Aproveite esse podcast e muito mais

Não é preciso ter uma assinatura para acessar os podcasts. Eles são 100% gratuitos. Também oferecemos livros digitais, audiolivros e muito mais por apenas $11.99 mensais.

Malu Gaspar conta os bastidores da aproximação entre Lula e Alckmin: Até pouco tempo, Geraldo Alckmin e Luiz Inácio Lula da Silva só eram vistos em lados opostos, numa rivalidade que se consolidou ao longo dos últimos anos. São inúmeras as declarações duras de lado a lado. Em 2017, por exemplo, na convenção nacional do PSDB, o ex-governador de São Paulo lembrou dos escândalos de corrupção ligados ao PT: “Vejam a audácia dessa turma… depois de ter quebrado o Brasil, Lula diz que quer voltar ao poder. Ele quer voltar para a cena do crime.”. O reportório do ex-presidente também é farto: “Depois de doze anos no governo o resultado é que a maior quadrilha de gangues estava dentro da cadeia no governo dele”, disse Lula a Alckmin, no debate da disputa presidencial de 2006. Mas, na política, os cenários mudam e os adversários igualmente. Alckmin já está com um pé fora do PSDB. E estuda, com bastante interesse, a possibilidade de se aliar ao petista na disputa presidencial do ano que vem.
A de

Malu Gaspar conta os bastidores da aproximação entre Lula e Alckmin: Até pouco tempo, Geraldo Alckmin e Luiz Inácio Lula da Silva só eram vistos em lados opostos, numa rivalidade que se consolidou ao longo dos últimos anos. São inúmeras as declarações duras de lado a lado. Em 2017, por exemplo, na convenção nacional do PSDB, o ex-governador de São Paulo lembrou dos escândalos de corrupção ligados ao PT: “Vejam a audácia dessa turma… depois de ter quebrado o Brasil, Lula diz que quer voltar ao poder. Ele quer voltar para a cena do crime.”. O reportório do ex-presidente também é farto: “Depois de doze anos no governo o resultado é que a maior quadrilha de gangues estava dentro da cadeia no governo dele”, disse Lula a Alckmin, no debate da disputa presidencial de 2006. Mas, na política, os cenários mudam e os adversários igualmente. Alckmin já está com um pé fora do PSDB. E estuda, com bastante interesse, a possibilidade de se aliar ao petista na disputa presidencial do ano que vem. A de

DeAo Ponto (podcast do jornal O Globo)


Malu Gaspar conta os bastidores da aproximação entre Lula e Alckmin: Até pouco tempo, Geraldo Alckmin e Luiz Inácio Lula da Silva só eram vistos em lados opostos, numa rivalidade que se consolidou ao longo dos últimos anos. São inúmeras as declarações duras de lado a lado. Em 2017, por exemplo, na convenção nacional do PSDB, o ex-governador de São Paulo lembrou dos escândalos de corrupção ligados ao PT: “Vejam a audácia dessa turma… depois de ter quebrado o Brasil, Lula diz que quer voltar ao poder. Ele quer voltar para a cena do crime.”. O reportório do ex-presidente também é farto: “Depois de doze anos no governo o resultado é que a maior quadrilha de gangues estava dentro da cadeia no governo dele”, disse Lula a Alckmin, no debate da disputa presidencial de 2006. Mas, na política, os cenários mudam e os adversários igualmente. Alckmin já está com um pé fora do PSDB. E estuda, com bastante interesse, a possibilidade de se aliar ao petista na disputa presidencial do ano que vem. A de

DeAo Ponto (podcast do jornal O Globo)

notas:
Duração:
26 minutos
Lançados:
15 de dez. de 2021
Formato:
Episódio de podcast

Descrição

Até pouco tempo, Geraldo Alckmin e Luiz Inácio Lula da Silva só eram vistos em lados opostos, numa rivalidade que se consolidou ao longo dos últimos anos. São inúmeras as declarações duras de lado a lado. Em 2017, por exemplo, na convenção nacional do PSDB, o ex-governador de São Paulo lembrou dos escândalos de corrupção ligados ao PT: “Vejam a audácia dessa turma… depois de ter quebrado o Brasil, Lula diz que quer voltar ao poder. Ele quer voltar para a cena do crime.”. O reportório do ex-presidente também é farto: “Depois de doze anos no governo o resultado é que a maior quadrilha de gangues estava dentro da cadeia no governo dele”, disse Lula a Alckmin, no debate da disputa presidencial de 2006. Mas, na política, os cenários mudam e os adversários igualmente. Alckmin já está com um pé fora do PSDB. E estuda, com bastante interesse, a possibilidade de se aliar ao petista na disputa presidencial do ano que vem.
A decisão não tem data para ocorrer, mas pode ser anunciada apenas nos primeiros meses de 2022. Ao que tudo indica, porém, os dois lados levam a sério essa possibilidade. E o tom entre eles já é muito diferente. A própria presidente do PT, a deputada federal Gleisi Hoffman (SP), em entrevista ao GLOBO, deu o tom do novo momento: “Fomos adversários muito tempo, mas não somos inimigos querendo a destruição um do outro”. No Ao Ponto desta quarta-feira, a colunista Malu Gaspar conta os bastidores da articulação para que o tucano se incorpore à campanha petista e analisa os principais obstáculos para que essa aliança se concretize. O repórter Sergio Roxo, da sucursal de São Paulo, explica como está o clima entre os petistas diante do avanço das negociações, e o que Lula espera obter com uma chapa ao lado do ex-governador de São Paulo.
Lançados:
15 de dez. de 2021
Formato:
Episódio de podcast

Títulos nesta série (40)

Visualizar mais
Aqui ninguém perde tempo, é direto ao ponto. O podcast do GLOBO, publicado de segunda a sexta-feira às 6h, aborda os principais temas do Brasil e do mundo, para que você compreenda tanto os desafios da economia e os trâmites da política, quanto as inovações tecnológicas e a efervescência cultural. É muito? Os jornalistas Carolina Morand e Roberto Maltchik, apresentadores do AO PONTO, encaram o desafio. A cada episódio eles recebem convidados para uma conversa sobre os acontecimentos mais relevantes do dia.