Você está na página 1de 28

Micróbios

  • Micróbios são seres de reduzidas dimensões só observáveis com o auxílio do microscópio. Alguns deles são patogénicos porque provocam doenças.

Vírus Bactérias Protozoários Fungos
Vírus Bactérias Protozoários Fungos
Vírus Bactérias Protozoários Fungos
Vírus Bactérias Protozoários Fungos

Vírus

Bactérias

Protozoários

Fungos

1
1

Bactérias

  • São microrganismos unicelulares

  • Podem viver isolados ou em colônias (várias bactérias juntas)

  • responsáveis pela maior parte das doenças infecciosas, tais como a tuberculose, a cárie dentária, a cólera e algumas pneumonias.

Colónia de bactérias Esquema de uma bactéria
Colónia de bactérias Esquema de uma bactéria

Colónia de bactérias

Esquema de uma bactéria

2
2

Vírus

São os microrganismos mais pequenos que existem, observáveis ao microscópio electrónico.

Têm uma estrutura muito simples que consiste apenas

numa

cápsula

que rodeia o material genético. Para se reproduzirem,

têm

de

invadir uma célula

e,

por isso,

chamam-se parasitas

intracelular

Vírus na parede de uma bactéria Esquema de um vírus
Vírus na parede de uma bactéria Esquema de um vírus

Vírus na parede de uma bactéria

Esquema de um vírus

3
3

Protozoários

São seres unicelulares que têm núcleo diferenciado, membrana celular e citoplasma.

Ameba 4
Ameba
4

Processo Preventivo

Vacinação

  • Processo que visa provocar o aparecimento de anticorpos no nosso organismo, tornando-o imune a determinadas doenças.

Processo Preventivo Vacinação  Processo que visa provocar o aparecimento de anticorpos no nosso organismo, tornando-o

A

vacina

é

constituída

por

micróbios mortos ou atenuados

na sua virulência.

  • Cria a imunidade adquirida.

5
5

01-05-2014

Prof. Carlos Palma

Fungos

São seres pluricelulares, exceptuando as leveduras que são unicelulares. São formados por células filamentosas com núcleo organizado.

Unicelulares

Pluricelulares

Leveduras utilizadas no fabrico da cerveja Bolores 6
Leveduras utilizadas no fabrico
da cerveja
Bolores
6

01-05-2014

Prof. Carlos Palma

O RELHA - DE - PAU

ORELHA-DE-PAU

O RELHA - DE - PAU

Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na produção de alguns queijos (como o gorgonzola, o camembert e o roquefort).

Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na
Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na
Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na
Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na
Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na
Participam na produção de pães e de bebidas alcoólicas, além de terem uma pequena participação na

14

Corpo de frutificação Parte visível do fungo, responsável pela reprodução do mesmo. Os esporos são as

Corpo de frutificação

Parte visível do fungo, responsável pela reprodução do mesmo.

Os esporos são as estruturas de dispersão

dos fungos, são as suas

“sementinhas” .

Corpo de frutificação Parte visível do fungo, responsável pela reprodução do mesmo. Os esporos são as

Micélio

Conjunto de filamentos

(hifas), parte “invisível” do

fungo

Corpo de frutificação Parte visível do fungo, responsável pela reprodução do mesmo. Os esporos são as
Corpo de frutificação Parte visível do fungo, responsável pela reprodução do mesmo. Os esporos são as
Pão mofado
Pão mofado
Laranja mofada
Laranja mofada

Fruta mofada

Pão mofado Laranja mofada Porque fazem digestão extracorpórea 8

Porque fazem

digestão

extracorpórea

Pão mofado Laranja mofada Porque fazem digestão extracorpórea 8

8

9

9

12
12
13
13
→ Como decompositores da matéria orgânica morta. Recicladores de nutrientes no meio ambiente.
→ Como decompositores da matéria orgânica morta. Recicladores de nutrientes no meio ambiente.

Como decompositores da matéria orgânica morta. Recicladores de nutrientes no meio ambiente.

