para descobrir uma fórmula mágica que lhe daria o controle sobre ele. Os pitagóricos caracterizado Tetraktys, o número dez sagrado, que foi obtido pelo somatório entre os quatro primeiros números. A Escola Pitagórica em Crotona um tem uma correlação interessante em nosso próprio tempo. Durante a década de 1930, a sede americana da Sociedade Teosófica foi na Krotona, Califórnia. Se esta cidade foi deliberadamente nomeado após a cidade de Pitágoras não é conhecido. O Teorema de Pitágoras ou metafísica dos números fortemente influenciado Platão. Embora ele seja conhecido por nós principalmente como um filósofo, exerceu uma considerável influência política em toda sua vida adulta. Ele era o líder reconhecido de uma facção política do Mediterrâneo, que se opunha à expansão do Império Persa. Platão levou ao desenvolvimento de uma elite que poderia trazer de volta para os gregos domínio político na região do Mediterrâneo. A influência dos pitagóricos levou a desenvolver um programa muito semelhante ao de hoje os maçons, uma elite secreta que poderia exercer a sua influência nos bastidores, mas sempre dedicado a seu próprio programa oculta, cujos princípios eram conhecidos apenas por uma elite. Platão, apoiado Dionísio I, governante de Siracusa, como o líder das forças da coalizão grega. Dionísio tornou-se modelo de Platão para o seu futuro rei-filósofo. Em troca, o irmão de Dionísio-de-lei, Dion, Platão deu dinheiro para estabelecer a sua escola de filosofia, avançando fundos para construir um grupo de edifícios que agora são conhecidos na história como o Bosque da Academia. Foi nesses edifícios, nos arredores de Atenas, Platão escreveu que "A República" como um guia para os humanistas do futuro, de modo que pudessem alcançar o controle total sobre sua sociedade. Platão então aconselhou Dionísio II em sua guerra santa contra o Delphi. Durante essa guerra, o Templo de Apolo foi capturado, incluindo a grande quantidade de ouro que tinham sido armazenados lá. Platão escreveu mais tarde o diálogo "Timeu", como uma elegia para o seu mentor, Dion. Tanto Platão e Pitágoras acreditava na doutrina da transmigração das almas, a teoria favorita no misticismo. Platão continua a ser a figura mais importante no desenvolvimento do humanismo, uma vez que, quase sozinho, ele transformou de um credo baseado na adoração do demônio de Baal para um mais respeitável "escola de filosofia", um processo que havia sido iniciado por Pitágoras. No entanto, o humanismo permaneceu um credo que foi dedicada à escravidão conspiratória da humanidade por uma elite secreta, que se considerava especialmente o "escolhido" e gnósticos, isto é, sabendo que, em contraste com o não-saber. Embora cada vez mais envolvida nos aspectos seculares da sociedade, o humanismo se manteve fiel aos seus preceitos básicos, que são compostos de uma mistura de doutrinas do principal "mistério" cultos; panteísmo,

48

culto do gnosticismo natureza, (que é sempre uma manifestação do satanismo, irrefutavelmente baseado no gnosticismo, ou conhecer os segredos), e, o hermetismo. Foi a ameaça dessas doutrinas que levou Cristo a emitir seu famoso aviso: "Cuidado com os falsos profetas, que vêm a vós disfarçados em ovelhas, mas interiormente são lobos devoradores. Vós os conhecereis pelos seus frutos. Colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? " (Mateus 7: 15-16). O humanismo é o lobo em pele de cordeiro. Ele vem anunciar a sua compaixão pela humanidade, a sua preocupação para os desabrigados e pobres, mas como disse Cristo, conhecê-los pelos seus frutos. Não pergunte o que eles pretendem fazer. Saiba o que estão fazendo. Desta forma, você não vai tentar colher uvas dos espinheiros ou figos dos abrolhos. filosofia hermética remonta a Hermes Trismegisto, o nome grego do deus egípcio Thot, o deus da sabedoria e letras. O próprio nome significa "thricearmed", o preceito é que quem tem mais informação do que os outros tem uma melhor protecção. Francis Yates assinala em "Giordano Bruno ea tradição hermética", "A teoria da animação universal é a base da magia. Hermética A excelência seqüência é a alquimia, a famosa Tábua de Esmeralda, a bíblia dos alquimistas, é atribuída a Hermes. " Apesar dos esforços dos líderes cristãos para erradicar a heresia, a Idade Média foi repleta de muitas

formas de superstição e magia negra. Enquanto os alquimistas procuravam transformar metais comuns

em ouro, uma nova dialética do misticismo, a Cabala, se tornou uma força potente em toda a Europa. "Cabala" significa simplesmente tradições. Foi formulado como o Livro do Zohar, escrito pelo místico judeu Moses ben Shemtob de Leon em 1280 dC como uma Midrash sobre a lei básica. A lenda dizia que quando Deus deu a Lei a Moisés, também deu uma segunda revelação quanto ao significado secreto da lei. Ele foi proibido de escrever este significado em segredo durante séculos, foi repassada oralmente a um grupo seleto de iniciados. "Significados secretos" são fundamentais para o "mistério" cultos. A Teosofia é baseada em significados secretos, suas doutrinas foram tiradas diretamente do Kabbalah, mas o livro mais amplamente difundido nos cultos nos Estados Unidos, "O Reino das Seitas", de Walter Martin, Betânia Press, 1965, no capítulo sobre a Teosofia, não menciona uma única vez a Cabala. O Livro do Zohar é descrito como um sistema teosófico base as dez Sephiroth ou emanações divinas, e 22 letras do alfabeto hebraico com os nomes de Deus. Em 1492, a expulsão dos judeus da Espanha enviou mestres da Cabala em toda a Europa. Suas doutrinas produziram a escola mais dominante da filosofia do Renascimento, a Escola neoplatônica. Neoplatonismo, por sua vez, tornou-se a fonte de outros desenvolvimentos filosóficos, o que levou diretamente para a Reforma, o Iluminismo ea Era da Revolução.

Zohar enfatiza a lenda talmúdica que os demônios na Terra se originou em congresso sexual entre seres humanos e os poderes demoníacos, criando tais demônios conhecida como Lilith. Por esta razão, os ritos demoníacos sempre enfatizar atos sexuais. O Neolatonists foram bastante criticados porque muitos dos seus professores e alunos eram bem conhecidos por seu envolvimento no homossexualismo. Neoplatonismo combinado escritos herméticos com o Gnosticismo, organizado no contexto da Cabala. Salientou iluminação interna (um preceito que levou diretamente para o desenvolvimento do culto Illuminati na Alemanha), ecstasy, ea correlação do misticismo e do nacionalismo. Neoplatonismo atração para seus adeptos foi a oferta de "libertação de si" através da experiência mística. Este sistema de filosofia logo fez o Renascimento, a força cultural dominante na Europa.

49

Influenciado pelo Plethon Bizantino, que encontrou seu apogeu na carreira de Pico della Mirandola. Na filosofia neoplatônica, a alma tem afinidades definido dentro da esfera. A substância da alma é colocada em torno da esfera concêntrica dos quatro elementos acima do céu ardente. Como no caso de Platão, esta escola de filosofia foi visto 10 têm poderes de atração para a ordem dominante, e logo foi colocado em serviço. O banqueiro mais poderoso do Renascimento, Cosimo de Medici, líder da "Nobreza Negra", em Itália, os guelfos, deu o dinheiro para fundar a Academia platônica um em Florença durante o século XV. Com este apoio financeiro e político, Neoplatonismo ganhou rápida aceitação. Em 1486, Pico della Mirandola apresentou 900 teses sobre esta nova filosofia na Accademia, 72 dessas teses eram óbvias conceitos cabalista. Um famoso estudioso do hebraico, della Mirandola baseia grande parte da filosofia do neoplatonismo em seus estudos neste campo. Por sua ênfase em um universo, que é centrado no homem, ele é creditado por ter antecipado a filosofia do século XX, do existencialismo. Della Mirandola foi sucedido na Accademia por Johann Reuchlin, que se tornou famoso por seu desenvolvimento "Cabbalism cristã", ou seja, uma versão cristã da Cabala. Ele também se tornou uma figura principal na difusão da doutrina neoplatônica. Mais tarde, mais conhecido simplesmente como "o humanismo renascentista," neoplatonismo, ou Cabala cristã, muitas vezes excluídos crença em Deus desde a sua filosofia. Sua tese principal era a teoria cabalísticos que a matéria (ou a vida) é essencialmente imperfeita, e, assim, provoca desordem em um outro mundo perfeito. A República de Platão também procurou "corrigir" as imperfeições da sociedade através da criação de uma nação "perfeita", cuja perfeição teria que ser protegido e sustentado por uma ditadura, o que se tornou a base de todos os regimes de futuro para a "utopia", o mais bem conhecido destes comunismo ser. Marx proclamava que quando esse estado de perfeição tinha sido alcançado, o estado iria definhar e já não seria obrigado a exercer poderes ditatoriais. No entanto, nenhum Estado comunista ainda não chegou a este estado de perfeição. Esta foi a meta da perfeição que se originou em uma revolta contra o processo de vida, porque desta revolta, "humanistas" não teve escrúpulos em assassinar sessenta e seis milhões os seres humanos na União Soviética. Este foi o resultado do "casamento perfeito" entre o neoplatonismo da Cabala e os preceitos Oriental do Gnosticismo, uma união baseada sobre a negação do papel de Deus no Universo. A combinação da alta finança, na pessoa dos Medici, e neoplatonismo, que ofereceu a possibilidade de controlar o comportamento ilimitado, criou uma situação que foi feito sob medida para os cananeus, em sua luta contínua contra o povo de Shem. Plotino e seu discípulo, Porfírio, tinha desenvolvido o aspecto básico do neoplatonismo, que o primeiro princípio e fonte da realidade, o Uno, ou Bom, transcende o ser eo pensamento, e é naturalmente desconhecido. Gnosticismo sempre começa com o preceito de que certas coisas são "desconhecidas", mas que os seus significados ocultos podem ser revelados a um seleto grupo que passaram o bom ritos de iniciação. Assim, a doutrina do neoplatonismo tornou-se o veículo

ideal para o sacerdócio em todo o mundo secular novos, herdeiros dos ritos de Baal, mas agora vestido com as roupas cultural da Renascença e, mais tarde, o Iluminismo. Sua fase final foi a Illuminati, a seita secreta que dirige a Maçonaria. O Dicionário Oxford de Inglês define o humanismo como a preocupação com os interesses meramente humana, como distinto do divino. No Notes, nós encontramos ", 1716;. M. Devion Atenas Brit 170," o monopólio jesuíta orgulho e tirania gabando sobre Humanistical Escolas. '. "

50

Porque o humanismo foi baseado no relativismo de Protagorus, desenvolveu-se, sucessivamente, até o

Renascimento, a Reforma, o iluminismo, o marxismo, o freudismo e

Freudismo, em seguida,

... desenvolver as suas próprias ramificações da bissexualidade feminismo, ea cultura da droga. Humanismo

tornou a força motriz do desenvolvimento do socialismo e do socialismo fabiano na Inglaterra e nos Estados Unidos. Seus principais propagandistas tiveram o cuidado de estabelecer que o humanismo foi baseada em amoralidade do ateísmo, e um socialista One World Estado. Corliss Lamont, o filho de um sócio na firma do JP Morgan Co. tornou-se o principal porta-voz do humanismo 11 nos Estados Unidos. Ele diz: "A civilização verdadeiramente humanista deve ser uma civilização mundial." Ele esboçou uma cerimónia de casamento Humanista que agora é amplamente utilizado para substituir o tradicional rito cristão. Em 1953, um funcionário Manifesto Humanista apareceu. Afirma (I) o universo é auto-existente e não criado, (2) o homem é pgto da natureza (o bom selvagem, como definido por Rousseau, precursor da Revolução Francesa), (3) a ciência moderna fornece a única aceitável definição do universo ou dos valores humanos; (4) excluir qualquer explicação sobrenatural ou que ele universo dos valores humanos; (5) o fim da vida é a realização completa da personalidade humana através do liberalismo e educação liberal. A ênfase no "desenvolvimento da personalidade" tornou-se efetiva somente após a valores tradicionais haviam sido destruídos. As pessoas já não sabiam quem eles eram ou qual é o propósito da sua vida poderia ser. Eles foram, então, pronto para a escola de "personalidade", isto é, os propagandistas humanista que poderiam recrutá-los por "estilos de vida alternativos", ou homossexualidade, e para o programa da Revolução Comunista. Humanismo também fornece a justificação absoluta para a intervenção opressiva de funcionários liberal em todos os aspectos da vida dos cidadãos. A nossa liberdade pessoal e os direitos vêm diretamente de Deus, nenhum governo pode conferi-los ou afastá-los, só pode administrá-los. A doutrina do humanismo, ao negar o papel de Deus nos assuntos da humanidade, abre a porta para um estado cabalísticos para tirar todos os direitos humanos e, assim, criar um Gulag soviético, ou campo de concentração do mundo. Isto garantiria a vitória final dos cananeus

sobre o povo de Shem, que consagra o ódio que está no cerne da filosofia humanista em seu poder absoluto sobre os seus adversários históricos. As principais agências de humanismo nos Estados Unidos são centralizados em um pequeno grupo de mil milhões de dólares que as fundações foram criadas para subverter a República americana. Em "A Ordem do Mundo", que traçou a história dessas fundações de volta para o Fundo de Peabody, o poder carpetbagger chefe nos estados do sul após a conquista de 1865. Peabody, um americano que tornou-se secretamente filiados com a casa bancária Rothschild, em Londres, fundou sua própria casa bancário, Peabody and Co., que mais tarde tornou-se JP Morgan & Co. Sua carpetbagger Peabody Fundo, em estreita colaboração com as forças militares federais, que manteve a ocupação dos estados do Sul até 1877, mais tarde tornou-se o Conselho Geral da Educação. Ainda mais tarde, foi absorvida pela Fundação Rockefeller. Desde a Segunda Guerra Mundial, pelo menos quatro secretários de Estado foram presidentes da Fundação Rockefeller, incluindo John Foster Dulles, Dean Rusk, Vance Cyrus, e Henry Kissinger (o último foi o diretor). Os fundamentos humanistas usar seus bilhões de isenção fiscal para se infiltrar e controlar a educação americana, religião e governo. Os funcionários humanista das fundações, após passar por uma lavagem cerebral estendida para as subsidiárias do Instituto Tavistock (ele próprio um ramo do exército britânico Departamento de Guerra Psicológica) são completamente doutrinados no programa de controle cananeus mundo. Assim, Dean Rusk, que era de uma família de Geórgia de idade, quando foi informado por seus controladores Ordem Mundial que ele deve casar sua filha com um homem negro, com entusiasmo convocou uma conferência de imprensa para anunciar o feliz acontecimento.

51

Surpreendentemente, as grandes fundações americanas foram a criação de um homem, um membro dos Illuminati alemão chamado Daniel Coit Gilman. No "Irmandade da Morte" arquivo é um cartão do grupo alemão para Gilman. Gilman tinha sido vice-presidente do Fundo de Peabody e outro fundo denominado Fundo carpetbagger Slater, que dominou a política do Sul após a Guerra Civil. Gilman reuniu-se com Frederick T. Gates, diretor da John D. Rockefeller "empresas de caridade", e estabelecer uma nova fundação para eles em 1898, chamou o Conselho de Educação do Sul, que fundiu o Peabody e Slater fundos. Esta fundação foi posteriormente centralizado quando Gilman aconselhou Rockefeller chamá-lo de General Education Board, um movimento digno de nota que significa que seu objetivo não era apenas de controlar a educação no Sul, mas em todo o Estados Unidos. Ele agora opera sob o nome da Fundação Rockefeller. Além de ser uma incorporadora do General Education Board, Gilman também foi a incorporadora do Instituto Carnegie, de que ele se tornou o primeiro presidente, e Russell Sage Foundation. Em 1856, Gilman tinha criado o Fundo Russell da Universidade de Yale com Andrew White e Timothy Dwight. Este grupo ficou conhecido como "Skull and Bones" por causa de seus símbolos que caracterizam essas peças. Também é conhecida como a "Irmandade da Morte" porque os seus membros incluem muitos dos homens da frente levando nos Estados Unidos, os planejadores da guerra, a paz, revoluções e calamidades financeiras. Eles incluem o falecido W. Averell Hardman e muitos membros de sua instituição bancária, a Brown Brothers Harriman, tais como Prescott Bush e seu filho, George Bush, o vice-presidente dos Estados Unidos, o incansável propagandista William Buckley, e muitos outros. Os três fundadores da Fundação Russell exerceu uma profunda influência sobre o nosso estabelecimento de ensino; Dwight se tornou presidente da Yale; Branco tornou-se o primeiro presidente de Cornell, e Gilman tornou-se presidente da Universidade da Califórnia, e, posteriormente, da Universidade Johns Hopkins, onde Woodrow Wilson veio sob sua influência. O Russell Sage Foundation, também fundada por Gilman, hw, desempenhou um importante papel por trás thescenes nos Estados Unidos por muitos anos. Frederick A. Delano, um dos fundadores, e herdeiro da fortuna de seu pai, o ópio, era um membro original do Federal Reserve Board de Governadores II) 14; mais tarde foi nomeado presidente do Federal Reserve de Richmond Blink por seu sobrinho, Franklin Delano Roosevelt. Outro diretor de Russell Sage Foundation,

Beardsley Ruml, atuou como presidente da influente Federal Reserve Bank de Nova York, que é conhecido

como nosso banco de mercado monetário. Ele também infligiu o imposto de renda retido na fonte sobre o povo americano durante a Segunda Guerra Mundial como uma "medida de emergência". A emergência ainda parece estar com a gente. Poderíamos continuar por muitas páginas, que detalha a tremenda influência dos fundamentos humanistas em todos os aspectos da vida americana. Eles são os únicos responsáveis pela execução do controle do governo sobre o aumento cada cidadão, porque cada plano para maior controle e impostos mais elevados é elaborado pelas fundações, cujos funcionários, em seguida, apresentá-lo aos nossos congressistas dispostos a quase aprovação automática em lei. Porque nós não compreender a influência demoníaca e origem desses revolucionários humanista nos altares de sacrifício humano de fumar em Babilônia, nós não somos capazes de nos proteger contra as depredações. No entanto, a prova existe, e está disponível, mas se quisermos fazer uso dele. Em 1876, um artigo sobre a Caveira e Ossos apareceu na Universidade de Yale, que se vangloriou de uma entrada clandestina no local sagrado da Ordem. Em uma das paredes estava uma gravura representando um cofre aberto, quatro crânios, e outros apetrechos. Abaixo dele havia um cartão com o seguinte: "A partir do capítulo alemão.

52

Apresentado pelo Patriarca DC Gilman de D. 50. "Patriarca é um título de base para os funcionários de ambos os Illuminati ea Maçonaria. No entanto, seria de errar na conclusão desta descoberta que a Caveira

e Ossos é apenas mais um capítulo de os maçons. É uma dos graus mais elevados secreto através do qual os Illuminati exerce o seu poder mundial, mas não tem conexão direta com qualquer grupo maçom.

53

Capítulo 4 - Inglaterra

Os cananeus ou fenícios, empregado seu comando de vários monopólios para obter o controle do comércio da área do Mediterrâneo inteiro. Tendo estabelecido suas bases ao longo da costa do Mediterrâneo, eles descobriram que a sede mais central para todas as suas operações foi localizada no mar Adriático. Aqui, eles fundaram a cidade de Veneza (Fenícia), em 466 dC Devido à sua localização original, e da dedicação dos cananeus para a busca de dinheiro e poder, tornou-se logo o posto de comando do mundo comercial.

O censo 1152 mostra de cerca de 1.300 judeus em Veneza, que pagaram uma taxa de cinco por cento sobre as suas operações de empréstimo de dinheiro. Eles também foram ativos como corretores de commodities. Em 1366, obtiveram o direito de residir em Veneza em si;. Anteriores a essa data, haviam sido proibidos de ('de lado na cidade, e foram confinados a viver no continente Mestre iluminado Eles habitualmente cobrada a partir de dez a vinte por cento . por cento dos empréstimos Devido à grande Veneza possibilidades comerciais, eles reuniram-se na de muitas partes do mundo Em 1492, após a sua expulsão da Espanha, muitos judeus e marranos resolvidos em Veneza A colônia foi dividida em três

grupos: ..

os alemães , conhecida como tudeschi, o levantini, do Levante, eo ponantini ou ocidentais.

Em 1797, a ocupação francesa abriu as portas do (Ghetto. Napoleão, em seguida, ganhou o poder e estabeleceu seu reino italiano, from1805 a 1814, o que lhes dava mais direitos. Durante a Revolução de 1848, relatórios Kastein na sua "História dos Judeus" revolucionária que Veneza era governado por Daniel

Manini e dois outros judeus Os venezianos eram conhecidos como mestres da intriga;

eles ajudaram os

.. turcos na conquista de Constantinopla em 1453, que encerrou o reinado de mil e duzentos anos da Imperadores de Bizâncio A turcos ficaram chocados com a voracidade dos venezianos, que realizou boa

parte de tesouros de arte da cidade lendária, ouro e jóias. Depois que eles voltaram para casa com os seus despojos, os venezianos ativamente disputado o controle do Mediterrâneo, com os turcos, combatê- los continuamente 1453-1718. Veneza havia se tornado a sede de uma banda, o cruel socialclimbing dos empresários que compraram os títulos por si próprios, criado ou fora do ar fino, construído esplêndidas mansões, e recolheu os tesouros de arte da Europa. Eles financiaram sua vida nova com as enormes somas de dinheiro que ganhou com o comércio, a pirataria, e empréstimo de dinheiro. partir do ano 1171, este grupo se tornou conhecido em toda a Europa como a "Nobreza Negra", porque eles eram de origem cananéia, em contraste com a nobreza fairskinned do povo . Shem A nobreza do preto gradualmente se infiltraram as famílias nobres da Europa, hoje, constituem a maioria da realeza europeia sobrevivendo Por causa de sua crueldade, os venezianos atingido uma reputação mundial como árbitros internacionais da intriga, a revolução, envenenamentos e outras formas de. assassinato. Muitas vezes, conspiraram para levar à falência qualquer adversário, e eram conhecidos por cruelmente estupro das filhas de qualquer um na oligarquia que ousaram se opor a eles.

54

De Veneza, que rapidamente se espalhou para o norte como uma nova forma de peste, a constituição de empresas e estabelecimentos bancários nas cidades do norte da Itália. Eles compraram mais títulos e casaram-se com as famílias pobres da antiga nobreza. Em Florença, a família proeminente foi o de Médicis, que usou sua riqueza para estabelecer um Accademica que impingiu humanismo no mundo. Os Medici de Florença estabelecido como o centro europeu da nobreza negra, ou guelfos, como eram chamados agora. A nobreza negra também estabeleceu laços estreitos com as famílias dominantes da Inglaterra, através da família Sabóia e Este. O Sabóia governou a Itália de 1146-1945. A família de Ferrara Este governou a partir do século XII até a Itália foi unificada em 1860. Pedro, o nono Conde de Sabóia, casou com sua sobrinha, Eleanor, com o rei Henrique III de Inglaterra, e assim se tornou seu conselheiro privado. O rei Henrique concedeu-lhe grandes propriedades, com o título de Conde de Richmond. Peter trouxe outros membros da nobreza negra para casar nobres Inglês, que incluiu Richard de Burgh e do Conde de Lincoln. irmão mais novo, Pedro, Bonifácio, foi nomeado Arcebispo de

Canterbury. Pedro morreu em 1268. Os fundadores das dinastias europeias que durou até o século XX foram Rupert, Conde de Nassau, que morreu em 1124, e Christian, Conde de Oldenbourg, que morreu em 1167. De Rupert veio a linha de Hesse-Darmstadt, a linha de Hesse-Kassel, os Duques de Luxemburgo, o

Battenborgs, o Príncipe de Orange e Nassau, e os reis da Holanda. De cristã veio Reis da Dinamarca e da Noruega, a linha de Schleswig-Holstein, e em Hanover, que se tornaram reis da Grã-Bretanha de 1717 até o presente momento. Também da nobreza negros eram os duques da Normandia, os angevinos e os Plantagenetas, que se tornou os reis Tudor e Stuart da Inglaterra, o Saxe-Coburgs eo Wittelsbachs. A linha de Hanover sempre esteve profundamente envolvido com a Maçonaria. O Hanovers tornou reis da Inglaterra em 1717. ano mesmo chapéu, a primeira Grande Loja foi criada na Inglaterra. A Companhia maçons tinha sido estabelecido na Inglaterra em 1376 em Londres, e obteve uma subvenção de armas do rei Henrique VIII, em 1472, foi incorporada pelo rei n Charles em 1677. Mas isso era de alvenaria guilda, os construtores, que foi adquirida em 1717 por "A Maçonaria especulativa", que abriu os grupos de membros de outras profissões. Um poema apareceu em Londres em 1723, "A maçonaria, um poema Hudibrastic", que rima: "Se a história não pode ser antiga fábula, maçons vieram da Torre de Babel" A tradição foi estabelecido que um membro da família real, ou alguém com laços estreitos com o Palácio de Buckingham, seria nomeado Grão-Mestre das Lojas Inglês. Desde 1782, o duque de Cumberland, o Príncipe de Gales, eo Duque de Sussex foram grandes mestres. O duque de Sussex foi o segundo filho do rei George II, casou-se com Louise, filha do rei da Prússia. Mais tarde, ele teve dois filhos com sua amante. Eles tomaram o nome de família de Este. Queen Victoria sempre se orgulhou de sua ligação com a Casa de Este, que tinha começado como a Casa de Azoll. A Casa de Windsor é a família mais proeminentes do mundo dos monarcas reinantes hoje. Elas representam o triunfo final da facção Guelph, nobreza ou preto, o ponto culminante da unidade cananeu de poder. Sua ascensão foi contínua desde o século 13, quando derrotou os seus adversários mais poderosos, os Teutônicos dinastia Hohenstaufen, que ficaram conhecidos como a facção guibelina.

55

Eles tinham sido nomeados depois de uma das fortalezas Hohenstaufen, Weiblingen. Frederico I Barba- Roxa, como chefe da Hohenstaufens, havia estendido seu domínio no norte da Itália, onde foi surpreendido pelo desafio inesperadamente forte da facção Guelph. A luta, que durou mais de um século, foi vencida pela facção menor nobreza dos guelfos por causa de sua força entre a classe dos comerciantes a aumentar, os gibelinos, ou alta nobreza, continuaram a ser os cavaleiros a cavalo, recusando-se a manchar a sua mãos com o comércio. Os gibelinos governou as cidades do norte de Siena, Milão e Pisa, enquanto o força dos guelfos foi centrado em Florença e Farrara. Otto IV de Guelph, realizado na luta contra Filipe da Suábia, a Hohenstaufen, mas o Hohenstaufens encontraram-se em menor número pelas forças da Liga das Cidades Renana, uma aliança comercial que foi capaz de levantar grandes somas para equipar os condottieri. Até o final do século XV, os guelfos havia triunfado. Afonso I de Este casou Lucrezia Borgia. Sua irmã, Maria de Modena, casado James II da Inglaterra, trazendo a linha de Este para a família governante Inglês. Os gibelinos favoreceu um forte Estado central e do poder imperial, enquanto os guelfos agitado por poder descentralizado e os "Direitos do Homem", um lema que mais tarde se tornou seu grito de guerra para o seu desejo de poder. No século XX, os herdeiros sobreviventes das facções Guelph e guibelina foram dispostas umas contra as outras em duas guerras mundiais. A Alemanha tinha se tornado uma potência mundial através dos instintos militares e da unidade do gibelinos prussiano. Em 1866, Bismarck, para continuar a sua meta de unificação da Alemanha, tinha expulsado um certo número de príncipes alemães a partir de suas propriedades. O duque de Nassau eo eleitor de Hesse recusou formalmente suas reivindicações, apenas os príncipes de Hanover, que foram os herdeiros do trono de Braunschweig, se recusou a abandonar as suas explorações. Por décadas depois, o Hanovers se consideram em guerra com a Prússia. Na verdade, duas guerras mundiais, teve lugar, em parte devido ao ressentimento continuação da família real da Inglaterra contra as regras da Alemanha. É um ponto interessante que o Hanovers victorius fez com que uma Alemanha derrotada foi dividida em duas, pequenas, militarmente países ocupados após a Guerra Mundial II, a vingança final dos vencedores. Calvinismo, uma forte influência na Inglaterra durante o século XVI, capitalizou o poder crescente da frota mercantil e da nobreza negra, cujo principal interesse era o dinheiro. Ao contrário do anterior instituições religiosas, que tinha colocado grande ênfase na austeridade e votos de pobreza, essa nova doutrina religiosa salientou que a cobrança de juros nos empréstimos ea acumulação de riqueza era a nova forma de fazer a obra do Senhor. Foi uma revelação de boas-vindas à classe comerciante crescente de que Deus realmente quis que nos tornássemos ricos. "Enricchez vous!" tornou-se o grito de batalha novo que varreu

a Europa como os cananeus construíram grandes impérios comerciais. O profeta da nova revelação divina foi um Jean cauim de Noyons, França. Ele foi educado É o Colégio du Montagu, onde Loyola, fundador da seita dos Jesuítas, tinha estudado. Cauim depois se mudou para Paris, onde continuou seus estudos com os humanistas 1531-32. Durante a sua estada em Paris, ele era conhecido como cauim. Ele então se mudou para Genebra, onde formulou a filosofia, agora conhecido como Calvinismo. No primeiro conhecido em Genebra, como Cohen (a pronúncia usual de cauim), ele anglicizado seu nome de João Calvino. Este movimento religioso foi baseado em uma interpretação literal judeu os Dez Mandamentos, a filosofia do Antigo Testamento, bem como a proibição de imagens esculpidas.

56

Os primeiros discípulos do calvinismo eram conhecidos como "cristãos hebraístas". O advento do calvinismo tornou possível a grande expansão dos judeus em novas vias de comércio europeu, além de empréstimo de dinheiro. Para essa conquista, as honras Enciclopédia Calvin com a declaração, "Calvin abençoou os judeus". Em retrospecto, Calvin está pode ser visto como mais um dos movimentos cananeus

que periodicamente varriam a Europa, criando tramas revolucionárias que foram exportados para outros

países. Não é por acaso que com o advento de Calvino, a Suíça se tornou o centro de banca privada do mundo, ou que as parcelas sucessivas revolucionários foram ambos planejados e financiados a partir de Suíça. Mesmo Lenin encontraram refúgio na Suíça durante os anos de labuta sobre as técnicas que lhe permitam aproveitar a Rússia da família Romanov, que governou a nação por mil anos. exortação de boas-vindas do Calvinismo para acumular mais dinheiro foi contrabalançada, desde o início pelo fato de que ela foi inaugurada como um sistema brutal e tirânico que funcionava em uma base do despotismo oriental, mais uma vez revelando sua origem cananéia. O povo de Shem nunca acreditamos em forçar ninguém a fazer nada, esta é a base do seu direito, pois eles acreditam que, como uma questão de instinto natural, as pessoas vão sempre fazer a coisa certa. Os cananeus, por outro lado, sempre ciente da maldição sobre o seu povo, e ordem de Deus para os filhos de Israel para exterminá-los, percebe que sua sobrevivência depende de empregar as medidas mais brutais. Calvinismo correu fiel à forma. Em novembro de 1541, Calvino lançou seu Ordenanças Eclesiásticas, um conjunto de instruções que impôs disciplina absoluta em todos os cidadãos. ordens de Calvino impôs a pena de morte contra qualquer adversário, seu principal crítico, Jacques Gruet, foi decapitado por blasfêmia; outro adversário religioso, Miguel Servet, foi queimado na fogueira. Outros críticos foram torturados e decapitados. Calvino encorajou a queima de bruxas e cruelmente executadas as suas ordenanças, criando a teocracia mais tirânica e autocrático na Europa. A importação do calvinismo na Inglaterra foi calculado para uma separação entre a Igreja eo Estado. A Igreja tradicional da Inglaterra teve como chefe titular do rei. propaganda divisão calvinismo conduziu ao triunfo de Cromwell e à substituição dos Reis da linha Stuart pela Casa de Orange-Nassau. A primeira vítima deste expurgo foi o Rei Charles I, que foi decapitado pelos conspiradores. Detalhes da trama foram publicadas séculos depois da publicação Lord Alfred Douglas, "Inglês Plain", 03 de setembro de 1921: "LD Van Valckert entrou na posse dos volumes perdidos dos registros da Sinagoga de Mülheim, perdido desde as Guerras Napoleônicas, que foram escritos em alemão Estes registos têm a entrada, 06 de junho de 1647, a partir de OC para Ebenezer Pratt, "em troca de

apoio financeiro irá defender a admissão de judeus para a Inglaterra;

isto, porém, impossível se viver

.. Charles Charles não pode ser executado sem julgamento, motivo suficiente para que actualmente não

existem. Portanto, aconselhamos que Charles ser assassinado, mas não terá nada a ver com a aquisição de um assassino, embora disposto a ajudar em sua fuga. A resposta veio de Pratt 12 julho de 1647, "vai conceder ajuda financeira assim como Charles removido, e os judeus admitidos. Assassinato muito perigoso. Charles deve ser dada uma oportunidade de escapar. Recaptura Sua fará então a julgamento e execução possível. O apoio será liberal, mas inútil para discutir os termos até início do ensaio. "Lord Alfred Douglas foi posteriormente preso sob a acusação de caluniar Winston Churchill em seu trabalho, um feito que a maioria dos homens razoável consideraria impossível.

57

A trama começou como esboçado pelo Pratt. Em 12 de novembro de 1647, o rei Charles "escapou". Ele foi recapturado e 1t seu julgamento posterior, a casa ficava a noite toda, 05 de dezembro de 1648, finalmente concordar que Charles iria negociar um acordo sobre condições estabelecidas por eles. Isso resultou na remoção do Pryde famoso. Cromwell, que enfureceu a Casa não tivesse passado de execução de sentença, indeferiu todos os membros que tinham favorecido um acordo com Charles. Os cinquenta membros que permaneceram eram conhecidos como o "Rump Parlamento." Eles tinham usurpado o poder absoluto. Eles, então, proclamou o Tribunal Superior de Justiça em 09 janeiro de 1649. Ela era composta por Levellers do Exército de Cromwell. 1gent Manasseh ben Israel, na Inglaterra, Isaac Dorislaus, elaborou a acusação 19ainst Rei Charles. Manasseh ben Isreal, que transmitiu os fundos de Amsterdão para a revolução de Cromwell, é apelidado de "Inglês Cromwell Intelligencer" pela Enciclopédia Judaica. Em 30 de janeiro de 1657, o rei Charles foi decapitado em Whitehall. Cromwell não viver por muito tempo para apreciar seu triunfo. Ele morreu em 1661, tornando possível para o Rei Charles II para reconquistar o trono. Muitos dos mais dedicados revolutionarie Cromwell's emigraram para as colônias americanas, onde têm exercido uma influência perniciosa desde então. O Cromwellians foram a inspiração norteador do movimento abolicionista, que precipitou a guerra civil, têm sido figuras de bastidores em muitas outras catástrofes nos Estados Unidos. Como Charles II estava agora no trono da Inglaterra, os banqueiros de Amesterdão instituiu uma grande depressão financeira na Inglaterra em 1674. Os distúrbios causados por esse desenvolvimento pavimentou o caminho para a Casa de Nassau para tomar o trono da Inglaterra. Inglaterra fez as pazes com seu inimigo, a Holanda, em 1677. Como parte do acordo, William de Orange, casado com Maria, filha do Duque de York, que se tornou o rei James II, quando Charles II morreu em 1685. James passou a ser o único obstáculo para Guilherme assumindo o trono da Inglaterra. Os banqueiros agora Amsterdam lançou uma campanha frenética de subornar líderes Rei James II apoiantes aristocratas. O primeiro a ceder foi o duque de Marlborough, John Churchill, antepassado de Winston Churchill. Como chefe do exército, suporte Marlborough foi crucial. Ele aceitou suborno de cerca de 350.000 quilos de Machado e de Medina. Em seguida foi Senhor Shrewsbury (Charles Talbot), que tinha um alto cargo ocupado durante o reinado de Charles II e ambos James II. Vendo que a maré estava girando agora, nomes como Sidney Godolphin, o Duque de Sunderland e da duquesa de Portsmouth secretamente passou para aqueles que favoreceram a ascensão de William de Orange. Enquanto isso, James II, parecia ignorar a traição que o rodeava. Marlborough até assinou um juramento de fidelidade renovada a James em 10 de novembro de 1688. Em 24 de novembro, entrou para as forças de Guilherme de Orange. Vela com força de William invasão foi Senhor Ideal, cujos descendentes, a presença do Senhor Ideal, é destaque no American e Inglês bancário e da indústria, Hans Bentinck, um holandês que cuidou William através de um surto de varíola, ele nomeou seu filho William, após o Rei . O Conde de Devonshire

foi em correspondência secreta com William em Haia; Devonshire concordou em entregar a área de Midlands toda a William, após assinatura de uma carta histórica convidando-o a assumir o trono da Inglaterra. Em 1930, seu descendente, o duque de Devonshire, trabalhou brevemente para o JP Morgan

em Nova York; Morgan muitas vezes se referia a ele como "Senhor inútil." O herdeiro do Devonshire propriedades casado com Kathleen Kennedy, filha de Joseph P. Kennedy. Ele foi morto em combate durante a guerra. O Devonshires agora enfrentava a perspectiva de um pedido incômodo Kennedy às suas propriedades. O problema foi resolvido quando Kathleen Kennedy foi morto em acidente de avião durante o vôo n à França para um encontro de champanhe com o amante.

