Você está na página 1de 8

A VID A POL ÍT IC A

• Popul ar me nt e, en ten de -se po lí tica co mo a “ar te de


gover nar ;
• A pa lav ra polít ica origi na- se do gr ego “po li s” qu e
si gn ifica cid ad e;
• Po lít ica é a at iv id ad e que se refer e à ge st ão do bem
púb lico ;

Em ge ral, nos omit imo s em rel ação aos


pro nlema s so ci ai s, dei xan do, unicamen te, ao s
polí tico s a tar ef a de reso lvê -lo s

• O po der DES PÓT ICO


PRÓPRIO DO DÉPOTA = Tirano

Na an tig uid ad e vi go ra va o poder do despó ti co ou


pat ria rcal
• O dé sp ota co ncentr a em su as mãos :
• Poder eco nô mico : a orige m do poder
su st en tad a na propr ied ad e das ter ras
(escr av is ta s e feuda is)
• Pode r mil it ar: co ncen tra a chefia do exé rci to
e a de cisã o en tre a g uer ra e a paz;
• Po der rel ig ioso : desi gn ado pel os deu se s;
dest a forma ev it a r evo ltas popula re s
Re i

Sacer dote Ca pi tão


• Com a ev olu ção das so cie da de s os rei s pas sar am a
dele ga r po de re s;
• Dist rib uiçã o de poder es ent re famil iar es;
• Sacer do te s: po der reli gi oso
• Guer rei ro s: po der mi li tar
• Sen hores de terr as: po der do s escr avo s e
pro dução
• Todos pr es tav am jurame nto ao rei
• Pa gav am tribu tos
• a propr ied ad e da ter ra exi st ia s obr e du as formas :
• Pr opri eda de pr ivad a: de do mí ni o pe sso al do re i
• Pro pr ieda de co let iva : qu e pa gava m trib uto s ao re i
em troca de proteção
• O co nt role. .. . Um funci oná rio do rei
per co rri a as ter ras, fazi a as ano ta çõ es da
pro dução , recolh ia os tribu tos e su foca va as
rev olt as.. .. . Nasci a a bu rocr acia
• Exé rci tos e funci onár ios cust ead os pel o re i; a
est rutur ação da máq uina po líti ca (funcio nali smo )
• Car act er íst icas do pode r de spó ti co :
• au torid ad e ú nica
• mág ica : so brena tur ai s
• her ed it ar ied ade: pri mo gên ito
• tra nscen den te: s abi a tu do, vi a tudo

A IN VEN ÇÃO PO LÍTICA

• Oco rre u co m o fim da centr ali zação do poder nas


mão s do r ei
• 3 as pe ctos r ele va nte s pa ra a inve nçã o da po líti ca :

• A forma da pr oprie da de da te rra :

• fim d os feu do s
• pr oprie dade s indep en den tes
• Urb an izaçã o:

• Div isã o de cla sse social:


• pr oprie tá rio s ag rár io s
• ar tesã o e comer ciant es
• mass a assal ar iad a
• não propri et ári os (pobr es)
• Co nfront o ent re cl as se ( R X P)
• Os conf ro nto s socia is urban os cad a vez ma is
int ens os
• A reso luçã o est ava na po lít ica
• Po lí tica co mo i nst rum en to da ge st ão públ ica
• Div isã o ter rit orial da s cid ad es:
•Objet iva va a red uçã o do po der
das cl ass es rica s;
•At end er as clas ses care ntes
Esta bel eci mento Ro ma
Plebe, tinha o
da div isã o direito de eleger
ter rit orial da um representante,
po lis para defender seus
Tr ibus
interesses:
Trib uto a pleb e

Uni da des Oli ga rqu ia


so ci opolít icas
At ena s

Aos natos, direito


De mo s Tr ibus De mo s de participarem
DI RE TAM EN TE,
da vida política

Demo cracia
• Neste co ntext o temo s a evo luçã o do po der
desp ótico par a o po der polít ico

poder d espót ico poder pol ít ico

Autoridade pessoal Poder impessoal público


privada – patriarcal
Hereditariedade Eleições entre os cidadãos
Composição da tríade: Divisão dos poderes:
político/econômico/militar militar e civil, 1º
subordinado ao 2º
Autoridade mágico- Poder laico, impedindo a
religiosa divinização dos
governantes
• Co m a po lí tica cr iar am a id ei a e a prá tica da LEI
co mo expr essão de uma vo ntad e co let iva pú bli ca
• O go ver no não é mai s reg id o pel a vontade pe sso al
da au torid ad e
• Co nfere- se ao Est ad o (ins tâ ncia i mp esso al e
co let iv a) o uso exclu si vo d a f orça
• Pu nir, mat ar , rep ri mi r, em nome da co le tiv id ad e
• Fi m da just iça co m as próprias mão s
• Co m a po lí tica nascer am todas as insti tuiçõ es
pub licas qu e co mp õem o po de r públ ico (trib unai s,
ass emb lé ia s. .. )