Você está na página 1de 12
PREFE ITURA MUNICIPAL DE VIDEIRA Edital d e Concurso Público nº 001/2012 suas atribuições, e

PREFE ITURA MUNICIPAL DE VIDEIRA

Edital d e Concurso Público nº 001/2012

suas atribuições,

e com fundamento no Con trato de Prestação de Serviços nº. 91/2012, celebrado com a

Empresa INTELECTUS

01.635.784/0001-97, com sede na Rua Orides Schwartz, nº 198, munic ípio de Brusque,

SC empresa vencedora da abertura das inscrições e

torna público a

CNPJ:

O Prefeito Municipal de Vi deira, Estado de Santa Catarina, no uso de

INSTITUTO

DE

DESENVOLVIMENTO

LTDA,

Licitação – Tomada de Preços nº 08/2012,

estabelece normas para a realização do C oncurso Público,

destinado a selecionar can didatos para provimento de cargos do qua dro funcional da Prefeitura do Município d e Videira, e que será supervisionado pela C omissão Interna

nº 470/12, de 17

da Prefeitura nomeada par a o certame, designada através da Portaria de abril de 2012.

1 – DAS DISPOSIÇÕES PRE LIMINARES

1.1

– O Concurso Público

destina-se a selecionar candidatos para o

provimento de

cargos do quadro funciona l da Prefeitura Municipal de Videira.

1.2

– O Concurso Público , será regido pela Legislação que trata da

matéria e pelas

normas definidas por este Edital, seus anexos, e eventuais retificações, caso existam.

1.3 – O certame terá cará ter seletivo, eliminatório e classificatório, c onforme normas

estabelecidas neste Edital. 1.4 – O certame será

DE

DESENVOLVIMENTO LTDA, vencedora da Licitação Tomada de Preços n º. 08/2012, com sede na Rua Orides Schwar tz, 198, município de Brusque – SC.

1.5 – Toda a menção a ho rário, neste Edital, terá como referência o h orário oficial de

Brasília.

realizado

pela

Empresa

INTELECTUS

INSTITUTO

2 – DA DIVULGAÇÃO DO E DITAL

2.1 – A divulgação oficial

feito por meio de Edit ais e/ou Anúncios publicados nos segui ntes meios de

comunicação e locais, obe decendo ao cronograma das etapas conform e anexo V.

2.1.1 – Mural da Prefeitura

nº. 188, Videira–SC, Diário Oficial dos Municípios (www.diariomunicipa l.sc.gov.br), Site da Prefeitura Municipal de Videira (www.videira.sc.gov.br).

Manoel Roque,

de todas as etapas do processo do Concu rso Público será

Municipal de Videira, com sede na Avenida

2.1.2 – No site da empresa executora do Concurso Público www.intele ctussc.com.br ;

2.1.3 – O extrato do Edital do Concurso Público será publicado em jor nal de circulação

local e estadual.

2.2 – É de responsabilidad e exclusiva do candidato o acompanhament o das etapas do

certame nos meios de com unicação citados no item 2.1.

3 – DAS CONDIÇÕES PARA A INSCRIÇÃO E PREENCHIMENTO DAS VAG AS

posteriormente e que atende às

condições abaixo especific adas, tendo em vista que os documentos s omente deverão

3.1 – Para se inscrever no

quando solicitado, que po ssui a documentação exigida para o cargo

Concurso o candidato deverá comprovar,

ser apresentados ou com provados no ato de posse no cargo apr ovado, por este

ser apresentados ou com provados no ato de posse no cargo apr ovado, por este certame, ou seja:

a) Ser brasileiro nato ou na turalizado;

b) Gozar dos direitos políti cos;

c) Estar quite com suas obr igações eleitorais;

d) Estar quite com as o brigações do Serviço Militar, para os can didatos do sexo masculino;

e)

Ter idade mínima de 18 anos à época da posse;

 

f)

Ter

a

escolaridade

m ínima

exigida

para

provimento

do

cargo ,

bem

como

a

competente habilitação pe rante o órgão de classe;

g) Apresentar outros docu mentos que se fizerem necessários, à época de posse;

h) Conhecer e estar de aco rdo com as exigências contidas no presente Edital.

3.2 – A falta de comprovaç ão de qualquer um dos requisitos especifica dos neste Edital

impedirá a posse do candid ato.

4 – DOS PROCEDIMENTOS

PARA AS INSCRIÇÕES

Concurso Público deverão ser realizadas,

4.1 – As inscrições para o

endereço eletrônico www .intelectussc.com.br durante o período est abelecido neste

Edital, ou seja, a partir do

4.2 – Para os candidatos q ue não possuem acesso a Internet será dis ponibilizado um

Cunha, na Rua

Campos Novos, nº 135, ba irro Matriz de segunda a sexta-feira, no ho rário das 09:00h

às 11:00h e das 14:00h às 17:00h.

4.3 – Efetivada a inscriçã o não serão aceitos pedidos para alteraçã o de cargo, sob hipótese alguma. Por isso é de fundamental importância que o candid ato atente para o cargo pretendido.

4.4 – O candidato, após p reencher o formulário eletrônico de inscriçã o, disponível no

site oficial do certame, o u seja, www.intelectussc.com.br deverá im primir o boleto

vencimento do

via Internet, no

dia 02/05/2012 até o dia 28/05/2012.

Posto de Atendimento sit uado na Biblioteca Municipal Euclides da

bancário para pagamento prazo definido no próprio

4.4.1 – O sistema de inscri ção via Internet, permite ao candidato, dent ro do período de inscrição, emitir uma segu nda via do seu boleto bancário.

4.5 –

seguintes:

inscrições, para os cargos previstos nest e Edital são os

do valor referente à taxa de inscrição até o

boleto, preferencialmente nas agências do B anco do Brasil.

Os valores para as

Nível de Escol aridade

Valor

Superior

R$ 60,00

Médio

R$ 30,00

Fundamen tal

R$ 10,00

4.6 – A inscrição somente do boleto com código de b arras, pagável preferencialmente nas

4.6 – A inscrição somente

do boleto com código de b arras, pagável preferencialmente nas agênc ias do Banco do

Brasil. Qualquer outra form a de pagamento invalida a inscrição. 4.6.1 – É de responsabilid ade exclusiva do candidato observar os di as e horários de funcionamento da rede ba ncária credenciada para o pagamento de tax a de inscrição.

4.7 – Não serão aceitos p agamentos feitos após o prazo estabelecid o, nem acatados

depósitos em caixa rápido ou caixa eletrônico de auto-atendimento.

4.8 – O valor da inscrição,

de cancelamento ou suspe nsão do certame por decisão da Administraç ão Municipal.

4.9 – Caso o pagamento

qualquer motivo, a inscri ção do candidato não será aceita, podend o a INTELECTUS

tomar as medidas cabíveis.

4.10 – O comprovante de

candidato até o final do ce rtame.

4.11 – O candidato, ao e fetivar a inscrição, assume inteira respon sabilidade pelas

informações que fizer con star no formulário, emitido pela Internet, Lei.

4.12 – Não serão aceitas in scrições via postal, FAX e/ou outra forma nã o prevista neste

Edital.

de cargo ou de

quaisquer outras informaç ões ou documentos já fornecidos.

4.14 – As inscrições ef etuadas de acordo com o disposto nes te Edital serão

homologadas e publicadas no site oficial do Concurso www.intelectuss c.com.br, Diário

Oficial dos Municípios (ww w.diariomunicipal.sc.gov.br), e Site da Pref eitura Municipal de Videira (www.videira.s c.gov.br), significando que o candidato e stá habilitado a participar das demais etap as do Certame.

4.15 – Após a divulgação

comprovante definitivo d e inscrição (CDI), acessando a opção PESQ UISA LOCAL DE PROVA no site www.intele ctussc.com.br.

4.15.1 – É obrigação do c andidato conferir, no CDI, todos os seus da dos e, caso haja divergência, comunicar a o fiscal de sala no dia da prova ou, preferen cialmente antes dela, à INTELECTUS, no en dereço www.intelectussc.com.br

4.16 – Será encaminhado

dados de sua inscrição, o c argo para o qual se inscreveu, a data e local da realização da

prova (educandário/sala),

4.17 – Os candidatos que

retirar os dados no mesm o local respeitando o horário de atendim ento, conforme

consta no item 4.2 deste E dital.

4.18 – A inscrição no pres ente Concurso Público implica o conhecime nto e a expressa

aceitação das condições de

4.19 – Não será permitido transferir para outra pessoa, nem a inscriçã o e nem o valor

pago.

inteira

4.20

efetuaram sua inscrição no posto de atend imento deverão

dos locais de prova os candidatos pod erão imprimir o

4.13 – Efetivada a inscriçã o, não serão aceitos pedidos para alteração

sob as penas de

pagamento de inscrição deverá ser manti do em poder do

da taxa seja feito por cheque, e este fo r devolvido por

pago, não será devolvido em hipótese algum a, salvo no caso

será considerada válida após a constataçã o do pagamento

comunicado a cada candidato, por e-mai l informando os

com respectivo endereço e horário.

realização do Certame.

prestadas

no

– responsabilidade do cand idato, cabendo a INTELECTUS o direito d e eliminá-lo do Certame se o preenchimen to for feito com dados incorretos, bem com o se constatado

As

informações

requerimento

de

inscrição

são

de

posteriormente serem inv erídicas estas informações, assegurados o c ontraditório e a ampla defesa. 4.21

posteriormente serem inv erídicas estas informações, assegurados o c ontraditório e a ampla defesa.

4.21 – A Empresa INTELEC TUS não se responsabiliza por inscrições, v ia Internet, não

ordem técnica de computadores, falhas d e comunicação,

recebidas por motivos de

congestionamento de linh as de comunicação a que não tenha dado c ausa, bem como por outros fatores externo s que impossibilitem a transferência de dado s.

