Você está na página 1de 14

CURIOSIDADE, SEXUALIDADE E CURRCULO

Deborah Britzman

Lays Nogueira Perptuo


Jeferson Monteiro de
Andrade

Deborah Britzman
Professora
da
Faculdade
de
Educao York University, Canad.
Alguns livros de sua autoria:
O que esta coisa chamada
amor identidade homossexual,
educao e currculo

Sexualidade
e
cidadania
democrtica
A escola cidad no contexto da
globalizao.

A
SEXUALIDADE
QUALQUER

Cindy Patton :
espaos diferentes exerccio da sexualidades
diferente;
Oposio da sexualidade s fronteiras:
1. Sexualidade = movimento
E se trouxermos os locais das pedagogias do
sexo seguro para o cotidiano [...]a informao
real a ser dada nesses lugares comearia por
conceber os corpos como algo que se
movimenta entre espaos (p. 88)
2. Sexualidade cultura
A sexualidade no segue as regras da cultura,
mesmo quando a cultura tenta domesticar a
sexualidade. (p.89)
A GEOGRAFIA DA
3. Sexualidade curiosidade
SEXUALIDADE
A sexualidade permite desenvolver nossa

Afirma que AINDA h preocupao em


relacionar a geografia da sexualidade
com categorias construdas da cultura,
do gnero, da idade e do bairro;
O sexo culturalmente apropriado, mas
a cultura deve ser contestada, pois a
geopoltica da sexualidade recusa
estabilidade de fronteiras culturais,
nacionais, de gnero e sexuais. (p. 106)
A GEOGRAFIA DA
SEXUALIDADE

CONCEITOS DOS TEXTOS ANTERIORES;

QUEM

CABE

NO

NOSSO

CONCEITO

DE

HUMANO?
O QUE SE TORNA IMPENSVEL QUANDO A
SEXUALIDADE TEM UM LUGAR APROPRIADO?

A SEXUALIDADE
NO CURRCULO

Verses de
Educao
E se... Educao para
as
Sexual
sexualidades

Normativa
Sexualidade dessexuada;
Currculo em que tem certos tipos de sexo
como inteligveis, enquanto outros tipos so
relegados ao domnio do impensvel e do
moralmente repreensvel
Moralmente repreensvel?
Recorremos a Nietzsche quando explica a
genealogia da moral, como a conhecemos. O
conceito de bom surge dos homens bons, isto
, os nobres poderosos. Ideia essa que corre
paralelo ao que ruim, surgido a partir do que
inferior, plebeu (NIETZSCHE, 2009). Assim,
segundo o filsofo, houve uma transmutao das
ideias de superioridade de uns como bom e

Como consequncias:

Mas h resistncia...

Crtica;
No tolerada.

Verses de
Educao
Sexual

Sexualidade mais prxima da


dinmica da sexualidade e ao
cuidado de si;
Recusa ao eugenismo e higiene
social;
Envolvimento tico de educadoras/es
para uma educao sexual
Modelo
indistinguvel de uma prtica
deainda
liberdade e cuidado
de si - projeto
NO TOLERADO
tico.

Compreender o conhecimento como insuficiente e isso ser


estmulo curiosidade;
Toda aprendizagem tambm desaprendizagem;
Deve oferecer mais questes;
Identidades so produzidas;
Necessidade de pressupostos anti-racistas, anti-sexistas e antihomofbicas;
No temer as crianas como sendo pequenos investigadores
do sexo;
Sexualidade sendo movimento e os corpos viajantes;
Sexo ser mais que tpico especial;
Hiptese produtiva;
Geopoltica da Sexualidade;
exigente com professoras e professores;
Aceitar a ertica da pedagogia e do conhecimento.

Educao sociamente
relevante: Educao
efetiva

Você também pode gostar