58

Agora, o rei da Inglaterra, William III chamado Bentinck o primeiro Conde de Portland. O duque segundo casou-se com a fortuna da Cavendish, o terceiro duque tornou-se Governador Geral da Índia e fez os

livros de história quando se aboliu a prática do sati, em 1829

Aqueles que tinham ajudado a invasão de

.. William foram bem recompensados, pois eles foram as famílias mais ricas na Inglaterra desde então. A primeira ordem de negócio era de fretamento, o Banco da Inglaterra em 1694, a missão para que William tinha sido apoiada pelos banqueiros de Amsterdam. Isso fez com que os cananeus causar uma verdadeira potência mundial. adesão de William colocou o trono da Inglaterra, em que ele firmemente linha da nobreza negra, onde tem permanecido desde então. Senhor Shrewsbury se tornou um dos acionistas em primeiro lugar no Banco da Inglaterra, investindo £ 10.000. Ele previu que entusiasticamente o Banco da Inglaterra não só o financiamento do comércio, que também carregam o fardo de suas guerras, eu previsão que se revelou verdadeiro. Porque não fll0tion revolucionária poderia obter um financiamento, após o Banco da Inglaterra passou a controlar o dinheiro da Inglaterra, nunca houve outra guerra civil ou uma revolução na Inglaterra. A linha de Cavendish-Bentinck, como outros que apoiaram William, que sempre prosperou. O atual Duque casou com uma senhora Quigley de Kentucky e é diretor da empresa de Rothschild, a Rio Tinto. Durante a Segunda Guerra Mundial, ele foi presidente da equipe do Misto Id Chiefs (Inteligência). Os senhores escoceses para um homem tinha sido leal ao rei James II, para o primeiro a

dobrar o joelho para William foi uma Patrick Lyon. Ele se tornou Conde de Strathmore. A filha do Conde XIV, Elizabeth Bowes-Lyon, agora é a Rainha Mãe da Inglaterra. William III logo tinha uma amante, a bela Elizabeth Villiers, ele também realizou romance longo com um nobre jovem e bonito, Arnold van Keppel, a quem chamou Conde de Albemarle. Quando William III morreu, duas pessoas foram designados especificamente na sua vontade, o Conde de Portland, eo Conde de Albemarle. Ambos receberam legados de terras e jóias. Os cananeus não se esqueça de recompensar aqueles que atendê-los bem. Típico foi a carreira de John Buchan, que se casou com Susan Grosvenor. O Grosvenors (Duque de Westminster) são os mais ricos da família na Inglaterra, possuindo cerca de seis centenas de acres de propriedade de Londres prime real. Durante três anos, Buchan foi secretário privado de Lord Alfred Milner durante a promoção de Milner da Guerra dos Bôeres. Milner também fundou o Mesas Redondas (o atual Conselho de Relações Exteriores). Buchan se tornou um escritor amplamente divulgado e foi nomeado Governador Geral do Canadá. Foi-lhe dado o título de Senhor Tweedsmuir. Em sua autobiografia, "O Caminho do Peregrino", Buchan menciona en passant "os profetas velados que estão nos bastidores de uma crise." Ele não oferece nenhuma identificação adicional. Ele também escreve: "Eu sonhava com uma fraternidade mundial, com o fundo de uma raça comum e credo, consagrada à causa da paz". Nesta fantasia aparentemente inócuo, ele estava realmente citando sua dedicação à conspiração cananeus todo o mundo, com sua pseudo-programa de "Direitos do Homem," Fraternidade Mundial, e da paz mundial, tudo isso, na realidade, a tela de uma tirania universal impostas pelos déspotas dos cananeus. O Banco da Inglaterra foi fundado como resultado de regicídio e uma conspiração internacional que conseguiu ascender ao trono da Inglaterra. No entanto, John Buchan escreveu em sua autobiografia, "Eu tinha muito comum ver Senhor Rosebery dele [Oliver Cromwell] como o maior dos ingleses." Senhor Rosebery tinha sido o primeiro dos aristocratas Inglês para casar-se com a família Rothschild. Era de se esperar que ele iria reverenciar a memória do regicídio apenas da Inglaterra.

59

Os Rothschilds tinham usado a rede europeia dos Illuminati como correia de transmissão para a sua aquisição rápida da estrutura financeira do continente. Eles usaram uma série de estratagemas, alguns dos quais foram revelados por Guy de Rothschild em seu livro, "Caprichos da Fortuna": a correspondência Rothschilds sempre foi escrito em hebraico, que nunca foi assinado, de modo que qualquer assinatura que seja considerada a partir de uma dos cinco irmãos que ser visto para ser uma falsificação. Ele relata:

"Apenas após 1 ª Guerra Mundial, o governo francês necessário para emprestar dólares. Entraram em

contato com a Casa de Morgan, que preferiu, no entanto, para lidar com os Rothschilds e não com um governo". Isso foi um pouco de entusiasmo por parte dos Rothschild, ele sabia que a Casa de Morgan alardeada nunca tinha sido mais do que um apêndice da rede de Rothschild, que foi instruído para lidar com a Casa de Rothschild. Ele também observa: "Minha família sempre foi um dos principais acionistas da

Rio Tinto

britânico tradicionalmente metade do capital era francês." Uma das marcas que os Rothschild

.... deixou no mundo foi o escudo vermelho tradicional do Exército da Salvação. No século XIX, o Barão de Rothschild começou a dar quantias consideráveis para a General Booth, em Londres, sempre através de um representante não identificado. Um dia, ele veio e revelou que ele era o misterioso benfeitor. Ele afirmou que iria continuar a sua doação, mas ele gostaria de fazer uma sugestão. O Exército de Salvação poderia atrair mais atenção se talvez pudesse adotar algumas logótipo. "O que você sugere?" perguntou General Booth. "Suponho que um escudo vermelho seria eficaz, não é?" disse o Barão de Rothschild. O Exército de Salvação carregava o escudo vermelho em todo o mundo. Uma das principais agências da

rede cananeus como sendo o Rhodes Trust, que tem treinado jovens nos princípios do programa cananeu

potência mundial por quase um século. Cecil Rhodes era o agente para os Rothschild quando ele garantiu

o seu controle sobre o diamante grande lnd reservas de ouro da África do Sul. Eles continuam a exercer o controle através de Beers (diamantes) e da Corporação Anglo-Americanos (ouro). Rhodes teve participações consideráveis si mesmo, quando ele morreu, Senhor Nathan Rothschild surgiu em 1891 como seu único depositário. Esse controle foi posteriormente ampliado para incluir outros membros da Sociedade dos Eleitos, RH Brand, do Lazard Freres, Sir Alfred Beit, outro dos milionários Rand, o Conde de Rosebery, e Sir Alfred Milner. Este grupo não só criou o Rhodes Trust, que financiou mais tarde o Instituto Real de Assuntos Internacionais e da sua filial americana, o Council on Foreign Relations. Depois de ganhar o controle na Inglaterra, os cananeus revertido para suas práticas tradicionais como demonworshippers. Inglaterra foi logo cheio de cultos que contém a feitiçaria, as massas negras e sangue rituais. O Conde de Pembroke tinha sido um dos primeiros incentivadores de William de Orange, e um assinante charter para o Banco da Inglaterra. A Condessa de Pembroke tornou-se líder do novo "cultos de mistério", com seu irmão, Sir Philip Sidney, que trouxe o misticismo em Inglês literatura com a publicação de sua "Fada Queene", que ele tinha dedicado a sua irmã. Humphrey, Duque de Gloucester, também desempenhou um papel importante nos cultos de mistério. Ele era descendente da nobreza negra, sendo descendente de ambos os filhos bastardos do Duque da Normandia, o Richard Fearless. O Gloucesters seguido de William, o Conquistador, na Inglaterra.

60

O misticismo se tornou um tema dominante na literatura Inglês deste período. Sir Philip Sidney foi muito influenciado por Hubert Languet, um intelectual francês que defendeu abertamente os "Direitos do Homem" e que hoje é conhecida como a "doutrina da libertação". Freqüentemente, ele falou sobre o direito dos povos à insurreição armada e da legitimidade da resistência. Sir Philip pai, Sir Henry, tinha sido um protegido da família Cecil poderosos; mais tarde ele foi nomeado presidente da Irlanda. A obra de Shakespeare contém muitas influências místicas, revela Prospero's, etc Um dos maiores dramaturgos da Inglaterra, cuja obra é praticamente ignorado, é de Christopher Marlowe. Ele escreveu três grandes jogos,

todos eles dedicados a expor o culto do mistério: Tamerlão, O Judeu de Malta, e do Dr. Faustus. Após completar o Dr. Fausto, que morreu misteriosamente pouco, sendo esfaqueado no que foi chamado de uma briga. O Judeu de Malta é dito ser uma dramatização da carreira do Dr. Frederigo Lopez, ex-médico para o Conde de Leicester. Em 1593, Lopez foi acusado de conspirar para envenenar a rainha Elizabeth, ele foi executado por enforcamento em 1594. Alguns estudiosos afirmam que a rainha Elizabeth tinha sido secretamente casada com o Conde de Liecester, Robert Dudley, e que eles tiveram dois filhos, Sir Francis Bacon, que tinha sido adotado por Sir Nicholas Bacon e Robert, conde de Essex. Lopez poderia ter oficiado a esses nascimentos, o seu silêncio seria proteger a sucessão ao trono. Outros afirmam que Bacon realmente foi a pessoa que escreveu as peças atribuídas a William Shakespeare. Sir Francis Bacon introduziu a "nova filosofia" em Inglaterra. Foi com base na teoria da indução e "a pirâmide do conhecimento", sendo que ambos foram conceitos místicos. Foram os princípios do humanismo, como "declarou em l mais" científico "ou forma plausível. De 1350 a 1425, as guildas medievais tinham morrido por decreto governamental, devido ao medo da aristocracia de demandas por maiores salários. Bacon começou o renascimento segredo dessas guildas, primeiro através do movimento Rosacruz, que se diz ter fundado e, posteriormente, através do Livres e Aceitos (especulativo) maçons. Os rosacruzes, ou

Cavaleiros da Cruz Rosa, ostentava o símbolo de uma cruz rósea.

O reto foi o símbolo da vida, a barra

transversal o símbolo da morte.

A rosa era o símbolo dito significar, antes de tudo, o segredo em todas as

coisas e, segundo, o florescimento dos órgãos genitais da mulher. O culto era conhecido na Boêmia logo

em 1615, onde um alquimista, Dr. John Dee, organizou seus seguidores. importante trabalho de Francis Yates, "A Filosofia Oculta na época elizabetana," traços alguns dos trabalhos de Bacon, o Manifesto Rosacruz.

61

Yates observa que joga Marlowe, com o seu exame impiedosa das forças por trás do misticismo, pode ter sido propositadamente obscurecido pelos trabalhos mais mística de Shakespeare. O Judeu de Malta tocou alguns dos segredos da corte mais sensíveis da época elizabetana, Tamburlaine é um jogo que expõe um tirano de Saturno, cuja cor era preto (Canaã), e uma fulminação contra o poder ditatorial. Pode ser sua maior obra, mas foi posta de lado em favor do Dr. Faustus. Este jogo abertamente retrata o processo pelo qual os cananeus demônio de adoração, como agentes de Satanás, comprometem-se ao Diabo em troca de riquezas terrenas e poder. jogo de Marlowe ocupa o poder de encantamentos e cânticos, fórmulas mágicas, e mostra o estudo do Dr. Fausto ", que se engalana com os planetas e os signos do zodíaco. Por outro lado, Shakespeare mostra que ele tinha sido fortemente influenciado pelas obras de cabalísticos, como De Giorgio's Harmonica Mundi. Sua Mercador de Veneza, embora freqüentemente denunciado por seu suposto anti-semitismo, na verdade é um poderoso apelo à tolerância racial. Em trabalhos mais recentes, os estudiosos Inglês ir para um grande esforço para negar que Sir Francis Bacon jamais teve qualquer conexão com o movimento Rosa-Cruz ou os maçons. Como essas organizações foram altamente secreto, parece estranho que esses estudiosos poderia ser tão

positivo em suas negações. Bacon, que tinha sido dado o título de visconde de St. Albans, se tornou o Lorde Chanceler da Inglaterra. Mais tarde ele foi removido deste serviço, devido a intrigas da corte, liderada por Lorde Buckingham. A Royal Society de Londres, foi fundada 34 anos depois da morte de Bacon, em 1660, o Bispo de Rochester e os outros fundadores homenagem oficial às obras de Bacon como a base de sua sociedade. O Dicionário de Inglês Oxford oferece algumas notas sobre os cabalistas durante

este período: "Scott Monast

SubPrior ..

eu usei a duvidar da existência de cabalistas e Rosicrusians", pensou a

....

que há uma estreita ligação entre a

... " "1891, Rosie Cruz. 'É comumente realizada

Alchemysts

e os Rosacruzes." W. Taylor, Mag mensal. VIII 797, " ...

Os discípulos foram formados nas

... igrejas uma ordem esotérica gnóstica ou iluminado, ao invés de congregações." Esta citação é importante porque mostra que os Illuminati foram penetrando as igrejas estabelecidas. A 9 ª edição da Enciclopédia Britânica identifica o elo perdido entre esses grupos, como Inácio de Loyola, que fundou a Ordem dos Jesuítas sobre a Festa da Assunção em abril 15, 1541, perto de Roma, esta data é dada por alguns autores como 1534. Ele tinha sido anteriormente um estudante em Salamanca, a partir de 1520 em diante, ele era um membro de uma seita chamada Illuminati em Salamanca Alombrados, em 1527 ele foi julgado por uma comissão eclesiástica por causa de sua adesão a esta seita, ele foi absolvido. Na Companhia de Jesus, ele criou seis graus de avanço, que são os mesmos que na Maçonaria, suas doutrinas são semelhantes aos da Mishná Judaica. Quatro Lodges reuniram-se no ganso e alehouse Gridiron em Londres, em 24 junho de 1717, para formar a primeira Grande Loja de Inglaterra. Jacob Katz, em seu livro "Judeus e Franco-Maçonaria na Europa", diz que os membros iniciais incluíram Mendez, de Medina, Alvarez, e Baruch, a maioria dos quais eram marranos. Durante o reinado de Elizabeth, os Rosacruzes tinham-se organizado como maçons, talvez sob a orientação de Bacon. A Encyclopaedia Judaica diz que o brasão de armas de Inglês maçonaria foi desenhado por Jacob Judah Leon Templo. 1717

foi o ano em que a Hanover subiu ao trono da Inglaterra. Sob a liderança do filho de Jorge III, o duque de Sussex, as lojas rival de "Antigo" e "moderna" foram já aderiram. Os membros da Royal Society, que homenageava Bacon, juntou-se aos maçons por Rev. John Desaguliers, segundo Inglaterra Grand Master. Elias Ashmole foi uma figura importante no crescimento da maçonaria Inglês.

62

Não só ele foi uma figura importante intelectual, ele também organizou a vários cultos de mistério para o

funcionamento do sistema da Maçonaria. Juntos, Lord Acton e Ashmole controlada política externa William Pitt, bem como a Royal Society de Londres, o precursor do Royal Institute of International Affairs. nome

Ashmole sobrevive até hoje como o prestigiado Museu Ashmolean, em Oxford. O crescimento da maçonaria na Alemanha ilustra o poder da força cananeus que trouxe os Reis de Hanôver ao poder na Inglaterra. Seu sucesso focada na carreira de Adam Weishaupt, nascido em 1748. Na idade de 22, ele foi eleito para a cadeira de direito comum na Universidade de Ingolstadt, o lugar tinha sido ocupado por jesuítas continuamente desde 1750. Fundou a Ordem dos Illuminati em 01 de maio de 1776. Os outros fundadores foram o duque de Brunswick, Grão-duque Ernesto de Gotha e eleitor de Hesse (cuja operação com o rei George III para fornecer mercenários de Hesse para derrotar os revolucionários americanos foi a base da fortuna dos Rothschild). Em 16 de julho de 1782, combinado Weishaupt formalmente a Ordem dos Illuminati com os maçons no Congresso de Wilhelmsbad. Os grupos combinados agora tinha mais de três milhões de membros, incluindo alguns dos homens mais poderosos da Europa. Weishaupt era o homem ideal para a frente desta organização, devido à sua capacidade de formular idéias e sua capacidade organizacional. Ele escreveu: "Os maçons devem controlar todos os homens de toda classe, nação e religião, dominá-las sem compulsão óbvio; unindo-os através de uma ligação forte; inspirá-los com entusiasmo para difundir idéias comuns, e com máximo sigilo e energia, direta los para esse objectivo singular em todo o mundo. É através da intimidade de sociedades secretas que estas opiniões serão formados. " (Munique, 1765, citado por Barruel). Longe de ser um idealista olhos estrelados ou fantasiando intelectual, Weishaupt foi feito em seu plano de poder do mundo por muitos dos principais banqueiros da Europa cananeu; Moses Mendelssohn da Alemanha, Daniel Itzig de Viena; Friedlander, Mayer, Meyer Cerfbeer, Moisés Mocatta, e os irmãos Goldsmid de Londres, e Benjamin Abraão. Permanecer nos bastidores das operações de Weishaupt, enquanto liberalmente financiamento do crescimento de seu movimento, eles secretamente funcionou como Patriarcal Soberano Conselho de Hamburgo, a Suprema Corte Judaica Lodge. Jacob Katz, "Judeus e Franco-Maçonaria na Europa", Harvard Press, 1970, afirma que a maçonaria alemã originada na Ordem do Asiática, da qual o banqueiro Daniel Itzig estava de cabeça. Itzig também foi o patrocinador de Weishaupt. Em 1811, o Frankfurt Loja dos Maçons Livres foi formada por Sigismundo Geisenheimer (Geisenheimer foi o secretário chefe da Casa de Rothschild) e Rabi Zvi Hirsch, o rabino-chefe de Frankfurt. Hirsch levou mais tarde no movimento de Reforma do Judaísmo, que formulou o programa político sionista. O Frankfurt apresentar listado entre os seus membros de todos os principais banqueiros de Frankfurt, os Rothschilds, os Adlers, o Speyers, o Hanuers eo Goldschmidts; mais tarde, reuniões com o Sinédrio de Paris. Duque Carl von Hessen de

Schleswig, em seguida, se tornou o chefe dos pedreiros alemães.

Como Landgrave, ele administrou a

província de Schleswig para seus proprietários absentistas, a monarquia dinamarquesa.

Seu emissário

principal foi uma misteriosa "Johnston", afirmou diversas vezes ser um judeu chamado Leicht, Leucht ou

Becker. Ele foi preso durante uma missão para o movimento maçônico, e ele morreu enquanto prisioneiro no Castelo de Wartburg.

63

Frederico, o Grande, quando ainda príncipe herdeiro, foi iniciado na Maçonaria em Braunschweig, em

1738. Em 1761, ele foi nomeado chefe do Rito Escocês. Quando jovem, ele viu seu pai decapitar sua namorada, na tentativa de forçá-lo a abandonar suas práticas homossexuais. Os líderes da Maçonaria, Illuminati eram conhecidos como a Ordem da Observância stricte, pois eles estavam o Príncipe Charles de Hesse (Eques um Resurgente Leoni) e von Haugwitz ", rederick ministro de gabinete, conhecido como"

Eques um dancti

Monte. .

"Atrás dele, estavam ainda um outro grupo, conhecido como o" Invisibles ", ou

os Superiores Desconhecidos, que tenham sido previamente identificada como a Patriarcal Soberano Conselho Desde seu início, a aliança dos Illuminati e os maçons tinham um programa claramente definido:

( 1) abolição de todo o governo ordenou, (2) abolição da propriedade privada, (3) abolição da herança; (4) abolição do patriotismo (5) abolição de todas as religiões, (6) a abolição da família, da moralidade e

controle da educação das crianças; (7) criação de um governo mundial. Este programa pode parecer familiar para o leitor, que foi encontrado como o manual de instruções para cada movimento revolucionário no mundo desde 1782, o comunismo, os movimentos de libertação, os combatentes da resistência, todos obtêm seu programa a partir deste plano básico. Afirma ainda as metas do humanismo secular em seu ataque à família e ao plano para controlar a educação dos filhos. Como as mensagens eram constantemente levados ao sabor de vários capítulos dos Illuminati, essas instruções foram apreendidos de entregadores capturado e tornou-se conhecido para os governos europeus. Mesmo assim, nenhuma ação foi tomada, possivelmente por causa de cúmplices nas altas esferas. Além disso, houve um importante obstáculo para convencer as populações ameaçadas da ameaça dos revolucionários Illuminati. Esta foi a presença dominante de muitos dos banqueiros mais poderosos do mundo no centro da conspiração. Era pedir demais a média oficial, ou mesmo um membro do público, a acreditar que os aristocratas mais proeminentes do mundo, os proprietários e os banqueiros seria apoiar um programa deste tipo. Certamente os banqueiros não defendo a tomada da propriedade privada. Certamente aristocratas não abolir o direito de herança. Certamente proprietários com vastas áreas não defendem a nacionalização de toda a terra. O problema era que ninguém entendia que este era o programa dos cananeus, que foi destinado exclusivamente para extorquir e escravizar o povo de Shem. É claro que os banqueiros cananeus não tinha a intenção de aproveitar os seus próprios bens. Claro que a nobreza negra não tinha a intenção de nacionalizar suas heranças próprias. O programa Illuminati, não exige que este é o plano destinado a superar a maldição de Canaã, que o plano dos Illuminati apenas formaliza a vontade de Canaã como um conjunto de instruções de trabalho. A admoestação de Canaã, para seus herdeiros "amor-ódio roubo seus mestres" era agora o programa de um grupo mundial de conspiradores. A povo de Shem continuo convencido de que os banqueiros não financiam o Comunismo, e que as pessoas ricas não vão desistir das suas explorações. O plano dos Illuminati-comunista continua a batalha dos cananeus contra o povo de Shem. Até que eles percebem isso, o povo de Shem permanecerá fadado à destruição. A partir da sede em Frankfurt Illuminati vieram os males gêmeos cananeus que desde então

assolava o mundo, o sionismo e do comunismo. O primeiro Comunista Internacional foi composta por Lionel de Rothschild, Heinrich Heine, e Karl Marx. Weishaupt morreu em 1830, em 82 anos de idade, ele foi substituído como chefe dos Illuminati por Giuseppe Mazzini, o líder revolucionário italiano. Sob a liderança de Mazzini, os Illuminati se moveu rapidamente em direção a uma política de ação mais direta, de focos revolucionários e tentativas de abrir a aproveitar e derrubar governos.

64

A Internacional Comunista foi o primeiro passo neste programa de ativismo. No início, era simplesmente conhecido como a Liga dos Justos, um ramo dos Illuminati. Este grupo encomendou Karl Marx para escrever o Manifesto Comunista em 1847, foi publicado em 1848 e foi imediatamente dada a circulação em todo o mundo pelos escritórios internacionais da Maçonaria. Ao longo da sua longa carreira política, Marx era conhecida a trabalhar activamente com os jesuítas e os maçons. Em 1864, Marx organizada Partido Internacional dos Trabalhadores, em Londres, em 1872, mudou-se para New York, onde foi fundida com o Partido Socialista. Marx recebeu uma remuneração regular de jornais americanos como um colunista, o emprego que tinha sido arranjado para ele pelos maçons. Mazzini nomeado General Albert Pike cabeça da maçonaria americana em 1860, Pike tinha apenas juntou os dez carros maçons anteriores. Em 22 de janeiro de 1870, Mazzini escreveu a Pike f seu plano de estabelecer um Conselho Supremo que regem segredo dos maçons de alto grau, que iria reger toda a Maçonaria, no entanto, nenhuma federação dos maçons jamais seria ll110wed saber sobre o Supremo Conselho, um preceito que, continua em vigor hoje. A maioria dos maçons se negam enfaticamente que tal conselho existe em qualquer lugar em sua estrutura organizacional. Conhecido como o Novo e Reformado Rito Palladio, que consistia em três Conselhos Superiores, com sede em Charleston, Roma e Berlim. Os chefes dos três conselhos transmitidos diariamente por suas Arcula Mystica Magic Box, que foi realmente um desenvolvimento precoce de rádio. Em tempo de chapéu t, havia apenas sete dessas caixas existentes em todo o mundo. O outro braço do movimento revolucionário mundial foi o sionismo, que teve como objetivo mobilizar a força internacional dos judeus em uma campanha para estabelecer um Estado de Israel como potência mundial dominante do Supremo. Uma vez que este também foi o, prometeu finalidade da Maçonaria, para reconstruir o Templo de Salomão, e fi1.kit com toda a riqueza do mundo, a primeira aparição do sionismo veio por meio da Maçonaria. Foi primeiramente conhecida como "," Reforma do Judaísmo "História Graetz" dos judeus, v. 5, p. 674, afirma que: ". Primeiros judeus loja maçônica, em Frankfurt onmain, era o coração dos judeus Movimento da Reforma . "Em 1842, a Sociedade de Amigos da Reforma (judaísmo) em Frankfurt emitido seus princípios: (1) a negação da autoridade legal do Talmud babilônico, substituindo-o em vez do Antigo Testamento, (2) a negação de que o Messias os levaria de volta a Jerusalém, (3) serviço do templo era para ser realizado no vernáculo, (4) as mulheres podem agora ter a possibilidade de se sentar ao lado dos homens na sinagoga, ao invés de ser segregados, como sempre tinha sido exigido pelo judaísmo ortodoxo. Reforma do Judaísmo lançou uma série de programas, além do sionismo; ecumenismo, ou seja, uma cooperação activa com os líderes e congregações de outras religiões, o feminismo, a igualdade dos sexos, mas o seu conceito mais importante, que o Messias jamais aparecer na Terra para levá-los de volta a Jerusalém, abriu a porta para a busca deste objetivo, o ativismo político, ou seja, o sionismo. O programa inicial do sionismo político foi abordado pelo rabino Hirsch Kalisher, um colaborador próximo de Mayer Amschel Rothschild em Frankfurt. Sir Moses Montefiore e Adolphe Cremieux, fundador da Aliança Israelita Universal, deu um novo impulso ao novo movimento. Seus objetivos eram muito divulgado pelo trabalho de Moses Hess, amigo íntimo de Karl Marx. Isso é

irônico, tendo em conta o facto de o actual governo soviético professa a ser ideologicamente contrários ao

sionismo. Moses Hess tornou-se conhecido como o "pai do sionismo". Um jornalista que foi grandemente

influenciado por seus escritos, Theodor Herzl, foi convertido para o ativismo, e ele agora é conhecido como "o fundador do sionismo Estado. "A Encyclopaedia Judaica diz que Moses Hess era um socialista e nacionalista judeu que liderou o Movimento de Reforma, chamando para a colonização da Palestina. Sua principal obra," Roma e Jerusalém ", que recebeu grande circulação, foi o livro que tinha grande impacto sobre a Theodor Herzl.

65

Em 1860, o rabino Kalisher sediou uma reunião secreta em sua casa em Thoru para recapitular as lições que foram aprendidas a partir da Revolução de 1848. Esta revolução tinha sido destinada a derrubar todos os governos da Europa e substituí-los por governos comunistas. Ele conseguiu em apenas alguns casos isolados, como Veneza, onde Daniel Manini estabelecer um governo comunista. Do encontro surgiu Thoru Kalisher livro, o "Drishal Sião", em 1861, e mais tarde, Moses Hess "Roma e Jerusalém." Estas duas obras foram em grande parte responsável pela conversão dos judeus da Europa para o programa sionista, o objectivo político de restaurar a Palestina para o povo judeu. Um dos conspiradores presentes nesta reunião vazou 1860 o registro do processo de um escritor chamado Maurice Joly. O culpado é conhecido por ter sido um E. Laharane, um confidente de Adolphe Crémieux, chefe da influente lsraelite Alliance Universelle. Um poder na política francesa, Cremieux obteve Laharane para o cargo de secretário particular de Napoleão III. Joly mais tarde publicou o processo sob a litle "Diálogo aux enfers Entre Maquiavel et Montesquieu," a primeira versão do livro já circulou em que ele t

título, "Protocolos de Sião". O material paralelo muito do texto do livro de Kallisher ", Drishal Sião", e com discurso do Rabi emitido por Goedsche em 1868. Também coincidiu com os trabalhos do Sínodo judaico de Leipzig de 1869. A Conferência de Kattowitz Hoveve Zion 1884 Joincides também com o primeiro conjunto de documentos que apareceram como os Protocolos de Sião, os papéis Kattowitz foram extraídos da Loja Mizraim de Paris por um Schorst-Joseph Shapiro. Ele vendeu-os a uma Srta. Justine de Glinka, que transmitiu ao Ministério russo do Interior, onde foram recebidos por um Orgewsky general. Pouco depois, Schorst-Shapiro foi assassinado no Egito. A Conferência de Odessa Hoveve Sião e Moshe B'rith, liderada por incinerar Ginsberg (Ahad Ha-am), e sua posterior permanência em Paris, em 1894, foram seguidos pelo aparecimento da III protocolos são agora conhecidos, que foram publicadas pelo Philip Stepwoff em Moscou. Este era essencialmente o mesmo conjunto de documentos que posteriormente seja publicada por Sergei Nilus, em 1905. Extractos de palestras ler em alojamentos B'nai B'rith, em Nova York, em reuniões secretas também foram extraídos e colocados nas mãos do Cônsul Geral da Rússia em Nova York. Esses extratos coincidiram em todos os pontos com a versão 1895 dos Protocolos e aqueles extraídos do Primeiro Congresso de Basileia em 1897. Eles também foram publicados por B. Butmi em

  • 1901. Foi porque eu estes antecedentes bem estabelecido que os Protocolos foram denunciados como

"falsos", isto é, como cópias não autorizadas. Por causa de seu programa de bem-anunciada

revolucionária, a Maçonaria tem sido repetidamente proibida pelo governo europeus, mas nunca nos Estados Unidos, onde exerceu o poder político desde 1776. Tem sido repetidamente denunciado pelo

papado. Holanda proibiu a maçonaria em 1735, a Alemanha, em 1738; Zurique em 1740, Berna, em

  • 1745. Rússia, primeiro proibiu a Maçonaria em 1792, novamente em 1822, e pelo governo soviético em

  • 1922. Em Apri128 de 1738, o Papa Clemente VII emitidos "Em Eminenti", que condenou a Maçonaria por

seu naturalismo e sua demanda por juramentos. Bento XIV condena a Maçonaria em seu "Providas" edital,

18

maio de 1751, Pio VII, em "Ecc1esiam", 13 de setembro de 1821, Leão XIII, "graviora Quo", 13 de

março, 1825, Gregório XVI, Mirari, "15 de agosto , 1832, Pio IX, em seis editais separados namoro 1846-

1873, Leão XIII, cinco editais condenando a Maçonaria 1882-1902. Gen. Pike respondeu denominando o papado "um inimigo mortal e traiçoeiro", em sua carta aos italianos Grand Master Timoteo Riboli. "O

papado foi de um milhar de anos, o carrasco ea maldição da Humanidade, a impostura mais descarada, na sua pretensão de poder espiritual de todas as idades."

66

Apesar destes decretos, o duque de Norfolk Católica tornou-se Grão-Mestre dos Maçons Inglês em 1730, o

Visconde de Montagu católica, o nono Lord Petre, que era o chefe de Inglês católicos, foi também o Grão- Mestre da Inglaterra 1772-77. Em 19 de março de 1902, no quinto de seus editais condenando a

Maçonaria, o Papa Leão XIII disse: "A Maçonaria é a personificação da Revolução

cujo objetivo é

.... exercer um ocultista hip senhores sobre a sociedade e cuja única raison d'être consiste em travar guerra contra Deus e Sua Igreja. " É uma pena que o Papa Leão XIII não sabia sobre a Maldição de Canaã, ou que a Maçonaria era simplesmente a rebelião de Satanás contra Deus, que estava sendo exercida no século XX por seus descendentes, os cananeus. Os chefes de Inglês Maçonaria durante o século XIX foi o duque de Sussex, filho mais novo do rei George II, 1813-1843, o conde de Shetland, 1843-1870, o Marquês de Ripon, 1870, o Conde de Limerick, 1871; o Príncipe de Gales, futuro rei Eduardo VII, 1874; Hugh David Sandeman, da família proeminente de importação de vinho, 1895; Senhor Ampthill de 1908, do Duque de Connaught, em 1938. Estes foram os principais aristocratas, o conde de Shetland casou com a filha do Conde de Scarborough, depois nomeado vice-rei da Irlanda 1889-1892, ele era o irmão inlaw do Duque de Westminster, o homem mais rico da Inglaterra, o Marquês de segunda Zetland, Lawrence Dundas, deu a Espada do Estado na coroação do rei George VI, ele também foi governador do Banco Nacional da Escócia, presidente do National Trust, o governador de Bengala, ele dirigiu as Conferências Mesa Redonda de 1930-1932, Foi Secretário de Estado da Índia 1935-1940, foi admitido na Ordem de S. João de Jerusalém, e ele escreveu as biografias de duas figuras importantes da Inglaterra, Lord Cromer, chefe da casa bancária Baring Brothers, e Lord Curzon, o Governador-Geral da Índia.

