Você está na página 1de 3

Transferência de competências para os

municípios em matéria de educação


Ministério da Educação

Transferência de competências para os municípios em


matéria de educação

O Ministério da Educação assinou 90 protocolos com as


autarquias, com o objectivo de dar início ao processo de
descentralização de competências, em matéria de
educação, para os municípios.

Com a assinatura destes protocolos, 11 500 funcionários


não docentes e 255 escolas passam para a tutela das
respectivas autarquias, implicando a transferência de 130
milhões de euros, distribuídos de acordo com a dimensão
do parque escolar de cada concelho.

O processo de transferência de competências visa obter


avanços claros e sustentados na organização e na gestão
dos recursos educativos, na qualidade das aprendizagens
e na oferta de oportunidades de melhoria dos níveis de
formação dos cidadãos.

Através de uma nova geração de políticas locais e sociais


de proximidade às populações, designadamente na área
da educação, procura-se resolver os problemas e reduzir
as assimetrias que subsistem na prestação do serviço
educativo.

As competências a transferir para os municípios, em


matéria de educação, abrangem as seguintes áreas:
Gestão do pessoal não docente: O pessoal não docente
das escolas básicas vai ser transferido para os municípios,
que vão passar a exercer competências em matéria de
recrutamento, afectação e colocação de pessoal, gestão de
carreiras e remunerações, bem como poder disciplinar,
sem prejuízo do poder hierárquico da direcção das escolas.

Acção social escolar: São transferidas para os municípios


as atribuições ao nível da implementação de medidas de
apoio socio-educativo, gestão de refeitórios, fornecimento
de refeições escolares, seguros escolares e leite escolar ao
alunos do ensino pré-escolar e dos 2.º e 3.º ciclos.

Construção, manutenção e apetrechamento de


estabelecimentos de ensino: As atribuições de
construção, manutenção e apetrechamento das escolas
básicas são transferidas para os municípios.

Transportes escolares: As atribuições em matéria de


organização e de funcionamento dos transportes escolares
do 3.º ciclo são transferidas para os municípios.

Educação pré-escolar da rede pública: As atribuições em


matéria de educação pré-escolar da rede pública
transferidas para os municípios abrangem a gestão do
pessoal não docente, a componente de apoio à família,
nomeadamente o fornecimento de refeições e o apoio ao
prolongamento de horário, a aquisição de material didáctico
e pedagógico.

Actividades de enriquecimento curricular: As atribuições


em matéria de actividades de enriquecimento curricular do
1.º ciclo, designadamente o ensino do Inglês, o ensino de
outras línguas estrangeiras, a actividade física e desportiva,
o ensino da Música e outras expressões artísticas e
actividades organizadas neste âmbito, são transferidas
para os municípios. A tutela pedagógica, orientações
programáticas e definição do perfil de formação e
habilitações dos professores continuam a ser da
competência do Ministério da Educação.

Residências para estudantes: São transferidas para os


municípios as residências para estudantes no respectivo
concelho, o que pressupõe a transferência do património e
do pessoal das referidas residências.

Municípios que assinaram a transferência de competências


escolares:

• Águeda, Alandroal, Albufeira, Alenquer, Almeirim, Alpiarça,


Alvito, Amadora, Arcos de Valdevez, Armamar, Arronches,
Arruda dos Vinhos, Azambuja
• Baião, Borba, Braga
• Cabeceiras, Campo Maior, Carrazeda de Ansiães, Cartaxo,
Castelo Branco, Cinfães, Crato, Cuba
• Espinho, Estremoz, Évora
• Fafe, Faro, Felgueiras, Ferreira do Alentejo, Freixo de
Espada à Cinta
• Gavião, Golegã, Gondomar, Grândola, Guimarães
• Loures, Lourinhã, Lousada
• Matosinhos, Mealhada, Melgaço, Mira, Mirandela, Monção,
Montalegre, Montijo, Mortágua, Mourão, Murça
• Nisa
• Óbidos, Olhão, Ourique
• Paços de Ferreira, Paredes, Paredes de Coura, Ponte da
Barca, Ponte de Sôr, Portel, Portimão
• Régua, Reguengos de Monsaraz, Resende, Rio Maior
• Sabrosa, São Brás de Alportel, Santarém, Santo Tirso,
Sertã, Silves, Sines, Santa Marta de Penaguião
• Tabuaço, Tarouca, Tavira, Terras de Bouro, Torre de
Moncorvo,
• Trofa
• Valença, Viana do Castelo, Vila do Conde, Vila Flor, Vila de
Rei, Vila Nova de Cerveira, Vila Nova da Barquinha, Vila
Nova de Foz Côa, Vila Velha de Rodão, Vizela