Segurança em eletricidade

SEGURANÇA EM ELETRICIDADE

Prof. Carolina Garreto

Introdução à segurança com eletricidade
• • • • Eletricidade Sistema Elétrico Trabalho em instalações elétricas Acidentes no trabalho – setor elétrico 20h (4h/semana)

DE ONDE VEM A ELETRICIDADE? DE QUE MANEIRA A ELETRICIDADE PODE SER OBTIDA?

ELETRICIDADE

• • • • • • •

Energia Solar Energia Mecânica Energia Química Energia Eólica Energia Térmica Energia Sonora Energia Nuclear (atômica)

• • • • • •

Usina Hidrelétrica Usina Termoelétrica Usina Nuclear Usina Eólica Pilha Dínamo

DEFINIÇÕES  Corrente (A)  é um fluxo de elétrons que circula por um condutor quando entre suas extremidades houver uma diferença de potencial. É a proporção entre tensão e corrente em um condutor É a produto entre tensão e corrente em um dispositivo     Tensão (V)  Resistência (Ω)  Potência (W)  ABNT Associação Brasileira de Normas técnicas  NBR – Normas produzidas pela ABNT   NR  Normas Regulamentadoras . É a diferença de potencial elétrico entre dois pontos.

SISTEMA ELÉTRICO GERAÇÃO TRANSMISSÃO DISTRIBUIÇÃO UTILIZAÇÃO (CONSUMO) .

.

). destacando os seguintes:   Instalação e manutenção de equipamentos e maquinários (turbinas. sistemas de medição. interface com a transmissão de energia elétrica.etc. . geradores. capacitores. chaves. transformadores. Os riscos na etapa de geração (turbinas/geradores) de energia elétrica são similares e comuns a todos os sistemas de produção de energia e estão presentes em diversas atividades. disjuntores.GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA  Características da geração se encerram nos sistemas de medição da energia usualmente em tensões de 138 a 750 kV.

realizados em subestações próximas aos centros de consumo. Essa energia é transmitida em corrente alternada (60 Hz).TRANSMISSÃO DE ENERGIA ELÉTRICA  Basicamente está constituída por linhas de condutores destinados a transportar a energia elétrica desde a etapa de geração até a etapa de distribuição.  . abrangendo processos de elevação e rebaixamento de tensão elétrica.

 A distribuição de energia elétrica aos clientes é realizada nos potenciais de 110.DISTRIBUIÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA É o segmento do setor elétrico que compreende os potenciais após a transmissão. . indo das subestações de distribuição entregando energia elétrica aos clientes.  A distribuição de energia elétrica possui diversas etapas de trabalho. 220 e 380 Volts até 23 kV. 127.   Pesquisar e trazer na próxima aula algumas etapas de trabalho na rede de distribuição.

Geração Transmissão e Distribuição .

1.2 .TRABALHOS EM INSTALAÇÕES ELÉTRICAS • Projeto • Construção • Montagem • Operação • Manutenção das instalações elétricas Aplica-se também a • Quaisquer serviços realizados nas proximidades das instalações elétricas 10.

de riscos ignoradas ou .  Consequência da “invisibilidade”:  exposição à situações subestimadas.ELETRICIDADE  Eletricidade:  fenômeno que escapa aos nossos sentidos. percepção apenas de suas manifestações exteriores.

2KV Até 1KV  Baixa tensão   Quais normas? NBR 5410 (baixa tensão)  NBR 14039 (média tensão)  Para Segurança. os níveis definidos na NR são os que valem!!!!! .NÍVEIS DE TENSÃO Para aplicação das NBRs  Para a Norma Regulamentadora   Alta tensão  Baixa tensão:   Acima de 36.2KV Até 1KV Acima de 1KV  Média tensão  Alta tensão: 1KV a 36.

cabe ao trabalhador que atua no Sistema Elétrico.ATENÇÃO!!!!  Com a evolução das tecnologias disponibilizadas à sociedade. observar e praticar os procedimentos relativos à prevenção de acidentes. . pois como se diz no ambiente laboral: “A Segurança é DEVER de Todos”.

No Brasil existem profissões: • Não regulamentadas • Regulamentadas .

O Estado regulamenta uma profissão se entender que seu exercício indiscriminado coloca em risco a sociedade .

LEGISLAÇÃO .

Normas ABNT • NBR 6533 – Estabelecimentos dos Efeitos da Corrente Elétrica do Corpo Humano • NBR 5410 – Instalações Elétricas em Baixa Tensão • NBR 14039 – Instalações Elétricas em Média Tensão • NBR 5418 – Instalações Elétricas em Atmosferas Explosivas • NBR 5419 – Proteção de Estruturas contra Descargas Atmosféricas • NBR 10622 – Ensaios Elétricos em Luvas Isolantes de Borracha .

NORMAS REGULAMENTADORAS NRs .

NRs • NR-5 – Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA • NR-6 – Equipamento de Proteção Individual • NR-17 – Ergonomia • NR-26 – Sinalização de Segurança • NR-10 – Instalações e Serviços em Eletricidade .

NR 10  Esta Norma Regulamentadora . direta ou indiretamente. . interajam em instalações elétricas e serviços com eletricidade. de forma a garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores que.NR .estabelece os requisitos e condições mínimas objetivando a implementação de medidas de controle e sistemas preventivos.

8 da NR-10 .CONDIÇÕES PARA AUTORIZAÇÃO DE TRABALHADORES QUALIFICAÇÃO X HABILITAÇÃO X CAPACITAÇÃO X AUTORIZAÇÃO Item 10.

expondo-se desnecessariamente a acidentes do trabalho. evitando-se que funcionários sem treinamento específico e de segurança venham a exercer atividades de risco.  .8 DA NR-10 Descreve detalhadamente como deve ser definido o trabalhador autorizado a trabalhar em instalações elétricas. Tornou-se Habilitado assim que se registrou no Conselho de Classe.O ITEM 10.  O profissional Qualificado completou com êxito seu curso de formação na área elétrica. reconhecido pelo Sistema Oficial de Ensino.

PROFISSIONAL HABILITADO “pode fazer” PROFISSIONAL QUALIFICADO “sabe fazer” .

trabalha sob a responsabilidade de profissional habilitado e autorizado. Com a anuência formal da empresa em que trabalham. e devidamente identificada em seus registros. eles estão Autorizados a exercer atividades em instalações elétricas. Esta capacitação só tem valor na empresa em que trabalha. . 2.JÁ O TRABALHADOR CAPACITADO 1. foi treinado por profissional habilitado e autorizado.

Martins/07 AUTORIZADOS 27 .FORMAÇÃO SISTEMA OFICIAL DE ENSINO NA EMPRESA QUALIFICADO Registro no Conselho Capacitação Específica dirigida e sob responsabilidade de Profissional Habilitado Autorizado HABILITADO CAPACITADO Sob supervisão de Habilitado e Autorizado Prof.

RISCOS EM INSTALAÇÕES E SERVIÇOS COM ELETRICIDADE O CHOQUE ELÉTRICO .

quando percorrido por uma corrente elétrica. .CHOQUE ELÉTRICO É uma perturbação acidental que se manifesta no organismo humano.

. .parada cardíaca.Contrações musculares.queimaduras.Asfixia etc. . .fibrilação ventricular.CHOQUE ELÉTRICO E SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA O SER HUMANO DIRETAS . .

. .CHOQUE ELÉTRICO E SUAS CONSEQUÊNCIAS PARA O SER HUMANO INDIRETAS .fraturas.traumatismos.Quedas de níveis elevados. . .perda de membros.batidas. .

.GRAVIDADE  Natureza da corrente (contínua/alternada). tais como:  Percurso da corrente pelo corpo. que varia segundo as condições ambientais.  Resistência do corpo humano à passagem da corrente elétrica.  Tempo de duração da passagem.  Freqüência. A gravidade do acidente está ligada às características físicas da corrente e condições do acidente.

a pessoa perde o controle dos músculos. sendo difícil abrir as mãos para se livrar do contato.  Com uma corrente de 10 mA.  .CORRENTE ELÉTRICA  O mínimo que uma pessoa pode perceber:  1 mA. O valor mortal está compreendido entre 10 mA e 3 A.

per-turbações circulatórias graves inclusive fibrilação ventricular. Contrações musculares.CORRENTE (mA) <1 PERTURBAÇÕES ESTADO APÓS SALVAMENTO PROVÁVEIS CHOQUE Nenhuma Sensação cada vez mais desagradável à medida que a intensidade aumenta. fibrilação ventricular Asfixia imediata. Sensação dolorosa. con-trações violentas. queimaduras graves RESULTADO FINAL Normal Normal 1a9 Normal Desnecessário Normal 9 a 20 Morte Aparente Respiração Artificial Restabeleciment o 20 a 100 Morte Aparente Respiração Artificial Restabeleciment o ou morte > 100 Morte Aparente Muito difícil Morte Aparente Praticamente ou imediata impossível Morte Vários Amperes Morte . contrações violentas. Sensação insuportável. perturbações circulatórias. Asfixia imediata.

QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS EFEITOS QUE UMA CORRENTE EXTERNA PODE PRODUZIR NO CORPO HUMANO? DICA: SÃO 4 PRINCIPAIS .

como por exemplo. etc). acontece o choque atmosférico que é o recebimento de descarga atmosférica. • .NATUREZA DO CHOQUE ELÉTRICO • O choque estático acontece com o contato com equipamentos que possuem eletricidade estática. porta metálica. Através do raio. um capacitor carregado (carro.

Este choque se dá devido a:  toque acidental na parte viva do condutor ou equipamento  toque em partes condutoras próximas aos equipamentos e instalações que ficaram energizadas acidentalmente por defeito. fissura ou rachadura da isolação  .NATUREZA DO CHOQUE ELÉTRICO  produzido por circuito energizado pelo contato com um elemento energizado.

TENSÃO DE TOQUE  é a diferença de potencial que um indivíduo é submetido quando em contato com partes acessíveis e condutoras simultaneamente (excluindo as partes vivas) durante uma falha de isolação .

TENSÃO DE PASSO  é a diferença de potencial aplicada sobre os dois pés de um indivíduo na distancia de um passo (convencionalmente 1 metro) durante uma falha de isolação. .

TENSÃO DE TOQUE TENSÃO DE PASSO .

. desde que a corrente passe a transitar com maior intensidade pelo coração.F F F N Os perigos do choque elétrico podem ser mais danosos ainda.

Vídeo .Choque elétrico .

Pesquise sobre medidas de controle do risco elétrico . Quais são os principais efeitos que uma corrente externa pode produzir no corpo humano? Pesquise sobre zona de risco elétrico.ATIVIDADES: • • • • • Pesquisar e trazer na próxima aula: Algumas etapas de trabalho na rede de distribuição.

por que a eletricidade pode ser mais perigosa ainda? Quais os níveis de atuação para os trabalhadores? Cite 2 exemplos de consequencias de choque elétrico direto e indireto. . Cite alguns tipos de “onde vem” a eletricidade. 7. 5. Como pode ser a natureza do choque elétrico? Diferencie tensão de toque e tensão de passo.ATIVIDADE AGORA!!!! 1. 8. 6. Quais são as partes de um Sistema elétrico de potência? Como estão divididos os níveis de tensão de acordo com a aplicação das NBRs? E de acordo com a NR10? Na sua opinião. 2. 4. 3.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful