Você está na página 1de 19

Universidade Estadual do Norte Fluminense Darci Ribeiro Centro de Biociências e Biotecnologia Licenciatura em Biologia Estágio Supervisionado I

Dalvania Pinho Domingues Fralini dos Santos Marcilio

Universidade Estadual do Norte Fluminense Darci Ribeiro Centro de Biociências e Biotecnologia Licenciatura em Biologia Estágio

Ministério da Saúde monitora 30 casos suspeitos de gripe suína no Brasil

O Globo

Saiba mais sobre a gripe suína Folha Online

Gripe suína não pode ser contida BBC- Brasil

No México, 81 mortes são suspeitas de gripe suína Último segundo

Ministério da Saúde monitora 30 casos suspeitos de gripe suína no Brasil O Globo Saiba mais

Ministério da Saúde confirma seis casos de gripe suína no Brasil

Do UOL Notícias

Ministério da Saúde monitora 30 casos suspeitos de gripe suína no Brasil O Globo Saiba mais

Qual é o agente causador da gripe suína?

O que ela tem em comum com Aids, com o sarampo, com a herpes, com a dengue e com a febre amarela?

Por que pegamos gripe mais de uma vez?

Qual é o agente causador da gripe suína? O que ela tem em comum com Aids,

Vírus

Vírus

OO que

que oo

rus?

rus?

SSããoo seserreess microscópi

microscópiccoos, s, que

que nãnãoo

organnizaizaçãçãoo celu

celulalarr sen

sendodo

ppossue

ossuemm orga

pport

ortaant

ntoo papararasi sittaass obobriga

rigattóórios.

rios.

O O que que sã sã o o ví ví rus? rus?  SSããoo seserreess microscópi

Como ssãoão foformado

Como

rmados?s?

Os

Os vvírus

írus ssããoo fforma

ormadodoss dede umumaa ccaappaa

pprot

rotéica

éica (( cacapspsídeo

ídeo )) que

que eenvnvol

olvvee ooss

ácácididosos nunuccléléicicooss pod

podendo

endo aapres

present

entaarr

eeststrut rutura

urass paparara fac

facili ilittaarr sua

sua

ppenet

enetraraçãçãoo nanass células.

células.

s s ão ão fo fo rmado Como  Os vvírus ssããoo fforma dede umumaa

PoPorr ququee ooss vírus

vírus nnããoo são

são

incluído

incl

uídoss emem nen

nenhum

hum reino

reino

biollóógico

bio

gico??

Por

Por nãnãoo sserem

erem for

forma

mados

dos por

por células

células

ee nãnãoo con

consegui

seguirreemm sese repr

reproduzi

oduzirr ssemem

ma ccél

élula

ula hhospe

ospedeira

uuma

deira..

Po Po r r qu qu e e o o s s vírus n n ã

Como osos

Como

vírus

rus ssee

reproduz

repr

oduzem?

em?

PaParara ssee repro

reproduzir

duzir umum vvírus

írus nnececeessit

ssitaa

ddee uma

uma célul

célulaa hos

hospedeira,

pedeira, ele

ele ffixixaa-se

-se

aa ela

ela peperfura

rfura susuaa membra

membranana

pplalasmá

smáttiiccaa ee iinjet

njetaa oo seu

seu mmat

ateria

eriall

ggenét

enético.

ico.

HáHá vírus

vírus como

como oo dada ggripe

ripe qqueue ent

entrara

ttoottaalmente

lmente dent

dentroro dada célula.

célula.

os os ví Como s s e e repr oduz repr oduz em? em? 

Como osos

Como

vírus

rus ssee

reproduz

repr

oduzem?

em?

AA ccéélula

lula at

atrav

ravésés dede seus

seus ribos

ribossomo

somoss

ee out

outros

ros elemen

elementtosos iirraa fafabrica

bricarr aass

pprot

roteínas

eínas dodo vvírus

írus ee seu

materia

teriall

seu ma

ggenét

enético.E

ico.Emm pouca

poucass hhora

orass ooccoorre

rre aa

llibera

iberaçãçãoo dede nonovvosos vírus

vírus..

os os ví Como s s e e repr oduz repr oduz em? em? 

PoPorr qqueue pegam

pegamooss gripe

gripe mmai

aiss ddee

umumaa vez?

vez?

Por

Porque

vez dede popossui

ssuirr DDNANA emem

que emem vez

sseueu int

inteerior,

rior, como

maiori

ioriaa dodoss

como aa ma

vírus,

vírus, el

elee aapres

present

entaa umum fila

filamen

menttoo

úúnico

nico dede

TTaall fat

fatoo lhe

lhe ccoonfere

nfere

ma tterrível

errível prop

propriedade:

riedade: ele

uuma

ele sese

ttoorna

rna umum vírus

vírus mu

muttant

ante.

e. EEnqnquauant

ntoo oo

DDNNAA possu

possuii uma

graande

nde esesttaabil

bilida

idade,

de,

uma gr

oo RRNNAA sof

sofrere mut

mutaaçõe

çõess fafacilmente.

cilmente.

Por isso

Por

isso,, eesses

sses vírus

vírus est

estããoo sempre

sempre ssee

"t"traransfo

nsforma

rmandndo"o",, oo que

que ddificult

ificultaa oo

nosso organismo de combatê-los

nosso organismo de combatê-los

Po Po r r q q ue ue pegam gripe m m ai d d e

OOss vvíríruuss pro

provovocamcam varias

varias

dodoença

ençass..

AoAo ininvvaadi

dirreemm aass células

células dede uumm

iindivíduo

ndivíduo eles

eles pr

prejudi

ejudiccaamm oo seu

seu

fufuncionam

ncionameent

ntoo cons

conseque

equent

ntement

ementee

rovooccaamm doen

pprov

doenççaass

EmEm ddefes

efesaa nos

orgaganis

nismmoo prod

nossoso or

produzuz

anticicoorpos

ant

rpos paparara comb

combaatter

er aass

pprot

roteínas

eínas dodo vvírus

írus..

O O s s v v ír ír u u s s pro varias do do

Como ccomba

Como

ombater

ter osos

rus

rus

NNããoo exexiiststemem med

medicicamameent

ntosos paparara

comb

combaatter

er vvíírruuss aapópóss aa ininfec

fecçãçãoo..

Seu

Seu

corpoo ttemem ququee prod

corp

produzi-los.

uzi-los.

Por

Por isso

isso aa melho

melhorr forma

forma ddee ccoomba

mbatte-

e-

llosos éé aatratravvésés ddaa prevençã

prevenção.

o.

Como c c omba Como omba ter ter os os ví ví rus rus  NNããoo

Referênci

Ref

erênciasas bbiibl

blioiográf

gráfiicas

cas

CRCRUZ,José

UZ,José Luiz

Luiz Carv

Carvalho

alho.P.Prrojeto

ojeto AArraribá

aribá:: Ciências,6ª

Ciências,6ª

serie.Editoraa MModer

serie.Editor

oderna-

na- PPrrimimeeiirraa edediição

ção-- São

São PPaulo

aulo,2006

,2006

BABARROS,C

RROS,Caarlos.O

rlos.Oss sere

seress vviivvos-

os- lilivvrroo dodo prof

professor

essor.6ª

.6ª

serie.Editoraa Ática-5

serie.Editor

Ática-53ª

3ª ed.São

ed.São PPaaul

uloo,199

,1999.

9.

Ref erênci Ref erênci as as b b i i bl bl io io gráf gráf