Você está na página 1de 1

Sistema de partida era relativamente complexo Ficha técnica

Uma comparação entre o Oldsmobile Light Tonneau e o Uno Mille, nosso carro mais popular
old s
de

mo

bile

old s
de

mo

bile

troit

troit

old s
de

mo

bile

troit

old s
de

mo

bile

old s
de

mo

bile

troit

troit

Oldsmobile Velocidade máxima 58 km/h 151 km/h Peso total 499 kg 925 kg Força do motor 10 cavalos 73 cavalos

Uno Mille

A caixa de ignição, ligada às baterias, era acionada e enviava uma corrente elétrica para o motor. Como não havia sistema de arranque, a tarefa de fazer o motor funcionar tinha que ser feita manualmente.

A manivela de arranque era colocada ao lado do carro. Era preciso girá-la com força várias vezes para fazer o motor funcionar.

A manivela era removida e guardada no carro. No pedal de ajuste, o motorista colocava o volante na posição desejada.

O motorista engatava a primeira marcha no câmbio do seu lado direito.

A aceleração era feita por meio da alavanca no volante. Para a ré, era preciso retornar o câmbio para a posição original e usar o pedal que fazia o carro andar para trás.

A cor do carro O Light Tonneau foi produzido em vermelho e verde escuros, e dois detalhes na foto do carro dos Trinks induzem a crer que ele era verde. No modelo vermelho, frisos da carroceria e aberturas laterais do capô eram na cor preta. Nos verdes, os frisos eram dourados e as aberturas no capô também verdes. Na foto do Oldsmobile dos Trinks, os frisos são claros e as aberturas no capô têm a mesma tonalidade do carro.

Como era o Oldsmobile Light Tonneau
O tonneau (barril, em francês) permitia mais dois passageiros no carro, e podia ser retirado para abrir espaço para bagagens. Sem ele, o carro é similar a outro modelo da Oldsmobile, o Runabout, para duas pessoas.

Capacidade do tanque de gasolina 26 litros 48 litros

A Oldsmobile Fundada em 1897 por Ransom E. Olds, a empresa tem como primeiro sucesso o Curve Dashed. Barato, o carro vendeu mais de 19 mil exemplares. Em 1904, é lançado o Light Tonneau. Descontente com o preço do modelo, Ramson sai da empresa. Em 1908, a General Motors compra a Oldsmobile. Em 2004, depois de 107 anos, a marca é encerrada pela GM.

A máquina maravilhosa dos irmãos Trinks foi fabricada pela Oldsmobile entre 1904 e 1905. Custava US$ 950, algo em torno de R$ 40 mil hoje, em valores corrigidos. Tinha capacidade para quatro pessoas, era um pouco menor que um Uno Mille e vinha equipado com caixa de ferramentas e manual de instruções – os compradores eram motoristas inexperientes e não havia mecânicos especializados. O carro não possuía para-brisas, parachoques, velocímetro e medidor de combustível, mas já possuía volante ajustável e o sistema de marchas foi precursor dos câmbios automáticos. O Oldsmobille Light Tonneau é uma raridade. Na época, foram produzidos 1,1 mil deles. Hoje, existem nos EUA cerca de 60 restaurados.

Anatomia do Light Tonneau

Portinhola dava acesso às baterias e aos tanques de gasolina e água. Por aqui, o motorista conferia o nível de combustível

A buzina ficava na barra de direção

A Feito de aço, com três eixos transversais que sustentavam o motor e o sistema de direção. B Três degraus davam acesso aos assentos.

A

B

FREIO NAS RODAS

Aros eram de madeira e tinham 76 cm de diâmetro.

Agiam sobre as rodas traseiras. Acreditava-se que freios dianteiros poderiam capotar o carro. Não tinha freio de mão. Eram controlados a partir de dois pedais: C Controlava a frenagem nas rodas traseiras. D Controlava o freio de transmissão.

C D

Aro do Uno têm 35,5 cm diâmetro. Distância entre eixos

PEDAL DE Ré

2,04m
ao lado dianteiro direito movia os dois pneus. F Volante, acessório que o Curve Dashed, carro antecessor da Oldsmobile, não possuía. G Diferencial, que existe até hoje e permite numa curva que as rodas girem em velocidades diferentes

BARRA DE DIREçãO

E Barra de direção ligada E F G

1
Acesso para os caronas era feito por uma porta no fundo do Tonneau.

6
Os para-lamas precisavam ser grandes para melhor proteção dos ocupantes.

10

9 8 7 6

2
Os dois pedais da direita controlavam o sistema de freios. O pedal da esquerda controlava a ré.

7
2
Os faróis eram de latão, alimentados com querosene e lente que ampliava o alcance da luz.

RADIADOR

CANO DE ESCAPE

3
Pedal que, ao ser destravado, permitia o ajuste do volante.

1

3

5

8
Alavancas de aceleração e ajuste de ignição ficavam no volante.

I Ficava embaixo do
banco do motorista, com um cilindro, 4 tempos, 10 cavalos de força e rotação máxima de 700 RPM. Os motores atuais giram a 5.000 RPM. J Corrente que liga o volante ao eixo das rodas. K Manivela de arranque, ligada ao motor. L Câmbio de marcha.

L

K

J I

4
Manivela de arranque, que colocava o motor em condição de partida.

4

9
2, m 94
Câmbio de duas marchas, com embreagem automática.

BATERIAS TANqUES DE áGUA E GASOLINA

5
Pneus eram de borracha branca, lisos, finos (9 cm, contra 18,5 cm de hoje), e de desgaste fácil.

10
Assentos de couro. Os de trás eram mais altos, para permitir melhor visibilidade aos passageiros.

1, 62 m
Fontes: General Motors; José Carlos Boehm, engenheiro mecânico e membro do Veteran Car Club, de Joinville; Gary Hoonsbeen, fundador do Curve Dashed Oldsmobile Club; “The Automotor Journal”, de 13 de agosto de 1904; Joseph Merli, consultor do National Antique Oldsmobile Club.

Logomarca da Oldsmobile em 1904

Ilustrações, pesquisa e textos: Fábio Abreu Pesquisa e imagens geradas em 3D: Luis Rosenstock

16/10/2011 anExo D 8 E 9
sEguE