Disciplina: Arquitetura de Computadores Professor: MsC.

Otávio Massashi Mine

Curso: Sistemas de Informação Turma: 2012/1 Faculdade Salesiana do Espírito Santo

1. Representação de Números fracionários O sistema de numeração normalmente utilizado é o sistema decimal, composto por um total de 10 algarismos, sendo: 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8 e 9. Neste, a base é igual a 10 – quantidade de algarismos diferentes – e seu dígito mais representativo é o 9. A necessidade de representação de números além dos inteiros, determinou formas de representação de números fracionários, onde a vírgula representa a divisão entre a parte inteira e a não-inteira. Desta forma, um número tal como 2,5 representaria uma porção inteira, igual a 2, e uma porção fracionária, 0,5. 1.1. Base decimal – noção de pesos Quando abstraímos da noção de base decimal, precisaríamos observar um determinado número, tal qual 381, como um conjunto de símbolos (algarismos), cuja quantidade precisaríamos calcular para entender. A noção de valores sobre a representação decimal se faz necessária para esclarecer o princípio básico para entendermos o funcionamento das conversões de base, mais adiante. Tomemos o número 381,796(10). Sabemos, por natureza, que tais algarismos representam um total de trezentas e oitenta e uma unidades inteiras e setecentos e noventa e seis milésimos de algo que gostaríamos de contar. Porém, para melhor entendimento, passaremos à decomposição de seus valores para esclarecer sua magnitude. Primeiro passo: listam-se as posições, começando da posição zero, mais à direita, no dígito menos representativo, até se alcançar o último dígito à esquerda, o algarismo mais representativo. Os números à direita da vírgula assumirão posições negativas. Segundo passo: listam-se os pesos das respectivas posições, dado pelo valor da base elevado à sua respectiva posição. Terceiro passo: multiplica-se cada algarismo pelo valor do peso de sua respectiva posição. Último passo: somam-se os valores obtidos. 3 Posições Pesos (Base posição) Algarismo x Peso 2 10² 3 x 10² 8 1 10¹ 8 x 10¹ 1, 0 10º 1 x 10º 7 -1 10-1 9 -2 10-2 6 -3 10-3 6 x 10-3 = 381,796

7 x 10-1 9 x 10-2

Assim, tem-se que o número 381,796(10) representam 381,796 unidades. 1.2. Outras bases – princípio aplicado Para as demais bases, o mesmo princípio se aplica: listam-se as posições, listam-se os pesos, multiplicam-se os algarismos pelos valores dos seus respectivos pesos das respectivas posições, e soma-se os valores para chegar à noção de quantidade em base decimal.

composto pelo último resultado. neste caso.796(10) para binário.032 7 -3 8-3 4 -4 8-4 (8) 6 x 8-1 2 x 8-2 7 x 8-3 4 x 8-4 0. Como já explicado o método das divisões. seguido dos valores dos restos das divisões. portanto.Por exemplo. . apenas composta pela parte decimal. O número resultante será lido do final para o início. o número 575. Já à parte fracionária será aplicado o método da multiplicação. Conversões 2. Terceiro. Base Decimal para outras bases: método das divisões Tomemos a conversão do número 381.0001 = 381. no número binário 101111101(2). Segundo.014 0.1. a base binária. multiplicamos o número pelo valor da base de destino. Dividiremos tal número em duas partes: a primeira é a inteira. determina-se o grau de precisão desejado. A segunda. Faremos as divisões até que o resultado seja menor que a base de destino.7961(10) 2.6274(8) representaria a seguinte quantidade: 5 Posição Pesos (Base posição) Algarismo x Peso 2 8² 5 x 8² 320 7 1 8¹ 7 x 8¹ 56 5 0 8º 5 x 8º 5 . de 381 unidades.2. 6 -1 8-1 0. 2.75 2 -2 8-2 0. Consideremos aqui como igual a 5 casas decimais de precisão. retira-se o valor do número inteiro e multiplica-se o resultado pela base de destino quantas vezes forem necessárias até se atingir a precisão desejada (em casas decimais) ou até que a porção decimal seja zerada. teremos a porção inteira composta por sucessivas divisões pela base de destino. 381 1 2 190 0 2 95 1 2 47 1 2 23 1 2 11 1 2 5 1 2 2 0 2 1 O número inteiro 381(10) resultará. conforme a seguir. igual a 2.796. O resultado inteiro desta primeira multiplicação será o primeiro dígito decimal já na base de destino. 0. Decimal fracionário para outras bases: método das multiplicações Primeiro.

