Você está na página 1de 20

A CÉLULA E SEU

FUNCIONAMENTO

Objetivos do aprendizado

1. Revisar a organização celular.


2. Explicar brevemente a formação das organelas
celulares e suas funções.
3. Discutir os sistemas funcionais da célula.
CÉLULA NO MICROSCÓPIO ÓPTICO
PROTOPLASMA – conjunto de substâncias que
compõe a célula;

5 substâncias básicas que formam a célula:


- ÁGUA – presente em todas as células (exceção nas
adiposas) 70 a 85%;
- ELETRÓLITOS – fornecem substâncias químicas
inorgânicas para as reações celulares (potássio,
magnésio, fosfato, sulfato, bicarbonato e peq.
quantidade de sódio, cloreto e cálcio);
- PROTEÍNAS – subst. mais abundante depois da
água, 10 a 20% da massa celular – Globulares
(enzimas) e Estruturais (fio de cabelo);
- LIPÍDIOS – mais importantes: fosfolipídios e
colesterol (formam a membrana celular) 2% da
massa celular total;
- CARBOIDRATOS – nutrição celular (1%).
Estrutura física
da célula
ESTRUTURA DA MEMBRANA CELULAR
MEMBRANA CELULAR

 Estrutura fina e elástica (7,5 a 10 nm);


 Formada por proteínas (55%),
fosfolipídios(25%), colesterol (13%), outros
lipídios (4%) e carboidratos (3%);
 Bicamada lipídica (fosfolipídios);
 Porção hidrofílica (fosfato) e porção
hidrofóbica (ácidos graxos).
ESTRUTURA DO RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO
E COMPLEXO DE GOLGI
RETÍCULO ENDOPLASMÁTICO

- Estrutura tubular e vesicular achatada;


- Membrana semelhante a membrana celular;
- Matriz endoplasmática;
- Possuem sistemas enzimáticos fixados a
membrana - função metabólica da célula.

Retículo endoplasmático granular – possuem ribossomos


(atuam na síntese celular de proteínas - glicopoteínas)
Retículo endoplasmático agranular – atua na síntese de
lipídio (fosfolipídios e colesterol) e em processos enzimáticos
(degradação do glicogênio e detoxificação)
APARELHO DE GOLGI

- Relacionado ao RE;
- Membrana semelhante ao RE agranular;
- Formado por 4 camadas empilhadas de
vesículas achatadas situadas próximo ao
núcleo;
- As vesículas RE se fundem ao Aparelho de
Golgi. As subst. transportadas são
processadas no Aparelho de Golgi e formam
os lisossomos;
- Sintetiza carboidratos – ácido siálico e
galactose.
FORMAÇÃO DE SUBSTÂNCIAS
LISOSSOMOS
LISOSSOMOS

- Organelas vesiculares;
- Sistema digestivo intracelular;
- Possuem membrana da bicamada lipídica;
- Contém enzimas digestivas (hidrolases);
- Digere proteínas, carboidratos, lipídios e
derivados.
PEROXISSOMOS

DIFERENÇAS DO LISOSSOMO:

- Formados por auto-replicação ou


brotamento pelo REL e não pelo aparelho
de Golgi;
- Contém oxidases e não hidrolases;
- Formam o peróxido de hidrogênio (H2O2) –
substância oxidante que em associação
com outras enzimas (catalase) ajuda a
oxidar substâncias tóxicas às células.
VESÍCULAS SECRETORAS

-Substâncias não ativas produzidas pela célula


que é liberada através da membrana e
posteriormente é ativada para executar suas
funções.

Ex.: proenzimas protéicas secretada pelas células


acinares pancreáticas. No duodeno são ativada
para executar sua função digestiva
ESTRUTURA DA MITOCÔNDRIA

(Câmara externa)
MITOCÔNDRIA
- Bicamada lipídica;
- Presença de cristas – fixam enzimas
oxidativas;
- Matriz (cavidade interna) contém grande
quantidade de enzimas digestivas necessária
para extrair energia dos nutrientes (glicose, aa
e ácido graxos) e do oxigênio;
- As cristas possuem enzimas oxidativas -
produzem oxidação dos nutrientes e formam
CO2 e H2O – energia é usada para formar o
ATP;
- Auto replicativas (conforme necessidade de
ATP), possuem DNA.
FORMAÇÃO DE ATP NA CÉLULA

(glicólise)

(Ciclo de Krebs)
UTILIZAÇÃO DE ATP NA CÉLULA

 Transporte de substâncias
através da membrana;
 Síntese de compostos químicos;
 Fornecer energia durante a
contração muscular.
ESTRUTURA DO NÚCLEO

- Centro de controle da
célula;
- Contém grande
quantidade de DNA;
- Controla a reprodução;
- Determina as
características das
proteínas celulares.
NÚCLEOLO

-Estrutura fracamente
corada;
- Não apresenta
membrana limitante;
- Contém grande
quantidade de RNA e
proteínas