O Marquês de Ripon, George Frederick Samuel, nasceu em 10 de Downing Street, enquanto seu pai era primeiro-ministro, tornou-se Secretário de Guerra e do Secretário para a Índia por Lord Palmerston, e foi nomeado Primeiro Lorde do Almirantado em Gladstone. Ele foi Secretário Colonial 1892-1895, Lord Privy

Seal na Câmara dos Lordes, e líder do Partido Liberal, 1905. 08. Seu nome é lembrada nos Estados Unidos pela Sociedade Ripon, um grupo de "liberal" que os republicanos que têm exercido considerável influência nos bastidores sobre as políticas do Partido Republicano. O Conde de Limerick, Patrick Pery, é vice- presidente da casa bancária internacional, Kleinwort Benson. O Marquês segundo Ripon renunciou ao cargo de Grão Mestre em 1894 e entrou para a Igreja Católica, ele foi tesoureiro do agregado familiar Rainha Alexandra (esposa do Rei Eduardo VII) 19011923, ele foi cunhado para o Conde de Pembroke, e casou-se com a viúva do quarto Conde de Lonsdale. pai do Senhor Ampthill, Odo W. Russell, servido no cargo de Lord Palmerston 1850-52, atuou com a legação de Florença 1957-70 e foi considerado como um embaixador não-oficial do Vaticano, durante esses anos, ele foi enviado como Enviado Especial à sede do Exército Alemão É Versalhes durante a Guerra Franco-Prussiana. Serviu mais tarde é o embaixador britânico. Viena e Berlim. O segundo barão Ampthill foi Grão-Mestre dos Maçons Inglês de 1908 até sua morte em 1935. Esta é a família Russell mesma que detém o título de

67

Duques de Bedford, incluindo Bertrand Russell, o mais famoso humanista do século XX. O Barão segundo nasceu em Roma, enquanto seu pai estava servindo lá, ele se tornou presidente do Sindicato de Oxford, ele casou com a filha do Conde de Beauchamp (seu pai tinha o título de Senhor do Cinque Ports), sua esposa foi Lady- em espera para Queen Mary, ele era também um irmão-de-lei do duque de Westminster, ingressou na Ordem de S. João de Jerusalém, e serviu como Grão-Mestre da loja que havia sido formado no Banco da Inglaterra, Lodge No. 263. Ele escreveu a 'História do Banco da Inglaterra Lodge "e foi nomeado chefe dos maçons de Madras, na Índia, antes de tornar-se Grão-Mestre da Inglaterra, ele serviu como secretário particular de Sua Excelência J. Chamberlain, o governador de Madras e vice-rei da. Índia. As origens desses Grandes Mestres provar que o Inglês maçonaria sempre teve acesso aos mais altos círculos do governo; Disraeli, um maçom, se tornou primeiro-ministro, ele se referiu aos "homens determinados da Maçonaria", ou seja, aqueles maçons que foram designados para realizar a tarefas cruciais de assassinato. Um dos cananeus, que se tornou conhecido como um importante economista Inglês, e ainda tem grande influência nos Estados Unidos, foi David Ricardo (1772-1823), o terceiro filho

de Abraão Israel, que era um membro importante da comunidade judaica em Amesterdão . Israel emigrou para Lon ~ não com William III e mais tarde se tornou um dos mais ricos membros da Bolsa de Londres, onde trabalhou em estreita colaboração com seus colegas emigrados. Seu filho, David, tornou-se amigo íntimo do Senhor Nathan Mayer Rothschild, especulando pesadamente em títulos do governo no conselho de Rothschild. Juntos, eles lucraram imensamente com o golpe financeiro resultante notícia antecipada sobre o resultado da batalha de Waterloo. David Israel, hoje conhecido como David Ricardo, começou a escrever dicta económica, destinada a tornar-se a palavra final sobre o quanto a classe trabalhadora deveria ser paga. Ele desenvolveu uma fórmula que se tornou conhecido como "o salário de subsistência", ditando que o trabalhador nunca deve receber mais do que o mínimo necessário para sua subsistência. Se o salário fosse maior, o governo foi encarregado de cuidar dele por prontamente aumentar seus impostos (isso soa familiar a qualquer norte-americanos?). Os cananeus na América desenvolveu uma nova reviravolta com o imposto retido na fonte, que assegurou que o trabalhador não receberia seu salário em primeiro lugar, ele receberia apenas uma parcela mutilados, a partir do qual os cananeus já tinha deduzido a "sua" porção. dictum de Ricardo, que também ficou conhecida como "lei de ferro dos salários", de ferro o que significa que sob nenhuma circunstância o trabalhador vai ser o beneficiário de qualquer surto de generosidade e de ser permitido, mesmo um pequeno aumento, quando Rita Ricardo-Campbell, esposa do o diretor da Instituição Hoover, e um descendente directo de David Ricardo, chegou a Washington como um membro chave da equipe de Reagan, o anti-Reagan Revolução Comunista, humanitária. Ela tornou-se conselheiro de Reagan sobre os pagamentos da Segurança Social e das pensões. teorias econômicas de Ricardo sobre os salários e de trabalho também foi recebido com entusiasmo por Karl Marx, que adotou-as como as diretrizes pelas quais os trabalhadores escravos da Rússia Soviética é governado hoje. O livro de Stephen Knight, "The Brotherhood", revela muitos detalhes interessantes sobre a maçonaria Inglês. Ele ressalta que a Lei das Sociedades Ilícitos de 1799 exigia que os maçons podem realizar reuniões somente se os nomes dos membros foram submetidos à Clerks local da Paz; esta exigência nunca foi cumprida. Knight diz que rainha Elizabeth é o presente Grand Padroeira da maçonaria Inglês. Uma de suas revelações mais surpreendentes é a informação que 50-70 por cento de todos os juízes Inglês são maçons. Advogados achar que eles devem unir os maçons, se eles esperam obter todos os clientes. "The Law Society é uma das instituições mais maçônica no mundo", observa Reis. Noventa por cento dos seus membros sejam maçons.

68

Isso cria grandes desigualdades, porque a sociedade é a Lei RS juiz final para quem vai receber assistência jurídica e que será negado. A não-maçom não tem possibilidade de receber assistência jurídica em um processo contra um maçom. Isso é típico da Vontade de Canaã, a conspiração secreta contra todos os que não são membros da tribo. A conspiração maçônica que lança um véu sobre os procedimentos legais na Inglaterra, mas é uma manifestação da sua sinistra influência. Durante a época elizabetana, o fascínio pelo ocultismo apareceu em muitas organizações clandestinas, que volta à tona na Era Vitoriana. Bruxaria tornou-se difundido, mesmo nos mais altos círculos da sociedade, com seus rituais enfatizando que alteram a mente drogas, plantas e jóias satânica. Orgias e sacrifícios de sangue foram realizadas

discretamente no coração das favelas de Londres, e em propriedades ancestrais remotos. Uma das mais

divulgadas destes grupos foi a Sociedade Hermética da Golden Dawn, fundada em 1887 por três membros da Fraternidade Rosacruz. Todos os três eram maçons de alto grau, e bem conhecido como cabalistas- Rev. AFA Woodford, Dr. Wynn Westcott, um médico legista de Londres, e um escocês chamado Sam Liddell Mathers. O grupo foi logo acompanhado por William Butler Yeats, poeta e Aleister Crowley, que se tornou conhecido mundialmente por suas práticas de magia negra. O objetivo da Sociedade Hermética era adorar Dez Sephiroth, que é a Cabala, a fim de que. poderiam então ser dotado de poderes mágicos, e poderia chamar de forças sobrenaturais como seus aliados. Os membros configurar graus como se segue:

Neófito, quatro graus; Em Ordem, quatro graus, e da Ordem Terceira, quatro graus. Yeats, o poeta líder irlandês, depois alegou que ele havia se juntado ao grupo, a fim de combater a magia negra de Crowley com a sua própria magia branca. Crowley é famoso como o satanista mais dedicados do século XX. Certa vez um sapo batizado com o nome de Jesus Cristo, crucificado e então lentamente se, deleitando-se com suas agonias. Ele disse ter tomado parte em 150 assassinatos rituais, a maioria dos quais eram crianças. As vítimas normalmente eram mortos com uma faca de prata. Em suas "Confissões", escreve ele, "No México, eu era conhecido pelo nome de Besta 666. Tive uma introdução a um homem idoso chamado Don Jesus Medina, um descendente do famoso Duque de Armada grande, e um dos mais altos . chefes da Escócia "Maçonaria do Rito Meu conhecimento Quabalistic já estar profundo pelos padrões atuais, ele me achava digno da mais alta iniciação em seu poder para conferir; poderes especiais foram obtidos tendo em

conta a minha permanência limitada, e eu estava correndo rapidamente através de e admitido ao grau 33 e último antes de eu sair do país ". Assim, o líder satanista deste século, foi confirmado como um maçom de grau 33! Madame Blavatsky tornou-se famoso como o organizador da Teosofia. Ela desenvolveu a sociedade depois de uma viagem à Índia, o indiano capítulos mais tarde veio sob uma nuvem por causa da prisão de seus membros para a prática da homossexualidade. Ela então se mudou para a Grã- Bretanha, onde fundou a Sociedade Teosófica lá, o precursor do grupo americano de mesmo nome. Ela também fundou a Sociedade Hermética. Sua principal assistente na Sociedade Teosófica, uma organização cabalísticos, foi a Sra. Annie Besant, que também é conhecido como um dos fundadores da Fabian Society, em 1884. Os co-fundadores da Fabian Society eram todos maçons, pois eles estavam George Bernard Shaw, Lord Haldane, Ramsay MacDonald, e Sidney e Beatrice Webb. O grupo tirou seu nome do general romano Fábio, que foi comemorado por sua estratégia deliberada e de longo alcance. O plano de Fabian era de esperar, como Fabius Cunctator esperaram para atacar Hannibal, para aguardar o momento certo. Na Inglaterra, os fabianos propôs usar a estratégia do general romano para gradualmente impor um governo tirânico Socialista sobre o povo da Inglaterra, através do planejamento de longo alcance tortuoso. Esta abordagem conspiratória ganhou para os fabianos o apelido de "os jesuítas do socialismo." Como parte de sua estratégia, em 1890, Annie Besant

69

se tornou o principal agitador da indústria têxtil Inglês, que foi centrada em Lancashire. Durante a década de 1930, os fabianos organizou uma força de ataque chamado de PEP, as iniciais de Política e Planejamento Econômico. Foi dirigido por Israel Moisés Sieff, o chefe multi-milionário do império gigante do varejo, a Marks and Spencer. Em 1931, Sieff distribuiu um documento com os principais membros do PEP, que foi rotulado como "estritamente confidencial." O programa descrito incluídos itens como "Quer gostemos ou não, o agricultor individualista serão forçados pelos acontecimentos a apresentar ao grande alcance mudanças de perspectivas e métodos. Ele receberá instruções quanto à quantidade e qualidade

dos seus produtos. [Esta foi implementada logo depois que o Marketing de porco Câmara. ed.] Ele será

menos livre para fazer marketing e decisões arbitrárias quanto a seu próprio negócio

....

A economia

planificada deve claramente envolvem aumentos drásticos nas incursões sobre o direito de propriedade de

terra . O que é necessário

é a transferência de propriedade de grandes blocos de terra. " Este

.... programa de PEP foi mais tarde apresentado como um manual elaborado pelo GDH Cole, "Princípios de Planejamento Econômico", em 1935. O livro contou com a bússola eo quadrado da Maçonaria estampada com destaque na capa, embora nada no livro identificaram o papel da maçonaria no programa. Os diretores ricos do PEP não tinha a intenção de transferir a propriedade de seus próprios grandes blocos de terra, ou dos impérios empresariais que controlam. Eles simplesmente queriam assumir grandes blocos de terras de seus concorrentes, para forçar os regulamentos ruinosa sobre seus rivais, em resumo, para roubar e arruinar a todos, mas a sua própria pequena confraria dos cananeus. Os líderes mais ativos do PEP foram luminares como Visconde Astor, Sir Herbert Samuel (Governador da Palestina), Herbert Simon, CM Sir Joad, professor Gilbert Murray, eo Mestre de Balliol. Todos eles eram maçons e membros do Instituto Real de Assuntos Internacionais, também. Eles estavam intimamente com um grupo chamado Clube Mundial das Religiões. O Segundo Congresso Internacional de este grupo, que se reuniu em Londres em 1936, incluídos entre os oradores Canon Barry, capelão do rei Edward VIII, e ex-bispo Montgomery Brown. Brown disse à platéia: "A URSS é apenas o precursor da Internacional Comunista Estado que irá absorver gradualmente todos os Estados capitalistas. Se qualquer governo, igreja ou instituição se opõe ou fica no caminho do Estado comunista, eles devem ser impiedosamente derrubados e destruídos. Se Mundial da Unidade deve ser atingido, ele deve ser através Comunismo Internacional, que só pode ser alcançado pelo solgan "Banir os Deuses do Céu e do capitalismo a partir da Terra." Então, e só então, existe uma completa Fraternidade Mundial de Religiões ". Esta é uma declaração clara e concisa das ambições da conspiração cananeus internacional. Banir os deuses; rebelião de Satanás contra Deus, a maldição de Canaã não tinha alterado as suas palavras de ordem em três mil anos de história registrada.

Rabino Ben Mozeg disse a Sociedade do Mundo ", que é certo é que a teologia é apenas teosofia maçônica

no fundo, e corresponde à da Cabala

Quem se der ao trabalho de examinar com cuidado a relação

....

deixará de sorrir para a

.... entre judaísmo e maçonaria filosófica , Teosofia, e os Mistérios em geral

sugestão de que a teologia cabalística pode ter um papel a desempenhar na transformação religiosa do futuro. Ele contém a chave para o problema religioso moderno. " Imagem

70

Aqui, novamente, é oferecida a solução para todos os problemas pelos cananeus, retorno à adoração de Baal, trouxe até à data, no século XX, e entramos por uma transformação religiosa. Este é o cálice de cicuta que os fundamentalistas nos oferece.

Capítulo 5 – A revolução francesa

É uma tarefa desagradável para um escritor para narrar a terríveis massacres que foram infligidos ao povo de Shem. É ainda mais perturbador saber que até agora, os planos foram elaborados para uma ainda maior e mais aprofundada tais massacres deste povo. Ao descrever os Reinados do Terror da Revolução Francesa, a Revolução Bolchevique e da Revolução Espanhola, os americanos não estão sendo oferecidos um outro drama de televisão, eles estão recebendo uma prévia do seu próprio futuro. Para aqueles que viajam na França de hoje, os horrores da Revolução Francesa deve parecer remota, de fato. Beneficiando de culinária inigualável, visitando palácios grandes, e ver as obras de arte que fizeram o nome da França, sinônimo de criação de arte, é difícil imaginar que as ruas e rios desta nação fluiu uma vez com o sangue de inocentes, como milhares de mulheres e crianças foram assassinadas em rituais obscenos. É por essa razão, talvez, que, ainda hoje, os turistas, ou melhor, os estrangeiros, raramente são acolhidos em França. Na melhor das hipóteses, elas são toleradas neste país justo. Não é este, devido a um sentido profundamente oculto de vergonha, o desejo de esconder um segredo de família desagradável que faz com que mesmo estalajadeiros, tradicionalmente muito hospitaleiro, a manter uma reserva legal quando os turistas vêm em acenar sua moeda como uma bandeira? Isso é compreensível, porque a Revolução Francesa, um dos três grandes orgias do demônio canaanita-guerra carregadores durante a história moderna, pode ter sido visitada ao povo francês como uma punição deliberada por Deus. Esse castigo teria sido em represália direta por uma das atrocidades menos conhecidos da história europeia, os massacres dos Huguenotes, durante os séculos 16 e 17. Durante os dois séculos anteriores a essas atrocidades, o povo de Shem havia feito grandes mudanças na condição econômica da nação francesa, transformando-a de um estado para o império medieval industriais mais promissores da Europa. Devido à sua grande energia, inteligência e habilidades, o povo de Shem fairskinned havia criado uma enorme riqueza e de progresso económico em França. Durante esse período de crescimento explosivo, a França de que dia mais se assemelhava a Alemanha de dois séculos mais tarde, sendo muito produtivo, extremamente inventiva, e fazendo com que a terra floresça e dê o seu fruto. Este progresso, e sua riqueza de acompanhamento, foi encarada com muita inveja, e também o medo, pelos cananeus que detinha grande poder na França. Como a nobreza negra, que tinha fornecido os guerreiros da Normandia, que invadiram e conquistaram as Ilhas Britânicas, que constantemente conspiraram para ampliar seu poder, e para continuar a sua guerra de longa data de extermínio contra o povo de Shem. Devido ao seu grande poder no mais altos cargos da Igreja, Estado e do Exército, os cananeus começaram a preparar o palco para o que ficou conhecido como o Massacre dos huguenotes. Eles foram capazes de ganhar um apoio considerável para o seu plano de nobres franceses que não eram próprios cananeus, mas que estavam alarmados com o poder económico obtido pelo povo de Shem, que, como eles sabiam, logo seria transformado em poder político. Eles também foram seduzidos pelas promessas de ouro e de propriedade a ser adquirida por roubar e matar o povo próspero de Shem.

72

Devido à sua sede de sangue eo seu desejo constante de sacrifícios humanos, os cananeus eram capazes de transformar o huguenote Massacres em uma grande orgia de assassinato ritual. As crianças foram capturados e lançados nas panelas para ser cozido ou frito em frigideiras grandes, enquanto as multidões ficaram buzinando e festejando o entretenimento. Famílias foram arrastados para fora das praças em cidades e vilas a serem assassinados um por um. Ninguém foi poupado o terror da multidão, seja idoso ou inválido. Sua propriedade foi então dividido entre os instigadores ansiosamente à espera dos assassinatos, que correria para encontrar outras vítimas. O ato físico de matar famílias inteiras de cidade em cidade não poderia permanecer em segredo, e uma corrente de alarme agora varreu a nação. Muitos milhares de huguenotes foram capazes de fugir, deixando seus pertences para trás, em particular nos distritos do norte da França. Eles foram capazes de fazer o seu caminho através das fronteiras para os Países Baixos, onde descobriu que eles eram mal-vindos. A maior parte deles embarcou para as costas da Irlanda, e depois de permanecer lá por períodos de até cem anos, eles foram capazes de navegar a jato para as margens do Novo Mundo. Não é de surpreender ao saber que os actos de repressão contra os Huguenotes começou depois de Catarina de Médici tornou-se regente da adesão de Carlos IX. Nós já notamos que o Medicis de pagar para a formulação da doutrina do humanismo secular, quando Cosimo de Medici configurar a Accademia em Florença, centrando os seus ensinamentos em torno da cabala cristã. A Enciclopédia Britânica diz Catherine de governo na França: "Ela introduziu métodos de governo italiano, alternando entre concessões e perseguição, tanto tanto desprovida de sinceridade." Catherine começou as negociações com Espanha para reforçar seu abate previsto de t ele huguenotes, no 28 de setembro de 1568, ela emitiu 1I1 edital que colocou os huguenotes fora da proteção da lei, um convite aberto para os massacres de começar. Neste momento, eles constituíam um décimo da população da França. Seu filho, Charles IX, perceberam que os planos de sua mãe seria uma catástrofe para a nação, e ele abriu negociações com os líderes huguenotes, na esperança de evitar o abate. Catherine fiel à sua herança nobreza negra, planejou o massacre deve acontecer quando ele tinha os líderes convenientemente montados. O massacre de São Bartolomeu notório ocorreu em 24 de Agosto de 1572, durante o qual o

líder huguenote, Coligny, e todos os huguenotes importantes foram mortos. A Encyclopaedia Britannica comenta: "Esta data marca uma época desastrosa na história da França. O massacre de Paris, foi seguida por massacres em toda França. Uma vítima foi o próprio Charles King. Superar com horror das atrocidades cometidas pela tragédia de São Bartolomeu, expirou. "Existe uma forte possibilidade de que Catherine, sabendo de sua relutância em prosseguir com o massacre dos huguenotes, e seus planos de

fazer concessões a eles, a maneira ter envenenado Isso também teria sido de acordo com sua herança

negra nobreza sucessor de Charles, Henrique II, também morreram de forma violenta;

ele foi

.. assassinado pelo monge Jacques Clément, que acreditavam que ele também estaria interessada no prosseguir com os massacres dos Huguenotes. O Edito de Nantes, 13 abr 1598, foi uma tentativa de reverter o processo. Concedeu os huguenotes uma carta garantindo-lhes a liberdade religiosa e política, mas muitas autoridades ignoraram e continuaram a perseguição. O dragonnades terrível (1663-1683) viu

muitos protestantes torturados até que abjurou a sua fé. Em 18 de outubro de 1685, o Rei Luís XIV declarou que o Édito de Nantes foi revogado. Como os comentários Encyclopaedia Britannica "

73

Assim foi cometido um dos erros mais flagrantes político e religioso da história da França, que no

... decorrer de alguns anos perdeu mais de 400.000 de seus habitantes, homens que, tendo que escolher entre sua consciência e seu país, dotadas as nações que os receberam com seu heroísmo, sua coragem e sua habilidade. "Era a revogação do Édito de Nantes, mais do que qualquer outro evento único na história, que colocou os Estados Unidos sobre seu curso futuro de grandeza. Durante a Revolução Americana, e da escrita, da Constituição que se seguiu a sua vitória, foi o huguenotes que predominou em todas as batalhas e todas as deliberações. As fortunas da França, por outro lado, caiu em um declínio constante, da qual nunca se recuperou . Na verdade, esta nação tem posteriormente pulando de um desastre para o outro, não menos do que foi as Guerras Napoleônicas, cujos excessos ainda sangrando a nação de seus melhores e mais corajosos. EE Cummings, poeta norte-americano, usado para observação de Napoleão " Ele cortou seis centímetros da altura de cada francês. " Desde o massacre de São Bartolomeu de azulejo, ha France caiu para trás de sua história, uma vez orgulhoso. Isso, é claro, foi um grande conforto para o seu rival histórico, a Inglaterra, que não apenas aproveitou as vantagens oferecidas pelo declínio francês, mas parece ter projetado um bom número de seus infortúnios posteriores. A taxa de natalidade diminuiu França, seu comando dos mares diminuiu, ea sua taxa de invenção diminuiu. Mais importante, ela nunca mais venceu outra guerra. Apesar dos grandes sucessos militares de Napoleão, a França perdeu as guerras napoleônicas em Waterloo, ela foi derrotada pelos alemães durante a Guerra Franco-Prussiana e as guerras mundiais sucessivas, seus inimigos de ser parada e voltou-se apenas pela chegada das tropas dos Estados Unidos, muitos deles de ascendência Hueguenot. Se Deus pode ter visitado o reino de terror sobre o povo da França, como punição para os massacres dos Huguenotes, foi também tornada inevitável pela sua ausência. Com a influência, sóbria contenção do povo huguenote removido da França, o caminho agora estava aberto para todos os excessos possíveis dos cananeus demônio adorando. orgias de sexo, escândalos financeiros, e as intrigas

estrangeiros tornaram-se ocorrências a cada dia entre os altos funcionários da nobreza negra, enquanto os reis da França, não vendo nenhuma alternativa para "ir com o fluxo" reine licença. Não foi à toa que a França foi o único país da Europa a sofrer uma grande revolução neste momento. Foi o único país da Europa em que o governo central tinha-se deixado ultrapassar pelos desejos dos piores elementos da nação. Cada tipo de heresia floresceu na França. A ociosidade ea telha busca da vice--se principalmente nas mentes das pessoas, enquanto a economia estava a ser paralisado por uma pletora de ações judiciais, algumas delas ajuizadas geração após geração, o que gerou tumultos por toda a nação. Como nos Estados Unidos prejuízo hoje, e todos os preconceitos ditados decisão nos tribunais, e esse favoritismo se tornou uma das principais causas que contribuem para a eclosão da Revolução. A podridão foi muito elevada na videira. O rei do cunhado, o Duque d'Qrleans, foi chamado de Philippe Egalité por causa de sua estreita identificação com as novas forças de "libertação". O duque tinha sido persuadido por Mirabeau amalgamar Ódio da Loja Azul, com o Grande Oriente de França, ao mesmo tempo, Mirabeau e seu mentor, Moses Mendelssohn, convenceu o duque de fazer alguns investimentos de risco, em que, como haviam planejado, ele perdeu sua fortuna.

74

Em 1780, devia 800 mil libras. Ele foi forçado a assinar sobre a sua magnífica casa, no Palais Royal, para os credores cananéia. Eles contrataram de Laclos transformá-lo em um dos bordéis mais elaboradas do mundo. Como seu assessor, de Laclos trazidos de Palermo, o famoso "Conde" Cagliostro, nascido Balsamo, que tomou o nome de sua madrinha. Ele era um Grão-Mestre dos Cavaleiros Rosa-Cruz de Malta, que ele havia se juntado com a idade de 23. Ele já usou o Palácio Real como sede para a propaganda revolucionária, imprimir milhares de panfletos mais inflamatório, com a qual ele inundou Paris. A queda do Duc d'Orléans tinha sido cuidadosamente planejado. Mirabeau tinha sido um habitué dos salões de Henriqueta Herz, em Viena e Paris, aqui ele veio sob a influência de Moses Mendelssohn, o fundador da Maçonaria. Ele se tornou o principal instrumento de Mendelssohn e de outros conspiradores, incluindo os Rothschilds, em precipitar os acontecimentos da Revolução Francesa. Nessa mesma época, o governo da Inglaterra foi cair nas mãos de Lord Shelburne, o famoso William Petty. O Primeiro Ministro Inglês, William Pitt, também foi manobrou para uma posição onde ele foi superado por dívidas onerosas; Petty e seus colaboradores mais próximos paga dívidas de Pitt e, em contrapartida, ditou suas decisões políticas subseqüentes. Lord Shelburne era o chefe do Serviço de Inteligência britânico, como tal, ele planejou o curso da Revolução Francesa a partir de Londres. Uma das lendas mais persistentes tem sido o

mito do Pimpinela Escarlate, um aristocrata britânico quixotesca que arriscaram muitas vezes o pescoço

para arrebatar aristocratas franceses da guilhotina. Se tal pessoa existiu, ele foi muito menor número, em

França, pelo número de agentes britânicos de Lord Shelburne que estavam a ser encontradas lá, promovendo os atos mais atrozes do Reign of Terror nos bastidores, a fim de se certificar de que mesmo que a nação francesa sobreviveu à Revolução, nunca voltaria a constituir uma ameaça para as ambições do Império Britânico. Isto provou ser o resultado. Mirabeau posteriormente foi superado pela evolução da Revolução, em um momento de remorso, ele conspirou para salvar o rei Luís da guilhotina. Para evitar um julgamento público, ele foi prontamente envenenado pelos conspiradores, selando seus lábios contra qualquer revelação futuro da identidade dos verdadeiros este horror. Nos últimos dias do rei Luís de energia, medida após medida foi promulgada, que serviu para enfraquecer ainda mais a autoridade da Coroa e alimentou o apetite dos mob. Por exemplo, a Assembléia Nacional decidiu dar o exemplo de suprimir a escravidão. De acordo com a Enciclopédia Britânica, as medidas que se aprovada, proibindo qualquer tipo de retaliação contra os escravos ", preparou o terreno para a insurreição negro terrível em Santo Domingo". Na verdade, toda a população branca foi abatido, sendo substituído por um governo negro que hoje é a nação mais pobre do Hemisfério Ocidental. A Assembléia também aboliu a posse feudal na França, que violou os direitos dos Príncipes certas Alsácia, que tinha sido garantido pelo Tratado de Westfália. estadistas estrangeiros viram que a França estava afundando na anarquia, o que lhes dava rédea livre para perseguir suas próprias políticas,

sem medo de qualquer intervenção francês.

Ministro do rei Luís da Fazenda, o banqueiro suíço Necker, foi

fiel à sua herança de intrigas revolucionárias.

Ele deliberadamente adotaram políticas de inflação que

causou sofrimento econômico terrível na França, e inflamou ainda mais a população. Ele é pensado para ter inaugurado as políticas de obediência a certos banqueiros suíços que planejou para colher grandes lucros a partir da derrocada aproximando francês. Afinal, era nada menos do que o Barão de Rothschild, que o aconselhou aqueles que desejavam se tornar rico que eles deveriam "comprar quando há sangue

nas ruas". No dia dez de outubro de 1789, Talleyrand propôs o confisco de todas as terras da igreja na França.

75

Isso foi pensado para ser um quinto de todas as terras francesas. Isso foi proposto como uma medida

econômica, o famoso assignats foram emitidos contra essas terras, no valor de quatrocentos milhões de libras, que foi posteriormente aumentado para um bilião e oitocentos mil libras. Seu trabalho feito, Necker

agora renunciou e deixou a França em setembro de 1790. Durante os três anos seguintes da Convenção, mais de sete bilhões de libras foram emitidos. O seu valor caiu para um por cento do seu valor de face. A inspiração para a Revolução Francesa pode ser ligada diretamente à doutrina do humanismo secular que tinha sido formulada na Accademia de Médicis, em Florença, e que foram, mas uma versão moderrnized da Cabala. A colocação de "interesse humano" em primeiro lugar em todas as coisas criou o clima que tornou possível a guilhotina do rei Luís XVI, depois de negar Deus, era um simples passo para negar a autoridade de um monarca que governava por direito divino. Do humanismo neoplatônico promulgada pelo Médicis, surgiram os cultos dos Rosacruzes e Maçonaria. dictum Sir Francis Bacon de que "conhecimento é poder", lançou o desafio para os poderes tradicionais da Igreja e do Estado, que foram postos de lado durante a Revolução. A doutrina baconiana logicamente desenvolvida no positivismo de Comte, que afirma que "Deus é apenas uma abstração - ele não existe, a humanidade só é real" o Iluminismo de Descartes, sub-repticiamente ajudado pela aliança secreta entre Voltaire e Frederico, o Grande, ambos maçons, levou a França para os excessos da Revolução. Os planos imediatos para a Revolução Francesa tinha sido estabelecido na Convenção Internacional dos maçons em Wilhelmsbad em 1781, um encontro mais tarde famoso como "Convento". Foi atendido por sete irmãos de Inglaterra, incluindo Lord Shelburne, que mais tarde dirigiu o progresso da Revolução Francesa a partir de Londres, Lessing, Mirabeau, Dohm, delegados dos Illuminati francês, e Knigge, que representou Weishaupt. "O Convento pavimentou o caminho para a Revolução Francesa" (A. Cowan, "X- Rays na Maçonaria", pp 67-68). Havia cerca de 2000 lojas na França, em 1789, com mais de 100.000 adeptos. A primeira loja na França tinha sido instituído pelo Senhor Derwenwater da Inglaterra, abrindo caminho para a influência depois de Lord Shelburne e Inteligência Britânica. Autoridades francesas logo percebeu que o assignats que havia sido emitido contra as terras da igreja não eram negociáveis, não poderia ser usado em transações imobiliárias, porque as terras da igreja poderia ser restaurado, e que seria então inútil, o povo se recusou a aceitá-los . As matérias não foram melhorados após a Assembléia aprovou leis de gravidade variável, impondo sanções por se recusar a aceitar o assignats como pagamento. As penas variam de prisão até a morte. A recusa firme dos camponeses franceses a aceitar assignats no pagamento de seu grão levou a serem mortos. Estas mortes, em seguida, desencadeou um reinado de terror em todo o país. Como os massacres anteriores do St. Bartholomew's, estas atrocidades tinha sido previsto por alguns "legislativo" atos. doleances os Cahiers des negou fiscalidade clerical e benefícios, foreswore todos os seus direitos à propriedade imobiliária, as terras da igreja ter sido apreendido, e negou a igreja todos os privilégios financeiros. Seguiu-se em 04 de agosto de 1789, pelas resoluções dos deputados abolir todos os privilégios de indivíduos e grupos sociais, inaugurando o formal "descristianização" da campanha, que durou de maio 1792 a outubro de 1794. No terceiro dia de agosto de 1790, a França revolucionária deu plenos direitos para os judeus, a medida foi negada por treze votos sucessivas, mas os maçons forçada através da tentativa XIV.

76

A própria Assembléia foi dividida em dois grupos rivais: o Girondins de Bordeaux, que idealizou um tipo modesto da República federada, e as Seções de Paris, sentado no alto à esquerda, e, assim, chamados a

Montanha. Daquele dia em diante, os revolucionários escolheram sempre a esquerda como o lugar

simbólico. A montanha constou de quarenta e oito seções da Comuna de Paris, liderada por Marat, e composto por vândalos e criminosos. O conjunto de 655 membros tinham entre seus membros 405 maçons. Marat, cuja pessoa veio para exemplificar os excessos da Revolução, nasceu na Suíça, de um pai e uma mãe Sardenha suíço. Durante a década de 1770, ele tinha viajado na Holanda e Inglaterra. Em 1772 ele publicou na Inglaterra um trabalho chamado "Um Ensaio sobre a alma humana", uma obra maçônica cuja ênfase era sobre Misticismo. Um segundo livro, "as correntes da escravidão", publicado em 1774, continuou sua filosofia radical. Como a tarde revolucionários, Karl Marx, Marat sempre parecia encontrar apoio na Inglaterra por seu trabalho, principalmente entre os irmãos maçônicos lá. Ele foi premiado com um diploma em medicina na Universidade de St. Andrews, e ele abriu uma prática em

Pimlico. Em 1777, ele retornou à França, onde se tornou médico Conte d 'Artois, irmão do rei. Com um salário equivalente a cinco mil dólares por ano, ele vivia bem. Ele até pediu para um brasão de nobreza. Ele começou a gastar mais de seus fundos em publicações, o financiamento de um jornal radical, Ami L 'du Peuple. Devido a essa atividade, ele logo foi colocada sob vigilância. Em seguida, ele se demitiu do serviço de Artois, fugindo para a Inglaterra, onde permaneceu até 1790. Vendo que o clima revolucionário estava maduro para o seu trabalho, ele então voltou para a França. Um conhecido Marat descrita assim: "Marat tinha os olhos queimando de uma hiena, marcado por convulsões espasmódicas de suas características, e uma rápida e irregular a pé." Outra descrição chegou

até nós: "

Seu semblante era sapo em forma, marcado por olhos esbugalhados e uma boca mole, sua

.. pele de uma tonalidade esverdeada cadavérica feridas abertas, muitas vezes correndo, sem caroço seu

semblante terrível Ele não usava meias, e as botas eram normalmente sujas. " Seu médico, Dr. Cabanes,

disse: "Eczema, em uma de suas manifestações mais revoltante e doloroso

Uma calha suppurating

.... fugiu do escroto a sua peritônio, enlouquecendo-o com tormento. Dores de cabeça, dor e febre seu espírito atormentado. Ele suportou dores insuportáveis nos braços e pernas. " Cabanes concluiu que Marat foi, provavelmente, nos últimos estágios da sífilis. Ele geralmente usava uma bandana vermelha sobre o cabelo gorduroso. Durante o auge da Revolução, ele se casou com Simone Susanne no Templo da Natureza, um espetáculo Rousseault antes uma janela aberta. Este era o aspecto da criatura que gerou o Terror. Com o poder das Seções de Paris atrás dele, Marat designou a si mesmo a cabeça de um Comité de Fiscalização. Ele, então, preso há cerca de quatro mil pessoas e começou a matança. Era um domingo 2 de setembro de 1792, quando as primeiras vítimas, 24 sacerdotes, foram levados para um jardim, um por um, e espancado até a morte. Alguns duzentos almas foram mortos durante aquele mês de setembro, mais de cento e cinqüenta serem abatidos no Convento das Carmelitas. Os assassinos foreswore a conveniência de armas de fogo, talvez porque essas armas não existiam na época de seu preceptor, Baal. Os assassinos preferiu a maior satisfação de acabar com suas vítimas com machados, pás e facas. Um cronista da época, Philippe Morice, escreveu: "A sarjeta funcionou o vermelho com o sangue dos pobres criaturas a quem estavam massacrando lá na Abbaye. Seus gritos se misturaram com os gritos de seus

carrascos, ea luz que eu tinha pego um vislumbre da rue de la Seine era a luz das fogueiras que os

assassinos tinham aceso para iluminar suas façanhas

....

"As prisões em Chatelet ea Conciergerie foram

invadidas simultaneamente por duas bandas de assassinos treinados, que começou a matar dois Cento e

25

vítimas em Chatelet e 328 na Conciergerie.

77

Um observador Inglês, Dr. Moore, informou que os massacres foram o resultado de um planejamento a sangue frio por alguns políticos. "Canhão foram disparados repetidamente, como uma toxina para despertar a população para o seu trabalho sangrento. Trinta e três meninos entre as idades de doze e quatorze foram mortos em Bicêtre". Na Salpêtrière, as meninas apenas dez anos foram postas à espada, de acordo com a sra. Roland, que disse: "As mulheres foram brutalmente violadas antes de ser despedaçado por esses tigres." Nas províncias, os massacres foram realizados por lunáticos, que parecem ter sido recrutada especialmente para esta finalidade. O mais notório dos assassinos em massa foi um Carrier, disse que estava a ser objecto de desmaios freqüentes, caindo no chão, espumando pela boca, e uivos e tirando a todos como um animal. Ele tinha um desejo obsessivo de torturar e matar crianças pequenas, assim como seu assistente, o corcunda Durel, um maníaco homicida que tinha prazer em matar crianças por várias vezes perfurando seus corpos com paus afiados. Estes dois loucos arrebanhados mais de quinhentos meninos e meninas camponesas em um campo fora de Nantes, onde eu hey clubbed-los à morte, com o auxílio de desajustados, como eles próprios que se lançaram no abate. Carrier era famoso por ter inventado o Noyades infame no Loire. jangadas grandes vítimas foram submersos para o rio, fichas foram removidos, e todos a bordo morreram afogados. Cerca de seis mil pessoas foram mortas dessa maneira. Carrier também observaram os ritos do que veio a ser conhecido como "casamentos republicano." Homens e mulheres foram despidas, unidos como casal, e jogado no rio. Em attachait deux personnes les deux um de l'un et l'autre sexe, toutes tournees nuará y comme pour s'accoupler. Outro louco notório, Lebas em Arras, executado pela primeira vez III dos ricos, que caiu em suas mãos, para que ele pudesse aproveitar suas adegas e suas jóias. Ele, então, instalou-se um requisitado II mansão com vista para a praça da cidade. Quando não havia mais rico tinha de ser, ele começou a matar os pobres, dos quais havia muitos. Ele tinha-os espancado até a morte na praça, enquanto ele e seus amigos olhavam de cima, comemorando com delírios orgiásticos. Em Lyon, em 04 de dezembro de 1792, Fouché ordenou cerca de duzentos homens amarrados e abatido com metralha fora das muralhas da cidade. agente de Robespierre, Achard, foi um convidado nesta entretenimento, ele relatou aos seus superiores, "Que delicia você teria provado que você poderia ter visto justiça natural forjado canalhas, duzentos e nove Oh, que majestade O

tom sublime! ! Foi emocionante ver todos aqueles desgraçados mastigar o pó. cimento Que esta será para

a nossa República, realizada fora de portas no cofre da natureza! " O Lugar Bellcourt continha algumas das mais esplêndidas mansões na França. Eles haviam sido desenhado por Mansart. Fouché eles tinham explodido, um por um.

Um liberal visitando Inglês, Helen Williams, descreveu a guilhotina de vinte raparigas camponesas de Poitou depois de terem sido retirados da Conciergerie. Logo depois, Williams se foi jogado na prisão. O terror era genuíno, não havia nenhuma dúvida disso. Tampouco houve qualquer dúvida, como o Dr. Moore havia observado que ele estava sendo cuidadosamente projetados pelos políticos e financistas que pretende aproveitá-la. Especuladores derramado no da Suíça e da Renânia para lucrar com a regulamentação constante mudança emitidos pela Assembléia. Tendo conhecimento de tais medidas pela distribuição criteriosa de subornos, os especuladores realizaram lucros enormes. O clima de terror, foi aumentada pela presença de espiões em toda parte;

78

agentes privados que trabalham para mestres invisíveis; informantes do governo, os espiões de todas as facções, e todo o demente tricteuses, vestida de trapos, que muitas vezes sentado na frente da guilhotina, gritando de alegria por cada cabeça que rolou na sarjeta, e constantemente gritando por mais e mais sangue. Os massacres foram cuidadosamente organizado pelos Comitês Revolucionários, cujos membros foram escolhidos seletivamente pelos clubes Jacobinos. Os jacobinos foram, todos, maçons. Durante o Terror, a população da França foi 650 mil, a Guarda Nacional só tinha cerca de 125.000 membros, e houve seis mil membros dos Clubes Jacobinos. Una Bush, em seu importante trabalho, "Sociedades Secretas ea Revolução Francesa", escreveu, "O barrete frígio dos Illuminati tornou-se o arnês da população durante a Revolução Francesa, as fantasias meio mística das lojas tornou-se a hábitos do cotidiano vida ". Aqueles que não eram membros das lojas maçônicas não tinha idéia de como comportar- se, ou mesmo como sobreviver, somente os maçons aproveitaram e dirigiu todos os aspectos da Revolução. Na execução de Luís XVI em 1793, um pedreiro de idosos mergulhado as mãos no sangue real, dizendo: "Eu batizo-te em nome da Liberdade e Jacques". Esta foi uma referência para o Grão- Mestre, Jacques de Molay, que havia sido imolado pelo rei Filipe, o Belo. Vingança foi agora tinha. Muitos dos atos cometidos durante a orgia de terror desafiam a crença. O destino da princesa de Lamballe, um aristocrata, agradável de meia-idade que tinha fugido da cidade, era típico. Impulsionada pela fidelidade à sua senhora, Maria Antonieta, ela retornou a Paris para administrar a sua senhora. A princesa foi imediatamente apreendido pela multidão, publicamente estripado e suas partes íntimas desfilaram pela cidade, como troféus da vitória da Revolução! Após o assalto à Guilerriers, um jovem aprendiz caiu nas

mãos da máfia. Uma panela grande foi buscado, e um fogo construídas sob ela. Ele então foi frito em manteiga, após o qual os revolucionários desfrutou de uma festa. Os cemitérios de Paris, tornou-se a cenas de orgias noturnas, muitos deles ritos místicos que não tinham sido vistas na terra desde a destruição do Templo de Baal. Sepulturas foram rasgados, e os restos usado em ritos diabólicos. Tudo isso tivesse acontecido, porque o povo da França eram ignorantes da maldição de Canaã, ea Vontade de Canaã. Esses horrores, que foram além da imaginação de qualquer pessoa em sã consciência, foram perpetrados por causa da natureza satânica dos cananeus, que aproveitou todas as oportunidades para

saciar sua paixão por sacrifícios humanos e canibalismo.

A base ideológica para essas atrocidades foram

consagrados pela Assembléia Nacional em 26 de agosto de 1789, que aprovou formalmente a Declaração dos Direitos do Homem. Isto levou diretamente a formação do Tribunal Revolucionário, criado 10 de

março de 179 e, em seguida, que instituiu o Comité de Segurança Pública. A comissão inicial era composto por nove homens, que mais tarde foi aumentar para doze, e foi liderada por Marat. Ele começou a usar o Comité para destruir seus principais oponentes na Assembléia, os girondinos. Em 01 de novembro de 1793, que decapitou 21 deles em um dia. Os girondinos representavam a principal região de Bordeaux, um jovem daquele bairro, que era de boa família, Charlotte Corday, em particular resolveu vingar seus amigos. Por causa da agonia de sua pele se deteriorando, Marat agora passou a maior parte de seu tempo em uma banheira. Corday aproximou-se dele lá e esfaqueado. Ela foi julgado e executado no mesmo dia. funeral de Marat foi transformado em mais uma orgia babilônica, na qual grandes quantidades de incenso eram queimados e as pirâmides de papel simbólico, representando a sua filiação maçônica, foram vistos por toda parte.

79

Marat foi sucedido por dois outros arquitetos do Reign of Terror, Danton e Robespierre. Eles também

estavam prestes a ser destruída pelo monstro que tinha desencadeado sobre a nação. Um grande Festival da Razão foi realizada na Catedral de Notre Dame. conta Mercier descreve "a dança multidão enfurecida diante do santuário e uivando o Carmagnole (a canção da Revolução) Os homens não usava bermudas

(sans-culottes); ..

o pescoço e os seios das mulheres estavam nuas Em seu turbilhão selvagem, imitava os

redemoinhos, o precursor das tempestades, que assolam e destroem tudo o que está em seu caminho. Na

escuridão da sacristia, eles caíram nos desejos abominável que tinha sido aceso neles durante o dia

.... multidão gritou para culto da Virtude que, em vez de escravo judeu e sua mulher adúltera, da Galiléia, sua mãe. " Blasfêmia foi o marco da Revolução, não apenas a fúria que provocou o abate de centenas de sacerdotes, mas também o desejo de prejudicar e difamar o que era maior que eles. Na Convenção Clootz, um ateu militante, um Hebertist, declarou: "Um homem religioso é um animal depravado. Ele lembra que esses animais são mantidos para ser cortada e assada em benefício de comerciantes e açougueiros." Após a morte de Marat, Robespierre atingido seu pico de potência, sendo nomeado Presidente da Convenção. Para comemorar sua ascensão, ele organizou uma grande festa, o Festival do Ser Supremo, em 08 de junho, alegando que isso significava o renascimento de Deus. Em "A Vida de

a

Robespierre," G. Renier escreve: "Em 28 de julho de 1794, Robespierre fez um longo discurso diante da

Convenção

uma philippic contra ultraterrorists

proferindo vagas acusações de carácter geral." Eu

... não me atrevo nomeá-los neste momento e neste lugar. Eu não posso pôr-me na totalidade para dilacerar o véu que cobre esse profundo mistério da iniqüidade. Mas posso afirmar mais positivamente que entre os autores deste enredo são os agentes desse sistema de corrupção e extravagância, o mais poderoso de todos os meios inventados pelos estrangeiros para a ruína da República. Quero dizer aos apóstolos impura do ateísmo e da imoralidade que está na sua base. " "Comentários Renier," Se ele não tivesse dito estas palavras que ele ainda poderia ter vencido! " Porque ele ameaçou expor os iluministas por trás da

....

Revolução, Robespierre tinha condenado a si mesmo. Naquele exato momento, seu rival e arqui-inimigo mortal, Fouché, foi a aprovação da lei de 22 de Prairial, que o disposto no artigo 16 "sem defesa para conspiradores". Na Assembleia de 9 Termidor, Robespierre não era permitido falar, ou para defender-se contra seus acusadores. Logo depois, ele foi preso no Hotel du Ville. Na luta que se seguiu, ele foi baleado no maxilar. Ele foi arrastado para a Conciergerie, ainda adornado em seu traje para o Festival, um casaco azul-celeste e calções junquilho. Vinte e dois dos seus apoiantes foram executado pela primeira vez e, depois, o próprio Robespierre foi conduzido à guilhotina. Antes de jogá-lo para baixo antes da guilhotina, o carrasco famosos, Sansão, deliberadamente rasgou a bandagem da mandíbula de Robespierre. Espectadores disse que ele gritou como um animal abatido antes que a lâmina desceu misericordiosamente. O terceiro líder do Reign of Terror, Danton, também foi logo levada para a guilhotina, e Paris começaram lentamente a voltar ao normal. A reação inevitável, que foi chamado o Terror Branco, logo começou. Isso culminou na famosa 18 de Brumário, a data já com ódio e raiva pelos revolucionários desde então. No 18 Brumário, Napoleão assumiu o poder, ea Revolução acabou.

80

Um desenvolvimento posterior da Revolução Francesa foi o desencadear sobre o mundo de uma nova fórmula para o controle da humanidade, as ciências sociais. Esta técnica foi desenvolvida por um aristocrata presa, conde de Saint-Simon, durante sua prisão no Luxemburgo. Enquanto aguarda julgamento, ele divertiu-se através do desenvolvimento de sua visão de um novo sistema social, aquele que seria desenvolvido puramente em princípios científicos, em vez de realidades políticas. De seu conceito veio todo o sistema socialista de "bem-estar social", que provou ser uma ferramenta necessária para impor o socialismo com os governos de muitos países. O terror tinha oferecido uma grande oportunidade para os cananeus para saciar seus desejos desumanos. Eles agora odiava Napoleão com toda a paixão de que eram capazes, porque ele havia levado os seus encantos. Depois de sua queda, que fez com que ele foi envenenado lentamente até a morte com a administração de arsênico em sua comida. Isto foi provado cem anos depois de cinqüenta por exame de seu cabelo, que mostraram grandes concentrações de arsênico. O veneno foi administrado a Napoleão na ilha de Santa Helena por um agente de confiança dos Rothschilds. Para satisfazer ainda mais seu desejo de vingança, esses conspiradores mesmo depois assassinou seu filho, o Duque de Reichstadt. Foi o duque de Brunswick-se (conhecido como "Aaron" no Illuminati) que entregou a última palavra sobre a Revolução Francesa: "Uma seita secreta que trabalha dentro da Maçonaria tinha trazido sobre a Revolução Francesa e iria trazer, e seria a causa da todas as revoluções futuras. " Monsenhor Dillon,

escrito em 1885, ofereceu um outro comentário: "Mas as doutrinas subversivas da ordem Grand pode ter sido e, sem dúvida, foi-não foi a Maçonaria em si, mas o Iluminismo, que organizou o movimento de que a Revolução Francesa, mas foi a primeira manifestação ". O grande historiador francês Hippolyte Taine, escreveu: "Liberdade, igualdade, fraternidade quer que as grandes palavras com que a Revolução foi ornamentada, era essencialmente uma transferência de propriedade!". A conclusão bem sucedida das Guerras Napoleônicas encontrados os Rothschild no controle inconteste de que a propriedade. Eles mantiveram o Congresso de Viena para comemorar seus grandes vitórias. Von Gentz, secretário príncipe Metternich, destacou que nunca houve realmente um Congresso de Viena, os Rothschilds apenas ditou a assinatura do Acto Final, em junho de 1815, para os quatro grandes potências. comentários Von Gentz, "O verdadeiro propósito do Congresso foi a divisão entre os vencedores, os despojos retirados dos vencidos". O Congresso de Viena foi formalmente dirigida por Lord Castlereagh, Ministro dos Negócios Estrangeiros da Grã-Bretanha, e seu meio-irmão, Lord Charles Stewart, que servia como embaixador plenipotenciário para Viena. Lord Aberdeen, Lord Cathcart, e Lady Burghe, uma sobrinha do Duque de Wellington, também representou a Grã-Bretanha. Princesa Thurn und Taxis organizados encontros noturnos em sua sala de estar entre Talleyrand e do Czar da Rússia. Durante estas reuniões, Talleyrand rotineiramente traiu o povo francês. Quase todos os royalties da Europa esteve presente em Viena para o Congresso. Eles se reuniram na casa de ópera para um concerto especial de Beethoven, que ele conduzia.

81

Como a Inglaterra era a potência vitoriosa, a supremacia mundial do poder naval britânico foi aceito sem questionamentos por parte dos membros do Congresso. Uma parte importante do negócio foi a passagem de Atos em 20 de março e 29 de março de 1815, que permanentemente garantida a neutralidade suíça. Esses atos não só garantiu que a Suíça continuará a ser a nação onde as revoluções do mundo poderia ser desenhada, mas também que os ganhos ilícitos dessas revoluções seriam garantidos cofre e seguro de ser recuperados pelas vítimas dos roubos. Lord Castlereagh depois dirigida à Câmara dos Comuns no presente relatório sobre o Congresso: "O Congresso de Viena foi quente montada para a discussão de princípios morais, mas para grandes efeitos práticos, estabelecer disposições eficazes para a segurança geral." Uma dessas medidas foi Nathan Mayer Rothschild criação de uma Comissão Especial alemão, o Congresso

Nacional para elaborar uma concessão de direitos aos judeus alemães. Esta disposição foi inserida na lei

final, que foi então anunciado como o estabelecimento de "equilíbrio na Europa," a doutrina famoso mais tarde conhecido como "o equilíbrio de poder". Na verdade, a inteligência britânica, liderada por Lord Shelburne, operou toda a revolução francesa de Londres como uma trama maçônica para livrar a Inglaterra do seu rival mais antigas e históricas. Depois de 1815, eu nunca França novamente montado qualquer ameaça à hegemonia britânica. Não foi um equilíbrio de poder em todos, foi o triunfo do sistema hegeliano. Os Bourbons havia se tornado uma família governante fraco e ineficaz: Lord Castlereagh formalmente restaurado ao trono no Tratado de Paris, apenas porque seria um fator importante que contribui para a fraqueza futuro da França. Castlereagh, Marquês de Londonderry, foi hoje considerado o político mais poderoso do mundo. Ele era neto do Senhor Camden, que, com Lord Shelburne, haviam emprestado grandes somas para primeiro-ministro britânico, William Pitt, depois, eles foram capazes de controlá-lo para seus próprios fins desonestos. Lord Shelburne, William Petty, foi denunciado por Edmund Burke como "um Catilina ou Borgia na moral", que foi, sem dúvida, verdadeiro. Henry Kissinger abertamente modelado suas próprias técnicas diplomática sobre os de Lord Castlereagh. Em seu livro "Um antigo do Mundo", que ele dedicou a McGeorge Bundy (da Irmandade da Morte), Kissinger escreveu: "Há duas maneiras de construir uma ordem internacional, por vontade ou por renúncia;. Através da conquista ou por legitimidade" O "mundo restaurado", ao qual dedicou a sua carreira de Kissinger era, naturalmente a continuação do Mundo Rothschild Ordem que tinha sido criado no Congresso de Viena. Seu ídolo, Lord Castlereagh, aparentemente tinha algumas dúvidas sobre as consequências da sua diplomacia. Ele voltou para Londres a partir de Viena acreditar que tinha conseguido uma grande vitória pessoal, tanto para si próprio e para seu país. Em posterior análise dos resultados reais do Congresso de Viena, ele percebeu tardiamente que tinha entregado todo o continente da Europa nas mãos dos Rothschild. Em 12 de agosto de 1822, ele teve uma audiência emocional com o rei George IV, informando-lhe: "Senhor, é preciso dizer adeus à Europa." Ele então foi para casa e cortou sua garganta, cortando sua artéria com um pequeno

canivete. Esta história tem muito mais interessante hoje significado. A principal parceiro dos Rothschilds em sua roda todo o mundo e tratar de ser o financiador, Sir James Goldsmith. Ele é casado com a filha do Marquês de Londonderry presentes, o descendente de Lord Castlereagh. Este é o terceiro casamento de Goldsmith. Casou-se primeiramente Patino Isabel, herdeira da fortuna de lata grande, quando ela tinha apenas 20 anos de idade.

82

Ela morreu misteriosamente. Goldsmith, em seguida, se casou com a sobrinha do conde de Paris, o Bourbon pretendente ao trono da França. Ele se casou com um descendente de Lord Castlereagh. Nos quarenta anos desde Mayer Amschel convenceu o eleitor de Hesse, para deixá-lo investir sua fortuna (o dinheiro pago a ele pelo rei George III para os mercenários de Hesse, que foi concebido para esmagar os revolucionários americanos e manter o controle sobre as colônias americanas), os Rothschilds tinha percorrido um longo caminho. Eles tinham apostado dinheiro do eleitor em uma fortuna no mundo dos seus próprios. Até aquele golpe de sorte, eles tinham sido de modo algum, a família mais importante na hierarquia da agiotagem Frankfurt. Houve um considerável contingente judaica em Frankfurt no Meno desde 625 dC Em 1265, foi assinado um convênio que permitiu que eles ficassem. No entanto, em 1614, o Judengasse foi demitido. Alguns 1390 judeus viviam lá na época. Em 1615, os portões do Judengasse tinha sido colocado com o aviso, "Sob o Império Romano Majestade e da Defesa do Santo Império Romano". Em 1715, havia cerca de 415 famílias no Judengasse, dos quais 109 eram agiotas e também fizeram 106 revendedores de hardware, as demais famílias estavam envolvidos em roupas de segunda mão ou empresas de frutas. Das doze famílias mais ricas lá em 1715, a Speyers foram os mais ricos, com uma fortuna de 604 mil florins, em seguida, veio o Goldschmidts, o Wertheimers, a família Haas, etc Não. quatro da lista foram os Rothschilds, com 109.375 Florins. Exatamente cem anos depois, os Rothschild eram os senhores da Europa, ditando os termos no Congresso de Viena. Eles, então, solicitou uma pelagem nobre de armas com coroa real l, caracterizando o Leopard da Inglaterra e do Leão de Hesse. Este pedido foi negado em 1817, mas t após uma tremenda pressão financeira foi exercida sobre o governo, que finalmente foi concedida em 1822. No ano seguinte, os Rothschild assumiu todas as operações financeiras da Igreja Católica em todo o mundo. Do chefe da família, Sir Nathan Mayer Rothschild, o Dictionary of National Biography observou: "A influência de sua empresa ea si mesmo em comparação com a do Banco da Inglaterra, após a morte do senhor Moisés Montefiore Rothschild pode quase ser dito para ele o geralmente admitidas, líder dos judeus do mundo. " O sucesso da Revolução Francesa, que era realmente um golpe de Estado, foi devido à reorganização dos maçons na França. O original em francês Lodge tinha apenas três graus, a 33 graus do Antigo e Aceito Rito Escocês, os graus revolucionária, foram introduzidas, o que garantiu o sucesso da conspiração. Depois da Revolução, o Supremo Conselho da Ordem em geral se reuniram em Paris. A Loja judeu de Frankfurt, Aurore L 'Naissante, a Dawn Rising, havia sido autorizada pela Grande Loja de Paris em 1808. O Rito Escocês sempre datas de seus documentos oficiais no mês hebraico. Em 18 de setembro de 1885, o Boletim do Grande Oriente da França chamou abertamente a destruição da Igreja Católica. Em 1886, o Congresso Internacional do Grande Oriente continuou a chamar a braços com o grito de guerra "Guerra de Deus!" O campo de batalha político da maçonaria foi então concentrada na Itália, daí o apelo para a guerra contra a Igreja Católica. Não houve revolução subseqüentes italiano, como havia ocorrido em outros países, nomeadamente França, porque a área era muito difusa, o único inimigo central da Itália foi o poder da Igreja. O italiano "libertadores", Mazzine e Garibaldi foram os líderes maçons nas Lojas. Aqui, novamente, eles eram apenas de executar as instruções da Inteligência Britânica. Foi nada menos do que um personagem Lord Sackville que tinha introduzido a Maçonaria em Itália, em 1733. A influência

britânica foi dominante quando Lord Palmerston, com o apoio de Cavour, orientou os "libertadores" em

sua

83

captura

de

Roma

ea

sua

sujeição

ao

Papa

preso.

A ascensão ao poder na França de Luís Napoleão, mais tarde conhecido como Napoleão III, foi um triunfo dos conspiradores mais cananeu. Luís Napoleão tinha nascido para Rainha Hortense em 1808. Sua residência em Paris foi também a sede da Casa de Rothschild, que mais tarde se tornou a residência privada de James de Rothschild, o edifício foi demolido em 1968. Geral Spiridovich, uma autoridade no período, de forma inequívoca que era de conhecimento comum que Napoleão III era um Rothschild. Napoleão III também foi um membro conhecido da Carbonari, um grupo de nobres italianos que eram os líderes dos guelfos, ou nobreza negra, na Europa. A Alta Vendita era o Diretor Supremo das Carbonari, cujas encomendas tinham de ser obedecido sob pena de morte. Quando Luís Napoleão foi proclamado Imperador em 1851, os Carbonari agiu rapidamente para consolidar seus ganhos na Itália. Um grupo maçônico internacional liderada por Lord Palmerston, e que também incluiu Kossuth, Lemmi e outros, se reuniram em Londres em 1860 para planejar sua estratégia para aproveitar o controle absoluto na Itália. Quando Garibaldi ocupou Nápoles, um grupo de Maçons Inglês estava na mão para ajudá-lo. Apesar de sua origem cananéia, Napoleão III profundamente ofendido a ordem mundial, quando

organizou o golpe de Estado em dezembro de 1851 e tomou o poder na França. Para expiar sua falta de disciplina, seu filho, o Príncipe Imperial, depois foi assassinado. Nada menos do que uma pessoa Gambetta, ex-premier, cujo secretário foi Adolphe Cremieux fundador da Aliança Israelita Universelle, disse: "A morte providencial do Duque de Reichstadt [o filho de Napoleão I] tem sido a pena para Brumário [quando Napoleão I ] tomou o poder. Juro-lhe que, em Dezembro de 1851, golpe [Napoleão III d'] etat será punido também. " Em 1879, o Príncipe, então 23 anos de idade, participou de uma expedição britânica contra os zulus, porque ele tinha sido proibida na França. Ele desenvolveu uma febre misteriosa no barco para a África, mas se recuperou. Ele foi então atribuído a um assessor, o Tenente --------, um maçom, que mais tarde convenceu a ir onze milhas passado os limites do reconhecimento previsto, onde montaram acampamento. Quando o príncipe montou em seu cavalo (durante um ataque), a correia quebrou, tinha sido cortado pela metade, embora fosse uma pulseira de couro novo. Ele morreu de dezessete estocadas dardo do zulus. Adrien Paillaud reconta a história de "La Mort du Prince Imperial", Paris, 1891. Paillaud escreveu: "No momento da partida do príncipe de França para a Inglaterra, um maçom deputado republicano disse: 'Você nunca vai vê-lo [o príncipe]. Não tenho a pretensão de ser um profeta, mas, acreditem, a Prince vai ser morto em Zululand. O deputado foi um grande amigo de Gambetta Em 19 de maio de 1879, um jornal radical anunciou que o príncipe havia sido morto uma loja

maçônica no Cabo enviou palavra para Paris;

No entanto, naquele dia os Zulus não compareceu. Em

.. uma expedição mais tarde, o príncipe foi morto, em 01 de junho. Esta circunstância notável foi observado em um jogo de grande sucesso, "Tua esposa de Cláudio", de Alexandre Dumas, em Paris. O herói ', diz Daniel, "A Diáspora não dispersou nós, pelo contrário, alargou-nos em todas as direções Em "

conseqüência, enredam o mundo inteiro em uma rede, por assim dizer

..

84

Capitulo 6 – A Revolução Americana

A história dos Estados Unidos começa propriamente com a sua "descoberta" por Colombo em 1492, se ignorarmos as várias viagens que tinham sido feitas a esta terra, por aventureiros para alguns mil anos. O

rei Henrique VII outorgou as cartas patentes a John Cabot (um genovês chamado Giovanni Caboto) em 05 de março de 1646, e seus três filhos, Lewis, Sebastian, e Santius. O Cabots receberam o direito de possuir todos os Ruch "vilas, cidades, castelos e ilhas", que poderia descobrir. Cabot desembarcou em Labrador

02

de

maio

de

1647. Seus descendentes tornaram-se líderes importantes na Nova Inglaterra.

O primeiro corpo de leis para a nova terra, o Mayflower Compact, tinha sido assinado pelos passageiros no Maynower em 11 de novembro de 1620, como segue: "Em Nome de Deus, Amém Nós, cujos nomes são assumidos, o Loyal. Os assuntos do nosso receio Soberano, limão Senhor Rei, pela graça de Deus, da Grã- Bretanha, França e Irlanda, Rei, Defensor da Fé, & c. Tendo empreendido para a glória de Deus, e avanço

da fé cristã, ea honra de nosso rei e país, uma viagem a plantar a primeira colônia nas regiões setentrionais da Virgínia; Não pelos presentes, solene e mutuamente na presença de Deus e uns aos outros, a aliança e combinar-se em um órgão civil politick, para nossa melhor organização e conservação e promoção dos Termina já citados; e em virtude do mesmo não promulgar, constituem, ea moldura, como justa e igualitária, Atos, Portarias, Atos, Constituição e Escritórios, de tempos em tempos, como deve ser pensamento mais atender e conveniente para o bem geral da Colônia;. até que nós prometemos toda a submissão e obediência devida TESTEMUNHO temos hereunto subscrito nossos nomes em Cape Cod a 11 de novembro, no reinado do nosso Soberano Senhor Rei James de Inglaterra, França e Irlanda, no século XVIII e da Escócia, o quinquagésimo quarto. Anno Domini 1620. Assinado, William Mullins e outros.

"

85

Assim, o primeiro acordo jurídico ou constituição do Novo Mundo foi seguido em 1661 por uma declaração

de liberdades, de 10 de junho de 1661, no Tribunal Geral, que incluía: "2. O Gouvernor & Company, em consequência do pattent, um corpo politicke, de fato e de nome. 3. politicke Este corpo é investido de

poder para fazer homens livres

"A Declaração é um documento importante na história desta nação,

.... porque Ele anunciou que agora possuía o poder de soberania, que é, o direito de fazer os homens livres. Em 02 de outubro de 1678, os colonos corajosamente anunciou que "as leis da Inglaterra são delimitadas nos mares fower e fêmea não chegar à América." Das colônias, Virgínia foi dito pelo estudioso JR Pólo de

ser o mais parecido com a Inglaterra. Isso ocorreu provavelmente porque era o mais maçônico das

colônias. Foi governado a partir de Londres pelos Senhores do Comércio, anteriormente conhecida como a Câmara de Comércio, pela Companhia de Londres ea Companhia de Virgínia, e da lei pela qual foi excluída Admiralty lei. (P. 59, "Governo Real na América", Labaree Leonard Woods, Yale, 1930).

86

Em 1723, LL Drysdale governador da Virgínia, promulgada a 40 shillings imposto sobre cada escravo trazido para a província. Um protesto contra este imposto imediatamente levantou-se da principal traficantes de escravos Inglês, The Royal Africa Company, que consiste em "mergulhadores negociação comerciantes na África," o Sul Nun Company, Corp e Liverpool "os comerciantes Prefeito, Vereadores, e do antigo Corporation e leal de Liverpoo1 ". common law Inglês declarou nos tribunais; omitiu todas as provas a partir do registro. Foi esse espírito livre que vão dos colonos, muitos deles originários como refugiados huguenotes da França, que no início deu lugar ao medo em Londres que a nova terra poderia lilt provar ser uma província tractable do poder britânico. Desde o início, muitos dos colonos na América consideravam-se independentes, na realidade, se não politicamente. Londres foi uma presença faroff, e na maioria dos casos, os colonos foram deixados à própria sorte. O povo de Shem já tinha encontrado sua terra prometida, onde poderiam construir o tipo de civilização que requried, e onde se poderão criar as suas famílias, finalmente livre dos cananeus medo e da dependência de sacrifícios humanos e canibalismo.

No entanto, os cananeus não tinham perdido de vista sua presa, longe embora elas possam ser. Tinham a fórmula para controlar qualquer pessoas, a organização subversiva da Ordem Maçônica dos cananeus. A Encyclopaedia Judaica observa que Moisés M. Hays foi nomeado inspetor geral da Maçonaria norte- americana em 1768. Benjamin Franklin tinha sido Grão-Mestre em Filadélfia desde 1731. Hays logo trouxe do Rito Escocês para os Estados Unidos, introduzindo-a na Loja de Newport em 1780. A organização maçônica Franklin tinha sido autorizado pela Lafayette, que mais tarde apoiado Benito Juarez na Revolução Mexicana. Até o início do Rito Escocês, uma organização rival criada pelo duque D'Orleans, os banqueiros suíços, e da Inteligência Britânica, Franklin tinha sido o organizador-chefe maçônico nas colônias. Em 1785, aloja fiftheen dos Illuminati tinha sido criado na América. Eles eram liderados por um grupo de nova-iorquinos, que incluiu Clinton Roosevelt, Charles Dana, Governador DeWitt Clinton, e Horace Greeley. Roosevelt mais tarde escreveu um livro influente, "A Ciência do Governo, Fundada em causas naturais", que se tornou o livro didático para a implementação de programas Illuminati nos

Estados

Unidos.

A Revolução Americana diferem substancialmente das revoluções na França, Espanha e Rússia. Não era uma revolta local contra mestres opressivo. Pelo contrário, foi a aquisição da propriedade por aqueles que tinham trabalhado a desenvolvê-la, e que sentiram que não deve nada aos proprietários ausentes, a Coroa Britânica. A volta foi em grande parte livres das multidões, Reigns of Terror, ou as atrocidades geralmente associada com levantes cananeus Maçônica controlada. No entanto, o mesmo mestre da espionagem britânica, Lord Shelburne, que tinham fugido da Revolução Francesa a partir de Londres, agora artificial para colocar muitos dos seus agentes em posições cruciais entre os revolucionários americanos. Esses agentes apareceu na visita durante momentos críticos e foram apresentados como patriotas, capazes e audazes. Assim como os banqueiros suíços influenciou o Tribunal francês, colocando seu agente, o financiador Necker, em uma posição chave para precipitar uma depressão econômica, para o senhor Shelburne mantido um papel decisivo na manipulação das forças americanas durante a Revolução. O mais famoso deles foi Benedict Arnold, cujo nome é sinônimo de traição. Arnold era apenas

o oficial mais visível de uma rede muito maior do que havia sido fixado no local pela família Mallet- Prevost, o nome mais importante da espionagem da Suíça. Agostinho Prevost tornou-se Grande Steward da Loja de Perfeição, que foi criado em Albany em 1768. Salomão Bush tornou-se maçom vice-inspetor geral de Pensilvânia em 1781, e Abraão Forst de Filadélfia foi nomeado vice-inspetor geral de Virgínia em 1781. Em 05 de outubro de 1785, os registros maçônicos nota que "Irmão Agostinho Prevost, um Príncipe do Real Segredo, foi um visitante."

87

Em retrospectiva, vemos que os agentes Maçônica circular livremente e para trás entre os britânicos e as áreas controladas pelos americanos durante a Revolução. Durante uma batalha, um regimento de Inglês perdeu seus valores maçônicos. Estes foram prontamente devolvidos pelo general George Washington sob uma bandeira de trégua, e escoltado por uma guarda de honra. Após a batalha de Yorktown, em 1781, um grande banquete no qual foi dada britânicos, franceses, alemães e americanos sentaram-se todos os maçons e comemoraram juntos. A família Prevost em Genebra, na Suíça, foi um dos mais poderosos membros do Conselho de Governo de 200. A supracitada Geral Agostinho Prevost, Príncipe do Segredo Real, comandou as forças britânicas na América do Norte durante a Revolução, e seu irmão, Mark Prevost, foi o segundo no comando. Eles escreveram as ordens para o major André, que "correu" o Bento operação traição Arnold. Ser apanhado em flagrante, André, filho de um influente banqueiro suíço, não pôde ser salvo. Ele foi enforcado pelos americanos que o haviam capturado. traidor mais famoso da América, Benedict Arnold, passou os anos do pós-guerra confortavelmente na Inglaterra. filho do general Agostinho Prevost, Sir George Prevost, era o comandante das forças britânicas na América do Norte durante a Guerra de 1812. Ao final da guerra revolucionária, a maioria dos americanos acreditavam que tinham ganho a sua independência da Grã-Bretanha. Eles estavam agora livres para aperfeiçoar um instrumento de governo que garanta a eles e sua posteridade, para sempre a independência. O resultado da convenção do povo de

Shem foi a Constituição dos Estados Unidos, um documento incrivelmente simples, mas extremamente

abrangente. Ele garantiu-lhes a sua independência principalmente porque deliberadamente excluídos os cananeus da participação no governo. Foi um documento verdadeiramente racial, escritos por e para as pessoas de pele clara de Shem. As suas disposições foram expressamente desenhados para ser aplicável a mais ninguém. Porque foi escrito como um documento Shemitic, que tinha sido elaborado para assegurar a segurança das pessoas Shemitic, qualquer alteração futura ou diluição dessa "intenção original" da Constituição seria um ato anti-Shemitic. O objetivo principal da Constituição dos Estados Unidos era o de proteger os cidadãos livres de qualquer intromissão de um arbitrário, tirânico agência do governo, dos cananeus. A erosão gradual posterior dessas disposições da Constituição e sua alteração sutil para permitir e encorajar ataques contra os cidadãos livres dos Estados Unidos por um governo centralizado cananeus demoníaco, constitui uma agressão mais grave racial e religiosa contra os de Shem. Assim, todas as alterações posteriores desta Constituição, que foram promulgadas com esse propósito em mente, a forma de um ataque injustificado e flagrantes inspirado pelo desejo de cometer perseguição racial e religiosa, com a finalidade última do genocídio total do povo de Shem. Durante os 200 anos seguintes, todos os argumentos a favor e contra a Constituição, tal como apresentado em nossos tribunais, e mais particularmente, na Suprema Corte dos Estados Unidos, foram inúteis, porque eles se recusaram a menção explícita propósito da Constituição, a proteção do povo de Shem, vítima de perseguição racial e religiosa. Muitos estudiosos admitem abertamente que a Constituição foi escrita para limitar os poderes do governo, e para garantir as liberdades do povo, mas porque essas discussões nunca mencionar apenas que essas "pessoas" são, as discussões nunca se

aproximam da realidade. Certamente, a Constituição cita algumas de base "direitos", mas esses direitos só se aplicam ao povo de Shem. É impossível citar a Constituição em discutir os direitos dos papuas ou eslavos, pois este documento nunca foi destinado para tais aplicações. O que os cananeus conseguiram fazê-lo é deformar ou

88

esticar a Constituição dos Estados Unidos até a sua intenção original, que foi explicitamente expressa na sua língua, foi agora ampliada para abranger todos os povos do mundo, a nossa Constituição atual não é nada mais nada menos que a Carta das Nações Unidas , e é precisamente assim que os juízes norte- americana agora "interpretar" a Constituição. Cada essa interpretação não é apenas um ato de alta traição, mas é também um ato de agressão contra o povo de Shem. As Constituições estaduais também foram explícitos na sua dedicação à religião cristã do povo de Shem. A Constituição da Carolina do Norte, 1776, exigiu, "Essa pessoa não deve negar que o Ser de Deus ou a verdade da religião protestante ... deve ser capaz de ocupar qualquer cargo ou lugar de confiança para o lucro." Esta disposição continuou em vigor até 1830. A Constituição de Delaware, em 1776, estipula que "Cada funcionário público teve que declarar a fé em Jesus Cristo." A ratificação da Constituição dos Estados Unidos foi logo seguido pelo primeiro de uma longa série de tentativas de subvertê-la. Esta foi a Conspiração Edwardean, chefiado por Timothy Dwight, presidente de Yale. Os conspiradores eram clérigos calvinistas e professores, isto é, Cromwellians, semelhantes às que tinham cometido o regicídio na Inglaterra e decapitou o Rei Carlos I, e agora se propõe a fazer pouca atenção da nova República. Eles foram ajudados por políticos venais, que eles facilmente controlada por meio de suborno e chantagem. Este lote teve como objetivo a anulação da Primeira Emenda. Pelo suborno e pela intriga, que pretendiam estabelecer a igreja calvinista como oficialmente autorizado, e subsidiada pelo governo, a religião de cada estado. Temos apontado anteriormente que o fundador desta religião, cauim, ou Cohen, tinha criado uma autocracia teológica na Suíça que imediatamente preso ou morto alguém que se atreveu a criticar os seus actos de opressão. Cauim tinha então exportados esta "religião" diabólica para a Inglaterra, onde os seus excessos devastou todo o país. «A Conspiração Edwardean foi exposta por um clérigo anglicano, Rev. John Cosens Ogden, que publicou na Filadélfia, em 1799 os resultados de suas descobertas," Uma Visão da Nova Inglaterra Illuminati, que estão incansavelmente empenhados em destruir a religião e de Governo da Estados Unidos ". Embora este livro apareceu pela primeira vez em 1799, poderia ser republicado hoje com praticamente o mesmo texto. Ele só precisa ser atualizado, incluindo os nomes dos conspiradores atual. Sabemos o nome de Timothy Dwight como um dos três organizadores da Trust Russell na Universidade de Yale, também conhecida como Skull and Bones, ou a Irmandade da Morte. A mesma faixa pequena de conspiradores figurou em cada plano para destruir a República americana. A exposição dessa conspiração não impediu que os golpistas, que logo seguiu com outro, o Essex Junto de 1804-1808. Os principais conspiradores eram nascidos em ou perto do Condado de Essex, Massachusetts, daí o nome da trama. Eles trabalharam em estreita colaboração com agentes da inteligência britânica em Boston para provocar a secessão dos estados da Nova Inglaterra a partir dos Estados Unidos. Estes Judas havia abatido, os revolucionários-bomba, pois eles estavam do comerciante e líder famílias de banqueiros de Nova Inglaterra. Seu líder era o senador de Massachusetts, George Cabot, um descendente direto da Cabot genovês que tinha sido encomendado pelo rei Henrique VII, e que tinham desembarcado em Labrador quase dois séculos anteriores, outros conspiradores foram juiz John Lowell, ancestral da família Bundy, da Ford Fundação e outras agências principais, o Higginsons, Pickering, Parsons, e Juiz Tapping Reeve, de Litchfield, Connecticut, que passou a ser o irmão de Aaron Burr-de-lei. A conspiração tinha sido alimentada pelos esforços de um dos principais agente da inteligência britânica, Sir John Robinson, que trabalhou em estreita colaboração com a rede de Aaron Burr. Depois que o presidente Thomas Jefferson foi informado dos detalhes da Junto Essex, os malfeitores relutantemente abandonou seu sonho de uma ruptura precoce da União, e depois se dedicaram a uma estratégia de longo alcance, que culminou com a

Guerra Civil.

89

O Serviço Secreto de Inteligência britânico havia sido financiado por Lord Shelburne para promover os interesses da Companhia das Índias Orientais, o Banco da Inglaterra, da qual tornou-se a rede de inteligência primária, o bancário famílias Esperança e Baring, e seus aliados da Suíça, os banqueiros Prevost e de Neuflize. Os seus apoiantes mais capazes, nos Estados Unidos foram John Jacob Astor e Aaron Burr. Astor era o tesoureiro da Grande Loja de Nova York, 1798-1800. Em 1800, foi dado entrada livre em todos os portos do mundo, que a Companhia das Índias Orientais tinha trazido sob o seu controlo. Isso lhe deu uma enorme vantagem financeira sobre os seus concorrentes. No retorno para este tratamento favorável, ele forneceu o suporte financeiro para a trama para substituir o presidente Thomas Jefferson, com Aaron Burr, depois de Jefferson expôs o enredo do Junto Essex. Durante a Guerra Revolucionária, Burr havia trabalhado como agente duplo, elaboração de relatórios diários para as forças britânicas de West Point. Burr mais tarde tornou-se advogado para os interesses Astor, a elaboração de seus contratos e fazer um trabalho comercial para a Companhia das Índias Orientais. Ele rotineiramente fixa as eleições na região de Nova York por meio de suas conexões com as lojas maçônicas. Ele fundou a Sociedade de São Tammany em Nova York em 1789. Foi criada

simbolicamente com treze tribos, cada um dos quais tinha um Sachem Grande, na sua cabeça, toda a rede foi supervisionado por um Grand Sachem na sede. Este se tornou o famoso - ou infame - Tammany Hall, que controlava a estrutura política da cidade de Nova York por muitos anos, repleto de corrupção e favorecimento. Ele nunca foi nada além de uma filial das lojas maçônicas, das quais foi organizada na imitação aberto. O chefe dos maçons, em Nova York em 1783 tinha sido rand Mestre William Walter, um general do Exército Britânico. Com a retirada das tropas britânicas, ele voltou sua liderança sobre a Robert Livingston, cuja família ligações incluídas as borras de Virgínia e do Shippens de Filadélfia (que foram destaque no escândalo de Benedict Arnold, Arnold havia se casado com Peggy Shippen). Robert Livingston foi instalado como Grão-Mestre do New York Lodge, em 1884, seu irmão, Edward era prefeito de Nova York. Com estes poderosos aliados apoiá-lo nos bastidores, Burr foi capaz de concluir com êxito muitos negócios financeiros. Ele facilmente obtido um alvará para a Companhia de Manhattan, com seu propósito registado um plano para fornecer água para a cidade. Nenhum rede foram construídos sempre. Em vez disso, ele usou a carta para começar um banco, a Companhia de Manhattan. Este foi mais tarde incorporada pela empresa de investimento de Kuhn, Loeb, Co., de Nova York representantes dos Rothschilds. Hoje, é o Chase Manhattan Bank, o principal da fortuna de Rockefeller. Burr se tornou vice-presidente em 1801, com Thomas Jefferson, que foi presidente. Burr conseguiu convencer o presidente Jefferson para designar o banqueiro suíço, Albert Gallatin como secretário do Tesouro. Gallatin família eram proeminentes membros do Conselho de Governo de 200; seu primo não era outro senão o famoso Jacque Necker, cujas políticas financeiras havia precipitado a Revolução Francesa. Burr e galatin agora começou a implementar políticas que destruiria a jovem República. Eles distribuem subornos de ouro ao longo da fronteira para índios e renegados, de modo que o assassinato teria os colonos; Gallatin, então, deliberadamente provocaram a Rebelião do Uísque, a primeira insurreição contra o governo. Em 11 de julho de 1804, Burr disparou Andrew Hamilton em Weehawken, New Jersey. Ele então teve que fugir de New York.

90

John Jacob Astor lhe deu 40.000 dólares para ajudá-lo em seu caminho, e mais tarde acrescentou mais US $ 70.000; estes eram enormes somas de dinheiro na época. Burr fugiu para Filadélfia, onde conferenciou com o Coronel Charles Williamson da Inteligência Britânica. Duas cidades, em Nova York, e Williamson Williamson Oriente, são nomeados após este agente britânico. Esta conferência resultou em uma carta do embaixador britânico Anthony Feliz para o escritório de Londres: "Acabo de receber uma oferta de Burr, o atual vice-presidente dos Estados Unidos, para emprestar seu apoio ao Governo de Sua Majestade, em qualquer processo em que que julgar convenientes para empregá-lo, especialmente no esforço para concretizar a separação da parte ocidental dos Estados Unidos a partir de aquilo que está entre o Atlântico e as montanhas, em toda sua extensão. A sua proposta sobre este assunto será totalmente detalhadas para o seu senhorio pelo coronel Williamson, que foi o portador deles para mim, e quem vai embarcar para a Inglaterra em poucos dias. " Este documento surpreendente foi descoberto muitos anos mais tarde pelo historiador Henry Adams. É uma das evidências mais impressionantes de alta traição por um funcionário eleito dos Estados Unidos, que jamais apareceu em qualquer registro. Foi escrito em 04 de agosto, um mês após o assassinato de Alexander Hamilton. O plano britânico para a criação de uma nação à parte ocidental, em concorrência com os Estados Unidos receberam um revés fatal quando Napoleão vendeu o território da Louisiana para os Estados Unidos. No entanto, o plano foi prosseguida por Edward Livingston, que havia sido dado $ 21.000 por John Jacob Astor ir à Louisiana, onde tornou-se Grão-Mestre da Loja de Louisiana. Burr foi posteriormente julgado por traição em Richmond, Virgínia. Seu advogado foi Edmund Randolph, ex-grão-mestre da Virgínia, o caso foi ouvido pelo juiz John Marshall, então Grão-Mestre da Virgínia. Embora a evidência esmagadora de culpa Burr foi apresentado, ele foi absolvido pela Justiça Marshall. Foi um dia de campo maçônico. Burr, em seguida, viajou para Londres, onde ele informou as autoridades aduaneiras, "As razões da minha visita são conhecidos por Lord Melville [Henry Dundas, chefe de operações especiais, a British Intelligence Service] eo primeiro-ministro Canning". Burr, em seguida, tornou-se um viciado em ópio, desfrutando dos prazeres do cachimbo com nomes como Jeremy Bentham e da família Jardine. cúmplice Burr, Edward Livingston, foi instalado mais tarde como Secretário de Estado pelo presidente Andrew Jackson, logo

depois, Livingston foi formalmente instalado como Grande Sumo Sacerdote dos maçons dos Estados

Unidos, o que levou o ex-presidente John Quincy Adams dirigir-lhe o seu famosas "Cartas sobre o tema da Maçonaria." Estas cartas observou que "os juramentos maçônicos de segredo tornou impossível para qualquer pessoa titular de um cargo de confiança pública." Lord Shelburne e os agentes do serviço britânico de inteligência secreto continuou suas conspirações contra a República dos Estados Unidos, auxiliados por aqueles traidores mais bem descritos no termo de Disraeli, "os homens determinados, da Maçonaria", homens cuja venda lealdade era para com a causa da restauração o Templo de Salomão, ea colocação da riqueza do mundo inteiro nele. Sua dedicação ao sigilo recebeu um recuo considerável, quando um dos seus membros, um capitão William Morgan desertou e publicou um livro descrevendo alguns de seus rituais secretos. Eles imediatamente o matou. O caso causou uma comoção nacional. Um partido anti-maçônico foi formado, que há alguns anos era chefiada por um congressista da Pensilvânia, Thaddeus Stevens, que mais tarde desempenharam um importante papel como chefe dos republicanos radicais no Congresso após a Guerra Civil. Na convenção nacional do Partido AntiMasonic em 1832, Stevens proferiu o discurso principal. Ele informou aos delegados reunidos que os maçons realizada a maioria dos postos políticos importantes nos Estados Unidos através da intriga. Ele denunciou a Ordem Maçônica como "um segredo, instituição vinculada juramento assassino que coloca em risco a continuidade do governo republicano."

91

Stevens legislação posterior patrocinado no legislativo da Pennsylvania, numa resolução de Inquérito, para investigar a conveniência de elaborar um membro da Ordem uma causa para o desafio peremptório em tribunal, quando uma e não duas entidades em um terno eram maçons. Ele teria excluído todos os maçons do júri no processo penal onde o réu era um pedreiro, e teria tornado ilegal por um juiz pertencente à Ordem de sentar em um julgamento em que um pedreiro estava envolvido. A resolução foi praticamente derrotado. Stevens, em seguida, patrocinou uma resolução exigindo que a Maçonaria seja suprimida, e garantiu um inquérito judicial para os males da Ordem. Ele falou em Hagerstown, Maryland, no propostition que "Sempre que o gênio da liberdade criou um povo livre, o primeiro objeto de sua solicitude deve ser a destruição da Maçonaria". Ele conseguiu eleger um governador anti-maçônica da Pensilvânia, mas após esta vitória, o vigor de sua cruzada anti-maçônico diminuiu, e ele gradualmente abandonado. O grande problema de qualquer adversário pública da Maçonaria, como Thaddeus Stevens, foi o grande segredo da Ordem, com penas de morte invocado para qualquer membro que violou sua agenda secreta ou suas lealdades internacionais. A partir do ano 1776, a Maçonaria tem sido um governo onipresente treasonably internacionais que operam de dentro dos Estados Unidos, e tem exercido esses poderes desde então. Por causa de seu sigilo, o adversário tem dificuldades insuperáveis em apresentar ao povo todas as informações detalhadas sobre as suas actividades conspirativas. Desde o assassinato do Capitão William Morgan, nenhum maçom americano ousou expor suas operações furtivo. O presente escritor tinha há cerca de trinta anos focados sobre as atividades conspiratórias dos principais banqueiros internacionais, sem perceber que regem todas as suas ações foi o seu envolvimento primário e compromisso com a Maçonaria. Só a descoberta da Maldição de Canaã, ea Vontade subseqüentes de Canaã, forçou este escritor à conclusão de que por trás de cada relutantes conspiração financeira foi a penhora demoníaco para um culto satânico, que se manifestou através das operações da Maçonaria. Os emblemas deste culto estão corajosamente estampada no Grande Selo dos Estados Unidos e em nosso notas da Reserva Federal (dívidas não pagas do povo americano). As palavras "Annuit Coeptis" anunciar o nascimento do "Novus Ordo Seclorum," Nova Ordem. Os cananeus sequer se apropriou da Grande Pirâmide de Gizé, construída por Shem, como seu emblema. No entanto, para demonstrar que ainda não colocada em operação as fases finais da conspiração, eles mostram o topo da pirâmide em falta, indicando que "a palavra perdida" da Maçonaria ainda é ausente. O "olho" representa o Grande Arquiteto do Universo, um conceito cabalista, é dentro de um triângulo, que é o símbolo da magia. Os treze passos referem-se a Satanás, Belial, e rebelião, que gematria cabalística atribuir às treze colônias, treze faixas, treze folhas de oliveira, treze flechas sobre o selo, e os treze letras de "E Pluribus Unum", todos os que enfatizam a importância do número treze, em qualquer empresa que é controlada pela Maçonaria. Ele lembra-lhes a sua guerra contra Cristo e seus doze discípulos. A águia é representado como o símbolo de Roma, o inimigo histórico dos cananeus, a quem eles nunca se pode esquecer, o adversário que arrasou o seu capital, Cartago, e que procurou controlar sua bestialidade, através da administração de leis (fasces). Conseqüentemente, todos os maçons devem ser vigorosamente anti-fascista, ou seja, eles devem colocar-

se contra o Estado de Direito. A águia tem nove penas da cauda, representando a Inner Circle do Nine in the Illuminati, e também o número de graus do Rito de York, a treze estrelas representam o Selo de Salomão. O Grande Selo, que está repleto com esses símbolos da Maçonaria, foi projetado Benjamin Franklin, Thomas Jefferson, Churchill, e Houston, os quais eram maçons. A águia-direita tem trinta e duas penas, o número de graus comuns no Rito Escocês, o ala esquerda tem trinta e três anos, a penas adicionais que simboliza o grau 33, que é conferido pelo excelente serviço prestado à Maçonaria.

92

Para detalhar todos os símbolos maçônicos com a qual o grande selo é abundante exigiria mais espaço do que precisamos dar, esses significados esotéricos escondidos mostram que o número total de penas nas duas asas da águia é sessenta e cinco, na gematria, este é o valor da expressão hebraica "inhame yawchod", "em união", que é citada no Salmo 133:1. "Eis que quão bom e agradável que os irmãos vivam em união!" As estrelas de cinco pontas representam os Maçônica Estrela Ardente e os cinco pontos de comunhão. O Olho Que Tudo Vê tem um valor cabalístico de setenta e mais três, mais de duzentos, o valor da frase "Habonim Mosu eben", "a pedra que os construtores rejeitaram", que é familiar a todos os

Maçons do Real Arco, mas também representa o valor de Hiram Abiff, o arquiteto do Templo do Rei Salomão.

93

Capitulo 7 – A Guerra Civil

A Guerra Civil foi o mais trágico derramamento de sangue do povo de Shem registrada na história. Este povo, refugiados religiosos opressores cananeus e os massacres na Europa, conseguiu estabelecer nos Estados Unidos a sociedade mais produtiva do mundo. Sua Constituição tinha desencadeado os grandes

talentos deste povo a fazer a obra de Deus nesta terra. É claro que o povo de Satanás, os cananeus, foram lívida de ódio e inveja. Se há uma paixão que a América sempre animado do mundo, é a paixão da inveja. Os Estados Unidos foram os mais admirados nação do mundo, porque a Constituição garante aos cidadãos o direito irrestrito jurídico da liberdade pessoal, algo que nenhuma outra nação poderia oferecer ao seu povo. Nos Estados do Sul, o povo de Shem tinha esculpido a partir do deserto plantações produtivas e imponentes casarões, construídos na tradição grega Neoclassicismo, e expressando sua convicção de que esta era a única maneira que eles quisessem viver neste terra. Como os gregos antigos, o povo de Shem tinham escravos para atender suas necessidades diárias, os descendentes de Canaã, em quem a maldição de Canaã tinha sido pronunciada, e que os entregou a esse estatuto. Apesar dos esforços do povo do Shem para manter seus escravos em um ambiente saudável e confortável (do ponto de vista econômico por si só, esta foi uma exigência absoluta, porque a maior parte do seu capital operacional foi investido neles), a existência destes escravos tornou-se seu calcanhar de Aquiles, que os cananeus habilmente utilizado como arma para montar um ataque contra eles. Havia muitos registros contemporâneos que comprove o tratamento amável dos escravos, como as observações de Samuel Phillips Dia, correspondente especial da Morning Herald Londres, que escreveu: "No domingo, 8 de junho de 1861, em Asheville, Kentucky, eu levei um disco com alguns amigos Juiz de minha surpresa, leitor, quando eu encontrei quase toda a população negra no exterior;.! algumas ruas desfilando, e outros passeios em carruagens sobre Eles estavam vestidos de modo showily e tão bem, e parecia tão feliz e contente, que eu era praticamente obrigado a exclamar: "Certamente essas pessoas não são escravos!" A resposta foi: "Certamente que são." Algumas das mulheres usavam xales de renda e relógios de ouro e olhou (somente para sua cor), como Londres duquesas ir a uma bola. Os homens também estavam bem

vestidos. Refleti um pouco sobre a condição dos trabalhadores britânicos e costureiras de Londres

contraste era doloroso demais para habitar sobre

. O pensamento passou pela minha mente que não

Samuel Phillips comentários do dia foram bem tomadas, mas é duvidoso que qualquer fazendeiro do sul teria tratado os escravos tão mal quanto o trabalhador britânico médio foi tratado por seus proprietários brutal nobreza negra e operadores de fábrica. Não foi por acaso que o comunismo mundial, fabianismo, e outros remédios desesperados não nasceram na senzala do Sul, mas em bairros populares de Londres e Manchester. No entanto, o cotidiano dos escravos no Sul, como observado por muitos viajantes, foi obscurecida por todo o tempo pela promoção implacável de um único livro, de Harriet Beecher Stowe

"Uncle Tom's Cabin". Ainda hoje, qualquer preto que se atreve a dizer que talvez nós não estamos tão mal quanto nossos irmãos nas selvas da África é vaiado como "Tio Tom".

94

Somente a guerra até a morte é recomendado pelos ativistas militantes maçônica; propaganda, invasão e guerra civil, estes são os recursos só serão aceitos para a "injustiças" infligido aos negros. Não foi por acaso que o livro de Harriet Beecher Stowe tornou-se o maior best-seller de sua época, foi incansável promovida em toda a nação inteira, na campanha mais bem-sucedidas de promoção do livro da nossa história. A força que promoveu "Uncle Tom's Cabin" foi a mesma força que, já em 1799, pediu a dissolução da nossa Constituição da República, que continuaram seus esforços no Junto Essex, e que encontrou sua fruição no final da Guerra Civil. Apesar de repetidas provocações dos cananeus, no Norte, os Estados do Sul revelou-se extremamente dócil, livremente fazer concessões às exigências que só se pode forçá-los para a guerra. O Compromisso do Missouri, escrito em 1820, foi aceite, apesar de proibida a escravidão no novo estado. Ele fez restringir os privilégios de votação para "libertar os cidadãos brancos do sexo masculino", excluindo assim as mulheres, escravos e índios de exercerem o voto. Em 1849, a população da Califórnia aprovou uma Constituição que proibia a escravidão. O acordo de 1850 desde que a proibição da escravidão deve ser deixada aos Estados individuais, dificultando os cananeus em suas tentativas de tornar esse problema uma desculpa para a intervenção federal e uma causa de guerra entre os Estados. É uma questão de registro histórico de que a Guerra Civil foi precipitada pela ação contra o Forte Sumter na Carolina do Sul, através da baía de Charleston. Esta abertura das hostilidades pode ser ligada diretamente ao poder do Rito Escocês em Charleston, que é conhecida oficialmente como a "Loja Mãe do Mundo". Foi fundada por Moses Lindo como a Loja do Rei Salomão. Lindo tinham um monopólio sobre o comércio de índigo, um corante muito necessária semelhante ao "phoenicia" ou tintura roxa, que tinha sido o monopólio principal de seus ancestrais cananeus, e que mudou o nome de "cananeus" para "fenícios", pois desta monopólio. De acordo com a Enciclopédia Judaica, outros fundadores da Loja do Rei Salomão incluídos Isaac e Abraão da Costa (da Costa foi um dos principais nomes entre os Marranos). Em 1793, a pedra angular de uma nova sinagoga, Beth Elohim, foi colocada em Charleston segundo o rito dos maçons. Charleston também é conhecida como o berço do judaísmo reformista na América (observamos anteriormente que este

movimento se originou em Frankfurt no Meno com os Rothschilds, e que culminou com os sucessos do sionismo mundial). O cemitério de Charleston datas de 1764. Outros organizadores da Loja Charleston incluídos Stephen Morin, grau 25, o inspetor para América do Norte, que havia sido iniciado em! Rito de Perfeição em Paris, em 1761, Henry A. Francken, inspetor-geral adjunto para a América do Norte, grau 25, iniciado na Jamaica, em 1762; Agostinho Prevost (comandante das forças britânicas depois na América do Norte durante a Guerra Revolucionária), grau 25, iniciado na Jamaica, em 1774, Moses Michael Hays, grau 25, iniciada em Boston em 1767 como vice-inspetor geral para a América do Norte, John Mitchell, grau 25, iniciado em Charleston, deputado nomeado para a Carolina do Sul; B. Spitzer, deputado à Geórgia; Moisés Cohen, grau 25, iniciou em Filadélfia em 1781; AFA de Grasse Tilly, grau 25, iniciado em Charleston 1796. John Mitchell tinha sido residente em Filadélfia durante a Guerra Revolucionária, através de suas conexões maçônicas, ele próprio tinha nomeado como Vice-Intendente Geral do Exército americano, embora, ele permaneceu na Filadélfia durante a ocupação britânica! Ele e seu colega de trabalho, Benedict Arnold, mais tarde foram julgados por acusações de corrupção, que resultam da sua desvios ilegais de suprimentos do Exército, mas também aqui, por causa de seus defensores poderosos maçônica, eles foram absolvidos. Mitchell depois se mudou para a Carolina do Sul.

95

Conde Alexandre de Grasse (Tilly) foi o filho do almirante francês que ajudou George Washington na derrota das forças britânicas em Yorktown. As forças contrárias, em seguida, sentou-se para um banquete maçônico cordial. De Grasse depois instituiu os Conselhos Supremos do Rito Escocês em toda a Europa, que mais tarde foi nomeado Comandante Supremo da França. Ele desempenhou o papel crucial na promoção de atividades insurrecionais na Carolina do Sul, que culminou com a demissão em Fort Sumter. Outro membro da Loja Charleston, James Moultrie, foi a principal figura por trás da crise Anulação da Carolina do Sul durante a década de 1820 e 1830. Ele foi nomeado Grande Secretário-Geral do Rito Escocês para todos os estados do sul. Durante o século XIX, agitadores Maçônica viajou pelo mundo, inflamando o populaces apaixonado com gritos de "libertação" e "Direitos do Homem." Infelizmente para aqueles que foram enganados por essas manipulações, os únicos direitos que eles estavam perseguindo eram os direitos dos cananeus maçônica para lutar e exterminar o povo de Shem. Qualquer outra consideração foi subordinada a este objetivo principal. Como resultado, cada nação, que foi atraído para os "Direitos do Homem" armadilha tornou-se uma ditadura absoluta cujos funcionários usaram seus poderes para destruir o povo de Shem, seu objetivo demoníacos, e parte de sua rebelião satânica contra Deus. Como Grão-Mestre, Lafayette dirigiu a revolução Juarez, no México, na América do Sul, Bernardo O'Higgins e Simón Bolívar, ambos os quais eram maçons, liderou as forças revolucionárias contra a Espanha, país após país. Uma vez que os governos espanhol nestes países também foram católica, estas revoluções provou ser uma parte integrante da guerra abertamente declarada da Maçonaria contra a Igreja Católica. Na Itália, Mazzini e Garibaldi liderou as forças revolucionárias ateu que culminou com a prisão do Papa e do estabelecimento de "unificação" de Itália em 1860. Desde o início, o levante maçônica foi planejado e financiado pela British Secret Intelligence Service, e dirigida por Lord Palmerston, Ministro dos Negócios Estrangeiros do Império Britânico. Quando Louis Kossuth, o revolucionário húngaro, visitou os Estados Unidos, organizações maçônicas em todo o país planeja manifestações em grande escala e banquetes da vitória para ele. É duvidoso que qualquer visitante a estas praias anteriormente ou já foi

celebrizado na medida em que Louis Kossuth foi recebida. Até hoje, ainda existem muitos prédios e avenidas em cidades americanas em todo o país que têm o nome de Kossuth, em memória desse líder da Maçonaria. Em 1845, Mazzini originou o movimento jovem da América, nos Estados Unidos. Embora primariamente ativo nas zonas rurais como o movimento de um fazendeiro, que era dirigido por Mazzini a desempenhar um papel ativo no movimento abolicionista em crescimento, que ele também dirigiu. Seu amigo, William Lloyd Garrison, que mais tarde escreveu a Introdução à biografia autorizada de Mazzini, tornou-se mais inflamadas dos propagandistas abolicionistas. Ele chamou seu jornal "O Libertador". Garrison começou este trabalho em 1831. Desde o início, foi financiada generosamente por apoiantes anónimos, que fez com que inscrições gratuitas para o "Libertador" foram distribuídos por todo os estados do sul. O Estado da Geórgia, mudou-se para oferecer recompensa de US $ 500 para prisão Garrison ou para a detenção de qualquer membro da American Anti-Slavery Society. Garrison freqüência foi a Londres para conferências com Mazzini, sobre a estratégia do movimento abolicionista. Eles normalmente se encontram no escritório do advogado muito conhecido em Londres, William Ashurst. Sulistas Poucos já ouviram o nome de Mazzini, e ainda menos sabem que este revolucionário maçônico ardente foi o verdadeiro instigador da Guerra Civil. Ele é conhecido em particular entre os conhecedores (ou gnósticos), como o padrinho da campanha contra a escravidão nos Estados Unidos.

96

Esta propaganda abolicionista provocou ressentimento generalizado por todo o sul. Em 16 de dezembro de 1835, o Estado da Carolina do Sul emitiu uma resolução formal sobre o assunto: "Resolvido, que a formação das sociedades abolicionistas e os actos e feitos de alguns fanáticos que se autodenominam abolicionistas nos Estados nonslaveholding desta confederação, estão em violação direta das obrigações do pacto de união, dissocial e incendiárias ao extremo. " Note-se que em 1835, South Carolina usou o termo comum após o resultado da Guerra Civil, uma confederação de estados associados ao abrigo das disposições de um compacto, a Constituição dos Estados Unidos. A propaganda abolicionista se tratava de uma invasão direta dos Estados do Sul e, como tal, era um estado de guerra não declarada, era também, como a Carolina do Sul Resolução salientou, uma violação direta dos termos do pacto. No entanto, essa

invasão de propaganda continuou, até que foi finalmente seguido pela invasão militar direta da Guerra

Civil. Apesar do fato de que a escravidão existiu nos Estados do Sul, sob a autoridade directa da maldição bíblica de Canaã, a guerra contra o povo do Shem foi realizado sem piedade pelos cananeus invasores, que seguiu fielmente os preceitos de seu fundador, na vontade de Canaã "odeio seu mestrado, e nunca dizem a verdade." O sucessor ideológico para a Conspiração Edwardean ea Junto Essex nos estados da Nova Inglaterra era um culto, curioso pseudo-religioso, muitas vezes chamado de "a religião da Nova Inglaterra", mas também conhecido como unitarismo e transcendentalismo. Foi uma desova direta do culto demoníaco de Baal, com as adaptações ao longo dos séculos por essa "liberalização" e "humanitário" influências como pitagorismo, Neoplatonismo eo humanismo secular (que tinha sido comprado e pago pela família bancário, o de Medicis). A "religião da Nova Inglaterra", simplesmente foi o último a heresia moderna pregava contra o povo de Shem. O culto foi dirigido pelo Rev. William Channing, um dos seus principais colaboradores foi um professor chamado John Brown, filho do revolucionário infame que estava a morrer na forca para a insurreição na Harper's Ferry. Esse culto sobrevive hoje principalmente na pregação de alguns que se dizem "fundamentalistas". Esses renegados pregar a doutrina da Vontade de Canaã, e eles trabalham avidamente para a derrota final e extermínio do povo de Shem. Estes "transcendentalistas" não se preocupou em esconder o fato de que eles tiveram as bases de sua "religião" doutrinas diretamente da cabala, pregando que cada pessoa tem uma alma superior, e que não há nenhuma autoridade final em qualquer questão religiosa, invalidando a Bíblia inteira e os pronunciamentos de Deus. A sua verdadeira inclinação sempre foi dominada pelo despotismo oriental, e suas doutrinas se originou no Extremo Oriente. Conseqüentemente, sua primeira linha de ataque foi a derrubada da Constituição dos Estados Unidos, o principal salvaguarda do povo de Shem; sua campanha resultou na adoção de "emendas" que totalmente invalidada a intenção original da Constituição. Esta é a base das decisões de juízes federais nos tribunais federais, hoje, sempre contra o povo de Shem, sempre reforçando o estrangulamento do despotismo oriental sobre o nosso povo cativo. Em um ponto, o líder dos abolicionistas, William Garrison, queimou publicamente um exemplar da Constituição, chamando-o de "um pacto com o inferno!" Os abolicionistas repetidamente negado que houvesse qualquer autoridade para a escravidão na Bíblia, ignorando assim a maldição de Canaã (Gênesis 9:25) e muitos outros mandamentos. Eles também trabalhavam desesperadamente para evitar o movimento de emancipação pacífica no Sul, a liberação gradual dos "escravos, que tinha sido liderada por Thomas Jefferson, tinha recebido aprovação generalizada entre os donos das plantações. Saudaram a emancipação porque eles tinham cara a cara com a realidade econômica que fez uma confusão do império comunista, que, sem incentivos e com a promessa de ganho final, poucas pessoas estavam dispostas a fazer mais do que o mínimo de trabalho para sobreviver .

97

O crescimento econômico foi possível nesta situação. Emancipação não era meramente uma medida humanitária, que foi recebido pelos patrões, porque eles enfrentam a ruína devido às exigências diárias de manutenção de suas populações escravas crescente. Thomas Jefferson foi um excelente exemplo, apesar de sua brilhante carreira, ele morreu de falência. Ele tentou cultura após a colheita, em tentativas desesperadas de fazer Monticello uma empresa rentável, em qualquer caso, ele foi derrotado pelos gastos de montagem de cuidar de seus escravos. O assalto "religiosos" sobre a Constituição dos Estados Unidos, o compacto que tinha sido elaborada pelo povo de Shem, a fim de proteger a sua liberdade religiosa, agora tomou um rumo mais sinistro. Em 1857, os líderes financeiros do poder cananeu, a Casa de Rothschild, reunidos para celebrar o casamento da filha de Lionel, Leonora, com seu primo, Afonso, filho de James de Rothschild, de Paris. Neste encontro, disse Disraeli, "Sob esse teto são os chefes da família Rothschild, um nome famoso em todas as capitais da Europa e todas as divisões do globo. Se quiser, vamos dividir os Estados Unidos em duas partes, uma para você, Tiago, e um para você, Lionel. Napoleão e deve fazer exatamente tudo o que vou aconselhá-lo "(p. 228," Os Rothschilds ", de John Reeves). A trágica guerra civil que os cananeus planejado e executado contra o povo do Shem nos estados do sul, na verdade começou em 1859, com a invasão do Sul pelo maníaco homicida, John Brown. Os abolicionistas já gastou milhões de dólares para promover rebeliões de escravos no Sul, mas essa propaganda cara teve muito pouco efeito. No dia e outros observadores tinham relatado, os escravos viviam uma vida muito confortável. Após esta tática falhou, tornou-se óbvio para os conspiradores de que uma invasão militar real foi a única solução para sua campanha. Os banqueiros de Nova Inglaterra, que foram diretamente controlado pelos Rothschilds, agora eram instruídos a financiar um ataque militar contra o sul. Sua instrumentalidade foi o já bem conhecido terrorista, John Brown. Ele foi financiado por um grupo famoso por "Secret Six", que era composto de "Thomas Wentworth Higginson, Rev. Theodore Parker, Dr. Samuel Gridley Howe (casado com Julia Ward, de uma família de banqueiros ricos, que mais tarde escreveu" Battle Hymn da República "), Benjamin Franklin Sanborn, Luther George Stearns, e Smith Gerrit. Smith foi o primeiro anjo John Brown's financeiro. Ele era o filho do parceiro de negócios de John Jacob Astor (leste da Índia. Company, o comércio de ópio, e . British Intelligence) Sua mãe era uma Livingston;. ele estava relacionado com os líderes maçônicos, Edward e Robert Livingston Smith foi o maior proprietário de terras no Estado de Nova York, segurando um milhão de hectares, o que incluía a terra que tinha dado a John Brown em . 1848 a contribuição total de Smith a ataques militares John Brown's e outras causas radicais chegaram a mais de oito milhões de dólares, um tremendo "soma naqueles dias Rev. Theodore Parker tipificada a inspiração" religiosos "do movimento abolicionista;. sua mãe era uma Stearns , e ele casou com a família Cabot. Ele foi educado na Harvard Divinity School, e ele se tornou um dos principais ministros Transcendentalist e congregacionalistas. Ele sempre foi um "ativista" na tradição maçônica. Em 1854, ele havia sido indiciado por um grande júri para incitar um

ataque a um tribunal onde um escravo fugitivo foi detido. Ele era um membro ativo do Comitê de

Vigilância, e ele era o principal organizador dos seis secretos para financiar o ataque de John Brown. Mais tarde, tornou-se um exilado, vivendo em a Europa. Morreu em Florença (cidade natal do humanismo secular). Thomas Wentworth Higginson, dos principais família de banqueiros de Nova Inglaterra, era de Newburyport, Massachusetts, terra natal de Albert Pike, que se tornou o líder nacional da Maçonaria norte-americana. Higginson apoiou activamente Rev. Parker no ataque contra o tribunal e envolvido em muitas outras atividades ilegais e nefastos. Seu primo casou com Theodore Roosevelt.

