Aproveite esse podcast e muito mais

Não é preciso ter uma assinatura para acessar os podcasts. Eles são 100% gratuitos. Também oferecemos livros digitais, audiolivros e muito mais por apenas $11.99 mensais.

Após decisões de juros, BC e Fed sobem tom e reforçam combate à inflação

Após decisões de juros, BC e Fed sobem tom e reforçam combate à inflação

DeCNN Money


Após decisões de juros, BC e Fed sobem tom e reforçam combate à inflação

DeCNN Money

notas:
Duração:
18 minutos
Lançados:
22 de set. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Descrição

Em uma semana de mais de dez decisões sobre política monetária em bancos centrais ao redor do mundo, os movimentos de elevação de juros seguem nos holofotes.
Aqui no Brasil, o Banco Central (BC) saiu na frente em março do ano passado e já ensaia um encerramento do ciclo de altas.
Na decisão da última quarta, optou por manter a taxa Selic inalterada em 13,75% ao ano, embora a decisão não tenha sido unânime: dois diretores votaram por fazer uma última alta em 0,25 p.p. para, aí, sim, interromper o ciclo. 
Apesar de soar como uma boa notícia, o BC fez uma série de ressalvas em comunicado que sucedeu a reunião. O Fed, nos Estados Unidos, também fez um movimento semelhante: a alta de 0,75 p.p. em reunião não surpreendeu, mas a coletiva com o chair-man Jerome Powell, sim.
Nela, ele subiu o tom, remetendo ao discurso agressivo de Jackson Hole, e alertou que o BC norte-americano continuará a fazer novas altas para conter a escalada inflacionária.
Segundo análises dos dirigentes do Fed, é possível que o ciclo se encerre em 2023, com os juros beirando 4,6% ao ano.
Apresentado por Thais Herédia e Priscila Yazbek, o CNN Money apresenta um balanço dos assuntos do noticiário que influenciam os mercados, as finanças e os rumos da sociedade e das dinâmicas de poder no Brasil e no mundo.
 
Lançados:
22 de set. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Títulos nesta série (40)

Visualizar mais
O Abertura de Mercado é o podcast certo para quem quer começar o dia com as informações mais quentes do noticiário econômico. De segunda a sexta, no início da manhã, Fernando Nakagawa traz um boletim rápido com o que é mais importante na economia, mercados e negócios.