Você está na página 1de 9

Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade E Transdisciplinaridade — Presentation Transcript

  

1. Multidiciplinariedade, Interdisciplinaridade Transdisciplinaridade. Curso de Capacitação Informática Educativa - 2008 2. São formas possíveis de articulação das diversas disciplinas. Multidisciplinaridade Interdisciplinaridade Transdisciplinaridade 3. Multidisciplinaridade Interdisciplinaridade Transdisciplinaridade São estratégias de integração disciplinar para reunir as possibilidades de produção de conhecimento multidisciplinar, interdisciplinar ou transdisciplinar, em oposição ao conhecimento monodisciplinar. 4. Multidisciplinaridade envolve mais de uma disciplina cada disciplina envolvida mantém sua metodologia e teoria, sem modificações não há integração dos resultados obtidos busca a solução de um problema imediato, sem explorar a articulação 5. Interdisciplinaridade envolve mais de uma disciplina adota uma perspectiva teóricometodológica comum para as disciplinas envolvidas promove a integração dos resultados obtidos busca a solução dos problemas através da articulação de disciplinas os interesses próprios de cada disciplina são preservados. 6. Transdisciplinaridade representa um nível de integração disciplinar além da interdisciplinaridade etapa superior de integração onde não existe fronteira entre as disciplinas um sistema de ensino inovado busca superar o conceito de disciplina. é a busca do sentido da vida através de relações entre os diversos saberes (ciências exatas, humanas e artes) numa democracia cognitiva. nenhum saber é mais importante que outro. Todos são igualmente importantes. 7. Segundo Nicolescu (1999) "Como o prefixo „trans‟ indica, a transdisciplinaridade diz respeito ao que está, ao mesmo tempo, entre as disciplinas, através das diferentes disciplinas e além de todas as disciplinas. Seu objetivo é a compreensão do mundo presente , e um dos imperativos é a unidade do conhecimento 8. O que isso significa? Interdisciplinaridade significa a interdependência, interação e comunicação entre campos do saber, ou disciplinas, o que possibilita a integração do conhecimento em áreas significativas. Transdisciplinaridade é a coordenação do conhecimento em um sistema lógico, que permite o livre trânsito de um campo de saber para outro, ultrapassando a concepção de disciplina e enfatizando o desenvolvimento de todas as nuances e aspectos do comportamento humano. Com base nessas formas de composição curricular, é que os Parâmetros Curriculares Nacionais introduzem os temas transversais que, tomando a cidadania como eixo básico, vão tratar de questões que ultrapassam as áreas convencionais, mas permeiam a concepção, os objetivos, os conteúdos e as orientações didáticas dessas áreas. Essa transversalidade supõe uma transdisciplinaridade , o que vai permitir tratar uma única questão a partir de uma perspectiva plural. Isso exige o comprometimento de toda a comunidade escolar com o trabalho em torno dos grandes temas [2] definidos pelos Parâmetros Curriculares Nacionais, como Ética, Saúde, Meio Ambiente, Pluralidade Cultural e Orientação Sexual, os quais podem ser particularizados ou especificados a partir do contexto da escola. Há várias formas de composição curricular, mas os Parâmetros Curriculares Nacionais indicam que os modelos dominantes na escola brasileira, multidisciplinar e pluridisciplinar, marcados por uma forte fragmentação, devem ser substituídos, na medida do possível, por uma perspectiva interdisciplinar e transdisciplinar . Segundo os PCNs 9. OUTRAS BUSCAS

