Você está na página 1de 67

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 1

1. Índice

1. ÍNDICE..................................................................................................................................................................................................................................................................................2
2. INTRODUÇÃO.....................................................................................................................................................................................................................................................................4
3. PLANIFICAÇÕES ANUAIS ...............................................................................................................................................................................................................................................5
3.1. DEPARTAMENTOS E GRUPOS DISCIPLINARES - 2º CICLO ................................................................................................................................................................................................5
3 .1 .1 E.M.R.C. ...................................................................................................................................................................................................................................................................5
3 .1 .2 Educação Física .......................................................................................................................................................................................................................................................7
3 .1 .3 Educação Musical ....................................................................................................................................................................................................................................................8
3 .1 .4 Educação Visual e Tecnológica ...............................................................................................................................................................................................................................9
3 .1 .5 Ciências da Natureza .............................................................................................................................................................................................................................................12
3 .1 .6 Matemática .............................................................................................................................................................................................................................................................14
3 .1 .7 Língua Portuguesa, História e Geografia de Portugal ..........................................................................................................................................................................................16
3 .1 .8 Inglês ......................................................................................................................................................................................................................................................................18
3.2. DEPARTAMENTOS E GRUPOS DISCIPLINARES – 3º CICLO E SECUNDÁRIO .....................................................................................................................................................................20
3 .2 .1 Alemão....................................................................................................................................................................................................................................................................20
3 .2 .2 Grupo Disciplinar de Teoria e Prática de Expressão Plástica ..............................................................................................................................................................................21
3 .2 .3 Biologia e Geologia................................................................................................................................................................................................................................................22
3 .2 .4 Economia e Contabilidade .....................................................................................................................................................................................................................................24
3 .2 .5 Educação Física .....................................................................................................................................................................................................................................................26
3 .2 .6 Educação Tecnológica ...........................................................................................................................................................................................................................................28
3 .2 .7 Filosofia..................................................................................................................................................................................................................................................................29
3 .2 .8 Físico-Química .......................................................................................................................................................................................................................................................30
3 .2 .9 Francês...................................................................................................................................................................................................................................................................33
3.2.10 Geografia...........................................................................................................................................................................................................................................................35
3.2.11 História ..............................................................................................................................................................................................................................................................36
3.2.12 Informática ........................................................................................................................................................................................................................................................37
3.2.13 Inglês .................................................................................................................................................................................................................................................................38
3.2.14 Matemática ........................................................................................................................................................................................................................................................39
3.2.15 Português...........................................................................................................................................................................................................................................................42
3.3. CURSOS DE FORMAÇÃO E EDUCAÇÃO ..........................................................................................................................................................................................................................43
3 .3 .1 Operador de Informática – Nível II........................................................................................................................................................................................................................43
3.4. ÁREA DE PROJECTO .....................................................................................................................................................................................................................................................46
3 .4 .1 2º Ciclo ...................................................................................................................................................................................................................................................................46
3 .4 .2 3º Ciclo ...................................................................................................................................................................................................................................................................48
3.5. CLUBES ........................................................................................................................................................................................................................................................................50
3 .5 .1 Caminhadas............................................................................................................................................................................................................................................................50
3 .5 .2 Modalidades Artísticas ...........................................................................................................................................................................................................................................51
3 .5 .3 Clube Fotografia ....................................................................................................................................................................................................................................................54
3 .5 .4 Oficina de Expressões ............................................................................................................................................................................................................................................55
3.6. TECNOLOGIAS DE INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO ......................................................................................................................................................................................................56
3.7. DESPORTO ESCOLAR ....................................................................................................................................................................................................................................................61
3.8. EQUIPA MULTIDISCIPLINAR ..........................................................................................................................................................................................................................................65

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 3


2. Introdução
A Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares, para o presente ano lectivo, pretende desenvolver um programa de Actividades Curriculares e
Extracurriculares, que proporcionem um conjunto de aprendizagens e competências nos vários domínios e que dignificam e promovem a Escola enquanto
instituição e agente de socialização.

Todos os anos, a Escola através do seu Plano Anual tenta desenvolver um trabalho multidisciplinar abrangendo a maior parte dos grupos disciplinares,
Alunos e Comunidade Escolar em geral. No presente ano, o principal objectivo é, mais uma vez, a promoção de um leque e actividades lúdico - pedagógicas
motivadoras que levem à participação de todas nas mesmas.

A Escola preocupa-se cada vez mais com o bem-estar da Comunidade Escolar e desta forma tentará sensibilizar a maior parte do mesmo para participação e
colaboração nas actividades calendarizadas/desenvolvidas anualmente pela Escola.

A Escola “é da e para a Comunidade”, neste sentido, tentaremos criar actividades que possam ir de encontro às expectativas e quem nelas pretende participar,
deste os Pais, Encarregados de Educação, Alunos e Comunidade em Geral e outros organismos que de alguma forma estão envolvidos com a Escola.

Para que possamos cumprir o plano é necessário que a calendarização proposta para a realização de actividades seja respeitada por todos, é fundamental a
colaboração de todos, pois o esforço conjunto só gratificará a Escola junto do público a quem a mesma se dirige.

As portas da nossa Escola continuam sempre abertas a quem queira participar. Somos um “pequeno mundo” ao serviço da comunidade. A Escola é a maior
realidade presente na vida de todos e por isso continuaremos sempre a trabalhar.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 4


3. Planificações Anuais
3.1. Departamentos e Grupos Disciplinares - 2º Ciclo

3.1.1 E.M.R.C.

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Montagem do presépio/
Lapinha Tradicional. Viver o Espírito do Natal, na Alunos do 2º,3ºciclos e
Comunidade Material para o
Colaboração na Missa de escola, na família e na secundário. Professores de Átrio da escola 30 de Novembro
Educativa. presépio. Placares.
Nata. Mensagens de comunidade. E.M.R.C.e E.V.T.
Natal.
Exposição Alunos do 2º,3ºciclos e Placares,
Sensibilizar para a importância Comunidade
Mensagens/Poemas para secundário. Professores de Átrio da escola 19 de Março Cartolinas e
do Dia do Pai. Educativa.
o dia do Pai. E.M.R.C. Marcadores.
Sensibilizar os alunos para os
Encontro dos cantares do Comunidade
valores culturais da Região, Alunos e professores de
Espírito Santo na Escola Educativa do Escola do Carmo A agendar Transporte
presente nos cantares do E.M.R.C.
do Carmo. Carmo.
Espírito Santo.
Exposição Consciencializar os alunos para A agendar para Placares,
Alunos e professores de Comunidade
Mensagens/Poemas para a importância do papel da Mãe Átrio da escola a 1ª semana de Cartolinas e
E.M.R.C. Educativa.
o dia da Mãe. na sociedade actual. Maio. Marcadores.
Partilhar e proporcionar
experiências de relacionamento Os alunos de
Encontro Regional de Todos os alunos inscritos
e de convívio entre os alunos E.M.R.C. da Funchal A agendar Transporte
E.M.R.C. na disciplina.
na disciplina de E.M.R.C. da R.A.M.
R.A.M.
Acção de sensibilização Sensibilizar e facultar aos Alunos, professores e Comunidade Sala de Sessões Semana do
A definir.
para a Prevenção alunos conhecimentos P.S.P. Educativa. ou espaço a Desporto

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 5


Rodoviária. necessários para os valores da definir pela Escolar.
cidadania. P.S.P.
Valorizar a
interdisciplinaridade, no âmbito
da História e da Religião, por
Professores de E.M.R.C. e
forma a contribuir para um
História 3ºciclo e
Visita de Estudo. desenvolvimento integral dos Alunos A definir A agendar Transporte
Secundário. Alunos 3º ciclo
alunos, preparando-os para
e Secundário.
uma reflexão consciente sobre
os valores espirituais, estéticos,
morais e cívicos.
Átrio da entrada
Exposição em Sensibilização para a promoção Professores e alunos de Comunidade A agendar para Portátil, projector e
da sala dos
PowerPoint. da disciplina. E.M.R.C. Educativa. Junho. painel.
Professores.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 6


3.1.2 Educação Física

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores

-
Desenvolver o gosto pela
prática desportiva;
Maio / 09 (por
Desenvolver a cooperação; Alunos dos 2º e
Pavilhão; ocasião da Bolas;
Torneio Inter turmas Criar hábitos salutares da 3º Ciclo, que não
Professores de Ed Física; Polivalente; realização do Apitos;
(Andebol, Basquetebol, competição; participem no
Alunos / Árbitros. Campo de Campeonato do Redes.
Futebol e Voleibol) Desenvolver a auto estima; Campeonato
Futebol. Desporto
Aceitar as decisões dos Escolar.
Escolar)
colegas.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 7


3.1.3 Educação Musical

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Dia Mundial da Música 1 de Outubro

Adquirir um conhecimento
Apresentação de canções geral através da execução
e melodias instrumentais musical, de flauta de bisel e de 19 de Dezembro
alusivas ao Natal instrumental Orff, suas
Instrumental Orff;
possibilidades e limitações a
Escola e Sintetizador;
Festa de Natal nível técnico e expressivo; 19 de Dezembro
Comunidade eventuais saídas Flauta de Bisel;
Desenvolver o sentido 2º e 3º Ciclo
Escolar do edifício Quadro pautado;
Ritmos alusivos ao melódico, rítmico e harmónico;
escolar 1 de Fevereiro Fotocópias de
Carnaval Conhecer e aplicar a técnica do
exercícios musicais
bordão;
Desenvolver a espontaneidade 20, 21, 22, de e peças musicais.
Semana das Artes
e possibilitar uma maior Abril
rapidez de reflexos;
Apresentação de vários
6 de Maio
grupos de música

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 8


3.1.4 Educação Visual e Tecnológica

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
O Natal (exposição/ Identificar as fases do método Papel de seda
decoração da sala); de resolução de problemas Cartolinas
Decoração de espaços no (MRP). decorativas
recinto escolar; Incentivar os alunos à Escola e Folhas de acetato
Outubro
Criação de velas para a participar em actividades que Comunidade eventuais saídas Papel prateado e
Alunos e Professores. Novembro
época natalícia; envolvam a Comunidade Escolar do edifício dourado
Dezembro
Construções escolar escolar Fio de nylon
tridimensionais; Executar operações técnicas Gesso
Postal de Natal. com preocupação de rigor, Purpurina
segurança, economia, eficácia e Parafina
Realização de Máscaras higiene. Cola
e disfarces. Desenvolver a percepção, a Cartão
Participação no desfile criatividade e a sensibilidade Pavio
da escola, caso a escola estética. Janeiro Ráfia
tenha fornecido Desenvolver aptidões técnicas Fevereiro Guache
antecipadamente o Tema e manuais. Serapilheira
a trabalhar. Materialização de um projecto. Estearina
Noções de bi e Vaselina
Recuperação dos tridimensionalidade Material de
interiores da sala de Realçar a importância da desperdício.
aulas. forma, da estrutura, da textura e Sacos de plástico
Semana das Expressões: cor como elementos relevantes Outubro Papel crepe
20,21,22 de Abril da comunicação. Novembro Tinta plástica
-Exposição dos trabalhos Motivar os discentes para a Dezembro Cola branca
realizados com os apresentação dos seus trabalhos Cartolina
alunos. à comunidade escolar. Balões
Reconhecer a importância das Brilhantes
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 9
O Natal (exposição/ regras de higiene e segurança Papel celofane
decoração da sala). do trabalho na realização da Arame
Decoração de espaços no Árvore de Natal. Madeira
recinto escolar. Desenvolver a criatividade para Papel cenário
Janeiro
Criação de velas para a a contribuição do espírito Cartão
Fevereiro
época natalícia. carnavalesco.
Construções Compreensão de proporções do
tridimensionais. corpo humano.
Postal de Natal. Organização de elementos num
Realização de Máscaras espaço.
e disfarces. Desenvolver o espírito crítico.
Participação no desfile Ser sensível à influencia das
Outubro
da escola, caso a escola relações formais na qualidade
Novembro
tenha fornecido visual do envolvimento.
Dezembro
antecipadamente o Tema Interpretar e executar objectos
a trabalhar. de comunicação visual,
utilizando diferentes sistemas
de informação e representação.
Promover o relacionamento
com a comunidade escolar.
Recuperação dos
Reconhecer a importância da
interiores da sala de
qualidade da expressão plástica
aulas.
para que a comunicação se
Semana das Expressões:
estabeleça.
20,21,22 de Abril Janeiro
Ser capaz de intervir para a
-Exposição dos trabalhos Fevereiro
melhoria da qualidade do
realizados com os
envolvimento, criando formas,
alunos.
modificando-as ou
estabelecendo entre elas novas
relações.
Dar a conhecer o trabalho
realizado pelos alunos na
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 10
disciplina de E.V.T.
Utilizar conscientemente as
técnicas e os materiais tendo
em conta as suas qualidades
expressivas e estéticas, de
acordo com o projecto da
escola, o espaço seleccionando
os seus recursos.
Identificar os diversos tipos de
padrão, tais como: Artificiais e
Naturais; Regulares e
Irregulares; Alternância;
Rotatividade; Simétrico e
Assimétrico; Representando
graficamente os diversos tipos
de padrões.
Utilizar conscientemente os
materiais e ferramentas na
elaboração do mural.
Proporcionar aos alunos a
montagem de exposições e
sensibilizá-los para a atenção a
ter com a apresentação e
qualidade dos trabalhos.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 11


3.1.5 Ciências da Natureza

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Compreensão da importância
Alimentação da alimentação para o
Cartolinas
equilibrada: funcionamento equilibrado do
Lápis de cores
Elaboração de cartazes; organismo;
Cola
Construção da roda dos Discussão sobre a influência da Professores do 4º Grupo – Outubro a
Alunos do 6º ano Salas de aula Compasso
alimentos; publicidade e da comunicação 2º ciclo Novembro
Régua
Inquéritos sobre os social nos hábitos de consumo
transferidor
hábitos alimentares; e na tomada de decisões que
Tesoura
Debate. tenham em conta a defesa da
saúde e a qualidade de vida.
Desenvolver o cálculo mental.
Desenvolver o gosto pelo
Realização de um Peddy
desafio.
Papper no âmbito das
Desenvolver a capacidade de
Disciplinas da
aceitar e seguir uma regra.
Matemática e Ciências Alunos do 2º Escola Básica e Semana do
Desenvolver o gosto pela Professores do 4º Grupo – Mapa de tarefas a
da Natureza. ciclo (5º e 6o Secundária Padre Desporto
Matemática e Ciências da 2º ciclo realizar
Selecção de equipas anos). Manuel Álvares Escolar
Natureza.
vencedoras e atribuição
Desenvolver o raciocínio.
de prémios.
Sensibilização para a
conservação do Meio
Ambiente.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 12


Dia Mundial do
Planificação e implementação
Ambiente: Fotografias
de acções visando a protecção Alunos do 2º
Exposição sobre Professores do 4º Grupo – Salas de aula de Placares
do ambiente, a preservação do ciclo (5º e 6o 06-05-2009
espécies em vias de 2º ciclo apoio Parque Natural da
património e o equilíbrio entre anos).
extinção; Madeira
a Natureza e a sociedade.
Debate.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 13


3.1.6 Matemática

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Construir sólidos geométricos a
partir de planificações dadas.
Decoração das salas de Desenvolver a criatividade e a
Cartolinas;
aulas na época Natalícia, imaginação.
Professores do 4º Grupo – Outubro a Cordel;
recorrendo a sólidos Desenvolver hábitos de Alunos do 5º ano Salas de aula
2º ciclo Dezembro Lápis de cor;
geométricos construídos trabalho e persistência.
Cola Tesoura
pelos alunos. Revelar preocupação de
qualidade na apresentação dos
trabalhos.
Desenvolver a capacidade de
resolver problemas.
Resolução de problemas
Desenvolver o raciocínio.
de Matemática: “ O
Verificar a importância que
Problema do Mês ”. Alunos do 2º
esta disciplina tem na resolução Professores do 4º Grupo – Salas de aula de Todos os meses
Atribuição de prémios ciclo (5º e 6o Prémios
de problemas concretos no 2º ciclo apoio (1ª semana )
aos alunos que anos).
âmbito do quotidiano dos
obtiverem melhor
cidadãos.
pontuação.
Desenvolver o gosto pelo
desafio.

Participação na 2ª edição Desenvolver a capacidade de


do Campeonato resolver problemas.
Alunos do 2º
Regional de Resolução Desenvolver o raciocínio. Professores do 4º Grupo –
ciclo (5º e 6o Todos os meses Computadores
de Problemas Desenvolver o gosto pelo 2º ciclo
anos).
Matemáticos on-line: desafio.
“Agentex ” Desenvolver o gosto pelas
Novas Tecnologias de
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 14
Informação.
Ampliar conhecimentos na área
das TIC.

Desenvolver o cálculo mental.


Realização de um
Desenvolver o gosto pelo
campeonato: “Jogo do Cartas do “Jogo do
desafio. Alunos do 2º Semana do
24”. Professores do 4º Grupo – Laboratório de 24”
Desenvolver a capacidade de ciclo (5º e 6o Desporto
Selecção de equipas 2º ciclo Matemática Prémios
aceitar e seguir uma regra. anos). Escolar
vencedoras e atribuição
Desenvolver o gosto pela
de prémios.
Matemática.
Desenvolver o cálculo mental.
Desenvolver o gosto pelo
Realização de um Peddy
desafio.
Papper no âmbito das
Desenvolver a capacidade de
Disciplinas da
aceitar e seguir uma regra.
Matemática e Ciências Alunos do 2º Escola Básica e Semana do
Desenvolver o gosto pela Professores do 4º Grupo – Mapa de tarefas a
da Natureza. ciclo (5º e 6o Secundária Padre Desporto
Matemática e Ciências da 2º ciclo realizar
Selecção de equipas anos). Manuel Álvares Escolar
Natureza.
vencedoras e atribuição
Desenvolver o raciocínio.
de prémios.
Sensibilização para a
conservação do Meio
Ambiente.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 15


3.1.7 Língua Portuguesa, História e Geografia de Portugal

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Realização do Pão Por - Educar para a cidadania; Alunos; Frutos secos;
Deus (entre os alunos da Professores de Língua Sala de aulas;
turma); - Conhecer as tradições do Portuguesa/ História e
Realização do Magusto; Meio; Geografia de Portugal 1º Castanhas;
Elaboração de cartões grupo 2º Ciclo; Cantina (sopa de
com mensagens alusivas Encarregados de Educação; castanha, bolo de
à época; - Comemorar a época castanha;
Realização dum Natalícia;
1º Período
portofólio sobre tradição
culinária; Papel colorido;
Decoração da árvore de Canetas de feltro;
Natal; Fitas;
Visita de Estudo: ao - Reviver Tradições.
Presépio no Mercado Árvore de Natal.
Municipal e ao Museu
Etnográfico.
Visita de Estudo à - Projecto Regional de Leitura: Alunos; Camioneta;
Biblioteca Regional da Promover o gosto pela leitura; Professores de Língua Lanche;
Madeira; Fomentar o gosto pela Portuguesa/ História e Biblioteca;
Produção de textos investigação; Geografia de Portugal 1º Sala de aulas;
2º Período
escritos/ expressão Aperfeiçoar as competências da grupo 2º Ciclo; Jornais;
plástica com vista à leitura e da escrita. Professores do Projecto Baú Revistas;
publicação no de Leitura Computador.
Suplemento Escolas. Comunidade Educativa.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 16


Visita de Estudo ao Interessar-se pelo Alunos;
Museu da Quinta das conhecimento e pela Professores de Língua
Cruzes e ao Museu de preservação do Património Portuguesa/ História e
Memórias de João Cultural da sua Região; Geografia de Portugal 1º
Carlos Abreu; Experimentar Percursos grupo 2º Ciclo;
Pedagógicos que proporcionem
o prazer da escrita; Escritor
Alunos
Encontro com um Fomentar o gosto pela leitura e Professores
escritor madeirense; pela poesia;
Conhecer os autores Alunos 5º Ano
Recriação de Cenas do madeirenses; Professores de Língua
3º Período
Quotidiano – Os Jograis Jornadas das Línguas: Portuguesa/ História e
(tocador de flauta); Promover e cultivar a Geografia de Portugal 1º
sensibilidade estética através da grupo 2º Ciclo;
Dramatização da apreciação de criações
História de D. Inês de artísticas e literárias.
Castro e D. Pedro; Alunos
Contador de Histórias; Professores de Língua
Concurso de leitura. Portuguesa/ História e
Geografia de Portugal 1º
grupo 2º Ciclo.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 17


3.1.8 Inglês

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Halloween Todos os docentes do grupo
Elaboração de imagens Proporcionar o contacto com a -Imagens
alusivas ao tema; cultura inglesa e americana Alunos de 5º e 6º anos -Textos
Decoração das salas com Estabelecer comparações a Alunos de 5º e 6º 30 e 31 de -Cores
os trabalhos realizados; nível das tradições anos Sala de Aula Outubro -Cartolinas
Selecção e exposição Fomentar a criatividade -Cartolinas A4
dos melhores desenhos Explorar o vocabulário -Folhas A4 a cores
alusivos ao tema. relacionado com o tema
proposto
Christmas
Consulta e análise de Sensibilizar os alunos para esta Todos os docentes do grupo
-Textos
textos relacionados com época festiva Alunos de 5º e 6º anos
-Cartolinas
a época; Contribuir para o
Todos os -Cores
Recolha de informação enriquecimento do vocabulário
docentes do -Papel de desenho
relacionada com o tema Exprimir-se com liberdade e 09 a 13 de
grupo -Material de uso
Criação de efeitos de imaginação Sala de aula Dezembro
Alunos de 5º e 6º corrente
Natal Estabelecer comparações entre
anos Cartão canelado
Decoração de árvores de a tradição Inglesa e a
-Tintas
Natal, exposição das portuguesa
-Papel crepe
mesmas na sala de aula
-Folhas A4 a cores
Exposição dos trabalhos
-Cartolinas A4
na sala de aula
S.Valentine’s Day -Textos
14 De
Elaboração de pequenas Aquisição e aplicação de -Cartolinas
Fevereiro Sala de aula
mensagens postais, conhecimentos relacionados -Passatempos
cartas alusivas ao tema com o tema Todos os docentes do grupo Alunos de 5º e 6º -Cores

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 18


Decoração das próprias Desenvolver a criatividade e a anos -Outro material
salas frequentadas pelos imaginação Alunos de 5º e 6º anos eventualmente
alunos Permitir o aumento do necessário
vocabulário -Folhas A4 a cores
Easter (Páscoa) Contribuir para o
-Textos
Realização de trabalhos enriquecimento cultural dos Todos os docentes do grupo
-Cartolinas
e actividades alunos
-Passatempos
relacionadas com a Alargar o leque vocabular Alunos de 5º e 6º anos
23 a 27 de -Cores
época Estabelecer comparações entre Alunos de 5º e 6º Sala de aula
Março -Outro material
Resolução Puzzles a tradição – Inglesa / anos
eventualmente
Pintura de desenhos Portuguesa
necessário
Criação de Postais Promover o convívio e a inter
-Folhas A4 às cores
Sopa de letras ajuda
Jornada das Línguas
Convívio entre alunos Sensibilizar os alunos para o Cartolinas A4 às
/professores convívio cores para os
Atribuição de prémios e Todos os docentes do grupo certificados com
certificados aos Contribuir para o impressão a cores.
melhores trabalhos e aos enriquecimento do vocabulário
alunos mais empenhados -Alunos de 5º e 6º anos Material escolar
nas diversas actividades Exprimir-se correctamente na para atribuição dos
Semana do
Feitura de bolos língua inglesa Bar dos alunos prémios
Alunos de 5º e 6º desporto escolar
tipicamente Ingleses
anos com data a
(Scones) Estabelecer comparações entre Sala de Sessões Ingredientes para a
definir
Preparação de uma a tradição Inglesa e a preparação dos
bebida típica da portuguesa bolos:
Inglaterra o Chá (tea) - Farinha
Elaboração de bandeiras -Açúcar
representativas da - Ovos
Inglaterra -etc.
Pequena sessão de - Pacotes de chá
musical
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 19
3.2. Departamentos e Grupos Disciplinares – 3º Ciclo e Secundário

3.2.1 Alemão

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Expositores;
Placards;
Hall junto à sala
Exposição sobre dos professores;
Difundir a cultura alemã Alunos e professores de
tradições natalícias na 1º Período Diversos materiais
associada ao Natal Alemão
Alemanha de decoração
(cartolinas; cola;
papel de cenário,
etc.)

Divulgar diversos aspectos da


cultura alemã, nomeadamente
Jornada das Línguas Ingredientes para
gastronómica; Alunos e professores de
Concurso “Hit auf Hit” 3º Período bolos Schwarzwald
Promover a língua através da Alemão
Chá Prémios para o
participação do concurso “Hit
concurso
auf Hit”.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 20


3.2.2 Grupo Disciplinar de Teoria e Prática de Expressão Plástica

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Incentivar o desenvolvimento
prático na experimentação ao
Sala 49; Placares
nível das tecnologias.
de cartão e de
Proporcionar a aquisição de
madeira; Tintas;
Apoio as actividades conhecimentos no âmbito da
Alunos do 3º pincéis; fios;
desenvolvidas na linguagem plástica através da
Professores do grupo. ciclo e Espaço Escolar Todo o ano arame; pregos,
Disciplina de Desenho e prática. Incentivar a
secundário ferramentas
Área de Projecto. participação em actividades
específicas tais
que fomentem a recuperação
como plaina
do espaço escolar. Estimular o
eléctrica, etc.
contacto com tecnologias e
meios de expressão plástica;
Partilhar com a comunidade
escolar os exercícios Salas de Aula;
Espaço escolar
desenvolvidos ao longo do ano Alunos do 3º Placares; Tintas;
Professores do grupo e principalmente o
Exposição de Trabalhos e por este meio sensibilizar ciclo e Todo o ano pincéis; fios;
alunos. espaço da sala de
para a realidade da gramática secundário arame; papel de
aula.
visual, cultura do ver e parede; etc.
tecnologias de expressão.
Alunos, Madeira e Porto Sem data Transporte e
Visitas de estudo Sensibilização no contexto da Em fase de estudo. Santo.
Professores. Lanche
educação do ver.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 21


3.2.3 Biologia e Geologia

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Compreender a génese dos
principais tipos de rochas da
Ilha (Magmáticas e
Sedimentares)
Analisar situações problema
Transporte
Saída de Campo: Praia relacionados com aspectos de Praia Formosa Fevereiro, Abril ou
Professores Alunos colectivo
Formosa ordenamento de território e de (Funchal) Maio
(Autocarro)
risco geológico
Promover o espírito científico
Desenvolver atitudes de
valorização do património
geológico
- Conhecer as técnicas de
micropropagação de culturas
vegetais em laboratório e a sua Centro de
aplicação prática. Professores, profissionais Transporte Floricultura do
Visita de estudo Alunos 1º Período
- Pesquisar e organizar, a partir do Centro de Floricultura colectivo Lugar de Baixo,
de diversos suportes, Ponta do Sol
informação/dados, sobre uma
dada situação em estudo.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 22


- Desenvolver o sentido da
observação. Formulação de
hipóteses explicativas dos
fenómenos geológicos.
- Compreender a ocorrência de
certos fenómenos
geomorfológicos como
resultado da intervenção de Professores, profissionais Transporte Grutas de São
Visita de estudo Alunos 3º período
diferentes agentes de das grutas de São Vicente colectivo Vicente
geodinâmica interna.
- Relacionar a textura das
rochas magmáticas com as
condições de consolidação.
- Reconhecer aspectos
importantes da fácies
magmática.
- Divulgar e conhecer os
materiais que podemos
encontrar na crosta Terrestre.
Vitrinas do hall
- Dar a conhecer os vários
de entrada; mesa Hall de entrada
Feira dos Minerais domínios da Toda a 1 dia na Semana
Grupo de expositora, (junto à
(inserida no dia da Biologia/Geologia. comunidade do Desporto
Biologia/Geologia mesas, dois funcionária dos
Biologia/Geologia) - Sensibilizar toda a escolar. (Maio)
placares, livros do ponto)
comunidade escolar para a
cadeiras.
necessidade de racionalizar e
aproveitar os recursos minerais
e energéticos.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 23


3.2.4 Economia e Contabilidade

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Autocarro do
Visita de Estudo a uma
Constatar a dinâmica e Alunos: Município da
empresa de Prestação de Madeira Impex, Lda Funchal 1º Período
funcionamento da empresa. Professores: Ribeira Brava
Serviços
Lanche
Potenciar a aquisição de
conhecimentos dos direitos e
Participação em
deveres de cada um para fazer Computador com
conferência denominada Advogados e outras Alunos: Sala sessões da
parte integrante da sociedade, 1º Período acesso à Internet
"Direitos e Deveres em entidades Professores: escola
construindo relações assentes Projector
Sociedade"
em valores de respeito mútuo,
entreajuda e cooperação.
Conhecer a utilização do
serviço público online da
DGCI como forma rápida,
cómoda, segura e eficiente dos Alunos: Computador com
Direcção Regional dos
Serviços Online Fiscais. cidadãos cumprirem as suas Pessoal Docente Sala sessões da 2º Período acesso à Internet
Assuntos Fiscais
obrigações fiscais e obterem e não docente escola Projector
informações actualizadas sobre
a sua situação.

Facultar aos alunos a


constatação da dinâmica da
Visita de Estudo a uma empresa, nomeadamente na Grafimadeira - Empresa de
Alunos: Parque Industrial Autocarro
Unidade Económica na área da produção e Artes Gráficas da Madeira, 2º Período
Professores: da Cancela Lanche
área da Indústria. aprovisionamento; S.A.
Desenvolver atitudes de
responsabilidade, comunicação
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 24
e de socialização; Reconhecer a
importância das normas que
garantam saúde e segurança no
trabalho.
Constatar a dinâmica e
funcionamento das empresas,
Visita de Estudo a uma Alunos: Autocarro
designadamente a importância Madeira Shopping Funchal 3º Período
grande superfície Professores: Lanche
das normas que garantam saúde
e segurança no trabalho.
Vitrina/Placar
Exposição Temporária Divulgar junto da comunidade Cartolina
Alunos: Comunidade Ao longo do ano
de trabalhos executados escolar trabalhos executados Escola Papel
Professores: do grupo Escolar lectivo
pelos alunos. pelos alunos. Cola
Computador

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 25


3.2.5 Educação Física

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores

Promoção da prática desportiva


Sportfusion e de estilos de vida saudáveis, Professores de Educação
Alunos do 3º
(Natação/canoagem/corri nomeadamente através das Física e alunos do Curso Praia da Ribeira Caiaques, pagaias e
ciclo e Outubro
da) actividades náuticas. Tecnológico de Desporto Brava coletes
secundário

Promoção da prática desportiva


e de estilos de vida saudáveis,
Desporto de outdoor Alunos do 3º Bicicletas, material
nomeadamente através das Professores de Educação
(btt, orientação e ciclo e Paul da Serra Novembro de escalada e
actividades de contacto com a Física
escalada) secundário orientação
natureza.

Promoção dos passeios a pé,


enquanto actividade física
saudável, divulgando e
Alunos do 3º
sensibilizando os alunos para a Professores de Educação 2º período(a Transporte (custo
Passeio a pé ciclo e A definir
necessidade da preservação Física definir) aprox. 300 euros)
secundário
ambiental.

Professores de Educação
Promoção do Karting junto dos Física e alunos do Curso Alunos do Pista de karting Transporte (custo
II troféu de Karting Fim de Março
alunos Tecnológico de Desporto secundário do Faial aprox. 200 euros)

Promoção da prática desportiva Professores de Educação Alunos do 3º Praia da Ribeira Caiaques, coletes e
Maio
Canoagem e de estilos de vida saudáveis, Física ciclo e Brava pagaias
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 26
nomeadamente através das secundário
actividades náuticas;

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 27


3.2.6 Educação Tecnológica

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores

Abertura da sala de
Desenvolver actividades
Educação Tecnológica à Sala 1;
lúdicas que fomentem o gosto Professores da disciplina de Maio – (Semana
Comunidade Escolar; Comunidade Televisão;
pela disciplina. educação tecnológica. Escola do desporto
Realização de Escolar Vídeo;
Promover a interacção entre a Alunos. escolar)
actividades práticas; Computador.
Comunidade Educativa.
Visualização de vídeos;

Exposição dos trabalhos Sala 1;


Divulgação das actividades Professores e alunos da
desenvolvidos pelos Comunidade Placares;
desenvolvidas pelos alunos no disciplina de educação Escola Junho
alunos ao longo do Escolar Mesas;
âmbito da disciplina. tecnológica.
presente ano lectivo. Outros;
Sala;
Televisão;
Acção de Formação na área da Professores da disciplina de
Formação dos Docentes Comunidade Vídeo;
Higiene, Saúde e Segurança no educação tecnológica. Escola A agendar.
– 30 horas. Escolar Computador;
Trabalho.
Retroprojector;
Fotocópias.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 28


3.2.7 Filosofia

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores

Divulgar a Filosofia e a
Revista Amor à
Psicologia numa dimensão Material para
Sabedoria
lúdica e didáctica. Anual impressão da
revista
Placards
Oficina da Filosofia
Desenvolver a capacidade de Cartolinas
Alunos Secundário
raciocínio e a apetência pelo Internet
10.º e 11.º anos
Saber na Filosofia. Livros
Enciclopédias
O Dia da Filosofia
Maio
Promover o debate e a reflexão Impressora
na Comunidade Escolar Sala de sessões

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 29


3.2.8 Físico-Química

Intervenientes/
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data Materiais
Prelectores
Ver nas grutas processos
químicos tais como reacções de
precipitação e reacções de
Visita de estudo às oxidação-redução. Consolidar
Professores e alunos Alunos do 8º ano São Vicente 2º Período Autocarro
Grutas de São Vicente conhecimentos previamente
adquiridos. Estabelecer
relações aluno/aluno e
aluno/professor.
Conhecer processos químicos e
físicos utilizados na indústria
madeirense. Lidar com técnicas
e tecnologias, com as quais os
Alunos das
Visita de Estudo à alunos não contactam no dia a Final do mês de
Professores e alunos turmas 11ºE e Caniçal Autocarro
Amaplast dia. Compreender a ciência Maio
12ºC
como algo do quotidiano
próximo da actividade humana.
Estabelecer relações
aluno/aluno e aluno/professor.
Conhecer a história da
electricidade na Madeira.
Verificar quais as fontes de
Visita de Estudo ao energia utilizadas para produzir Alunos dos 9º
Museu da Electricidade energia. Contactar com Professores e alunos anos e turma 12º Funchal 2ª Período Autocarro
do Funchal experiencias interactivas que Física
estimulam a aprendizagem do
Tema: "A Electricidade" por
parte dos alunos. Compreender
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 30
a ciência como algo do
quotidiano próximo da
actividade humana. Estabelecer
relações aluno/aluno e
aluno/professor.
Conhecer processos químicos e
físicos utilizados na indústria
madeirense. Lidar com técnicas
e tecnologias, com as quais os
Visita de Estudo à
alunos não contactam no dia a Alunos do 11º Meia Serra -
Estação de Tratamentos Professores e alunos 2ª Período Autocarro
dia. Compreender a ciência ano Funchal
da Meia Serra
como algo do quotidiano
próximo da actividade humana.
Estabelecer relações
aluno/aluno e aluno/professor.
Conhecer processos químicos e
físicos utilizados na indústria
madeirense. Lidar com técnicas
e tecnologias, com as quais os
Visita de Estudo ao
alunos não contactam no dia a Alunos do 11º Alegria -
Instituto de Gestão da Professores e alunos 2ª Período Autocarro
dia. Compreender a ciência ano Funchal
Agua (IGA)
como algo do quotidiano
próximo da actividade humana.
Estabelecer relações
aluno/aluno e aluno/professor.
Conhecer e aprender processos
de separação utilizados na 2º Período
Química. Contactar com (alunos do 8º
Visita de Estudo à Alunos dos 7º e Universidade da
investigadores e pessoas que Professores e alunos ano) e 3º Autocarro
Universidade da Madeira 8º anos Madeira
trabalham diariamente em prol Período (alunos
desta ciência. Lidar com do 7º ano)
técnicas e tecnologias, com as
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 31
quais os alunos não contactam
no dia a dia. Compreender a
ciência como algo do
quotidiano próximo da
actividade humana. Estabelecer
relações aluno/aluno e
aluno/professor.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 32


3.2.9 Francês

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento

Conhecer o cinema francês. Computador e


Todos os No final de cada
Ciclo de cinema francês. Observar a língua francesa em Professores de Francês. Sala de Sessões. Retroprojector.
Alunos. período.
situação.

Música francesa na Uma vez por


Apreciar a música francesa. Professores de Francês Todos os Alunos Rádio da Escola
Rádio. mês

Compreender as instruções em Alunos de Escola, Vila e


Professores de Francês e
língua francesa. Francês do 3° Jardins da No final do 2º 50 Ovos de Páscoa
Caça ao ovo. alunos de Francês do 3°
Promover o convívio entre os ciclo C.M.R.B. período
ciclo
alunos.

Apreciar a língua e a cultura Alunos de Sala de Sessões. Um prémio para


Jornada das línguas francesa: Francês do 3º cada nível.
Concurso de soletrar Professores de Francês e ciclo. Rádio da Escola. 7º ano (1)
alunos de Francês do 3° 2ª semana de 8º ano (1)
Concurso de música ciclo e do Ensino aulas do 3º 9º ano (1)
Secundário. Alunos de Hall da entrada período Secundário (2)
Francês do da Sala dos (2 livros, 2 DVDs,
Experiências e percursos Compreender a importância do Ensino Professores. 1 MP3)
estudo das línguas estrangeiras Secundário:
Queijos franceses;
Professores de Francês e 2ª semana de Pains au chocolat;
Toda a
Conhecer e apreciar a alunos de Francês do aulas do 3º Chaussons aux
Línguas e Sabores comunidade Bar dos alunos
gastronomia francesa. Ensino Secundário período pommes;
escolar.
Xaropes de fruta;
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 33
Farinha, leite, ovos
Nutella e doce de
fruta.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 34


3.2.10 Geografia

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Visita de Estudo à
Desenvolver preocupações
Estação de Tratamento Professores que leccionam
ambientais relativas à Alunos 9.º Ano Meia Serra 2.º Período Autocarro (3)
de Resíduos Sólidos da 9.º ano
preservação e gestão.
Meia Serra
Visita de Estudo ao Sensibilizar os alunos para o
Professores que leccionam
Monte Palace património natural e edificado Alunos 7.º Ano Funchal (Monte) 3.º Período Autocarro (3)
7.º ano
da ilha da Madeira
Visita de Estudo ao Reconhecer a necessidade de
Centro de Vulcanologia valorizar os recursos Alunos de
Professores que leccionam S. Vicente e
(S. Vicente) e Aquário endógenos; Geografia A do 3.º Período Autocarro
Secundário Porto Moniz
da Madeira (Porto Motivar os alunos para o Secundário
Moniz) trabalho de campo.
Sensibilizar os alunos para as
Comemoração do Dia da diferenças culturais e físicas da
Semana do Cartolinas; Cola;
Europa Europa;
Grupo de Geografia Alunos 3-º ciclo Escola Desporto Papel de cor;
(Peddy-Paper Reconhecer a importância da
Escolar Impressora; brindes
Geográfico) União Europeia para o
desenvolvimento de Portugal
Alunos do Curso
Conhecer condicionantes
Visita de Estudo à Professor que lecciona a Tecnológico de
políticas, socioeconómicas e
Câmara Municipal do disciplina de Técnicas de Ordenamento do Funchal 2.º Período Autocarro
ambientais, do ordenamento do
Funchal * Ordenamento do Território Território e
território
Ambiente
Reconhecer a importância do
Visita de Estudo ao Professor que lecciona a
uso de mapas a diferentes Alunos do Curso
Instituto Geográfico e disciplina de Técnicas de Funchal 2.º Período Autocarro
escalas no processo de Tecnológico
Cadastral * Ordenamento do Território
planeamento territorial.
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 35
3.2.11 História

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Conferência sobre a Sensibilizar os alunos para a Professor Doutor Nelson Alunos do 9ºAno
Funchal 2º Período Flores e águas.
importância da História. importância da História Veríssimo e 10ºAno
Visita de estudo à Levar os alunos a tomar
Alunos do
Assembleia Legislativa conhecimento da actividade Professores Funchal 3º Período Autocarro alugado
Secundário
da Madeira. legislativa regional.
Visita de estudo à Sé do
Conhecer o património cultural Alunos do
Funchal e ao Museu Professores Funchal 3º Período Autocarro alugado
e artístico da Região. 10ºAno
Quinta das Cruzes
Relacionar o povoamento e
exploração da Madeira à época
Visita de estudo ao da expansão portuguesa, bem
Núcleo Museológico a como a sua importância no Professores Alunos do 8ºAno Funchal 3º Período Autocarro alugado
Cidade do Açúcar tecido económico nacional face
à exportação do açúcar para a
Europa.
Visita de estudo ao
Sensibilizar para a importância
Museu Madeira Story Professores Alunos do 8ºAno Funchal 2º Período Autocarro alugado
da História da Madeira
Centre

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 36


3.2.12 Informática

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Divulgar o Curso Tecnológico
de Informática
Apresentar formação dirigida
ao grupo de informática, da
responsabilidade dos outros Semana da
Diploma de Professores e
grupos disciplinares de forma a Informática /
Competências Básicas; Professores do Grupo Comunidade Sala a Designar Escola
relacionar a Informática com as durante o Ano
Formação Escolar
várias áreas curriculares Lectivo
Promover o uso das novas
Tecnologias
Dar formação nas diversas
áreas da Informática
Divulgar o Curso Tecnológico
Semana da Informática;
de Informática
Exposição de Material Professores do Grupo e Professores e
Divulgar o trabalho prático dos
informático e prática de alunos dos Cursos Comunidade Sala a Designar 3º Período Escola
alunos
Instalação e Manutenção Tecnológicos e CEF Escolar
Divulgar o Curso de Educação
de computadores
e Formação

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 37


3.2.13 Inglês

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
.Guy Fawkes
exposição informativa+ Dar a conhecer uma tradição
Professores e alunos
queima do boneco Britânica e associá-la a um 1ºP
Comunidade escolar
São Martinho festejo tipicamente Português frutos secos
(magusto) (castanhas e nozes)

Motivar os alunos para a não Materiais de


violência 2ºP decoração
Baile de Carnaval Professores e alunos
(tema do baile) Aparelhagem
colunas
prémio(vencedor/e
s do festival)
chás variados
Incentivar os alunos para a
Jornada das Línguas: farinha
utilização das novas
-festival de curtas leite
tecnologias
Metragens manteiga
Desenvolver o domínio da
-peça de teatro: ovos
oralidade. Professores e alunos.
“Bang, bang you’re bolos
Dar a conhecer alguns aspectos 3ºP
dead” pelo grupo de pão de forma
gastronómicos Britânicos. Comunidade escolar
teatro In Actum pepino
Proporcionar um convívio entre
-chá+ concurso de queijo Filadélfia
os diferentes intervenientes da
decoração das mesas materiais de
comunidade escolar.
-walking talkies decoração
(cola; tinta…)
papel de impressão
t-shirts

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 38


3.2.14 Matemática

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Divulgação/ informação de
alguns conhecimentos
matemáticos e da importância
de alguns matemáticos Impressora
"Vitrine" Exposição de portugueses e estrangeiros no Alunos do 3º ciclo e multifunções,
De Outubro de
Matemática com: desenvolvimento científico; Secundário, e docentes do Alunos 3º ciclo e Vitrine de revistas, livros,
2008 a Junho de
Informação alusiva à Desenvolvimento do interesse e grupo 500- Matemática 3º Secundário Matemática trabalhos de
2009
disciplina; da curiosidade pela ciclo e Secundário alunos, fotocópias,
Matemática; cartolinas, etc
Sensibilização dos alunos para
a importância da Matemática
no mundo actual.
"Olimpíadas
Fotocópias das
Portuguesas da
provas, salas para a
Matemática" Concurso
Desenvolvimento do gosto pela Alunos do 3º ciclo e realização das
de resolução de Ao longo do ano
disciplina de Matemática; Secundário, e docentes do Alunos 3º ciclo e mesmas, em datas
problemas de Salas de Aula lectivo em data
Detecção de vocações precoces grupo 500- Matemática 3º Secundário a conhecer e
Matemática dirigido aos a definir
nesta área do saber. ciclo e Secundário Professores para
alunos, organizado pela
vigiarem essas
Sociedade Portuguesa de
provas
Matemática (SPM)
Promoção de um espaço de Material
aprendizagem de Matemática; referenciado na
Docentes do grupo 500- De Outubro de
"Sala de estudo de Ocupação dos tempos livres proposta do
Matemática 3º ciclo e Alunos 3º ciclo Sala 33 2008 a Junho de
Matemática" com actividades lúdicas Projecto
Secundário 2009
relacionadas com a ProssucessoMat II
Matemática; e III, nas páginas
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 39
Desenvolvimento de 24 e 25,aprovado
actividades de aplicação dos em Conselho
conceitos matemáticos em Pedagógico,
situações reais; - passando a citar o
Criação de um espaço para o material prioritário:
acompanhamento dos alunos computadores (já
com dificuldades em disponibilizados
Matemática. pelo Conselho
Executiva para o
ano lectivo
2008/2009) ,
quadro interactivo,
projector fixo e
Software para
computadores
(Sketchpad,
MathType e
Ciderela)
- Desenvolvimento do gosto
pela disciplina de Matemática.
Revistas, livros,
- Ocupação dos tempos livres
trabalhos de
com actividades lúdicas
Alunos do 3º ciclo e alunos, fotocópias,
relacionadas com a
Secundário, e docentes do Alunos 3º ciclo e cartolinas,
"Dia da Matemática" Matemática; Salas 33 e 34 3º Período
grupo 500- Matemática 3º Secundário materiais
Desenvolvimento de
ciclo e Secundário manipuláveis,
actividades de aplicação dos
computadores,
conceitos matemáticos em
jogos, etc.
situações reais;

"Equamat" e "Mat12" Desenvolvimento do gosto pela Alunos do 3º ciclo e Sala de Ao longo do ano Computadores
Alunos 3º ciclo e
Concurso de Matemática disciplina de Matemática; Secundário, e docentes do Matemática com lectivo em data (pelo menos 15),
Secundário
dirigido aos alunos, Detecção de vocações precoces grupo 500- Matemática 3º computadores, a definir com internet, com
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 40
organizado pela nesta área do saber. ciclo e Secundário internet e MathType e
Universidade de Aveiro software software específico
específico para os treinos
gratuito (download gratuito
na pagina do
PmatE)

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 41


3.2.15 Português

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Cartolinas
Apropriar-se de técnicas Marcadores
Âmbito das actividades a
fundamentais da escrita. Canetas de feltro
desenvolver:
Melhorar a produção de Canetas de acetato
Escrita criativa
discursos orais formais e Todos os níveis de Papel de cenário
Leitura expressiva
públicos escolaridade Cds
Declamação de poesia
Desenvolver competências Cola Folhas de cor
Divulgação de trabalhos
necessárias ao exercício da Pioneses
cidadania. Fita adesiva.
Livros
Implementar estratégias que
Âmbito das actividades a facilitem o acto de escrever.
desenvolver: Criar estratégias, com vista ao
Divulgação de obras desenvolvimento da
literária. criatividade
Divulgação de figuras de Promover o respeito pelo outro,
vulto da literatura pela sua individualidade e
portuguesa e mundial diferença

Participação na Jornada
Ler de forma fluente e
de línguas, com
expressiva Todos os níveis de
actividades a designar no
escolaridade
início do ano lectivo
Promover a auto-estima

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 42


3.3. Cursos de Formação e Educação

3.3.1 Operador de Informática – Nível II

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Saber ser e estar numa
empresa, tendo em Professor(es)
consideração a componente responsável(is):
de atendimento ao público; Instalação e Manutenção
Aspectos de higiene e de Computadores – José
segurança a ter em Pinhão.
consideração numa escola e Professor(es)
numa loja de informática; Acompanhantes:
Ribeira Brava
Compreender as Língua Portuguesa -
Gabinete do Esta visita de
funcionalidades de uma Márcia Graziela da Costa
Técnico de estudo não
base de dados para gerir a Morgado;
Informática da 19 de requer qualquer
informação dos alunos Higiene, Saúde e
Alunos da Escola da Novembro (dia tipo de despesas
1 ª Visita de Estudo numa escola. Segurança no Trabalho –
Turma Ribeira Brava a confirmar) por parte de
Conhecer o tipo de Lino Miguel Paulo Brites;
alunos,
manutenção necessário Educação Física – Telmo
Loja professores e
numa rede wireless de uma Lauriano Vieira Monteiro;
ElectroSom escola.
escola; Gestão de Bases de
Informática
Averiguar as exigências a Dados – Gil Manuel de
nível de equipamento Carvalho;
informático necessário para Aplicações de Escritório
a montagem de um servidor – Roberto Rolando
de uma rede wireless; Fernandes Andrade.
Conhecer o tipo de Instalação, Configuração
aplicações utilizados numa e Operação em Redes
loja de informática. Locais e Internet. –
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 43
Pedro Jorge Corujas
Gomes.
Alunos da Turma;

Professor(es)
responsável(is):
Instalação e Manutenção
de Computadores – José
Pinhão.
Professor(es)
Acompanhantes:
Língua Portuguesa -
Márcia Graziela da Costa O almoço será da
Conhecer as saídas
Morgado; responsabilidade
profissionais existentes no
Higiene, Saúde e Funchal dos alunos.
mercado, Região Autónoma
Segurança no Trabalho – Centro de 11 de
da Madeira, para um Alunos da
Lino Miguel Paulo Brites; Formação e Fevereiro (Despesas de
2 ª Visita de Estudo operador de informática, nas Turma;
Educação Física – Telmo Qualificação (dia a transporte ainda
várias áreas que
Lauriano Vieira Monteiro; Profissional do confirmar) dependentes do
correspondem às
Gestão de Bases de Funchal meio de
componentes tecnológicas
Dados – Gil Manuel de transporte. Ainda
que fazem parte do curso.
Carvalho; a definir.)
Aplicações de Escritório
– Roberto Rolando
Fernandes Andrade.
Instalação, Configuração
e Operação em Redes
Locais e Internet. –
Pedro Jorge Corujas
Gomes.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 44


Professor(es)
responsável(is):
Instalação e Manutenção
de Computadores – José
Pinhão.
Professor(es)
Acompanhantes:
Língua Portuguesa -
Integração da escola no seu O almoço será da
Márcia Graziela da Costa
meio. responsabilidade
Morgado;
Apreensão das funções de dos alunos.
Higiene, Saúde e
um Operador de 7 de Maio
Segurança no Trabalho – Alunos da Funchal
Informática, num local onde (dia a (Despesas de
3 ª Visita de Estudo Lino Miguel Paulo Brites; Turma; MCI - Maurílio
se vende e se dá confirmar) transporte ainda
Educação Física – Telmo Caíres, Lda.
assistência a equipamento dependentes do
Lauriano Vieira Monteiro;
informático. meio de
Gestão de Bases de
Permitir o contacto com transporte. Ainda
Dados – Gil Manuel de
material informático de a definir.)
Carvalho;
ultima geração.
Aplicações de Escritório
– Roberto Rolando
Fernandes Andrade.
Instalação, Configuração
e Operação em Redes
Locais e Internet. –
Pedro Jorge Corujas
Gomes.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 45


3.4. Área de Projecto

3.4.1 2º Ciclo

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Utilizar uma metodologia Cartolina duplex
baseada numa concepção activa (30)
Exposições ou
de aprendizagem em que os Todos os docentes que Folhas de cartão
Actividades no âmbito
alunos são construtores de leccionam a área projecto A0 (10)
de Área de Projecto e no
conhecimentos; Folhas de desenho
âmbito da
Ao longo do ano A3 (100)
Escola/Comunidade
Desenvolver capacidades lectivo s Cola media UHU
Educativa e dos Clubes
investigarias; (40)
Europeu e dos Direitos
Cartolinas várias
Humanos e Clube das
Compreender relações cores (150)
Artes.
dialógicas entre teoria e Cartolina preta (25)
prática; Cartolina branca(5)
Tinta guache (24L)
Desfile de Carnaval - Desenvolver capacidades de cores prim (4)
trabalho em grupo e de 2º Período
luz, cor e som preto (4) branco (4)
compreensão das dinâmicas castanho (4)
grupais; Tinta acrílica (6L)
cores prim (1)
Despertar e desenvolver branco(1) preto (1)
características de criatividade; verde(1)
Tinta Plast(25L)
Experienciar metodologias de preto(5) branco(5)
resolução de problemas; cores prim(5)

Desenvolver processos de Pasta fimo (10bloc


Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 46
autonomia individual e de cores diferentes)
grupo; Fio Norte (1rolo)
Rolo de papel
Sensibilizar à contextualização autocolante(60m)
social e interdisciplinar dos /2Rolos
problemas; Cola branca (20L)
Papel de impressão
Desenvolver relações de (3resmas)
solidariedade e competências verniz (1L)
de participação social; trinchas (10 medi)
Fita-cola grossa
Implicar os alunos numa (4rolos)
metodologia de avaliação
reguladora;
Teques (10) Barro
Contribuir para a construção de (20 kg) Tinteiro(2)
novas relações entre preto e cores
professores e alunos;

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 47


3.4.2 3º Ciclo

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Apresentação de dossiersAvaliar as pesquisas realizadas Final do 1º Será entregue
Alunos e
Alunos e Professores Escola juntamente com
Professores Período
a requisição do
Realização de inquéritos; Pesquisar informação relativa 1º e 2º Períodos
material
elaboração de aos projectos necessário
apresentações
PowerPoint; elaboração
de dossiers
Visitas de estudo; Recolher a informação 2º e 3º Período
criação de guiões, necessária nos locais
guarda- -roupas relacionados com os projectos
específicos, acessórios,
cenários; anteprojectos

Apresentações Motivar os alunos para a 1º, 2º e 3º


multimédia; jogos de utilização das tecnologias da Períodos
Internet informação

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 48


Peças de teatro, Concretizar os vários projectos Ao longo do 3º
conferências, desfiles e e apresentação das Período
outros eventos. comunicações à comunidade
Apresentação final de Expor o trabalho desenvolvido 9º ano: finais de
Maio de 2009;
trabalhos nesta área curricular
7º e 8º anos:
meados de
Junho de 2009

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 49


3.5. Clubes

3.5.1 Caminhadas

Objectivos Conteúdos Data Materiais/Recursos

- Proporcionar à comunidade escolar um Pretendemos desenvolver duas - Transporte dos participantes para
A definir.
conjunto de actividades alternativas, fora do Caminhadas (Passeios a pé) por
os locais das actividades e para
contexto habitual e em contacto com a Natureza; Período, num total de seis ao longo do Duas
Ano Lectivo, percorrendo Veredas e retornar à escola;
Caminhadas por
- Promover o gosto pela prática regular das Levadas da Madeira. Período.
actividades físicas, na perspectiva da melhoria - Lanches para os participantes e
da qualidade de vida, da saúde e bem-estar;
organizadores;
- Cooperar com os companheiros e com os
professores em todas as situações; PÚBLICO ALVO - Dois professores organizadores.
Este Projecto destina-se a toda a
- Incutir nos alunos as normas básicas de Comunidade Escolar, essencialmente
segurança na realização de percursos a pé, assim aos alunos de todos os níveis de
como os cuidados a ter ao nível do material ensino. NÚMERO DE HORAS
necessário, alimentação e preservação ecológica; 2 horas semanais para cada um dos
professores, no âmbito das horas
- Dar a conhecer aos alunos o património natural
atribuídas à componente não lectiva.
existente na Região, no que concerne a Levadas
e Veredas.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 50


3.5.2 Modalidades Artísticas

Objectivos Conteúdos Data Materiais/Recursos


Grupo Instrumental
- Sala com algum espaço (de
- Elucidar e/ou reorganizar o pensamento - Caracterização dos instrumentos que iremos utilizar - Festa de
preferência sala 9 ou 10);
encerramento do 1.º
musical; (ainda a designar), nomeadamente Instrumental Orff,
período - Quadro pautado e liso;
- Introduzir e aplicar conhecimentos musicais; Instrumentos de Sopro (alunos que fazem parte da
- Caderno de música (só para
- Carnaval
- Utilizar a música como veículo de Expressão Banda Municipal da Ribeira Brava e que vão
este projecto);
e comunicação; participar no projecto), Instrumentos tradicionais - Comemoração do
- Sintetizador;
Dia da Escola
- Desenvolver o gosto pela Arte Musical; (percussão, cordofones e aerofones, etc);
- Leitor de Cd e cassetes;
- Dar a conhecer à Comunidade Escolar o - Manuseamento desses mesmos instrumentos
- Instrumental Orff;
poder da Música como Arte. (conhecendo todo o processo de montagem,
- Instrumentos de corda, sopro e
embocadura, noções de respiração, posições do
outros;
instrumento, técnica, postura, execução, conservação,
- Fotocópias de peças musicais;
afinação, notação musical, história, etc);
- Processo de criação musical (criatividade);
- Interacção instrumental e vocal.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 51


Dança
- Conhecer e vivenciar os elementos da Dança;
- Sala ampla;
- Exploração das capacidades expressivas do corpo;
- Estabelecer relações entre os elementos da
- Leitor de cds.
- Exploração de vários estilos de dança: - Festa de
Dança (corpo, espaço, energia e ralação)
encerramento do 1.º
- Dança histórica;
aprofundando conhecimentos apreendidos ,2.º e 3.º Períodos
- Dança europeia;
anteriormente;
- Comemoração do
- Dança popular;
- Desenvolver experiências interdisciplinares Dia da Escola
- Dança criativa;
com base em problemas de actualidade mundial,
- Outras.
nacional e pessoal;
- Participação em coreografias.
- Alargar o âmbito vivencial da Dança,
cruzando esse conhecimento com o de outras
áreas curriculares.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 52


Teatro

. Estimular a confiança, a postura, e a destreza . Jogo dramático: expressão livre e criativa através da
- Festa de . Materiais diversos de desperdício
corporal, tomando consciência das suas linguagem verbal e não verbal
encerramento do 1.º .Papel de cenário e tintas
potencialidades no âmbito da expressão corporal. . História do teatro
,2.º e 3.º Períodos .Leitor de CD
. Potencializar as capacidades de atenção, . Géneros teatrais (comédia, tragédia, farsa...)

criatividade e observação. . Coordenação e desenvolvimento motor - Comemoração do . CDs para gravar


Dia da Escola .Textos (cópias)
. Explorar as possibilidades da linguagem verbal e . Conhecimento corporal e Educação do movimento
. Computador com ligação à net
não-verbal. expressivo
.Vestuário diverso - produzido ou
. Desenvolver a autonomia e o crescimento . Educação da voz e da expressão verbal, mediante a
recolhido pelos membros do clube
harmonioso. exploração e treino das possibilidades expressivas (voz,
. Maquilhagem
. Mimar cenas ou histórias da vida quotidiana. sonoridades e expressão facial)
. Câmaras fotográfica e de vídeo
. Criar histórias para dramatização. . Jogos de relação: Eu –Eu ; Eu - Outro e Eu – Grupo
. Papel fotográfico
.Produzir fantoches, adereços e outros elementos . Criação de personagens:
. Dossier para arquivo
para produção de espectáculo. . Leituras diferenciadas de texto a nível de ritmo,
. Materiais diversos, de acordo com
. Promover o espírito de grupo e o trabalho de entoação, sonoridade e expressividade para treino ou
as planificações/ actividades
equipa. interpretação e aprofundamento de leitura

. Aprender alguns métodos e técnicas teatrais. . Expressão dramática livre e /ou orientada

. Apreciar representações de grupos de teatro . Teatro de rua

amador e profissional. . Teatro de animação

. Valorizar a arte de representar e a arte em geral. . Componentes para a montagem de um espectáculo de

. Interagir com outros grupos de teatro escolar, teatro (dramaturgo, encenador, aderecista, actor,

mediante intercâmbio. cenógrafo, sonoplasta, luminotécnico, contra-regra,

. Integração e dinâmica de grupo produtor...)

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 53


3.5.3 Clube Fotografia

Objectivos Conteúdos Data Materiais/Recursos


Alargar o conhecimento dos alunos no Montagem de uma exposição com as 1.º período – teoria, exercícios Laboratório de fotografia.
domínio da fotografia. fotografias realizadas (final do ano lectivo). práticos com as máquinas Câmaras fotográficas
fotográficas e introdução (digitais e analógicas).
Conhecer o funcionamento da máquina Colaboração com outros clubes ou prática do uso do laboratório; Películas.
fotográfica (analógica e digital). projectos (1) - Reportagem das actividades Papel fotográfico.
de final de período. Material de revelação
Desenvolver a sensibilidade estética. Compilação das fotografias: (revelador e fixador).
Captação de imagens das 2.º período – realização de Cartolinas.
Aprender a ver e a registar através da actividades festivas mais fotos e sua revelação em Dossier.
fotografia. importantes desenroladas na laboratório – exercícios Molduras.
escola. práticos. Materiais fornecidos por
Utilizar a fotografia como meio de Captação de imagens de - Reportagem das actividades outros clubes
expressão. diferentes temáticas: da R. de final de período.
Brava (tradições, património,
Dominar técnicas expressivas. artísticas); da escola. 3.º período – realização de
Criação de fotografia artística. provas finais.
Aprender o processo de revelação de Captação de imagens de visitas – Compilação das fotografias e
fotografias em laboratório. de estudo. montagem de exposição.
- Reportagem das actividades
Desenvolver a criatividade. de final de período.
Incentivar a participação nas
actividades da comunidade escolar.
(1) Esta colaboração será dada atendendo aos seguintes parâmetros: solicitação atempada; a possibilidade dos alunos e das monitoras do
clube e o fornecimento dos materiais necessários.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 54


3.5.4 Oficina de Expressões

Objectivos Conteúdos Data Materiais/Recursos

Através dos meios de expressão plástica, possibilitar a


Apoio a actividades diversas, bem como, a área de concretização de ideias e projectos, no âmbito da bi- tintas; pincéis; papel; cartão;
tridimendionalidade Todo o ano
projecto plásticos, etc…

Dar a conhecer o trabalho desenvolvido ao longo do ano


lectivo; Motivar e valorizar os alunos como elementos tintas; pincéis; papel; cartão;
Exposição de Trabalhos Todo o ano
criativos e participativos no universo comunidade escolar plásticos, etc…

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 55


3.6. Tecnologias de Informação e Comunicação

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Competências Especificas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Adaptar a aplicação ao actual
funcionamento da Escola;
Corrigir erros da aplicação; Alojamento
Testar a Aplicação; Servidor Web;
Instalar a aplicação num Dreamweaver CS3
servidor; Coordenação TIC; -Português
Docentes,
Projecto GesMatriz Constituir uma equipa de Grupo de Informática; Computador
Alunos e
(Fases 1 e 2 - Adaptação Professores do Grupo de Responsável pela área de Internet Anual Multimédia:
Encarregados de
e Testes da Aplicação) Informática (para criarem exames. Pentium Dual
Educação.
matrizes online); CPU;
Ministrar uma Acção de > 1.8 GHz;
Esclarecimento/Formação > 1 GB RAM.
sobre o GesMatriz;
Avaliar os resultados da Fase
de Teste.
Comunidade
Educativa
Escrever, imprimir e guardar PC's com o Sistema
(Alunos,
um texto; Coordenação TIC; Operativo
Diploma de Docentes, Datas a Definir
Pesquisar informação na Grupo de Informática; Laboratório de Windows XP,
Competências Básicas Funcionários, (2.º e 3.º
Internet; Secção de Formação; Informática Processador de
em TIC Encarregados de Período)
Receber e enviar correio Técnico de Informática. Texto e ligação à
Educação e
electrónico. Internet
Público em
Geral)
Divulgar informação sobre:
Secção Plano TIC Coordenação TIC. Internet Anual Servidor Web
- Plano TIC;

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 56


- Laboratórios de Informática Docentes;
(disponibilidade e instruções de Alunos;
requisição); Funcionários;
- Meios Audio-Visuais Encarregados de
(instruções de requisição); Educação;
- Formações TIC disponíveis Comunidade.
(conjunta com a Secção de
Formação);
- Projectos de âmbito
tecnológico;
- Integração das TICs nas
Actividades da Escola;
- Projectos Tecnológicos
desenvolvidos na Escola;
- Outra informação.
- Área-Projecto (docentes
responsáveis, projectos e
hiperligações do trabalho
desenvolvido)
Desenvolver a literacia
tecnológica;
Ensinar técnicas sofisticadas de
pesquisa on-line; Computadores
Encarar a Internet como uma Multimédia;
fonte de conhecimento seguro e Sistema Operativo
Coordenação TIC; Comunidade Laboratório de
Oficinas TIC adequado; Anual Windows;
Grupo de Informática. Educativa. Informática
Ensinar técnicas de produção Microsoft Office;
de conteúdos multimédia; Ligação à Internet.
Estimular a produção e partilha
de conteúdos em português.
Certificação em Competências
Básicas em TIC
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 57
Preparar para o exame de
Competências Básicas em TIC
(Diploma de Competências
Básicas em TIC).
Platorma Moodle - Sistema
online de gestão da
aprendizagem
Conceber e desenvolver
experiências concretas, de
qualidade, relacionadas com a
informática;
Utilizar a metodologia do
trabalho de projecto –
recolhendo, analisando,
seleccionando informação,
Coordenação TIC;
resolvendo problemas,
Director do Curso de
tomando decisões adequadas, .
Informática. Alunos do Curso
utilizando suportes Laboratório de Software
Oficinas Tecnológicas Tecnológico de Anual
diversificados, Informática Dreamweaver.
Informática.
nomeadamente as novas
tecnologias de informação e
comunicação, articulando numa
dimensão inter e
transdisciplinar, os saberes
teóricos e práticos;
Desenvolver projectos em
grupo;
Desenvolver ou aprofundar
individualmente projectos.
Apoiar a produção, distribuição
Coordenação TIC; Comunidade Servidor Web
Projecto Moodle e utilização de conteúdos Internet Anual
Responsável do Projecto. Educativa. Plataforma Moodle
pedagógicos em suporte
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 58
informático (e.g. exercícios,
manuais escolares, sebenta
electrónica, etc.);
Encorajar o desenvolvimento
do portfólio digital de aluno;
Complementar os métodos de
ensino convencionais;
Fomentar práticas de ensino
interactivas e de aprendizagem
contínua.
Promover o uso de quadros
interactivos multimédia no
contexto de sala de aula;
Incentivar a utilização de novas
metodologias de ensino e dos
processos de aprendizagem;
Promover novas dinâmicas de Quadro Interactivo
interacção com o Quadro Móvel;
Coordenação TIC; Laboratório de
Quadros interactivos Interactivo; Docentes. A Definir Vídeo-Projector;
Grupo de Informática. Informática
Fomentar o desenvolvimento Computador
de uma comunidade assente na Multimédia.
partilha e na colaboração;
Promover a criação,
reutilização e readaptação de
recursos educativos;
Formação contínua de
Professores.
Criar Regulamento TIC; Coordenação TIC; Portal Escola;
Encarar a Internet como uma Grupo de Informática; Software (Anti-
Comunidade
Escola Segura TIC fonte de conhecimento seguro e Técnico de Informática. Escola Anual virus,
Educativa.
adequado; Coordenador da Rede Sala firewall, etc)
Divulgar material informativo; de Aula; Sala de Sessões.
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 59
Conferência; Panfletos/Cartazes
Divulgar Recursos Educativos.
Registar acessos;
Identificar/Resolver problemas
de Software;
Instalar/Actualizar Software
(Sistema Operativo, Anti-vírus,
firewall, spywares, etc);
Coordenação TIC;
Manutenção das Salas de Comunicar avarias técnicas ao Comunidade Salas de Software
Grupo de Informática; Anual
Informática Técnico de Informática; Escolar. Informática; Computadores.
Técnico de Informática.
Efectuar operação de
manutenção (limpeza disco,
desfragmentar, ficheiros
temporários, etc.);
Monitorizar vírus;
Controlar o inventário.
Gerir a Rede das salas de aula;
Lidar com todos os aspectos de
segurança;
Configurar a rede de
computadores;
Monitorizar os vários aspectos
do sistema informático; Coordenador da Rede Sala
Manutenção da Rede
Executar procedimentos de de Aula; Comunidade Salas de A determinar após
Informática das Salas de Anual
gestão e administração dos Coordenação TIC; Escolar. Informática análise inicial
Aula
sistemas informáticos; Técnico de Informática.
Gerir o fornecimento e suporte
de serviços;
Adaptar a gestão e
administração de sistemas ao
modelo organizacional da
escola.
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 60
3.7. Desporto Escolar

Modalidade Competências Especificas Instalação 2ºF 3ªF 4ºF 5ªF 6ªF Material

Actividades Internas Proporcionar uma competição desportiva interna Pavilhão, Das 13h20 às Prémios
organizada. Sensibilizar os alunos para o conceito Polidesportivo e Campo 18h15 (Dias do para os
de desportivismo. Promover um estilo de vida de Futebol Voleibol, primeiros
saudável. Sensibilizar os alunos para a prática Atletismo, classificados
desportiva. Andebol, Ténis de de cada
Mesa Actividades actividade
de Outdoor,
Basquetebol 3X3,
Judo, Badminton,
Madeirabol e
Torneio de Futsal)

Atletismo Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão, 2x90' + 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas. Polidesportivo e Campo
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas da de Futebol
modalidade desportiva. Melhorar as qualidades
psíquicas. Participar numa competição desportiva
organizada, dentro de um clima de boas relações
inter-pessoais. Formar juízes de atletismo

Andebol Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão e 2x90' + 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas. Polidesportivo.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 61


boas relações inter-pessoais. Formar árbitros de
andebol.

Badminton Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão. 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais. Formar árbitros de
badminton.

Basquetebol Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão e 2x90' + 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas. Polidesportivo.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais. Formar árbitros de
basquetebol.

Dança Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão. 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas.
Aprender e aperfeiçoar as coreografias da
ginástica massiva para a abertura da Festa do
Desporto Escolar. Melhorar as qualidades
psíquicas.

Futsal Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão, 2x90' + 2x90' +


capacidades físicas condicionais e coordenativas. Polidesportivo e Campo 2x90'
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e de Futebol.
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 62


boas relações inter-pessoais. Formar árbitros de
futsal.

Ginástica Aeróbica Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão. 2x90' + 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais.

Judo Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão e Ginásio. 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais.

Multiactividades de Melhorar a Condição Física e treinar as Polidesportivo, Campo 2x90'


Outdoor capacidades físicas condicionais e coordenativas. de Futebol, Mar e
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e outros espaços
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as naturais.
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais.

Ténis de Mesa Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão. 2x90'


capacidades físicas condicionais e coordenativas.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais. Formar árbitros de
ténis de mesa.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 63


Voleibol Melhorar a Condição Física e treinar as Pavilhão. 2x90' + 2x90'
capacidades físicas condicionais e coordenativas.
Aprender e aperfeiçoar as acções técnicas e
tácticas da modalidade desportiva. Melhorar as
qualidades psíquicas. Participar numa competição
desportiva organizada, dentro de um clima de
boas relações inter-pessoais. Formar árbitros de
voleibol.

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 64


3.8. Equipa multidisciplinar

Intervenientes/ Materiais
Actividades propostas Destinatários Local Data
Prelectores /Orçamento
Transporte;
Instrumentos;
Dia da Música Alunos e Professores Alunos Pátio Comenius 1 de Outubro
Cadeiras;
Estantes;
Professores;
Alunos; Comunidade Escola; 26, 27, 28 e 29 Definidos no plano
Feira do Livro
Escritores; Educativa Largo da Igreja. de Novembro. da feira.
Comunidade Educativa.
Comunidade
Festa de Natal Alunos e Professores Escola 18 de Dezembro A Definir
Educativa
Comunidade Escola e Ruas da
Festa de Carnaval Alunos e Professores 20 de Fevereiro A Definir
Educativa Vila
Alunos,
Alunos, Professores e
Professores e Museu 1º, 2º e 3º
Concurso de Fotografia Funcionários das escolas da A Definir
Funcionários das etnográfico Período
RAM
escolas da RAM
Comunidade
Dia da Escola Alunos e Professores Etnográfico 6 de Maio A Definir
Educativa
Comunidade Jardim
Feira da Amizade Alunos e Professores Maio A Definir
Educativa Municipal
Comunidade
Jornal Escola Alunos e Professores Escola 1 e 2 Período A Definir
Educativa
Comunidade
Revista Gaivota Alunos e Professores Escola 3º Periodo A Definir
Educativa
Comunidade
Encerramento do Ano Lectivo Alunos e Professores Escola 3º Periodo A Definir
Educativa

Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 65


Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 66
Escola Básica e Secundária Padre Manuel Álvares 67