98

Samuel Gridley Howe e sua esposa, Julia, fundou e editou um jornal anti-escravidão de fogo, "A República". Como tantos dos agitadores cananéia nos Estados Unidos, Gridley era descendente de revolucionários calvinistas, seu antepassado era um oficial do exército de Cromwell, John Ward de Gloucester, que depois fugiu para os Estados Unidos para evitar a punição para as atrocidades que ele cometeu no âmbito do bandeira de Cromwell. Benjamin Franklin Sanborn foi um dos principais discípulos do Rev. Parker e Ralph Waldo Emerson. O Senado ordenou sua prisão em 1860. Ele tinha sido o principal agente de John Brown em Nova York desde 1857. George Luther Stearns se casado na família ferroviária. Ele era o líder do Soilers gratuito, os agitadores anti-escravidão no estado do Kansas; suas depredações deu origem ao termo "Bloody Kansas." Ele doou grandes somas para John Brown e comprou uma fazenda

para os terroristas e sua família. O principal agente para Stearns em Kansas foi Martin Conway. Originário de Baltimore, Conway foi enviado para o Kansas para liderar as forças de Free State lá, mais tarde ele se tornou o primeiro congressista do Kansas. Em 11 de outubro de 1873, ele disparou três tiros contra o senador Pomeroy, ferindo-o. Conway foi levado para o Hospital Santa Isabel, onde ele foi julgado irremediavelmente insano. Mais tarde, ele morreu ali. Outros líderes da Nova Inglaterra profundamente envolvido no planejamento de levantes no sul incluídos Samuel Cabot, ele paga $ 4000 no valor de fuzis que foram enviadas para forças de John Brown, em Kansas. As armas foram utilizadas para massacrar famílias inteiras durante orgia John Brown's de terrorismo. O Banco Cabot depois forneceu $ 57.000 para despesas militares John Brown. Não há registro de que ele nunca foi reembolsado, ou que qualquer tentativa de cobrá-lo. Foi uma doação para a causa do terrorismo, uma técnica conhecida dos banqueiros. Outros apoiadores financeiros de John Brown Forbes incluiu John Murray, um construtor da estrada de ferro ricos (sua mãe era uma Perkins), que serviu no Comitê Nacional Republicano. Entre 1827 e 1843, os planos dos conspiradores receberam um revés temporário com o surgimento do Partido AntiMasonic como uma força nacional. Esse movimento político ameaçou expor toda a conspiração como uma operação maçônica. Desde seu início, o Partido Anti-Maçônico foi prejudicado por sua incapacidade de penetrar no manto de sigilo que velada cada ato dos conspiradores. Sem evidências diretas dessa conspiração que poderia ser apresentada em juízo ou estabelecidas diante do povo, que logo perdeu o apoio popular. Na verdade, eles logo foram infiltradas pelos conspiradores muito quem procurou expor, e eles foram impotente! Albert Pike depois se vangloriou de que "O Partido Anti-Maçônico foi realmente de grande ajuda para nós." Após a sua dissolução, a Maçonaria nunca voltou a enfrentar qualquer oposição organizada em todo o Estados Unidos. Aqueles que mencionam o assunto rapidamente são desacreditadas como "pobres tolos exagerada" e paranóico "O Ignorante" que os maçons por detrás de cada árvore. Na maioria dos casos, eles são rapidamente enviados para o próximo manicômio, manipulação la comunismo soviético, do seu "dissidentes". Durante alguns anos antes da eclosão da Guerra Civil, o jovem americano conspiração maçônica tinha sido ativa nos estados do sul, lançando as bases para a aproximação da Guerra Civil. Um nova-iorquino, John A. Quitman, mudou-se para o Mississippi e casou-se em uma família abastada do sul. Foi dado o mandado para formar uma organização Rito Escocês no Mississippi. Em 1 de fevereiro de 1848, a revista maçom de Boston levou a perceber que o irmão John Quitman, que agora era um major-general no Exército dos Estados Unidos, tinha sido inaugurado como Soberano Grande Inspetor Geral do grau 33.

99

Todas as Lojas Sul foram agora ordenados a obedecer-lhe. Quitman também havia se tornado um dos líderes mais sincero do movimento separatista no sul do país, este movimento foi agora firmemente controlada pelos conspiradores Maçônica cananéia. Quitman também patrocinou um plano para anexar o México, e financiou uma invasão de Cuba por mercenários. Ele tinha sido eleito governador do Mississippi, quando ele foi indiciado em Nova Orleans para sua parte na planejada invasão de Cuba, e ele foi forçado a desistir do cargo. Aqui, novamente foi o envolvimento profundo de um líder do Rito Escocês, o braço revolucionário da Maçonaria, no planejamento de guerras e revoluções em todo o mundo. O líder ideológico da invasão de Cuba era uma Jane McManus, que tinha sido passada ouvi de como a amiga do revolucionário, Aaron Burr. A fim de obter apoio popular para sua campanha presidencial, o senador Stephen Douglas, o adversário de Lincoln, contratou um George Sanders, "uma jovem agente do América, para editar o Partido Democrático Review. Sanders é identificado no Quem é Quem de profissão como um "revolucionário". O agente político americano da Baía de Hudson Company, ele tinha trabalhado para o Banco da Inglaterra, e como cônsul dos Estados Unidos em Londres, ele havia trabalhado em estreita colaboração com Mazzini. Londres era naquela época a sede mundial do movimento maçônico revolucionário. Sanders logo dedicou as páginas do Partido Democrata de revisão para louvar os esforços de Mazzini e outros agitadores maçônica. Em 1853, Killian H. van Rensselaer, uma do New York "Patroons", ou senhorios hereditários, abriu a sede ocidental do Rito Escocês em Cincinnati, Ohio. Ao mesmo tempo, uma outra organização secreta, a Cavaleiros do Círculo de Ouro, iniciou suas operações em Cincinnati. A organização, que, como sempre, foi bem financiada, logo recrutou e treinou cerca de

100.000 membros em tácticas paramilitares. Esses membros espalhados por todo os Estados do Sul, eles

formaram o núcleo do que viria a ser o exército confederado durante a Guerra Civil. A maioria dos sulistas nem imaginava, nem preparados para uma luta armada com o Norte. A causa "do sul" sempre foi dirigido e promovido pela "Northern" infiltrados. O palco ficou armado para a guerra civil. O país foi ainda mais polarizado pelo caso Dred Scott. Scott, um negro idosos e enfermos, que foi apoiado financeiramente pelos seus proprietários, foi empurrado para um confronto direto jurídica, amplamente financiado por banqueiros de Nova Inglaterra fundos comerciante. O caso foi à Suprema Corte. Enumerados nos autos como "Dred Scott v. Sanford, 19 Howard 393," a questão foi decidida em um parecer pelo Chefe de Justiça Taney de 6 de Março de 1857. "A questão é simplesmente esta, pode um negro, cujos antepassados foram importados para este país, e vendidos como escravos, tornar-se membro da comunidade política formada e trazidos à existência pela Constituição dos Estados Unidos, e, como tal, adquirem o direito à todos os direitos e privilégios e imunidades garantidos por esse instrumento para o

cidadão?

..

'povo dos Estados Unidos "As palavras e os" cidadãos "são termos sinônimos, e significam a

mesma coisa

"

...

o povo soberano

". ...

A questão diante de nós é, se a classe das pessoas descritas no

fundamento na redução compreendem uma parte deste povo e são membros constituintes desta soberania? Achamos que eles não são, e que eles não são incluídos, e não foram destina-se a ser incluído, em «cidadãos» a palavra na Constituição, e pode, portanto, nenhuma reivindicação dos direitos e privilégios de que esse instrumento proporciona e assegura aos cidadãos dos Estados Unidos. Pelo contrário, eles estavam na época considerada como uma classe subalterna e inferior dos seres, que tinha sido subjugado por uma raça dominante, e, se emancipados ou não, ainda ficaram sujeitos a sua autoridade, e não tinha direitos ou privilégios, mas como aqueles que detinham o poder eo governo pode

optar por conceder-lhes

....

Na opinião do Tribunal, a legislação e as histórias dos tempos, ea linguagem

usada na Declaração de Independência, o show, que nem a classe de pessoas que tinham sido importados como escravos, nem seus descendentes, quer eles se tornaram livres ou não, eram então reconhecidos como uma parte do povo, nem para serem incluídas nas palavras gerais utilizados no referido acto memorável ....

100

Eles tiveram mais de um século antes havia sido considerada como seres de uma ordem inferior, e

completamente impróprias para associar com a raça branca, tanto nas relações sociais ou políticos, e assim muito inferiores que não tinham direitos que o homem branco era obrigado a respeito e que o negro

pode ser legalmente justa e reduzidas à escravidão em seu benefício

Esta opinião foi naquele tempo

.... fixo e universal na parte civilizada da raça branca. Foi considerado como um axioma na moral, bem como

na política, que ninguém pensou em contestar, ou deveria ser aberto a disputa, e os homens em cada classe e posição social cotidiana e habitualmente agia sobre ele em suas atividades privadas, como bem

como em questões de interesse público, sem duvidar por um momento o acerto desta opinião

Existem

.... duas cláusulas na Constituição que apontam diretamente e especificamente para a raça negra como uma

classe separada de pessoas, e mostrar claramente que não eram considerados como uma parcela do povo

ou os cidadãos do Governo então formado

...

o direito de importar escravos até os 1808 anos

....

ea

promessa de Estados entre si para manter o direito de propriedade do capitão, entregando-se a ele

qualquer escravo que pode ter escapado de seu serviço

....

o direito de propriedade em um escravo é

clara e expressamente assegurados na Constituição

Tribunal de Circuito dos Estados Unidos não tinham

Seu julgamento o réu deverá, portanto, ser

... jurisdição neste caso, e poderia dar nenhum juízo sobre ela

... revertido, e um mandato para dirigir a ação ser julgada improcedente por falta de jurisdição. " O Juiz Presidente do Supremo Tribunal Federal pagou caro por esta decisão. Seu nome tem sido quase totalmente apagada da história jurídica deste país, ele foi repetidamente ameaçado de prisão domiciliária durante a Guerra Civil pelo presidente Lincoln, e depois da guerra, suas duas filhas idosos, temível como noivas em perspectiva, levavam uma existência precária como funcionários do governo na parte inferior da escala salarial, sempre à beira da indigência. Após a decisão de Dred Scott, os acontecimentos se rapidamente para um confronto militar real, com os Cavaleiros do Círculo Dourado ocupar os seus lugares em todos os estados do sul. John Brown atacou Harper's Ferry, um incidente que se pretendia desencadear uma revolta de escravos em todo o sul. A revolução popular prevista não se concretizou, e Brown foi capturado e enforcado. Até hoje, ele continua a ser um mártir nos círculos cabalísticos da Nova Inglaterra, os fundamentalistas. Seu líder ideológico, Ralph Waldo Emerson, escreveu: "Ele faz a forca tão gloriosa como a Cruz." Emerson mais tarde promovido John Brown como "um novo santo no calendário." A fim de despertar a provocação para o ataque Fort Sumter, Lincoln agora entregue reforços pesados para o forte. Mesmo o seu Secretário de Guerra, Seward, opôs-se o seu movimento, sugerindo que ao invés de Fort Sumter ser gerados de forma pacífica com o estado de South Carolina. O próprio Lincoln era ansiosamente antecipando o banho de sangue se aproximando e queria saber de nenhum compromisso. Ele é conhecido por ter sofrido de insanidade hereditária, que não veio da família de Lincoln, porque eles não eram os seus antepassados reais. Sua mãe, Nancy Hanks, sendo sem-teto, havia sido tomada como

um ato de caridade pela família Enloe, ela foi jogada fora pela Sra. Enloe depois que ela ficou grávida por Abraão Enloe. Ward H. Lame, parceiro de Lincoln lei, mais tarde escreveu uma biografia de Lincoln afirmando que Lincoln foi de parentesco ilegal, e referindo-se ao pai real como Abraão Enloe. A Enquirer Yorkville, 08 de abril de 1863, notou que a mãe de Lincoln, Nancy Hanks, era "uma mulher solteira de

baixo grau [Canaã significa" baixo ". Ed.]

Em geral a fama de ter a partir de um oitavo a um sexto

... sangue negro em suas veias, e que sempre associados com os negros em condições de igualdade. " O

Intelligencer Atlanta, em 1863, observou de seu vice-presidente, Hannibal Hamlin, que havia sido nomeado após o líder histórico das forças cananéias de Cartago, Hannibal, que Hamlin foi identificado pela senadora do Estado Exmo. John Burham, do condado de Hancock, Maine, que morava na área e

conhecimento de ascendência Hamlin. O senador informou que Hamlin bisavô era um mulato, que tinha casado com uma mulher canadense;

101

seu avô durante a Guerra Revolucionária comandou uma empresa composta somente de mulatos, negros e índios sob generais Sullivan e Verde. Este Hamlin Capitão está registado como tendo desviado os fundos

enviados para pagar as suas tropas, ele também disse ter roubado o vinho e outros suprimentos. O pai do pai de Hannibal Hamlin vivia em Paris, Maine, e tinha um irmão chamado África. Quando Hannibal Hamlin nasceu, um de seus tios olhou para o berço e exclamou: "Pelo amor de Deus, por quanto tempo esse sangue maldito preto permanecem em nossa família?" Em Louisiana, John Slidell, que também era um nova-iorquino, foi o líder do partido separatista do Estado, seu segundo em comando era um Judah P. Benjamim. Slidell foi o protegido Maçônica do Grão-Mestre, Edward Livingston, também de Nova York, um membro-chave do aparato traição Aaron Burr. Benjamin, a partir das Índias Ocidentais, era um súdito britânico. Ele foi contratado como assistente jurídico de Slidell. Ele mais tarde se tornou o secretário de Estado do Governo Confederado. Após a Guerra Civil, ele foi autorizado a deixar os Estados Unidos sem entraves, e ele viveu seus últimos anos no esplêndido luxo como um dos mais bem pagos da Rainha Conselhos em Londres, enquanto seu ex-superior, Jefferson Davis, definhou em uma prisão federal, sobrecarregado com pesadas correntes. No Texas, os conspiradores separatistas foram bloqueados por um tempo por Sam Houston, um virginiano que foi o fundador do Texas. Houston decidiu que os esforços de secessão era ilegal. Os conspiradores então conseguiu depor o governador Houston por uma eleição "garupa", que foi semelhante às táticas que o Cromwellians tinha usado para condenar o rei Charles I da Inglaterra. Os conspiradores então, alegou que os seus delegados separatistas recebeu 40.000 votos, contra apenas 10.000 torcedores para Houston. Isso foi mais tarde citado como o apoio "popular" para a "insurreição", como as medidas tomadas pelos estados do Sul foi denominado mais tarde. A Confederação foi criada oficialmente em Montgomery, Alabama, presidido pelo Comandante Supremo do Rito Escocês Howell Cobb. Ele foi competentemente assistidos por defensores do Rito Escocês da Mãe Charleston Lodge e representantes de outros grupos maçônicos. Assim, o povo americano manobrou para uma guerra civil que nem imaginava, nem desejada. Eles foram manipulados por conspiradores Maçônica cananeus a trabalhar juntos no Norte e os estados do sul. O banho de sangue resultante provou ser o maior desastre sofrido pelo povo de Shem. A grande civilização que se havia passado alguns 200 anos de construção neste terreno foi agora varrida, "Gone with the Wind", da Constituição, que eles haviam escrito para proteger sua própria existência como povo de Shem foi demolido, sendo substituído por "alterações "que os reduziu à condição de servos, dando o poder cananeus total para criar uma ditadura tirânica. No entanto, a divisão antecipada dos Estados Unidos em dois países pequenos e fracos, cada um para ser facilmente controladas a partir da sede europeia do Rothschilds, não ter lugar. Em um ponto, a concentração dos soldados franceses e espanhóis no México, pareciam condenar o futuro dos Estados Unidos, e para trazer a divisão que os Rothschild desejado. No entanto, o Czar da Rússia, um grande líder do povo Semita, soube do plano. Ele imediatamente enviou dois de sua frota para os Estados Unidos, um que desembarcou em São Francisco, que era comandada pelo almirante Lesowsky, eo segundo esquadrão, que chegou no porto de Nova York, comandada pelo almirante AA Popoff. Escusado será dizer que estes nomes não são encontradas por estudantes de história americana. No entanto, a presença destas frotas da Rússia serviu para preservar a união. James de Rothschild ficou sem o seu império antecipado no México, enquanto Lionel foi forçado a renunciar a seu controle sobre os estados do Norte.

102

Devido a estes bons ofícios em nome da União, o czar foi posteriormente assassinado pelos agentes de Rothschild, e da Rússia foi condenado a ser entregue às atrocidades dos revolucionários demoníaca cananéia. A guerra civil devastou os estados do Sul, deixando o Norte intocada. A civilização do povo de Shem estava em ruínas. Mais uma vez, como durante a Guerra Revolucionária, hordas de mercenários alemães movidos pelo sul. Senhoras do Sul informou que suas casas haviam sido incendiada por soldados da União que somente se podia falar Inglês gutural. Contudo, esses horrores foram apenas um prenúncio do que estava por vir. A derrota do subfinanciada e mal preparados estados do Sul havia sido uma conclusão precipitada, já que foram derrotados pela superioridade numérica e financeira dos estados do Norte. Sua derrota foi seguido por uma brutalidade sem igual para a população vencido. Para as gerações mais tarde, as famílias do sul sofreram doenças genéticas directamente atribuíveis à fome que lhes é imposta pelos seus conquistadores, como anteriormente desconhecidas doenças como o raquitismo, o escorbuto, doença periodontal e outras doenças, deu origem à representação do povo do Sul que ainda é universal o New York indústria editorial de propriedade e controle, filmes e televisão, os Joad de Tobacco Road. No entanto, nenhuma explicação de seu estado lamentável é sempre oferecida. Os estados Mundial do Livro 1949 sob o título "Reconstrução", "Este plano foi sem precedentes na história pela sua generosidade para com o inimigo derrotado." Isso é típico do viés anti-Sul da indústria editorial, nenhum escritor do Sul pode ser publicado em Nova York a menos que ele retrata os companheiros sulistas como mulherengos alcoólicas e homossexuais. Na verdade, essa "generosidade" consistia de ocupação militar por muitos anos após a guerra, a tributação ruinosa, fome sistemática e brutal dos tribunais militares em que as pessoas do sul que era impossível obter justiça (o mesmo sistema está já em vigor hoje). Em seu primeiro discurso de posse, Lincoln afirmou claramente: "Não tenho nenhum objectivo, directo ou indirecto, para interferir com a instituição da escravidão nos estados onde ela existe. Eu acredito que eu não tenho o direito legal de fazê-lo, e eu não tenho inclinação para fazê-lo. "

Apesar desse compromisso, em 01 de janeiro de 1863, Lincoln lançou sua Proclamação da Emancipação.

Ele já havia sido escrito anteriormente em 22 de setembro de 1862, Lincoln tinha preparado o primeiro

projecto já em julho de 1862. Lincoln dispensado a sua acção como devido a "necessidade militar", e, portanto, justifica-se pela Constituição. Nenhum desafio de corte foi feita para essa afirmação. No mesmo dia em que Lincoln emitido esta proclamação, a Assembléia Legislativa do Estado de Illinois, quase um reduto de reacionários do Sul, publicou uma denúncia formal da proclamação: "Resolveu-se, que a proclamação da emancipação do presidente dos Estados Unidos é tão insustentável em militares no direito civil; uma usurpação gigantesca, uma vez convertendo a guerra, iniciada declaradamente pela administração para a reivindicação da autoridade da Constituição, em uma cruzada para a libertação

incondicional súbita e violenta de três milhões de escravos negros

....

A proclamação convida insurreição

servil como um elemento nesta cruzada em um meio de guerra, a desumanidade ea diabolismo das quais sem exemplo na guerra civil, e que nós denunciamos, e que o mundo civilizado vai denunciar, como uma vergonha indelével para o povo americano. " A palavra-chave na resolução da Assembléia Legislativa de Illinois é "diabólico". Talvez alguém na Assembléia Legislativa percebeu que este era o triunfo da vontade de Canaã, uma celebração dos conceitos demoníacos dos cananeus.

103

Eles têm comemorado desde então. As forças cananéias maçônico em todo o mundo saudou a Proclamação da Emancipação como uma grande vitória para o seu programa da revolução mundial. Garibaldi, na época o mais famoso líder maçônico e revolucionário no mundo, assinou um Proclamação da Itália para a Lincoln, dizendo: "felicidade para você, resgatadas filhos de Cão". Garibaldi se sabia das origens reais de Lincoln não é conhecido. Certamente que o saudaram como um revolucionário do companheiro. Um incidente pouco conhecido da Guerra Civil foi a oferta de Lincoln a Garibaldi para tomar o comandante-em-chefe do posto do exército dos Estados Unidos em 1861, ele repetiu a oferta em 1862. Garibaldi considerou a sério, mas foi forçado a declinar por causa de outros compromissos. escritores europeus em geral, ficaram estarrecidos com os excessos cometidos pelas tropas da União e da administração de Lincoln durante a guerra. O grande escritor francês, Alfred de Vigny, tinha escrito para

uma mulher do Sul em 10 de setembro de 1862, "Os atos abomináveis de crueldade perpetrada pelos exércitos do Norte, em Nova Orleans lembram da invasão dos bárbaros, dos hunos de Átila, ou véspera pior do que o VandaIs. Compreendo perfeitamente o seu ódio por aqueles homens depravados e ferozes

que estão se afogando em sangue todo o vosso amado país

Um estado sábio não é aquele que recorre

público era só o que os conspiradores Maçônica cananeus não queria, eles conseguiram evitá-lo cada vez que o assunto veio à tona. O Times de Londres, 21 de outubro de 1862, editorialmente, comentou: "É o nome de Lincoln ser classificada no catálogo de monstros, assassinos, e os açougueiros da

humanidade?

Quando o sangue começa a fluir e gritos vêm perfuram a trevas, senhor Lincoln irá

esperar até que as chamas subindo dizer que tudo está consumado, e então ele vai esfregar as mãos e acho que a vingança é doce. " Os tempos não sabia disso, mas toda a carreira política de Lincoln foi dedicada à vingança dos cananeus contra as pessoas de pele clara de Shem, aqueles que sempre foram a serem considerados inimigos por causa da cor de sua pele. A Guerra Civil foi apenas a última campanha em uma batalha que havia sido sub-repticiamente travada durante os últimos três mil anos. Depois do assassinato de Lincoln, os republicanos radicais no Congresso mudou-se para impor medidas ainda mais draconianas contra o Sul derrotado. Os sulistas tinha ofendido o princípio básico da Canaanism maçônico, ou seja, o despotismo oriental, qualquer recusa de obedecer ao comando do governo ditatorial central deve automaticamente ser seguido pelos mais severa punição. Não importa que a Constituição dos Estados Unidos tinha sido escrita pelo povo de Shem, ou que lhes garantiam os seus direitos de Estados, não importa que o governo federal foi legalmente confinado em sua autoridade para o Distrito de Columbia por lei, não importa que nenhuma autoridade federal poderia entrar em qualquer estado, exceto por solicitação expressa do legislador estadual. Tudo isso foi sistematicamente violados, e agora os violados se a suportar as punições ainda maiores. Hordas de aventureiros seguiram as tropas federais para os estados do sul como seguidores de acampamento ávido; tribunais Federal e Federal manicômios foram agora criados nos estados, pela primeira vez, em flagrante violação das proibições constitucionais contra eles. Agora, se seguiu uma série de "legais" as medidas que foram saudados pela Mazzini revolucionária, que era conhecido como "o profeta" por organizações maçônicas em todo o mundo. Mazzini entusiasmado com os conquistadores do Norte, "Você tem feito mais para nós em quatro anos de cinqüenta anos de ensino, pregação e por escrito os seus irmãos europeus têm sido capazes de fazer!" Estas medidas efetivamente aboliu a Constituição. A escrita às pressas "Civil Rights Act" foi levado às pressas pelo Congresso. O presidente Andrew Johnson vetou imediatamente, observando que o direito de conferir cidadania descansou com os diversos estados, e que "a tendência do projeto é o de reanimar o

espírito de

rebelião."

De

fato,

muitas

das

medidas

104

promulgada pelos republicanos radicais foram deliberadamente a intenção de provocar os sulistas em resistência aberta, para que eles pudessem então ser exterminados pela esmagadora superioridade das forças militares aquartelados em seus estados. O Civil Rights Act foi aprovado pelo veto de Johnson, como o foram outras medidas similares. As tropas federais já ordenou que "convenções" será realizada nos estados do sul, que se assemelha às convenções chamado pelos autores da Revolução Francesa. Estas convenções foram obrigados a fazer três coisas: (1) anular o decreto de secessão, (2) repudiar todas as dívidas da Confederação, e (3) declarar aboliu a escravidão. Collier's Encyclopaedia notas que essas

convenções Constitucional realizada nos estados do Sul foram compostas de (1) piolhentos (renegado

sulistas), (2) aventureiros e negros (3). O Livro do Mundo apresenta-os na ordem ligeiramente diferente, como negros, aventureiros e piolhentos. Estas convenções configurar governos Radical Republicano nos estados do sul, que eram nada mais do que os governos de ocupação, criado pela força militar. De 1868- 1870, os estados do Sul foram mais uma vez representado no Congresso Nacional, mas apenas por delegados eleitos por esses três grupos. observa Collier's que depois que Grant foi eleito presidente em 1868, "Foi muito importante para manter os governos radicais republicanos dos estados do sul porque estas organizações corruptas desde votos para o Partido Republicano. Principalmente por este motivo, Décima Quinta Emenda foi aprovada pelo Congresso e sua ratificação uma condição para readmissão à União para Virginia, Mississippi, Texas e Geórgia. Os governos de reconstrução no Sul só poderia ser sustentada pela força. " Assim Collier's faz uma declaração definitiva sobre a Décima Quinta Emenda, que foi aprovada pela chantagem dos estados do Sul, e que era apenas uma manobra política do Partido Republicano a manter o seu poder político. A razão por que esses governos estaduais brutal e estranha dos cananeus maçônico só poderia ser sustentada pela força, foi por causa de seu ódio inabalável e brutalidade para com o povo de Shem. Militar Federal e dos tribunais, cuja dicta pode ser executada apenas por lei marcial, dificilmente pode ser recebido por qualquer pessoa. A ocupação militar do Sul foi semelhante à actual ocupação militar da Alemanha Oriental, Checoslováquia e outros países europeus pelos exércitos soviéticos. Uma ideologia alienígena foi imposto a um povo derrotado pela força bruta. A décima terceira emenda à Constituição dos Estados Unidos foi promulgada em 1865 pela lei marcial. A Décima Quarta Emenda foi promulgada em

1868 pela lei marcial. Décima Quinta Emenda foi promulgada em 1870 pela lei marcial. A ocupação militar dos estados do Sul não terminar até 1877, 12 anos após o fim da Guerra Civil. A ocupação foi mantida ao longo desses anos apenas como uma medida punitiva, na esperança de morrer de fome os últimos sobreviventes branca da Guerra Civil. Assim, concluímos que a Décima Terceira Emenda, promulgada em 1865, durante a ocupação militar, aboliu a escravidão, a Décima Quarta Emenda, que mudou o estatuto da cidadania nos Estados Unidos, foi promulgada em 1868 durante a ocupação militar e Décima Quinta Emenda, o voto ditando procedimentos, foi promulgada em 1870 durante a ocupação militar. Estas alterações foram semelhantes às ordens dadas pelos comandantes soviéticos hoje na Alemanha Oriental ou na Tchecoslováquia. Em 1868, quando a Décima Quarta Emenda foi ratificada, Grã-Bretanha ainda era boatloads transporte de presos políticos para o rio Swan, na Austrália Ocidental como o trabalho escravo. Muitos deles foram "presos políticos irlandeses," que foram deportados para acabar com a resistência popular à ocupação britânica da Irlanda. A Lei dos Direitos Civis de 09 de abril de 1866, declarou: "Seja ela promulgada, que todas as pessoas nascidas nos Estados Unidos e não sujeito a qualquer potência estrangeira, excluindo os índios não taxados, é declarado ser cidadãos dos Estados Unidos". Esta arte Lei anulada. 1, cap. 2, Cl. 3 º da Constituição define "pessoas livres", mesmo assim, a Lei dos Direitos Civis continuou a exclusão de "os índios não taxados" de cidadania. Esta lei também exclui todos os membros da Ordem Maçônica de cidadania, porque estão sujeitos a uma potência estrangeira.

105

O estado de lei marcial em que essas três emendas à Constituição foi ratificada, foi autorizada pela primeira reconstrução lei, datada de 02 março de 1867: "Considerando que nenhum governo do Estado legal ou proteção adequada da vida ou a propriedade já existe nos estados rebeldes", os dez estados do Sul foram, assim, dividida em cinco distritos militares. Presidente Johnson vetou o projeto de lei no mesmo dia, notando que "A lei coloca o povo dos Estados dez nele nomeado sob o domínio absoluto da ditadura militar, mas cada Estado tem um governo real." Johnson observou ainda que o comandante é um "monarca absoluto", que foi uma clara violação das disposições da Constituição. Ele também disse: "Este é um projeto de lei aprovado pelo Congresso em tempo de paz [a guerra tinha acabado há mais de dois anos]." Ele também notou a ausência de "guerra por um ou insurreição" e que as leis já estavam em funcionamento harmonioso dos estados do sul. Johnson concluiu a sua mensagem de veto do seguinte modo: "A Constituição proíbe o exercício do poder judicial de forma alguma, mas um, isto é, pelos tribunais ordenado e estabelecido." Assim Johnson excluídos do exercício dos tribunais militares nos estados do sul. A Segunda Lei de Reconstrução, datado de 23 de março de 1867, estabeleceu o controle militar sobre a votação nos estados do sul. As eleições livres, qualquer um? Presidente Johnson vetou novamente no mesmo dia. "Nenhuma consideração poderia induzir-me a dar minha aprovação de tal lei eleitoral para qualquer finalidade, e especialmente para o grande propósito da elaboração da Constituição de um Estado." A lei foi aprovada durante o seu veto. A Terceira Lei de Reconstrução, datado de 19 de julho de 1867, estendeu os poderes ainda maiores para os comandantes militares dos estados do sul. Previa-se que nenhum oficial militar em qualquer distrito, ficará sujeita a qualquer funcionário civil dos Estados Unidos. Ao dar poder absoluto para o comandante, a Terceira Lei de Reconstrução confirmou que os estados do Sul estavam sob a lei marcial absoluto, um ponto importante a ser levantada em um desafio constitucional para a validade das alterações XIII, XIV e XV. Há também a questão jurídica a ser feito que, se essas alterações foram e são ilegais, tendo sido decretada a lei marcial, todas as alterações posteriores à Constituição também são inválidas, pois eles não só não são numerados corretamente, mas eles também devem ser considerado como tendo sido promulgada de acordo com as disposições destas três alterações, que mudou os requisitos para a cidadania e direitos de voto! A Quarta Lei de Reconstrução impostas restrições de voto ainda maior sobre os estados do Sul ocuparam militarmente. Porque ele se opôs as quatro Reconstrução Atos, que eram manifestamente inconstitucional, os republicanos radicais mudou-se para o impeachment do Presidente Johnson e removê-lo do cargo. Esta

tem sido uma tática favorita dos que foram derrotados nas urnas, os presidentes Nixon e Reagan foram

mais tarde para descobrir. O movimento pelo impeachment de Johnson perdeu por apenas um voto. Os republicanos radicais passaram os quatro Atos Reconstrução só porque já tinha tomado a precaução em julho de 1866 para reduzir o número de juízes na Suprema Corte de dez para sete, temendo que o

presidente Johnson poderia nomear os juízes que desejam defender a sua opinião sobre o Reconstrução Atos. Essa é a "lei da terra." Em abril de 1869, depois que Grant tinha sido eleito presidente, o Congresso voltou a aumentar o número de ministros para nove, que continua a ser o número hoje. Congresso denunciou posteriormente Presidentes de suas tentativas de "empacotar" o Supremo Tribunal Federal, um privilégio

106

que parece estar reservada para si. Grant juízes nomeados por unanimidade, que governou a defender a inconstitucionalidade Reconstrução Atos. Como Chefe de Justiça da Suprema Corte, Salmon P. Chase, o banqueiro de Nova York, resistiu a todos os desafios para a Reconstrução Atos dos estados do sul em cativeiro, declarando que esses atos foram de fato "constitucional". De 1830 a 1860, ele havia sido reconhecido em Ohio por seu trabalho em ajudar os escravos fugidos, ele foi chamado de "o procurador- geral de escravos fugitivos." Mais tarde fundou o Chase Bank, que agora é aliada Manhattan Aaron Burr's Company para formar o Chase Manhattan Bank. Os republicanos radicais no Congresso foram conduzidos pelo ardente Thaddeus Stevens, um advogado da Pensilvânia que, através de investimentos criteriosos em imóveis, havia se tornado o maior contribuinte Gettysburg. Ele era um aleijado grotesco, clubfooted, descrito por seus contemporâneos como "foxfeatured, . Com voz cava e um pout permanente "Ele era careca dos efeitos de alguma doença, e usou uma peruca cor castanha Por muitos anos, seu único companheiro tinha sido sua amante mulato, um Lydia Smith;. Ele morreu em sua cama O militar. ocupação foi a principal força sustentando as depredações dos aventureiros nos estados do sul. Tinham invadiram rapidamente em acumular enormes fortunas na terra por ter a propriedade dos sulistas pobres confiscados, que sendo incapazes de pagar a ruinosa aumenta votado pelos legisladores malandro. Durante a reconstrução, seis milhões de hectares no estado do Mississippi foram vendidas para impostos atrasados. O malandro legislaturas embarcou em gastos excessivos grande, correndo enormes dívidas do Estado aos banqueiros. Durante a reconstrução, a dívida do Estado da Louisiana aumento 14-48000000

dólares, na Carolina do Sul de 7 a 29 milhões, na Flórida a partir de meros US $ 524 mil para cinco milhões de dólares. O arauto da Fairfield na Carolina do Sul escreveu editorialmente, 20 de novembro de

1872, "Reconstrução

hellborn política, que tem pisado o mais belo e mais nobre dos estados, a nossa

Sul de hoje. A ocupação militar do Sul foi reforçado quando o Presidente Grant passou apropriadamente chamado de Força de Lei de 1870. Este ato suspendeu o habeas corpus e colocou o poder total nas mãos dos ocupantes militares dos estados do sul. Seus atos de execução de 1871 colocou eleições para o Congresso no Sul sob o controlo das autoridades federais, um método que foi revivida nos anos de 1960 e 1970, quando as autoridades federais mais uma vez invadiu os estados do Sul para colocar as eleições sob a sua supervisão. Estes foram os auspícios em que a Constituição dos Estados Unidos foi reescrito e nullfied. Em 1877, 12 anos após o fim da Guerra Civil, 12 anos após a décima terceira emenda foi ratificada, nove anos após a Décima Quarta Emenda foi ratificada, e sete anos depois da Décima Quinta Emenda foi ratificada, Presidente Hayes retirou as tropas federais do Sul Estados. O saque malandro do Sul empobrecido foi tipificado pela carreira de Franklin Israel Moisés Jr. em South Carolina. Seu pai tinha sido nomeado Chefe de Justiça do Supremo Tribunal Federal do Sul

107

Carolina durante o período da Reconstrução, servindo no cargo 1868-1877. Significativamente, ele terminou seu mandato, quando as tropas federais foram retiradas. Em 1866, Moisés Jr. começou a publicar um jornal, Sumter News, que aprovou com entusiasmo todos os quatro Atos Reconstrução. Ele foi eleito como presidente da Câmara pela "Loyal League", um grupo de malandro. Por mais de uma década, ele gastou milhões de dólares em viver em abundância, o dinheiro que ele acumulou por aceitar subornos no escritório, e pelo arquivamento do estado falsos comprovantes de pagamento de centenas de

funcionários estaduais inexistente. Ele também tratou fortemente em contratos com o Estado fraudulentas. Ele comprou uma mansão de US $ 40.000 (o equivalente a US $ 10 milhões em dinheiro de hoje), e foi reconhecido como o maior gastador em South Carolina. Com a retirada das tropas federais, que zelosamente protegidos pelos "direitos" de canalhas como ele veio sob o exame minucioso de seus atos criminosos. Em 1878, para evitar ser processado, ele fugiu para Massachusetts, onde ele finalmente morreu em 1906. Durante o resto de sua vida, ele era conhecido como um viciado em drogas e malandro confiança. A saga de Moisés está impregnado do aroma que assistiram todos os atos do piolhentos e aventureiros no sul. Em "A Era Trágica", de Claude Bowers, um dos muitos livros que documentam os excessos do período de

reconstrução, Bowers escreve sobre p. 29, "

...

em Louisiana, Sheridan barulho da espada, era epítetos "

Bowers

cuspindo em uma tentativa de salvar os radicais atuou com a destruição que eles mereciam ....

descreve a reconstrução de "Cromwell", uma descrição apropriada. A revolução do Sul que serviu de

introdução à era essencialmente uma interpretação Cromwellian dos cananeus Ordem Maçônica. O

escárnio das leis eleitorais e também do sistema legal sob a Reconstrução foi notavelmente expostos por Bowers, quando escreveu sobre o episódio de Durell. Um grupo conservador elegeu John McEnery como governador, mas um conselho ilegal retornando ignorou sua eleição e dada a Governadoria ao seu

adversário, WP Kellogg, sem contar os votos, apesar de um quadro legal de retornar já havia certificado a eleição de McEnery. Bowers escreve, "O bêbado Juiz Federal Durell, com os dedos trêmulos de embriaguez, havia escrito a sua liminar contra a meia-noite, o conselho legal voltar e instruiu EUA

Marechal Packard, o gerente republicano, para tomar posse da casa do estado

O manhã seguinte, o

.... juiz declarou a bordo besotted lícita ilegal e conteve da contagem das eleições retorna. "Bowers observou que" a audácia do crime abalou a Nação ". Terming Durell um" tirano bêbado ", Bowers narra o protesto generalizado contra seu ato cruel. Hoje, o nome de Durell ainda é desprezado no Estado de Louisiana como sinônimo de tirania judicial federal. Durell era típico dos déspotas besotted Oriental, com o apoio de tropas federais, como fazem ainda hoje, que utilizam a Constituição dos Estados Unidos como o papel higiénico quando esmagar o povo de Shem sob a saltos de seus judicial Maçônica Ordem da tirania dos cananeus. Durells É o que fizeram os tribunais federais das instituições mais odiadas na vida americana hoje, em 1987, assim como Durell fizeram com que fossem desprezados em 1872. Devido à depredação de piolhentos como Durell e Moisés, os sulistas derrotados tinham perdido mais de US $ 500 milhões em dinheiro durante a Guerra Civil, o resultado de suas compras patriótico de títulos da Confederação, que foram repudiados cem por cento pelos legisladores malandro. Apenas os seus haveres em terras foram deixadas. Quase a metade dos seus activos foram computados em sua propriedade de escravos, e estes agora se foram. Grande parte de suas terras foi confiscada agora, devido a pesada tributação imposta pela autoridade das tropas federais. De uma população total de sessenta milhões de

euros, os dez estados do Sul havia sofrido cinco e meio milhões de mortes, cerca de dez por cento, um quarto da população masculina estava morto ou incapacitado por 1865. Parece impossível, mesmo para o povo de Shem para ir depois de perdas, ainda sobrevivem eles fizeram, mesmo que o cruel 12 anos do período de reconstrução foi concebido para garantir que nenhum deles iria sobreviver.

