Você está na página 1de 4

UFPI – CCS – DCG Coordenação de INICIAÇÃO AO EXAME CLÍNICO

GLOSSÁRIO
ABARESTESIA – perda de sensibilidade à pressão ACOLIA – despigmentação das fezes AEROFAGIA – deglutição de ar AGENESIA – ausência congênita de órgão, setor ou segmento ALGIA – sufixo designativo de dor AMAUROSE – cegueira AMBLIOPIA – acuidade visual subnormal, sem alteração anatômica aparente e que não melhora com correção ótica AMENORRÉIA – ausência de menstruação por mais de dois ciclos ANALGESIA – perda de sensibilidade dolorosa ANASARCA – edema generalizado ANISOCORIA – desigualdade no diâmetro das pupilas ANOREXIA – ausência de apetite ANOSMIA – perda de olfato ANÚRIA – ausência total de urina ARTRALGIA – simples dor articular, sem modificação física da articulação ASCITE – coleção líquida na cavidade abdominal ASTENIA – ausência ou diminuição das forças, quase sempre relacionada com a denominação de fraqueza, mal estar generalizado ATAXIA – perda da coordenação dos movimentos ATITUDE ANTÁLGICA – posição ou reação produzida para aliviar ou evitar dor ATONIA – perda do tono muscular ATROFIA – grande diminuição volumétrica de órgão, setor ou segmento primitivamente normal BLEFARITE – inflamação crônica das margens das pálpebras, onde implantam-se os cílios BORBORIGMO – ruído produzido pelo movimento de fluidos e gases nos intestinos BRADICARDIA – diminuição do número de batimentos cardíacos BRADICINESIA – lentidão dos movimentos voluntários BRADIPNÉIA – diminuição da freqüência respiratória BRADISFIGMIA – diminuição da freqüência de pulso BULIMIA – sensação exagerada de fome CACOSMIA – perversão olfativa com sensação de mau cheiro de caráter puramente subjetivo CANÍCIE – descoloração adquirida dos cabelos e pelos, de tonalidade branca CAQUEXIA – grande desnutrição orgânica CATAMÊNIO – refere-se à análise dos ciclos menstruais que se seguem à 1ª menstruação CEFALÉIA – dor de cabeça CELULITE – inflamação do tecido celular subcutâneo e que geralmente acompanha processos infecciosos regionais CIANOSE – coloração violácea da pele e mucosas CONSTIPAÇÃO OU OBSTIPAÇÃO – retenção intestinal de fezes por mais de 48 horas CORIZA – secreção nasal aquosa observada nas rinites alérgicas e nos resfriados comuns CRIPTORQUIDIA – ausência de testículo na bolsa escrotal DESMAIO – palidez e calafrio superficial, freqüentemente provocado em atmosfera quente e rarefeita

quase sempre tipo cólica.DIARRÉIA – eliminação de fezes líquidas. geralmente durante a noite EPISTAXE – hemorragia nasal EQUIMOSE – mancha escura devida a hemorragia sob a pele e as mucosas e na superfície dos órgãos internos ERITEMA – rubor decorrente de vasodilatação capilar epidérmica. crostas EDEMA – infiltração líquida de qualquer tecido do organismo EFÉLIDE – mancha na pele causada pelo sol (sarda) EGOFONIA – ressonância especial da voz. com liberação de hemoglobina HEMOPTISE – eliminação de sangue através da glote. exsudatos. com freqüência maior do que a habitual DIPLOPIA – visão dupla dos objetos DISARTRIA – dificuldade para articular palavras DISENTERIA – síndrome intestinal caracterizada por diarréia. podendo ser acompanhada de tenesmo. semilíquidas ou pastosas. geralmente de cor escura. proveniente do trato digestivo. normal EXANTEMA – rash ou erupção cutânea EXOFTALMIA – saliência exagerada do globo ocular FADIGA – cansaço FLATULÊNCIA – sensação desagradável pela distensão gasosa do estômago e intestinos FOTOFOBIA – aversão à luminosidade excessiva GALACTORRÉIA – abundante secreção de leite materno GINECOMASTIA – tumefação uni ou bilateral da glândula mamária masculina GLOSSITE – inflamação da mucosa da língua HALITOSE – hálito desagradável HEMATÊMESE – eliminação de sangue pela boca. muco. deixada pelos arranhões e coçaduras ESTRANGÚRIA – dor. vômito EMPACHAMENTO – sensação de cheio no estômago EMPIEMA – coleção purulenta em cavidade natural ENTERORRAGIA – eliminação de sangue vivo pelo ânus ENURESE NOTURNA – micção incontrolada. localizada na região hipogástrica e que ocorre no fim da micção (gota a gota) EUTÓCICO – parto bom. por ação do suco gástrico HEMIANOPSIA – perda de uma metade do campo visual de um olho ou de ambos HEMIPARESIA – diminuição de força muscular de um dimídio corporal HEMIPLEGIA – paralisia de um dimídio corporal HEMÓLISE – destruição dos glóbulos vermelhos do sangue. desaparecendo sob digito-pressão ESCORIAÇÃO – arrancamento epidérmico simples. geralmente confluente. ao auscultar-se doentes com derrame pleural pouco abundante ÊMESE – fenômeno de vomitar. oriundo da árvore respiratória de cor vermelho vivo . sangue ou pus DISFAGIA – dificuldade na deglutição DISMENORRÉIA – menstruação difícil e dolorosa DISPAREUNIA – dor durante o ato sexual DISPEPSIA – qualquer alteração do complexo mecanismo da digestão ( má digestão) DISPNÉIA – dificuldade respiratória DISÚRIA – dificuldade para urinar ou dor durante o ato de micção ECTRÓPIO – reviramento para fora do bordo livre da pálpebra ECZEMA – dermatose inflamatória com formação de vesículas confluentes.

rítmicas ou arrítmicas. apatia. crespos e escuros ) HORDÉOLO – terçol ICTERÍCIA – deposição de bilirrubina na pele e mucosas. ou não. de cor amarelada LANUGEM – pelo fino e sedoso dos recém-nascidos LETARGIA – sono patológico. formigamento. com inversão do ritmo nictemérico NISTAGMO – movimento involuntário dos olhos. podendo ser acompanhada de vômito NICTÚRIA – aumento do volume urinário noturno. profundo. sem perda de consciência MACROCEFALIA – exagero do tamanho da cabeça MACROGLOSSIA – língua muito volumosa ou longa MÁCULA – o mesmo que mancha MADAROSE – ausência de cílios e supercílios MELENA – eliminação de sangue ‘preto” pelo ânus.HEMORRÓIDAS – varizes nas veias do ânus HEMOTÓRAX – hemorragia no espaço pleural HIDROCEFALIA – acúmulo de líquido no cérebro HIPERCINESIA – exagero dos movimentos do corpo HIPERMENORRÉIA – fluxos menstruais de volume aumentado HIPERESTESIA – aumento da sensibilidade dolorosa ( tátil e dolorosa) HIPERTERMIA – excessiva elevação da temperatura (no organismo) HIPERTONIA – aumento do tono ou da tensão de um órgão HIPRIDROSE – sudorese excessiva HIRSUTISMO – surgimento de pelos com características masculinas (grossos. variando de 1mm a 1cm de diâmetro PARALISIA – perda do movimento voluntário PARESIA – diminuição da força muscular. pelo ouvido PALIDEZ – hipo ou descoloração da pele e mucosas PÁPULA – pequena lesão sólida. quimicamente alterado e proveniente da parte alta do tubo digestivo MENORRAGIA – hemorragia patológica por ocasião da menstruação (metrorragia) MIALGIA – dor muscular MICROCEFALIA – cabeça pequena MIDRÍASE – aumento do diâmetro pupilar MIOCLONIAS – contrações musculares breves. prostração LEUCONÍQUIA – manchas brancas nas unhas LEUCORRÉIA – corrimento branco da vagina ou útero LIPOTÍMIA – sensação de desfalecimento súbito. localizadas ou difusas de um músculo ou grupo muscular MIOSE – diminuição do diâmetro pupilar NÁUSEA – sensação de enjôo. espontâneos ou provocados OBSTIPAÇÃO – retardamento ou parada do trânsito intestinal ODINOFAGIA – dor à deglutição ORQUITE – inflamação dos testículos ORTOPNÉIA – impossibilidade de respirar senão com o tórax ereto OTALGIA – dor no ouvido OTORRAGIA – hemorragia no ouvido OTORRÉIA – fluxo purulento. sem chegar à paralisia PARESTESIA – qualquer sensação desagradável espontânea (agulhada. delimitada e fazendo relevo na pele. cãibra) que não dor PARONÍQUIA – inflamação e/ou infecção de tecido periungueal PAROXISMO – a maior intensidade de um processo .

PETÉQUIA – mancha hemorrágica de forma arredondada. devido a contração espasmódica dos músculos elevadores da maxila inferior VERTIGEM – sensação de rotação dos objetos em torno do indivíduo ou vice-versa VÔMICA – eliminação de material das cavidades (pulmonares ou não) VÔMITO – é a expulsão forçada do conteúdo gástrico pela boca . que se deitam sobre o lado são TRISMO – cerração involuntária da boca. proveniente do esôfago ou do estômago RINORRÉIA – fluxo de mucosidade límpida pelo nariz. com parada da respiração e/ou circulação SINDACTILIA – soldadura dos dedos SINÉQUIA – aderência entre partes vizinhas. como nos pacientes com derrame pleural. sem resultado TREPOPNÉIA – é a dispnéia que aparece em determinado decúbito lateral. sensação de ardor retroesternal ascendendo até a garganta PLEURODÍNIA – dor torácica por doença da musculatura intercostal POLACIÚRIA – micção freqüente. sem esforço. porém. sem inflamação SIALORRÉIA – aumento da salivação SÍNCOPE – perda súbita. principalmente a da íris com a córnea ou o cristalino SOLUÇO – causado por contrações do diafragma TAQUICARDIA – aumento da freqüência cardíaca TAQUIPNEÍA – aumento da freqüência respiratória TENESMO – sensação dolorosa do ânus ou bexiga. geralmente sem aumento do volume urinário total POLIDIPSIA – exagerada ingestão de líquidos POLIMENORRÉIA – menstruação anormalmente freqüente POLIÚRIA – aumento do volume urinário PRURIDO – coceira PTERÍGIO – espessamento da conjuntiva ocular. cobrindo a córnea PÚSTULA – coleção líquida com conteúdo purulento QUEILITE – processo inflamatório da pele e mucosa labial REGURGITAÇÃO – eliminação. com desejo imperioso de defecar ou urinar. de até 2cm de diâmetro PIROSE – sintoma dispéptico. transitória (máxima de 1 min) da consciência. com distúrbios vasomotores e vegetativos. de pequena quantidade de bolo alimentar.