O número 575.1100 = 0.11 = 0.7961(10) .592 valor 1 inteiro 0. temos que 381.2 deste documento.472 valor 1 inteiro = 0.11001(2). A conversão do número da base 8 para a base 10 já foi exibida no tópico 1. dado pelo valor da base elevado à sua respectiva posição. o número atingiu o total de 5 casas de precisão. mais à direita. até se alcançar o último dígito à esquerda.0001 = 381.2): 5 Posição Pesos (Base posição) Algarismo x Peso 2 8² 5 x 8² 320 7 1 8¹ 7 x 8¹ 56 5 0 8º 5 x 8º 5 . 1º passo: listam-se as posições.0.796(10).796 x2 1ª multiplicação 1. referente a 381(10). a porção inteira 101111101 (2).3. 3º passo: multiplica-se cada algarismo pelo valor do peso de sua respectiva posição. no dígito menos representativo.796(10) equivale finalmente a 101111101.1 Assim. 2. já que o valor da parte fracionária não atingiu o zero.75 2 -2 8-2 0.014 0.6274(8) seria convertido da seguinte maneira (conforme item 1. equivalente a 0.retira-se a porção inteira x2 2ª multiplicação 1. Para obter o valor final.110 = 0.184 .retira-se a porção inteira x2 3ª multiplicação 0. Conseguiu-se. 2º passo: listam-se os pesos das respectivas posições. Outras bases para decimal: método polinomial Para conversão de qualquer número de outras bases para a base decimal.032 7 -3 8-3 4 -4 8-4 (8) 6 x 8-1 2 x 8-2 7 x 8-3 4 x 8-4 0. o algarismo mais representativo.11001(2).736 valor 0 inteiro x2 5ª multiplicação 1. Último passo: somam-se os valores obtidos.592 .368 valor 0 inteiro x2 4ª multiplicação 0. 6 -1 8-1 0. utiliza-se o método polinomial.11001 = 0. e 0. começando da posição zero.184 valor 1 inteiro 0. Os números à direita da vírgula assumirão posições negativas. então.

654(9) j) 654. O.101(2) h) 101010.1001(4) g) 100100. a) 1011101.011(16) l) 100100. X.EP(36) k) 1011101.36(7) s) FB1. 4. L. pede-se converter os seguintes números abaixo para a base hexadecimal e decimal.0A(16) e) 654.101(3) m) 101010..0A(16) e) 654.332421(5) t) BIA..1001(8) c) 101010.101(32) 3. 6.1001(8) c) 101010.332421(5) t) BIA. B. T. Considerando o alfabeto completo como um sistema numérico com 36 algarismos.. 7. 3. G.654(7) o) 0. 8. Converta os seguintes números abaixo para a base 2 (4 casas de precisão).011(8) b) 100100. 39 40 1.654(7) o) 0.011(12) l) 100100.1001(4) g) 100100. a) 1011101. A.36(7) s) FB1. 9.EP(36) k) 1011101.101(32) 4.TIA .57(8) s) FB1.1001(32) r) 101010. M. H. a) 1011101.101(8) d) 1020.011(4) f) 1011101..36(9) i) 1020.1001(16) m) 101010.011(8) b) 100100. 14 15 16 0 1 2 . N.101(16) 2.36(7) n) 731.011(16) q) 100100. F. a) PAI. W.Exercícios 1.101(4) h) 101010.011(2) f) 1011101. 2.654(9) j) 654. J. 1. D.36(9) i) 1020.011(8) b) 100100. Z. a saber 0.101(4) h) 101010. Q. K.101(12) n) 731.101(16) n) 731.011(32) q) 100100.654(7) o) 0.1001(2) g) 100100. V.1001(16) r) 101010. S.MAE b) TIO. Y. Converta os seguintes números abaixo para a base 16 (4 casas de precisão). equivalentes à numeração decimal de 0 até 40. C.332421(5) t) BIA. Construa a tabela de números das bases 2 até a base 16. Número\Base 2 3 4 .1001(12) m) 101010.1001(8) c) 101010.1001(3) l) 100100.36(9) i) 1020.011(4) f) 1011101. Converta os seguintes números abaixo para a base 10 (4 casas de precisão).011(3) k) 1011101. E.0A(21) e) 654.101(8) d) 1020. R. 5.011(32) q) 100100.57(8) p) 1011101.101(8) d) 1020. P. I.57(8) p) 1011101.1001(32) r) 101010.654(9) j) 654. U.EP(36) p) 1011101. com um máximo de 4 casas de precisão.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful