Aproveite esse podcast e muito mais

Não é preciso ter uma assinatura para acessar os podcasts. Eles são 100% gratuitos. Também oferecemos livros digitais, audiolivros e muito mais por apenas $11.99 mensais.

'Ata do Copom dá impressão de que ela foi escrita pela minoria': O Banco Central divulgou a ata da reunião do Copom, que decidiu, na semana passada, pela manutenção dos juros básicos em 13,75% ao ano. O documento revelou que dois membros que votaram por subir os juros em 0,25 ponto percentual - o que acabou não acontecendo. Alexandre Schwartsman avalia o conteúdo e ressalta que, mesmo com a decisão final, o Comitê pontua uma série de riscos econômicos. 'Há uma dissonância', observa.

'Ata do Copom dá impressão de que ela foi escrita pela minoria': O Banco Central divulgou a ata da reunião do Copom, que decidiu, na semana passada, pela manutenção dos juros básicos em 13,75% ao ano. O documento revelou que dois membros que votaram por subir os juros em 0,25 ponto percentual - o que acabou não acontecendo. Alexandre Schwartsman avalia o conteúdo e ressalta que, mesmo com a decisão final, o Comitê pontua uma série de riscos econômicos. 'Há uma dissonância', observa.

DeEconomia


'Ata do Copom dá impressão de que ela foi escrita pela minoria': O Banco Central divulgou a ata da reunião do Copom, que decidiu, na semana passada, pela manutenção dos juros básicos em 13,75% ao ano. O documento revelou que dois membros que votaram por subir os juros em 0,25 ponto percentual - o que acabou não acontecendo. Alexandre Schwartsman avalia o conteúdo e ressalta que, mesmo com a decisão final, o Comitê pontua uma série de riscos econômicos. 'Há uma dissonância', observa.

DeEconomia

notas:
Duração:
11 minutos
Lançados:
28 de set. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Descrição

O Banco Central divulgou a ata da reunião do Copom, que decidiu, na semana passada, pela manutenção dos juros básicos em 13,75% ao ano. O documento revelou que dois membros que votaram por subir os juros em 0,25 ponto percentual - o que acabou não acontecendo. Alexandre Schwartsman avalia o conteúdo e ressalta que, mesmo com a decisão final, o Comitê pontua uma série de riscos econômicos. 'Há uma dissonância', observa.
Lançados:
28 de set. de 2022
Formato:
Episódio de podcast

Títulos nesta série (40)

Comentários de Bruno Blecher, Carlos Alberto Sardenberg, João Borges, Míriam Leitão, Mara Luquet, Mauro Halfeld e Monica de Bolle, e também as colunas Call de Abertura, Conexão CBN-Época Negócios e Valor Econômico na CBN.