108

É um fato de direito que a legislação promulgada durante os períodos de lei marcial é válido somente

durante o período em que é declarada a lei marcial e sustentada. Surpreendentemente, as alterações XIII, XIV, XV e nunca foram contestados com base nesta premissa básica da lei. A décima terceira emenda aboliu a escravidão, embora o presidente Johnson informou o Congresso que não tinha poder para interferir com a escravidão, a Décima Quarta Emenda alterou os requisitos para a cidadania, apesar de o Congresso não tinha poder de agir sobre esta questão. Johnson pediu aos Estados do Sul para rejeitar a Décima Quarta Emenda, ele vetou os quatro Atos Reconstrução, mostrando que o ramo executivo do governo foi sempre contra os excessos dos republicanos radicais no Congresso. O companheiro de Oxford à lei dispõe: "Na Idade Média, a lei marcial significa lei administrado pelo Tribunal de Justiça do Condestável e Marechal-lo agora significa que a lei aplicável em virtude da prerrogativa real para território estrangeiro ocupado, por enquanto, pela armada forças da Coroa ". Assim, as tropas federais que ocuparam os estados do sul estavam se exercitando uma prerrogativa real, que nada tinha a ver com a Constituição dos Estados Unidos, daí veto do presidente Johnson de Atos Reconstrução. Era o exercício de um poder absoluto sobre a população por um oficial militar que era diretamente responsável perante o Presidente. Nenhuma lei marcial foi imposta na Grã-Bretanha desde o século XVII. "A lei marcial poderá, excepcionalmente, ser criada dentro do próprio Estado, em substituição ao governo organizado e da administração da justiça, quando um estado de guerra ou rebelião, uma invasão ou de perturbar gravemente outro existe, nesse caso, a justiça é administrada pelos seus tribunais a lei marcial e militar. " Não pode haver dois governos exercendo a mesma autoridade na mesma área, quando os governos militares foram estabelecidas pelas Leis de Reconstrução, em dez estados do Sul 1865-1877, nenhum outro governo teve a soberania nesses estados, assim, a legislação

não poderia ser decretada, exceto sob a égide da lei marcial e, portanto, quando a lei marcial terminou, toda a legislação promulgada sob a lei marcial foi nula. Black's Law Dictionary, diz a lei marcial ", a autoridade militar exerce controle sobre os civis ou autoridade civil em território nacional. Ochikubo v. Bonesteel, DCCai. Supp F 60. 916, 928, 929, 930." Dicionário Webster diz a lei marcial, "de Marte, deus romano da guerra. Direito aplicado a todas as pessoas e bens no território ocupado pelas autoridades

militares." O Dicionário de Inglês Oxford diz que a lei marcial ", 1548 Hall Chron. HenIV

Ele causou

dyvers lustie homens appele mergulhadores homens mais velhos sobre as questões determinável como o direito comum da corte marcial". OED afirma ainda da lei marcial, "Que tipo de governo militar de um país

ou distrito, em que a lei civil é suspensa e as autoridades militares estão habilitados para prender todas as pessoas suspeitas a seu critério e punir os infratores, sem julgamento formal. 1537 Hen VIII. Vamos, Dk

Norfk St ii PAPR 537

O cours de nossos lawes deve dar lugar ao ordinaunces marciall e quintas, nosso

thinhabitantes o towne vila e aldeia que ofenderam nesta rebelião e eles podem ser um espetáculo ferefull a todos os outros a seguir, que wold praticar qualquer assunto como ". A OED cita Wellington dizendo que

em 1851, sobre o direito militar em Hansard, "A lei marcial foi nem mais nem menos do que a vontade do general que comanda o exército. Na verdade, a lei marcial não significava o direito de todos".

109

Assim, estes três emendas à Constituição foram ratificados, enquanto os dez estados do Sul estavam sob a lei marcial, e "não tinha direito a todos." , A força, os quatro Reconstrução Atos, ea Lei dos Direitos Civis foram aprovados pelo Congresso, enquanto os estados do Sul não foram autorizados a realizar eleições

livres, e todos os eleitores estavam sob supervisão de tropas federais. Mesmo a Rússia Soviética nunca foi

encenada zombarias como dos procedimentos de eleição! O Congresso em 1987 foi ainda mais longe em mudar os requisitos para a cidadania. O Washington Post, Março 17,1987, relatou que o Congresso estava oferecendo agora as vendas de cidadania para 185 dólares cada, com uma taxa de negócio de US $ 420 para famílias inteiras! Espera-se que cerca de dois milhões de estrangeiros vai adquirir estas ofertas cidadania pechincha. A única exigência é que eles sejam criminosos, ou seja, que esteja presente nos

Estados Unidos, em aberta violação das leis dos Estados Unidos. É a maior ameaça para o povo de Shem desde que o presidente Carter convenceu Fidel Castro a deixar-lhe muitos milhares de homossexuais cubanos e marielitos criminalmente insano de importação para os Estados Unidos. A onda de criminalidade que se seguiu por todo o país tem aterrorizado nossas cidades. O negócio Carter-Castro abertamente violados todo o nosso mandato procedimentos de imigração. Há duas conclusões inevitáveis a ser desenhado a partir deste registro em primeiro lugar, que o XIII, XIV e XV as alterações, que mudou drasticamente as qualificações para a cidadania nos Estados Unidos, os direitos de voto e outras questões fundamentais, foram ratificados, enquanto os dez estados do Sul estavam sob a lei marcial, e seus governos legítimos tinham sido substituídos por uma força militar, e dois, que a legislação aprovada durante os períodos de lei marcial efectivamente termina ou é automaticamente revogada quando termina a lei marcial e as tropas sejam retiradas. Os governos de reconstrução, que, como observa Collier's, só poderia ser sustentada pela força, que terminou quando a força foi retirada. Assim, estas emendas à Constituição tenham tido qualquer estatuto legal desde 1877, quando o Presidente Hayes retirou as tropas federais dos estados do sul. Estas alterações são e têm sido inválido desde 1877.

110

Capítulo 8 - O Estado da Virgínia

Os tentáculos do polvo maçônica cananeus são nada mais profundamente enraizada do que no Estado da Virgínia. Conhecida a tradição norte-americana como a "Mãe dos Presidentes", que tem a fama de ter definido os padrões do sul da vida e cultura. Na realidade, Virgínia é uma degradadas, país atrasado, que desde o começo da história tinha sido invadido e vencido pelo "os homens determinados da Maçonaria." Desde a Guerra Civil, o estado tem sido gerido por uma sucessão de aventureiros maçônico, e depois invadido por uma série de milionários, a maioria deles maçons, que comprou fora e expulsa o último de antigas famílias da Virgínia, o lendário "Families First da Virgínia "de suas casas históricas. Na maioria dos casos, estes showplaces foram transformadas em anúncios para o tipo de decoração que é caracterizado em "Better Homes and Gardens". O estado da Virgínia é dominado por três grandes áreas residenciais, o Nordeste, que é uma comunidade- dormitório para os trabalhadores do governo federal em Washington, DC; o eixo de Richmond, que é totalmente dominado pela burocracia estatal em expansão, e na área de Norfolk, que é dominada por uma enorme base naval e burocracia defesa. Assim, o Estado é apenas um vassalo da burocracia. Em uma análise aprofundada, a sua muito "cultura" apregoada desaparece como a névoa da manhã. Sua "grande" composto por dois escritores diletantes ricos, James Branch Cabell e Ellen Glasgow, cuja leitura, e não lidos, livros definham em prateleiras da biblioteca até que sejam eliminados misericordiosamente em vendas de garagem. Estas duas figuras do establishment causaram pouco ou nenhuma influência sobre o mundo literário. Cabell agitaram algumas dezoito volumes sobre um lugar imaginário, que ele chamou de "Poictesme", seu significado, aparentemente, era conhecido por ninguém, mas a si mesmo. tradição literária de Virginia foi enterrado com Edgar Allen Poe. No século XX, escritores e artistas jovens fugir do estado como refugiados cadeia gangue fogem em um fétido pântano, antes de seus talentos são irremediavelmente danificada e envenenados pelos vapores nocivos emitidos por estabelecimentos penitenciários, como Virgínia, o resultado de sua dominação pela burocracia . Estes jovens nunca mais voltar, assim Virginia alimenta a vida cultural de outros estados, mas nunca o seu próprio. Como nos dias mais terríveis do Reino do Terror durante a Revolução Francesa, o estado de Virgínia é invadida por hordas de agentes e espiões, cuja maioria não tem idéia do que eles estão realmente sendo "executado" pelo serviço de inteligência britânico, que controla totalmente os altos funcionários do Estado. O FBI mantém a sua escola de formação na base dos Marines em Quantico, Virgínia. Aqui são ensinadas técnicas para seguir "subversivos", que na maioria dos casos acabam por ser alguém que professa a crença na Constituição dos Estados Unidos. A CIA também tem a sua sede babilônico maciça em McLean, Virginia, bem como várias escolas de formação e "casas seguras" em todo o Estado, áreas fechadas, como Vint Hill e sacrossanto outras conservas. Estas agências mantêm uma estreita ligação (leia-se controle)

sobre as agências locais e estaduais de polícia em todo Virgínia. O policial rube acha muito interessante a ser dito que ele pode manter o relógio enquanto os agentes do FBI ou da CIA burglarize, ou "mala preta", a casa de "dissidentes", roubando tudo o que poderia supor a ser valiosos na definição dele com uma acusação criminal ou cometer lo a uma instituição mental. Algumas das coisas que eles levam, é claro, são simples "valor", que enriquecem os cofres privados dos agentes.

111

Embora tenha havido milhares de tais incidentes dos últimos cinquenta anos, apenas alguns casos desafiadores esses invasores estranhos que já vêm perante os tribunais controlados, onde eles são rapidamente descartados como "paranóia" pelos juízes complacentes. O estado também tem um grande número de espiões em agências como o Conselho de Controle de licor de Estado, o Departamento de Tributação, e de outros organismos cujo zelo decorre directamente dos piores dias do Reinado do Terror. Durante o Império Bizantino, o imperador usou os lucros de seu monopólio licor e vinho para pagar suas despesas domésticas enormes. No estado da Virgínia, um imperador bizantino local, o senador Harry

Byrd, que era então governador, abalroado por meio da Lei do ABC em 1933 em um plebiscito Virginia típico, foi encontrado mais tarde ter sido copiado do estatuto que cria a União Soviética Liquor Trust na Rússia! O patronato e os lucros da confiança de licor que desde então se tornou o sustentáculo da máquina partidária. A rede ABC nos EUA, de agentes aterroriza pequenos empresários com suas táticas cuidadosamente desenvolvidos, como a Gestapo ea vigilância constante. Qualquer relatório desfavorável significa a perda do negócio, depois que o todo-importante "licença" é suspenso. Este poder cria um clima político ideal para o controle totalitário, as extorsões contínuas, o que é eufemisticamente chamado de "contribuições", quer para a máquina política ou para "colecionadores" que prometem passar os fundos junto às partes adequada. Se isso ocorre não é rastreável de qualquer forma. Com estes resultados, Byrd construiu o maior per capita do Estado burocracia socialista nos Estados Unidos, que perpetua o seu domínio sem esforço da máquina ao longo da sua longa carreira política. Para manter a ilusão de uma "democracia de dois partidos", Byrd geralmente permitido oposição simbólica em campanhas políticas para cargos do Estado, mas ele nunca permitiu qualquer adversário sério para desafiar o seu reinado. Como resultado, ele nunca teve a campanha, nem que ele tenha para gastar os milhões que havia sido criado para pagar as despesas de sua campanha. Ele rotineiramente preenchidas as secretarias estaduais com patetas sósia Byrd, idosos, homens de fala mansa, de cabelos brancos, e beberrões, que falou lentamente e com cuidado, com as modulações Velha do Sul de uma lã com tampo de guardião do quarto dos homens na um clube exclusivo. Byrd mesmo era apenas o herdeiro de uma longa corrupção anterior. Após a Guerra Civil, os aventureiros tiveram invadiram Virginia, aproveitando os restos miseráveis de propriedade do Virginians derrotado e empobrecido. A corrupção atingiu o seu apogeu em 1893, quando o controle do Legislativo estadual foi comprado abertamente, como em um leilão de gado, pelo senador Thomas Martin. Martin tinha sido o advogado dos interesses Morgan-Behnont na Virginia, e representavam suas explorações ferrovia substancial, o Chesapeake e do Ohio Railroad, eo de Norfolk e Western Railway. depoimentos no Congresso mostrou que o JP Morgan eo Kuhn Loeb Co. entre eles controladas noventa e dois por cento de todas as ferrovias de milhagem nos Estados Unidos. Ambos eram frentes para os interesses de Rothschild. Os recursos avançados para esse fim pelos interesses Morgan-Behnont (Behnont foi mandatário de

Rothschild nos Estados Unidos) foram utilizados por Martinho em 1893 para comprar nove membros da legislatura em R $ 1.000 cada, o que lhe deu o controle total do organismo. Seu assistente neste suborno foi William A. Glasgow, Jr., o conselheiro-chefe para a Ferroviária de Norfolk e ocidental. Martin principal aliado na luta contra a Assembléia Legislativa foi seu assistente poder, o senador Hal Dilúvio, avô do senador Byrd. Com tais perspectivas políticas antes dele, o jovem Harry Byrd deixou a escola aos quinze anos de idade. Em 1919, Martin morreu, e Byrd assumiu a máquina. Ele governou com mão de ferro durante mais de meio século. Politicamente, Byrd teve acesso a todos os fundos que ele precisava para controlar o estado, isto é, os fundos de lama que os agentes políticos Rothschild rotineiramente dispensados nos Estados Unidos para manter seu controle sobre a nação. Os recursos vieram da Kuhn, Loeb Co. em Nova York, a maior casa de movimentação bancária de investimentos Rothschild nos Estados Unidos. Byrd tinha nascido em Martinsburg, West Virginia, um colega tinha havido um Lichtenstein Lewis Strauss. Strauss mais tarde se tornou um vendedor de sapatos itinerante. Com o advento da I Guerra Mundial, de repente ele apareceu em Washington como "secretário" de Alimentos dos EUA

112

Administração, sendo nomeado assistente de Herbert Hoover, um agente de Rothschild de longa data que havia sido nomeado por eles como diretor de sua empresa familiar, a Rio Tinto. Após a I Guerra Mundial, Strauss foi nomeado sócio da Kuhn, Loeb Co.; Byrd, com o dinheiro Strauss atrás dele, tornou-se governador da Virgínia. Strauss comprou uma grande propriedade em Brandy Station, Virginia, cena da última carga de cavalaria dos Estados Unidos. Ele continuou a sua longa associação com Byrd durante seus anos juntos, em Washington. Quando se aposentou Byrd, Strauss tornou-se gerente de campanha de seu filho. Após a dominação Martin's do estado da Virgínia para cerca de trinta anos, Byrd estava no local para tomar o poder, como Stalin, Lênin estava esperando quando misteriosamente adoeceu e morreu. Para os próximos cinquenta anos, Virgínia, sofreu com o que não foi humoristicamente chamada "praga da Byrd", enquanto ao longo da vida Byrd sacrifícios financeiros para servir o seu país no Senado trouxe um império vasta família de pomares, armazéns, carteiras de bancos, jornais e ações . Tudo isso tinha sido adquirida desde que ele entrou no Senado, Virgínia em 1915. Os milhões Byrd historicamente foram suado de mão de obra barata, que lançam alguma luz sobre por que ele se converteu extensas áreas de Virgínia em regiões sem esperança de pobreza e, ao mesmo tempo, os estados vizinhos, como a Carolina do Norte apreciado incomparável prosperidade. O Byrd ferrugem, o que resultou na famosa área da pobreza rural conhecida como Appalachia, assegurou o império Byrd uma ampla oferta de mão de obra barata, ele e seus asseclas disputada esforços do governo para intervir com seus vários programas. Byrd se recusou a permitir que os fundos federais para ser gasto na Virgínia, a menos que ele manteve o controle absoluto sobre a sua colocação, pois eles estavam para ir para os seus apoiantes políticos; necessidade nenhuma outra aplicação. Byrd percebeu que dispensação de recursos federais traria uma horda de supervisores federais em seu domínio, enquanto ele lutava para permanecer na posição para o nome de cada destinatário dos fundos, garantindo-se o apoio futuro daqueles que havia recebido "a generosidade dos Byrd". Embora ele sempre foi dependente de contribuições dos agentes dos Rothschilds, máquina de Byrd continuou politicamente inatacável por causa da rede estadual de lojas maçônicas, que estava em vigor durante cerca de 200 anos. Eles controlavam as empresas e os escritórios estaduais e locais em cada um

dos condados da Virgínia e aldeias. Ninguém poderia esperar qualquer avanço ou nomeação, ou mesmo

um empréstimo bancário, sem autorização maçônica. O historiador Allen Moger escreve que "os observadores poder Byrd espantado", "foi explicado pelos amigos como uma associação de homens de pensamento similar." Moger não nos diz o que as mentes como foram cometidos, ou que eles eram "os homens determinados, da Maçonaria." Moger livro, a "Virginia: Bourbon Byrd," University of Virginia, em 1968, nem sequer menciona a Maçonaria no índice! Não só isso, mas Moger apenas menciona o Federal

Reserve Act duas vezes en passant, sem crédito dada para o fato de que este projeto foi originado na Câmara de Carter Glass de Lynchburg, co-autoria do senador Owen de Lynchburg, e assinado na lei pelo presidente Woodrow Wilson de Staunton. Na verdade, o Virginian, Woodrow Wilson, deixou um legado inigualável para a nação, ele nos deu o imposto de renda, a I Guerra Mundial, eo Federal Reserve Act. Nenhum outro presidente pode alegar que selou o seu infeliz conterrâneos com tantas cargas de esmagamento. Enquanto Byrd mantido o estado de Virgínia em situação de pobreza, os jornais mantiveram o estado de ignorância. Tendo sido totalmente tomado pela Ordem Maçônica dos cananeus, eles se esqueceram de tudo a impressão de que o Pravda Byrd (ou verdade) desaprovaria. Nenhuma censura era necessário, cada editor e repórter no estado sabia o que era exigido de seu jornalismo imparcial. A área "federal", a comunidade que fazem fronteira nordeste quarto Washington, foi dominado pelo "Washington Post", a propriedade familiar da família Meyer. Eugene Meyer, sócio da Lazard Freres banqueiros internacionais, tinha comprado o papel mais barato e, gradualmente, dirigiu toda a sua concorrência fora do negócio. O ativista político, Lyndon LaRouche, também operava na área de Washington. Ele foi autorizado a rédea livre até que ele publicou uma história que "a viúva negra", Katharine Graham, filha de

113

Eugene Meyer, havia matado seu marido, Philip Graham, para impedi-lo de dar o lugar a sua namorada atual. Pouco depois LaRouche impressa esta história em seu jornal, 648 agentes federais desceram em sua sede em Leesburg, Virgínia, confiscando todos os seus documentos e acarretando muitos de seus assistentes para a prisão. Se eles estavam procurando certificado Philip Graham é a morte, a razão aparente para o ataque, eles não encontrá-lo, as agências em causa tinha se recusou a liberá-lo, ou até mesmo deixar ninguém vê-lo. Se LaRouche teve dúvidas sobre o poder por trás do "Washington Post", ele foi rapidamente esclarecido, sua operação inteira parecia ter sido quebrado. Byrd-se tradicionalmente previstas a linha do partido para o Estado em sua cadeia de jornais, que foi executado a partir de Winchester. Uma pesquisa por professores de jornalismo classificou o estado da Virgínia, 49 no país no registro de suas campanhas de imprensa "de serviço público. papéis de Byrd, como a maioria dos outros jornais da Virgínia, eram geralmente considerados "o fim da estrada" pela profissão por causa da sua baixa remuneração e condições de trabalho. A maioria dos editores de Virgínia, os maçons para o homem, conforme a imagem que Byrd cultivada, e aspirava apenas para ser aceito no local "propriedade rural". Ao mesmo tempo, eles continuamente impressos editoriais cinicamente negar a existência nunca tinha sido uma "máquina Byrd", no estado da Virgínia! A imprensa leste do estado, está totalmente dominado pelo Media General, um conglomerado que tinham sido colocados juntos dos jornais Richmond e Norfolk publicação. Os documentos de Richmond tinha malandro forte e conexões carpetbagger, após a Segunda Guerra Mundial que mostraram a direção da CIA poderoso. Seu presidente, Joseph Bryan, tinha servido na Inteligência Naval durante a I Guerra Mundial, e como presidente do 5 º distrito do Federal Reserve. Para provar sua estelar credenciais liberais, ele foi nomeado para o Conselho de Supervisores da Universidade de Harvard. Seu filho casou-se com a fortuna da Standard Oil, a Harkness família Davidson. Ele também é diretor da Hoover Institution, um think tank de direita, supostamente, e um membro do exclusivo Bohemian Club de San Francisco. O vice-presidente sênior de Mídia Geral James A. Roupa IV. Anteriormente vice-presidente do National Enquirer, que tem a reputação de ser uma CIA ou de uma

operação da máfia, ou ambos, ele é o filho de James A. Roupa III, o editor de longa data da revista Time. James A. Roupa IV também é presidente do tailandês American Corporation, que atua na área de marketing do império da droga conhecida como "Triângulo Dourado", uma área que foi dominada pela CIA por anos. O fundador do burro (mais tarde a CIA), William J. Donovan, foi nomeado embaixador da Tailândia em 1953. Por muitos anos, Jornal Richmond tinha como presidente do conselho de Paul Manheim, sócio do Lehman Brothers em Nova York. O Lehman milhões feitos durante a Guerra Civil, quando funcionava como agentes e mediadores de ambos os beligerantes, movendo-se facilmente frente e para trás através das zonas de guerra. Paulo Manheim também foi diretor do Bankers Trust, em Nova York, ea Paramount Pictures em Hollywood. Seu irmão Frank Manheim, também parceiro do Lehman Brothers, foi diretor da Warner Brothers. Exerceram o controlo financeiro sobre esses estúdios gigante durante os anos em que os produtores implacavelmente churned fotos de esquerda, o que não poderia ter

sido feito sem sua aprovação.

A passagem de Harry Byrd não trouxe nenhuma mudança significativa para

a mão de ferro que governou a Virgínia, os mesmos funcionários da Ordem Maçônica dos cananeus continuaram a exercer o poder absoluto. O Estado se tornou ainda mais deprimido, seu povo ainda mais desanimado, e cada vez mais desconfiados uns dos outros, mergulhada em auto-ódio e tristeza. A excrescência Byrd foi meramente a manifestação do século XX de um câncer que tem vida apodreceu na Virgínia, desde o início do povoamento. trabalho definitivo Vernon Stauffer, o "New England os Illuminati da Baviera", reproduz um discurso feito por

114

Rev. Jedediah Morse, entregue em Charleston em 25 de abril de 1799, do qual trecho: "Há muito tempo

se suspeita de que as sociedades secretas, sob a influência e direção da França, os princípios exploração

subversiva da nossa religião e governo, existiu em algum lugar deste país

eu, meus irmãos, um oficial,

.... autenticado lista de nomes, idades, lugares de nascimento, profissões & c. dos diretores e membros de

uma sociedade de Illuminati (ou como eles são agora mais geral e bem decorados Illuminees), constituído

por cem integrantes, instituído no Estado da Virgínia, pelo Grande Oriente de França

instituição é 1786

....

A data da sua

.... "Morse, em seguida, uma letra traduzida em francês para o benefício do público, a

partir do Francês Mestre aos discípulos Virgínia, "No leste da Loja de Portsmouth, na Virgínia, a 17 do mês

5, no ano de (V

..

L.) Verdadeira Luz 5798:. A (R Pte

L. .. .. ..

FSE) francês respeitável Provincial Lodge,

regularmente nomeados, sob o título distintivo da sabedoria, No. 2660 pelo Grande Oriente de França.

PARA A (T

R

L.). Francês muito respeitável Lodge, a União, n º 14, constituído pelo Grande Oriente de

Nova Iorque. S

F

V

TT

CC

e RR

FF. "Essas siglas são, aparentemente, um código secreto. A

carta continua a reportar a criação de duas novas oficinas maçônicas em Petersburg, Virginia, e no leste

de Port de Paix, na Ilha de Santo Domingo. Fecha-se com a saudação "Que o Grande Arquiteto do

Universo abençoe seu trabalho, e coroa deles todo tipo de sucesso. P

..

L

..

N

..

M

..

Q

..

V

..

S

..

C

..

TT ..

CC

TT

RR

FF

Por despacho do muito respeitável Loja Provincial da Sabedoria, Guieu, o

.. secretário ". Morse declarou que não havia naquela época, pelo menos, mil e setecentos Illuminati nos

..

..

..

e

Estados Unidos", realização sistemática do plano de revolucionar esse país

As mudanças que eles

.... podem produzir pela influência secreta e intrigas, novela das artes que podem assim apresentar diante dos olhos dos homens, são, sem dúvida, ser meio eficaz de ensinar aos homens o novo sistema de filosofia, que fixa em desafio, e condena todas as velhas e estabeleceu-se opiniões, por que os governos das nações e da conduta dos indivíduos até então têm sido dirigidas. " Assim, encontramos a partir de investigação Rev. Morse que o estado de Virgínia tinha sido infiltrada, e estava sendo "executado" como uma colônia pelos Iluministas franceses. Todo o tempo, o povo da Virgínia suposto que eles tinham um governo estadual composta por políticos dedicados, que desejava apenas para servir a esse estado. Isso nunca foi o caso. A sociedade secreta foi sempre no controle. Desde o início, os cananeus maçônica na Virgínia sempre apreendidos os mais altos cargos. A carreira de Edmund Randolph ilustra perfeitamente este ponto. O Winchester Lodge n º 12 foi criado pela Grande Loja da Pensilvânia em 1768. (Winchester era a sede ao longo da vida de Harry Byrd durante seu governo de cinqüenta anos de Virgínia, ele era

dono do jornal Winchester.) A Grande Loja da Virgínia, foi estabelecido em Williamsburg, que era então a capital da Virgínia, em 13 de outubro de 1768, e Diz-se ser o mais antigo da Grande Loja nos Estados Unidos. O primeiro Grão-Mestre da Grande Loja da Virgínia era John Blair. Naquela época, ele era o governador em exercício de Estado da Virgínia. Em 27 de outubro de 1786, Edmund Randolph foi unanimemente eleito Grão-Mestre da Grande Loja da Virgínia. Ele era naquela época a Procuradoria Geral do Estado da Virgínia. Daquele dia em diante, o sistema jurídico da Virgínia tem sido continuamente nas

mãos da Ordem Maçônica.

No dia seguinte à sua eleição como Grão-Mestre, Edmund Randolph assinaram

a Carta das Staunton, Virgínia, Lodge, que se tornou Lodge n º 13. O número 13, como já salientado, é de

enorme importância na Ordem Maçônica. Loja n º 13, tem desempenhado um papel central na condução dos assuntos do Estado desde então. De fato, a Suprema Corte da Virgínia, estabelecem os seus

escritórios na Loja n º 13 do Edifício Maçônico. Edmund Randolph teve uma carreira notável, que se deslocam facilmente de um alto cargo para outro, como normalmente ocorre quando se tem o poder mundial da hierarquia maçônica atrás dele. Sua trajetória foi

115

consideravelmente mais suave depois que ele se juntou ao Lodge Williamsburg da Antiga Ordem dos Maçons York na idade de 21 anos, em 1774. Poucos meses depois, ele foi dado o sinal de honra de ser nomeado ajudante de campo do General George Washington si mesmo. No ano seguinte, foi nomeado o primeiro procurador geral do Estado da Virgínia. Ele foi nomeado Vice Grão-Mestre da Grande Loja da Virginia em 1785, e então ele lançou a pedra fundamental da nova Loja Maçônica em Richmond. No ano seguinte, foi nomeado Grão-Mestre. Não só foi Edmund Randolph simbólica do poder maçónico, ele e sua família também representou o poder tradicional da coroa britânica nas colônias. Seu pai, John Randolph, foi procurador do rei, como tinha sido seu avô, Sir John Randolph. pai de Edmund Randolph, um dirigente Tory, provou sua lealdade ao rei, deixando Virgínia com a partida regulador britânico, Lord Dunmore, e retornando para a Inglaterra com ele. Ele nunca mais voltou à América, mas seu filho teve um papel crucial em escrever a Constituição! Edmund Randolph foi adotado por seu tio, Peyton Randolph, após a deserção de seu pai, seu tio também era procurador do rei. Peyton Randolph também foi um Grão-Mestre da Ordem Maçônica, ele logo foi nomeado primeiro presidente do Primeiro Congresso Continental. Assim, vemos que o poder britânico nas colônias, exercia através do seu rei Procuradores, também foi empunhada por um dos membros da Ordem do pedreiro, o Rito de York, que tradicionalmente era chefiada por um membro da família real. Peyton Randolph não tiveram filhos; Edmund herdou suas vastas propriedades. Não só era a lealdade Edmund Randolph à causa americana ofuscada pela deserção de seu pai, ele próprio mostrou fortes sinais de lealdade para com a Inglaterra. Thomas Jefferson relatou que, quando Patrick Henry fez seu famoso discurso, "Dá-me a liberdade ou dê-me a morte", foi Edmund Randolph e seu professor de Direito, George Wythe, que saltou a seus pés, gritando: "Traição! Mais tarde, Edmund Randolph e Patrick Henry quase travaram um duelo durante a sua discussão para saber se Virgínia deve aderir à União Europeia. George Clinton, de Nova York, um membro dos Illuminati e líder maçom, ofereceu Randolph um acordo para juntar-se a Nova Iorque, em oposição à ratificação da Constituição. Em vez disso, Randolph calado sobre o assunto, e foi recompensado por Washington com o cargo de procurador geral dos Estados Unidos, Washington, em seguida, nomeou o segundo secretário de Estado, depois de Thomas Jefferson renunciou. Virgínia era o décimo estado a ratificar a Constituição, Nova York foi o décimo primeiro. Foi Edmund Randolph, que na verdade foi a mão invisível por trás da escrita, da Constituição. A

convenção havia sido chamado para alterar os Artigos da Confederação até o ponto onde eles seriam

aceitos pelos estados. Em vez de fazer isso, Edmund Randolph, que era então governador da Virgínia, habilmente dirigida aos delegados que a idéia de escrever um novo conjunto de leis, a Constituição, como uma entidade federal que integrará os estados. Ele saltou da agenda para esta nova causa de ação sobre

os delegados, sem aviso prévio, e logo os convenceu de que este seria o melhor caminho a seguir. Assim foi o Grão-Mestre da Virgínia, Edmund Randolph, em conluio com Aaron Burr e inteligência britânico, que impingido à nação o conceito de um governo federal que poderiam governar acima das soberanias dos Estados. Todos os nossos subseqüentes julgamentos políticos, incluindo a Guerra Civil, teve origem desta conspiração maçônica, que aperfeiçoou a techniqiue de acabar com a soberania dos diversos estados, e colocá-los sob o despotismo oriental Maçônica de um governo central federal. Isso foi feito como uma típica conspiração maçônica cananeus. O "Registros de-Convenção Federal" show de Virgínia contingente composto por "Sua Excelência, George Washington, George Wythe, o governador Edmund Randolph, John Blair, James Madison, George Mason, e James M. McClurg. Blair foi o ex-grão-mestre da Grande Loja da Virgínia, Edmund Randolph foi o atual Grão-Mestre.

116

George Wythe ler as regras que deveriam ser seguidas durante a convenção. Em 29 de maio de 1787, a

estipulação foi feita "que o governo federal não pôde verificar as brigas entre os estados, nem uma rebelião em qualquer estado que tenha o poder constitucional, nem meios para interposição de acordo com a exigência." Gov. Edmund Randolph abriu o processo, lançando um ataque total contra os Artigos da

"Ele observou que a confederação não preenche nenhum dos objetos para os quais foram

enquadrados [Ele então listou; citamos o número 5.] 5 Não é superior às constituições estaduais Assim,

vemos que a confederação é incapaz de se opor a ninguém

para os quais foi instituída. Nosso principal

.. perigo advém da parte democrática da nossa constituição. " Randolph, então, levantou o espectro da falta de defesa, alegando que os estados não tinham defesa contra ataques, e pediu um plano de defesa nacional. Ele ignorou o fato de que os estados tinham acabado de concluir uma revolta bem sucedida contra a maior potência militar do mundo. Como parte da conspiração maçônica, Randolph utilizado este espectro para impingir sobre a convenção de uma nova Constituição, que estabeleceu o legislador nacional, uma executiva nacional, e um sistema judiciário nacional, criando assim o que nunca tinha sido desejado ou imaginado por outros delegados, um poder federal supremo ter o controle de diversos estados. Como é frequentemente o caso com maçons de destaque, a carreira pública Randolph foi marcado por escândalos repetidos, devido ao seu envolvimento com poderes estranhos. Ele havia se envolvido profundamente com o aventureiro Illuminati, Edmond Genet, que tinha sido enviado como o primeiro embaixador francês para a nova República. Genet desembarcou em Charleston em 08 de abril de 1793, a ser entusiasticamente saudado por seus companheiros maçons da Loja Charleston, a Loja-Mãe do Mundo. Genet imediatamente começou a agir como uma conquista geral, a emissão de comissões e cartas de corso para seus colegas maçons. Quando chegou em Washington, ao invés de apresentar suas credenciais ao Presidente imediatamente Washington, como o protocolo exigia, ele ignorou. Em vez disso, Genet deu um grande banquete, durante o qual recebeu demonstrações e deputações como, um monarca em visita. Durante a cerimônia, o barrete vermelho simbólico frígio dos revolucionários Illuminati foi reverentemente passaram de mesa em mesa. Observadores logo notou que "a insolência arrogante de Genet crescia de dia para dia mais insuportável." Thomas Jefferson, que era então secretário de Estado, foi assediada diariamente com as demandas que as credenciais de Genet ser rescindido, e que ele será convidado a deixar a capital. Jefferson recusou-se a essas demandas. À medida que aumentou, e mais pressão foi exercida sobre ele, Jefferson, em vez de agir contra um pedreiro, renunciou ao cargo de Secretário de Estado. Washington designou Edmund Randolph para sucedê-lo. Em 1794, Genet estava ocupado a organizar um exército para invadir a Flórida e Louisiana e aproveitar os territórios da Espanha. Este foi um elemento-chave de uma trama maçônica criar uma república independente nas fronteiras das treze colônias, e, possivelmente, mais tarde, para invadir e reconquistar os Estados Unidos para a Inglaterra. Quando ele foi informado desses objetivos militares de Genet, o presidente Washington não teve outra alternativa senão ordenar o secretário de Estado Randolph para apreender as credenciais de Genet e tê-lo removido. Incrivelmente, Randolph deixou de agir sobre este pedido direto do presidente. Para proteger

Genet, ele atrasou o processo. No entanto, Genet era um membro da facção girondino em França, que já tinha sido derrotado por Marat, ele foi ordenado recordar, e um novo embaixador, José Fouchet, agora chegou da França. Presidente Washington também emitiu uma proclamação travar expedição contra a proposta de Genet Flórida e Louisiana. Este documento, datado de 21 de fevereiro, 1794, também foi retido por Randolph para ajudar Genet. Em 24 de março, exasperado com os repetidos atrasos Randolph, Washington emitiu pessoalmente a proclamação si mesmo. Enquanto isso, Genet tinha ido para Charleston,

117

onde ele foi saudado como um herói conquistador pelos membros da Loja Charleston, incluindo Stephen Morini, Israel Abraão, Isaac e Abraão da Costa, Samuel de la Motta, Delieben Israel, e Alexander Abraham. Em agosto de 1795, as expedições de Fouchet para a França foram apreendidos pelos corsários, os papéis encontraram seu caminho de volta para o presidente Washington. Estes documentos diplomáticos continha uma série de documentos que claramente implicado Edmund Randolph em negócios financeiros com Fouchet, mostrando evidências de corrupção e traição. Uma vez que ele tinha visto esses trabalhos, o Presidente Washington não teve alternativa senão pedir a demissão de Randolph. Ele é o único secretário de Estado que teve que renunciar ao cargo em tais encargos. Randolph nunca mais ocupado um cargo público, apesar de ter vivido 38 anos depois de sua desgraça, morrendo em 1813.

Depois de Edmund Randolph enviado em sua demissão, as contas do secretário de Estado mostrou que 49.000 dólares estava faltando a partir dos fundos do departamento. A posterior investigação do Departamento do Tesouro apresentaram um adicional de US $ 61 mil estava faltando, para a qual Edmund Randolph foi o único responsável. Assim, o Grão-Mestre da Maçonaria Virgínia deixou o cargo sob uma nuvem de acusações de corrupção, traição e peculato. Isso foi surpreendente em um homem que tinha jurado se rebelar contra Deus, e para impor a adoração demoníaca de Baal em sua inocentes concidadãos. Os fundos do governo em falta não foram recuperados. Edmund Randolph dedicou seus últimos anos à prática da lei. Por causa de suas conexões maçônicas, ele nunca quis para os clientes. Ele também trabalhou durante anos na escrita de uma História maciça de Virgínia, que começou em 1786 e, finalmente, concluído em 1810. Por alguma razão, ele não fez nenhuma tentativa para tê-lo publicado. O manuscrito foi armazenado por muitos anos em Staunton Lodge n º 13, e foi finalmente publicado pela University of Virginia Press em 1970. Embora seja uma obra wellresearched e factual, que não contém uma única referência à Maçonaria ou na parte em que esta organização desempenhou no controle do estado por detrás dos bastidores. Durante sua carreira jurídica, Edmund Randolph recebeu grande publicidade por causa de sua defesa de dois criminosos, controverso, George Wythe Sweeney e Aaron Burr. Sweeney foi o sobrinho de George Wythe, que é geralmente considerado como o pai da profissão de advogado nos Estados Unidos, por causa de seu longo mandato como professor de Direito na College of William and Mary, em Williamsburg. Seus alunos incluídos Thomas Jefferson, Edmund Randolph, e muitas outras figuras políticas. Como seu amigo, Edmund Randolph, George Wythe compromisso com a causa da Revolução sempre foi suspeito. Foi Wythe e Randolph, que tinha gritado "Traição! em Patrick Henry. Em 1793, George Wythe, na qualidade de juiz do Tribunal de Chancelaria de Richmond, pronunciou-se contra os americanos e britânicos concedido credores o pagamento integral dos devedores Virginia em todos os empréstimos anteriores à Guerra Revolucionária, mantendo-os à valorização integral dos empréstimos. Muitos virginianos exigiu que Wythe ser linchado por causa desta decisão Tory, embora o mais provável era um maçônica. Wythe tinha uma mulher jovem que morreu depois de apenas um ano de casamento, ela foi, mas dezesseis anos. Henry Clay, em seguida, tornou-se secretário Wythe em Chancery Court e durante alguns anos era como um filho para ele. Wythe governanta, uma escrava chamada Lydia

Broadnax, se tornou seu consorte, e teve um filho com ela, a quem ele posto em liberdade. Dr. João Pombo relatou os acontecimentos subsequentes em um documento agora conhecido como "Dove" Memorando "Wythe tinha uma mulher amarela com o nome de Lídia, que viveu com ele como esposa ou amante, como era bastante comum na cidade por esta mulher que ele. teve um filho chamado Mike. "

118

Em 1806, Edmund Randolph foi chamado por Wythe para escrever um aditamento à sua vontade, desde que algumas de suas ações no Banco de Virgínia ser deixado a seu filho, Mike. Wythe tinha um sobrinho- neto chamado Sweeney, que era para ser seu herdeiro principal. Wythe alegou que o sobrinho tinha sido roubado, e ele chamou Randolph para escrever um codicilo segundo Mike deixando o restante de suas ações do banco. Na verdade, a decisão Wythe foi alertado por sua paixão pela jovem, que há algum tempo vinha servindo-o como um depravado, de acordo com a maldição de Canaã. Através do processo natural de envelhecimento, Lydia, que era aproximadamente a mesma idade que o venerável Wythe agora, já não era um parceiro de cama satisfatória. Wythe, ainda lusty além de seus anos, agora começou a se satisfaça com seu desgraçado mulato bonito. Superado pela sua paixão pela juventude, ele cometeu seu erro fatal. A tradição do sul do país foi a de que um proprietário pode pai de filhos mulatos como ele desejou, eles que são uma mercadoria desejável comerciais e os de pele mais clara, maior o preço, uma tradição tão poderosa como foi que os filhos nunca poderia herdar o dinheiro ou propriedade. Eram muitas vezes deixou algumas roupas, talvez o relógio de ouro, mas o dono nunca se esperou que conceder-lhes status pela vontade deles grandes somas de dinheiro ou de explorações de terra. Porque ele violou este princípio fundamental, Wythe foi assassinado pelo seu legítimo herdeiro. vai Wythe, desde que se Mike precedido na morte, Sweeney receberia toda a propriedade. Sweeney preparou o café para seu tio-avô e Mike, e atou-o fortemente com arsênico. Ambos morreram em agonia. Sweeney foi acusado de assassinato, e indícios de danos muito foi apresentada contra ele, que ele havia comprado, arsênico e depoimentos de Lydia que ela tinha visto ele colocar algo no café. No entanto, Edmund Randolph, que defendeu Sweeney, ganhou absolvição pelo júri. Assim George Wythe, o pai da profissão de advogado nos Estados Unidos, tinha uma história pessoal repleta de miscigenação, homossexualidade e assassinato por envenenamento por arsênico. Aqui, novamente, podemos apenas conjecturar que a maior parte das palhaçadas depois da profissão de advogado nos Estados Unidos viria a ser igualmente coloridas, se a sua verdadeira história poderia ser revelada ao público. Wythe violou um princípio básico pelo qual viveu sua sociedade, e assim o seu assassinato não foram punidos. A cena é digna de um drama turgid na Roma antiga, talvez para ser definido como música de Verdi, um aristocrata do envelhecimento resolve deixar sua herança para sua catamito complacente, e imediatamente é envenenado por um parente com raiva. De alguma forma, não fica surpreso ao descobrir que o ator principal neste drama suado é também o fundador reconhecido da profissão de advogado nos Estados Unidos. Edmund Randolph fez outra aparição para defender um famoso criminoso, depois de ter retardado a ação do governo contra Edmond Genet, Genet foi finalmente deportada. O enredo de criar uma república rival na Louisiana, foi então assumida pelos líderes maçônicos Edward Livingston e Aaron Burr. Burr foi finalmente levado a julgamento por traição em processos sensacionais que foram realizados em Richmond, Virgínia. Aqui, novamente, os maçons trouxe em seu ex-grão-mestre, Edmund Randolph, para defender Burr. Não surpreendentemente, o juiz foi Chief Justice John Marshall, que estava naquele

momento Grão-Mestre da Loja da Virgínia. Burr foi absolvido. Na verdade, para ter o condenou, seria

necessária a força para desafiar toda a conspiração maçônica cananéia nos Estados Unidos. Tal pessoa não apareceu. A absolvição surpreendente de Burr por seus companheiros de conspiração maçônica foi repetida milhares de vezes nos tribunais Virgínia. Stephen King relata em "A Irmandade", que na

Inglaterra, 50-70 por cento de todos os juízes são maçons, e que noventa por cento dos membros da Sociedade de Direito (correspondente à nossa Ordem dos Advogados) são maçons. O sistema legal nos Estados Unidos, de todas as aparências, tem uma preponderância ainda maior de maçons. Assim, não temos federal, estadual,

119

ou os tribunais locais, temos os tribunais só maçônica. O resultado é que as decisões judiciais sobre as regras de evidência, os movimentos a favor ou contra a descoberta, e outros procedimentos legais, sejam decididas apenas na base de que vai ajudar ou prejudicar um maçom envolvidos no processo. Os comandos Maçônica Handbook (p. 183-184): "Sempre que você vir qualquer um dos nossos sinais feita por um irmão do pedreiro, e especialmente o grand sinalização sinal de perigo, você deve sempre ter a

certeza de obedecê-las, mesmo correndo o risco de sua própria vida Se você estiver em um júri, eo réu é maçom, e faz o sinal grand sinalização, você deve obedecê-la;. você deve concordar com os jurados do seu irmão, se necessário, mas você deve ter cuidado para não levar o maçom em como culpados, para que traria desgraça para a nossa ordem ". Foi por estas razões que o congressista Thaddeus Stevens patrocinou uma resolução exigindo que a Maçonaria seja suprimida, denunciando-o como "um segredo, juramento ligados instituição, assassina, que coloca em risco a continuidade do governo republicano", e ainda exigiu que ser um Maçom seria causa para o desafio peremptório no tribunal, e tornava ilegal por um pedreiro para funcionar como juiz em um julgamento envolvendo um outro pedreiro. Durante anos, milhares de americanos foram confundidos pelas decisões estranhas prestados nos nossos tribunais. Eles não sabem o que tem ocorrido, as vítimas destas injustiças não temos nenhuma maneira de saber que eles tenham sido submetidos aos pressupostos arrant de um despotismo oriental disfarçado sob a cor da lei, que não há justiça pode ser administrado se o juiz tomou uma juramento sob pena de morte para sempre decidir em favor de um irmão maçom. Mas, pergunta o cético, o que se ambas as partes em um processo são maçons, e que o juiz é um pedreiro que então? Nesse caso, meu amigo, o caso será julgado pelos seus méritos. No entanto, se um não-maçom é um partido com o terno, ele é obrigado a perder.

O Manual continua: "Você tem que esconder todos os crimes dos maçons seu irmão

,

com exceção do

Manual do Maçônica diz: "Se você nos enganar, errado, ou fraudar qualquer outra sociedade ou indivíduo, é inteiramente seu negócio se você enganar o governo, mesmo, a Maçonaria não pode e não vai tocar em você;. Mas deve ser muito cuidadoso para não se enganar, errado, ou fraudar um irmão Mason ou pousada. Quem nunca outra coisa que você pode defraudar, viver de acordo com as suas obrigações [maçônica] ". Este novo é apenas uma reafirmação da vontade de Canaã. Os tribunais de Virgínia são particularmente cruel nos procedimentos jurídicos envolvendo a descoberta antes do julgamento, ou questionamento do adversário.

120

Em muitos processos cíveis, este escritor viu sua descoberta demandas ignoradas pelo adversário sem qualquer penalização, mas em todos os casos, quando o adversário e seus advogados Maçônica fazer as exigências mais ultrajantes sobre este escritor, nunca o juiz não consegue colocá-lo sob ordem judicial para fornecer o que as solicitações adversário. Em uma ação recente, em que este escritor demandado para recuperar desvio substancial da receita de sua história de Sistema da Reserva Federal, o fraudador teve seus advogados lugar este escritor sob ordem judicial para a produção de todas as contas de seus gastos e declarações de imposto de renda para o passado 33 anos! Quando ele não podia fazer isso, ele foi confrontado com uma pena de prisão indeterminada, com a alternativa oferecida pelos advogados de que ele poderia virar a conta bancária de todo o produto da venda de seu livro. Isso foi feito, o resultado de trinta e cinco anos de trabalho foi para uma pessoa sem escrúpulos que tiveram a clarividência de contratar dois dos mais influentes escritórios de advocacia politicamente ligado na Virgínia, para defendê- lo. Em qualquer caso, não este escritor, sendo um maçom, não tinha expectativa de obter justiça em um tribunal norte-americano, e ele nunca foi. O sistema americano de jurisprudência, tal como é praticada, é a consagração de um regime de despotismo oriental para obrigar a não-maçons a aderir à escravidão

pelos maçons. Este sistema, que não tem relação com a Constituição dos Estados Unidos, sua autoridade

emana do livro Direito hindu de Manu, "O mundo inteiro é mantido em ordem por punição". Este é o completo oposto da lei do povo de Shem, tal como consagrado no direito anglo-saxão comum, e que se baseia na suposição de que porque os homens são basicamente bons, que nunca deveria ser obrigado a praticar qualquer ato contra a sua vontade . Karl Wittfogel expõe o sistema em sua obra, "A Sociedade hidráulico", no qual ele define o nosso sistema jurídico como um sistema de despotismo oriental que se baseia no controle do governo do abastecimento de água, a sua colocação subsequente destes suprimentos para adeptos favorecidos, e a condenação de todos os outros a sofrer com a falta de água para empreendimentos agrícolas ou necessidades casa. Assim, as agências governamentais têm feito grandes progressos em tomando o controle de água, estando esta última tentativa desesperada da burocracia da Virgínia para colocar todos os poços rurais sob controle estatal, e os metros, carregando o agricultor para a água M sua própria terra! Este plano soviético é apoiado por freneticamente agrícolas "especialistas", faculdades, e outros burocratas. O desrespeito que se seguiu a lei ea ordem cria um clima em que o cidadão não pode mais acredita ou confia em ninguém ou de qualquer funcionário. Isso produz desespero, que por sua vez, em breve produzirá mudanças sociais. Chegamos ao auge da manipulação cínica do nosso sistema jurídico, perjuros e conspiradores penal sob as instruções da sua ordem maçônica cananeus. Ou vamos restaurar o Estado de direito, ou esses déspotas orientais irá reduzir todos nós servos obedientes ao seu comando todos os dias. Para andar em um tribunal da Virgínia e ouvir as risadinhas dos advogados e juízes maçônico, desprezo de quem não teve a clarividência de alistar-se na sua conspiração sinistra, é perceber a degradação final de um estado, uma vez orgulhoso e seu povo. A dignidade do cargo de governador da Virgínia pode ser medido pelo fato de que ele já foi comprado por uma herdeira da DuPont como um

presente de aniversário para o marido. Ela explicou mais tarde em um chá Capitol, "Eu queria ter-lhe alguns móveis antigos para o seu aniversário, e quando eu comprei ao redor, eu achei que a cadeira do governador foi a coisa mais barata do mercado!" Um empresário de Ohio que se tinham estabelecido na Virgínia descobriram que ele precisava de uma certa medida aprovada pelo Legislativo estadual, a fim de proteger a sua empresa. Ele perguntou nervosamente um fazendeiro da Virgínia proeminente, "Posso olhar para alguém lá que precisa de alguma ajuda financeira?" "Não seja ridículo!" bufou o seu amigo. "Você não poderia comprar um único daqueles povos. Eram todos comprados e pagos antes de chegar lá!"

121

O legado Byrd vive no controle de ferro mantido sobre todos os aspectos da vida na Virgínia, a imprensa

estatal, e os governos locais, a educação eo controle maçônico do sistema judicial. A tradição carpetbagger foi confirmada na área em que dois aventureiros ricos, Rockefeller de Nova York e Robb do Texas e oeste pontos, não encontrou nenhuma dificuldade na compra de escritório. Rockefeller comprou a Governadoria da Virgínia Ocidental (que tinha sido ilegalmente arrancados Virginia território durante a Guerra Civil). Robb tornou-se governador da Virgínia, depois de afirmar que a descida de um John Lewis, que fugiram de Portugal após cometer o assassinato. Como um oficial da Marinha jovem e bonito, Robb pegou o olho roving do presidente Lyndon Johnson, que mais tarde se casou com ele fora de sua filha. Assim, Robb foi o beneficiário dos milhões Johnson, que, como o império Byrd, tinha sido acumulado durante uma longa carreira de serviços dedicados ao público. Como governador, Robb criou sua própria revolução, virginianos impiedosamente tiro com bons registros, e substituí-los com os negros e as feministas. Suas políticas socialistas criado o caos em muitos departamentos, principalmente no departamento de correções, onde motins generalizados esperanças destruídas Robb de maior cargo público. Como parte de seu regime cananeus para degradar ainda mais os virginianos, ele ofereceu US $ 1.000 em dinheiro a qualquer negro que se matricular em escolas de Virgínia, mas havia poucos compradores. Com o estado da Virgínia, em frangalhos, como resultado das políticas de Robb, o Partido Republicano era uma "barbada" para obter o estado escritórios. Sabendo que ia perder de qualquer maneira, os democratas decidiram executar um negro como vice-governador, o primeiro candidato como para o escritório nacional. Incrivelmente, os líderes nacional republicana, em seguida, instruiu os republicanos da Virgínia não para montar uma campanha na oposição, alegando que eles possam ser interpretados como sendo "anti -. Negra" Os republicanos abandonaram sua campanha, e os democratas surpreendido venceu com facilidade, sem qualquer oposição. Eles imediatamente impôs um aumento de impostos 426 milhões dólares em todos os virginianos, os republicanos tinham sido firmemente contrários a qualquer aumento de impostos. Estima-se que cada voto para os democratas na eleição custaria aos contribuintes infeliz em Virgínia um adicional de US $ 1.000 por ano. Neste recital de potência maçônica e suas operações compete no estado da Virgínia, que não quiseram declarar qualquer outro ligeiro. Em Nova York, Illinois e outros estados, os conspiradores Maçônica ditar a escolha de candidatos políticos, como serão financiados, e se eles serão eleitos. Os criminosos estão empenhados em manter o controle maçônica através de seu sistema babilônico demoníaco monetária, o que lhes dá um poder absoluto, que controlam todos os aspectos do sistema econômico através de suas técnicas de tributação e dos juros. Todo ato de governo é legislado com este programa em vista. Em 1967, este escritor lançaram um apelo público para o povo da Virgínia, intitulado "Cinquenta Anos da Vergonha", que terminou com a demanda:

"5. Restauração do governo da Virgínia para o povo da Virgínia Abolição do tipo soviético. confia, como a Câmara do ABC e restauração da livre iniciativa e pequenas empresas de propriedade individual. Logo a Byrd era só será uma mancha negra na história deste estado justo. Vamos trabalhar juntos para alcançar a Virgínia que amamos, da Virgínia que queremos, a Virgínia de nossos grandes tradições "Apesar da distribuição em todo o estado do presente recurso, os covardes e os cidadãos desmoralizados de Virgínia tinha medo de fazer uma única resposta.

122

Capitulo 9 – As Guerras Mundiais

Albert Pike havia prometido a seus aliados na Europa Maçônica que teria três guerras mundiais para consolidar o poder mundial dos cananeus. Agora, temos duas dessas guerras mundiais, e, como prometido, a primeira guerra mundial foi a criação de um regime comunista, a segunda guerra mundial foi para elevá-la ao status de potência mundial e, a terceira guerra mundial está prevista para destruir tanto o comunismo eo cristianismo em uma grande orgia de aniquilação. Esta guerra vem se destina a ser a sentença de morte definitiva do povo de Shem; após a sua conclusão os cananeus reinará incontestado

em todo o mundo. As duas guerras mundiais que já ocorreram no século XX tem sido nada mais do que guerras de extermínio, como provado pelo facto de a maior parte do ataque foi dirigido contra as mulheres e crianças. Os milhões de jovens de Shem que foram mortos nessas guerras não têm a oportunidade de se casar e começar famílias. Tudo isso foi feito de acordo com o plano dos cananeus. Trabalhando nos bastidores há muitos anos para colocar os seus agentes em postos de orientação e de poder em várias nações do mundo, eles têm sido capazes de realizar seus próprios projetos, muitas vezes em violação direta dos interesses das nações que se infiltraram . De todos os países, isso foi mais verdadeiro do Estados Unidos. É difícil pensar em um único ato de política externa nos últimos cinquenta anos que os organismos de Washington ter dirigido como um benefício para o povo americano. Ao conseguir papéis dominantes em todas as facções e partidos nos Estados Unidos, os cananeus têm enfrentado nenhuma oposição séria no planejamento e na execução dos seus programas. Como resultado, as guerras e revoluções do século XX tem sido nada mais do que grandes celebrações diante da imagem de Baal, em grande escala sacrifícios humanos em números, como o mundo jamais viu. A ênfase sobre os massacres de mulheres e crianças do século XX observâncias atualizada dos assassinatos de crianças e imolação de mulheres que marcaram os festivais de Baal mais de três mil anos atrás. Isto virá como um choque para aqueles estudiosos que têm trabalhado pacientemente ao longo de décadas, na esperança de encontrar alguma explicação lógica das duas guerras mundiais passadas, uma causa econômica ou política que têm procurado como um prospector pode pacientemente labuta pelas colinas áridas do a oeste, em busca do Lost Dutchman's Mine. The Lost Dutchman Mine não foi encontrado, nem têm os estudiosos descobriram uma causa lógica da I Guerra Mundial ea Segunda Guerra Mundial. Vamos nós, então, a tentativa de pôr fim à sua missão, e permitir-lhes alívio. Na Guerra dos Bôeres, pela primeira vez em uma guerra conduzida por uma grande potência europeia, os campos de concentração utilizada britânico, fome e doenças como as armas cruciais para subjugar o inimigo. Essas atrocidades foram dirigidos por Sir Alfred Milner, um agente de Rothschild, que tinha fundado a mesas redondas (que mais tarde tornou-se o Conselho de Relações Exteriores). As apostas eram altas, os Rothschilds necessário o enorme capital representado pela riqueza de ouro e diamantes da África do Sul para financiar a sua unidade final para poder mundial. Devido a essas riquezas, África do Sul continua sendo uma das principais áreas do mundo da disputa de hoje. O furor sobre o "apartheid" e "problemas raciais" proporciona uma cobertura conveniente para a verdadeira luta dos Rothschilds para proteger os seus haveres em diamante, De Beers, e suas moedas de ouro, a Anglo-American Corporation. Os Rothschilds também conseguiram pegar alguns bilhões de dólares especulando no Rand Sul Africano.

123

Devido à sua campanha de mídia em todo o mundo, eles levaram o rand abaixo dos US $ 1,45-25 ¢. O sistema babilônico monetária depende de um governo central forte, isto é, um despotismo nonrepresentational Oriental, que por sua vez é dependente de seu financiamento contínuo por um banco central forte. O Banco Central exerce o poder mediante a obtenção de um monopólio sobre todo o dinheiro eo crédito do povo, então usa esse poder para saquear a nação através de enormes gastos. Os Rothschilds estabeleceram bancos centrais na Europa, como uma das ameixas que caiu para eles depois da sua vitória sobre Napoleão. Eles, então, programado estes bancos centrais para lançar as nações da Europa em uma dispendiosa e ruinosa "cara de armas", apesar de nenhum país na Europa tinha algum plano para atacar qualquer outro país. Foi um tempo de paz contínua. Até o ano de 1886, tornou-se evidente que estas nações não poderiam sobreviver esses gastos enormes, que se deve ou colapso numa revolução interna, ou embarcar em guerra externa fullscale. As economias europeias escalonados por quase três décadas, sem nenhum relevo na vista. Esses foram os anos, podemos lembrar, que foram denominados os "Anos Dourados" da Europa. instituições de arte, música e Cultural prosperou apesar das conspirações dos cananeus. No entanto, ele estava prestes a ser lançada sobre o bloco. A saída para seu dilema foi concedida por um americano curioso, de origem indefinida, um sisudo acadêmica que convenceu os banqueiros de Wall Street de que ele era seu homem. Woodrow Wilson foi eleito presidente, e ele assinou o Federal Reserve Act em lei. Poucos meses depois, a Primeira Guerra Mundial estava em andamento. Durante os anos imediatamente anteriores à Segunda Guerra Mundial, houve uma saída contínua de emigrantes da Europa para os Estados Unidos. Eles descobriram que o "Anos Dourados" não foram de ouro para quem não tinha ouro. Os mestres da Ordem, os cananeus, flutuou de país para país e de grande propriedade para a propriedade de um grande mar de champanhe, mas para a maioria dos europeus, a vida foi brutal e curta. Eles não fogem 'a boa vida ";. Eles estavam procurando por ele em um milionário' clube em Jekyl Island, na Geórgia, em novembro de 1910, o problema do financiamento de uma guerra mundial foi resolvido Paul Warburg, da Kuhn, Loeb. Co., e Henry P. Davison, do JP Morgan, se reuniu com o senador Nelson Aldrich (após os quais Nelson Rockfeller era chamada) para elaborar um plano secreto para um banco central americano. Setenta e cinco anos depois, é impossível encontrar

qualquer estudioso Constituição ou historiador que nunca ouviu falar da reunião Island Jekyl. Eles ganham seus salários à vontade, escondendo do público que tem acontecido. O povo de Shem tivesse sempre se opôs a um banco central, temendo seu poder sobre eles. Agora, os congressistas, liderados pelo congressista Charles A. Lindbergh, Sr., travou uma luta valente contra o poder do dinheiro de Wall Street. O Wall Street ganhou dinheiro. Em 23 de dezembro de 1913, um ano importante na Maçonaria, Wilson assinou o Federal Reserve Act em lei. O povo americano estava agora pronto para um grande passeio da montanha russa, subindo e descendo da depressão para a prosperidade

e de volta, e da guerra mundial à guerra mundial. O planejamento atual para a eclosão da Primeira Guerra Mundial havia sido em funcionamento durante alguns anos. O estopim seria aceso com o assassinato do arquiduque Ferdinando, herdeiro do trono do Império Austro-Húngaro. Seu assassinato foi realizado em Sarajevo, em 28 de junho de 1914. Dentro de algumas semanas, as nações da Europa estavam em guerra.

124

Surpreendentemente, o destino aproxima do arquiduque era conhecido há algum tempo para os políticos europeus, incluindo o arquiduque si mesmo. Cassell, "A Guerra do Mundo", p. 45, cita Contagem Ottkar Czernin, o Ministro do Exterior austríaco: "A boa qualidade do arquiduque era seu destemor Ele estava bastante claro que o perigo de uma tentativa de tirar sua vida estaria sempre presente, e ele falou muitas vezes pura e simplesmente e abertamente. de tal possibilidade. Um ano antes da eclosão da guerra, ele me informou que os maçons tinham resolvido matá-lo. " Isto não é tão surpreendente revelação que possa parecer. A Ordem Maçônica dos cananeus sempre invocado assassinato e assassinatos como os elementos-chave na sua marcha para o poder mundial; cabeças real muitos caíram antes da sua sede de vingança. Em 11 de julho de 1914, Horatio Bottomley publicado no John Bull documento obtido a partir da sérvia Legação em Londres, datada de 14 abril de 1914, que foi considerado em "bruto espanhol", e que foi decodificado para revelar uma oferta de dois mil libras para "eliminar" Ferdinand. Prof RW Seton- Watson, em seu livro, "Sarajevo", p. 127, observa que "em bruto espanhol é realmente o dialeto utilizado pelos judeus de Salônica, e que o homem que hawked nesta rodada documento várias redações de jornais de Londres e acabou por ser aceite pela Bottomley sensação amorosa, era um judeu Salonikan. Isto

sugere que algum conexão com o Comitê de União e Progresso, que tinha se centrado nas lojas judeus de Salônica, até a expulsão dos turcos dezoito meses antes, e cujo curso foi hostil à Sérvia. " Rt. Exmo. WF Bailey, em seu livro "Judeus da zona de guerra", p. 227, observa que "Os judeus da Bósnia são denominados 'Spagnolo." CH Norman observa em "um holofote sobre a Segunda Guerra Mundial", p. 42, que "os originais foram redigidos em espanhol. É dentro [do escritor conhecimento como ele estava conectado com um esforço para formar um Lodge Inglês do Grande Oriente, de onde retirou a aprendizagem da verdadeira natureza desta confederação contra europeus segurança] que a linguagem utilizada pelo Departamento polonês do Grande Oriente de comunicação com seus agentes nos Balcãs é o espanhol. " Embaixador Gerard, em seu livro "meus quatro anos na Alemanha", p. 137, observa: "Eu era capaz de conversar com alguns sérvios nos primeiros dias da guerra em sua língua nativa, que, curiosamente, foi o espanhol." Na verdade, a linguagem não era espanhol, mas uma linguagem definida na Enciclopédia Judaica como "ladino", também conhecido como "Latino", "uma língua judaico-espanhola falada e escrita dos judeus de origem espanhola após a expulsão em 1492 por Ferdinand e Isabella [A execução de Ferdinand pode ter sido uma vingança simbólica deste evento histórico. ed.] ". A Encyclopaedia Judaica notas diversas formas de Ladino: "Ladino Oriental" falado em Constantinopla e Esmirna, e "Western Ladino falado em Salônica, Bósnia e Sérvia. Muitos dos refugiados da Espanha ficou na Sérvia, onde cada vez mais tarde conversavam em sua língua particular, Western Ladino. livro Pozzi, o "Black Hand Over Europe", observa de "A Sr. Stevens, que falava espanhol, cujo trabalho era para atirar

125

no assassinos em Sarajevo, após terem realizado o assassinato, de modo que não poderia revelar a trama. "Estas revelações confirmam a insistência de Albert Pike para Mazzini cerca de quarenta anos antes de envolver as nações do mundo em três guerras mundiais. Grant Richards, em "A causa da

agitação do Mundo", 1920, p. 144, comentários sobre o Comitê de União e Progresso ":" Na verdade, eu posso ir tão longe como a dizer que a União para o Progresso praticamente nasceu na Loja Maçônica

chamada "Macedônia Risorta "estabelecido pelo judeu Salonikan, Emannuele Carass

embora a

.... Maçonaria foi proibida na Turquia, havia duas lojas, em Salónica no âmbito do Grande Oriente de Itália ". Erzberger Mathias, em" A experiência na Guerra Grande ", salienta que o Grande Oriente da Itália, estava completamente sob o controle do Grande Oriente de França, ele se refere à transferência de 700 mil francos de Paris a Roma, entre o Grande orienta, em nome da confiança judaicas de caridade, Aliança Israelita Universelle, este é o financiamento que estava prevista para o assassinato em "Sarajevo McCurdy é a verdade sobre o Segredo. Tratados ", de 1925, cita na página 45 do artigo publicado em 1914," Depois Vivordan ", por Ljuba Jovanovitch, presidente do Parlamento da Sérvia e do ministro da Educação," Eu não me lembro se fosse o fim do prefeito no início de junho quando um dia, M. Pashitch disse-nos que algumas pessoas estavam se preparando para ir a Sarajevo, a fim de matar Franz Ferdinand, que era esperada há em Vivordan, domingo, 28 de junho. Ele disse isso muito a nós e aos outros, mas ele agiu mais no escritório apenas com Stefan Protitch, então ministro do Interior, o que foi preparado por uma sociedade de homens organizados secretamente. Protitch e todo o gabinete da Sérvia sabia da trama. O rei Alexandre, o ministro russo Hartwig, eo adido militar russo Artmanov estavam na parcela. sobrinho M. Pashitch 's era um membro da Mão Negra, ele era o elo entre Protitch e os conspiradores. O agente da Mão Negra em Sarajevo foi Gatchinovitch. A Mão Negra, onde os planos de assassinato tinha sido previsto

e era conhecido por incentivados pelo governo da Sérvia. Printzip confessou que foi através Chavrinovitch

que tinham sido referidos Major Tankositch, abastecido com armas, e deu aulas de tiro. Após o

julgamento Salônica, o governo enviou Pashitch Chavrinovitch, como recompensa por seus serviços, para os Estados Unidos com um passaporte falso com o nome de Danielovitch. Depois da guerra, voltou