Exemplar Avulso: R$ 3,00 – Assinatura: R$ 36,00

Adventista.
Revista
Novembro • 2011

.

Esperança além-túmulo
Aproxima-se o dia em que a morte e o sofrimento serão banidos para sempre

12

Saiba como será a vida dos salvos após a parousia

Glória eterna

19

Testemunho de um violinista que prega por meio da música

Fidelidade recompensada

22

Histórias de adventistas que lidaram com o luto e a importância da fé na recuperação

Consolo para os que choram

senti forte emoção ao editar um texto adventista. quando as mágoas e tristezas desta vida” serão esquecidas para sempre. Souza. (Ver RA-maio de 1973. Porto Alegre e outros lugares. Atrás do antigo templo. Em cada lápide. Todos creem que. no Estado de Santa Catarina. Köhler. p. Ao sair do carro. Os pioneiros forjados quando comecei a trabalhar na Casa Publicadora Braali não mediram sacrifício para pregar a mensagem sileira (CPB). Aida e Helena). dor dos Reis.br lho púlpito usado por José Amador dos Reis. que traDe que lado você e eu estaremos no “bendito alRubENs LEssA vorecer”? Uma parábola proferida por Jesus afirma é editor da balhava para a família Souza. Mendes. e foi batizado nanceiro da CPB. tive o privilégio de visitar a igreja da Fazenda Passos. foi ordenado ao ministério pasSabatina. retornamos ao local das reuniões. uma ao que uns serão levados e outros. Em 1920. Em 1973. São lembranças das famílias Passos. RS. você e eu fomos tempo em que a editora estava localizada chamados para ser súditos do Rei dos reis em Taquari. Ao lado está o túmulo da esposa dele. diretor fiAmélia Ritter dos Reis. José AmaCampestre. As pessoas viÀ direita da alameda central. vindo a falecer prematuramente em 1935. bem como de Taquara. tendo como tribuna o vedepois. recapitulou a Lição da Escola em 1904. passamos por alguns pediu a alguns irmãos que lessem textos bíblicos e cantassem o hino 149 do Hinário Adventista: “Esirmãos que. um nome e teto Ônix. Também perdeu a vida a jovem Neli Marine. O programa da tarde focalizou a vida e o exemplo dos pioneiros da CPB. não haverá “manhã radiosa”! cpb. no Não importa a nossa origem. Ivo e Ivone Souza. montavam vispero a Manhã Radiosa”. Na sinuosa estrada de terra. davam boas-vindas aos visitantes e lhes entregavam um adesivo referente à XVI Festa dos Pioneiros. aquela colina será iluminada pela glória do Rei dos num acidente ocorrido entre Camboriú e Itajaí. lindas meninas.lessa@ pregou poderoso sermão. no dia da ressurreição. Ali repousam homens e mulheres que viveram para servir e aguardam a “manhã radiosa. do primeiro pastor adventista brasileiro.) reis. Dois dias antes da tragédia. ouvi hinos gravados por uma antiga formação do quarteto Arautos do Rei. Cantagalo. após delicioso almoço na fazenda dos irevangelho no Rio Grande do Sul e na cidade de São Paulo. Kuhn. Trabalhou incansavelmente pela causa do Pioneiros”. no município de Rolante. a Deus com belas músicas. As vozes eram de pessoas conhecidas: Joel Sarli. Seis sepulturas. de quem José Amador será súdito eternamente.Editorial Rubens Lessa Na trilha dos pioneiros No dia 8 de outubro deste ano. vê-se a sepultura nham de sítios vizinhos. tosos alazões. Em frente ao amplo auditório construído perto da antiga igreja. Samuel Campos e Henry Feyerabend.com. deixados (Mt 24:41). Conheci algumas dessas pessoas. 2 Revista Adventista I novembro • 2011 Daniel Oliveira . Reis. Revista Adventista. Santo Antônio da Patrulha. centenas de obreiros e líderes. outros pioneiros aguardam Gloriosa de Cristo (fevereiro de 1907). OliA igreja de Rolante já deu ao País mais de duas veira. O Quaro “bendito alvorecer”. o futuro. o pastor Ivo Os que forem deixados serão ressuscitados mil anos rubens. intitulado “Nos Passos dos toral. 23. há um cemitério cujas sepulturas estão voltadas para o leste. O sermão. foi proferido pelo autor destas linhas. lado da outra. RS. Os membros da igreja de hoje têm o pasescrito pelo pastor Anísio Chagas. o coral infantil e um conjunto masculino da igreja local louvaram uma foto. onde foi impresso o primeiro livro em língua portuguesa: A Vinda No mesmo cemitério. com o uniforme dos desbravadores. da esposa e três filhos. Marquart. a Igreja Adventista da Fazenda Passos é símbolo de um pioneirismo que merece ser relembrado. na mãos Isack e Paulo dos Reis (muito obrigado. irmãs sua terra natal. Luís Mota. como Vilibaldo e Sueli Oliveira. O pastor Edson Erthal de Medeiros. informando a trásado como parâmetro e olham com esperança para gica morte do pastor Ivo Souza. José Amador nasceu em Rolante. À tarde. o bendito alvorecer. Azevedo. Para esses. de Novo Hamburgo. Horas antes de descansar em Cristo. no dia 15 de novembro de 1891. Erguida na encosta de uma colina. usando roupas típicas.

A violênMinha ligação pessoal com essa palavra também cia também se multiplica de forma impressionante. que nos convoca a dedicar a externos mostra que Jesus logo voltará Deus a primeira hora de cada dia. tempestades e Ela tem exercido forte influência sobre minha fainundações. A Jornada A combinação de sinais internos e Espiritual. fica claro que isso nunca aconteceu antes. pois constitui a única mensagem colocada sotruturação da família e a banalização da sexualibre o túmulo dos meus avós. Em 2012. enquanto a não permitindo que o inimigo nos traga divisão igreja está se levantando poderosamente.Mensagem Pastoral Erton Köhler Maranata vai durar mais de 60 ou 100 anos. no verso 14. que indicará a chegada de nossa grande uma velocidade acima de nossas melhores expectaesperança. enfica claro que precisa haver uma combinação de siquanto nossa média anual. Esses são apenas alguns milagres que você preOlhando para o mundo de hoje. Ao mesmo tempo. e também no cumprimento da missão. com antes. é presidente crise chegou ao limite e ninguém consegue enconaproveitando todas as oportunidades para anunciar da Divisão trar uma solução humana. anunciar e apressar. parece que a munhão. no – “O Senhor vem!” aumento do nível dos oceanos. plantar novas igrejas e levar pessoas ao batismo. ter firme a visão de que precisamos crescer em coAo observar a situação do mundo. era nais para que esse dia possa chegar. somente no território da Divisão quatro dedos estendidos. aguardar. mas a clara no departamento do Ministério Jovem. essa palavra seria “maranata” estufa. o Senhor logo vem!” Eles ainda gesticulam. as quais relhões de exemplares do livro missionário A Grande cordam nossas quatro atitudes em relação à volta de Esperança (uma compilação de 11 capítulos do livro Jesus: amar. nos grupos. os nem discórdia. Podemos quadro na rápida desertificação do para expressar e representar bem nossa ver esse aumento da temperatura. ano com duas mil novas igrejas estabelecidas. através da busca diária por reavivamento ERtON KÖhLER e reforma. siasmo: “Maranata. gerais e mero de cidades com TV em canal aberto cresce a iminentes. Estamos chegando a 70 mil peque13. essa combinação. o mundo está caindo violentamente. 4 Revista Adventista I novembro • 2011 se fôssemos escolher uma única palavra Ansel Oliver . significando que já temos um pequeno grupo para cada 30 membros. Analisando a história recente da Hoje. é muito forte. atuei Essa lista poderia ser ainda maior. O núbinação desses sinais internos e externos. já tem mais de um milhão de membros envolvidos. nos frequentes e violentos terremotos. É a comrevolução na conquista de pessoas para Jesus. podemos dizer com muito mais entuigreja. vejo claramente cisa conhecer. White profetizou com frea mão direita levantada à altura do pescoço e com quência. cantam e se saúdam dizendo: “Marana igreja de maneira impressionante e nunca vista nata. Por muitos anos. Essa posição de honra reSul-Americana serão distribuídos mais de 50 mipresenta os quatro “As” de maranata. Até hoje termino as mensagens que escrevo registrando: “maranata”. mas apenas “maranata”. tivas. um povo fortemente envolvido na preA TV. A desonestidade chegou ao limite e parece que não bonita ou poética. O planeta está em coSul-Americana. Ao olharmos para a completa desesmília. Nossos Por outro lado. rádio e internet estão fazendo uma verdadeira gação da segunda vinda a todo o mundo. Não são obras de homens. Agora. mas nossa grande esperança? Lendo Mateus 24 (o capítulo da segunda vinda). lapso e muitos cientistas dizem que o mundo não nossa esperança. devemos mandois sinais estão ocorrendo juntos. conseguimos confiar em mais ninguém. a valorizar ainda mais essa palavra preciosa. no efeito solo. Precisamos unir nossas mãos. até o ano passado. Não há nenhuma frase dade. Ali aprendi sensação que temos é de que chegamos ao limite. O Grande Conflito). no derretimento da calota polar. e como Ellen G. o Senhor logo vem!” Estamos Você já sabe o que isso significa. Jesus apresenta um mundo em profunda crise e. Devemos terminar este apenas seu significado. tenho perguntado a mim mesmo: Quanto recido? Em 2011. No mundo todo serão 166 miConvivendo de maneira tão intensa com essa lhões de livros. mais de 40 mil jovens doaram suas tempo ainda falta para que se torne realidade não férias para fazer evangelismo. Nos versos 4 a de 500 a 600. vemos que a moral também está em colapso. Você já sonhou ou imaginou algo papalavra. no esperança. o Espírito Santo está atuando jovens falam. Observe como muito perto disso.

.

cerca de 2 milhões de pessoas visitaram os 22 cemitérios municipais da cidade de São Paulo. porém. 22 a 24 Quem dorme. 25 a 27 Revista Adventista I novembro • 2011 De casa em casa Fotolia 21 . Os planos para a campanha são vários: entregar parte dos livros no Dia de Finados e no Natal. quando receberemos a imortalidade e reencontraremos nossos queridos. em 2010. o cristão precisa passar pelo completo processo do luto. Também pudera. ES e MT Um jornal a serviço da igreja Editor: Wendel Lima Apesar de o homem conviver há milênios com a morte. escolas e famílias trabalham juntas em favor do Batismo da Primavera Ações sociais e concurso bíblico marcam o Dia Mundial do Jovem Adventista Ministério emergente: Igreja promove atividades específicas para idosos Caravanas missionárias alcançam milhares de pessoas no PR. portanto. Uma prova disso é que.br 28  30  31  35  Igrejas. essa tremenda esperança não impede que lágrimas sejam derramadas hoje. Acreditamos que a morte não é uma passagem. esperamos a breve volta de Cristo. Temos uma clara visão de que o homem é um ser integral. mas um sono. não dividido em corpo e alma. a sede sul. Págs. a humanidade ainda não se acostumou com a ideia de que a vida tem fim. nem o ponto final. porque está acontecendo um juízo investigativo pré-advento. No entanto. esse sentimento é mais forte. Eles estrearam bem. e os escritórios têm se organizado logisticamente para alcançar casa por casa e potencializar o efeito evangelístico da mobilização. acordam! Cremos também que a recompensa boa ou má para os mortos não é imediata. Keythe Tavares e Robson Fonseca. para que sua recuperação seja plena. contaram como alguns adventistas lidaram com a morte de queridos e que importância a fé teve nesse contexto. acorda O entusiasmo dos adventistas com a campanha de distribuição do livro A Grande Esperança tem levado muitas sedes administrativas a aceitar o desafio de entregar um exemplar do livro missionário em cada lar de sua região. estimular a leitura do livro entre os adventistas. num tema que exige sensibilidade – Wendel Lima Págs. entregar uma edição de luxo do livro O Grande Conflito para autoridades e distribuir milhões de exemplares no dia 24 de março. mapear e monitorar a entrega através de um sistema online. E por fim. mobilizar os jovens para enviar milhares de livros digitais pela internet. E aqui reside nossa esperança: todos que dormem.americana da Igreja Adventista e a Rede Novo Tempo. você confere uma reportagem especial sobre as principais estratégias de cada região.Novembro • 2011 noticias@cpb. A inconformidade com a morte é natural para o ser humano. em parceria com o Unasp. Essa reportagem faz parte da avaliação desses dois alunos do nosso programa de trainee. multidões como essa tentam preencher o vazio deixado pela ausência da pessoa amada. Todo ano. no Dia de Finados. não fomos criados para isso! Entre os adventistas. Nesta edição. os fiéis têm colocado a mão no bolso e na massa. como nenhum outro povo. Para que isso aconteça.com. E foi por isso que os formandos em Jornalismo do Unasp. Como qualquer pessoa.

“O indivíduo precisa aprender a viver sem a pessoa que morreu. colega de pesquisa de Valéria no laboratório da PUC-SP e no instituto. Enquanto que entre os que não tiveram tempo de se preparar para a perda. pode-se ter a certeza de que ele não estava só. porque o processo permite Pastor Ranieri Sales: ter uma religião e acreditar em um propósito maior muda a maneira como o indivíduo reage ao luto aos que estão em volta aceitá-la como forma de alívio para o sofrimento do enfermo.” A pesquisa realizada pela psicóloga Valéria Tinoco. quando a morte é resultado do envelhecimento. Benfenatti reconhece que a dor insiste e o vazio permanece. Na Bíblia. Deus Meu. Ele é tido pela maioria dos cristãos como um exemplo de confiança nas promessas de Deus. Com base em 200 entrevistas. É verdade que cada pessoa reage de acordo com sua história de vida e experiências. membro do Laboratório de Estudo e Intervenções sobre o Luto (PUC-SP) e cofundadora do 4 Estações (instituto de suporte psicológico para situações de lutos e perdas). o ser humano ainda não sabe como lidar com ela. mas uma das grandes lições que eu estou aprendendo nesse momento é que o vazio fica e só a esperança me ajuda a ficar em pé”. porém. Noel declara: “As perdas consideradas mais traumáticas são as decorrentes de adoecimento repentino. Jó continuou confiando em Deus e ao ler os últimos capítulos do livro que conta sua história. Outro fator importante nesse contexto é a importância do tipo de vínculo mantido com o falecido. Intensidade do trauma – A morte é uma das experiências mais traumáticas que uma pessoa pode experimentar. O mesmo acontece em casos em que a morte ocorre por adoecimento gradual. explica Luciana Mazorra. você nunca imagina que isso pode acontecer com você”. MG. No entanto. o impacto da perda está relacionado principalmente a dois fatores: o tipo de morte e o nível de intimidade com o falecido. doutor em Psicologia Clínica pela USP e professor de Psicologia do Unasp.coMPoRtAMento De frente com nosso maior medo O drama dos adventistas que lidaram com o luto e as lições de como consolar os que choram Keythe Tavares e Robson Fonseca Colaboradores Os pais do músico e publicitário Felipe Benfenatti estavam distribuindo Bíblias na cidade de Carmo do Cajuru. quando uma carreta estacionada perdeu o freio e atingiu os dois. O sofrimento e a fé – A morte é consequência do pecado (Rm 6:23) e acompanha a humanidade há milênios. diz o publicitário. revela. É verdade também que a experiência de Jó demonstra que mesmo confiando em Deus. acidentes trágicos e desastres naturais. apesar de fazer parte de nossa realidade há tanto tempo. assim como Cristo. “Eu sei que Deus conforta. Mesmo tendo esperança de vê-los novamente. A experiência de Jó é uma das mais impressionantes. É um processo de transformação trabalhoso que envolve todas as áreas da vida”. há momentos em que o sofrimento parece insuportável e é natural se sentir só e desamparado. Ela vê o luto como um método de elaboração e assimilação emocional e psíquica da perda. existem várias histórias de como as perdas e a morte afetam o homem. o índice subiu para 41%. o estudo mostra que 24% das pessoas cujos parentes morreram depois de um longo período de doença manifestaram reações de inconformismo. por que Me desamparaste?” (Mt 27:46). 22 Revista Adventista I novembro • 2011 Fotolia . “Por mais que seja óbvio. Porém. A notícia foi dada por um amigo através de uma ligação. a perda geralmente é superada com mais facilidade. Segundo o pastor e psicólogo Noel Costa. A pesquisa foi publicada no livro Estudos Avançados Sobre o Luto e teve financiamento da Fapesp. confirma a posição do professor Noel. Até mesmo Jesus na hora da morte gritou: “Deus Meu. que é um ciclo natural da vida.