4.22 – Nos dias da realiza ção das provas, na hipótese de o nome d o candidato não

constar das listagens ofici ais relativas aos locais de provas, estabeleci dos no Aviso de

Convocação, a INTELECTU S procederá a inclusão do referido candid ato, através do

preenchimento de formulá rio específico, mediante a apresentação do comprovante de inscrição, assegurados o co ntraditório e a ampla defesa.

4.22.1 – A inclusão do cand idato será realizada de forma condicional e será confirmada

de julgamento das provas, com o intuit o de verificar a

pertinência da referida incl usão.

pela INTELECTUS, na fase

4.22.2 – Constatada a imp rocedência da inclusão a que se refere o i tem 4.22.1 esta

será cancelada independe nte de qualquer formalidade, considerados atos dela decorrentes, asse gurados o contraditório e a ampla defesa.

nulos todos os

5 – DAS INSCRIÇÕES AOS P ORTADORES DE DEFICIÊNCIA

5.1

– Às pessoas portadora s de deficiência é assegurado o direito de se

inscrever neste

Concurso Público, desde

com a deficiência de que s ão portadoras, conforme estabelecido no in ciso VII do artigo

37 da Constituição Federal e na Lei 7.853/1989.

que as atribuições do cargo pretendido sej am compatíveis

5.2 – Em obediência ao di sposto no art.37, parágrafos 1º. e 2º. do D ecreto 3.298 de

Decreto Federal no. 5.296 de 02/12/2004 q ue regulamenta

20/12/1999, alterado pelo

a

Lei 7.853/1989, aos cand idatos portadores de deficiência habilitados , será reservado

o

percentual de 5% (cinco

por cento) das vagas existentes ou que vie rem a surgir no

prazo estabelecido deste C oncurso Público.

5.3 – Consideram-se pesso as portadoras de deficiência aquelas que se enquadram nas

categorias discriminadas

alterado pelo Decreto Lei n o. 5.296, de 02/12/2004.

5.4 – As pessoas portado ras de deficiência participarão deste Conc urso Público em

igualdade de condições co m os demais candidatos no que se refere a o conteúdo das

provas, avaliação e critério s de aprovação, ao horário e local de aplica ção das provas e

a nota mínima exigida para

5.5 – No ato da inscriçã o, o candidato portador de deficiências q ue necessite de tratamento diferenciado n os dias do Concurso Público deverá requerê -lo, indicando as

condições diferenciadas d e que necessita para a realização das pr ovas (prova em braile, ampliada, ledor, etc .).

5.6 – O candidato portad or de deficiência que necessitar de tempo

realização das provas dev erá requerê-lo com justificativa acompanh ada de parecer emitido por especialista da área de sua deficiência.

adicional para a

de 20/12/1999,

no art. 4º. Do Decreto Federal no. 3.298,

os demais candidatos.

5.7 – O candidato portad or de deficiência deverá encaminhar via S EDEX/AR, Laudo

como prazo limite 1 (dia) útil após o en cerramento das

inscrições, emitido no pr azo máximo de 3 (três) meses que antece dem a data de encerramento das inscriçõ es, atestando a espécie e o grau de nível de deficiência com

Médico (original), tendo

expressa referência ao c ódigo correspondente da Classificação I nternacional de Doença – CID, bem

expressa referência ao c ódigo correspondente da Classificação I nternacional de

Doença – CID, bem como a

5.7.1 – O Laudo Médico d everá ser enviado para o endereço: INTELEC TUS, Rua Orides Schwartz, 198, CEP 88350- 500 – Bairro Guarani – Brusque (SC).

5.8 – O candidato portado r de deficiência que, no ato da inscrição, n ão declarar essa

condição, não poderá inter por recurso em favor de sua situação.

provável; causa da deficiência (envio obriga tório).

5.9

– As solicitações de c ondições especiais, bem como de recursos

especiais, serão

atendidas obedecendo aos critérios da viabilidade e da razoabilidade.

5.10

– Aos deficientes vis uais (cegos) que solicitarem prova especial

em braile, serão

oferecidas provas neste si stema e suas respostas deverão ser transcr itas também em

da aplicação da

prova, regle e punção, pod endo ainda utilizar-se de soroban. 5.10.1 – Aos deficientes v isuais (amblíopes) que solicitarem prova es pecial ampliada serão oferecidas prova ne sse sistema, com tamanho da letra corresp ondente a corpo

braile. Os referidos candid atos deverão levar, para esse fim, no dia

24.

5.11

– O candidato, porta dor de necessidades especiais, se aprovad o e classificado,

quando for chamado para a admissão, será submetido a uma junta mé dica oficial para

verificação da compatibili dade de sua deficiência com o exercício da s atribuições do Cargo.

5.12 – Na falta de candid atos aprovados para as vagas reservadas

deficiência, estas serão pr eenchidas pelos demais candidatos, com est rita observância da ordem de classificação.

a portadores de

6 – DAS PROVAS A SEREM APLICADAS, NORMAS E PROCEDIMENTOS

será realizado com a aplicação de PROV A OBJETIVA, de

caráter eliminatório e clas sificatório, para os candidatos a todos os ca rgos, PROVA DE APTIDÃO FÍSICA para os ca rgos de Professor de Educação Física, Instru tor de Capoeira

caráter classificatório e PROVA PRÁTICA pa ra os cargos de Pública; Motorista I – Veículos de Passeio ; Motorista II –

de Máquinas e

Equipamentos para Obras de Pavimentação; Operador de Monivelado ra; Operador de Retroescavadeira, Escavad eira Hidráulica e Pá-Carregadeira; Operad or de Trator de Esteira; Operador de Trat or de Pneus, Máquinas de Varrição de C apina Mecânica;

Borracheiro; Pedreiro; Pin tor Letrista; Carpinteiro; Marceneiro; Solda dor Mecânico e Técnico Eletricista, de cará ter classificatório e eliminatório.

6.2 – A PROVA OBJETIV A, para os cargos de Nível Fundamenta l incompleto e

completo (Auxiliar de Ser viços Gerais; Auxiliar Operacional; Agente d e Pavimentação

Pública; Borracheiro; Ca rpinteiro; Marceneiro; Motorista IV –

Caminhões e para Obras de

de Motoniveladora; Operador de R etroescavadeira,

Caminhonetes; Pedreiro; Pavimentação; Operador

6.1 – O Concurso Público

e Instrutor de Dança, de Agente de Pavimentação Ambulância; Motorista IV

– Caminhões e Caminhonetes; Operador

Operador de Máquinas e Equipamentos

Escavadeira Hidráulica e P á-Carregadeira; Operador de Trator de Estei ra; Operador de Trator de Pneus, Máquina s de Varrição de Capina Mecânica; Pintor Le trista e Soldador

últipla escolha,

Portuguesa, 5 (cinco) de Conhecimentos Ge rais e 20 (vinte)

de conhecimentos específi cos

sendo 5 (cinco) de Língua

Mecânico) terá 30 (trinta ) questões, com quatro alternativas de m

para os Cargos de Nível Médio (Motorist a I – Veículo de Pequenos; Motorista II

para os Cargos de Nível Médio (Motorist a I – Veículo de

Pequenos; Motorista II – Ambulância; Téc nico Eletricista e

alternativas de

múltipla escolha, sendo 5 ( cinco) questões de Língua Portuguesa, 5 (cin co) questões de

matemática, 10 (dez) que stões de Conhecimentos Gerais, e 20 (vin te) questões de Conhecimentos Específicos .

para os Cargos de Nível Médio (Agente A dministrativo II;

de Violoncelo;

Técnico em Informática; T écnico em Radiologia; Técnico em Seguran ça do Trabalho;

Técnico em Vigilância Sanit ária e Técnico de Enfermagem) terá 40 (qua renta) questões, com quatro alternativas d e múltiplca escolha, sendo 10 (dez) de Língu a Portuguesa, 5

(cinco) de Informática, Conhecimentos Específicos .

6.5 – A PROVA OBJETIVA p ara os cargos de Nível Superior (Advogado CREAS; Analista

de Atividades Turísticas Urbanista; Bibliotecário; Engenheiro Sanitarista e

Posturas; Fiscal de Trib utos Municipais, Fisioterapeuta; Instruto r de Capoeira,

Instrutor de Dança, Instr utor de Teatro; Professor - Área de Atuaçã o: Artes Ensino

Ensino Infantil e

Fundamental; Professor

Atuação: Ensino Fundam ental Séries Finais Disciplina: Língua Portu guesa; Professor

Fundamental Séries Finais Disciplina: Matem ática; Professor Fundamental Séries Finais Disciplina: Ciê ncias; Professor Fundamental Séries Finais Disciplina: His tória; Professor Fundamental Séries Finais Disciplina: Geo grafia; Professor Fundamental Séries Iniciais; Professor Á rea de Atuação:

Infantil e Fundamental; Pr ofessor - Área de Atuação: Educação Física

Área de Atuação: Educação Infantil; Profe ssor - Área de

20 (vinte) de

6.4 – A PROVA OBJETIVA,

Agente Social; Monitor d e Oficina de Violino; Monitor de Oficina

6.3 – A PROVA OBJETIVA,

Passeio, Vans e Utilitários Técnico de Agrimensura)

terá 40 (quarenta) questões, com quatro

5 (cinco) de Conhecimentos Gerais, e

e Culturais; Analista de Recursos Human os; Arquiteto e Bioquímico Farmacêutico; Engenheir o Agrimensor; Ambiental; Especialista em Museologia; Fi scal de Obras e

Área de Atuação: Ensino Área de Atuação: Ensino Área de Atuação: Ensino Área de Atuação: Ensino Área de Atuação: Ensino

Inglês; terá 55 (cinquent a e cinco) questões, com quatro alternati vas de múltipla

Língua Portuguesa, 10 (dez) de Informáti ca e 35 (trinta e Específicos.

6.5.1 – A relação das dis ciplinas (conteúdo programático) objeto d as perguntas da

PROVA OBJETIVA está desc rita no Anexo III deste Edital.

6.6 – A PROVA OBJETIVA, p ara todos os cargos terá duração de 4 horas .

6.7 – O candidato deverá

30 (trinta) minutos, do horário fixado pa ra o seu início,

com antecedência de até

munido de caneta esferog ráfica de tinta azul ou preta e, obrigatoriam ente, munido do

comprovante de inscrição

a entrada de candidatos ao local de realiz ação das provas

6.7.1 – Não será admitida

comparecer ao local designado para a realiz ação das provas

escolha, sendo10 (dez) de cinco) de Conhecimentos

definitivo e do documento de identidade co m foto recente.

após o horário fixado para o seu início. 6.7.2 – Serão considerad os documentos de identidade: carteiras

Comandos Militares, pela s Secretarias de Segurança Pública, pelo s institutos de identificação e pelos Co rpos de Bombeiros; carteiras expedida s pelos órgãos

fiscalizadores do exercício

expedidas pelos

profissional; passaporte, certificado de res ervista; carteiras

funcionais do Ministério P úblico; carteiras funcionais expedidas por ór gão público que, por lei federal, valham co mo identidade; carteira de trabalho; cart eira nacional de

habilitação (somente o mo delo novo, com foto).

6.7.3 – O documento de i dentificação pessoal apresentado deverá es tar em perfeitas condições,

6.7.3 – O documento de i dentificação pessoal apresentado deverá es tar em perfeitas condições, de forma a pe rmitir, com clareza, a identificação do can didato e de sua assinatura.

6.7.4 – Não serão aceito s como documentos de identificação o C PF, certidões de

nascimento, títulos eleitor ais, carteira de motorista (modelo antigo se

de estudante, carteiras fun cionais sem valor de identidade, nem cópias

de identificação, ainda que autenticadas, ou protocolos de entrega de

6.8 – O candidato que n ão apresentar documento de identidade o ficial, na forma

m foto), carteiras de documentos documentos.

definida no item 6.7.2

deste

Edital,

não

poderá

fazer

as

provas e será

automaticamente eliminad o do Certame.

 

6.9

Caso

o

candidato

esteja impossibilitado de apresentar, no

dia da prova,

 

original conforme definido no item 6.7.2 , por motivo de

documento de identidade roubo ou perda, ocorrido

nos trinta dias anteriores à data da prova, de verá apresentar

documento que ateste o r egistro da ocorrência policial, bem como o utro documento

que o identifique. Neste compreendendo coleta de de ocorrências.

6.9.1 –

cujo

documento apresente dúv idas quanto à fisionomia e/ou à assinatura d o portador.

6.10 – Ao receber o cart ão resposta, quando entrar na sala, o c andidato deverá

conferir os dados nele con stantes e assiná-lo.

6.11 – Não haverá segunda

alegação, acarretará a eliminação do cand idato faltoso do

chamada para a PROVA OBJETIVA. O não c omparecimento,

por qualquer que seja a Certame.

data e horários

estabelecidos neste Edital.

6.13 – O candidato deverá

mínimo 1 (uma) hora, apó s o início das provas.

6.14 – Não haverá, por

aplicação da PROVA OBJET IVA.

6.15 – No dia da realização

previsto para a

permanecer obrigatoriamente no local da s provas por, no

6.12 – É vedado ao candid ato prestar a prova objetiva fora do local, ou

caso o candidato será submetido a identi ficação especial, assinatura e de impressões digitais em fo rmulário próprio

especial

também

poderá

ser

exigida

do

candidato

A

identificação

qualquer motivo, prorrogação do tempo

das provas, não serão fornecidas, por qual quer membro da

equipe de aplicação da pr ova, pelos fiscais e/ou autoridades present es, informações

referentes ao conteúdo e/ ou critérios de avaliação e de classificação.

que, durante a

realização da prova:

a) Usar, ou tentar usar, me ios fraudulentos ou ilegais para a sua realiza ção.

b) For surpreendido dando ou recebendo auxílio na resolução da prova .

c) Utilizar-se de anotações,

d) Utilizar, ou deixar li gados, quaisquer equipamentos eletrôni cos/digitais que

permitam o armazename nto ou a comunicação de dados e informa ções, tais como:

bip, telefone celular, wa lkman, agenda eletrônica, notebook, pal mtop, receptor,

gravador, pager. Assim ta mbém fazer uso de régua de cálculo, livros, equipamentos semelhante s.

e) Faltar com a devida

calculadoras ou

6.16 – Será automaticam ente eliminado do Certame o candidato

impressos ou qualquer outro material de co nsulta.

postura e respeito para qualquer membr o da equipe de

aplicação das provas, auto ridades presentes e demais candidatos prese ntes.

f) Afastar-se da sala, a qual quer tempo, sem o acompanhamento de fis cal.

g) Afastar-se da sala, dur ante a prova, portando o Cartão Resposta Questões. h) Descumprir

g) Afastar-se da sala, dur ante a prova, portando o Cartão Resposta Questões. h) Descumprir as instruçõe s contidas no Caderno de Questões. i) Perturbar, de qualquer m odo, a ordem dos trabalhos.

6.17 – Não será pontuada a QUESTÃO que tiver mais de uma alternati va assinalada ou

que contiver emenda ou r asura.

ou Caderno de

6.18 – O candidato dever á transcrever as respostas da prova objetiv a para o Cartão

Respostas, que será o úni co documento válido para a correção. O pr eenchimento do

Cartão Respostas é de inte ira responsabilidade do candidato, que dev erá preenchê-lo

em conformidade com a s instruções específicas contidas na capa Questões.

6.18.1 – Não haverá substi tuição do Cartão Respostas por erro do cand idato.

6.19 – Ao terminar a P rova Objetiva o candidato entregará ao

obrigatoriamente, o Cart ão Respostas, juntamente com o Cadern o de Questões (Prova).

6.20 – AS PROVAS DE APT IDÃO FÍSICA E PROVA PRÁTICA serão aplica das no domingo

posterior ao da PROVA OB JETIVA em locais a serem determinados e p ublicados no site

e no Site da Prefeitura Municipa l de Videira

(www.videira.sc.gov.br), a partir das 9 (nove) horas.

minados, para cada Cargo, os candidatos se rão atendidos a

partir das 8h15 (oito hora s e quinze minutos) e a aplicação da PROV A será feita por ordem de chegada.

6.20.2 – Ao chegar ao loca l de PROVA PRÁTICA ou APTIDÃO FÍSICA o c andidato deverá

se dirigir ao Fiscal respons ável, munido de documento de identidade , conforme item 6.7.1 do Edital, para preen chimento de seu nome na listagem de orde m de sequência para a aplicação da PROVA .

6.20.1 – Nos locais deter

oficial do Concurso

Sala,

do Caderno de

Fiscal

da

6.21

– A PROVA DE APTI DÃO FÍSICA para o Cargo de Professor de

Educação Física,

Instrutor de Capoeira e

Instrutor de Dança, será composta de 4

(quatro) testes,

conforme conteúdo descri to no Anexo III.

para os cargos descritos no item 6.1 do Edita l será composta

de 5 (cinco) questões, sobr e práticas e simulações de tarefas inerentes ao Cargo.

6.22.1 – Na aplicação da P ROVA PRÁTICA, quando do uso de equipam ento de elevado

valor e condições de se gurança que podem significar risco a saú de, poderá ser

procedida a imediata ex clusão do candidato, quando demonstrar necessária capacidade par a o seu uso correto.

não possuir a

6.22 – A PROVA PRÁTICA,

PESO DAS PROVAS, CLASSIFICAÇÃO E EL IMINAÇÃO DOS

CANDIDATOS 7.1 – A PROVA OBJETIVA t erá caráter eliminatório e classificatório, est ando aprovados apenas os candidatos que obtiverem 40% (quarenta por cento) dos po ntos, nos cargos

por cento) dos

7 – DA PONTUAÇÃO /

de Nível Fundamental In completo e Completo, e 50% (cinquenta pontos para os cargos de N ível Médio e Superior.

7.2 – Na PROVA OBJETIV A cada questão certa receberá 1 (um) p onto, que será

no anexo IV do

multiplicado pelo respecti vo peso, conforme critérios estabelecidos Edital.

7.3 – À PROVA DE APTID ÃO FÍSICA, para o cargo de Professor de Instrutor

7.3 – À PROVA DE APTID ÃO FÍSICA, para o cargo de Professor de

Instrutor de Capoeira e In strutor de Dança, será atribuída nota 2,5

a nota máxima. Em não sendo concluído o t este, não haverá

pontuação para o mesmo. 7.3.1 – A Prova de Aptid ão Física para o Cargo de Professor de

Educação Física,

Instrutor de Capoeira e I nstrutor de Dança, será aplicada aos 30 (t rinta) primeiros candidatos aprovados na P ROVA OBJETIVA.

7.3.2 – O conteúdo da prov a de Aptidão Física está descrito no Anexo II I do Edital.

será atribuído até 2 (dois) pontos para c ada questão em

função da habilidade demo nstrada e qualidade na execução.

7.5 – Serão classificados pa ra participar da PROVA PRÁTICA:

a)- Nos cargos de Agent e de Pavimentação Pública, os 40 (quar enta) primeiros classificados na Prova Obje tiva.

b)- Nos cargos de Borrach eiro, Carpinteiro, Marceneiro, Pedreiro, Pi ntor Letrista, os primeiros 20 (vinte) classif icados na Prova Objetiva. c)- Nos cargos de Moto rista I os 60 (sessenta) primeiros classifi cados na Prova

50 (cinquenta) primeiros classificados na P rova Objetiva; e

Objetiva, Motorista II os

Motorista IV os 60 (sessen ta) primeiros classificados na Prova Objetiva .

d)- Nos cargos de Operado r de Máquinas e Equipamentos para Obras d e Pavimentação

Motoniveladora

os 30 (trinta) primeiros cla ssificados na Prova Objetiva; Operador de R etroescavadeira,

os 20 (vinte) primeiros cla ssificados na Prova Objetiva; Operador de

7.4 – À PROVA PRÁTICA,

concluído, sendo 10 (dez)

Educação Física, para cada teste

Escavadeira Hidráulica e P á-Carregadeira os 40 (quarenta) primeiros

classificados na

Prova Objetiva; Operador

de Trator Esteira os 20 (vinte) primeiros

classificados na

Prova Objetiva; Operado r de Trator de Pneus, Máquinas de Va rrição e Capina

Mecânica os 40 (quarenta)

7.6 – Serão desclassificado s os candidatos que não atingirem 50 % (cin quenta) do total

da pontuação na prova prá tica.

7.7 – A NOTA FINAL será ca lculada pela fórmula apresentada no Anexo IV.

primeiros classificados na Prova Objetiva.

8 – DOS RECURSOS DOS C ANDIDATOS

interpor recurso nos prazos abaixo relacio nados, contados

da divulgação das seguinte s etapas:

a) Publicação Preliminar da s Inscrições – prazo de 01 (um) dia útil;

b) Questões e gabarito da

c) Pontuação da Prova de A ptidão Física – prazo de 02 (dois) dias úteis;

d) Pontuação da Prova Prá tica – prazo de 02 (dois) dias úteis;

e) Pontuação e Classificaçã o dos aprovados – prazo de 02 (dois) dias út eis.

8.2 – Os recursos deverão ser dirigidos, por escrito, via SEDEX/AR ou p essoalmente, ao

setor de Expediente da P refeitura Municipal de Videira, na Av. Ma noel Roque, nº

constantes no

formulário de recursos c om a especificação do objeto do recurso , exposição dos motivos e fundamentação circunstanciada, no período estabelecido no Anexo V.

8.2.1 – A comprovação do encaminhamento do recurso, no caso de en vio pelo correio,

pessoalmente o

188, na cidade de Videi ra, SC , preenchendo todos os requisitos

8.1 – O candidato poderá

PROVA OBJETIVA – prazo de 02 (dois) dias út eis;

será o Aviso de Recebime nto, e no caso de interposição de recurso comprovante de abertura de processo administrativo.

8.2.2 – Admitir-se-á um ún ico recurso para as questões da PROVA OBJ ETIVA, para

8.2.2 – Admitir-se-á um ún ico recurso para as questões da PROVA OBJ ETIVA, para cada

candidato; o mesmo critér io deverá ser seguido para as PROVA DE A PTIDÃO FÍSICA E PRÁTICA.

8.2.3 – Não serão aceitos r ecursos enviados por fax ou outro meio elet rônico.

dos recursos sobre o gabarito das que stões da Prova

8.3 – Após o julgamento

anuladas serão

Objetiva, os pontos corr espondentes às questões eventualmente atribuídos a todos os candi datos indistintamente.

8.4 – Eventuais alterações de gabarito, após análise dos recursos, serã o divulgadas no

site www.intelectussc.com .br e www.videira.sc.gov.br.

recursos que não atenderem aos dispositiv os estabelecidos

neste Edital, bem como re cursos intempestivos.

8.5 – Serão indeferidos os

8.6 – A Comissão Examin adora da INTELECTUS é a última instânci a para recursos,

sendo soberana em suas d ecisões, razão pela qual não caberão recurso s adicionais.

9 – DA CLASSIFICAÇÃO DO S APROVADOS

9.1 – A Classificação final

pontuação total obtida atr avés da utilização da fórmula apresentada n o Anexo IV.

adotados para o

desempate os seguintes cr itérios, pela ordem e na seqüência apresent ada a seguir:

a) Idade mais elevada de ntre os candidatos com 60 (sessenta) ano s ou acima, nos

termos do parágrafo único do Art.27 da Lei Federal nº 10.741/2003;

decrescente da

dos aprovados obedecerá a ordem numérica

9.1.1 – Em caso de iguald ade na pontuação final do Certame, serão

b)

Maior pontuação na pro va objetiva de conhecimentos específicos;

c)

Maior pontuação na pro va de conhecimentos gerais;

d)

Maior idade.

10

– DA PUBLICAÇÃO DOS RESULTADOS

10.1 – O gabarito prelimi nar, antes da análise dos recursos, será pu blicado na data

estabelecida no Cronogram a das etapas do Concurso, Anexo V.

10.2 – A Classificação Fina l será divulgada após a análise dos recurso s impetrados, e

não ensejerá novos recurs os.

11 – DO PROVIMENTO DA S VAGAS

11.1 – O provimento das

classificação dos candidato s aprovados.

11.2 – Os aprovados que

vagas de cada Cargo obedecerá rigorosame nte à ordem de

vierem ingressar no QUADRO DE PESSO AL da Prefeitura

Municipal de Videira esta rão sujeitos ao Plano de Cargo, Carreira

e Remuneração

vigentes, ao Regime Juríd ico vigente, e as Leis Complementares e

suas alterações,

inclusive com as que viere m a se efetivar após a publicação deste Edita l.

11.3 – Fica estabelecido

chamados, somente se dar á para os que atenderem às exigências a seg uir:

a) Ter sido aprovado e cla ssificado no Concurso Público, na forma es tabelecida neste

Edital.

b) Ter nacionalidade brasil eira ou nacionalizado.

c) Gozar dos direitos polític os.

que a posse no Cargo, para os candidat os aprovados e

e) Estar quite com as o brigações do serviço militar, para os apr ovados do

e) Estar quite com as o brigações do serviço militar, para os apr ovados do sexo

masculino.

ou licenciatura,

devidamente registrado, n a forma da lei, mediante apresentação de c ópia autenticada

do diploma e seu compr ovante de inscrição no órgão de classe d a sua profissão, quando for o caso.

g) Ter diploma de conclu são de curso de Nível Médio expedido po r instituição de

ensino reconhecida pelo

técnico, com a apresentaç ão de cópia autenticada e seu comprovante órgão de classe, quando fo r o caso.

h) Ter histórico de curso

por instituição de ensino r econhecida pelos órgãos competentes. i) Ter idade mínima de 18 a nos completada na data da posse.

j) Ter aptidão física e men tal para o exercício das atribuições do car go, comprovada

de ensino fundamental completo, ou incom pleto, expedido

f) Ter diploma de Curso S uperior concluído, em nível de graduação

Ministério da Educação, para os cargos de

nível médio ou de inscrição no

por junta médica do Muni cípio de Videira, mediante exames clínicos c omplementares, conforme legislação vigent e.

11.4 – Estará impedido de tomar posse o candidato que:

a) Deixar de comprovar

daqueles que vierem a ser estabelecidos na forma da Lei.

neste Edital e

qualquer um dos requisitos especificados

b)

Não possuir habilitação para o exercício do Cargo, na data da posse.

12

– DA HOMOLOGAÇÃO

E DA VALIDADE

12.1 – O resultado final ho mologado pelo Prefeito Municipal de Videir a será divulgado

por cargo e conterá os n omes dos candidatos aprovados, obedecen do à ordem de classificação. 12.2 – A validade do Co ncurso Público será de 2 (dois) anos a pa rtir da data de publicação da homologaçã o da classificação final, podendo ser prorro gado pelo prazo máximo de 2 (dois) anos, a critério da Administração Pública Municipal de Videira.

13 – DA CONVOCAÇÃO PA RA INGRESSO

de validade do Concurso Público, fica o cand idato aprovado,

obrigado a manter atual izado junto à Secretaria Municipal de A dministração da

Departamento de Expediente, seus dad os cadastrais e

endereço, sob pena de per der a vaga que lhe corresponderia quando d a convocação.

13.2 – Para a posse o cand idato deve satisfazer as condições definidas no Estatuto dos

Servidores Públicos do Mu nicípio de Videira e das definidas no item 9.3

13.2.1 – A não apresent ação de qualquer um dos documentos e xigidos e o não

das condições exigidas importará na exclu são do nome do

candidato da lista dos class ificados.

preenchimento de alguma

Prefeitura de Videira –

13.1 – Durante o período

deste Edital.

14 – DAS DISPOSIÇÕES FIN AIS

14.1 – A Administração P ública Municipal de Videira e a empresa I NTELECTUS não

assumem qualquer respon sabilidade quanto ao transporte, alojament o e alimentação dos candidatos quando da realização de todas as etapas previstas no C ertame.

se inscrever, ou

que não possa satisfazer t odas as condições enumeradas neste Edita l terá cancelada

14.2 – O candidato que fiz er qualquer declaração falsa ou inexata ao

que tenha sido aprovado nas provas ou t enha sido nomeado, assegurando o contrad itório

que tenha sido

aprovado nas provas ou t enha sido nomeado, assegurando o contrad itório e a ampla defesa.

14.3 – Havendo candidato s habilitados, todos os cargos oferecidos ne ste Edital, serão

obrigatoriamente, preench idos dentro do prazo de validade do Certa me, ressalvadas

da

Administração Pública Mu nicipal

14.4 – Todas as informaçõ es sobre o presente Concurso Público serã o divulgadas no

site www.intelectussc.co m.br e www.videira.sc.gov.br, cabendo, candidato a responsabilida de de manter-se informado.

14.5 – Os casos omissos

dirimidos pela Comissão d o Certame, nomeada pelo Prefeito Municipa l de Videira, em conjunto com a INTELECTU S.

pertinentes à realização deste Concurs o Público serão

no entanto, ao

as hipóteses de fatos

sua inscrição, e serão an ulados os atos dela decorrentes, mesmo

supervenientes,

devidamente

motivados

por

parte

15 – ÍNDICE DOS ANEXOS

Anexo I: Quadro de Cargo s/ Vencimento / Escolaridade / Carga Horá ria / Número de Vagas

Anexo II: Atribuição dos Ca rgos

Anexo III: Disciplinas / Con teúdo Programático da Prova Objetiva

Anexo IV: Quadro de Nota s / Peso / Fórmula para o Cálculo da Nota Fin al

Anexo V: Cronograma das Etapas do Concurso Público

Anexo VI: Modelo Folha de

Orientações

Videira, SC, 30 de abril de

2012.

WILMAR CARELLI Prefeito Municipal