→ Como decompositores da matéria orgânica morta. Recicladores de nutrientes no meio ambiente.
Ferrugem do café Micose de pele ou pé-de-atleta Pé-de-atleta

Ferrugem do café

Micose de pele ou pé-de-atleta

Ferrugem do café Micose de pele ou pé-de-atleta Pé-de-atleta
Ferrugem do café Micose de pele ou pé-de-atleta Pé-de-atleta

Micose de unha

Pé-de-atleta

Ferrugem do café Micose de pele ou pé-de-atleta Pé-de-atleta
Recém-nascido com candidíase Paciente com HIV e com a candidíase (doença oportunista) 18

Recém-nascido com candidíase

Recém-nascido com candidíase Paciente com HIV e com a candidíase (doença oportunista) 18

Paciente com HIV e com a candidíase (doença oportunista)

Recém-nascido com candidíase Paciente com HIV e com a candidíase (doença oportunista) 18

ECOLOGIA

ECOLOGIA Introdução, Cadeias alimentares, Matéria e Energia no Ecossistema.

Introdução, Cadeias alimentares, Matéria e Energia no Ecossistema.

ECOLOGIA Introdução, Cadeias alimentares, Matéria e Energia no Ecossistema.
gr. OIKOS ESTUDO CASA, AMBIENTE  Ecologia é o estudo das interações dos <a href=seres vivos entre si e com o meio ambiente . " id="pdf-obj-17-2" src="pdf-obj-17-2.jpg">

gr. OIKOS

gr. OIKOS ESTUDO CASA, AMBIENTE  Ecologia é o estudo das interações dos <a href=seres vivos entre si e com o meio ambiente . " id="pdf-obj-17-6" src="pdf-obj-17-6.jpg">

ESTUDO

CASA, AMBIENTE

  • Ecologia é o estudo das interações dos seres

vivos entre si e com o meio ambiente.

gr. OIKOS ESTUDO CASA, AMBIENTE  Ecologia é o estudo das interações dos <a href=seres vivos entre si e com o meio ambiente . " id="pdf-obj-17-24" src="pdf-obj-17-24.jpg">

Importância do estudo da Ecologia

Racionalização da utilização dos recursos naturais

Controle da poluição urbana

Controle do crescimento das populações

* Melhoria da qualidade de vida

Importância do estudo da Ecologia Racionalização da utilização dos recursos naturais Controle da poluição urbana Controle

Meio Ambiente

Conjunto de condições que afectam a existência, desenvolvimento e bem-estar dos seres vivos.

Meio Ambiente Conjunto de condições que afectam a existência, desenvolvimento e bem-estar dos seres vivos. Artificiais

Artificiais

Meio Ambiente Conjunto de condições que afectam a existência, desenvolvimento e bem-estar dos seres vivos. Artificiais

Naturais

Meio Ambiente Conjunto de condições que afectam a existência, desenvolvimento e bem-estar dos seres vivos. Artificiais

Organismo

unicelular

pluricelular

Organismo pluricelular
Organismo pluricelular
  • POPULAÇÕES: conjuntos de indivíduos de

uma mesma espécie; ESPÉCIE: seres vivos semelhantes com capacidade de cruzar e gerar filhos.

  • COMUNIDADE: conjunto de populações;

  • ECOSSISTEMA: conjunto da comunidade e o

ambiente (fatores bióticos e abióticos);

  • BIOSFERA: é o conjunto de todos os

ecossistemas da Terra.

 POPULAÇÕES: conjuntos de indivíduos de uma mesma espécie;  ESPÉCIE : seres vivos semelhantes com

População conjunto de organismos da mesma espécie que vivem numa determinada área.

População – conjunto de organismos da mesma espécie que vivem numa determinada área.

Comunidade conjunto de organismos de espécies diferentes que vivem numa determinada área

Comunidade – conjunto de organismos de espécies diferentes que vivem numa determinada área

Biosfera conjunto de todos os ecossistemas

Biosfera – conjunto de todos os ecossistemas • Os níveis acima de organismo são objetos de

Os níveis acima de organismo são objetos de estudo da Ecologia.

Biosfera – conjunto de todos os ecossistemas • Os níveis acima de organismo são objetos de

Ecossistema =

Meio Ambiente (fatores abióticos)

Ecossistema = Meio Ambiente (fatores abióticos) + Comunidade (seres vivos)

+

Comunidade (seres vivos)