Você está na página 1de 19

Alunos: Marcelo Ribeiro Grecco Thiago Hiromoto

A cmara de nuvens um detector onde traos produzidos por partculas subatmicas podem ser vistos a olho nu.

Charles Thomson Rees Wilson em 1911

O que ele pensou ?

J estou estudando para sub

Charles Thomson Rees Wilson


Ele observou o comportamento dos gases em mudanas bruscas de presso. Tal experimento foi inspirado pelo efeito da luz do sol nas nuvens das montanhas que ele observava nos seus tempos de meteorologista, que ele buscou reproduzir em laboratrio

MODELO CAMARA DE NUVEM

Cmara por difuso

Funcionamento
As trilhas que vemos na cmara so feitas de molculas de lcool que se condensam como a gua se condensa em uma nuvem (da o nome). Uma partcula subatmica ejetada pelo material radioativo sai em linha reta. Ao passar por uma molcula de ar ou lcool, a partcula pode arrancar um ou mais eltrons da molcula, ionizando-a. Esses ons, ao se formarem, atraem as molculas de vapor que esto nas proximidades, condensando-as em forma de gotculas bem pequenas. So essas gotculas que espalham a luz e formam as trilhas indicando o caminho por onde passou a partcula subatmica.

Demonstrao

Descoberta
Em 1932, o americano Carl Anderson examinando trilhas deixadas por raios csmicos em uma cmara de nuvens, observou algumas bifurcaes. Na presena de um campo magntico, essas trilhas bifurcastes se encurvam em sentidos opostos, como aparece na figura. Isso uma indicao de que so devidas a partculas de mesma massa e cargas opostas. Como uma delas, pelas caractersticas da trilha, era certamente um eltron, Anderson chamou a outra, com carga positiva, de "psitron"

Curiosidade
O psitron foi a primeira antipartcula descoberta mas, em anos subsequentes, surgiram outras. Em 1959, no mesmo laboratrio onde Anderson descobriu o psitron, Chamberlain e Segr encontraram o antiprton. No ano seguinte, outros fsicos descobriram o antinutron. Hoje, j garantido que toda partcula tem sua antipartcula.

Principais fenmenos presentes em uma cmara de nuvens

Partculas de baixa energia

Eltrons de ionizao

Prtons

Partculas de alta energia

Decaimento nuclear

Demonstrao

Obrigado ate a sub