Figura 1 – Multidisciplinaridade EX: As disciplinas atuam isoladamente. Uma ação simultânea de disciplinas em torno de uma temática comum. 14. Na escola primária nos ensinam a isolar os objetos (do seu meio ambiente).. # JEAN PIAGET propõe uma hierarquia dos níveis de colaboração e integração entre disciplinas. a separar as disciplinas (em vez de reconhecer suas correlações). no entanto. Figura 2 . . Atomic Physics and Human Knowledge. MUDANÇA DE PARADIGMA Trata-se de uma mudança epistemológica e não simplesmente metodológica 13. mas nesse caso se trata de uma ação coordenada. Essa atuação. TRANSDISCIPLINARIDADE 2. destinada a elevar a cultura humana”. 3. o que introduz a noção de finalidade. mas as explica (macro-disciplina) 11. BOHR.Pluridisciplinaridade Há uma espécie de ligação entre os domínios disciplinares indicando a existência de alguma cooperação e ênfase à relação entre tais conhecimentos. Science Editions Inc. 1961 TRANSDISCIPLINARIDADE 12. EX: matemática e física 5. Todos são igualmente importantes. Interdisciplinaridade: Um grupo de disciplinas conexas e definida no nível hierárquico imediatamente superior. Figura 3 Interdisciplinaridade .     10. N. UM NOVO JEITO DE PENSAR o ensinar e aprender. Pluridisciplinaridade: A presença de algum tipo de interação entre os conhecimentos interdisciplinares. ainda é muito fragmentada. em vez de reunir e integrar. Niels Bohr (prêmio Nobel de Física em 1975) já dizia: “O problema da unidade do conhecimento é intimamente ligado à nossa busca de uma compreensão universal. na medida em que não se explora a relação entre os conhecimentos disciplinares e não há nenhum tipo de cooperação entre as disciplinas. a eliminar tudo o que causa desordens ou contradições em nosso entendimento&quot. a decompor . a dissociar os problemas. Nenhum saber é mais importante que outro. 4. isto é. Diferença Interdisciplinaridade programa de estudos de abrangência limitada a integração disciplinar obtida é independente das disciplinas e repercute sobre elas. humanas e artes) numa democracia cognitiva. Procede a coordenação das ações disciplinares. Obrigam-nos a reduzir o complexo ao simples. a separar o que está ligado. A transdisciplinaridade é a busca do sentido da vida através de relações entre os diversos saberes (ciências exatas. Na interdisciplinaridade há cooperação e diálogo entre as disciplinas do conhecimento. embora eles ainda se situem num mesmo nível hierárquico. Morin (2001: 15) coloca que: &quot. não havendo ainda nenhum tipo de coordenação proveniente de um nível hierarquicamente superior. EXEMPLO DE ABORDAGEM TRANSDISCIPLINAR Transdisciplinaridade — Presentation Transcript      1. A Transdisciplinariedade inaugura um NOVO JEITO DE VER o mundo. e não a recompor. mas não as explica (inter-disciplina) Transdisciplinaridade programa de estudos de abrangência bem maior a integração disciplinar é independente das disciplinas e não só repercute sobre elas. tais como: Multidisciplinaridade: O ensino multidisciplinar é realizado pela ministração de aulas sobre diversos ramos do conhecimento.

Transdisciplinaridade: Representa um nível de integração disciplinar além da interdisciplinaridade. Profª Margarete Leal. propondo mudanças no sistema educacional. É mudar atitudes. Desde então. permitindo comunicação e diálogo. ______. a interdisciplinaridade chegou ao Brasil e logo exerceu influência na elaboração da Lei de Diretrizes e Bases Nº 5. cultura. vida. 4. apoiando-se em três exigências: Considerar a realidade. tendo como sentido maior contextualizar todos os saberes acumulados. religião. Na palavra interdisciplinar está contida a proposição de ligação.692/71.     6. cor. SILVA. 2002a. Mestre em educação Brasileira. alegria. o desafio é amar o diferente”. sua presença no cenário educacional brasileiro tem se intensificado e. reivindicavam um ensino mais sintonizado com as grandes questões de ordem social. conexão entre as disciplinas. I CONGRESSO MUNDIAL DE TRANSDISCIPLINARIDADE. tendo como foco: o sentimento. 8. Interdisciplinaridade helio pinhogutterres — Presentation Transcript    1.. Ela conecta. Visão da complexidade dos fenômenos: sentimentos. 3. reconhecendo o direito de cada ser humano. 1994. No final da década de 60. Buscar o sentido da vida através de relações entre os diversos saberes. dentre outras coisas. FAZENDA. a intuição. Na transdisciplinaridade desaparecem os limites entre as diversas disciplinas e se forma um sistema total que ultrapassa o plano das relações e interações entre tais disciplinas. Brasília: Ministério da Educação. Trabalhar com a Inclusão. 2002b. ed. “ Amar o igual é amar a si próprio. Brasília: Ministério da Educação. a sensibilidade. com a nova LDB Nº 9. Estimula a abertura do diálogo. no nível local onde se dá o saber. Paulo Freire. emanando o sentimento de TOLERÂNCIA E ABERTURA ao lidar com as diferenças humanas. INTERDISCIPLINARIDADE Professor: Helio Pinho Gutterres 2. na medida em que os grandes problemas da época não poderiam ser resolvidos por uma única disciplina ou área do saber. A interdisciplinaridade teria sido uma resposta a tal reivindicação.Transdiciplinaridade Considera a dimensão da vida e do cotidiano.394/96 e com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN ). territórios delimitados. relação e . recentemente. e raça. num período marcado pelos movimentos estudantis que. sexo. 9. política e econômica da época. e a possibilidade de intercâmbio e o deslocar-se entre elas. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais : Ensino Médio. PCN + Ensino Médio : Orientações Educacionais complementares aos Parâmetros Curriculares Nacionais. Interdisciplinaridade : história. Introdução Um pouco de História . 7. mais ainda. CARTA DA TRANSDISCIPLINARIDADE. Campinas: Papirus. 1994. A. tristeza.. morte. Ciências humanas e suas tecnologias. A globalização vem indicando uma nova forma de educar.. Definição. e a corporeidade. 10. Figura 4 . isto é. Níveis crescentes de interação entre as disciplinas multidisciplinaridade pluridisciplinaridade interdisciplinaridade transdisciplinaridade Referências bibliográficas: BRASIL. a emoção.. Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Segundo Ivani Fazenda.Portugal:Convento de Arrábia. a interdisciplinaridade surgiu na França na Itália em meados da década de 60. teoria e pesquisa. Ivani C.

pluridisciplinaridade. 11. interdisciplinaridade e transdisciplinaridade foram criados. Atividade 2 13. E é justamente para distinguir tais níveis que termos como multidisciplinaridade. esperamos contribuir para um uso mais cuidadoso de tais termos no cotidiano escolar. 2º passar de uma concepção fragmentária para uma concepção unitária do conhecimento. ATIVIDADES INTERDISCIPLINARES Atividade 1 9. A classificação apresentada abaixo é a mais comum e foi proposta originalmente por Eric Jantsch e sofreu algumas adaptações de Hilton Japiassú (1976). 12. estamos de algum modo nos referindo a uma espécie de interação entre as disciplinas ou áreas do saber. apontadas por Fazenda: integração entre disciplinas . Área. Resolução da atividade 1 Essa atividade envolve as áreas de conhecimento como Matemática. novos desafios. d)900 mil empregos. Química: Composição química do óleo. responda aos itens: a)Qual o país com maior área de plantio de coco no mundo? E de quanto é essa área? b)Qual a posição do Brasil no ranking mundial e quanto é a sua área de plantio? c)Quais são os três estados brasileiros que mais produzem coco? d) Quantos empregos diretos são gerados no Brasil com a produção de coco? Qual o faturamento anual do país? e) Que tipo de coqueiro é o mais produtivo no Brasil e qual a sua produção? 10.           vínculo entre separados. viabilizando a teia/tecido de saberes. Níveis de interação entre as disciplinas Quando falamos em interdisciplinaridade.4. um dos pioneiros da interdisciplinaridade no Brasil.000 ha. Isto nos leva a destacar duas categoria de interdisciplinaridade. Todavia. O indivíduo é o construtor de pontes entre as áreas de conhecimento e é a própria ponte.000 ha. discorreremos sucintamente sobre cada um deles buscando esclarecer as distinções entre tais terminologias. Solução: a)Indonésia. Prática da Interdisciplinaridade ETAPAS DE UM PROJETO INTERDISCIPLINAR 1ª FASE: PLANEJAMENTO 2ª FASE: EXECUÇÃO 3ª FASE: AVALIAÇÃO 8. Estados Brasileiros. Biologia: Meio Ambiente. Pará e Ceará. 6.5 cm = 0. Solução: h= 2.025 V = 0. diferentes. mesmo que as realidades do cotidiano teimem em nos colocar perplexos e inseguros diante do desconhecido ou estimulando a indiferença para evitar maiores compromissos 5. Geografia e Biologia. Volume do Cilindro. que pressupõe a interação entre sujeitos. Em seguida. 14. quando interage com outros especialistas. É ir além da mera observação. Conteúdos a serem trabalhado: Matemática: Estatística.012 m³ . 400.4.0. b)8º posição. Com base nas informações . Química e Biologia. Interdisciplinaridade compreende a busca constante de novos caminhos. outras realidades. Área de plantio: 300. Geografia: Localização de países. Produção: 200 a 250 frutos por planta/ano. 4. 4º ensino-aprendizagem centrado numa visão de que aprendemos ao longo de toda a vida (educação permanente 7. Conteúdos a serem trabalhado: Matemática: Funções. Resolução da atividade 2 Essa atividade envolve as áreas de conhecimento como Matemática. Faturamento: 700 milhões/ano.025 m r(t)= r= r= 0. opostos. 0.0. Área: 3. essa interação pode acontecer em níveis de complexidade diferentes. a partir da contribuição das diversas ciências. c)Bahia. 3º superar a dicotomia entre ensino e pesquisa . Biologia: Plantas. Metodologia do trabalho interdisciplinar A metodologia do trabalho interdisciplinar supõe atitude e método que implica: 1º integração de conteúdos.4 V = 3. e) Anão. a ousadia da busca e do construir. Com isso. considerando o estudo e a pesquisa.

unb.%20Acesso%20em%2005/08/09 (acesso 27/06/2010) 16.com/orientacoes/promovendointerdisciplinaridade-na.pdf (acesso 29/06/2010) http://www. PCN – Ensino Fundamental do 6º ao 9º ano PCN – Ensino Médio. José Ruy Matemática completa/ José Ruy Giovanni.br/ppgec/dissertacoes/proposicoes/proposicao_jairocarlos. 2005. José Roberto Bonjorno – 2 ed.escola.  15. Bibliografia. Giovani. .educador. http://vsites. Renov – São Paulo FTD.htm .brasilescola.

em cada um dos capítulos previstos em provas. ou seja. se o estudante não escreveu em seu caderno os conceitos e informações da aula. a regularidade com que trazem os materiais requisitados para as aulas. Nem mesmo aqueles que chegam à universidade conseguiram se organizar como deveriam para desenvolver seus estudos. o cumprimento dos prazos previstos para trabalhos e projetos e alguns outros indicadores comportamentais também nos levam a concluir que os alunos precisam urgentemente de orientações de estudo..101 Atitudes para o estudo inteligente Cultive hábitos simples e estude com maior eficiência Nossos estudantes. Se não anotam o que lhes é passado diariamente em classe isso significa. a pontualidade. É certo que todas as orientações dadas na escola serão reaproveitadas futuramente em trabalhos. não sabem estudar. a assiduidade. como podemos escrever a respeito de temas ou assuntos com os quais não temos muito pouca ou nenhuma familiaridade? E olhem que estamos falando apenas do primeiro round dessa batalha incessante dos estudantes durante os seus anos de educação escolar. na prática. A forma como se sentam nas cadeiras. que estão em descompasso com as práticas de estudo que esperamos que realizem. Além disso. .. como poderá se orientar quanto às outras fontes utilizadas pelo professor em seu curso? Se as páginas dos cadernos estão em branco é pouco provável que esse estudante consiga identificar capítulos dos livros didáticos usados no curso ou que ele consiga saber ao certo o que. A postura em sala de aula é apenas um indício do despreparo de muitos e muitos alunos. realmente será utilizado. Lembro um outro detalhe importante. projetos ou em avaliações. tarefas. com raras exceções. Não é raro perceber que muitos deles nem ao menos se preocupam em anotar as informações que são passadas em aula pelos professores.

O livro 101 Atitudes para o estudo inteligente. (101 Atitudes para o estudo inteligente) . procura trazer informações que esclareçam e facilitem o estudo nas escolas brasileiras. não percebem que estudar pode ser uma atividade prazerosa.” (101 Atitudes para o estudo inteligente) Caberia a cada escola possuir orientadores educacionais que viessem a realizar esse trabalho com o apoio dos professores. mas. O mais interessante de tudo isso é que os estudantes. instigante e valiosa. dos autores Eliel Unglaub e Delton Lehr Unglaub. Destina-se obviamente a educadores. Isso quando não constatamos que há professores que também não sabem estudar. Se não estivermos bem posicionados profissionalmente é pouco provável que tenhamos o conforto que aspiramos para nossa vida pessoal. muita força de vontade. Seu uso precisa ser planejado e muito bem utilizado”. tanto no presente quanto no futuro. “Estudar exige um pouco de paciência.. Se não bastasse isso. além disso. por desconhecimento de causa.“As anotações o ajudam a prestar mais atenção na aula e o estudo posterior se torna mais fácil.. de valor incalculável. O problema é que a maioria das escolas não conta com os serviços desse pedagogo especializado em orientação. O estudante precisa dominar algumas técnicas para que o aprendizado seja feito com o máximo de eficiência e o mínimo de tempo. É melhor pensar nisso quando ainda estamos na escola para que não tenhamos que correr atrás do prejuízo quando formos adultos. Sem estudar não será possível pleitear bons empregos. O tempo é um bem precioso. Capricho e estética fazem uma boa combinação e podem auxilia-lo na hora de revisar o conteúdo da prova. estudantes e pais de alunos que procuram orientações de caráter prático que ajudem a melhorar o rendimento em nossas escolas. os professores também não se preocupam em dar as devidas orientações de estudo a seus pupilos. Ao não estudar fecham-se portas que nunca mais serão abertas. Para que isso aconteça é de fundamental importância que o aluno se dê conta de que estudar adequadamente só vai lhe trazer benefícios.

Conheço casos de pessoas que tiveram várias oportunidades de estudar. Se concentrarmos nossas atenções apenas no mercado de trabalho veremos que as empresas contratam não apenas pessoas que possuem diplomas e especializações. Se esses elementos não forem percebidos pelos pupilos é pouco provável que eles venham a se interessar pelo exercício do estudo. Como não aproveitaram suas chances. Essas habilidades e conhecimentos são adquiridos a partir da vida escolar dos estudantes desde os primeiros passos que são dados na educação infantil até a formação universitária. nos diversos níveis. necessariamente. Os livros. têm poder de concentração. de concluir cursos universitários e de. procuram sempre resolver os problemas que aparecem e que conseguem se entrosar bem com as equipes nas quais estão inseridas.. Tem relação direta com o empenho e o preparo dos professores que estiveram com esses estudantes. consequentemente. “A primeira coisa a fazer antes de começar a estudar é organizar todos os seus materiais. Se a falta de qualificação pode ocasionar todos esses contratempos. os cadernos. (101 Atitudes para o estudo inteligente) Quando digo que o estudo pode ser instigante quero dizer que se o professor souber cativar seus estudantes. apontador. férias. borracha. são eficientes. ter uma vida futura tranqüila. Dependem da presença e disponibilidade dos pais em auxiliar seus filhos. as canetas. tiveram que perambular por empregos que não lhes davam benefícios como bons salários. seguro-saúde. E. e não aproveitar os estudos também tem efeitos colaterais. estabilidade. mostram-se criativas. para o conhecimento.. imaginem então que freqüentar escolas. . régua e outros „equipamentos‟ devem estar ao alcance das mãos para facilitar sua produtividade na hora do estudo”. desafiando-os para a construção de seus saberes e requisitando a participação efetiva deles em suas aulas criam-se elementos que conduzirão esses estudantes. Tornaram-se funcionários desqualificados que poderiam ser dispensados a qualquer momento ou que teriam que se contentar com condições pouco adequadas de trabalho. mas principalmente aquelas que demonstram iniciativa. compreendem um esforço permanente por parte dos próprios alunos.. de obter um diploma. os lápis. principalmente. O estudo se torna um prazer para o estudante a partir do momento em que se criam condições de trabalho que permitam o bom desenvolvimento dessa atividade e também desde o instante em que o aluno compreenda como aquele conhecimento pode lhe ser útil em sua vida cotidiana. A organização é importante porque ajuda você a se „achar‟ dentro do ambiente e espaço que você determinou para seus momentos de estudo.

os autores também se preocuparam em elaborar uma lista de itens que podem auxiliar o estudante em sua busca de motivação nos estudos e ainda sugestões que permitam aos mesmos aprimorar-se nessa imprescindível atividade. mesmo no caso das informações de uso corrente são dadas explicações que adicionam novos dados e dicas ao conhecimento dos professores... Além dessas orientações de caráter prático. Há. como por exemplo:. no entanto. Se irão ou não usar esses conhecimentos é impossível prever.. faça anotações organizadas das aulas. faça perguntas em aula para seus professores. pais e também dos alunos para que melhorem o rendimento nos estudos. evidentemente... (101 Atitudes para o estudo inteligente) Mas. porém sabemos que é muito saudável cultivar tais hábitos e práticas. que ajudam (e muito) a enriquecer a preparação dos estudantes. se possível. buscar a eficiência nos estudos. tem linguagem ágil que permite leitura rápida e foi editorado como um autêntico manual do escoteiro destinado aos estudantes. Esperamos apenas que as receitas do livro não sejam esquecidas e que. relacionadas ao estudo. relacionar os assuntos estudados a outros trabalhados anteriormente. planeje o tempo de estudo.. como por exemplo: participar de eventos e debates. dicas e técnicas que podem facilitar o estudo. . Além das informações que já são de conhecimento geral.O ritmo de trabalho e as especificidades do trabalho são muito particulares a cada estudante.. É esse o foco da obra 101 Atitudes para o estudo inteligente. realizar pesquisas regulares nas bibliotecas para complementar informações. “Muitos professores consideram a presença e a participação em sala de aula relevante na hora de avaliar as notas finais. Há. alguns chavões ou lugares-comuns que se tornaram comuns nas recomendações que são dadas aos estudantes ou aos pais durante as reuniões bimestrais. algumas delas venham a ser utilizadas mais frequentemente nas escolas brasileiras.Escolha o lugar mais apropriado para estudar. ler jornais e revistas com regularidade. Apresenta as orientações e convida todos os participantes da comunidade escolar a adotá-las. uma série de hábitos. os autores também apresentam outras práticas... 101 Atitudes para o estudo inteligente é um livro bastante objetivo quanto a seus propósitos. E como eles avaliam isto? Normalmente pelo número de faltas e pela exposição que o aluno faz de sua imagem em sala. mantenha sua agenda de compromissos atualizada. As perguntas feitas normalmente mostram o interesse e participação ativa do aluno em classe”..