Você está na página 1de 2

Cndido Portinari, Retirantes, 190 X 180 cm, 1944, leo sobre tela

Cndido Portinari considerado um dos maiores pintores do sculo XX por ser o criador de uma pintura caracteristicamente nacional. Retratou, com traos expressionistas e cubistas, a tragdia e o sofrimento humano. Em Retirantes, obra da srie que leva o mesmo nome, o artista nos apresenta toda a dramaticidade de seres miserveis, flagelados da seca, que cruzavam o pas a p na primeira metade do sculo XX, em busca de uma vida melhor. Atravs de figuras esquematizadas, linhas vigorosas e cores escurecidas, o artista apresenta um universo singular: vida-morte, memria-criao, sagradoprofano, arte-histria. Ainda hoje, os seres humanos so levados a migrar, as razes podem ser diferentes, mas as questes sociais continuam as mesmas. Drummond nos diz: A obra de Portinari atinge a beleza de um cntico autoral sobre as misrias do mundo, e particularmente de seu pas. testemunho e resgate (...). Alm das questes temticas, esta obra permite o trabalho sobre a representao da figura humana, o uso das cores e da dramaticidade obtida pela composio.
BENTO, Antnio. Portinari, Rio de Janeiro: Lo Cristiano Editorial Ltda, 2003.

Iber Camargo, Solido, 1994, 200 X 400 cm, leo sobre tela, Srie Os Idiotas

Expresso A expresso dramtica - com traos esquemticos, deformados, fortes, pungentes, que escondem muito mais do que revelam - nos d o que a obra de Iber Camargo tem de mais significativo: uma verdade profunda, que cobre com um vu as misrias do cotidiano. Uma busca que nunca chega ao fim, uma fuga para um lugar inatingvel, uma conscincia demasiadamente humana da morte iminente.

Sebastio Salgado, Refugiados nos campos etopes de Korem,1984, fotografia, Srie xodos

Humanidade Diferentes lnguas, culturas, crenas, mas uma s raa: a humana. Sobreviventes em um mundo cheio de mazelas, crueldade, injustia, tragdia e dor. Todos no fundo querem o mesmo: escapar da morte e alcanar uma felicidade nem sempre possvel.

Colagem de algumas adaptaes da obra Morte e Vida Severina (capa de livro, vdeo, ilustraes, quadrinhos), de Joo Cabral de Melo Neto

Linguagem Morte e Vida Severina uma verso audiovisual da obra prima de Joo Cabral de Melo Neto, adaptada para os quadrinhos pelo cartunista Miguel Falco. Trs linguagens diferentes - Poesia, Quadrinhos, Vdeo abordando a mesma temtica: o homem lutando contra a seca, a fome e a morte, em busca de uma vida melhor. Vdeo Disponvel em: http://tvescola.mec.gov.br/index.php?optio=com _content&view=article&id=715:morte-vida-severina&catid=105:outraspublicacoes
http://cmapspublic.ihmc.us/rid=1K3L7LMX8-TL3SB72TLV/soniamaris_prof_pesq_curador_2012.cmap

SONIA MARIS RITTMANN EEEBP Gentil Viegas Cardoso http://plurissignificacao.blogspot.com/ soniamarys@hotmail.com

Você também pode gostar