Você está na página 1de 15

ELABORAçãO

DE UM PLANO
DE
ACçãO
Práticas e Modelos de Auto-Avaliação
das Bibliotecas Escolares
A Biblioteca Escolar não se encontra isolada dentro da estrutura da escola. Ela
actua, participa, tem um papel crucial no meio onde está inserida.: escola /
comunidade.

Os seus resultados dependem em grande parte da estrutura interna, das condições


físicas e também dos recursos que tem para oferecer.

A BE tem que ser integrada nos planos estratégicos e nos objectivos


educacionais da escola.

O Professor Bibliotecário deverá intervir no desenvolvimento curricular


em cooperação com os alunos, desenvolvendo as diferentes literacias. A
planificação do trabalho com os professores é crucial para que a
Biblioteca possa articular as suas actividades com os diversos
departamentos.

É fundamental que o Professor Bibliotecário questione constantemente


práticas, pois só assim conseguirá delinear novos caminhos e traçar
novas estratégias.

Para vincar a importância da Biblioteca Escolar no panorama escolar, há


que mostrar resultados e uma das formas será através dos aplicação do
Modelo de Auto-Avaliação das Bibliotecas Escolares.
iagnóstico da Situaçã
Diagnóstico
oteca Escolar é difícil de ser realizado visto não haver registos de:

no anterior;
ções, materiais didácticos produzidos, materiais de divulgação e outr
, leitura presencial, requisição de equipamentos, actividades realizad
;
m coordenador nos últimos dois anos, sem política de gestão e q

ualizado e muito do material livro que encontramos encontra-se por

ontram bem definidas, não facilitando uma boa utilização deste espaç
Pelo ponto de vista dos utilizadores da Biblioteca
Escolar, as suas funções encontram-se deturpadas e
confundidas, bem como as reais funções de um
Professor Bibliotecário.

Dado ao exposto, existe uma enorme necessidade


de redefinir as linhas orientadoras da Biblioteca
Escolar.
Avaliação da
situação
Pontos fortes Pontos fracos Domínios de
intervenção
prioritária
•Fraca funcionalidade dos •Utilização livre da

Preservação do
• espaços. BE/CRE
•Fraca facilidade de acesso
material existente.
ao material. •Construção de
•Pouca variedade do material

livro / não livro. materiais


Cooperação entre o

•Desactualização do material.

SABE e as •Inexistência de impressos


•Gestão documental

bibliotecas próprios da Biblioteca


escolares do Escolar. •Actualização do

•Fraca autonomia na
concelho fundo documental
utilização do espaço da
Biblioteca Escolar de forma •Criação de
adequada. instrumentos de
•Inexistência de listagens de

assuntos temáticos avaliação.


Plano de Acção
Área de Objectivos Acções a
intervenção desenvolver
prioritária - Prever a abertura da
BE num horário alargado
Contribuir para uma de modo a fomentar a
utilização livre, utilização autónoma
autónoma e lúdica da BE pelos
alunos e comunidade
Utilização livre da  
BE/CRE    - Apoiar a utilização
Reforçar e ampliar o autónoma da BE como
papel formativo da BE instrumento de lazer e
de trabalho independente

-Criação de instrumentos
de avaliação da
utilização da BE
Área de Objectivos Acções a
intervenção desenvolver
prioritária - Fazer o levantamento,
com os docentes, das
Promover a colaboração oportunidades de
entre escolas/Be’s do colaboração com a BE, de
agrupamento acordo com as
  planificações, os planos
Colaboração/ -Apoiar as actividades curriculares das turmas e
Participação lectivas de ensino- os planos de aula, de modo
Pedagógica aprendizagem a integrar a utilização da
  BE nos tempos lectivos. 
-Contribuir para a  
plena inserção da BE - Organizar actividades
nas actividades conjuntas com outras
curriculares e Escolas do agrupamento.
pedagógicas da escola
- Criação de instrumentos
de avaliação
Área de Objectivos Acções a
intervenção desenvolver
prioritária
- Manter o Livro de Registo
actualizados
Assegurar o  
tratamento técnico •Avaliar a colecção existente

da Documentação
  -Recolher pedidos e sugestões de
Gestão Definir princípios aquisição de documentos junto da
Documental de política comunidade escolar
Documental   
  - Seleccionar novos recursos
Promover a (materiais livro, não livro,
utilização dos websites)
recursos documentais  
  - Promover a incorporação na BE de
materiais produzidos por alunos e
professores

- Criação de instrumentos de
sugestão de aquisição de material.
Área de intervençãoObjectivos Acções a
prioritária desenvolver
-Definir, de acordo com
as necessidades, um plano
Formação da Equipa Promover a formação da de formação (formal /
equipa informal) para os
  elementos da equipa.

-Ter em vista um plano


reuniões / debates sobre
a aplicação do Modelo de
auto-avaliação da
Biblioteca Escolar
Área de intervençãoObjectivos Acções a
prioritária desenvolver
- Organizar pequenas sessões
de sensibilização
e formação dos professores
para o uso da BE
Formação de Promover a formação
utilizadores de - Promover a formação dos
utilizadores docentes em
literatura para a infância e
técnicas de promoção
da leitura

-Promover sessões de
sensibilização dos
professores sobre a
aplicação do Modelo de Auto-
avaliação da Biblioteca
Escolar .
Área de Objectivos Acções a
intervenção desenvolver
•Escolha de um domínio a
prioritária
•Facultar um
avaliar
•Recolha de evidências
instrumento
Avaliação da -Gestão e interpretação
Biblioteca Escolar pedagógico e de
da informação recolhida;
melhoria -Inclusão da escola num
contínua

perfil de
- Identificar desenvolvimento
áreas de sucesso -Comunicação dos
e áreas mais resultados do relatório
fracas final de auto-avaliação;
-Elaboração de um Plano
de Melhoria
-Relatório final para a
RBE.