Você está na página 1de 4
<a href=Como fazer uma análise SWOT Para fazer uma análise swot é necessário fazer previamente uma análise do mercado e da empresa. O termo SWOT é uma sigla oriunda do inglês, traduzindo: Forças (Strengths), Fraquezas (Weaknesses), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats). Esta análise divide-se em 4 quadrantes: Ameaças, oportunidades, pontos fracos (fraquezas) e pontos fortes (forças). As ameaças e as oportunidades estão ligadas ao mercado enquanto os pontos fracos e pontos fortes estão ligados à empresa. Oportunidades Qualquer sector do mercado onde a empresa pode conseguir vantagem competitiva.  Mercado em expansão  Novo mercado internacional  Novo segmento no mercado, com alta rendibilidade  Alianças estratégicas Ameaças Quando o ambiente exterior apresenta desafios criados por uma tendência ou evolução desfavorável.  Novos concorrentes  Guerras de preços de produtos  Introdução de novas tecnologias Forças ou pontos fortes da empresa Forças Organizacionais  Visão de liderança  Competência de gestão " id="pdf-obj-0-4" src="pdf-obj-0-4.jpg">

Para fazer uma análise swot é necessário fazer previamente uma análise do mercado e da empresa. O termo SWOT é uma sigla oriunda do inglês, traduzindo: Forças (Strengths), Fraquezas (Weaknesses), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats).

Esta análise divide-se em 4 quadrantes: Ameaças, oportunidades, pontos fracos (fraquezas) e pontos fortes (forças). As ameaças e as oportunidades estão ligadas ao mercado enquanto os pontos fracos e pontos fortes estão ligados à empresa.

Oportunidades

Qualquer sector do mercado onde a empresa pode conseguir vantagem competitiva.

Mercado em expansão

Novo mercado internacional

Novo segmento no mercado, com alta rendibilidade

Alianças estratégicas

Ameaças

Quando o ambiente exterior apresenta desafios criados por uma tendência ou evolução desfavorável.

Novos concorrentes

Guerras de preços de produtos

Introdução de novas tecnologias

Forças ou pontos fortes da empresa

Forças Organizacionais

Visão de liderança

Competência de gestão

Orientação empresarial

Forças de Marketing

Imagem de marca

Participação de mercado

Reputação dos produtos/serviços

Flexibilidade e adaptabilidade

Forças em Produção

Bons equipamentos

Economias de escala

Capacidade de inovação

Força de vendas eficiente

Forças em Finanças

Custo baixo de capital

Alta liquidez

Alta lucrativididade

Estabilidade financeira

Fraquezas ou pontos fracos da empresa

Falta de experiência

Falta de factores de diferenciação

Má qualidade na informação de mercado

Fraca visibilidade

A análise SWOT é de extrema importância, pois é importante conhecer mais aprofundadamente os vários aspectos internos e externos da empresa por forma a dar resposta a eventuais problemas detectados ou atacar os concorrentes nas fragilidades encontradas. Depois de analizados todos estes factores tem a sua análise concluída e depois é só tirar as suas conclusões. Não se esqueça que as ameaças dos outros podem ser oportunidades para si e as suas ameaças são oportunidades para os concorrentes.

Conceito de Análise SWOT

A Análise SWOT [em que o termo SWOT é uma sigla inglesa para Forças ou Pontos Fortes (Strengths), Fraquezas ou Pontos Fracos (Weaknesses), Oportunidades (Opportunities) e Ameaças (Threats)], cuja criação é atribuída a Kenneth Andrews e Roland Christensen, dois professores da Harvard Business School, consiste num modelo de avaliação da posição competitiva de uma organização no mercado. Essa avaliação da posição competitiva é efectuada através do recurso a uma matriz de dois eixos (o eixo das variáveis internas e o eixo das variáveis externas), cada um dos quais composto por duas variáveis:

pontos fortes (Strenghts) e pontos fracos (Weaknesses) da organização; oportunidades (Opportunities) e ameaças (Threats) do meio envolvente.

Ao construir a matriz a variáveis são sobrepostas, facilitando a sua análise e a procura de sugestões para a tomada de decisões, sendo uma ferramenta imprescindível na formação de Planos de Negócio e na definição de Estratégias.

Abaixo é efectuada a representação gráfica da matriz, com as sugestões genéricas para cada um dos quadrantes que a compõem.

Conceito de Análise SWOT A Análise SWOT [em que o termo SWOT é uma sigla inglesaHarvard Business School , consiste num modelo de avaliação da posição competitiva de uma organização no mercado . Essa avaliação da posição competitiva é efectuada através do recurso a uma matriz de dois eixos (o eixo das variáveis internas e o eixo das variáveis externas), cada um dos quais composto por duas variáveis: pontos fortes (Strenghts) e pontos fracos (Weaknesses) da organização ; oportunidades (Opportunities) e ameaças (Threats) do meio envolvente . Ao construir a matriz a variáveis são sobrepostas, facilitando a sua análise e a procura de sugestões para a tomada de decisões, sendo uma ferramenta imprescindível na formação de Planos de Negócio e na definição de Estratégias . Abaixo é efectuada a representação gráfica da matriz, com as sugestões genéricas para cada um dos quadrantes que a compõem. Para a construção da matriz são necessárias dois tipos de análises: por um lado uma análise interna e por outro uma análise externa. No caso da análise interna , esta permite identificar aspectos em que a organização apresenta pontos fortes e aspectos em que apresenta pontos fracos relativamente aos " id="pdf-obj-2-27" src="pdf-obj-2-27.jpg">

Para a construção da matriz são necessárias dois tipos de análises: por um lado uma análise interna e por outro uma análise externa. No caso da análise interna, esta permite identificar aspectos em que a organização apresenta pontos fortes e aspectos em que apresenta pontos fracos relativamente aos

seus concorrentes. Quanto à análise externa, esta consiste numa avaliação da envolvente da organização de forma a identificar oportunidades e ameaças com que esta se depara ou possa vir a deparar. Qualquer uma destas análise deverá ser efectuada não apenas numa perspectiva estática, mas também numa perspectiva dinâmica e permanente.