Aula: Antecedentes Históricos da Administração Livro utilizado

:
CHIAVENATO, Idalberto. Teoria Geral da Administração. Rio de Janeiro: Campus, 1999. Cap. 2

Professora: Desire Blum Menezes, MSc. (Fundamentos da Administração)

Abordagens:
• Mostrar a história e incipiente preocupação com a Administração da Antiguidade; • Alinhar a influência dos filósofos, da igreja, das organizações militar e dos economistas liberais.

Referências Históricas
• Egito: construção das pirâmides - 3000 a C. Resolução de problemas de administração de mão de obra, logística e uso de arquitetos. China: soluções inovadoras em sua administração pública (2000 a C) – princípio da assessoria: técnica de aconselhamento com os assessores e delegação às autoridades para resolução de problemas. / Utilização dos princípios de Confúcio (500 a C) – a importância das pessoas está no mérito (conhecimento) – base da burocracia. Babilônia: criação do código do rei babilônico Hamurábi (leis) 1800 a C. Preocupação com a administração de venda Grécia: (500 a C) preocupação com a democracia e ética na administração pública.

• • •

Antigos Filósofos:
• Sócrates (470 q 399 a.C.) reconhece a Administração como uma habilidade pessoal. Platão (429 a 347 a.C), seu discípulo, expõe seu ponto de vista sobre a forma democrática de governo e de administração dos negócios públicos. Preocupa-se profundamente com os problemas políticos e sociais inerentes ao desenvolvimento social e cultural do povo grego. Aristóteles (384 a 322 a.C) era discípulo de Platão, escreveu no seu livro: Política, as 3 formas de administração pública: – Monarquia (governo de um só), – Aristocracia (governo de uma elite) e – Democracia (governo do povo)

Francis Bacon (1561 – 1626) fundador da Lógica Moderna (métodos experimental e indutivo) Thomas Hobbes (1588-1676) – defendeu a idéia do governo absoluto em função de sua visão pessimista da humanidade “na ausência do governo, os seres humanos tendem a viver em guerra permanente.....em conflito permanente...pela sobrevivência”. René Descartes (1596 – 1650) (métodos cartesiano), livro “O Discurso do Método”
– – – – Princípio da Dúvida Sistemática ou da Evidência Princípio da Análise ou de Decomposição Princípio da Síntese ou da Composição Princípio da Enumeração ou da Verificação

Jean-Jaques Rosseau (1712-1778) , desenvolveu a teoria do Contrato Social (acordo entre os membros) Karl Marx (1818-1883) e Friedrich Engels (1820-1895) propõem uma teoria da origem econômica do Estado. Segundo Marx, todos os fenômenos históricos são o produto das relações econômicas entre os homens.

A Organização Militar
• princípio da unidade de comando: cada subordinado só pode ter um superior a quem relatar escala hierárquica: escala de níveis de comando de acordo com o grau de autoridade e responsabilidade correspondente (Napoleão : estava convencido de que a obediência cega jamais leva a uma execução inteligente de qualquer coisa) o princípio de direção: todo soldado deve saber perfeitamente o que se espera dele e aquilo que deve fazer

Revolução Industrial – 1776: Inglaterra
• • • • • • invenção da máquina a vapor: James Watt (a partir de 1776) mudanças profundas na estrutura social e comercial da época. Conseqüências: substituição do artesão pelo operário especializado; as oficinas tornaram-se fábricas; crescimento das cidades, dando origem a necessidade de administração pública; • surgimento dos sindicatos; • expansão dos meios de transporte e de comunicação (Morse, telégrafo e Graham Bell, telefone) • avanço tecnológico – aplicações dos progressos científicos à produção, e início da atuação dos gerentes profissionais – administradores.

Influência da Revolução Industrial
• Revolução Industrial pode ser dividida em 2 épocas: – 1780 a 1860: 1ª Rev. Ind. ou Rev. do carvão e do ferro • 1ª fase: a mecanização da industria e da agricultura • 2ª fase: aplicação da força motriz à indústria • 3ª fase: desenvolvimento do sistema fabril • 4ª fase aceleramento dos transportes e das comunicações – 1860 a 1914: 2ª Rev. Ind. ou Rev. do aço e da eletricidade. • Desenvolvimento de novo processo de fabricação de aço (1856) • Aperfeiçoamento do dínamo (1873) • Invenção do motor de combustão interna (1873)

Revolução Industrial
• A organização e a empresa moderna nasceram com a Revolução Industrial, devido fatores como:
– A ruptura das estruturas corporativas da Idade Média; – Avanço tecnológico; – Substituição do tipo artesanal por um tipo industrial de produção.

Influência dos Economistas Liberais
• Término de XVIII – Revolução Francesa • Liberalismo – as idéias liberais decorrem do dirito natural: a ordem natural é a ordem mais perfeita • A livre concorrência é o postulado principal do liberalismo econômico • Adam Smith (1723-1790), fundados da economia clássica, cuja idéia central é a competição (livro Riqueza das Nações)

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful