Você está na página 1de 10

A INTELIGÊNCIA

A inteligência é uma função


mental complexa, que depende
de raízes genéticas e ambientais.
O grau de inteligência pode ser avaliado
por:
1- Quanto melhor e mais rapidamente acontece a
compreensão

2- Quanto maior o campo de informações que é


abarcado e integrado

3- Quanto mais rapida e adequadamente é conseguida


a adaptação a situações existenciais novas
A inteligência na:

- Demência
A inteligência na:

- Esquizofrenia
A inteligência :

- Nos transtornos
-de humor
Retardo mental
1- Profundo: QI < 20 - 1 a 2%

2- Grave: QI entre 20 e 30 - 3 a 4%

1-Desenvolvimento motor e neuropsicológico bastante


prejudicado;
2- Dificuldades graves da capacidade comunicativa;
3- Aprendizado básico de cuidados pessoais e higiene,
mas precisam de supervisão constante;
4- Apresentam com frequência epilepsia e problemas
neurológicos e físicos
Retardo mental

3- Moderado: QI entre 35 e 49 (10%)

- Desenvolvimento psicomotor e de linguagem


lentificados ou incompletos;
- Aquisição escolar bastante limitada;
- Podem realizar tarefas práticas simples supervisio-
nados
- Raramente conseguem vida adulta independente;
- Conversas simples e gosto pela interação social;
- Epilepsia e problemas neurológicos são comuns
Retardo mental

4- retardo mental leve: QI entre 50 e 69 - 85%

- São capazes de usar a fala adequadamente no


dia a dia;
- Podem ser tortalmente independentes em relação
aos cuidados pessoais;
- Habilidades práticas e domésticas normais;
- Podem executar trabalhos que requeiram mais
habilidades práticas que intelectuais;
-Problemas específicos de leitura e escrita;
-Dificuldades de raciocínio abstrato e lógico
-Imaturidade para as funções adultas.
- Inteligência limítrofe