Você está na página 1de 61
UNIVERSIDADEUNIVERSIDADE FEDERALFEDERAL FLUMINENSEFLUMINENSE FACULDADEFACULDADE DEDE VETERINÁRIAVETERINÁRIA

UNIVERSIDADEUNIVERSIDADE FEDERALFEDERAL FLUMINENSEFLUMINENSE FACULDADEFACULDADE DEDE VETERINÁRIAVETERINÁRIA

PROGRAMAPROGRAMA DEDE PÓSPÓS--GRADUAÇÃOGRADUAÇÃO EMEM MEDICINAMEDICINA VETERINÁRIAVETERINÁRIA DOUTORADODOUTORADO EMEM HIGIENEHIGIENE VETERINÁRIAVETERINÁRIA EE PROCESSAMENTOPROCESSAMENTO TECNOLÓGICOTECNOLÓGICO DEDE PRODUTOSPRODUTOS DEDE ORIGEMORIGEM ANIMALANIMAL DISCIPLINADISCIPLINA:: ANATOMIA,ANATOMIA, FISIOLOGIAFISIOLOGIA EE BIOLOGIABIOLOGIA DODO PESCADOPESCADO PROFESSORAPROFESSORA:: ELIANAELIANA DEDE FÁTIMAFÁTIMA MARQUESMARQUES DEDE MESQUITAMESQUITA

DEDE FÁTIMAFÁTIMA MARQUESMARQUES DEDE MESQUITAMESQUITA CRUSTACEA (CRUSTÁCEO) JORGE LUIZ FORTUNA NITERÓI-RJ 2009

CRUSTACEA

(CRUSTÁCEO)

DEDE FÁTIMAFÁTIMA MARQUESMARQUES DEDE MESQUITAMESQUITA CRUSTACEA (CRUSTÁCEO) JORGE LUIZ FORTUNA NITERÓI-RJ 2009

JORGE LUIZ FORTUNA

NITERÓI-RJ

2009

FILOFILO ARTHROPODAARTHROPODA

FILOFILO ARTHROPODAARTHROPODA

CLASSIFICAÇÃO:

3 Sub-filos:

Crustacea

Uniramia

Insecta

Myriapoda

» Diplopoda

» Chilopoda

Chelicerata

Arachnida

» Acari

» Aranae

» Scorpiones

Insecta – Myriapoda » Diplopoda » Chilopoda • Chelicerata – Arachnida » Acari » Aranae »

FILOFILO ARTHROPODAARTHROPODA

CARACTERÍSTICAS GERAIS:

Arthron = articulação / Podos = pé; pata

Patas articuladas

Exoesqueleto quitina + sais de cálcio

Mais de 1 milhão de espécies

Triblásticos; celomados; simetria bilateral

Corpo segmentado

Mudas ou ecdise exuvia

de espécies – Triblásticos; celomados; simetria bilateral – Corpo segmentado – Mudas ou ecdise exuvia

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CLASSIFICAÇÃO:

REINO: Animalia

FILO: Arthropoda

Sub-filo: Crustacea

CLASSE:

Anostraca (artêmia)

Phyllopoda (pulga d’água)

Cirripedia (craca)

Malacostraca:

d’água) • Cirripedia (craca) • Malacostraca: ORDEM » Decapoda (siri, lagosta, camarão, caranguejo) »

ORDEM

» Decapoda (siri, lagosta, camarão, caranguejo)

» Euphasiacea (krill)

» Isopoda (tatuzinho-de-jardim)

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CARACTERÍSTICAS GERAIS:

Crusta = crosta; carapaça dura

Inclui cerca de 42.000 espécies

Representantes mais conhecidos

Predominantemente aquáticos

Enorme heterogeneidade morfológicas e ecológicas 1,0 mm X 3,0 m

Microcrustáceos zooplâncton

aquáticos – Enorme heterogeneidade morfológicas e ecológicas 1,0 mm X 3,0 m – Microcrustáceos zooplâncton

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CARACTERÍSTICAS GERAIS:

Maioria de vida livre:

Sésseis fixos em substratos

Natantes nadadores

Reptantes sobre o substrato

Fossoriais cavadores

Intersticiais entre grãos de areia

Podem

pelágicos;

epifauna, infauna ou serem terrestres

ser

pertencerem

• Intersticiais entre grãos de areia – Podem pelágicos; epifauna, infauna ou serem terrestres ser pertencerem

a

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CARACTERÍSTICAS GERAIS:

Corpo dois tagmas (segmentos):

Cefalotórax (cabeça + péreon)

Abdome (pléon)

• Cefalotórax (cabeça + péreon) • Abdome (pléon) – Antenas dois pares – Aparelho bucal: •

Antenas dois pares

Aparelho bucal:

Um par de mandíbulas

Dois pares de maxilas

Patas vários pares (>5)

Autotomia (auto-amputação):

Regeneração de apêndices amputados

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CORPO:

Segmentos Toracômeros / Somitos

Apêndices Toracópodes

APÊNDICES DA CABEÇA:

Um par de olhos compostos

1° par de apêndices antênulas

2° par de apêndices antenas

3° par de apêndices mandíbulas

4° par de apêndices 1° par de maxílulas

5° par de apêndices 2° par de maxilas

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CORPO:

APÊNDICES DO PÉREON (TÓRAX):

Pereópodes

Quelípedes (quela ou pinças)

APÊNDICES DO PLÉON (ABDOME):

Segmentos pleômeros

Pleópodes coxa; endopódito; exopódito

Télson

Urópodes

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

NUTRIÇÃO / SISTEMA DIGESTÓRIO:

Dieta variada:

Filtradores

Herbivoria

Carnivoria

Onivoria

Parasitismo

Boca ventral na cabeça Trato digestivo reto apenas uma dobra ventral (J ou L)

Onivoria • Parasitismo – Boca ventral na cabeça – Trato digestivo reto apenas uma dobra ventral

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

NUTRIÇÃO / SISTEMA DIGESTÓRIO:

Esôfago

Estômago moinho gástrico:

Trituração

Cristais quitinosos

Dentes e ossículos calcários

Secreção de enzimas digestivas

Cecos digestivos hepatopâncreas

Ânus

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CIRCULAÇÃO / RESPIRAÇÃO:

Coração:

Artérias e capilares animais maiores

Circulação aberta hemocele Hemolinfa banha os tecidos Amebócitos fagocitose e coagulação Troca gasosa por difusão Brânquias associadas aos apêndices Oxigênio dissolvido na hemolinfa ou ligado ao pigmento hemocianina em solução e nunca intracelular

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

EXCREÇÃO:

Difusão da amônia

Nefrídios

antenais ou maxilares) Glândulas verdes; da carapaça ou coxais Nefridióporos próximo as bases das segundas antenas ou das segundas maxilas

(glândulas

dois

pares

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

SISTEMA NERVOSO:

Cérebro

Gânglios supra-esofágico e subesofágico

Cordão nervoso ventral duplo

Órgão dos sentidos:

Olhos:

Ocelos olho naupliar

Olhos compostos laterais omatídios

Estatocistos estatólito equilíbrio

Cerdas sensoriais superfície do corpo

Antênulas e antenas

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

REPRODUÇÃO:

Reprodução sexuada

Dióicos / poucos hermafroditas

Fertilização externa

Télico 4°-5° par pereópodes

Petasma 1° par pleópodes

Gonopódio / Espermatóforo

Receptáculo seminal ecdise

Maioria SPTZ sem flagelos

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

DESENVOLVIMENTO:

Indireto (anamórfico)

Direto (epimórfico)

Maioria incuba os ovos apêndices

Indireto:

Ovo

Nauplius (náuplio)

Metanáuplios

Protozoa (protozoé)

Zoea (zoé)

Mysis (megalopa)

Camarões e caranguejos:

estágios embrionários

Nauplius Zoea Mysis

Nauplius

Nauplius Zoea Mysis

Zoea

Mysis

Nauplius Zoea Mysis

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CLASSE MALACOSTRACA:

CARACTERÍSTICAS GERAIS:

Maior número de espécies

Grande diversidade morfológica

Várias espécies comestíveis

Corpo dividido em cefalotórax e abdome

Fêmea utiliza pleópodes para carregar os ovos

Cinco pares de pereópodes

Três pares de maxilípedes

Principais Ordens:

Decapoda; Isopoda; Euphasiacea

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM DECAPODA:

SIRIS & CARANGUEJOS:

Importância econômica alimentação

Praias

lodosas,

águas

profundas,

rasas

e

manguezais

Fêmeas desovam no mar desenvolvimento das larvas

Corpo achatado dorso-ventralmente

Abdome reduzido e dobrado sob o tórax

1° par de pereópodes quela (pinça):

Captura de alimentos; defesa; atração sexual

Aratu ( Grapsus spp. ) Uça ( Ucides cordatus ) Chama-maré ( Uca spp. )

Aratu (Grapsus spp.)

Aratu ( Grapsus spp. ) Uça ( Ucides cordatus ) Chama-maré ( Uca spp. ) Guaiamum

Uça (Ucides cordatus)

Aratu ( Grapsus spp. ) Uça ( Ucides cordatus ) Chama-maré ( Uca spp. ) Guaiamum

Chama-maré (Uca spp.)

Aratu ( Grapsus spp. ) Uça ( Ucides cordatus ) Chama-maré ( Uca spp. ) Guaiamum

Guaiamum (Cardisoma guanhumi)

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM DECAPODA:

SIRIS & CARANGUEJOS:

Siri último par de pleópodes achatado para natação

Dimorfismo sexual região ventral

Machos:

Dois pares de pleópodes modificados

Gonópodes órgão copulatório

Fêmeas:

Pleópodes abrigam os ovos

Dois pares de pleópodes modificados – Gonópodes órgão copulatório • Fêmeas: – Pleópodes abrigam os ovos
Siri verde ( Carcinus spp.) DIMORFISMO SEXUAL

Siri verde (Carcinus spp.)

DIMORFISMO SEXUAL

Siri verde ( Carcinus spp.) DIMORFISMO SEXUAL
Siri verde ( Carcinus spp.) DIMORFISMO SEXUAL
Maria-farinha ( Ocypode spp. ) Tatuí ( Emerita spp. ) Siri-azul ( Callinectes spp. )

Maria-farinha (Ocypode spp.)

Maria-farinha ( Ocypode spp. ) Tatuí ( Emerita spp. ) Siri-azul ( Callinectes spp. ) Paguru

Tatuí (Emerita spp.)

Maria-farinha ( Ocypode spp. ) Tatuí ( Emerita spp. ) Siri-azul ( Callinectes spp. ) Paguru

Siri-azul (Callinectes spp.)

Maria-farinha ( Ocypode spp. ) Tatuí ( Emerita spp. ) Siri-azul ( Callinectes spp. ) Paguru

Paguru / Ermitão (Pagurus spp.)

Paguru / Ermitão ( Pagurus spp. ) Caranguejo-decorador ( Oregonia spp. ) Paguru / Ermitão

Paguru / Ermitão (Pagurus spp.)

Paguru / Ermitão ( Pagurus spp. ) Caranguejo-decorador ( Oregonia spp. ) Paguru / Ermitão (

Caranguejo-decorador (Oregonia spp.)

( Pagurus spp. ) Caranguejo-decorador ( Oregonia spp. ) Paguru / Ermitão ( Pagurus spp. )

Paguru / Ermitão (Pagurus spp.)

) Caranguejo-decorador ( Oregonia spp. ) Paguru / Ermitão ( Pagurus spp. ) Caranguejo-aranha ( Macrocheira

Caranguejo-aranha (Macrocheira kaempferi)

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA • ORDEM DECAPODA: – SIRIS & CARANGUEJOS: • Principais Famílias: –

ORDEM DECAPODA:

SIRIS & CARANGUEJOS:

Principais Famílias:

Anomura Tatuí; Paguru

Brachyura Caranguejo

Portunidae Siri-azul

Gecarcinidae Guaiamum

Grapsidae Aratu

Ocypodidae Maria-farinha; Chama-maré

Siri-azul – Gecarcinidae Guaiamum – Grapsidae Aratu – Ocypodidae Maria-farinha; Chama-maré

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM DECAPODA:

CAMARÕES:

Importante recurso pesqueiro

Principal gênero Litopenaeus (Penaeidae)

700 mil toneladas por ano são capturadas no mundo

Locais

grandes

lodosos

arenosos

ou

em

concentrações

Corpo achatado lateralmente

Presença de um rostro com espinhos

Podem ou não apresentar grandes quelípedes

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM DECAPODA:

CAMARÕES:

Seis segmentos na cabeça:

Olhos; antênulas; antenas; mandíbulas; maxílula; maxila

Oito segmentos no tórax:

Três

pares

pereópodes

de

maxilípodes;

cinco

pares

de

Seis segmentos no abdome:

Cinco pares de pleópodes; telso + urópodes

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM DECAPODA:

CAMARÕES:

Sub-ordem Dendrobranchiata

Principais Famílias:

Penaeidae camarão-rosa

Stenopodidae camarão-de-recife

Caridea camarão-de-estalo

Palaemonidae pitú

Camarão branco ( Litopenaeus spp. ) Camarão rosa ( Farfantepenaeus spp. ) C a m

Camarão branco (Litopenaeus spp.)

Camarão branco ( Litopenaeus spp. ) Camarão rosa ( Farfantepenaeus spp. ) C a m a

Camarão rosa (Farfantepenaeus spp.)

( Litopenaeus spp. ) Camarão rosa ( Farfantepenaeus spp. ) C a m a r ã

Camarão-de-estalo (Alpheus spp.)

Camarão-da-malásia ( Macrobrachium bergii ) Pitú ( Macrobrachium carcinus ) Camarão-de-recife ( Stenopus spp.)

Camarão-da-malásia (Macrobrachium bergii)

Camarão-da-malásia ( Macrobrachium bergii ) Pitú ( Macrobrachium carcinus ) Camarão-de-recife ( Stenopus spp.)

Pitú (Macrobrachium carcinus)

( Macrobrachium bergii ) Pitú ( Macrobrachium carcinus ) Camarão-de-recife ( Stenopus spp.) Camarão rosa (

Camarão-de-recife (Stenopus spp.)

bergii ) Pitú ( Macrobrachium carcinus ) Camarão-de-recife ( Stenopus spp.) Camarão rosa ( Farfantepenaeus spp.

Camarão rosa (Farfantepenaeus spp.)

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM DECAPODA:

LAGOSTAS & LAGOSTINS:

Palinuridae lagosta verdadeira

Astacidae lagosta falsa

Pelágicos

Epifauna

Corpo achatado dorso-ventralmente

Pereópodes mais fortes maiores quelípedes

Pleópodes não são utilizados para nadar

Lagosta americana ( Homarus americanus ) Lagostim ( Nephrops norvegicus ) Lagostim ( Astacus spp.)

Lagosta americana (Homarus americanus)

Lagosta americana ( Homarus americanus ) Lagostim ( Nephrops norvegicus ) Lagostim ( Astacus spp.) Lagosta

Lagostim (Nephrops norvegicus)

americana ( Homarus americanus ) Lagostim ( Nephrops norvegicus ) Lagostim ( Astacus spp.) Lagosta (

Lagostim (Astacus spp.)

americana ( Homarus americanus ) Lagostim ( Nephrops norvegicus ) Lagostim ( Astacus spp.) Lagosta (

Lagosta (Panulirus argus)

Lagosta ( Panulirus ornatus ) Lagosta ( Panulirus spp.) Lagosta ( Panulirus versicolor ) Lagostim

Lagosta (Panulirus ornatus)

Lagosta ( Panulirus ornatus ) Lagosta ( Panulirus spp.) Lagosta ( Panulirus versicolor ) Lagostim (

Lagosta (Panulirus spp.)

Lagosta ( Panulirus ornatus ) Lagosta ( Panulirus spp.) Lagosta ( Panulirus versicolor ) Lagostim (

Lagosta (Panulirus versicolor)

Lagosta ( Panulirus ornatus ) Lagosta ( Panulirus spp.) Lagosta ( Panulirus versicolor ) Lagostim (

Lagostim (Astacus spp.)

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM ISOPODA:

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA • ORDEM ISOPODA: – 4.000 espécies – Tatuzinho-de-jardim: • Oniscus spp.

4.000 espécies

Tatuzinho-de-jardim:

Oniscus spp.

