Aproveite esse podcast e muito mais

Não é preciso ter uma assinatura para acessar os podcasts. Eles são 100% gratuitos. Também oferecemos livros digitais, audiolivros e muito mais por apenas $11.99 mensais.

'Quem há de vigiar o vigia?': Mário Sergio Cortella reflete sobre a implementação de câmeras nas fardas da Polícia Militar. 'Vigiar não é uma questão de desconfiança imediata, é uma garantia de que o caminho certo será trilhado e, se não for, será detectado', aponta ele. Cortella destaca a redução da letalidade policial e também de policiais mortos em serviço em São Paulo, após a implementação das câmeras: 'é um garantidor para o próprio agente da lei'.

'Quem há de vigiar o vigia?': Mário Sergio Cortella reflete sobre a implementação de câmeras nas fardas da Polícia Militar. 'Vigiar não é uma questão de desconfiança imediata, é uma garantia de que o caminho certo será trilhado e, se não for, será detectado', aponta ele. Cortella destaca a redução da letalidade policial e também de policiais mortos em serviço em São Paulo, após a implementação das câmeras: 'é um garantidor para o próprio agente da lei'.

DeAcademia CBN - Mario Sergio Cortella


'Quem há de vigiar o vigia?': Mário Sergio Cortella reflete sobre a implementação de câmeras nas fardas da Polícia Militar. 'Vigiar não é uma questão de desconfiança imediata, é uma garantia de que o caminho certo será trilhado e, se não for, será detectado', aponta ele. Cortella destaca a redução da letalidade policial e também de policiais mortos em serviço em São Paulo, após a implementação das câmeras: 'é um garantidor para o próprio agente da lei'.

DeAcademia CBN - Mario Sergio Cortella

notas:
Duração:
7 minutos
Lançados:
1 de jun. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Descrição

Mário Sergio Cortella reflete sobre a implementação de câmeras nas fardas da Polícia Militar. 'Vigiar não é uma questão de desconfiança imediata, é uma garantia de que o caminho certo será trilhado e, se não for, será detectado', aponta ele. Cortella destaca a redução da letalidade policial e também de policiais mortos em serviço em São Paulo, após a implementação das câmeras: 'é um garantidor para o próprio agente da lei'.
Lançados:
1 de jun. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Títulos nesta série (40)

Reflexões e provocações sobre o cotidiano e as relações humanas.