Você está na página 1de 3
Física I - Lista de Exercícios V CEFET-BA / UE - VITÓRIA DA CONQUISTA COORDENAÇÃO

Física I - Lista de Exercícios V

CEFET-BA / UE - VITÓRIA DA CONQUISTA COORDENAÇÃO DE ENGENHARIA ELÉTRICA

Trabalho e Energia

Ref.: Fundamentos de Física Vol.1 Halliday, Resnick e Walker, Caps.7 e 8.

1. Para empurrar uma caixa de 52 kg sobre um piso sem atrito, um operário aplica uma

força de 190 N, dirigida 22 o acima da horizontal. Se a caixa se desloca 3.3 m, qual é o trabalho executado sobre a caixa: (a) pelo operário, (b) pela força peso da caixa e

(c) pela força normal exercida pelo piso sobre a caixa?

2. Um objeto de 106 kg está inicialmente se movendo em linha reta com uma velocidade de 51.3 m/s. Se ele sofre uma desaceleração de 1.97 m/s 2 até ficar imóvel, (a) qual a intensidade da força utilizada, (b) qual a distancia que o objeto percorreu antes de parar e (c) qual o trabalho executado pela força de desaceleração?

(d) responda as perguntas dos itens anteriores para uma desaceleração de 4.8 m/s 2 .

3. Para empurrar uma caixa de 25 kg por uma rampa sem atrito, com uma inclinação de

27 o acima da horizontal, um operário aplica uma força de 120 N. Se a caixa se

desloca 3.6 m, qual é o trabalho executado sobre a caixa: (a) pelo operário, (b) pela força peso da caixa e (c) pela força normal exercida pelo piso da rampa sobre a caixa?

4. A figura ao lado mostra um conjunto de polias usado para facilitar o levantamento de um peso L. Suponha que o atrito seja desprezível e que as duas polias de baixo, às quais está presa a carga, pesem juntas 20 N. Uma carga de 840 N deve ser levantada 12 m. (a) Qual a força mínima F necessária para levantar a carga? (b) Qual o trabalho executado para levantar a carga até a altura de 12 m? (c) Qual o deslocamento da extremidade livre da corda? (d) Qual o trabalho executado pela força F para realizar esta tarefa? Figura referente ao problema 4

5. Uma arca de 50kg é empurrada por uma distância de 6 m, com velocidade constante, numa rampa com inclinação de 30 o por uma força horizontal constante. O coeficiente de atrito cinético entre a arca e a rampa é 0.20. (a) Calcule o trabalho realizado pela força aplicada. (b) Calcule o trabalho realizado pelo peso da arca. (c) Calcule o trabalho realizado pela força de atrito.

6. A figura ao lado mostra uma mola, cuja extre- midade livre está preso um ponteiro, colocada ao lado de uma escala graduada em milímetros. Três pesos diferentes são pendurados na mola, tal como ilustrado na figura. (a) Se não for pendurado peso algum em tal mola, qual será a indicação do ponteiro? (b) Quanto vale o peso do bloco W?

7. Se um foguete Saturno V com uma espaçonave Apolo acoplada possui uma massa

V com uma espaçonave Apolo acoplada possui uma massa Figura referente ao problema 6 total de
V com uma espaçonave Apolo acoplada possui uma massa Figura referente ao problema 6 total de

Figura referente ao problema 6

total de 2.9×10 5 kg e atinge uma velocidade de 11.2 km/s, qual a sua energia cinética nesse instante?

1

8. Uma força única age sobre um corpo que está se movendo em linha reta. A figura ao lado mostra o gráfico da velocidade em função do tempo para esse corpo. Determine o sinal (positivo ou negativo) do trabalho realizado pela força sobre o corpo nos intervalos AB, BC, CD e DE.

9. Uma mangueira de incêndio é desenrolada puxando-se horizontalmente uma de suas extremidades ao longo de uma superfície sem atrito com velocidade constante de 2.3 m/s. A massa de 1 m de mangueira é 0.25 kg.Qual a energia cinética fornecida para desenrolar 12m de mangueira?

10. Um homem que está apostando corrida com o filho tem a metade da energia cinética do garoto, que tem a metade da massa do pai. Esse homem aumenta a sua velocidade em 1 m/s e passa a ter a mesma energia cinética da criança. Quais eram as velocidades originais do pai e do filho?

11. Um caixote com uma massa de 230 kg está pendurado na extremidade de uma corda de 12 m de comprimento. Ele é empurrado com uma força horizontal variável F, até deslocá- lo de 4 m horizontalmente. (a) Qual o módulo de F quando o caixote se encontra na posição final? (b) Qual o trabalho total executado sobre o caixote? (c) Qual o trabalho executado pela corda sobre o caixote? (d) Qual o trabalho executado pelo peso do caixote?

12. Um bloco de 250 g é deixado cair sobre uma mola vertical com uma constante de mola k = 2.5 N/cm . A compressão máxima da mola produzida pelo bloco é de 12 cm. (a) Enquanto a mola está sendo comprimida, qual o trabalho executado pela mola? (b) Enquanto a mola está sendo comprimida, qual o trabalho executado pelo peso do bloco?

comprimida, qual o trabalho executado pelo peso do bloco? Figura referente ao problema 8 Figura referente

Figura referente ao problema 8

executado pelo peso do bloco? Figura referente ao problema 8 Figura referente ao problema 9 Figura

Figura referente ao problema 9

referente ao problema 8 Figura referente ao problema 9 Figura referente ao problema 11 Figura referente

Figura referente ao problema 11

referente ao problema 9 Figura referente ao problema 11 Figura referente ao problema 12 (c) Qual

Figura referente ao problema 12

(c) Qual era a velocidade do bloco quando se chocou com a

mola? (d) Se a velocidade no momento do impacto for multiplicada por dois, qual será a compressão máxima da

mola? Suponha que o atrito é desprezível.

13. Um carrinho de montanha russa sem atrito chega ao alto da primeira rampa da figura a seguir com velocidade v o . Qual a velocidade (a) no ponto A, (b) no ponto B e (c) no ponto C? (d) A que altura H chegara a ultima rampa, que é alta demais para ser ultrapassada?

a ultima rampa, que é alta demais para ser ultrapassada? Figura referente ao problema 13 14.

Figura referente ao problema 13

14. Um projétil de massa 2.4 kg é disparado para cima, do alto de uma colina de 125 m

de altura, com uma velocidade de 150 m/s e numa direção que faz 41 o com a horizontal. (a) Qual a energia cinética do projétil no momento em que é disparado?

(b) Qual a energia potencial do projétil no mesmo momento? Suponha que a energia

potencial gravitacional é nula na base da colina (y = 0). (c) Determine a velocidade

2

do projétil no momento em que atinge o solo. Supondo que a resistência do ar possa ser ignorada, as respostas acima dependem da massa do projétil?

15. A corda, da figura ao lado, tem L = 120 cm de comprimento e a distância d até o pino fixo P é 75 cm . Quando a bola é liberada, a partir do repouso na posição indicada na figura, descreve a trajetória indicada pela linha tracejada. (a) Qual a velocidade da bola quando está passando pelo ponto mais baixo da trajetória e (b) quando chega ao ponto mais alto da trajetória, depois que a corda toca no pino P?

16. Deixa-se cair um bloco de 2kg de uma altura de 40cm sobre uma mola cuja constante é k = 1960N/m . Determine a compressão máxima da mola. Figura referente ao problema 15 17. Uma mola pode ser comprimida 2 cm por uma força de 270 N . Um bloco de 12 kg de massa é liberado a partir do repouso do alto de um plano inclinado sem atrito cuja inclinação é de 30 o . O bloco comprime a mola de 5.5 cm antes de parar. (a) Qual a distância percorrida pelo bloco até parar? (b) Qual a velocidade do bloco no instante em que se choca com a mola? 18. Um pequeno bloco de massa m desliza sem atrito na pista da figura a seguir. (a) O bloco é liberado em repouso no ponto P. Qual a força resultante que age sobre ele no ponto Q? (b) De que altura em relação ao ponto mais baixo da pista o bloco deve ser liberado para que esteja na iminência de perder

deve ser liberado para que esteja na iminência de perder Figura referente ao problema 18 o
deve ser liberado para que esteja na iminência de perder Figura referente ao problema 18 o

Figura referente ao problema 18

o contato com a pista no ponto mais alto do semi-

círculo? 19. Um menino está sentado no alto de um monte hemisférico de gelo (a metade superior de um circulo) de raio R. Ele recebe um pequeníssimo empurrão e começa a

escorregar para baixo. Mostre que, se o atrito com o gelo puder ser desprezado, ele perde o contato com o gelo num ponto cuja altura é 2R/3. 20. O módulo da força de atração gravitacional entre duas partículas de massas m 1 e m 2

é dado por:

F(x) = G

m m

1

2

x

2

onde G é uma constante e x é a distância entre as duas partículas. (a) Qual é a forma funcional da energia potencial gravitacional U(x)? Suponha que U(x) 0 quando

x → ∞. (b) Qual o trabalho necessário para aumentar a distância entre as partículas de x a = x 1 para x b = x 1 + d ?

Respostas

1.

2.

W = 581.34 J, W = 0 nos demais casos.

208.82

273.56

432 J, -400 J, 0 J 215 N, 10.32 J, 48 m, 10.32 J 1979.22 J, -1470 J, -509.22 J 23 mm, 45.29 N 18.19 TJ positivo, nulo, negativo, positivo 7.935 J 2.41 m/s, 4.82 m/s 796.9 N, nulo, 1546.9 J -1.8 J, 0.294 J, 3.47 m/s, 0.23 m

N, 667.94 m, 188 kJ; 508.8 N, m, 139 kJ

3.

4.

5.

6.

7.

8.

9.

10.

11.

12.

3

13.

14.

15.

16.

17.

18.

19.

20.

V A = V 0 , V B = (V 0 2 +gh) 1/2 , V C = (V 0 2 +2gh) 1/2 , H = h + V 0 2 /2g 27 J, 2.94 J, V F = (V 0 2 +2gh) 1/2 4.84 m/s, 2.42 m/s 10 cm 34.7 cm,1.69 m/s (65) 1/2 mg, 5R/2 Demonstração!

U(x) = - G

m m

1

2

x

Conferir as respostas durante as aulas de exercícios.