Aproveite esse podcast e muito mais

Não é preciso ter uma assinatura para acessar os podcasts. Eles são 100% gratuitos. Também oferecemos livros digitais, audiolivros e muito mais por apenas $11.99 mensais.

Como o efeito estufa agravou a enchente no Nordeste?: A tragédia provocada pela enchente no Recife, entre maio e junho, foi a maior desde 1975. Pelo menos 128 pessoas morreram, na repetição do drama enfrentado por moradores de outras cidades no Nordeste e no Sudeste do Brasil, também castigadas pelos efeitos dos extremos climáticos. A repetição cada vez mais frequente desses eventos encontra explicações na ciência. Um conjunto de fatores globais e localizados ajudam a compreender o que ocorreu este ano, como os fenômenos que aquecem a superfície dos oceanos. Porém, existe um fator externo, também estudado pela ciência, que participa dessa explicação: a ação humana, por meio da constante emissão de carbono na atmosfera, o que aumenta a temperatura de todo o planeta. E, pela primeira vez, 23 pesquisadores de instituições de Brasil, Holanda, França, Reino Unido e Estados Unidos comprovaram que atividades como queima de combustível fóssil e o desmatamento aumentaram em 20% o volume de chuv

Como o efeito estufa agravou a enchente no Nordeste?: A tragédia provocada pela enchente no Recife, entre maio e junho, foi a maior desde 1975. Pelo menos 128 pessoas morreram, na repetição do drama enfrentado por moradores de outras cidades no Nordeste e no Sudeste do Brasil, também castigadas pelos efeitos dos extremos climáticos. A repetição cada vez mais frequente desses eventos encontra explicações na ciência. Um conjunto de fatores globais e localizados ajudam a compreender o que ocorreu este ano, como os fenômenos que aquecem a superfície dos oceanos. Porém, existe um fator externo, também estudado pela ciência, que participa dessa explicação: a ação humana, por meio da constante emissão de carbono na atmosfera, o que aumenta a temperatura de todo o planeta. E, pela primeira vez, 23 pesquisadores de instituições de Brasil, Holanda, França, Reino Unido e Estados Unidos comprovaram que atividades como queima de combustível fóssil e o desmatamento aumentaram em 20% o volume de chuv

DeAo Ponto (podcast do jornal O Globo)


Como o efeito estufa agravou a enchente no Nordeste?: A tragédia provocada pela enchente no Recife, entre maio e junho, foi a maior desde 1975. Pelo menos 128 pessoas morreram, na repetição do drama enfrentado por moradores de outras cidades no Nordeste e no Sudeste do Brasil, também castigadas pelos efeitos dos extremos climáticos. A repetição cada vez mais frequente desses eventos encontra explicações na ciência. Um conjunto de fatores globais e localizados ajudam a compreender o que ocorreu este ano, como os fenômenos que aquecem a superfície dos oceanos. Porém, existe um fator externo, também estudado pela ciência, que participa dessa explicação: a ação humana, por meio da constante emissão de carbono na atmosfera, o que aumenta a temperatura de todo o planeta. E, pela primeira vez, 23 pesquisadores de instituições de Brasil, Holanda, França, Reino Unido e Estados Unidos comprovaram que atividades como queima de combustível fóssil e o desmatamento aumentaram em 20% o volume de chuv

DeAo Ponto (podcast do jornal O Globo)

notas:
Duração:
24 minutos
Lançados:
7 de jul. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Descrição

A tragédia provocada pela enchente no Recife, entre maio e junho, foi a maior desde 1975. Pelo menos 128 pessoas morreram, na repetição do drama enfrentado por moradores de outras cidades no Nordeste e no Sudeste do Brasil, também castigadas pelos efeitos dos extremos climáticos. A repetição cada vez mais frequente desses eventos encontra explicações na ciência. Um conjunto de fatores globais e localizados ajudam a compreender o que ocorreu este ano, como os fenômenos que aquecem a superfície dos oceanos. Porém, existe um fator externo, também estudado pela ciência, que participa dessa explicação: a ação humana, por meio da constante emissão de carbono na atmosfera, o que aumenta a temperatura de todo o planeta. E, pela primeira vez, 23 pesquisadores de instituições de Brasil, Holanda, França, Reino Unido e Estados Unidos comprovaram que atividades como queima de combustível fóssil e o desmatamento aumentaram em 20% o volume de chuvas na região Nordeste. Um dos participantes desse estudo foi o meteorologista brasileiro Lincoln Muniz Alves, pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe). No Ao Ponto desta quinta-feira, que integra o projeto Um Só Planeta, o cientista conta de que forma a equipe da qual faz parte chegou a essa conclusão. Lincoln Muniz Alves também explica como as mesmas conclusões foram obtidas em relação a outros extremos climáticos no mundo e revela avanços científicos têm permitido acompanhar as variações do clima de forma a prevenir catástrofes provocadas por enchentes e grandes períodos de estiagem.
Lançados:
7 de jul. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Títulos nesta série (40)

Visualizar mais
Aqui ninguém perde tempo, é direto ao ponto. O podcast do GLOBO, publicado de segunda a sexta-feira às 6h, aborda os principais temas do Brasil e do mundo, para que você compreenda tanto os desafios da economia e os trâmites da política, quanto as inovações tecnológicas e a efervescência cultural. É muito? Os jornalistas Carolina Morand e Roberto Maltchik, apresentadores do AO PONTO, encaram o desafio. A cada episódio eles recebem convidados para uma conversa sobre os acontecimentos mais relevantes do dia.