Você está na página 1de 32

PRESSÃO ARTERIAL - II

VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão (www.sbh.org.br)

Profª Thamy Braga

1

OBJETIVOS DA APRENDIZAGEM

 Compreender a importância da avaliação correta da PA;
 Conhecer a técnica de verificação e os materiais necessários

para a verificação da pressão arterial;

2

PORQUE MEDIR A PRESSÃO ARTERIAL?
• É um procedimento clínico que pode ser obtida no
contexto clínico, mediante técnicas simples;

Suas implicações diagnósticas e prognósticas são
importantes;

• Avaliação do débito cardíaco, da volemia, viscosidade do
sangue, elasticidade arterial, tonicidade e permeabilidade
das arteríolas;

3

diabéticos.Medir a PA em ambos os braços (Se ≠ usar maior valor) na posição sentada. .Medidas: ortostática e supina em Idosos.RECOMENDAÇÕES PARA DIAGNÓSTICO E SEGUIMENTO DA PA 1ª Avaliação: . 4 .Diferença de Pressão nos MMSS > 20mmHg para PAS e > 10mmHg para PAD : Investigar doenças arteriais. alcoolistas e/ou diabéticos. Considerar a média das duas últimas é a PA real. repetir a medida. Caso as PAS e PAD apresentem diferenças > 4mmHg. • Consultas subsequentes: . .Realizar 3 medidas.

Como se denomina a medida da pressão arterial que é realizada com auxílio de um estestocópio e de um esfigmomanômetro? 5 .

• Pode ser aferida direta ou indiretamente • A medida direta é utilizada de forma invasiva mediante a introdução de um cateter em uma artéria periférica • A medida indireta se faz com a utilização de um esfigmomanômetro de coluna de mercúrio ou aneróide e um estetoscópio. 6 .

PULSOS UTILIZADOS NA VERIFICAÇÃO INDIRETA DA PA 7 7 .

.

diferentes tipos de sons são perceptíveis com o estetoscópio. 9 9 . o que corresponde a diferentes graus de obstrução parcial da artéria.A técnica se baseia na percepção de que ao desinflar o manguito que oclui totalmente uma artéria.

Desaparecimento dos sons soprosos e surgimento de sons mais nítidos e intensos .FASES DE KOROTKOFF .Sucessão de sons soprosos. forte. ao qual se seguem batidas progressivamente mais fortes. bem definido.Som súbito. bem distintas e de alta frequência (Pressão Sistólica).Aparecimento do primeiro som. K I . mais suaves e prolongados K III . que aumenta em intensidade K II .

unb.br/fs/enf/nipe/korotkoffsom.html .FASES DE KOROTKOFF K IV . K V . são menos claros. Para ouvir os sons em casa: http://vsites. correspondendo ao momento do desaparecimento dos sons (Pressão Diastólica).Os sons tornam-se abruptamente mais suaves e abafados.Abafamento dos sons.

• A bolsa de borracha deve estar centrada sobre a artéria braquial. • O comprimento da bolsa de borracha deve corresponder a 80% da circunferência do braço. 1 12 . • A borda inferior do manguito deve estar 2cm acima da dobra antecubital (ângulo cubital).MANGUITO • A largura da bolsa de borracha deve corresponder a 40% da circunferência do braço.

MANGUITO • Manguitos estreitos em relação ao diâmetro do braço dão valores hiperestimados. • Manguitos de largura padrão são adequados para braços de circunferência acima de 33cm. • Manguitos mais largos em relação ao diâmetro do braço dão valores hipoestimados. 1 13 .

2010 14 14 .DENOMINAÇÃO DOS MANGUITOS DENOMINAÇÃO CIRCUNFERÊNCIA DO BRAÇO BOLSA DE BORRACHA Largura Comprimento Recém-nascido ≤ 10cm 4 8 Criança 11 – 15cm 6 12 Infantil 16 – 22cm 9 18 Adulto pequeno 20 – 26cm 10 17 Adulto 27 – 34cm 12 23 Adulto grande 35 – 45cm 16 32 FONTE: VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão Arterial.

• A coluna de mercúrio deve estar na posição vertical. • A coluna deve ser colocada ao nível dos olhos do observador.ESFIGMOMANÔMETRO • O manômetro de mercúrio é o instrumental mais adequado. • Testar anualmente manômetros aneróides contra os de mercúrio. 1 15 .

1 16 . • O diafragma ou a campânula do estetoscópio devem ser colocados de forma firme. • As olivas do estetoscópio devem ser colocadas voltadas para frente. 38.1cm. diretamente sobre a artéria braquial (nunca sob o manguito). no máximo.ESTETOSCÓPIO • As borrachas do estetoscópio devem ter.

PREPARO DO CLIENTE 17 .

• Indagar sobre controles anteriores e valor da PA habitual. • Explicar o procedimento. ingestão de bebidas alcoólicas. • Orientar descanso por 5 a 10 minutos. • Certificar-se sobre bexiga cheia. alimentos ou fumo (30 minutos).• Verificar se o local é privado. iluminado e com temperatura confortável. silencioso. café. 18 . prática de exercícios.

• Posicionamento: Sentado ou deitado • Apoiar o braço descoberto e levemente fletido. numa superfície firme • O braço deve ficar no nível do coração 19 .

• Verificar se a roupa não aperta o braço ou dificulta a colocação do manguito • Orientar para o cliente apoiar as costas na cadeira e descruzar as pernas. apoiar os pés no chão • Orientar para o cliente não conversar enquanto se faz a medida 20 .

POSSÍVEIS ERROS OBSERVADOR INDIVÍDUO AMBIENTE INSTRUMENTO 21 .

MEDIDA DA PRESSÃO ARTERIAL 2 22 .

pernas descruzadas 4º – Localizar as pulsações da artéria braquial.Lavar as mãos 2º – Identificar o paciente e se apresentar 3º – Explicar-lhe o procedimento 3º .1º .Posicionar o cliente confortavelmente com o antebraço apoiado no nível do coração e a região palmar para cima. 2 23 .

.ATENÇÃO! A PA aumenta quando o braço está abaixo do nível do coração e diminui quando está acima do nível cardíaco. A PA diastólica pode aumentar em 10% se o braço não estiver apoiado. Manguito frouxo pode resultar em leitura errada: falsa hipertensão.

Colocar o estetoscópio sobre a artéria braquial e insuflar o manguito cerca de 30mmHg acima do valor encontrado para a pressão sistólica pelo método palpatório.5º – Colocar o manguito 2 cm acima da fossa cubital. quando reaparece o pulso. A seguir.Fechar a válvula da pêra virando no sentido horário. 2 25 . tem-se o valor da pressão sistólica. 6ª – Palpar o pulso radial. 7º – Inflar o manguito até o desaparecimento do pulso radial. desinsuflar o manguito lentamente. 8º .

10º . O primeiro ruído auscultado equivale à pressão sistólica e o desaparecimento dos sons equivale à pressão diastólica. 12º – Lavar as mãos novamente.9º .Desinsuflar totalmente o manguito. 11º – Informar ao paciente. 2 26 .Desinsuflar o manguito lentamente. liberando a válvula de forma progressiva. guardar o material e registrar os valores.

IMPORTANTE REGISTRAR • Valor final dos níveis pressóricos • Largura do manguito • Membro utilizado • Posicionamento do cliente • Classificação da PA 2 27 .

2010 28 .VALORES DA PA em ADULTOS PAS (mmHg) PAD (mmHg) CLASSIFICAÇÃO 90-119 <120 60-79 <80 Ótima 120-129 <130 80-84 <85 Normal 130-139 140-159 85-89 90-99 Limítrofe* HAS estágio 1 160-179 100-109 HAS estágio 2 ≥180 ≥ 110 HAS estágio 3 * Pré-hipertensão FONTE: VI Diretrizes Brasileiras de Hipertensão Arterial.

29 .

CONCEITUANDO HIPERTENSO NORMOTENSO HIPOTENSO .

Quais as características do instrumental mais adequado para a medida da PA? .O que é pressão arterial? -Qual a importância da avaliação da PA? .Quais as principais causas de erro na verificação da PA? 31 .Quais os fatores determinantes da PA? .PARA ESTUDAR EM CASA .Exemplifique algumas situações que provocam alteração da pressão .Quais os métodos de verificação da PA? .

Bons Estudos! 32 .