Porcellio spp.

Armadillidium spp.

Baratinha d’água ou baratinha-da-praia:

Ligia spp.

Tylos spp.

Porcellio spp. • Armadillidium spp. – Baratinha d’água ou baratinha-da-praia: • Ligia spp. • Tylos spp.

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

ORDEM EUPHAUSIACEA:

Krill:

Euphasia spp.

Meganyctiphanes spp.

• ORDEM EUPHAUSIACEA: – Krill: • Euphasia spp. • Meganyctiphanes spp. – Principal alimento das baleias

Principal alimento das baleias

• ORDEM EUPHAUSIACEA: – Krill: • Euphasia spp. • Meganyctiphanes spp. – Principal alimento das baleias
• ORDEM EUPHAUSIACEA: – Krill: • Euphasia spp. • Meganyctiphanes spp. – Principal alimento das baleias

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CLASSE ANOSTRACA:

200 espécies

Ausência de carapaças

Exclusivos água salgada

Artêmia:

Artemia spp.

ANOSTRACA: – 200 espécies – Ausência de carapaças – Exclusivos água salgada – Artêmia: • Artemia

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CLASSE PHYLLOPODA:

800 espécies

Maioria dulcícola

Dáfnia ou pulga d’água:

Daphnia spp.

• CLASSE PHYLLOPODA: – 800 espécies – Maioria dulcícola – Dáfnia ou pulga d’água: • Daphnia
• CLASSE PHYLLOPODA: – 800 espécies – Maioria dulcícola – Dáfnia ou pulga d’água: • Daphnia

SUBSUB--FILOFILO CRUSTACEACRUSTACEA

CLASSE CIRRIPEDIA:

Sésseis

Cracas:

Balanus spp.

Pollicipes spp.

Chthamalus spp.

Lepas (pedundulares):

– Cracas: • Balanus spp. • Pollicipes spp. • Chthamalus spp. – Lepas (pedundulares): • Lepas

Lepas spp.

– Cracas: • Balanus spp. • Pollicipes spp. • Chthamalus spp. – Lepas (pedundulares): • Lepas

REFERÊNCIAS

BLISS, D. E. (Ed.). The Biology of Crustacea. Volume 5. Internal Anatomy and Physilogical Regulation. New York: Academic Press. 1983, 471 p.

BRUSCA, R. C.; BRUSCA, G. J. Invertebrates. 2 ed. Sunderland: Sinauer. 2003,

936 p.

HADORN, E.; WEHNER, R. Zoología General. Barcelona: Ediciones Omega. 1977,

560 p.

HICKMAN JR. C. P.; ROBERTS, L. S.; LARSON, A. Integrated Principles of Zoology. 9 ed. Dubuque: Wm. C. Brown Publishes. 1995, 983 p.

REMANE, A.; STORCH, V.; WELSCH, U. Zoología Sistemática. Classificación del Reino Animal. Barcelona: Ediciones Omega. 1980, 637 p.

RIBEIRO-COSTA, C. S.; ROCHA, R. M. Invertebrados> Manual de Aulas Práticas. 2 ed. Ribeirão Preto: Holos. 2006, 271 p.

RUPPERT, E. E.; FOX, R. S.; BARNES, R. D. Zoologia dos Invertebrados. 7 ed. São Paulo: Roca. 2005, 1145 p.

VILLE, C. A.; WALKER JR., W. F.; BARNES, R. D. General Zoology. Philadelphia:

Saunders. 1978, 933 p.

VILLENEUVE, F.; DÉSIRÉ, C. Zoología. Barcelona: Montaner y Simon. 1975,

335 p.

AGRADECIMENTOS: Prof. M. Sc. Renato Clapp Aquicultura e Pesca Faculdade de Veterinária - UFF

AGRADECIMENTOS:

Prof. M. Sc. Renato Clapp

Aquicultura e Pesca

Faculdade de Veterinária - UFF

Obrigado!! prof.magoo uol.com.br
Obrigado!! prof.magoo uol.com.br

Obrigado!!

Obrigado!! prof.magoo uol.com.br

prof.magoo

Obrigado!! prof.magoo uol.com.br

uol.com.br