Aproveite esse podcast e muito mais

Não é preciso ter uma assinatura para acessar os podcasts. Eles são 100% gratuitos. Também oferecemos livros digitais, audiolivros e muito mais por apenas $11.99 mensais.

Como é o mercado de carbono e o que esperar dele?: No Brasil e no mundo, os créditos de carbono e o chamado mercado de carbono se tornaram figurinha repetida no noticiário sobre as mudanças climáticas. O pagamento pelas emissões e os créditos recebidos por quem faz o dever de casa estão na lista das iniciativas mais importantes para alcançar as metas do acordo de Paris, que demandam investimentos multibilionários. E os países enfrentam dificuldades para decidir como essa conta será paga. É nesse contexto que o funcionamento desse mercado é de grande importância. O problema é que, na prática, sua implementação, principalmente na condição de um sistema internacional de créditos de carbono, ainda é um grande desafio.
Entre os desafios para implementar o mercado internacional estão a definição do preço da tonelada de carbono, a contabilização das emissões e o gerenciamento dos fluxos financeiros. São questões-chave que foram discutidas durante a conferência do clima, em Glasgow, que termi

Como é o mercado de carbono e o que esperar dele?: No Brasil e no mundo, os créditos de carbono e o chamado mercado de carbono se tornaram figurinha repetida no noticiário sobre as mudanças climáticas. O pagamento pelas emissões e os créditos recebidos por quem faz o dever de casa estão na lista das iniciativas mais importantes para alcançar as metas do acordo de Paris, que demandam investimentos multibilionários. E os países enfrentam dificuldades para decidir como essa conta será paga. É nesse contexto que o funcionamento desse mercado é de grande importância. O problema é que, na prática, sua implementação, principalmente na condição de um sistema internacional de créditos de carbono, ainda é um grande desafio. Entre os desafios para implementar o mercado internacional estão a definição do preço da tonelada de carbono, a contabilização das emissões e o gerenciamento dos fluxos financeiros. São questões-chave que foram discutidas durante a conferência do clima, em Glasgow, que termi

DeAo Ponto (podcast do jornal O Globo)


Como é o mercado de carbono e o que esperar dele?: No Brasil e no mundo, os créditos de carbono e o chamado mercado de carbono se tornaram figurinha repetida no noticiário sobre as mudanças climáticas. O pagamento pelas emissões e os créditos recebidos por quem faz o dever de casa estão na lista das iniciativas mais importantes para alcançar as metas do acordo de Paris, que demandam investimentos multibilionários. E os países enfrentam dificuldades para decidir como essa conta será paga. É nesse contexto que o funcionamento desse mercado é de grande importância. O problema é que, na prática, sua implementação, principalmente na condição de um sistema internacional de créditos de carbono, ainda é um grande desafio. Entre os desafios para implementar o mercado internacional estão a definição do preço da tonelada de carbono, a contabilização das emissões e o gerenciamento dos fluxos financeiros. São questões-chave que foram discutidas durante a conferência do clima, em Glasgow, que termi

DeAo Ponto (podcast do jornal O Globo)

notas:
Duração:
26 minutos
Lançados:
22 de nov. de 2021
Formato:
Episódio de podcast

Descrição

No Brasil e no mundo, os créditos de carbono e o chamado mercado de carbono se tornaram figurinha repetida no noticiário sobre as mudanças climáticas. O pagamento pelas emissões e os créditos recebidos por quem faz o dever de casa estão na lista das iniciativas mais importantes para alcançar as metas do acordo de Paris, que demandam investimentos multibilionários. E os países enfrentam dificuldades para decidir como essa conta será paga. É nesse contexto que o funcionamento desse mercado é de grande importância. O problema é que, na prática, sua implementação, principalmente na condição de um sistema internacional de créditos de carbono, ainda é um grande desafio.
Entre os desafios para implementar o mercado internacional estão a definição do preço da tonelada de carbono, a contabilização das emissões e o gerenciamento dos fluxos financeiros. São questões-chave que foram discutidas durante a conferência do clima, em Glasgow, que terminou no começo de novembro. E alguns avanços importantes no sentido de regulamentar esse mercado foram conquistados. E o Brasil pode ser um dos maiores beneficiados, com estimativas de ganhos bilionários nos próximos anos. No Ao Ponto desta segunda-feira, que integra o projeto Um Só Planeta, Marina Mattar, integrante brasileira do comitê do Banco Mundial criado para discutir a precificação de carbono, explica como funciona esse mercado e os desafios para implementação do sistema que pode ser decisivo para neutralizar as emissões de gases que aceleram o aquecimento global.
Lançados:
22 de nov. de 2021
Formato:
Episódio de podcast

Títulos nesta série (40)

Aqui ninguém perde tempo, é direto ao ponto. O podcast do GLOBO, publicado de segunda a sexta-feira às 6h, aborda os principais temas do Brasil e do mundo, para que você compreenda tanto os desafios da economia e os trâmites da política, quanto as inovações tecnológicas e a efervescência cultural. É muito? Os jornalistas Carolina Morand e Roberto Maltchik, apresentadores do AO PONTO, encaram o desafio. A cada episódio eles recebem convidados para uma conversa sobre os acontecimentos mais relevantes do dia.