A diferença – Vivian Pessanha. os amigos e a igreja devem ser como uma caixa de ressonância. ou seja. mas eu quero encontrar com meu marido nos ares. para nós que esperamos a manhã da ressurreição. como a formatura e o casamento. Sete meses depois da perda da mãe. afinal de contas. 22 anos. viu sua mãe adoecer e falecer em apenas cinco dias. Thayse Siqueira. os enlutados passam por um ciclo de recuperação morte. ouvir e deixar que a pessoa manifeste aquilo que está sentindo”. insônia. raiva. é um conforto. Então isso. mas que vai encontrá-la um dia. 23 anos. porque sabemos que ela verdadeiramente descansou no Senhor”. podendo acontecer futuras recaídas. Seu sentimento de revolta foi passando com o tempo. a tristeza foi dando lugar à esperança. conforme ela pensava na promessa do Céu e do reencontro com o pai. que controla tudo no Universo. ouvir e deixar que o enlutado manifeste o que está sentindo Revista Adventista I novembro • 2011 23 . Caixa de ressonância – Vale explicar que o luto tem um ciclo. “Eu não sei quando Jesus vai me chamar. Que Cristo nos dê forças para o preparo!”. “Os familiares. ela precisou ser forte para continuar sua faculdade e cuidar da irmã mais nova. Mas replica: “Se Deus permitiu. o luto não deve ser negado. ao voltar para casa.uma tentação ou provação maior do que pode suportar (1Co 10:13). 77 anos. é importante que as pessoas próximas deixem o enlutado expressar seus sentimentos e passar por essas fases. campus Engenheiro Coelho. relembra. “O luto pela perda de uma pessoa amada acontece.” Além disso. “Antes de minha mãe morrer. Mas eu entendo que Deus tinha um plano para ela”. Vivian afirma sentir muita saudade e diz sofrer por pensar que ela não estará em momentos importantes de sua vida. Além disso. Revolta e depressão – A perda do pai há dois anos. como “falta de ar. era meu pai. e ela disse que estava. Nesse período. porque esse é o único caminho de superação da perda. “Eu só tinha vontade de deitar e mais nada. Além de lidar com a perda. pessoas e igrejas diferentes. o choro ou ausência dele pode representar sentimentos de raiva. conheceu lugares. Lá. mostrando confiança. explica. Segundo o professor Noel Costa. fez com que a estudante Thayse Siqueira. Já para dona Neusa Souza. a recuperação foi mais dramática. é possível que o enlutado apresente alguns sintomas físicos. Eu tenho a certeza de que ela está salva e que vou vê-la. De família adventista. Depois de algum tempo. Vivian fala que ser adventista faz toda a diferença. mesmo para quem acredita na ressurreição. estava triste pela distância da filha. “Elas precisam auxiliar essa pessoa a crer e confiar. porque ela entende que sua mãe só está dormindo e sabe que não vai poder falar com ela agora. ter uma religião e acreditar em um propósito maior muda a maneira como o indivíduo reage à morte: “Saber que existe Alguém maior que ela. Ela teve mais forças para recomeçar quando acompanhou sua filha mais velha na mudança para o Mato Grosso. desamparo. Por isso. mas quando essa crença é real. os amigos e familiares devem poupar a pessoa de qualquer sentimento de culpa ou desesperança. “No início fiquei revoltada porque. “Chorei muito e ainda choro. ela se viu novamente sozinha. amigos e a comunidade religiosa devem fazer o papel de ser uma caixa de ressonância. solidão e angústia. Após 46 anos de casamento. relata. perdeu o esposo com quem viveu 46 anos. Deu a volta por cima depois de cinco anos de depressão. exclama. Além disso. Aos poucos. assegura. mas ao longo da Bíblia há inúmeras promessas e exemplos de que Deus não abandona Seus filhos em meio às dificuldades. Esses momentos de tristeza aguda tendem a diminuir com o passar do tempo. isso se dá em cinco estágios: negação. se questionasse quanto à justiça de Deus. 77 anos. ou seja. como o velório e o sepultamento. mas de uma maneira positiva. 23 anos: a revolta deu lugar à fé na promessa Nem sempre é e será possível entender o motivo da morte e do sofrimento. tendo assim a oportunidade de se “despedir” da pessoa que morreu. deixa a pessoa mais tranquila e ela aceita mais facilmente o que aconteceu. Até ou- vir os passarinhos me incomodava. Então questionei a Deus perguntando por que isso estava acontecendo já que somos cristãos?”. confessa. orienta Noel. Vivian afirma que em nenhum momento perguntou por que Deus tinha permitido a morte de sua mãe. mas em nenhum momento me sinto sozinha. e sim vivenciado de maneira completa. acredita o pastor da Igreja do Unasp. segundo o professor Noel Costa. mas não depressiva. é porque Ele sabia que eu iria dar conta. depressão e aceitação (ver box). meu pai perguntou-lhe se ela estava com Deus no coração. geralmente em datas ou diante de fatos que lembrem a morte da pessoa amada.” Efeitos – Apesar de ser um processo doloroso. A morte do esposo levou a aposentada a uma profunda depressão que durou cinco anos. Para Ranieri. É importante também que o enlutado converse sobre o que aconteceu e participe dos rituais que envolvem a Neusa Souza. dores no estômago. o pastor lembra que alguém nunca enfrentará Pastor e psicólogo Noel Costa: a família. falta de apetite e aperto no peito”. De modo geral. Ranieri Sales. e foi melhorando aos poucos. negociação. o luto se transforma em esperança”. Eu sinto saudade. sem qualquer condenação”. olhava o sol e para mim ele tinha uma cor diferente”.

“Como meu filho amava e servia a Deus. O não vivenciamento do luto pode gerar alguns danos. o jovem pensa no alvo que estabeleceu para si de fazer o melhor para reencontrar seus pais. “Então lembrei que Jesus viria mesmo que fosse para morrer por apenas uma pessoa”. no estômago e nas regiões lombar e cervical podem se manifestar. (3) Negociação. Um dos diretores do projeto. Superação em três atos – Foi em um acidente de carro. Um de seus filhos morreu aos 18 anos Problemas posteriores podem ter aqueles que não vivenciaram o luto. (4) Depressão. A pessoa percebe que é possível seguir em frente. garante. que o pastor Emilson dos Reis perdeu seu filho de 18 anos. ficando a saudade. Dois dias após a tragédia. conta. Ministério da restauração – Nessa fase difícil. responde em seguida. Para a felicidade dos que creem. chega a falar como se a pessoa ainda estivesse presente. em São Paulo. Cristo não comparou a morte ao ponto final ou ao fim da linha. Com o tempo. Para os adventistas. “Buscamos demonstrar nossa certeza da maravilhosa volta de Jesus. “Quando conhecemos quem é Deus. afirma. podem até ser consideradas pessoas frias. De acordo com Benfenatti. É comum que o enlutado culpe outras pessoas e até mesmo a Deus. Todos os dias quando acorda. Apoio aos doentes e famílias enlutadas 24 Revista Adventista I novembro • 2011 . que afetam não apenas a mente. No encontro. Isso normalmente acontece em uma situação trágica. um motorista?’”. “O sentimento de perda é muito grande. Por isso. três convicções foram fundamentais para superar o luto. conta Frederico Hoffmann.. a depressão chega ao fim e a mente busca novos assuntos. outro diretor do ministério. Se Jó enfrentou uma situação tão terrível como perder todos seus filhos em um único momento. Felipe Benfenatti acredita que Deus tem um propósito até mesmo para as perdas. “Em diversas situações. Eu sentia como se viessem grandes ondas frias que invadiam minha alma”. A primeira foi sua crença sobre quem a Bíblia revela ser Deus. mas o corpo. líderes do ministério da restauração. O grupo leva palavras de conforto e uma mensagem de esperança para pacientes terminais em hospitais e para famílias enlutadas em velórios. 25). É quando dores de cabeça. o apoio da igreja pode ser fundamental. Passado o primeiro momento. Ele podia ter evitado isso. Dessa forma. Por geralmente não manifestarem suas emoções. A segunda foi a leitura do livro bíblico de Jó. (2) Raiva. O enlutado analisa tudo o que aconteceu e toma uma atitude. Deus é todo-poderoso. essas pessoas são as que mais precisam de apoio. desde o ocorrido. Frederico Hoffmann e Silvino Guimarães Jr. mas ao sono. em que alguém precisa tomar a frente e fazer o papel de pacificador. assegura. isolamento e silêncio. ele se encontrou com o motorista da carreta que causou o acidente. que também foi professor do filho no seminário. No início do luto. O estado de agitação das fases da raiva e negociação é geralmente seguido por períodos de grande tristeza.segunda vinda de Cristo e na ressurreição dos mortos. como raiva. há uma mistura de emoções. (5) Aceitação. Para o pastor Emilson. acredita que esta é uma oportunidade para se falar das crenças adventistas. O terceiro ponto foi a fé nas promessas da sem comer e havia até pensado em tirar a própria vida. Ele tem algum propósito”. argumenta Noel. mas se deixou acontecer. “A experiência de Jó foi uma grande bênção na minha vida. como uma perda ou doença. perguntando-se como Deus. “É como se essas pessoas ficassem temporariamente anestesiadas. estava Pastor Emilson dos Reis encontrou esperança na certeza do poder e bondade de Deus e na superação do patriarca Jó. na Igreja Adventista Nova Semente. O enlutado passa a procurar causas e justificativas para a perda. O sentimento de perda nunca desaparece por completo. de alguma forma. relata. despertamos o interesse de pessoas em conhecer nossa comunidade. Quem sofre não aceita que a morte não pode ser evitada. Seus atributos. O projeto atende famílias que estão passando por um momento delicado. resta a cada cristão que vivencia a dor da perda a esperança que reside na metáfora usada por Jesus para explicar a morte. Deus pode me fortalecer para vencer a perda de um ente querido”. eu e minha família não temos dúvida de que vamos revê-lo”. elas estão tentando sobreviver àquilo e auxiliar para que outros sobrevivam também”. através das conversas com os familiares e especialmente na oração que fazemos junto a todos”. no primeiro dia de um semestre letivo. usando frases como “isto não pode estar acontecendo”. tristeza e desesperança. explica. Nesse estágio. a pessoa se sente atordoada e começa a negar a perda. “Eu me perguntei no dia seguinte: ‘será que Deus levaria a vida dos meus pais por causa de uma pessoa. porque todos os que dormem. Os cinco estágios do luto (1) Negação. acordam! (Jo 11: 11-14. Deus permite que algumas coisas aconteçam para que propósitos maiores se realizem. há quatro anos. Silvino Guimarães Júnior. outras pessoas ou ele mesmo poderia ter evitado aquilo. Mas. O homem estava apavorado e se sentia tão culpado que. lembra o coordenador do curso de Teologia do Unasp. Em uma tentativa de manter consigo quem se perdeu. Propósito maior – Mesmo tendo perdido os pais de forma trágica. existe o Ministério da Restauração. a tragédia se tornou numa oportunidade para o motorista conhecer a Palavra de Deus. Benfenatti também descobriu que a dor causada pela morte de um querido pode ser revertida na reafirmação de convicções. isso ajuda em toda a nossa vida. o que nos é muito recompensador”. a última solução para o luto é a ressurreição dos justos e a restauração plena deste planeta. “Falta pouco. questiona. depressão. Enquanto isso não acontece. A morte súbita do jovem aluno do curso de Teologia foi o mais difícil para a família. “Eu dei para ele uma das Bíblias que meu pai levava no momento do acidente”. então nós vamos fazer o possível para estar lá com eles”. o homem foi surpreendido com o perdão e um presente. Eles vão estar no Céu. ao invés de ouvir xingamentos ou ofensas.

Foi registrado um crescimento de 4. Para se ter uma ideia da dimensão da ousadia. Em 2012. afirmou o presidente da sede. um levantamento detalhado realizado pelas entidades que representam o segmento. Mobilização – A ideia de entregar um livro em cada casa. a sede administrativa da Igreja para a região central do Estado reuniu há poucos dias mais de 10 mil pessoas para o lançamento de um projeto de entrega de 1. Saiba como as sedes administrativas e os fiéis estão se preparando para esse desafio Felipe Lemos Colaborador No sul do Rio Grande do Sul. Na cidade de Floresta. Em média. os 26 mil adventistas desse território distribuirão 65 livros cada. White. em 2010. Até 2013. próximo de Maringá. nunca foi empreendida pelos adventistas do continente até hoje. no sistema consagrado do porta em porta. do padre Marcelo Rossi. Um dos livros mais vendidos no Brasil atualmente. pastor Oliveiros Ferreira. mas envolver a igreja em um grande projeto missionário”. empolga os líderes das regiões administrativas que já fizeram planos audaciosos para literalmente espalhar o material por onde for possível. Os membros já entregaram 200 mil livros na região. pouco mais de dois milhões de adventistas do Equador ao Uruguai estão sendo desafiados a distribuir gratuitamente 50 milhões de exemplares do livro A Grande Esperança. Por sua vez. Outro aspecto interessante diz respeito à distribuição de boa parte desses livros. chamase Ágape. mostrou que.66% do total de vendas. de Ellen G. portanto. segundo o ranking da Publishnews. Ousadia – Esse crescente mercado é visto como uma oportunidade importante de evangelização pela Igreja Adventista na América do Sul. é o coordenador geral da mega distribuição que.96% na comercialização de porta em porta. A Pesquisa sobre Produção e Vendas do Mercado Editorial Brasileiro. “Nosso desafio não será apenas distribuir os livros. o escritório mundial da Igreja Adventista planeja entregar mais de 166 milhões de cópias dessa seleção de capítulos da célebre obra O Grande Conflito. a entrega dos livros será monitorada através de um sistema online PublicAções Em tempos de tecnologia avançada. o interesse dos fiéis não foi diferente. segundo ele. E não é uma iniciativa qualquer. o sonho é maior ainda: 70 milhões de exemplares. líder sul-americano dos adventistas. PR. entre 2009 e 2010. no dia 24 de setembro. SP. Em outros cantos do Brasil. O pastor Erton Köhler. Os sul-americanos. 56 milhões de exemplares foram vendidos em domicílio. Pastor Erton: “Um livro em cada casa.A salvação bate à porta Adventistas sul-americanos vão distribuir de casa em casa 50 milhões de livros em 2012.3% do número de livros vendidos no País.7 milhão de exemplares em 81 cidades da região. 21.700 casas foram visitadas por 145 adolescentes e jovens da Região Sul. sendo 39 milhões somente no Brasil e o restante em sete países de fala castelhana. os membros Igreja Central de Porto Alegre distribuiu 10 mil exemplares em uma manhã de sábado. no fim de setembro Revista Adventista I novembro • 2011 25 . Essa tiragem é pelo menos oito vezes menor do que a encomenda geral de A Grande Esperança. Em Sumaré. Até agora foram vendidas mais de Líderes desafiaram o auditório em SP. por exemplo. o livro distribuído em domicílio ainda exerce grande influência na vida dos brasileiros. as 1. estão responsáveis por quase metade do total de exemplares a ser entregues no mundo. Só para se ter uma ideia. e finalmente vamos para casa” 6 milhões de cópias da obra. houve crescimento de 8.

no entanto. relembra Robson de Moura. um sistema online será usado para gerenciar toda a entrega dos livros. Depois de estudo. Flávio Ferraz. o recurso será usado pelos pastores para essa ação missionária. “Um interno e outro externo. oração e impressão do Espírito Santo. Por meio desse novo recurso. a distribuição será cuidadosamente delineada com direito a uso de tecnologia. Durante a programação. mas não necessariamente por religião. o projeto de distribuição deve resultar em pelo menos dois impactos. A nova ferramenta foi lançada em setembro durante um encontro pastoral na Capital gaúcha. SP. “Através de minhas palestras. Fabiano Dresch. Senti um grande alívio por conseguir entender aquilo que parecia complicado”. “Eu senti um grande alívio por conseguir entender aquilo que parecia complicado”. Além dos pedidos de livros feitos pelos escritórios administrativos e pelos próprios pastores. E espera que essa mensagem alcance outras pessoas espiritualmente famintas. Disposição e fé – A motivação não é. convidando-os a sair dela antes do fim. Isso tudo aconteceu a partir de um livro! Imagine o efeito de 50 milhões! – Com reportagem de Patrícia Ferreira. 37 anos. hoje ele trabalha com a venda de literatura cristã 26 Revista Adventista I novembro • 2011 . ele tomou conhecimento do que considera a “verdade completa da Bíblia Sagrada” e foi batizado na Igreja Adventista. tempos antes. Heron Santana. Inicialmente. lembrou do que havia lido em sua Bíblia. membros comuns também se sentiram impressionados pela campanha e fazem planos pessoais. Márcio Tonetti. em torno dos 17 anos sentiu necessidade de encontrar uma crença que pudesse ajudá-lo a suprir o vazio de sua vida. o mês de setembro foi encerrado com uma vigília jovem. Queremos mostrar a elas a verdade completa”. É o caso de Marcelo Oliveira de Magalhães. Moura explica que. planeja. relembra. Influenciado pelo livro profético. por exemplo. Arnaldo Balog e Márcio Araújo. Caroline Carnieto. Robson de Moura se sentiu impelido. Ajuda da tecnologia – Em alguns lugares. Luzia Paula. os estudantes enviaram 10 mil livros missionários na versão digital. Convertido por influência do livro O Grande Conflito. Nesse encontro. que trata dos eventos finais do mundo à luz da Bíblia. Era uma busca espiritual. Farão contato com seus amigos pastores e membros de outras denominações religiosas com quem convivem há muito tempo. Na região do Vale do Paraíba. Eduardo Teixeira. Foi quando me deu de presente um exemplar de O Grande Conflito. O externo ocorrerá em grandes e pequenas cidades em decorrência dos livros que entrarão em 50 milhões de casas e serão as mídias pelas quais Deus Se comunicará com aqueles que estão na babilônia espiritual. tem uma mensagem contundente a respeito de doutrinas bíblicas pouco populares no mundo cristão de hoje. apenas institucional. Depois de servir como pastor por 12 anos em igrejas evangélicas pentecostais. como Vida e Saúde e Nosso Amiguinho. a ferramenta permite visualizar informações como a localização de igrejas adventistas. leitura que começou a responder às dúvidas que eu tinha. como a guarda do sábado e o estado dos mortos. onde os fiéis moram e onde existem assinantes de revistas da Casa Publicadora Brasileira. por exemplo. no entanto.Durante vigília jovem na Faama. especialmente nas zonas leste e sul da capital”. Ele queria ajudar a divulgar com muito emprenho o livro que havia mudado sua vida. hoje ele é estudante do curso de Teologia e certamente continuará sendo um entusiasta do livro missionário. ao longo de 2012 e 2013. White. Gislaine Westphal. Essa doação dos pastores e funcionários da sede administrativa regional será descontada em 20 vezes. O interno acontecerá na Igreja à medida que cada membro participar do projeto. líder do Ministério de Publicações para a América do Sul. mas futuramente o plano é usá-lo em campanhas como a Recolta. O esforço financeiro de alguns chama a atenção. Na Faculdade Adventista da Amazônia (Faama). “O dono da lotação era um homem simples e viu que eu tinha muito preconceito em relação à religião. Francisco Lino. será possível fazer um mapeamento mais completo e prático das regiões a ser alcançadas. de autoria de Ellen G. É justamente isso que fez a diferença na vida de Robson Anacleto de Moura. No sul do Rio Grande do Sul. vários pastores estão se organizando para não apenas fazer a doação individual de mil livros. o que reavivará a chama missionária”. estima. pouco depois do seu batismo em 2001. mas de um salário integral também. Eles adotaram uma estratégia diferenciada para garantir a entrega dos exemplares. Andreson Bastos. Na avaliação do pastor Almir Marroni. O motivo foi óbvio. Thiago Campossano. o levaram a ter contato com um chefe adventista na empresa em que trabalhava como cobrador de lotação. como ele foi alcançado há dois anos. Os caminhos de Deus. os estudantes enviaram a versão digital do livro missionário para 10 mil pessoas da Igreja Central de Porto Alegre acordaram mais cedo para participar de uma minivigília e distribuir 10 mil livros na vizinhança do templo. que mora na Capital paulista. “Milhares de pessoas passam diariamente pelos vários cultos que ocorrem nessas igrejas onde antes frequentávamos. 28 anos. algo que lhe causava desconfiança. a respeito da guarda do sábado. Magalhães reconhece o conteúdo relevante da obra. a ingressar na colportagem (venda de literatura cristã). Os organizadores ainda promoveram a leitura da obra e organizaram a cópia manuscrita do livro. especialmente dos livros de Apocalipse e Daniel. que teve participação do quarteto Arautos do Rei. devo ter entregado mais de mil livros. Daniel Gonçalves. afirmou. Além disso. Marcelo e um amigo fizeram a encomenda de 30 mil livros A Grande Esperança para distribuir na Zona Leste de São Paulo. baseado na histórica obra O Grande Conflito. Efeitos duradouros – O conteúdo do livro.

a distribuição começou a ser feita. (2) no dia 24 de março. (3) mobilizar a rede educacional para a distribuição em lugares sem presença adventista. cada igreja terá um coordenador do projeto e os fiéis estão comprando os livros via boleto. os membros voltarão a essas casas para fazer pesquisa de opinião religiosa. com a presença do pastor Ted Wilson. (5) retornar às residências um mês depois para entregar o DVD O Grande Conflito. presidente mundial da Igreja Adventista. (2) mapear os territórios e monitorar online o gerenciamento da entrega. de casa em casa. já mapeadas. UCB: (1) as instituições já estão distribuindo os livros aos clientes. as sociedades de jovens e os alunos da Faama vão enviar 200 mil exemplares via web. (2) no Natal. entregar um livro em cada uma das 2.br. Uneb: a distribuição se dará em três fases: (1) em dezembro. (2) incentivar a divulgação do livro pelos meios digitais. (3) no dia 24 de março. além do audiolivro. os fiéis que participam de pequenos grupos. Revista Adventista I novembro • 2011 27 . como o site e as plataformas móveis (celular e tablets). Ucob: (1) alcançar todas as residências da região até 2013. distribuirão o livro na vizinhança das igrejas e lares adventistas. bem como as crianças a se familiarizar com a obra Deus e o Anjo Rebelde. os membros se reunirão na sede de cada distrito para celebrar os resultados da distribuição. (2) no sul de Rondônia. Caravanas de fiéis do interior se deslocarão até a Capital para ajudar na mobilização e participar de uma celebração no Vale do Anhangabaú. (3) estimular a igreja a ler o livro O Grande Conflito. (4) por ocasião do projeto Vida por Vidas e no Dia Mundial dos Desbravadores. distribuir no Dia de Finados e no Natal.186 congregações da região.com. 3 milhões de exemplares serão distribuídos na cidade de São Paulo. e chegaram às sedes administrativas da Igreja Adventista de todo o Brasil. No entanto.5 milhões de casas dos três Estados. oferecer estudo bíblico e convidar para a programação de Semana Santa. no interior de São Paulo. os jovens entregarão 100 mil livros. inclusive onde não há presença adventista.promocaodaesperanca. (3) as igrejas do Distrito Federal distribuíram cofrinhos para que as famílias guardem dinheiro para a compra dos livros. Unob: (1) mobilização da rede escolar no Amazonas. USB: (1) alcançar 27 milhões de habitantes. (2) no dia 24 de março. (3) no dia 24 de março. (3) até 2013. São essas estratégias que você confere no mapa abaixo.Plano de ação Desde que os primeiros milhares de exemplares do livro A Grande Esperança deixaram a editora adventista. UEB: (1) alcançar todas as cidades e bairros. (4) incentivar a interação com os leitores por meio da pesquisa online www. alunos e professores vão distribuir livros em localidades em que não há presença adventista. (2) mapear o território de cada distrito pastoral. entregar 1 milhão de exemplares através do envolvimento das 2. Trinta dias depois. as ações mais ousadas de distribuição estão para acontecer nos próximos meses. UNB: (1) ainda em 2011. (5) até março de 2012. especialmente no dia 24 de março. os adventistas presentearão cinco amigos com a obra. milhões de exemplares serão entregues nas grandes e pequenas cidades.

A Bíblia diz que ‘os filhos são herança do Senhor. a iniciativa deu um novo incentivo a Felicidade multiplicada: pastor Tiago Pereira batizou seus quatro filhos. De pai para filho – Basicamente. games. Laércio Costa. No Nordeste. ao acompanhar o batismo da filha Tainara Batista. em Queimadas. bem como sobre a responsabilidade do discipulado na família. afirmou. em Manaus Frutos da primavera Igrejas. a campanha trabalha com a conscientização dos pais.MinistéRio JoveM Batismo de 49 pessoas no Rio Negro. Como o nome indica. o projeto envolveu 800 pais e 400 crianças e adolescentes. por meio de palestras e seminários sobre os perigos do mau uso da internet. ensinando-lhes a Bíblia e os preparando para o batismo. “Foi uma experiência muito marcante. PB: depois de frequentar a igreja por três anos. Josenilda Batista pediu o batismo ao testemunhar a decisão da filha. Nos Estados do Rio Grande do Norte e Paraíba. coordenador do projeto para o Nordeste. 800 famílias participaram da campanha de discipulado dos filhos um trabalho que já tinha boa receptividade da igreja. da cidade de Queimadas. escolas e famílias comprometidas com o discipulado das crianças levam milhares ao batismo em setembro Da redação É no fim de setembro que anualmente a Igreja Adventista se prepara para realizar uma grande festa. Em Sergipe. Ele e todos os pais que participaram do projeto receberam um bóton dos filhos em gratidão pela participação na campanha. de 13 anos. Projeto enfatizou a importância da liderança espiritual dos pais 28 Revista Adventista I novembro • 2011 . Porém. sem. Glenda Costa. uma recompensa que Ele dá’”. Uma das famílias envolvidas é a do tesoureiro da sede administrativa estadual da Igreja Adventista. Ele. Um dos diferenciais do projeto no Nordeste é a cerimônia batismal. PB. Segundo o pastor Carlos Campitelli. os filhos também receberam uma distinção. a iniciativa estimulou as famílias adventistas da região a discipular seus filhos. que recebeu os ensinamentos bíblicos de sua mãe. uma oração proferida por um familiar e a condecoração dos pais com um bóton. Ela e o esposo frequentavam a Igreja Adventista havia três anos. ficou emocionado ao ver o batismo da filha mais nova. Somente em Sergipe. o chamado Batismo da Primavera. um dos grandes responsáveis por essas celebrações espirituais foi a campanha “Pais de Esperança”. É o caso de Josenilda Batista. Esses detalhes fizeram das celebrações momentos mais tocantes e levaram outras pessoas a tomar decisões importantes. de 11 anos. no entanto. assumir um compromisso formal com a denominação. Ele batizou seus quatros filhos. desenhos animados e filmes. sempre marcada com a entrada dos pais no tanque. uma medalha. O pastor Tiago Pereira também era todo sorrisos. Josenilda.

decidiu retornar à igreja como membro efetivo. No sábado seguinte. fizeram a diferença na vida de muitas pessoas. E agora!” O projeto. Durante o mês de setembro. Em todo o noroeste do Brasil. Durante uma semana. Medicina. Marcelo Gomes. A cidade de Araucária. Ela foi batizada no término de uma campanha de evangelismo em Seropédica. Na oportunidade. No município. o caldeireiro Alcindo José. A edição de 2011 foi lançada em maio durante uma megavigília realizada em Salvador. acompanharam o batismo de 49 candidatos nas águas do Rio Negro. 41 anos. 1. PR – Na região central do Paraná. jurídico.500 pessoas se uniram à Igreja Adventista. agora funcionando nos fundos de sua casa. Na foto. em São Paulo. SP – No interior de São Paulo. respeito e o estudo da Palavra de Deus”. Após quatro meses de estudos bíblicos e comunhão com Deus. eu também quero ser batizada. neste ano. Tinha colegas na empresa que eram adventistas e conseguiam ser fiéis”. estudante de Medicina. Jefferson Paradello. um projeto realizado pelos pastores locais procurou levar pessoas à decisão pelo batismo e confirmar a fé dos que já se uniram à Igreja. região metropolitana de Curitiba. E hoje. PA – No dia 24 de setembro. incluindo a cunhada do pastor Oseias Oliveira. Depois de cinco anos. odontológico. Alínic Teles. as escolas realizaram uma ação social atendendo 80 pessoas dos bairros do Marco e Pedreira com diversos serviços. Cerca de 1. sul do Rio de Janeiro. Por influência dela. que foi batizada com sua mãe. Em algumas regiões. no dia 17 de setembro. 130 pessoas continuam fazendo o curso bíblico. uma educação para eternidade”. dez pessoas foram batizadas e 20 estão estudando a Bíblia lágrimas. “O Batismo da Primavera é resultado do trabalho feito nas escolas durante todo ano. Franck Oliveira. dezenas de estudantes demonstraram publicamente a vontade de passar por uma experiência semelhante à dos colegas. como a da ex-pastora evangélica Luciane de Oliveira. 17 igrejas abriram suas portas para a pregação dos fundamentos da mensagem adventista. estudante de ram seu testemunho. Na cerimônia. No dia 1° de outubro. momentos de confraternização e resgate do culto familiar. o viceprefeito da cidade. Por questões pessoais. a iniciativa resultou no dobro de decisões em relação ao ano passado. A mesma escolha fez uma professora da rede Ex-pastora evangélica. O coral da unidade escolar se apresentou na programação. disse Lígia Simplício. os adventistas estiveram envolvidos em semana de colheita visando o Batismo da Primavera. Ruth Albuquerque e Alessandro Simões. dezenas de juvenis tomaram essa importante decisão. Revista Adventista I novembro • 2011 RJ – No Rio de Janeiro. para a felicidade dos pais e pastores que organizaram o evento.200 pessoas firmaram um pacto de fidelidade a Deus. “Na educação adventista encontrei muito mais do que conhecimento para minha filha. 15 alunos do Colégio Adventista de São José do Rio Preto foram batizados num tanque montado na quadra da escola. que estudaram a Bíblia com a orientação do pastor Yuri Chire. comentou Denise Almeida. em Belém. “Nós vemos os acontecimentos e sabemos que Jesus está voltando. eu fiquei maravilhada com este meu primeiro culto de pôr do sol”. clínico geral e corte de cabelo. Christian Félix e Joabe Soares. número superior ao mesmo período de 2010. MG – No norte de Minas Gerais. As instruções bíblicas acompanhadas de testemunhos. Festa semelhante aconteceu no Colégio Adventista de Americanópolis. que me trouxe carinho. Isadora Caccia.” confessou – Com reportagem de Rafaella Oliveira. mais 20 pessoas foram batizadas no Catre. Com ela. que teve a presença do diretor estadual da rede. Mas por trás das estatísticas existem histórias inspiradoras. AM – Em Manaus. Suellen Timm. a educação adventista também mostrou compromisso com a missão. No fim da cerimônia. os batismos de setembro superaram as expectativas: 3. lançado em 2010. as 12 unidades escolares da região organizaram séries evangelísticas. Edna Maria da Silva. encontrei uma família. e recebeu um DVD missionário. Cerca de 500 pessoas acompanhaLorena Silva Lima Borges. por isso decidi ter uma nova vida.Frutos da educação: batismo de 29 pessoas em Belém. e outras 17 foram batizadas. “Deus falou comigo diversas vezes nesta semana. no bairro do Tarumã. Eduardo Teixeira. 2 mil pessoas testemunharam o batismo de 29 pessoas ligadas à rede educacional adventista. desabafou. Lá. dentre eles. substituída por um letreiro da Igreja Adventista. capelão do colégio. evangelista para a região. foi batizada com a mãe. em MG 29 . “Eu me sentia mal. pediu: “Pastor. Os alunos Gabriel Gonçalves e Jennifer Camile de Souza. Zealdo Amaral assistiu ao sermão do pastor João Júnior. Luciane apresentou a placa de sua antiga igreja. mãe e filhos decidem pertencer à Igreja Adventista. fez com que os batismos no Nordeste. foram batizados. que teve grande adesão dos alunos. o que representa um aumento de 34% de decisões em relação ao mesmo período de 2010. Quinhentas pessoas dos distritos pastorais Raiz e Educando. relatou Lorena Silva Lima Borges. a festa espiritual foi no Centro de Treinamento Adventista Coqueirão. durante todo o mês de setembro. Minas Gerais e Espírito Santo. Luciane de Oliveira trocou a placa de sua antiga igreja. que foi batizada com sua família no evento. dez ex-membros de sua antiga denominação também foram batizados e outros 20 estão estudando a Bíblia. no fim de setembro.856 pessoas foram batizadas em setembro. oficiante da cerimônia e líder do distrito da Liberdade. a festa espiritual da primavera foi celebrada no Centro Adventista de Treinamento (Catre). diretora da rede na região metropolitana de Belém. com transmissão via internet para 50 mil pessoas. ele passou a trabalhar aos sábados e a se ausentar das reuniões eclesiásticas. No fim das campanhas. chegassem ao número recorde de quase 11 mil pessoas. E o esforço foi recompensado com o batismo de 640 pessoas. pastor Mário Ritter. Os resultados evangelísticos da unidade escolar são fruto da atuação de três pequenos grupos e de uma campanha de oração intercessora. foi a que contabilizou o maior número de batismos: 59 pessoas tomaram essa decisão e outras cem estão estudando a Bíblia. Nosso objetivo é oferecer uma educação completa. até que deixou de frequentá-las.

Itabuna. Na região.MinistéRio JoveM Em festa Dia Mundial do Jovem Adventista foi comemorado com projetos sociais. a moçada se dirigiu para o Parque 13 de Maio. Depois de um dia cheio de recreação. onde foi decidida a logística de distribuição das 15 mil revistas Esperança Para Um Mundo em Crise. uma homenagem ao Dia Municipal do Jovem Adventista. revistas e folhetos no centro da cidade. a celebração no auditório da Federação das Indústrias do Estado de Mato Grosso. 300 jovens doaram sangue no hemocentro local. estudar a Bíblia. o mote das ações do Ministério Jovem é “PGD” (Jovens Para a Glória de Deus). a partir deste ano. Eduardo Vargas. Gilvana Braz. foram montados 15 estandes para atendimento médico. concurso bíblico e reconhecimento público guiu atender a todos os doadores devido à grande procura. no dia 14 de setembro. mil jovens se reuniram para distribuir 27 mil livros. Mil jovens dedicaram o sábado para a distribuição de revistas e livros missionários no centro de Recife Em Itabuna.500 pessoas foram atendidas por 250 voluntários. em dezembro. assessora de imprensa do Hemose. ouvir testemunhos e responder ao apelo para o envolvimento na próxima edição da Missão Calebe. Os jovens tocaram violão. Além disso. 12 mil folhetos e livros missionários. a solidariedade e as atividades esportivas marcaram o fim de semana comemorativo. BA: 15 estandes em praça pública ofereceram A equipe da instituição não conseatendimentos à comunidade 30 Revista Adventista I novembro • 2011 RS – Em Porto Alegre. falou sobre a importância da educação adventista para sua formação e sobre como tem testemunhado para sua família. Às 6 da manhã. que. filha da ex-senadora Marina Silva. quase mil jovens participaram de um culto e assistiram à final regional do concurso bíblico universitário sul-americano. A vencedora. líderes eclesiásticos participaram da cerimônia que simbolicamente ativou o sinal da emissora adventista no canal 19. que ganhou um . O vencedor foi Jaisson Schoenherr. Rebbeca Ricarte. a moçada foi doar sangue. O vencedor. No sábado. No domingo. Além do prefeito Capitão Azevedo e do vereador Ricardo Barcelar. Doações de sangue e visitação em favelas também fizeram parte da programação. os jovens da cidade se reuniram. no fim de semana seguinte. 2 mil jovens da região comemoraram os resultados das atividades do ano num parque aquático. Moara Silva. O ex-cantor e compositor Marquinhos Maraial que nasceu em lar adventista. sermões temáticos cerimônias de investiduras e participação uniformizada das sociedades jovens. No interior do Estado. “Essa foi a maior e mais bonita campanha que tivemos aqui neste ano”. logo cedo o espírito festivo pelo dia dedicado à juventude tomou conta das congregações. 300 bolsas de sangue foram coletadas em mais uma ação do projeto Vida por Vidas. AP – No extremo norte do Brasil. SE – Na capital sergipana.Em Macapá. no primeiro domingo de outubro. PR – No norte do Paraná. passa a fazer parte do calendário oficial da capital amapaense. AM – Em Manaus. mas que por 25 anos viveu realizando em todo o País. 18. a moçada parou para orar. No evento. Dani Gonçalves. as igrejas contaram com decoração. Atualmente. passeatas e visitações. psicológico e nutricional. a moçada aproveitou o tempo livre em atividades esportivas Com reportagem de Franck Oliveira. à tarde. oferecendo literatura e orações. Luzia Paula. uma Bí. no Peru. da cidade de Sorriso. 17 de setembro. Eles ouviram as interpretações musicais do quarteto Communion e palestras sobre o uso evangelístico da internet. ganhou um e vai concorrer com os demais finalistas na fase continental. existem 28 sociedades de jovens organizadas na região. avaliou Rosângela Cruz. De lá. Pela manhã. Numa praça no centro de Itabuna. odontológico. À tarde. MT – Em Cuiabá. Rafaella Oliveira. cantaram e estenderam a mão para quem passava. E para a comemoração ser completa. Ellen Ribeiro. PE – Em Recife. a Câmara Municipal de Macapá realizou. Dayse Bezerra e Patrícia Ferreira. as igrejas mobilizaram os jovens em encontros em praças públicas. Dia do Jovem Adventista entrou para o blia Tompson em calendário municipal . os jovens aproveitaram as atividades esportivas organizadas pela sede administrativa local. falou sobre as consequências negativas de suas escolhas. Trezentos participantes acompanharam também a final estadual do concurso Bom de Bíblia. CD e mais 200 reais. Estima-se que 4. No mesmo sábado. A homenagem se deve à atuação social dos jovens adventistas por meio dos projetos Vida por Vidas e Missão Calebe. À noite. foi premiado com uma assinatura da . foi a Igreja Central que sediou a decisão regional do concurso Bom de Bíblia e as celebrações do Dia do Jovem Adventista. Aracaju. a 25 quilômetros de Maringá. no ginásio da Universidade Federal do Amapá. sul da Bahia. o grupo já estava na Igreja Central do Recife para um momento de devoção antes das atividades. Quatro mil copos de água foram distribuídos com folhetos missionários numa iniciativa chamada “Brinde a vida”. a data foi comemorada com projetos sociais e o lançamento da TV Novo Tempo em sinal aberto na cidade com 300 mil habitantes. reuniu jovens voluntários que atuaram na última edição da Missão Calebe.

em julho. A cidade de São José dos Pinhais tem cerca de 20 mil idosos. lembrando o Dia Internacional do Idoso. o ministério local da terceira idade organizou um passeio com os idosos para um hotel fazenda em Três igrejas de Maringá se reuniram para celebrar o Dia Internacional do Idoso. E o interesse pelo desenvolvimento desse grupo específico é demonstrado pela realização anual de um acampamento. Outra atividade envolveu as crianças na campanha de valorização dos idosos. PR: no centro da cidade. O evento representou o interesse dos adventistas por esse ministério emergente. os alunos encenaram o cotidiano dos idosos. grupo da terceira idade participou de atividades recreativas e espirituais Pelo segundo ano consecutivo.MinistéRio dos idosos Ministério emergente No Dia Internacional do Idoso. tiro ao alvo. acampamento para idosos é realizado na região central do Amazonas. Como pré-requisito para o congresso. programa de ginástica semanal e oficinas de corte e costura. Os vovôs e vovós distribuíram livros missionários para centenas de hóspedes e funcionários do hotel. realizada de madrugada. somente em Manaus. Neste ano. e de uma cerimônia de Santa Ceia. em Taquara. Uma ação desenvolvida por estudantes do Colégio Adventista de São José dos Pinhais. adventistas promoveram atividades específicas para a terceira idade uma reportagem sobre voluntariado infantil. o trabalho com os idosos é uma frente de ação oficial da sede administrativa da Igreja Adventista. A iniciativa serviu ainda para a divulgação da campanha Quebrando o Silêncio e foi destaque na TV Educativa. Mais de 300 pessoas participaram do culto que reuniu fiéis da Igreja Central. PR – Em Maringá. estilingue no quadrado. de 51 anos. o grupo conciliou lazer com evangelismo. neste ano. RS. os clubes de idosos formados em cada distrito pastoral tiveram que cumprir várias atividades em sua comunidade. que Revista Adventista I novembro • 2011 São José dos Pinhais. “Queremos unir a experiência dos idosos com a disposição dos jovens”. Ela completa reforçando que a conscientização da comunidade é a oportunidade de reduzir os índices de violência praticada contra os idosos. possui um significativo grupo de idosos. o que representa 7% da população. Em uma visita à Casa de Repouso Cris Lau. Neste ano. atletismo. Ao longo do ano. no dia 1º de outubro. a Igreja Adventista do Instituto Cruzeiro do Sul (Iacs). RS – A despeito de estar localizada num internato para adolescentes. em Gaspar. “É uma troca muito produtiva porque as crianças aprendem a respeitar os mais velhos e os idosos recebem o carinho que tanto precisam”. PR. os idosos participaram de concursos de poesia e música. pioneiro do ministério. Mas muitas vezes são as famílias que tiram algo ainda mais precioso: a segurança e o amor. 180 pessoas ingressaram para o trabalho com a terceira idade. onde vivem 20 pessoas. os acampantes também receberam orientações sobre saúde e direitos dos idosos. comemorado em 1º de outubro. SC. Ao longo do ano. na região metropolitana de Curitiba. avaliou a diretora Rovena Carniatto. futebol pé de moleque (com bola feita de meias). No centro da cidade. serviu como alerta para a população sobre as responsabilidades que todos devem ter com os idosos. Lá. a data em homenagem aos idosos foi comemorada por três igrejas da cidade que têm se preocupado com a organização de um ministério específico para essa faixa etária. alunos dramatizaram cenas do cotidiano dos idosos. Voluntários como Elinete Ribeiro. Por isso. Somente em Manaus. afi liada da TV Cultura. como retiro espiritual. natação. 180 pessoas a mais se envolveram nesse ministério Da redação Os anos levaram a agilidade na locomoção. Atividade fez parte da Semana do Idoso organizada pelo colégio adventista local 31 . os estudantes tiveram um encontro emocionante: a programação previu a interação das crianças ouvindo as histórias dos tempos passados e a leitura de livros para quem não tem mais a visão tão perfeita assim. explicou Rosnei Oliveira. Durante a programação. AM – Na região central do Amazonas. Jardim Alvorada e Vila Santa Izabel. essas congregações desenvolveram atividades com os idosos. reduziram a capacidade de audição e encurtaram a visão.

Em 54 anos de história. adventistas participaram do 1º Seminário de Envelhecimento Ativo promovido pela Abramge RJ/ES. A decisão mostra o crescimento do adventismo na região e visa oferecer melhor atendimento aos fiéis. presidente da Igreja Adventista na América do Sul. dez sedes administrativas regionais e dois internatos. a irmã e a mãe. no Instituto Adventista Agroindustrial. Dr. Jairo Borda e Heron Santana. Lá. formada pela Bahia e Sergipe. Dr. terá uma nova configuração. os 50 participantes assistem à palestras sobre saúde. o acampamento foi encerrado com a entrega de medalhas e troféus. e com sede em Salvador.427 membros. grupo da terceira idade da Igreja do Iacs distribuiu livros missionários ria. A campal. em Cachoeira. fundador e proprietário da Golden Cross. desta vez teve a presença do pastor Erton Köhler. Hoje. Ceará e Piauí. o encontro reuniu os reitores e líderes do departamento de educação das sedes administrativas da denominação. voluntariado. Maryland (EUA). A Companhia da Alegria. interior paulista. Campal no Iatai Pelo menos cinco mil pessoas participaram do maior encontro dos adventistas na região transamazônica. BA. a atual União Nordeste Brasileira.depois de ajudar em ministérios voltados para crianças e adolescentes. Alessandro Simões. esse trabalho é coordenado pela engenheira Maria Elisabeth Tavares. Tenho uma linda família e isso é uma bênção do Céu”. Ministério emergente – O visível aumento do número de idosos entre os adventistas e na população brasileira em geral. o resultado é fruto de capacidade profissional dos professores e dedicação dos alunos.05 foi divulgada em 12 de setembro pelo Ministério da Educação. Milton descreveu seus hábitos saudáveis. 339. escolas que tiveram entre 25% e 49. passando a administrar apenas as congregações adventistas de Alagoas. Paraíba. 3. aos 89 anos de idade. de 57 anos. a Comissão de Reitores de Universidades Adventistas Sul-Americanas (Cruasa) se reuniu na Faculdade Adventista da Bahia (Iaene). RJ – No Rio de Janeiro. aulas de culiná- Dr. afirmou naquela oportunidade – Com reportagem de Francis Matos. sediada em Recife. que é realizada anualmente. entre as escolas adventistas. Milton presenteou os médicos e gestores de planos de saúde com o livro A Grande Esperança. Às vésperas de completar 90 anos. Nos encontros mensais. no oeste do Pará. como é conhecido o ministério. tive a opor- tunidade de pular de paraquedas. em Silver Spring. ela encontrou apoio e paz na comunidade adventista e no estudo da Bíblia. numa comissão realizada na sede mundial da denominação.774 igrejas e grupos. 32 Revista Adventista I novembro • 2011 . a União Leste Brasileira. Os médicos Rogério Gusmão e Homero Leite. Para os educadores da unidade. O colégio ocupa o primeiro lugar no Enem 2010. A Igreja Central de São João da Boa Vista.9% dos seus alunos realizando a prova. Realizado em julho. Milton Afonso. revelou o empresário e filantropo. Patrícia Ferreira. A nota 644. num pequeno intervalo de anos. Com essa decisão. agora se dedica aos mais experientes da Igreja de Japiim I. nas dependências do Instituto Adventista Transamazônico (Iatai). destacou os trabalhos sociais que a Igreja desenvolve. de 86 anos. Pela primeira vez. falaram no evento. distritos pastorais e instituições a organizar ministérios específicos para a terceira idade. comem juntos e refletem na Palavra de Deus. teve sua primeira reunião em agosto de 2010. atendimento à comunidade e parcerias com outros ministérios da Igreja Adventista foram alguns dos assuntos abordados e votados pelos 32 líderes da rede educacional. O voto foi tomado no dia 12 de outubro. AM. em Rio Preto da Eva. antes de o sol nascer. nos dias 9 e 10 de setembro. por sua vez. A programação foi encerrada com batismos e o lançamento do livro missionário de 2012. PA. tem levado muitas congregações. No fim do testemunho. a União Nordeste Brasileira possui 357 distritos pastorais. a Igreja Adventista terá mais uma sede administrativa interestadual.6 milhões de participantes. Luzia Moura. ou seja. com o apoio de Dulcineia Camargo. é um exemplo. alunos do colégio que passaram no vestibular da Universidade Estadual de Maringá. Foi uma experiência muito emocionante e gratificante”. Depois de perder o pai. “Hoje não estou mais só. falou sobre o hábito de caminhar duas horas por dia e a experiência recente de saltar de paraquedas Em passeio por hotel de Santa Catarina. Um dos pontos altos do encontro foi o testemunho do Dr. Na foto. entidade que representa as empresas de planos de saúde dos dois Estados. é a primeira vez que a escola se destaca no exame que conta com mais de 4. “Há seis meses. como caminhar duas horas por dia. Temas como projetos missionários. principalmente nas áreas de saúde e educação. para seu oitavo encontro. A pontuação do colégio está incluída no grupo 3. Universidades planejam ações missionárias e de voluntariado Em setembro. Eraldo Pimenta. 89 anos. Wallace Esterci. Colégio de Maringá é o campeão do Enem 2010 Estudantes e educadores do Colégio Adventista de Maringá. Brasil terá nova sede administrativa interestadual A partir de janeiro de 2013. ambos do Hospital Adventista Silvestre. Pernambuco. mostrando vitalidade. estão em festa. Rio Grande do Norte. no Paraná. Milton Afonso. com o batismo da advogada e servidora estadual Neide Rodrigues. O primeiro fruto do trabalho foi celebrado em junho. de 68 anos. O prefeito de Uruará.

A caravana passou também por Londrina. Nova Andradina. que trabalhava na filmagem do evento. O encontro teve nas disciplinas espirituais. O término da campanha aconteceu em Foz do Iguaçu. De evento semelhante participaram os 140 servidores da rede educacional regional. E a da jovem Jeniffer Verônica Frankoski. a cena se repetiu: muita música. Como resultado da maratona missionária. Corumbá. e o filho recebeu dos pais um DVD missionário. Anastácio. Patrícia Ferreira. em Novo Hamburgo. ES – Cerca de 22 mil capixabas do sul do Estado prestigiaram a Caravana da Primavera. realizada nos dias 17 a 24 de setembro em oito cidades do Mato Grosso do Sul. Outras duas histórias também emocionaram: a de Osório Rigobello. batismos e centenas de pessoas decididas a conhecer mais a Bíblia. Atualmente. ele estuda as Escrituras com 42 detentos do presídio local. ES: dez presos foram batizados. E foi nessa cidade fronteiriça que o argentino Waldemar Ivo decidiu abraçar a mensagem adventista. o governador André Puccinelli e o prefeito Nelson Trad Filho acompanharam a pregação. Geldes.200 pessoas em estudar a Bíblia. mas. utilizando o DVD O Grande Conflito. Lá. que aceitou assistir à programação por influência da avó e de sua melhor amiga. ele percebeu que apesar de conhecer a Bíblia. Luciana Costa e Luzia Paula. Em Campo Grande. ele precisou da ajuda de cinco pessoas. 9 mil pessoas assistiram à programação. Em Vila Velha.200 pessoas se emocionaram com o batismo e a história da família Rocha. O objetivo foi preparar os gaúchos para as campanhas de evangelismo de colheita do próximo ano. ela convidou o esposo Geldes Nali para ser rebatizado. da TV Novo Tempo. jejum e oração. Marcos. precisava descobrir outras verdades sobre Deus. Ponta Porã e Dourados. PR. evangelista da Igreja Adventista para a América do Sul. Guarapari. Em cada local. mensagens inspiradoras. Waldemar e a esposa foram batizados. outro momento de emoção. Surpreso. Maringá. Em Afonso Cláudio. 9 mil pessoas acompanharam a mensagem do pastor Bullón A hora da decisão Caravanas com os pastores Luís Gonçalves e Alejandro Bullón alcançam milhares de pessoas no PR.150 adventistas do sul do Rio Grande do Sul participaram dos retiros espirituais promovidos pelo Ministério Pessoal. Na cidade de Nova Andradina. Marcos da Silva Rocha conheceu a Igreja Adventista através dos pais. a esposa Maria José e a filha Jéssica foram batizados – Com reportagem de Rosemeire Félix. em São Lourenço. na divisa do Brasil com o Paraguai e Argentina. MS – Mais de 15 mil pessoas participaram da programação da Caravana da Esperança. ES e MT Da redação No norte do Paraná. por exemplo. Convidada várias vezes a voltar para a igreja. 250 duplas missionárias foram treinadas. seus pontos fortes.evAngelisMo Público Waldemar Ivo. por exemplo. O pastor Alejandro Bullón visitou Campo Grande. disse Cláudia Angeli. “Há vinte anos conheço a mensagem adventista. o trabalho voluntário de Miro Rufino foi recompensado com o batismo de dez presos. Vila Velha e Vitória receberam a maratona missionária e testemunharam mais de 150 batismos e a decisão de 3. a família passou a frequentar um templo. mesmo contrariando sua família. Após procurar uma igreja adventista próxima de casa. finalmente Jeniffer decidiu ser rebatizada. Outros 42 detentos estão estudando a Bíblia Em Campo Grande. Revista Adventista I novembro • 2011 35 . nos dias 7 a 11 de setembro. de 82 anos. Cachoeiro de Itapemirim. num sítio. por influência do programa televisivo Arena do Futuro Afonso Cláudio. No encerramento da maratona missionária. Umuarama e Cascavel. mas hoje eu quero me entregar”. 10 mil pessoas acompanharam as pregações do pastor Luís Gonçalves. Naviraí. As cidades de Presidente Kennedy. Sempre foi muito difícil tomar uma decisão. Cariacica. que decidiu já com idade avançada seguir a Jesus. Depois de enfrentar um período de aflição e problemas. Sete internos se preparam para o batismo. 1. Afonso Cláudio. argentino que foi batizado em Foz do Iguaçu. Esse grupo passou o fim de semana se alimentando apenas de frutas. Costa Rica. nos dias 16 a 24 de setembro. De dentro do tanque. Todas as reuniões foram encerradas com a distribuição do livro missionário. Para entrar no tanque. entendeu que também havia chegado sua hora de decidir. PR. 1. Preparo para a colheita Desde o início do ano. 300 pessoas foram batizadas. por 14 anos relutou em seguir a Jesus. Depois de acompanhar o programa Arena do Futuro. Nos dias 30 de setembro a 2 de outubro. com o pastor Luís Gonçalves.

Douglas Assunção | Imagens: Fotolia .

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful